Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda? Escrita por Walther Negrão e com direção de Dennis Carvalho, Como uma Onda foi ao ar de novembro de 2004 a junho do ano seguinte. O teaser da novela anunciava que “o amor é como o mar e vem aí como uma onda” fazendo uma alusão ao nome da novela e do que se tratava: o amor. Tida como a primeira novela da TV Globo a ser protagonizada por um estrangeiro, a trama tinha o ingrediente essencial das obras de Walther Negrão, as aventuras. A abertura tinha, como já era de se esperar, a canção de Lulu Santos como tema e tinha um estilo minimalista mostrando uma onda no meio da tela com cenas do litoral catarinense, onde desenvolvia a história. Confira:

Sinésio (Hugo Carvana) e Mariléia (Denise Del Vechio) resolvem fazer uma viagem com as filhas para Portugal. Com atitudes e gostos totalmente diferentes, as meninas ainda assim se entendem. Nina (Alinne Morais) é mais doce, delicada, mas também corajosa e fiel.

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

Enquanto isso, Lenita (Mel Lisboa) é mimada, pouco confiável e vulnerável.

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

As duas conhecem o português Daniel (Ricardo Pereira) durante o percurso e acabam se apaixonando por ele. Mas o modo como eles se conheceram não foi nada convencional.

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

Ele namorava Almerinda (Joana Solnado), filha de um homem tradicional que não aceita o relacionamento dela com Daniel, por conta do pai do rapaz ser um desertor e um “traidor da pátria”, por ter recusado uma convocação do exército.

Quando o pai de Almerinda descobre o envolvimento às escondidas dos dois, ele manda seus capangas atrás do casal e Daniel tem de fingir ser guia turístico para fugir do perigo.

Nesse momento ele encontra a família de Sinésio, e como consequências, as meninas que iriam mexer com sua vida. Um tempo depois, os capangas do pai de Almerinda conseguem enfim pegar Daniel, batem nele e o jogam num navio que partia para o Brasil.

Por coincidência – ou não, já que é uma novela -, ele está no mesmo barco que Nina e Lenita. As duas se sensibilizam com ele e o ajudam a fugir da polícia, pois ele está como clandestino.

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

Mas Daniel, assustado resolve se jogar ao mar na tentativa de não ser pego. Seu corpo é levado até uma vila de pescadores de Santa Catarina.

Desconfiado, ele resolve se juntar a um grupo de mendigos e durante suas caminhadas sem rumo, encontra Lenita que o resgata e o leva para casa, onde ele passa a trabalhar como mordomo.

Nesse momento surge algo a mais entre ele e Nina, para desespero de Lenita, e do namorado de Nina, o poderoso Jorge Junqueira (Henri Castelli).

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

JJ, como é conhecido na região é o terro do local. Ele é sócio de Sinésio numa empresa de pesca, na qual explora os pescadores locais. A situação de Nina piora quando ela descobre que seu pai está quase falido e é ameaçado por JJ de perder tudo, caso ela não se case com ele.

As coisas complicam mais para Daniel e Nina com a chegada de Almerinda, grávida do rapaz. Ela passa por maus bocados ao longo da trama e termina a novela ao lado de um neuro cirurgião que a opera por conta de um aneurisma.

E as artimanhas de JJ não são apenas contra Nina, ele manipula sua própria irmã, Maria da Encarnação (Bianca Byington).

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

Ela teve um filho com um homem aventureiro e preso injustamente, mas JJ nunca aceitou. Com isso, ela cria o menino como se fosse adotado, sendo que na verdade ele é filho biológico da mulher.

O pai do garoto, Sandoval (Herson Capri) nunca soube da existência do menino.

Quando sai da prisão ele volta em busca de reconstruir sua relação com Encarnação, mas com as proibições de JJ, ele acaba se envolvendo com Lavínia (Maria Fernanda Cândido).

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

Ela era casada com o líder dos pescadores, Amarante (Kadu Moliterno). Porém, durante uma tempestade, ele acaba se perdendo no mar e todos acreditam que ele esteja morto. Na verdade ele foi resgatado por Ylana (Amanda Lee), que se apaixona pelo náufrago, passa a cuidar dele e eles começam a ter um caso, já que ele não se lembra de Lavínia, por conta de uma perda de memória.

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

Amarante é filho de Francisquinha (Laura Cardoso), a matriarca da aldeia que é cega, mas consegue ver o que realmente se passa na alma das pessoas.

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

Na aldeia ainda mora Floriano (Cauã Reymond), um homem simples, porém muito atraente que chama a atenção das moças do local. Mas ele só tem olhos para Rosário (Sheron Menezes), uma boa moça que sonha em se casar virgem, apesar de todas as provações pelas quais ela passa.

Floriano é irmão da temperamental Amanda (Fernanda de Freitas), uma moça sem grandes maldades, mas que não poupa aqueles que pisam em seus calos.

Ela trabalha numa agência de mergulho e passa a conviver com pessoas com um nível social maior do que o seu e de sua família.

Indo contra os planos de sua mãe, Amanda acaba se envolvendo com o dono da agência, o boa pinta Rafael Prata (Sérgio Marone).

O relacionamento dos dois sofre um baque quando Rafael começa a se interessar por Júlia (Maytê Piragibe), filha de Lavínia com um caso passageiro do passado, mas que foi criada como filha por Amarante.

Além dos problemas com Amanda, Rafael ainda tem sérios atritos com seu irmão Conrado (Gustavo Haddad). Ele não concorda que o irmão trabalhe na empresa de JJ, sendo tão íntimo do vilão da trama. Conrado namora Lenita, mas só porque convém à moça, já que ela não gosta muito do rapaz, ainda mais depois da chegada de Daniel.

Conrado e Rafael são filhos do médico Dr. Prata (Marcos Caruso) e de Alice (Débora Duarte). O pai não esconde que sente mais afinidade com Conrado, pelo estilo sério, diferente do filho Rafael, que é um aventureiro e segundo ele, não quer nada com a vida.

Dentre os personagens secundários o destaque foi pra dupla Quebra-queixo (Ernani Moraes) e Querubim (Dudu Azevedo), o neto de Francisquinha. Eles foram responsáveis pelo núcleo cômico da história.

Destaque ainda para o tal fantasma do velho Bartô (Elias Gleizer). Na realidade o homem estava bem vivo, mas por morar em um caverna, as crianças acreditavam que ele tinha 300 anos. O fato é que ele era companheiro do marido falecido de Francisquinha, com quem ele vivia uma busca desenfreada por ouro no fundo do mar.

Curiosidades: Um grande mistério povoou os últimos meses da trama, com a morte de JJ. Foi um dos poucos “Quem matou?” do horário das seis. Depois de 35 anos, Walther Negrão voltava a trabalhar com Dennis Carvalho.

Os primeiros atores escalados para darem vida aos personagens Nina, Lenita,Sinésio e Encarnação eram, respectivamente, Priscila Fantin, Deborah Secco, Lima Duarte e Isabela Garcia.

A indústria de pescado da novela existia na vida real, só que com outro nome, e está localizada abaixo da tão famosa ponte Hercílio Luz, na capital catarinense. 

Trilha Sonora: As trilhas lançadas foram muito boas e tiveram grande repercussão. No disco nacional os sucessos ficaram por conta da canção da abertura na voz de Lulu Santos, da versão de “Pra você eu digo sim” de Cídia e Dan, para “Prova de amor” dos Titãs, “Nua” de Ana Carolina e “Grão de Amor” na voz de Marisa Monte e Arnaldo Antunes. Confira:

  1. Supernova – Skank (tema de Rafael)
  2. Nua – Ana Carolina (tema de Nina)
  3. Grão de Amor – Arnaldo Antunes & Marisa Monte (tema de Nina e Daniel)
  4. Provas de Amor – Titãs (tema de Lenita)
  5. O Mesmo Amor – Fábio Nestares (tema de Floriano e Rosário)
  6. Faz de Conta – Fagner (tema de Sandoval)
  7. Jardim de Cores – LS Jack (tema das crianças)
  8. Sonhando o Futuro – Beto Guedes (tema de Júlia) 
  9. Vira Virou – Banda Crase (tema de Daniel)
  10. Pra Você Eu Digo Sim (If I Fell) – Cídia & Dan (tema de Júlia e Querubim)
  11. A Lua Girou (Sobre Tema Folclórico) – Milton Nascimento (tema de Lavínia e Amarante)
  12. Navega Coração – Rafaella (tema de Encarnação)
  13. Como Uma Onda (Zen Surfismo) – Lulu Santos (tema de abertura)
  14. Rua da Praia – Due Angeli 
  15. O Amor e o Mar – Due Angeli

O disco internacional contava com uma faixa em português de Paulo Ricardo, que foi tema de Nina e JJ. Além dessa música, tinha outros grandes sucessos como “Other Side of The World” da KT Tunstall, “Sitting, Waitting, Wishing” do Jack Johnson, “Sunday Morning” do Maroon 5 e “Somewhere Only We Know” do Keane. Confira: 

  1. Sunday Morning – Maroon 5 (tema de Daniel)
  2. Sitting, Waiting, Wishing – Jack Johnson (tema de Floriano)
  3. Fields Of Gold – Maxi Priest (tema de Lavínia e Amarante)
  4. Other Side Of The World – KT Tunstall (tema de Almerinda)
  5. Somewhere Only We Know – Keane (tema de Rafael e Amanda)
  6. Stay With Me – Libera (tema de Quebra-Queixo)
  7. Angie – Rolling Band
  8. Right To Be Wrong – Joss Stone (tema de Nina e Daniel)
  9. My Boo – Usher & Alicia Keys (tema de Lenita)
  10. I'll Do It Right This Time – Sun Coast
  11. What You're Made Of – Lucie Silvas
  12. One – Joe Cocker
  13. Te Quiero – Erotik
  14. Eu Quero Te Levar – Paulo Ricardo & PR.5 (tema de JJ)

Como uma Onda

  • RICARDO PEREIRA – Daniel CascaesALINNE MORAES – Nina (Mônica)HENRI CASTELLI – JJ (Jorge Junqueira)HERSON CAPRI – SandovalMARIA FERNANDA CÂNDIDO – LavíniaKADU MOLITERNO – Antônio AmaranteHUGO CARVANA – Sinésio PaivaDENISE DEL VECCHIO – MariléiaLAURA CARDOSO – FrancisquinhaBIANCA BYNGTON – EncarnaçãoMEL LISBOA – LenitaJOANA SOLNADO – AlmerindaELIAS GLEIZER – Velho BartôTATO GABUS MENDES – Pedroca do Espírito SantoLOUISE CARDOSO – IdalinaCAUÃ REYMOND – FlorianoSHERON MENEZES – RosárioERNANI MORAES – Quebra-Queixo (Lauriclenis)DUDU AZEVEDO – QuerubimMAYTÊ PIRAGIBE – JúliaFERNANDA DE FREITAS – AmandaSÉRGIO MARONE – RafaelMARCOS CARUSO – Dr. PrataDÉBORA DUARTE – AliceGUSTAVO HADDAD – ConradoNILL MARCONDES – SamucaANTÔNIO GRASSI – Robusto (Roberto Augusto)DÉBORA OLIVIERI – Ana AméliaAMANDA LEE – IlanaTHAIS GARAYP – Biga (Abigail)SIRMAR ANTUNES – BalbinoMILA MOREIRA – VirgíniaLARISSA QUEIRÓZ – CarolPACO SANCHES – ManjubinhaEDUARDO LAGO – OsvaldoINEZ VIEGAS – MarliYAÇANÃ MARTINS – JackieKARINE CARVALHO – MemelADRIANA ALVES – DarciCLÁUDIA SANTOS – ÉrikaBRUNA DI TÚLIO – Vanessa
  • AMIR HADDAD – Menez
  • as criançasARTHUR LOPES – RubicoSÉRGIO MALHEIROS – Franklin
  • GUTA GONÇALVES – Gigi
  • eALEXANDRE PATERNOST – OscarANTÔNIO RODRIGUES – Almirante FigueiroaBRUNO GIORDANO – Inspetor JorgeCLARISSA FREIRE – DoloresGRACINDO JÚNIOR – FernandoLEONARDO VIEIRA – João GabrielPAULO JOSÉ – narrador no primeiro capítuloPIETRO MÁRIO – CapibaRICARDO DUQUE – Davi (irmão de Marli)RICARDO MARECOS – Benvindo (segurança de JJ)THOMAZ VELOSO – Pedroquinha
  • ZULMA MERCADANTE – Neide (empregada na casa de JJ)
Leia também:  Como Saber Quem Fui Na Vida Passada?

– núcleo de DANIEL CASCAES (Ricardo Pereira), jovem açoriano que ao fugir da fúria do pai de sua amada em Lisboa, vai parar num navio rumo ao Brasil. Envolve-se numa série de confusões e vai trabalhar como mordomo numa família abastada em Florianópolis:a amada ALMERINDA (Joana Solnado), impedida pelo pai de namorar Daniel. Fica em Lisboa grávida enquanto ele foge para o Brasil. Mas ela parte atrás dele e vai ter a filha, Maria Luiza, em Florianópoliso pai de Almerinda, ALMIRANTE FIGUEROA (Antônio Rodrigues) – aparece apenas no início da trama.

– núcleo de NINA (Aline Moraes), jovem arquiteta que conhece Daniel numa viagem com a família para Portugal.

Sua família o acolhe no Brasil e os dois acabam apaixonados:os pais SINÉSIO PAIVA (Hugo Carvana), dono de uma grande empresa de pesca,e MARILÉIA (Denise Del Vecchio), típica dondoca emergenteas irmãs LENITA (Mel Lisboa), geniosa, mimada e determinada, a princípio disputa a atenção de Daniel com a irmãe GIGI (Guta Gonçalves), a caçula.

– núcleo de JORGE JUNQUEIRA, o JJ (Henri Catelli), o ambicioso namorado de Nina e braço direito de Sinésio na empresa:a irmã ENCARNAÇÃO (Bianca Byngton), sofrida e submissa ao irmão, mantém um segredo do passadoo sobrinho RUBICO (Arthur Lopes), que se acha na posição de criança adotada, mas que na verdade é filho de Encarnaçãoo advogado OSVALDO (Eduardo Lago), que se interessa por Encarnaçãoa secretária MARLY (Inez Viegas), cúmplice nas armaçõpes de JJ – tem uma queda por Daniel que a usa para decobrir as falcatruas de JJ na empresa dos Paivao segurança BENVINDO (Ricardo Marecos)a empregada NEUZA.

– núcleo de AMARANTE (Kadu Moliterno), pescador e espécie de líder na aldeia de pescadores.

Dado como morto no mar é salvo por uma mulher que passa a cuidar dele:a mulher LAVÍNIA (Maria Fernanda Cândido), jovem batalhadora, que mantem um restaurante na aldeiaa mãe FRANCISQUINHA (Laura Cardoso), portuguesa cega, é a sábia da aldeiaa filha de Lavínia, JÚLIA (Maytê Piragibe), fruto de um outro relacionamentoo filho QUERUBIM (Dudu Azevedo), que se apaixona por Júliao amigo de Querubim, QUEBRA-QUEIXO (Ernani Moraes), doente mental, pescador desajeitado, ingênuo e de coração puroa mulher que cuida de Amarante em seu acidente, ILANA (Amanda Lee) – apaixona-se por ele, mas sofre quando Amarante retorna para a aldeia e para os braços de sua mulher.

– núcleo de SANDOVAL (Herson Capri), após cumprir pena na prisão vai trabalhar no restaurante de Lavínia, e os dois acabam envolvendo-se quando ela pensava que Amarante estava morto.

No passado fora o amor de Encarnação, por isso é perseguido por JJ.

É o pai de Rubico:o amigo ROBUSTO (Antônio Grassi), que conhecera na cadeia – virou detetive e passa a ajudar o amigo a descobrir como JJ o botou na cadeia.

– núcleo de PEDROCA DO ESPÍRITO SANTO (Tato Gabus Mendes), pescador bonachão, vive atrás de um rabo-de-saia:a mulher IDALINA (Louise Cardoso), rendeira habilidosa, esposa ciumenta – expulsa o marido de casa quando descobre que ele tem outra mulheros filhos FLORIANO (Cauã Reymond), pescador, alvo das investidas de Lenita, apesar de ele ser compromissadoe AMANDA (Fernanda de Freitas), que trabalha numa operadora de mergulhoo amigo de Pedroca, MANJUBINHA (Paco Sanches), pescadora outra mulher que mantinha no Rio de Janeiro, DARCI (Adriana Alves).

– núcleo de DOUTOR PRATA (Marcos Caruso), médico conhecido na cidade:a mulher ALICE (Débora Duarte), frustrada com o casamento, larga o marido porque desconfia que ele tem outra mulher – de dondoca vira uma mulher trabalhadora, ajudando as rendeiras da vila de pescadoresos filhos RAFAEL (Sérgio Marone), dono da operadora de mergulho, namorado da ciumenta Amanda e, a princípio, apaixonado por Júlia – tentando encontrar o tesouro escondido num navio naufragado, fica tetraplégicoe CONRADO (Gustavo Haddad), a princípio é o braço direito de JJ, mas acabam inimigos quando é demitido – também foi namorado de Lenita no inícioVIRGÍNIA (Mila Moreira), médica amiga de trabalho do Dr. Prata e pivô de sua separaçãoCAROL (Larissa Queiróz), filha de Virgínia, envolve-se com Conradoa empregada JACKIE (Yaçanã Martins).

– núcleo de ABIGAIL (Thaís Garayp), a BIGA, empregada na mansão dos Paiva, amiga de Nina e Daniel:o marido BALBINO (Simar Antunes), motorista de Sinésioos filhos ROSÁRIO (Sheron Menezes), casa-se com Floriano,e FRANK (Sérgio Malheiros), amigo de Rubico e Gigio cunhado SAMUCA (Nill Marcondes), trabalha na operadora de mergulho.

– outros personagens:VELHO BARTÔ (Elias Gleizer), figura lendária de um navegador europeu, alguns acreditam ser uma assombraçãoANA AMÉLIA (Débora Olivieri), mãe de Encarnação e JJ, e responsável pela loucura dele.

No passado fugiu com o amante deixando a família depois de dar a luz a uma menina, fruto do seu romance secreto. Largou a pequena na porta dos Paiva: é Lenita.

Mariléia e Sinésio nunca souberam quem era a mãe verdadeira da garota e sempre esconderam que ela é adotadaMEMEL (Karine Carvalho), sobrinha de Ana Amélia.ÉRIKA (Cláudia Santos), namorada de Samuca no inícioVANESSA (Bruna Di Túlio), amiga de Érika e Rafael.

Ele tentava jogá-la pra cima do Conrado, logo que ele terminou com LenitaMENEZ (Amir Haddad) mendigo que ajudou Daniel no início, quando ele perambulava por Florianópolis. Presenciou o acidente que botou Sandoval na cadeia, e é quem ajuda Daniel e o acusado a descobrirem a verdade.

O horário das seis voltou a apostar em tramas contemporâneas depois de dois sucessos de época, Chocolate com Pimenta e Cabocla. No entanto, sem a mesma repercussão.

Em Como Uma Onda, Walther Negrão tentou reeditar Tropicaliente (1994), novela praiana de grande aceitação no exterior. Porém, o autor reconheceu que o resultado ficou aquém do esperado.

Ao livro “Autores, Histórias da Teledramaturgia” (do Projeto Memória Globo), declarou:“Eu tinha pensado no Espírito Santo, depois Maceió, mas acabamos fazendo em Florianópolis. Não deu certo, quase não se gravou lá.

(…) Em Santa Catarina, não tivemos o mesmo charme. (…) Acho que a novela não cumpriu sua função.”

Os primeiros nomes escalados para Nina, Lenita e Sinésio foram Priscila Fantin, Deborah Secco e Lima Duarte. Os papéis acabaram ficando a cargo de Alinne Moraes, Mel Lisboa e Hugo Carvana, respectivamente.Isabela Garcia já estava confirmada para viver Encarnação quando se descobriu grávida. O papel então ficou com Bianca Byngton.

Doutor Prata, personagem de Marcos Caruso, foi uma homenagem da direção da novela ao médico Dráuzio Varella.“Marcos foi escolhido para o papel de Dr. Prata devido às semelhanças entre eles, com os óculos ficam ainda mais parecidos”, disse o diretor Dennis Carvalho, brincando.

Parte do elenco e produção foram para território lusitano gravar as primeiras cenas, mais precisamente no Arquipélago de Açores.

Para as primeiras gravações, algumas locações portuguesas se transformaram em cenários para a novela. O Lar de São Francisco, um convento do início do século 18, se transformou na casa de Almerinda (Joana Solnado).

Já o hotel onde a família Paiva se hospedou é um castelo construído por D. Afonso, em 1420.

Como cenário, foram reproduzidas praias de Florianópolis e uma colônia de pescadores, no mesmo clima de outras novelas praianas de Walther Negrão: Tropicaliente (1994), ambientada nas praias do Ceará, e Flor do Caribe (2013), com locações no Rio Grande do Norte.

A praia filmada em Florianópolis era a da Caeira da Barra do Sul, distante 42 km do centro da cidade.

O acesso se dava pela continuação da estrada do Ribeirão da Ilha e, uma vez chegado na localidade, era necessário andar por uma trilha (mais ou menos de 40 minutos a 1 hora) até chegar à praia propriamente dita.

Na época, o local era praticamente virgem por causa das dificuldades de acesso. Também serviram de locação as praias de Armação, Joaquina e Barra da Lagoa.

A vila que retratava a comunidade ribeirinha foi montada no Projac (Rio de Janeiro) e tinha 20 construções, distribuídas em 7.424 metros quadrados. A Restinga da Marambaia também serviu de cenário para as locações externas. As cenas de alto mar foram feitas basicamente quase todas na praia de Grumari (Rio de Janeiro).

  1. A indústria de pescado, que serviu como referência na novela, existia e chamava-se na verdade Pioneira da Costa, localizada embaixo da ponte Hercílio Luz, em Florianópolis.
  2. Um dos desafios da equipe de cenografia foi construir a caverna do Velho Bartô (Elias Gleizer), montada em uma “floresta” do Projac, e a engenhoca da dupla cômica Quebra-Queixo e Querubim (Ernani Moraes e Dudu Azevedo), um veículo definido pelo cenógrafo Keller Veiga como “meio barco, meio casa, meio banheira, meio bicicleta, meio liquidificador velho” – na verdade, uma espécie de reedição da “camicleta”, veículo inventado pela dupla Shazan e Xerife, personagens de Paulo José e Flávio Migliaccio criados por Walther Negrão para a sua novela O Primeiro Amor, em 1972, e que ganharam um seriado próprio: Shazan, Xerife e Companhia (exibido entre 1972 e 1974).
  3. O ator Paco Sanches interpretou novamente um pescador de nome Manjubinha, como fizera em Tropicaliente (1994), também de Walther Negrão.
  4. Primeira novela no Brasil dos atores portugueses Ricardo Pereira e Joana Solnado.
  5. O primeiro título pensado para a novela foi Açores. (“Almanaque da TV”, Bia Braune e Rixa)
  6. Como uma Onda nunca foi reprisada.
Leia também:  Como É Que Os Surdos Pensam?

Trilha Sonora Nacional

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

01. SUPERNOVA – Skank (tema de Rafa)02. NUA – Ana Carolina (tema de Nina)03. GRÃO DE AMOR – Arnaldo Antunes e Marisa Monte (tema de Nina e Daniel)04. PROVAS DE AMOR – Titãs (tema de Lenita)05. O MESMO AMOR – Fábio Nestares (tema de Floriano e Rosário)06. FAZ DE CONTA – Fagner (tema de Sandoval)07. JARDIM DE CORES – Ls Jack (tema das vinhetas de intervalo)08.

SONHANDO O FUTURO – Beto Guedes (tema de Júlia)09. VIRA VIROU – Banda Crase (tema de Daniel)10. PRA VOCÊ EU DIGO SIM – Cidia e Dan (tema de Júlia e Querubim)11. A LUA GIROU (Sobre Tema Folclórico) – Milton Nascimento (tema de Lavínia e Amarante)12. NAVEGA CORAÇÃO – Rafaella (tema de Encarnação)13. COMO UMA ONDA – Lulu Santos (tema de abertura)14.

RUA DA PRAIA – Due Angeli

  • 15. O AMOR E O MAR – Due Angeli
  • Trilha Sonora Internacional

Quem Matou Jj Na Novela Como Uma Onda?

01. SUNDAY MORNING – Maroon 5 (tema de Daniel)02. SITTING, WAITING, WISHING – Jack Johnson (tema de Floriano)03. FIELDS OF GOLD – Maxi Priest (tema de Lavínia e Amarante)04. OTHER SIDE OF THE WORLD – Kt Tunstall (tema de Almerinda)05. SOMEWHERE ONLY WE KNOW – Keane (tema de Rafael e Amanda)06. STAY WITH ME – Libera (tema de Quebra-Queixo)07. ANGIE – Rolling Band

08. RIGHT TO BE WRONG – Joss Stone (tema de Nina e Daniel)

09. MY BOO – Alicia Keys & Usher (tema de Lenita)10. I´LL DO IT RIGHT THIS TIME – Sun Coast11. WHAT YOU´RE MADE OF – Lucie Silvas12. ONE – Joe Cocker13. TE QUIERO – Erotik

14. EU QUERO TE LEVAR – Paulo Ricardo & Pr.5 (tema de JJ)

  1. Tema de Abertura: COMO UMA ONDA – Lulu Santos
  2. Nada do que foi seráDe novo do jeito que já foi um diaTudo passaTudo sempre passaráA vida vem em ondasComo um mar
  3. Num indo e vindo infinito
  4. Tudo que se vê não éIgual ao que a gente viu a um segundoTudo muda o tempo todo
  5. No mundo
  6. Não adianta fugirNem mentir pra si mesmo agoraHá tanta vida lá foraAqui dentro sempre
  7. Como uma onda no mar…

Críticas de cinema

As discussões sobre se Citizen Kane – O Mundo a Seus Pés é o melhor filme alguma vez feito vão durar para sempre. Mas o melhor filme sobre Citizen Kane – O Mundo a Seus Pés (e provavelmente sobre qualquer outro filme) é este. Definitivamente. O 11.

º filme de David Fincher é uma pródiga carta de amor à velha Hollywood em toda a sua glória, cinismo e extravagância.

É trabalhado com o tipo de elegância monocromática que implora para ser absorvida no grande ecrã – embora a televisão sirva perfeitamente por enquanto.

“Mank” é Herman J. Mankiewicz (Gary Oldman), o dramaturgo irreverente, encharcado em álcool e viciado no jogo a que Orson Welles (Tom Burke) recorre para o ajudar a escrever o guião de Citizen Kane – O Mundo a Seus Pés.

Trata-se de um dos melhores escritores de Hollywood, um talentoso dramaturgo da Broadway aliciado pela promessa de muito dinheiro e pela possibilidade de desempenhar o papel de bobo sagrado numa corte de magnatas movidos pelo ego.

Mas, para pormos as coisas educadamente, Mank é uma pedra no sapato de Tinseltown, e Oldman tira todo o partido de cada aparte espertalhão, de cada tirada arrogante e grandiloquente, num argumento que é rico em ambos.

Esse argumento é a conquista póstuma do pai de Fincher, Jack, cuja história estava a aguardar financiamento desde 1997.

Ou talvez estivesse apenas à espera que aparecesse a Netflix, porque quando Welles se gaba a Mankiewicz de conseguir sempre a “edição final, tudo final” para Citizen Kane – O Mundo a Seus Pés, esse pedaço de diálogo conta a dobrar para Mank.

Este opus de época, feito a preto e branco, sobre um argumentista relativamente desconhecido não é exactamente o que chamaríamos de uma proposta mainstream, e Fincher tem carta branca para usar todos os brinquedos e técnicas à sua disposição. Mas não é preciso ser um cinéfilo empedernido para o ver. Nem por sombras.

Mank apresenta o seu protagonista em 1940, a caminho da ruína: um acidente de carro deixa-o acamado, e Welles assegura-se de que a cama em questão esteja num remoto rancho da Califórnia, onde uma secretária britânica, Rita Alexander (Lily Collins, Emily in Paris), e uma fisioterapeuta alemã (Monika Gossmann) conseguem mantê-lo longe da bebida por tempo suficiente para cumprir o seu exigente prazo.

Um flashback faz-nos então retroceder uma década.

Dá-nos a ver uma versão de Mank em plena actividade, alinhavando com os seus colegas novas ideias para filmes, no escritório do patrão da Paramount, David O Selznick, antes de passar para a órbita do fanfarrão Louis B Mayer, o manda-chuva da MGM (Arliss Howard interpreta-o carregando na malícia e na intimidação).

Esta fase do filme é um quem-é-quem das mais altas figuras de Tinseltown que nunca cai na caricatura, uma enfermidade de que padecem outros filmes sobre a indústria do cinema. As estrelas surgem de forma tão densa e rápida que nem se sente particularmente a ausência de uma Joan Crawford aqui ou um Charlie Chaplin ali.

Mank está completamente comprometido com o seu estilo wellesiano, com fades teatrais no fim das cenas, eco nas misturas de som, uma banda sonora de Trent Reznor e Atticus Ross a pedir meças a Bernard Herrmann, e uma grande profundidade de campo.

O director de fotografia, Erik Messerschmidt, emula o seu homólogo de Kane, Gregg Toland, capturando cada troca de olhar conspirativa e desdenhosa nos planos de fundo das cenas de festa sumptuosamente encenadas.

Messerschmidt baseia-se na autenticidade da cinematografia daquele período, certificando-se de que o seu trabalho nunca se transforma num pastiche.

Há poucas coincidências quando está em causa Fincher, e o número de britânicos no elenco não será uma delas. O realizador persegue deliberadamente um estilo de época no que diz respeito à interpretação, e encontra-o em Collins, toda Vivien Leigh e Deborah Kerr.

As cenas delicadas com Oldman são pontos altos e podem mesmo merecer-lhe o reconhecimento da Academia nos Óscares.

A contenção também lá está, com a interpretação que Charles Dance faz de William Randolph Hearst, o magnata da imprensa que inspirou a personagem Charles Foster Kane.

O “Cidadão Hearst” é uma besta completamente diferente do magnata ficcional: uma presença taciturna e vampiresca nas festas em que é ele próprio o anfitrião, num castelo semelhante a Xanadu. É numa dessas festas que Mank finalmente – e fatalmente – vai para fora de pé.

Nada falha. Burke é maravilhoso, como sempre, apesar de um nariz protético que, de perfil, o faz parecer tanto Sam, a Águia (dos Marretas) quanto Orson Welles. Tuppence Middleton é demasiado jovem para interpretar a mulher de Mankiewicz, Sara (um casal que na vida real é da mesma idade).

Mas a actriz faz um excelente trabalho em diálogos que decorrem sobretudo por telefone, enquanto a vida do marido se transforma num furibundo caos.

Amanda Seyfried está na melhor forma de sempre como Marion Davies, a amante de Hearst, alguém muito mais inteligente do que a personagem que terá inspirado em Citizen Kane – O Mundo a Seus Pés, Susan Alexander.

Inevitavelmente satisfatório é o show de Oldman. Seja em cenas que o têm preso à cama, seja rezingando espirituosamente com os anfitriões de mais um sarau decadente, ou distanciando-se das corrosivas alianças políticas de Hollywood, Oldman é magnético.

Interpreta Mank como um patife adorável, com uma língua que o põe em apuros e uma caneta que o salva deles. A última vez que Oldman deu corpo a um alcoólico na década de 1940, ganhou um Óscar por isso. Não será surpreendente se isso voltar a acontecer.

Novelas da semana

Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

  • NOVELAS DA SEMANA
  • GLOBO
  • MALHAÇÃO

Segunda: Gustavo ouve um CD. Rafa confessa a Vinícius que foi ele quem votou em seu adversário. Catraca se vinga de Cadu.

Terça: Natasha recebe uma carta anônima. Felipe descobre que Pasqualete é seu pai. Quarta: Letícia impede uma briga entre Cadu e Catraca. Camila é abordada por um mendigo enquanto trabalha no sinal. Quinta: Marcelo Henrique e Beatriz saem juntos e vêem Camila e Diogo no sinal. Felipe ganha a maratona e conta a todos que Pasqualete é seu pai. Sexta: Pasqualete compra um carro para Felipe. Cadu sai para fazer um depósito para seu chefe e é abordado por alguns amigos de Catraca.

COMO UMA ONDA

Segunda: JJ dá um cheque a Sandoval e ele o entrega a Sinésio. Quebra-Queixo leva as crianças à ilha. Sandoval conta a Lavínia a sua versão sobre o acidente que matou o ciclista. Daniel prepara o jantar, ajudado por Nina; JJ a fulmina com o olhar.

Terça: Daniel se torna o centro das atrações na casa dos Paiva. Floriano e Rosário ficam noivos. Quebra-Queixo fica de queixo caído ao ver Bartô. Francisquinha aconselha Nina a assumir o seu amor por Daniel. Nina e Daniel se beijam. A polícia chega à casa de Sinésio, e Daniel estende os pulsos para ser algemado. Quarta: Abigail entrega uma correspondência urgente a Daniel, que abre e vê os seus documentos. Daniel tranqüiliza Nina. JJ diz a Con- rado que vai dar um jeito para Daniel não voltar de Portugal. Rubico se encontra com o pai. Lenita termina o namoro com Conrado. Rubico, Frank e Gigi encontram Bartô preso entre duas pedras. Quinta: Quebra-Queixo reboca Bartô sem ver quem é; quando descobre, foge. Encarnação decide ler as cartas de Sandoval. As crianças improvisam uma maca. Nina se assusta quando Conrado acusa JJ de estar fazendo o resort com dinheiro da empresa. Francisquinha cuida de Bartô. Lenita declara guerra a Nina. Sexta: Daniel e Nina vão à aldeia conferir se a acusação de Conrado é verdadeira. Conrado se abraça com Rafa e chora. Sandoval beija Encarnação. Rubico mostra a Nina os documentos secretos de JJ. Querubim se deslumbra ao ver Júlia saindo do mar; ela o abraça. Nina pega um fax enviado por Almerinda a Daniel. Sábado: Conrado e Rafa se tornam amigos. Nina diz a Daniel que ele não precisa voltar a Portugal. Pedroca faz galanteios a Lavínia. Mariléia inaugura a sua ofuscante árvore de Natal e a decoração, que ocupa toda a sala. JJ acusa Encarnação de ter ido atrás de Sandoval, e Rubico ouve.

Leia também:  Como Saber Em Que Nome Esta Uma Viatura?

COMEÇAR DE NOVO

Segunda: Gigi fica indignada com o pedido de casamento de Miguel, mas acaba aceitando. Letícia fica furiosa ao saber que Miguel vai se casar com Gigi e os convida para um jantar no Hangar (foto). Doidona se fantasia de japonesa para fazer uma massagem em Lucrécia. Anselmo desmaia.

Terça: Joana vê que Letícia vai perder o controle e a tira de perto de Miguel e Gigi. Doidona faz massagem em Lucrécia e a ameaça. Maria avisa Letícia que Anselmo teve um infarto. Gigi entra, por engano, num carro que vai levar uma mergulhadora à plataforma de petróleo. Miguel e Olavinho brigam. Ana aparece, chamando o nome de Miguel. Quarta: Miguel expulsa Olavinho. Pedro procura por Gigi, que desembarca numa praia deserta. Olavinho mostra os desenhos de Mikail a Letícia. Linda termina com Rico. Pedro encontra Gigi, mas bate sua lancha ao chegar à praia em que ela está. Sonya ouve uma conversa entre Carlos e Dimitri. Quinta: Lucrécia começa a falar e proíbe Olavinho de contar isso a alguém. Em seguida, manda que ele queime os desenhos. Doidona manda Miguel não se afastar de Ana. Anselmo sai do hospital. Gigi e Pedro são resgatados por uma lancha. Lucrécia acorda e fica apavorada ao ver Ana em seu quarto. Sexta: Lúcia entra no quarto de Lucrécia, e Ana foge. Maria induz Júlia contra Pedro. Lucrécia afirma a Olavinho que a menina que estava em seu quarto era um fantasma. Isadora sente uma forte cólica e teme estar perdendo seu bebê. Miguel dá um beijo em Letícia, e Gigi vê. Sábado: Gigi vai embora, sem que Miguel e Letícia a vejam. Sidarta cuida de Isadora e descobre que ela está grávida. Aída ouve Simone falando ao telefone com Ademar. Moacir pede Elvira em casamento. Betinho conta a Pepê a verdade sobre a separação de seus pais. Lucrécia volta a ver Ana em sua casa. Carmem volta. Miguel se insinua a Lúcia na frente de Gigi.

SENHORA DO DESTINO

Segunda: Todos se divertem no lançamento do livro de Clementina. Nalva chega com Thomas. Do Carmo briga com Reginaldo e Viviane ao ver Josivaldo. Isabel explode com Nazaré. Viviane ameaça Josivaldo. Bruno vai à casa de Daiane. Alberto beija Cláudia. Sebastião observa Eleonora e Jenifer abraçadas. Isabel passa mal, e Nazaré diz que ela deve estar grávida.

Terça: Isabel ironiza sobre Nazaré. Todos se emocionam vendo um clipe sobre Clementina. Sebastião pede que Janice dirija, e todos estranham. Isabel liga para Edgard. Josivaldo faz ameaça velada a Reginaldo. Shao vê Daiane e Bruno dormindo juntos e os denuncia, anonimamente, a Reginaldo. Quarta: Edgard lê o volume de 1968 do diário de sua avó. Shao Lin leva Carminha da casa de Rita. Reginaldo tem um ataque ao ver Daiane e Bruno dormindo juntos e faz ameaças. Daiane grita ao reparar a falta da filha. Isabel liga para Cláudia. Dirceu faz promessas a Merival e sua turma em nome de Reginaldo; ele confirma, a mando de Viviane. Quinta: Shao entrega Carminha a Daiane. Nazaré liga para a casa de Reginaldo, usando o nome Mirna, e fala com Josivaldo. Reginaldo e Viviane ouvem a conversa, e Reginaldo decide se aliar a Nazaré. Dirceu pede a Maria do Carmo que o deixe ir embora. Sexta: Dirceu provoca Do Carmo e vai embora. Furiosa, ela liga para Giovanni. Isabel vê Nazaré seduzindo o recepcionista do hotel. Sebastião e Eleonora discutem, e ela avisa que saíra de casa antes de ser expulsa. Mais tarde, sai para atender a um chamado do hospital. Janice se rebela a favor da filha. Sábado: Flaviana deixa claro que sempre estará ao lado da neta. Reginaldo viaja para ir atrás de Nazaré. Laura derruba tudo o que está em cima da mesa e agride Gisela. Do Carmo e Giovanni chegam à casa de Sebastião, mas ele se nega a conversar sobre as filhas e ofende Giovanni, que o ameaça. Alberto visita Cláudia. Gisela chora e desabafa, dizendo que não é feliz.

SBT

ESMERALDA

Segunda: Branca conversa com Margarida sobre a troca dos bebês. Margarida pergunta sobre Rosário a Jacinta.

Terça: Florzinha conta a Esmeralda sobre Graziela. José Armando e Adrian brigam por causa de Esmeralda. Quarta: Em uma loja no povoado, Esmeralda esbarra em Graziela e mancha sua blusa. Quinta: Sabiá e Lúcio reparam nos brincos que Esmeralda usa. Sexta: Branca ajuda Esmeralda. Graziela bate em Adrian com o chicote; ele a beija, e ela cai do cavalo. Sábado: José Armando medica Graziela e depois se encontra com Esmeralda.

ALEGRIFES E RABUJOS

Segunda: O trio fantasma exige o tesouro para libertar Aurélio. Antonio é levado para a cadeia.

Terça: Tina salva Aurélio de uma armadilha e ganha um medalhão. Capitão Sangue e o Corsário declaram guerra às crianças. Quarta: Aurélio e as crianças enfrentam os fantasmas. Comodoro declara guerra ao Capitão Sangue. Quinta: Elvira e Matias se reconciliam. Allison ajuda Helga a fugir. Sexta: Afonso e as crianças escondem Sofia. Em seguida, ele flagra Allison e Estevão espiando o esconderijo. Sábado: Antonio é sentenciado a quatro anos de prisão. Allison leva Sofia até a senhorita Sarmento. Capítulos fornecidos pelas emissoras e sujeitos a alterações

Texto Anterior: Filmes – DVD

Próximo Texto: Crítica: A televisão e seus jogos perversos Índice

Novela Como Uma Onda Em Dvd

COMO UMA ONDA

Com Alinne Moraes e Ricardo Pereira

  • COMPLETA
  • 46 Dvds
  • Sinopse:

No início da trama, Daniel Cascaes, que nasceu em Açores, vive um amor impossível com a bela e fogosa portuguesa Almerinda. O pai da moça, o conservador Almirante Figueroa, não aceita o namoro da filha, e contrata capangas para separar o casal. Assim, Daniel resolve fugir, disfarçando-se de guia turístico.

Durante a fuga, ele se depara com o empresário brasileiro Sinésio Paiva e sua esposa, a hilária dondoca Mariléia, junto com as filhas Lenita e Nina, que logo se interessam pelo rapaz. Daniel também fica encantado com Nina, mas seu coração ainda bate forte por Almerinda e ele está disposto a enfrentar tudo por sua amada.

Daniel e Almerinda marcam dia e hora para fugir de Portugal, mas os capangas do almirante interceptam o plano. Surrado e desacordado, Daniel é colocado sozinho em um transatlântico que ruma para o Brasil.

Por ser um clandestino, Daniel fica preso no navio por ordem do comandante. Mas as irmãs Nina e Lenita, que também estão voltando para casa, aparecem mais uma vez para ajudá-lo. Assim, Daniel consegue se livrar da polícia e se atira no mar.

As ondas acabam levando o estrangeiro para bem longe, mais precisamente até uma vila de pescadores em Santa Catarina, onde ele é resgatado por uma dupla de marinheiros, Quebra-Queixo e Querubim.

Desconfiado, imundo e maltrapilho, Daniel mais uma vez ganha a praia e acaba descobrindo a dura realidade das ruas de um novo país, o Brasil.

Sem fazer ideia do paradeiro do adorável açoriano, a família Paiva retorna ao Brasil. O descanso, porém, rapidamente é consumido por problemas nos negócios: Sinésio fica pasmo ao descobrir que está quase falido. Nada mal para os planos de seu sócio Jorge Junqueira, o temido J.J.

Os dois dividem o comando da empresa, mas apresentam perfis bem diferentes. Sinésio é um trabalhador que, com muito esforço, construiu um império e tornou-se um dos maiores nomes da indústria pesqueira. Já J.J.

assumiu parte do comando da firma depois da morte de seu pai, e deseja se transformar no maior latifundiário marítimo do país.

Mas Lenita reencontra Daniel e consegue garantir para ele o emprego de mordomo de Mariléia. Pivô de uma disputa entre Lenita e Nina, Daniel se afasta das lembranças de Almerinda e se interessa cada vez mais por Nina. Aos poucos, as provocações iniciais entre os dois dão lugar a um grande amor.

Só que o amor verdadeiro de Daniel e Nina, será abalado por Lenita, que é apaixonada por Daniel e fará de tudo para tirar a irmã da vida dele. Só que Almerinda chega ao Brasil grávida, disposta a reencontrar seu grande amor e pai de seu filho, Daniel. Porém, Lenita vai infernizar a sua vida para tirá-la do caminho de Daniel.

Lenita é capaz de tudo, inclusive matar a irmã e Almerinda!

Em Florianópolis, numa vila, vivem os pescadores. A bela Lavínia é uma mulher forte que mora com seu marido Amarante e tem um casamento apaixonado. Encontrou nesse homem um apoio para criar a filha Júlia, fruto de um relacionamento da adolescência.

Sua sogra Francisquinha, uma senhora cega, é uma espécie de matriarca da aldeia e está sempre pronta para dar conselhos e solucionar conflitos.

Entre os moradores há o mulherengo e hilário Pedroca, que adora um rabo-de-saia, enquanto a mulher, a batalhadora Idalina, dá duro na costura.

Mas também há um homem instigante: Sandoval. Recém saído da prisão, ele luta para recobrar sua dignidade e achará naquele recanto um lugar para reconstruir sua vida.

No capítulo 169 da novela, o vilão Jorge Junqueira é assassinado, seu carro é jogado em uma barranco, mas não se sabe o responsável pelo assassinato ficando no ar o mistério sobre”Quem Matou Jorge Junqueira”, várias pessoas são consideradas suspeitas do crime. no último capítulo descobre-se que o assassino era o personagem Eduardo Mendes, que matou Jorge para se vingar da morte do filho, que foi morto por Jorge.

Dvds Seguem Em Envelopes de Papel Identificados

Visite a aba EDIÇÃO DE COLECIONADOR para saber os valores desta versão

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*