O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

Possivelmente você está cometendo ao menos um dos erros financeiros que vou citar nesse artigo. O preocupante disso é que cada um deles pode arruinar a sua vida financeira, espiritual, emocional e conjugal.

Sendo assim é de fundamental importância conhecermos o que a Bíblia fala sobre as nossas finanças. Esse conhecimento é capaz de libertá-lo dos problemas financeiros, organizar a sua vida financeira e permitir a adoção de bons hábitos financeiros.

  • Então, se você deseja evitar cair em erros financeiros (que ocorrem com grande parte da população), sair do vermelho ou melhorar a sua saúde financeira, continue lendo este artigo e conheça 8 grandes erros financeiros de acordo com a Bíblia.
  • Você também pode ver a versão desse artigo em vídeo =)

1º – Acreditar que o dinheiro não é importante

Acreditar que o dinheiro não é importante é um dos 10 mais famosos mitos bíblicos sobre dinheiro.

Infelizmente… é provável que você já tenha dito, ou ouvido, frases como:

  • Dinheiro não é importante
  • Dinheiro é sinônimo de problema
  • Eu não me importo com dinheiro

A verdade é que pensamentos assim contradizem o plano financeiro de Deus para você revelado nas Escrituras Sagradas. Deus considera o dinheiro muito importante. E por isso a Bíblia está repleta de ensinamentos e princípios relacionados às finanças. Veja:

  • Das 613 leis descritas no Pentateuco (os 5 primeiros livros da Bíblia) mais de 100 abordam assuntos relacionados ao dinheiro
  • Jesus falou sobre dinheiro cerca de 80 vezes
  • 21 das 49 parábolas de Jesus estão relacionadas ao dinheiro
  • Cerca de 20% do sermão do monte (capítulos 5, 6 e 7 do livro de Mateus) mencionam assuntos financeiros

Acreditar que o dinheiro não é importante é se enganar. Afinal, ele está envolvido em nosso dia a dia e praticamente tudo que fazemos possui relação com ele.

Negligenciar a relevância das finanças em nossa vida abre portas para muitos problemas. Afinal, pesquisas indicam que uma vida financeira desestruturada motiva 56% dos divórcios (pesquisa realizada pela Universidade de Kansas, texto em inglês).  Além disso, as dívidas podem gerar insonia, falta de apetite, estresse, baixa auto-estima, entre outros.

Certamente não é esse o proposito de Deus para você.

Agora pense comigo…

  • Se você dissesse para seu cônjuge que ele não é importante para você, ele permaneceria com você?
  • Se você dissesse a um amigo, ele não é importante para você, ele permaneceria com você?
  • Se você dissesse ao seu empregador, ou a um funcionário, que ele não é importante para você, ele permaneceria com você?
  • Você teria um carro se ele não fosse importante para você?
  • Você teria um cachorro se ele não fosse importante para você?

A resposta é não!

Esse princípio também funciona para o dinheiro. A medida que o consideramos não importante, ele se afasta de nós. Pensando assim, você nunca vai ter uma boa vida financeira.

Nesse sentido quero que lembre de todos que falam que o dinheiro não é importante e reflita sobre a vida financeira deles. Quando fiz isso, percebi que todos que conheço que possuem esse pensamento tinham uma vida financeira desequilibrada e cheia de dívidas.

O dinheiro não é a coisa mais importante do mundo, mas afeta todas as coisas que são importantes.
Robert Kiyosaki

Uma busca séria por autoconhecimento e desenvolvimento pessoal exige o conhecimento do significado que o dinheiro tem para nós. Entender a importância do dinheiro e sua relação com ele é um dos principais pilares do conhecimento pessoal. Jesus já dizia:

Onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração”
Jesus

É fundamental reconhecer a devida importância do dinheiro de modo que ele não seja mais, nem menos, do que de fato é. Sim, dinheiro é importante, mas existem muitas coisas mais importantes que o dinheiro.

2º – Acreditar que o dinheiro é mal

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

“O dinheiro é a raiz de todo mal”.

Esse pensamento é baseado em uma interpretação equivocada da Bíblia. Veja:

Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.
1 Timóteo 6:10

O versículo não fala que o dinheiro é mal e sim o amor ao dinheiro. O mesmo dinheiro que pode servir para subornar um policial, também pode ser usado para ajudar um necessitado.

Ser bom ou mal não está no dinheiro e sim no que fazemos com ele.

O que você tem feito com o seu?

3º – Não conhecer a fonte

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

Você nasceu sem nenhum dinheiro e quando morrer, nenhum dinheiro vai levar e os bens adquiridos vão ficar.

Pensar por essa perspectiva ajuda a entender que nada é nosso, tudo é de Deus. Sua casa é Dele, seu carro é Dele, você é Dele.

Antes te lembrarás do Senhor teu Deus, porque ele é o que te dá força para adquirires riquezas; a fim de confirmar o seu pacto, que jurou a teus pais, como hoje se vê.
Deuteronômio 8:18

Ao entender que tudo vem de Deus, passamos para um novo patamar de vida. Percebemos que a fonte do nosso dinheiro não é o nosso trabalho ou nossos rendimentos. No fundo, estes são apenas canais que a fonte, Deus, utiliza para deixar, o que é dele, aos nossos cuidados.

Este é um dos princípios bíblicos mais fortes que exite: Nós somos mordomos.

Em outras palavras, somos administradores das posses de Deus. Sendo assim, é necessário administrarmos com zelo, sem displicência, pois o próprio Deus nos confiou essa tarefa.

Caso queira aprofundar no estudo sobre Mordomia Cristã, recomendo a leitura do infográfico Mordomia Cristã: Descubra as diferenças entre o mordomo fiel e o infiel que vão fazer você repensar a sua forma de lidar com dinheiro.

4º – Tratar o trabalho como um castigo

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

Muitos tratam o trabalho como um castigo divino para o pecado cometido por Adão. Mas isso é um equivoco.

O texto de Gênesis 3:17 diz que após a queda Adão teve que trabalhar, com o suor do seu rosto, para adquirir o seu sustento. Entretanto Adão já trabalhava antes desse acontecimento, e mais: trabalhava por determinação de Deus, conforme está escrito em Gênesis 2:15: “E tomou o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar“.

Assim como foi determinado que Adão deveria trabalhar, Jesus também o fez: “Meu Pai trabalha até hoje, e eu trabalho também” (João 5:17). Como Jesus poderia fazer o que seria um castigo?

Não se iluda, foi Deus que criou o trabalho e o desejo Dele é que você tenha prazer em suas atividades. Então, trabalhe com prazer.

A Bíblia recomenda: “o que lavra deve lavrar com esperança e o que debulha deve debulhar com esperança de ser participante” (1 Coríntios 9:10). Acredite no seu trabalho e o faça com fé, pois, sem fé, é impossível realizar algo de valor.

E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como ao SENHOR, e não aos homens, Sabendo que recebereis do SENHOR o galardão da herança, porque a Cristo, o Senhor, servis.
Colossenses 3:23-24

Recomendo que faça a leitura do artigo “Os Melhores Versículos Sobre Trabalho” para que você conheça mais sobre o assunto trabalho na Bíblia.

5º – Se apegar ao dinheiro

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

A maior prioridade da sua vida é ter dinheiro? O que você tem nunca é o suficiente?

Se a sua resposta foi sim para algumas das perguntas acima, cuidado! Isso pode ser um indício do seu amor ao dinheiro.

Mas porque amar o dinheiro é algo ruim?

“Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.” (1º Timóteo 6:10)

Pelo amor ao dinheiro vemos a corrupção se alastrar em nosso país. Pelo amor ao dinheiro vemos a criminalidade bater em nossas portas. Pelo amor ao dinheiro, vemos pais não acompanharem o crescimento de seus filhos. Pelo amor ao dinheiro vemos muitos relacionamentos sendo destruídos.

Dinheiro não vale nada por si só. Pense, ele é apenas um papel ou um registro no banco. Ele é consequência de uma vida e não o fim. Quando você tira o foco do dinheiro e coloca nas pessoas, a chance de ser prospero financeiramente aumenta.

Veja só…

Bill Gates é um dos homens mais ricos do mundo e também um dos que mais ajuda a sociedade atual. Se você está usando Windows, você está sendo ajudado por ele.

Lembra da historia de Salomão? Ele foi o homem mais rico do mundo mas toda essa riqueza começou do seu desejo por sabedoria a fim de ajudar seu povo.

A verdadeira medida de nossa riqueza está em quanto valeríamos se perdêssemos todo nosso dinheiro
J H Jowett

Quer saber tudo o que a Bíblia fala sobre finanças? Então clique na imagem abaixo e saiba:

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

6º – Não se preparar para crises

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

O mundo é cíclico, tempos bons vem e vão, empresas abrem e fecham e empregos não são vitalícios.
Todos nos estamos sujeitos a tempos difíceis que colocam em risco a nossa vida financeira: a doença de um ente querido, o desemprego, uma crise econômica… a própria Bíblia fala que teremos aflições. E o que podemos fazer diante desse cenário?

Leia também:  O Que É O Whatsapp E Como Funciona?

A resposta é: nos preparar!

É possível passar por dificuldades financeiras imprevistas, sem passar necessidades. É possível passar pelo desemprego sem desespero.

Para isso, poupar é preciso.

Temos na Bíblia uma historia fantástica do quão providencial pode ser o ato de poupar. Lembra da historia de José? Dos 7 anos de prosperidades seguidos de 7 de escassez vividos pelo Egito?

A solução dada por Deus nesse tempo foi poupar 20% de tudo que se produzia para que, quando a seca chegasse, houvesse recurso.

Vemos que essa atitude apresentou consequências muito maiores do que a simples provisão no tempo ruim. Isso colocou o Egito em lugar de destaque no mundo. Imagine… todos os países vivendo grande escassez e tendo o Egito como a solução para a fome.

Assim também acontece conosco. Quando poupamos, além de termos proventos em situações adversas, nos tornarmos mais prósperos e também conseguimos prover para nossos semelhantes.

7º – Não ser fiel aos seus princípios

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

Qualquer processo sério de educação financeira exige um melhor conhecimento de si. É necessário saber quais são seus princípios, valores, prioridades e sonhos para organizar a sua vida financeira. Afinal, isso vai determinar o seu planejamento financeiro.

Você deve gastar o seu dinheiro naquilo que é prioridade, naquilo que você valoriza. “Porque onde estiver o teu tesouro, aí estará também o teu coração” (Mateus 6:21).

Pensando nesse versículo, analise seu extrato bancário e veja se ele é conivente com valores dignos. Veja se você gasta com o que realmente importa.

É muito comum encontrar pessoas que negam seus valores por não conhecê-los claramente ou por desejos de consumo temporários.

Poucas coisas testam mais profundamente a espiritualidade de uma pessoa do que a maneira como ela usa o dinheiro
John Blanchard

Negar nossos princípios pode ser muito fácil e, para algumas pessoas, imperceptível. Por exemplo: se você sonha em morar no exterior, talvez comprar uma casa financiada em 30 anos não seja o mais adequado.

Se deseja ter independência financeira antes dos 30, talvez não seja apropriado comprar um carro de luxo. Se o seu sonho é ser um missionário no exterior, talvez um concurso público mais atrapalhe do que ajude.

6 ensinamentos Bíblicos para você aprender como gastar dinheiro de forma inteligente

Caso queira aprender como gastar seu dinheiro sendo fiel aos seus princípios, recomendo a leitura do artigo 6 ensinamentos Bíblicos para você aprender como gastar dinheiro de forma inteligente.

8º – Não fazer doações

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

Olhe o que Provérbios 11:25 fala “A alma generosa prosperará e aquele que atende também será atendido”.

Simples e claro, para receber é preciso aprender a dar. Para ser servido, é importante servir. Esse é o ensinamento de Cristo.

O interessante é que a doação é recomendada por muitos especialistas financeiros que não são cristãos, como por exemplo T. Harv Eker, autor do livro “Os segredos da mente milionária”.

Doar é um dos 5 pilares da educação financeira, que são: ganhar dinheiro, poupar dinheiro, gastar dinheiro, investir dinheiro e doar dinheiro.

Muitos homens ficam de mãos vazias porque não conhecem a arte de repartir
C H Spurgeon

Muitos passam a vida inteira correndo atrás de dinheiro e nessa corrida se esquecem da real motivação de sua busca. O ato de doar nos ajuda a retirar o foco do dinheiro e focar no que realmente interessa.

Para saber mais sobre doações e ofertas, recomendo a leitura dos artigo Os 50 melhores versículos sobre oferta e  Os 5 Benefícios Reais Em Doar Dinheiro.

Conclusão

A Bíblia nos apresenta muitos insumos para termos uma vida financeira plena. Para tal, é necessário conhecermos o plano de Deus para as nossas finanças e desviarmos dos erros cometidos por muitos.

  1. É fundamental saber que Deus está interessado em nossas finanças e o modo como tratamos com elas revela muito sobre quem somos e ao que damos prioridade.
  2. Ao final dessa leitura, espero que você esteja mais preparado para evitar erros na área financeira.
  3. Se você gostou desse artigo, recomendo que assista uma apresentação onde eu explico o por que a Bíblia é a maior fonte de finanças pessoais do mundo! Clique na imagem abaixo para conferir:
  4. O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

5 princípios bíblicos para arrumar suas finanças e vencer a crise financeira

Eu não sei se você concorda comigo, mas não podemos aceitar FRACASSAR nos estudos da Bíblia em 2021, concorda? Por isso, se não quer fracassar, quero te chamar para estudar a Bíblia comigo de Gênesis a Apocalipse, capítulo por capítulo, em vídeo-aulas, ai de seu celular, tablet ou computador no horário que você quiser! E ainda, como professor, vou tirar suas dúvidas diretamente no WHATSAPP. Vamos começar AGORA? Clique para saber mais…

Nosso país passa por um momento difícil. Talvez você também esteja passando um difícil momento de crise, passando por um grande deserto na área financeira. O fato é que reclamar do governo, do chefe, do trabalho, etc., não irá resolver a situação. Desanimar também não está entre as coisas que resolve crises! Quando estamos em alguma crise o que precisamos fazer é achar caminhos para solucionar essa situação difícil. E é aqui que entram várias orientações da Bíblia Sagrada que nos ajudam a enfrentar esses momentos duros de crise e os superarmos! Vamos superar isso juntos?

O Que A Bíblia Diz Como Sair Fa Crise Financeira?

Princípios Bíblicos para superar as crises financeiras

(1) Calcule o tamanho da sua crise

Quando passamos por momentos de crise financeira caímos no erro de não querer saber o tamanho de nossa crise. Muitos vão deixando as coisas rolarem, vão vivendo a vida da mesma forma, sem saber exatamente o tamanho da crise em que está vivendo, pois acham que não sabendo o tamanho dos rombos viverão melhor.

Jesus nos ensinou algo interessante: “Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os meios para a concluir?” (Lucas 14:28). O princípio ensinado aqui por Jesus é o da organização.

Você sabe quanto está gastando por mês? Sabe onde está indo seu dinheiro? Saberia dizer onde poderia fazer cortes para diminuir os gastos? Comece a vencer a crise calculando o tamanho dela em sua vida e família.

Não tenha medo dos números! Às vezes eles não serão tão positivos, mas eles te ajudarão a enxergar o que é necessário fazer para sair da crise. Faça como Jesus orientou: “Assente-se” e pense na sua crise, calcule-a em números reais.

(2) Ajuste seu padrão de vida

No verso que lemos de Lucas 14:28, além de Jesus ensinar sobre se assentar e calcular as coisas, observamos que Jesus também ensina que é preciso “verificar se tem os meios para a concluir…”. Momentos de crise exigem atitudes firmes.

Não vai adiantar querer continuar vivendo o mesmo padrão de vida de antes. É preciso avaliar cada coisa e verificar os cortes e adaptações necessárias. Lembro-me que passei por uma grave crise financeira logo após meu casamento.

Esse princípio me ajudou muito a me assentar com minha esposa e decidirmos juntos o que fazer.

Tivemos de reduzir a quantidade de jantares fora de casa, cortamos a compra de roupas novas por um bom tempo, nos policiamos para diminuir as contas de consumo (água, luz, telefone) e planejamos formas de aumentar os nossos ganhos através de cursos e estudo. Saímos da crise com ajustes importantes.

(3) Não se deixe contaminar pelas más notícias

Você liga a tevê e só vê notícias de crise. O que acontece? Você acaba se contaminando com as más notícias. Fica desanimado, com medo, com temor de ser mais ousado em seu trabalho e em suas decisões.

Ser contaminado pelas más notícias é a pior coisa que você pode deixar que aconteça com você. Considere as más notícias para fazer suas avaliações, mas não deixe que elas paralisem a sua vida.

A Bíblia nos traz essa importante lição: “Não se atemoriza de más notícias; o seu coração é firme, confiante no SENHOR” (Salmos 112:7).

A pessoa confiante é mais forte, mas firme em seu trabalho, mais positiva e, por todas essas coisas, consegue enfrentar e vencer as crises com muito mais ousadia do que aqueles que se entregam as desanimo. Não se atemorize, não deixe o medo te paralisar.

(4) Não fique paralisado pela falta de ação

Alguns, diante da crise, preferem a posição de paralisia. Ficam esperando enquanto suas situações pioram cada vez mais. A Bíblia nos orienta o contrário disso: “O preguiçoso deseja e nada tem, mas a alma dos diligentes se farta” (Provérbios 13:4). Se você está enfrentando uma crise financeira, saia da paralisia.

Pergunte a si mesmo: o que posso fazer para vencer isso? Fazer bicos? Estudar mais? Buscar um novo trabalho? Abrir meu próprio negócio? Buscar crescer dentro da empresa? Procurar emprego em outras áreas? As possibilidades são muitas para quem quer vencer! Mas somente existe vitória onde existe ação, por isso, aja! Quem se entrega à paralisia não vencerá a crise, será engolido por ela. Enquanto isso, aquele que é diligente (pessoa esforçada), se fartará, pois conseguirá com a bênção de Deus e com a força de seu trabalho e disposição, vencer a crise muito mais rápido do que aqueles que estão paralisados, se é que estes irão vencer, pois a paralisia só traz derrotas.

Leia também:  Quem Participou Na Missao Espacial Que Ficou Conhecida Como Vostok 1?

(5) Não enfrente as suas crises sozinho

Sozinhos somos sempre mais fracos! A Bíblia nos ensina um princípio extremamente poderoso: “Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho. Porque se caírem, um levanta o companheiro; ai, porém, do que estiver só; pois, caindo, não haverá quem o levante” (Eclesiastes 4:9-10).

A crise costuma nos trazer vergonha. Ficar sem emprego, sem dinheiro, vendo a família passando necessidades. Isso é muito doloroso! Por isso, não enfrente tudo isso sozinho. Se você é casado, chame sua esposa para enfrentar a batalha junto contigo.

Que tal começar a orar juntos e a buscar alternativas? Que tal um animar o outro? Que tal os dois compartilharem um plano para vencer essa crise e trabalharem unidos? A Bíblia ensina com muito poder que é melhor quando enfrentamos as coisas com parcerias! Se tiver filhos chame-os para lutar essa guerra com você! Imagine duas, três ou mais pessoas lutando juntas para vencer a crise? Bem melhor do que enfrentar tudo sozinho, concorda?

(6) Dica bônus: Enfrente a crise sabendo exatamente como vencê-la

Saber como fazer algo é um grande diferencial para quem quer realizar alguma coisa.

Imagine alguém querendo construir uma casa sem saber sequer como se mistura uma massa de cimento? Não vai dar certo, não é verdade? Dessa forma, gostaria de te indicar um material muito poderoso para que você saiba passo a passo (com todos os detalhes) como vencer as crises financeiras e vencer na área financeira.

Esse material se chama “Finanças para a vida: um plano de 7 semanas para transformar sua vida financeira através de princípios da palavra de Deus”. Clique aqui e tenha acesso a detalhes de mais essa ferramenta que irá te ajudar definitivamente a sair da crise e prosperar de forma sustentável.

Versículos de Conselhos Financeiros

A Bíblia tem muitos bons conselhos financeiros. Deus nos mostra como devemos lidar com o dinheiro – com generosidade e sabedoria, sem nos deixar dominar. A riqueza é boa, quando sabemos usá-la. Mas também é uma grande responsabilidade.

Os principais conselhos financeiros da Bíblia são:

  • Viver para Deus, não para o dinheiro
  • Ser honesto em todos os negócios
  • Evitar a preguiça
  • Ser generoso com quem precisa de ajuda
  • Ser moderado nos gastos
  • Poupar e estabelecer prioridades
  • Analisar tudo com cuidado

Não esgote suas forças
tentando ficar rico;
tenha bom senso! As riquezas desaparecem
assim que você as contempla;
elas criam asas
e voam como águias pelo céu.

Provérbios 23:4-5

Então lhes disse: “Cuidado! Fiquem de sobreaviso contra todo tipo de ganância; a vida de um homem não consiste na quantidade dos seus bens”. Lucas 12:15

“Ninguém pode servir a dois senhores; pois odiará um e amará o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro. Mateus 6:24

  • Não confiem na extorsão
    nem ponham a esperança em bens roubados;
    se as suas riquezas aumentam,
    não ponham nelas o coração.
  • Salmos 62:10

Há quem dê generosamente,
e vê aumentar suas riquezas;
outros retêm o que deveriam dar,
e caem na pobreza. O generoso prosperará;
quem dá alívio aos outros,
alívio receberá.

Provérbios 11:24-25

De fato, a piedade com contentamento é grande fonte de lucro, pois nada trouxemos para este mundo e dele nada podemos levar; por isso, tendo o que comer e com que vestir-nos, estejamos com isso satisfeitos.

Os que querem ficar ricos caem em tentação, em armadilhas e em muitos desejos descontrolados e nocivos, que levam os homens a mergulharem na ruína e na destruição, pois o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males.

Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram com muitos sofrimentos. 1 Timóteo 6:6-10

Ordene aos que são ricos no presente mundo que não sejam arrogantes, nem ponham sua esperança na incerteza da riqueza, mas em Deus, que de tudo nos provê ricamente, para a nossa satisfação. 1 Timóteo 6:17

Pois ouvimos que alguns de vocês estão ociosos; não trabalham, mas andam se intrometendo na vida alheia. A tais pessoas ordenamos e exortamos no Senhor Jesus Cristo que trabalhem tranquilamente e comam o seu próprio pão. 2 Tessalonicenses 3:11-12

  1. Não ame o sono,
    senão você acabará ficando pobre;
    fique desperto, e terá alimento de sobra.
  2. Provérbios 20:13
  • Plante de manhã a sua semente,
    e mesmo ao entardecer
    não deixe as suas mãos ficarem à toa,
    pois você não sabe o que acontecerá,
    se esta ou aquela produzirá,
    ou se as duas serão igualmente boas.
  • Eclesiastes 11:6
  1. O preguiçoso não aproveita a sua caça,
    mas o diligente dá valor a seus bens.
  2. Provérbios 12:27
  • As mãos preguiçosas
    empobrecem o homem,
    porém as mãos diligentes
    lhe trazem riqueza.
  • Provérbios 10:4
  1. Todo trabalho árduo traz proveito,
    mas o só falar leva à pobreza.
  2. Provérbios 14:23

Observe a formiga, preguiçoso,
reflita nos caminhos dela e seja sábio! Ela não tem nem chefe,
nem supervisor, nem governante, e ainda assim armazena
as suas provisões no verão
e na época da colheita
ajunta o seu alimento.

Provérbios 6:6-8

  • Não seja como aqueles que,
    com um aperto de mãos,
    empenham-se com outros
    e se tornam fiadores de dívidas; se você não tem como pagá-las,
    por que correr o risco de perder
    até a cama em que dorme?
  • Provérbios 22:26-27
  1. Quem serve de fiador certamente sofrerá,
    mas quem se nega a fazê-lo está seguro.
  2. Provérbios 11:15
  • O rico domina sobre o pobre;
    quem toma emprestado
    é escravo de quem empresta.
  • Provérbios 22:7
  1. Balanças e pesos honestos
    vêm do Senhor;
    todos os pesos da bolsa são feitos por ele.
  2. Provérbios 16:11
  • Aquele que anda corretamente
    e fala o que é reto,
    que recusa o lucro injusto,
    cuja mão não aceita suborno,
    que tapa os ouvidos
    para as tramas de assassinatos
    e fecha os olhos
    para não contemplar o mal, é esse o homem que habitará nas alturas;
    seu refúgio
    será a fortaleza das rochas;
    terá suprimento de pão
    e água não lhe faltará.
  • Isaías 33:15-16
  1. O dinheiro ganho com desonestidade
    diminuirá,
    mas quem o ajunta aos poucos
    terá cada vez mais.
  2. Provérbios 13:11
  • Quem aumenta sua riqueza
    com juros exorbitantes
    ajunta para algum outro,
    que será bondoso com os pobres.
  • Provérbios 28:8
  1. O avarento põe sua família em apuros,
    mas quem repudia o suborno viverá.
  2. Provérbios 15:27
  • A fortuna obtida com língua mentirosa
    é ilusão fugidia e armadilha mortal.
  • Provérbios 21:6

“Qual de vocês, se quiser construir uma torre, primeiro não se assenta e calcula o preço, para ver se tem dinheiro suficiente para completá-la? Pois, se lançar o alicerce e não for capaz de terminá-la, todos os que a virem rirão dele, dizendo: 'Este homem começou a construir e não foi capaz de terminar'. Lucas 14:28-30

  1. Quem examina cada questão
    com cuidado prospera,
    e feliz é aquele que confia no Senhor.
  2. Provérbios 16:20
  • Os planos bem elaborados levam à fartura;
    mas o apressado sempre acaba na miséria.
  • Provérbios 21:5
  1. O banquete é feito para divertir,
    e o vinho torna a vida alegre,
    mas isso tudo se paga com dinheiro.
  2. Eclesiastes 10:19
  • Quem se entrega aos prazeres
    passará necessidade;
    quem se apega ao vinho e ao azeite
    jamais será rico.
  • Provérbios 21:17

Não ande com os que
se encharcam de vinho,
nem com os que
se empanturram de carne. Pois os bêbados e os glutões
se empobrecerão,
e a sonolência os vestirá de trapos.

Provérbios 23:20-21

  1. Na casa do sábio
    há comida e azeite armazenados,
    mas o tolo devora tudo o que pode.
  2. Provérbios 21:20

Veja também o que a Bíblia diz sobre:

A crise pode ser uma oportunidade, se nos voltarmos a Deus

A Bíblia fala sobre ela há muito tempo! À medida que a volta do Senhor se aproxima, ela alcança maiores proporções (II Tm 3). Hoje, ela tem sido uma das principais manchetes dos noticiários. Temos nos acostumado a ouvir e até nos arriscamos a falar sobre ela. Ela está cada vez mais próxima a nós e, direta ou indiretamente, nos afeta. Ela é a CRISE!

Crise na família, crise na saúde, crise na educação, crise na segurança, crise moral, crise nos relacionamentos, crise política.

No Ministério dos Transportes, há quase dois meses, um esquema de cobrança de propinas foi descoberto, o diretor-geral do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), Luiz Antônio Pagot, caiu e mais de 20 funcionários foram exonerados.

No Ministério do Turismo, empresas de fachada e de propriedade de membros que faziam parte do esquema, foram usadas para direcionar licitações e firmar convênio em que recursos eram desviados.

Crise nas nações: Líbia, Egito, protestos na Jordânia, Iêmen, Argélia, Mauritânia, Síria, Arábia Saudita, Bahrein, Marrocos, Sudão e Omã. Crise na paz: Londres em Guerra, atentado na Noruega. Crise na economia: Grécia não consegue dinheiro emprestado para se financiar; Estados Unidos no vermelho, risco de calote americano. Crise na natureza: terremoto e furacão em Nova Iorque.

Leia também:  HTZ a osteoporoza – czy leczenie hormonami zapobiega osteoporozie?

Não podemos deixar de pensar em tudo isso no aspecto espiritual. Afinal, não estamos imunes à crise. As crises vividas em todos esses ambientes citados são, sem dúvida, reflexo do distanciamento do homem do seu criador! Portanto vivemos também uma crise espiritual.

Essa crise espiritual é percebida e sentida em nossos cultos. Muitas vezes começa nos púlpitos, através das heresias pregadas, da enxurrada de palavras sem unção do Espírito, da pregação que infla o nosso ego, desprovida de abnegação e de cruz (Mc 8.34), e se reflete em nosso dia a dia.

Olhe para as nossas Escolas Bíblicas! Há mais ou menos trinta anos elas foram substituídas, abolidas ou quase não existem em muitas igrejas, sob o argumento de não serem atrativas e por falta de participação.

Sejamos sinceros! Olhe para o horário em que as pessoas chegam à Escola Bíblica e ao culto, e muitas, sem a mínima motivação ou interesse.

A crise não é apenas política, econômica, familiar, sócio – ambiental, a crise é, sobretudo, espiritual.

Entretanto, sob todos os aspectos, principalmente o espiritual, a crise pode ser uma oportunidade!

Olhemos para a Bíblia. Há muito tempo atrás, no Salmo 46, o salmista já nos indicava um mundo em crise, uma natureza em crise (v. 2,3 ); nações em crise (v. 6,9). Os cenários vividos por nós hoje, são descritos anos trás. Para ele, a crise não impõe medo ou terror (v2)! Ela é vista como uma oportunidade e isso nos ensina muito!

A crise é uma oportunidade de reconhecer que as coisas não vão bem!

Só podemos escapar dela se acreditarmos que ela existe. Por isso, admita a crise! Reconheça seus problemas, suas dificuldades, seus erros. No meio dela, podemos nos arrepender da nossa desonestidade, dos nossos esquemas, dos nossos pecados! Afinal, nada há encoberto que não seja revelado (Mt 10.26), e de Deus não se zomba, pois tudo que o homem semear, também ceifará (Gl 6.7).

A crise é uma oportunidade de colocar Deus no centro da sua vida!

Num cenário crítico, os versículos 4 e 5 são uma declaração consoladora da presença poderosa e sustentadora de Deus no meio da sua cidade. Está faltando Deus nas nossas vidas no meio da crise! É a sua oportunidade de reavaliar sua vida e restabelecer Deus como sua prioridade (Mt 6.33).

A crise é uma oportunidade de pensar sobre o que tem sido sua segurança.

Para onde você corre em tempos de crise? Só existe estabilidade física, emocional, espiritual, econômica, familiar, ambiental, ou em qualquer outro aspecto, em Deus! Ele é o nosso refúgio e fortaleza, nosso socorro! (v1).

A crise é uma oportunidade para fortalecer sua fé na soberania de Deus.

Deus não perdeu o controle e muito menos o interesse em nós! O nosso desafio é descansar em sua soberania. Observe a declaração do v. 8: “Venham, e vejam as obras do Senhor!”. Ele é o Deus que faz, é aquele que dirige e que permite a história. A crise existe sob a soberania de Deus!

Em último lugar, a crise é uma oportunidade para vencer a autossuficiência. Não somos e não podemos nada sem Deus(Jo 15.6)!  Engana-se quem pensa que suas estratégias, sua inteligência, seus métodos falíveis, o livrarão.

Deus se revela como refugio, fortaleza, socorro bem presente na hora da crise! Ele ajuda, ele efetua, somente ele põe fim as guerras! “Aquieta-vos” (v.

10), nos diz o Senhor, literalmente, “parem de lutar”, não confiem em si mesmos! Na crise, ele é o único a ser exaltado.

Por: Pr. Alexandro Jorge da Silva – responsável pela IAP em Jundiaí (SP).

Versículos sobre crise financeira – Versículos Evangélicos

  • Causas da crise financeira
    A crise financeira é causada muitas vezes pelos próprios erros das pessoas, os quais muitos se precipitam tomando decisões erradas.
  • As pessoas as vezes se deixam levar pelos prazeres, curtição, mas esquecem que futuramente podem sofrer crises finanças.
  • Por outro lado, aqueles que se acham por terem muito, gastam excessivamente pensando que nunca irá lhe faltar nada, muito menos dinheiro.
  • Um dos principais motivos que levam muitas pessoas a caírem na ruína, sem dúvida é a falta de obediência a Deus, ou seja, muitos tomam suas próprias decisões sem mesmo consultar com Deus, sem ter a mínima ideia se o que está fazendo é mesmo ou não da vontade dele.

Uma das principais ideias para não ficar atolado na crise financeira, é evitar muitas dívidas, gastos desnecessários, ou melhor, procurar economizar em tudo, e agir com sabedoria na hora de tomar suas decisões, tendo também cuidado para não errarem em seus cálculos. Um bom conselho é – “Não ame o sono, muito menos fique de braços cruzados esperando trabalhos bons, se não quiser ficar perdido ainda mais financeiramente”.

                         Versículos de crise financeira

  1. Provérbios 16:20 – “Quem examina cada questão com cuidado prospera, e feliz é aquele que confia no Senhor”.
  2. Provérbios 21:5 – “Os planos bem elaborados levam à fartura; mas o apressado sempre acaba na miséria”.

  3. Eclesiastes 10:19 – “O banquete é feito para divertir, e o vinho torna a vida alegre, mas isso tudo se paga com dinheiro”.
  4. Provérbios 21:17 – “Quem se entrega aos prazeres passará necessidade; quem se apega ao vinho e ao azeite
    jamais será rico”.

Lucas 14:28-30 – “Qual de vocês, se quiser construir uma torre, primeiro não se assenta e calcula o preço, para ver se tem dinheiro suficiente para completá-la? Pois, se lançar o alicerce e não for capaz de terminá-la, todos os que a virem rirão dele, dizendo: ‘Este homem começou a construir e não foi capaz de terminar”.

  • Provérbios 21:20 – “Na casa do sábio há comida e azeite armazenados, mas o tolo devora tudo o que pode”.
  • Provérbios 20:13 – “Não ame o sono, senão você acabará ficando pobre; fique desperto, e terá alimento de sobra”.
  • Eclesiastes 11:6 – “Plante de manhã a sua semente, e mesmo ao entardecer não deixe as suas mãos ficarem à toa, pois você não sabe o que acontecerá, se esta ou aquela produzirá, ou se as duas serão igualmente boas”.

Mateus 6:24 – “Ninguém pode servir a dois senhores; pois odiará um e amará o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro”.

Salmos 62:10 – “Não confiem na extorsão nem ponham a esperança em bens roubados; se as suas riquezas aumentam, não ponham nelas o coração”.

Provérbios 11:24-25 – “Há quem dê generosamente, e vê aumentar suas riquezas; outros retêm o que deveriam dar, e caem na pobreza. O generoso prosperará; quem dá alívio aos outros, alívio receberá”.

1 Timóteo 6:6-10 – “De fato, a piedade com contentamento é grande fonte de lucro, pois nada trouxemos para este mundo e dele nada podemos levar; por isso, tendo o que comer e com que vestir-nos, estejamos com isso satisfeitos.

Os que querem ficar ricos caem em tentação, em armadilhas e em muitos desejos descontrolados e nocivos, que levam os homens a mergulharem na ruína e na destruição, pois o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males.

Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram com muitos sofrimentos”.

  1. 1 Timóteo 6:17 – “Ordene aos que são ricos no presente mundo que não sejam arrogantes, nem ponham sua esperança na incerteza da riqueza, mas em Deus, que de tudo nos provê ricamente, para a nossa satisfação”.
  2. Isaías 33:15-16 – “Aquele que anda corretamente e fala o que é reto, que recusa o lucro injusto, cuja mão não aceita suborno, que tapa os ouvidos para as tramas de assassinatos e fecha os olhos para não contemplar o mal, é esse o homem que habitará nas alturas; seu refúgio será a fortaleza das rochas; terá suprimento de pão
    e água não lhe faltará”.
  3. Provérbios 13:11 – “O dinheiro ganho com desonestidade diminuirá, mas quem o ajunta aos poucos terá cada vez mais”.
  4. Provérbios 10:4 – “As mãos preguiçosas empobrecem o homem, porém as mãos diligentes lhe trazem riqueza”.

Provérbios 6:6-8 – “Observe a formiga, preguiçoso, reflita nos caminhos dela e seja sábio! Ela não tem nem chefe, nem supervisor, nem governante, e ainda assim armazena as suas provisões no verão e na época da colheita ajunta o seu alimento”.

Provérbios 11:15 – “Quem serve de fiador certamente sofrerá, mas quem se nega a fazê-lo está seguro”.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*