Etiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?

Etiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?

A par da emoção e dos sentimentos que o momento acarreta, um casamento é ainda hoje uma celebração carregada de tradição e simbolismo, apesar de todas as mudanças pelas quais tem passado ao longo dos anos. Por isso, e independentemente do tipo de casamento ser mais formal ou descontraído, há sempre regras de protocolo e etiqueta de casamento que os noivos não devem dispensar, de modo a que o grande dia seja tudo o que sempre sonharam.

A verdade é que o protocolo não passa de um conjunto de regras e normas de conduta em sociedade que aproxima e facilita a comunicação entre as pessoas. Num casamento, em particular, o seu cumprimento não significa que o ambiente seja rígido, pois se as pessoas souberem como agir, interagir e reagir a festa será certamente um sucesso.

Fique a conhecer 20 regras essenciais de etiqueta de casamento de acordo com as diferentes fases da organização, que devem orientar todo o processo, bem como o dia da cerimónia.

guardarEtiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?Foto: Estúdios Santa Cruz
guardarEtiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?Foto: Estúdios Santa Cruz

Embora protocolarmente o convite de casamento possa ser entregue apenas com um mês de antecedência, o aconselhável segundo a etiqueta de casamento é que tal seja feito três meses antes da data do casamento.

No caso de pessoas que vivam no estrangeiro ou cuja presença implique uma grande deslocação e respetivo alojamento, é de bom-tom enviar um Save The Date seis meses antes, mesmo que os noivos não o façam para todos os outros convidados.

Entretanto, se antigamente a entrega do convite era feita maioritariamente em mão, para que os noivos pudessem ver a reação das pessoas, hoje em dia opta-se muitas vezes pelo envio por correio, senão por e-mail. No entanto, há quem resgate esta tradição da etiqueta de casamento, levando inclusivamente uma máquina fotográfica para gravar o momento e fazer um pequeno filme para posteriormente mostrar na festa de casamento.

Veja também: Como endereçar o convite de casamento de forma correta?

guardarEtiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?
guardarEtiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?

Siga também os nossos conselhos para saber o que escrever nos convites do seu casamento. É tão simples: é só carregar no play!

Convidados especiais

2. Os avós são especiais

Nada justifica não entregar pessoalmente um convite de casamento aos avós, a menos que vivam no estrangeiro. Igualmente, é importante reservar um lugar especial na Igreja ou local da cerimónia para eles, preferencialmente no primeiro banco.

3. Os padrinhos

De acordo com a etiqueta de casamento o padrinho e a madrinha têm papéis bem definidos, sendo os responsáveis pela organização das despedidas de solteiro(a) e pela manutenção da calma no grande dia em momentos de maior nervosismo.

Os padrinhos devem ainda assumir a função de ajudar os convidados a tomar os seus lugares na cerimónia, sendo a madrinha a particular responsável por garantir que a noiva está sempre bem arranjada.

Na receção do casamento, o padrinho deve ainda fazer um pequeno discurso.

Veja também: Ideias para uma despedida de solteira descontraída e jogos divertidos

guardarEtiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?Foto: André Tavares Wedding Photographer via a pajarita
guardarFoto: Multifoto – Handmade love stories

A indumentária clássica continua a ser a mais procurada pelos noivos, embora nem sempre seja bem usada (o elegante smoking, por exemplo, não é protocolarmente adequado para casamentos na Igreja).

Na realidade, a etiqueta de casamento deixa poucas alternativas: o fato escuro completo (noite) ou fraque (dia). Relativamente aos acessórios, a etiqueta de casamento dita que os homens devem usar meias altas até ao joelho e sapatos pretos (de atacadores ou fivela).

Quanto à gravata, podem existir maiores variações, embora se recomendem gravatas discretas, preferencialmente lisas.

Leia também: Fatos de noivo 2020: 51 modelos para descobrir, perfeitos para o homem vanguardista!

guardar

De acordo com a etiqueta de casamento, os pais do noivo e os padrinhos devem usar o mesmo tipo de roupa do noivo.

6. As convidadas

Uma cor que está totalmente proibida de acordo com a etiqueta de casamento é o branco, que está reservado para as noivas (a não ser que o casamento seja na praia). De igual forma o vermelho não é nada recomendável, os chapéus só são indicados para o dia e os vestidos compridos são mais habituais em festas à noite.

7. A cor do vestido de noiva

A etiqueta de casamento diz que quem já tiver filhos não deverá usar o vestido branco, mas vamos concordar neste ponto que as regras também existem para ser quebradas!

Veja também: Vestidos de noiva cor champanhe: quando o branco não é opção!

guardarVenue, planning and styling: Quinta da Quintã | Fotografia: João Almeida | Vestido: Gio Rodrigues | Hair&Makeup Estefânia Genovese
guardar

Para garantir o sucesso de uma cerimónia religiosa é essencial definir as leituras, as músicas do coro, decidir quem lê e participa na oração dos fiéis, etc.

Leia também: As mais belas leituras religiosas para ouvir no seu casamento  e Missal para casamento religioso: já pensou no seu?

9. Os convidados

Segundo a etiqueta de casamento, os convidados devem chegar pelo menos 20 minutos antes da hora marcada e, se chegarem atrasados, devem sentar-se com a maior discrição ao fundo da sala, para não perturbar a cerimónia.

Tradicionalmente, os convidados da noiva sentam-se à esquerda e os do noivo à direita, embora seja cada vez mais recorrente esta regra de etiqueta de casamento ser ignorada, ou porque há uma grande diferença entre o número de convidados de cada um ou porque opta-se por lugares não reservados ou apenas parcialmente reservados.

10. A entrada da noiva

De acordo com a etiqueta de casamento a noiva é sempre a última a entrar na igreja, em direção ao altar onde estão os padrinhos e, obviamente, o noivo, que a recebe com o braço esquerdo.

Há, no entanto, outra hipótese também protocolar: os padrinhos esperam no altar enquanto entram sucessivamente a mãe da noiva de braço dado com o pai do noivo, seguidos do noivo com a sua mãe pela esquerda, o oficial da cerimónia, as crianças e, finalmente, a noiva com o seu pai.

Atenção que, embora a tradição mande que seja o pai a entregar a filha, esta pode entrar sozinha ou com um acompanhante escolhido por ela. Relativamente ao padrasto, a etiqueta de casamento dá sempre primazia ao pai.

No entanto, hoje em dia já é bem aceite que a noiva faça uma homenagem os dois, caso se dê bem com ambos, dirigindo-se em direção ao “Sim, aceito” com um de cada lado.

Veja também: Como fazer a entrada e saída da Igreja em 5 passos

guardar
guardarFoto: André Tavares Fotografia

Se a noiva optar por véu deverá entrar na Igreja com este acessório colocado. Ao chegar ao altar, é o pai quem o afasta da cara da filha.

Veja também: Mais de 40 véus de noiva que a tornarão ainda mais especial no dia do seu casamento

12. O bouquet da noiva

Durante a cerimónia, a etiqueta de casamento manda a noiva entregar o bouquet à sua madrinha, que o devolve no final.

Leia também:  Como E Quando Se Devem Enxertar As Oliveiras?

13. Saída da igreja

Depois do casamento oficialmente celebrado, os noivos devem ser os primeiros a abandonar o local. Se quiserem seguir a etiqueta de casamento ao pormenor, depois dos noivos saem as crianças, os padrinhos e só depois os restantes convidados.

guardarFoto: André Heller – Photographer
guardarFoto: André Tavares Fotografia

Depois da cerimónia, os convidados podem chegar ao local da receção antes dos noivos, pelo que deverá estar lá alguém com a função de recebê-los. Segundo a etiqueta de casamento, os noivos devem ser os últimos a chegar, devidamente anunciados.

15. Distribuição das mesas

Por muito simples que vos possa parecer a ideia de deixarem a escolha dos lugares para os convidados, a verdade é que tal decisão pode gerar grande confusão no dia.

A melhor opção é seguir a etiqueta de casamento e organizar previamente as mesas dos convidados, agrupando-os.

Depois de o fazerem, podem então deixá-los escolher onde se querem sentar na mesa que lhes foi atribuída.

Veja também: Os nomes para as mesas de casamento serão mesmo um quebra-cabeças?

guardar
guardarFoto: Luis Efigénio Photography

De acordo com a etiqueta de casamento, os noivos devem ser os primeiros a ser servidos e a iniciar a refeição.

17. O corte do bolo de casamento

O bolo corta-se após a refeição e os discursos dos pais dos noivos, padrinhos e dos próprios noivos.

Manda a etiqueta de casamento que o corte da primeira fatia seja feita em conjunto, com a mão direita do noivo sobreposta sobre a mão direita da noiva.

De seguida, a noiva leva uma pouco de bolo à boca do noivo, ficando a restante fatia para ela. Neste momento, o brinde aos recém-casados também não pode faltar!

Veja também: Quando se deve fazer o corte do bolo de casamento?

guardar
guardar

Segundo a etiqueta de casamento, os convidados que não conseguirem estar presentes devem enviar um presente à mesma.

19. Valor do presente

Em termos protocolares, o presente de casamento deve ser proporcional ao número de pessoas que os noivos indicam no convite. No entanto, convenhamos: oferece-se o que se pode, com carinho e a melhor das intenções.

Veja também: Quanto devo gastar numa prenda de casamento?

20. Lista de casamento

De acordo com a etiqueta de casamento, se alguém quiser saber quais as preferências dos noivos ou onde está a lista de presentes, deve contactar a madrinha de casamento, os pais dos noivos, e, só em último recurso, os próprios noivos.

Leia também: Lista de casamento: os presentes que não podem faltar e os melhores conselhos para a elaborar

guardar
guardar

E então? O que lhe parece? Vai ou não seguir a etiqueta de casamento?

Veja também o nosso vídeo para dissipar qualquer dúvida.

E talvez também lhe interesse:

Regras essenciais para se tornar um excelente motorista particular

Etiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?

O motorista particular deve ter noções básicas de cerimonial e etiqueta social

Quanto à profissão de motorista particular, esta pode ser regida por regimes trabalhistas distintos. Esse profissional tanto pode ser considerado um empregado doméstico, como pode ser um funcionário de uma empresa.

Isso vai depender do tipo de serviço que presta.

Independente desta distinção, é imprescindível uma boa apresentação pessoal, visando harmonizar o indivíduo com sua vestimenta, asseio, postura e discrição.

Além disso, “o motorista presta serviços em locais com grande concentração de pessoas, geralmente de nível social e econômico elevado, por isso, é importante que ele tenha cuidados especiais com o asseio e a higiene pessoal”, afirma o professor Plácido Soares, do curso Treinamento de Motorista Particular, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

Asseio pessoal

  •   Por razões óbvias, o banho diário é indispensável;
  •   Cabelos curtos e barba raspada ou bem cuidada;
  •   Unhas bem cortadas e limpas;
  •   Dentes escovados e cuidados especiais com o hálito;
  •   Cuidados com caspa e seborreia. A imagem de caspas sobre os ombros dá uma enorme sensação de falta de higiene;
  •   Espinhas e acnes devem ser tratadas. Se necessário, use uma bandagem;
  •   Use sempre um desodorante, porém de aroma suave e agradável.

Postura e comportamento

  •   Dirigir sempre com o corpo reto e a cabeça erguida, evitando debruçar-se sobre o volante ou esticar-se para trás;
  •   Não fumar enquanto estiver dirigindo e, uma vez fora do veículo, só fumar em local permitido;
  •   Não mascar chicletes, nem cuspir na janela, enquanto estiver dirigindo;
  •   Falar sempre em tom de voz audível, evitando gritos, gargalhadas e expressões impróprias;
  •   Dirigir sempre com uma expressão séria, porém simpática;
  •   Não tocar nas pessoas enquanto conversar com elas;
  •   Enquanto aguardar um passageiro, não deve ficar com as mãos nos bolsos ou encostado em paredes ou mesmo no veículo. Isso demonstra desleixo, desatenção e falta de profissionalismo.

Etiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?

É importante que o motorista esteja sempre atento aos gostos e desejos do passageiro. Foto: reprodução

Embarque e desembarque de passageiros

  •   Nunca aguardar um passageiro dentro do carro. O motorista deve estar sempre do lado de fora do veículo, ao lado da porta, esperando quem vai embarcar;
  •   Se o motorista tiver de aguardar alguém por um longo período, ele deve fechar o veículo e aguardar a pessoa dentro do local onde ela se encontra. Se for em uma empresa, pode ficar na sala de recepção, por exemplo. Se for em uma residência, pode ficar no jardim ou em qualquer outro local apropriado;
  •   Com a aproximação da pessoa que vai embarcar, o motorista deve abrir a porta de trás do veículo para que a pessoa entre. Quando ela estiver devidamente acomodada no banco, o motorista deverá fechar a porta com todo o cuidado, sem batidas fortes;
  •   Alguns passageiros preferem ir no banco da frente, ao lado do motorista. Nesse caso, o motorista deverá igualmente abrir a porta da frente e aguardar que a pessoa se acomode, fechando a porta em seguida;
  •   Se a pessoa que vai embarcar estiver carregando bagagens, o motorista deve ir o encontro dela e apanhar a bagagem, acompanhando-a até o carro. Chegando próximo ao carro, o motorista deve deixar a bagagem no chão, abrir a porta para que o passageiro embarque e, em seguida, fechar a porta;
  •   Após o embarque do passageiro, o motorista deve acomodar a bagagem no porta-malas, entrar no veículo e deslocar-se para o local desejado.

Os mesmos critérios devem ser adotados para o desembarque, além dos que seguem abaixo:

  •   Após estacionar, o motorista deve desembarcar e abrir a porta para o passageiro descer. Se o passageiro estiver acomodado do lado esquerdo do veículo, basta descer e abrir a porta;
  •   Se o passageiro estiver acomodado do lado direito do veículo, o motorista deve contorná-lo sempre pelo lado da frente do veículo, e abrir a porta para o passageiro desembarcar;
  •   Caso haja bagagem, o motorista deve esperar o passageiro desembarcar, abrir o porta-malas, apanhar a bagagem e carregá-la até a portaria do local onde o passageiro vai ficar.

Essas são as regras básicas para o embarque e desembarque de passageiros.

Leia também:  Como Reagir Quando Alguem Nos Ofende?

No entanto, é importante que o motorista esteja sempre atento aos gostos e desejos do passageiro, procurando assim tomar as atitudes e tudo como ele gostaria que fossem feitas.

No caso em que o motorista presta serviços para uma família ou para uma empresa por muito tempo, ele vai aprendendo os hábitos e costumes das pessoas, adaptando-se mais facilmente a eles.

Existem patrões, por exemplo, que não gostam que carreguem sua bagagem, preferindo fazer isso pessoalmente. Nesses casos, o motorista deve respeitar o hábito do patrão, deixando a bagagem por conta dele e assim por diante. O importante é que o motorista esteja sempre atento a tudo, procurando fazer seu serviço da melhor forma possível, sempre agradando seus patrões ou superiores.

Cerimonial e etiqueta

Geralmente, empresas ou pessoas que contratam motoristas particulares têm um alto poder aquisitivo e relevante importância social, política ou econômica.

Por isso, o motorista deve ter sempre consciência de que estará constantemente em ambientes requintados e bem frequentados.

Sendo assim, ele deve ter noções básicas de cerimonial e etiqueta social, como por exemplo, deve saber se dirigir a autoridades, chamando-as corretamente pelo pronome de tratamento adequado (Vossa Excelência, Vossa Senhoria, entre outros).

Da mesma forma, pode ocorrer que, ao buscar uma pessoa para ser levada a algum local, onde a pessoa que vai recebê-la não a conheça, o motorista tenha de fazer as devidas apresentações.

Outro fato que se verifica, com frequência, principalmente em viagens longas, é o patrão ou a família convidar o motorista para almoçar ou jantar na mesma mesa no restaurante.

Daí a importância de se conhecer algumas regras de etiqueta social para refeições.

Confira mais informações, acessando os cursos da área Treinamento Profissional.

Por Andréa Oliveira

Etiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta? Etiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta? AVISO LEGAL

Este conteúdo pode ser publicado livremente, no todo ou em parte, em qualquer mídia, eletrônica ou impressa, desde que contenha um link remetendo para o site www.cpt.com.br.

Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Carregar mais comentários

As novas regras de etiqueta social | Correio Online

O mundo está diferente, não vemos mais tantas pessoas e carros nas ruas como antes. Não podemos visitar nossos familiares e nem dar aquele abraço apertado em quem amamos. A pandemia ocasionada pelo novo Coronavírus levou cidadãos do mundo todo a voltarem suas atenções para si mesmos e levantou a discussão sobre os hábitos de higiene adotados por cada um.

Entretanto, apesar de todas as precauções que já estamos cansados de ouvir para proteger a nossa saúde, ainda existem pessoas que não cumprem as medidas de proteção à risca, e o pior, não respeitam quem está próximo tentando se proteger. É por isso que no texto de hoje vou falar um pouco mais sobre as novas regras de etiqueta que devemos seguir e dar algumas dicas de coisas simples, mas que podem preservar você e sua família.

É impossível ficarmos dentro de casa o tempo todo, muitos continuam trabalhando, e mesmo quem está em quarentena, em alguma hora precisa sair para ir ao supermercado, farmácia, no banco e por aí vai. Contudo são nessas “escapadas” que o descuido acontece.

Nas ruas, muitas pessoas saem desprotegidas e não se preocupam em tocar nos objetos ao redor sem proteção.

Somado a isso, ainda temos aquelas com o péssimo hábito de levar as mãos à boca ou aos olhos, o que abre portas para uma série de infecções e não só a Covid-19.

Regras de ouro para quando sair às ruas

Não custa nada mudar seu comportamento ao sair de casa. São medidas muito simples de serem adotadas e que cabem dentro da sua bolsa, mochila ou até mesmo no bolso da calça.

Primeira regra: a partir de agora, sempre que precisar sair você vai levar uma máscara de rosto. Pode ser de pano, TNT, meia, ou até mesmo aquelas descartáveis.

Se quiser usar assim que estiver na rua, melhor ainda, se não, lembre-se sempre de colocá-la ao entrar em algum estabelecimento.

Segunda regra: carregue com você sempre um frasco de álcool gel! Eles são pequenos, não ocupam quase nenhum espaço, e podem ser seu grande aliado. O álcool 70% pode substituir a higienização das mãos quando você não tiver acesso à água e sabão.

Terceira regra: lembre-se da etiqueta da tosse! Aprendemos muito com a gripe suína em 2009, mas parece que muita gente já se esqueceu. Em público ou sozinho, ao tossir e espirrar, JAMAIS, faça isso sem cobrir a boca e, NUNCA cubra com as mãos.

Cubra o rosto com o braço e de preferência com algum lenço descartável entre a pele do braço e do rosto, assim você deverá descartá-lo imediatamente após o uso e limpe o local em seguida com álcool ou água e sabão.

Ah! E se estiver dentro de algum estabelecimento comercial com mais pessoas juntas, prefira se afastar quando a vontade de tossir ou espirrar chegar.

Respeito é tudo

Por fim, a principal regra da etiqueta é o respeito! Respeite a pessoa que está próxima a você. Como? Não ignorando as regras de proteção à saúde, respeitando os estabelecimentos que se encontram abertos por serem considerados essenciais para o seu bem-estar e as medidas de segurança que eles impuseram.

Além disso, é quase involuntário cumprimentarmos as pessoas com abraços e os famosos dois beijinhos no rosto. Porém o momento agora é de se reinventar, deixe o clássico cumprimento para outra hora e abuse da sua criatividade para saudar as pessoas de longe. Essa é uma das grandes formas de mostrar o respeito.

Também não faça visitas, principalmente a idosos ou crianças, eles são os maiores grupos de risco da Covid-19. Para matar a saudade de quem se ama, faça visitas virtuais, com chamadas de vídeo, envio de fotos ou ligações. Neste momento devemos estar conectados uns com os outros como nunca antes estivemos, somente assim seremos mais fortes que a pandemia e venceremos mais esta batalha.

Espero que tenham gostado do texto e, tenho a certeza, que você anotou todas as regras que passei. Certamente após a leitura, se não as utilizava, passará a adotar estas e outras medidas de prevenção. E se já usa, com certeza irá reforçá-las daqui para frente. Um abraço virtual e até a próxima edição!

Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas! Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383

Escrito por Nayara Costa, no dia 16/04/2020 Etiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?

10 Ótimas Dicas de Etiqueta Profissional

Etiqueta Como Entrar 2 Pessoas No Carro Quando Nos Abrem A Porta?

O mercado de trabalho altamente competitivo exige cada vez mais de um profissional, tanto em aspectos técnicos como atitudes corretas. Pesquisas revelam que a maioria das empresas demitem profissionais com excelente formação acadêmica por motivo de má conduta e vários entrevistados do Guia da Carreira já falaram a frase: “Cada vez mais as empresas contratam pela experiência e habilidade e demitem por comportamento”.

Leia também:  O Que É Hemorroidas E Como Tratar?

A habilidade comportamental de um profissional pode determinar não só a sua permanência na empresa, mas até garantir uma promoção. E seguir algumas regras de etiqueta profissional auxilia no convívio com os colegas, superiores, subordinados e clientes. São cuidados com a postura, o vestuário, o comportamento e a comunicação que devem ser tomados por todos dentro de uma empresa.

Confira 10 excelentes dicas de etiqueta profissional para começar a colocar em prática desde já:

1 – Pontualidade – Seja pontual em seus compromissos e respeite os horários.

Organize-se para chegar sempre cedo no trabalho e em reuniões. Se precisar sair antes do fim de uma reunião, procure avisar com antecedência a quem está presidindo o encontro e saia discretamente.

Esteja atento aos prazos de entrega de trabalhos e relatórios e cumpra-os à risca. Se não for possível atender o prazo combinado, avise as pessoas envolvidas com o máximo de antecedência, explique as razões do atraso e, se possível, combine novo horário ou data.

2 – Apresentação pessoal – Mantenha uma boa imagem pessoal

A primeira leitura que alguém fará de você será baseada em sua aparência: suas roupas; cabelo e higiene pessoal. Cuidar desses aspectos mostra respeito e comprometimento com a empresa.

Vista-se de forma discreta, evite modismos, decotes reveladores e excesso de acessórios. Evite “mostrar pele” demais, use blusas com mangas ao invés de regatas, cuide com o comprimento de saias e prefira calças à bermudas. Cada ambiente de trabalho exigirá um tipo de vestimenta, fique atento ao grau de formalidade de sua empresa.

Esteja sempre alinhado, com as roupas limpas e bem passadas e sapatos engraxados.

A higiene pessoal é outro fator importante. Procure sempre manter  seus cabelos limpos, penteados e bem cortados, a barba bem feita ou cortada, unhas limpas e sem esmalte descascando, dentes escovados e bom hálito.

A pele também deve ser bem cuidada. Use produtos adequados para reduzir a oleosidade, disfarce espinhas ou manchas e use maquiagem discreta.

  • 3 – Postura – Use a linguagem corporal a seu favor
  • Com postura e movimentos corretos você pode influenciar positivamente as pessoas ao seu redor.
  • Mantenha a postura ereta ao ficar de pé: ombros para trás e cabeça erguida demonstram confiança.

Ao conversar com as pessoas, mantenha sempre contato visual. Evite cruzar os braços ou apoiá-los na cintura, pois isso pode transmitir passividade e desinteresse na conversa.

  1. Gesticular um pouco ao falar pode dar mais confiabilidade ao que está sendo dito, além de ajudar a formar pensamentos mais claros.
  2. Quando estiver sentado, procure manter a coluna ereta.
  3. 4 – Tom de voz –Controle o tom e o volume de sua voz
  4. Procure manter um tom de voz neutro, controlando suas emoções para não demonstrar sentimentos negativos como agressividade, deboche e irritabilidade, entre outros.

Se estiver descontente com algo, evite falar naquele momento. Respire fundo, tente se acalmar e colocar os pensamentos em ordem. É mais difícil controlar o tom de voz quando dizemos a primeira coisa que nos vem a cabeça, portanto reflita sempre antes de falar.

O volume de sua voz também é importante, evite falar alto demais. Em certos ambientes é necessário falar um pouco baixo, mas certifique-se de que a outra pessoa possa ouvi-lo. Cuidado com as risadas também, gargalhadas altas são inadequadas.

  • 5 – Bom humor sem exageros – Evite Piadas e Brincadeiras
  • Todos desejam trabalhar em um ambiente com atmosfera agradável, alegre e descontraído, mas há limite para o humor.
  • Expresse seu bom humor sendo simpático, sorrindo e fazendo comentários leves e agradáveis.

Lembre-se da diversidade existente em um ambiente de trabalho, com pessoas de diferentes culturas e crenças convivendo juntas. Portanto, evite as brincadeiras e piadas, pois elas podem facilmente deixar alguém desconfortável, ou até mesmo ofender.

Cuide também de como trata as pessoas. Não é recomendável criar apelidos, ou chamar os outros por uma versão mais curta de seu nome, sobretudo em ambientes mais formais. Para evitar deslizes, procure chamar as pessoas pelo nome com que elas se apresentam.

6 – Ao entrar – Peça licença ao entrar e cumprimente a todos

Sempre peça licença ao entrar em um ambiente, mesmo que a porta esteja aberta. Cumprimente todas as pessoas que estão ali. Bastam um sorriso e um “bom dia” ou “boa tarde”, não é preciso chegar dando beijinhos nos integrantes da reunião.

Ao entrar na sala ou escritório de alguém, espere receber um convite para depois sentar.

7 – Caixa postal em dia – Não deixe nenhum e-mail sem resposta.

Procure acessar com frequência o e-mail corporativo e enviar respostas rápidas de forma clara e objetiva. Quem envia um e-mail espera por uma resposta. Caso você não consiga responder a uma solicitação no mesmo dia, mande uma mensagem curta dizendo que recebeu o e-mail e irá tratar da resposta o mais rápido possível.

Não utilize o e-mail da empresa para assuntos pessoais ou para enviar mensagens com assuntos não profissionais. Para isso, use sua conta de e-mail pessoal e preferivelmente fora do horário de expediente.

8 – Respeite o horário de intervalo – Não coma em sua mesa de trabalho ou fique conversando com colegas que estão trabalhando

O intervalo  de trabalho é o momento em que você pode resolver questões pessoais, dar telefonemas e conversar sobre amenidades com seus colegas.

Evite falar sobre questões de trabalho, ou tentar resolver pendências durante um almoço informal com os colegas. Se almoçou rapidamente e voltou à sua mesa antes da hora, evite interromper os que estão em horário de expediente.

Não coma lanches em sua mesa de trabalho. Além de ser deselegante, você corre o risco de derramar alguma coisa no computador ou em algum documento importante.

9 – Conversas de corredor  – Fique longe das fofocas

Embora as pessoas geralmente passem mais tempo no trabalho do que em casa, isso não as dá o direito de serem invasivas. Evite fazer perguntas pessoais aos seus colegas, ouça mais do que fale e espere a outra pessoa ter a iniciativa de contar algo pessoal.

Evite expor sua vida privada e não participe de fofocas. Existe uma linha tênue entre comentários e fofocas. Na dúvida, evite expor sua opinião sobre alguém. O ideal é que esta pessoa esteja presente ao se falar dela ou de seu trabalho. É aquela velha e sempre importante regrinha de ouro: elogie em público, critique em privado.

  1. 10 – Imagem Profissional – Não fale mal da empresa em que trabalha
  2. Além de antiético, falar mal da empresa onde se trabalha pode denegrir sua imagem profissional.
  3. Preste atenção ao tipo de comentário que você fará sobre a empresa, outros colegas e chefe para as pessoas de fora do trabalho e, principalmente para seus clientes e colegas.
  4. Isto também vale para a empresa em que você não trabalha mais.

Você tem alguma dica de etiqueta profissional para compartilhar? Deixe um comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*