Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

Normalmente, quando uma rede Wi-Fi fica lenta é porque há muitos dispositivos conectados nela. No entanto, se na sua casa não há muitos aparelhos que fazem uso da rede de internet sem fio e, mesmo assim, seu smartphone demora para carregar um vídeo no YouTube, por exemplo, é possível que alguém de fora a esteja utilizando.

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

Aqui você vai aprender a como saber quem está usando a sua rede Wi-Fi, como chutar os penetras para fora dela e também a como fazer para que novos espertinhos não tentem se conectar, sobrecarregando a sua conexão de internet.

Como descobrir quem está usando o seu Wi-Fi

A maneira mais simples de descobrir quais dispositivos estão conectados a uma rede Wi-Fi é utilizando softwares de análise, disponíveis para as principais plataformas. Com eles, o usuário terá à mão uma lista com todos os aparelhos conectados e poderá identifica-los facilmente, o passo mais importante para bloquea-los posteriormente.

1. IP Tools: WiFi Analyser (iOS, Android)

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

Disponível para iOS e Android, o WiFi Analyser possui diversas opções, mas foca no básico. Ele é capaz de fazer uma análise completa de uma rede e identificar, inclusive por fabricante todos os dispositivos conectados. Com esses dados, o usuário pode enviar alertar e até realizar um Ping, de modo a aguardar uma resposta do receptor.

Tais recursos são necessários para separar os seus próprios dispositivos daqueles estranhos, que não poderão ser verificados pessoalmente se receberam os comandos do app. Ele revela informações completas de cada dispositivo revelado, como endereço IP e endereço MAC, este último muito importante. O aplicativo é gratuito.

2. Fing (Android)

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

O Fing é um aplicativo exclusivo para Android e tão eficiente quanto todos os outros. Conta com ferramentas avançadas de monitoramento e diagnóstico e possui uma interface bastante intuitiva para uso por leigos.

Com ele, é possível escanear completamente a rede Wi-fi e revelar quais aparelhos a estão usando e, quando possível, identificados por fabricante e modelo.

O usuário pode enviar alertas e Ping para rastrear o gadget, de modo a separar os seus dos de outros. Também é gratuito.

3. Network Analyser (iOS)

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

Para usuários de iPhone e iPad, o Network Analyser é um app simples e completo.

Permite solucionar uma série de problemas relativos à rede, como performance e especificações, e oferece informações precisas sobre quem está conectado.

É possível identificar os endereços MAC dos gadgets na rede e realizar um Ping para identifica-los, permitindo que saiba quais são os seus aparelhos e quais não são. O app é gratuito.

4. Angry IP Scanner (Windows, macOS e Linux)

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

Você pode também revelar os penetras usando o seu desktop. Para isso, o programa Angry IP Scanner é uma excelente pedida.

Conta com uma interface simples e até bastante espartana, característica comum em projetos de código aberto, mas é capaz de varrer rapidamente a rede e identificar todos os dispositivos conectados, separando-os entre ativos e inativos, além de permitir fazer um Ping e identifica-los.

Como os demais aplicativos para celular, ele relaciona o endereço IP e MAC dos dispositivos conectados, e por ser um software livre o Angry IP Scanner está disponível tanto para Windows, quanto para macOS e Linux e é gratuito.

Como identificar quem está usando sua rede Wi-Fi

Independente de qual aplicativo você use, acesse os menus de pesquisa da rede que você deseja analisar, e ele deverá retornar uma lista com todos os aparelhos identificados; alguns ativos e em uso, e outros que já se conectaram e não estão utilizando sua rede no momento.

Ao clicar em qualquer um deles, dependendo do software, é possível enviar uma série de alarmes, Ping e notificações, necessários para saber se ele é um dos seus ou não. Caso não seja, anote o número do endereço MAC. Você vai precisar dele a seguir.

Como banir dispositivos intrusos de sua rede Wi-Fi

A primeira coisa e mais simples a fazer pra banis um intruso na sua rede Wi-Fi é trocar a senha do seu roteador. Depois, de posse dos endereços MAC de todos os dispositivos que você identificou como estranhos, está na hora de bloquea-los diretamente em seu roteador Wi-Fi (para caso descubram a nova senha ou não tenham sido excluídos).

Para fazer isso, acesse a página de configurações de seu dispositivo de rede (o endereço padrão é http://192.168.1.1, mas pode variar) e nas configurações, encontre uma ferramenta de segurança que se assemelhe a um filtro de endereços MAC.

  • Como descobrir o endereço IP de um roteador

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

A organização dos menus do roteador varia conforme o fabricante, mas em geral todos possuem esta opção; dentro dela, você deverá incluir todos os MACs dos dispositivos que foram listados pelos apps, mas que você não reconheceu como seus; dessa forma, eles passarão a ser bloqueados pelo roteador e não mais serão permitidos a utilizarem sua rede de dados, mesmo sabendo o nome e a senha da sua rede.

Como proteger sua rede Wi-Fi

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

Jamais use a senha que vem de fábrica no roteador Wi-Fi. Troque por uma mais forte, com termos que você possa identificar e memorizar facilmente. Evite senhas complexas demais, que não são tão seguras quanto parecem e são difíceis de lembrar.

Tenha em mãos um meio de armazenar suas senhas de forma segura, evitando que você as esqueça e possa recupera-las facilmente; gerenciadores de senhas (entenda por que usar) são uma boa opção de app que funcionam como um cofre de senhas.

É bom também manter um registro físico das suas senhas em um meio offline como um plano B. Ou seja, não dispense o bom e velho caderninho de anotações.

Lembre-se: a responsabilidade por todos os dados que passam por sua rede Wi-Fi é sua, logo, se algum espertinho a utilizar para cometer atos ilícitos, ou mesmo para baixar arquivos ilegais, você pode e será notificado também, inclusive criminalmente.

Por isso, mantenha sempre sua rede protegida contra intrusos, mude sua senha (ou até mesmo o nome dela) periodicamente, nunca deixe-a aberta para uso público (até por questões legais) e não forneça dados sobre a sua conexão para qualquer um.

Como saber se alguém está usando seu Wi-Fi pelo celular ou PC

Ter outras pessoas usando o seu Wi-Fi pode ser um tanto incômodo, uma vez que torna a conexão lenta e pode colocar dados em risco. Felizmente, existem maneiras de descobrir quem está usando a sua rede e bloqueá-la para evitar que desconhecidos tenham acesso a ela.

É possível identificar dispositivos que estejam usando o seu Wi-Fi através de aplicativos que podem ser baixados gratuitamente tanto em smartphones Android quanto iOS, ou programas para PC. Geralmente, eles exibem uma lista de dispositivos conectados logo na tela inicial. Veja algumas opções:

Como saber quem está usando seu Wi-Fi pelo celular

Quem usa meu Wi-Fi?

Esse aplicativo é bem intuitivo e está disponível para Android gratuitamente. Logo na tela inicial, é só pressionar o botão amarelo para começar uma varredura que exibirá, em alguns instantes, todos os dispositivos conectados ao Wi-Fi.

Para ver mais informações e bloquear o dispositivo, é só tocar no ícone “i”, ao lado de cada identificação. A opção “Como bloquear?” aparecerá, seguida de um breve tutorial para efetuar o bloqueio diretamente em seu roteador. Vale lembrar que você deve estar conectado à sua rede Wi-Fi para realizar o processo de identificação.

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net? Wi-Fi: toque em “i” para acessar informações adicionais sobre os dipositivos conectados na rede (Captura de tela: Ariane Velasco)

  • IP Tools: Wi-Fi Analyzer
  • Esse aplicativo para saber quem está usando o seu Wi-Fi está disponível para smartphones Android e iOS e pode fazer uma varredura completa em sua rede para identificar todos os usuários simultâneos.
  • Além disso, você pode enviar um “Ping” (ferramenta que testa a conectividade a uma rede) para cada um dos dispositivos encontrados, o que permite identificar quais deles são realmente seus e qual é o invasor – de forma bem prática.

Para usar o IP Analyzer, você deve autorizar o aplicativo a acessar a sua localização e estar conectado à rede Wi-Fi. Você pode buscar por dispositivos que estão “roubando” o seu Wi-Fi através do ícone de menu – no canto superior esquerdo da tela – e da opção “Scanner de Rede, que inicia a varredura.

Depois, é só verificar os resultados, tocar no nome do dispositivo e selecionar a opção “Ping” para verificar se ele é realmente seu.

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net? Wi-Fi: verifique os dispositivos conectados e detecte intrusos (Captura de tela: Ariane Velasco)

Fing

Como descobrir se tem alguém usando seu Wi-Fi

Existem diferentes formas de descobrir se tem alguém usando seu Wi-Fi. Seja pelo PC ou celular, vigiar os dispositivos conectados à rede é importante para evitar problemas de segurança e também de conexão, uma vez que a sobrecarga pode levar à perda de velocidade da Internet.

Leia também:  Como Fuder Com Esposa Quando Ela Esta Dormindo?

A dica é interessante para saber se há necessidade de alterar a senha do Wi-Fi, o que vai desconectar todos os aparelhos, ou até bloquear um endereço MAC, impedindo aquele dispositivo de acessar a Internet pela rede.

Confira a seguir três maneiras de descobrir se há invasores no Wi-Fi de casa.

Vale ressaltar que, além de ficar de olho nos aparelhos ligados ao Wi-Fi, é interessante mudar a senha com certa frequência. Escolher palavras-chave fortes também pode fazer a diferença para manter uma boa experiência ao acessar a Internet sem fio.

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

Como bloquear pessoas conectadas na sua rede Wi-Fi

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Acessando as configurações do roteador

A interface de configurações do roteador pode mostrar todos os dispositivos conectados ao Wi-Fi. Para acessar, é necessário saber o IP do produto e seus dados de login. Em geral, as informações seguem o padrão de cada fabricante, a não ser que já tenham sido alterados pelo próprio usuário.

Dados de acesso de roteadores

Fabricante Endereço IP Login Senha
Asus 192.168.1.1 admin admin
Belkin 192.168.2.1 admin admin
BenQ 192.168.1.1 admin admin
Cisco 192.168.1.1 admin admin
D-Link 192.168.0.1 admin admin
Intelbras 10.0.0.1 em branco admin
Linksys 192.168.1.1 admin admin
Multilaser 192.168.1.1 admin admin
Netgear 192.168.0.1 admin password
TP Link 192.168.1.1 ou 192.168.0.1 admin admin
ZTE 192.168.1.1 ou 192.168.0.1 admin ou 1admin0 ltecl4r0, admin ou em branco

Passo 1. Abra o navegador, digite o IP do roteador na barra de endereços e dê Enter para acessar o painel de controle.

1 de 7
Acesse o roteador pelo endereço IP — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Acesse o roteador pelo endereço IP — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 2. Digite na tela de login os dados de entrada, conforme indicado na tabela acima;

2 de 7
Faça login usando os dados padrões do roteador — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Faça login usando os dados padrões do roteador — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 3. Navegue nos menus e encontre a opção “LAN”, “Local Network” ou “Wireless”;

3 de 7
Acesse menu de conexão local no roteador — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Acesse menu de conexão local no roteador — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 4. Busque por uma tabela de dispositivos. Dependendo do roteador, ela pode conter informações como endereço MAC, IP e o nome de cada dispositivo. Cada linha da tabela é um aparelho conectado à rede: celulares, computadores, TVs, Chromecast ou qualquer outro com antena Wi-Fi;

4 de 7
Veja a lista de aparelhos conectados no roteador — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Veja a lista de aparelhos conectados no roteador — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Também é possível acessar o painel de configurações pelo navegador do celular, com o mesmo procedimento. Além disso, dependendo da marca do roteador, é possível descobrir a lista de dispositivos conectados por meio do aplicativo oficial da fabricante. D-Link, Intelbras, Multilaser e TP-Link (Tether) são algumas que oferecem apps de gestão de Wi-Fi;

5 de 7
Aplicativo Tether identifica dispositivos conectados em Wi-Fi da TP-Link — Foto: Reprodução/Isabela Giantomaso

Aplicativo Tether identifica dispositivos conectados em Wi-Fi da TP-Link — Foto: Reprodução/Isabela Giantomaso

Utilizando softwares especializados

Existem diversos programas especializados em análise de rede que mostram os dispositivos conectados no Wi-Fi. No celular, o WiFi Monitor é uma boa opção de app grátis que ajuda na tarefa. Já no PC, vale experimentar o Wireless Network Watcher e o WiFi Guard, como no passo a passo a seguir:

Passo 1. Faça o download do WiFi Guard e instale no computador. No primeiro acesso, é necessário selecionar o adaptador de rede do computador. Escolha aquele que traz número de IP ao lado, e não é um adaptador virtual usado por VPN. Clique em “OK” para avançar;

6 de 7
Selecione o adaptador de rede do computador no WiFi Guard — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Selecione o adaptador de rede do computador no WiFi Guard — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 2. Clique em “Escanear agora” para fazer uma varredura na rede e encontrar os dispositivos conectados. Ao obter a lista de aparelhos, verifique um a um para tentar descobrir possíveis invasores.

Um deles sempre será o roteador (Porta de Internet) e outro o computador utilizado no momento (Este Computador).

Visualize o fabricante dos demais dispositivos na coluna “Fornecedor” para facilitar a identificação;

7 de 7
Faça uma varredura para visualizar os aparelhos conectados no Wi-Fi — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Faça uma varredura para visualizar os aparelhos conectados no Wi-Fi — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Como corrigir problemas no Wi-Fi? Tire suas dúvidas no Fórum do TechTudo

Quer saber tudo sobre o universo de celulares, jogos, aplicativos e demais eletrônicos? É só dar uma olhada no nosso canal no YouTube:

Como saber se alguém está a utilizar a sua rede Wi-Fi privada

Se nota que a sua Internet está lenta (as páginas do browser demoram mais a carregar, os vídeos no YouTube também e quando vê filmes e séries online – na Netflix, por exemplo – a qualidade de imagem está mais baixa) é porque, provavelmente, anda “pirata” na costa. É importante saber se alguém está a utilizar a sua rede Wi-Fi privada.

É sempre fundamental ter a sua ligação protegida por uma password, mas é também importante que mude a password que veio quando instalou o router.

Deste modo, vai ter mais probabilidades de impedir que vizinhos e outras pessoas que estão perto do seu equipamento se liguem à sua rede e façam com que a Internet fique lenta. Saiba como detetar se há agentes externos a aceder à sua ligação.

Métodos para saber se alguém está a utilizar a sua rede Wi-Fi

Usar aplicações

Wi-Fi Inspector 

Como o nome indica, este software permite-lhe ter uma visão geral de todos os dispositivos que estão ligados à sua rede, fornecendo detalhes como nomes dos dispositivos, endereços IP, etc. Isto faz com que tenha acesso a uma lista dos “gadgets legítimos” e permite perceber facilmente quando um dispositivo estranho está ligado à sua Internet.

F-Secure Router Checker

Esta ferramenta não requer download ou instalação. O F-Secure Router Checker procura por sinais que indicam que alguém está a tentar entrar na sua rede e informa-o de imediato.

Wireless Network Watcher 

À semelhança do Wi-Fi Inspector, este software possibilita a procura de atividade estranha na rede, permitindo que monitorize todos os dispositivos que estão ligados à Internet. A diferença é que é também compatível com Mac.

Fing 

Esta app é mais focada na proteção móvel. Permite ao utilizador ver que dispositivos estão ligados à rede, que tipo de equipamentos são, a natureza da sua ligação, etc. A Fing também dá informação acerca de momentos em que a ligação está mais ocupada, o que pode indicar que há mais alguém ligado à sua rede.

Como Ver Quem Esta A Usar A Minha Net?

2. Verificar através do router

Comece por fazer um teste simples. Desligue todos os dispositivos que, habitualmente, estão ligados à rede wireless. Depois, olhe para o router e para a luz que diz “WLAN”. Caso esta luz continue a piscar é, provavelmente, porque alguém não autorizado está a usar a sua Internet.

Mesmo assim, a forma mais exata e que lhe dá mais informação acerca de potenciais intrusos na rede é aceder ao painel de administração do router e ver o mapa de gadgets ligados, de modo a perceber se está lá algum que não conhece.

Por norma, digitando 192.168.1.1 ou 192.168 no browser consegue aceder ao painel. Mas verifique no manual de instruções de utilização do seu router. Depois, vão-lhe ser pedidas credenciais de acesso (utilizador e password), mas isto varia de acordo com os operadores, pelo que deve consultar o manual de instruções do router (ou os sites dos operadores) para saber quais as credenciais.

Depois de entrar, vai conseguir saber que dispositivos estão ligados. Caso ainda não o tenha feito, aproveite para alterar a password da sua ligação (usando letras maiúsculas e minúsculas, números e símbolos).

De modo a tornar a ligação ainda mais segura, pode também fazer com que o router apenas aceite a ligação de dispositivos que sejam previamente aprovados por si através do endereço MAC (Media Access Control).

Como saber quem está usando sua rede WiFi

No ambiente de trabalho ou em casa, é bastante importante saber quem está conectado a seu WiFi. Em uma conexão residencial, por exemplo, ter controle e realizar um monitoramento da rede é uma forma de saber se outras pessoas estão usando seu sinal sem autorização. Enquanto isso, no ambiente corporativo, permite gerenciar as ações dos usuários e impor limites no consumo da internet.

Leia também:  Como Agradecer Alguem Que Te Ajudou?

Para facilitar sua vida, apresentaremos ferramentas úteis para ajudar a identificar quem está acessando seu WiFi e, em alguns casos, até monitorar as atividades que estão sendo executadas na rede.

Wireshark (Windows/macOS/Linux)

(Fonte: Ubergizmo/Reprodução)

Wireshark é um software gratuito que permite verificar quais pessoas estão utilizando a rede WiFi. Com ele, é possível monitorar o número de usuários ou dispositivos conectados, identificar endereços de IP e outras informações relevantes.

Wireless Network Watcher (Windows)

(Fonte: Ubergizmo/Reprodução)

Exclusivo para Windows, Wireless Network Watcher é outra ferramenta grátis que possibilita acompanhar quem acessa seu WiFi. É possível observar os dispositivos conectados à rede, encontrar o endereço de IP e saber o tempo de conexão.

Bandwich On Linux

(Fonte: Ubergizmo/Reprodução)

Como o próprio nome diz, é uma ferramenta exclusiva para usuários de Linux. Disponível no GitHub, o Bandwich tem os mesmos recursos dos exemplos anteriores, mas não tem uma interface amigável, o que pode confundir as pessoas.

GlassWire (Windows)

(Fonte: Ubergizmo/Reprodução)

Além de monitorar quem está acessando a conexão WiFi, o GlassWire apresenta alguns recursos extras, como criar um “firewall personalizado”, acompanhar as atividades da rede e detectar a presença de spywares. A ferramenta cria um histórico com todos os dispositivos conectados à rede; contudo, após os 7 dias de avaliação gratuita, certas funcionalidades ficam disponíveis apenas na versão Pro, que custa US$ 39 e só pode ser instalada em um PC.

Acessando o roteador como administrador

Essa é uma opção para pessoas com experiência na área de informática e que estão acostumadas com as configurações de roteadores, por isso não é considerada um método simples para ter acesso às informações sobre os dispositivos conectados ao WiFi.

Independentemente do modelo (D-Link, TP-Link), é importante ter o manual do aparelho para auxiliar nessa ação, pois ele apresenta os caminhos para o painel de controle do roteador, no qual há a indicação de “dispositivos conectados” ou “lista de dispositivos” com as informações sobre quem está acessando a rede.

É importante destacar, mais uma vez, que essa não é uma opção recomendada para pessoas leigas. Isso porque, mesmo que não intencionalmente, podem alterar alguma configuração essencial do aparelho.

Essas são algumas das ferramentas e opções simples para quem deseja monitorar o acesso ao Wi-Fi. Sem dúvidas, elas podem ser bem importantes para controlar a rede tanto em casa quanto no trabalho.

Como descobrir se tem alguém roubando a minha conexão Wi-Fi? – Positivo do seu jeito

Hoje em dia é quase impossível viver sem estar conectado e quando estamos em casa podemos desfrutar com tranquilidade de uma internet de melhor qualidade. Porém, pode ser que alguém esteja se aproveitando da sua boa vontade: mas existe como descobrir se tem alguém roubando a minha conexão Wi-Fi?

Sim, existe. Viver na internet é tão maravilhoso que somos capazes de ficar entediados e até irritados quando a conexão cai ou está lenta demais e, nesse caso, é natural que a nossa primeira reação seja esbravejar e colocar toda a responsabilidade na empresa que contratamos.

  • Mas o que poucas pessoas sabem é que nem sempre a internet WiFi lenta é culpa do provedor.
  • ®GIPHY
  • Estamos falando dos “ladrões de WiFi”, aquelas pessoas espertinhas que, por um mínimo descuido, acabam usando o sinal alheio e comprometendo a velocidade da nossa internet.
  • Falando assim parece algo bobo, mas situações como essa são mais comuns do que se imagina e as causas podem ser as mais diversas possíveis: desde alguém que tenha descoberto a sua senha, até algo que você deixou passar batido na hora de configurar sua rede.
  • É claro que proteger a rede WiFi com uma senha forte é primordial para impedir que outras pessoas utilizem o sinal sem permissão, e trocar a senha de tempos em tempos é uma ótima recomendação.
  • Mas se você quer ir a fundo e saber se realmente tem alguém acessando às suas custas, existem outras maneiras e nós ensinaremos a seguir:
  • Passo 01: desligue ou desconecte todos os aparelhos que estiverem utilizando WiFi, espere uns minutinhos e observe o comportamento do seu roteador.
  • Se as luzes continuarem piscando freneticamente, é melhor ficar ligado, pode ser que tenha algum “parasita” usando sua internet.
  • Claro, nem sempre luzes piscando querem dizer isso, mas não deixa de ser um sinal de alerta.

Acesse as configurações do seu roteador

Caso tenha feito o passo anterior e desconfiado que algo está errado, uma alternativa mais assertiva é acessar as configurações do seu roteador e verificar quais são os computadores conectados. É claro que cada equipamento tem o seu modo de acesso.

Passo 02: acesse o Painel de Controle do roteador, que pode ser acessado por meio do seu número de IP, e procurar por: “Minha rede”, “My network”, “Device List”, “Attached Devices” ou algo semelhante.

Será mostrado uma lista com todos os dispositivos conectados, logo, você irá saber se está tendo o sinal roubado. Se tiver dificuldade de realizar os passos citados acima, leia o manual do seu roteador.

Utilize programas específicos

Se você quer descobrir se tem alguém roubando sua internet e deseja manter uma rotina de monitoramento, o ideal é utilizar programas específicos. Muitos deles são gratuitos e de fácil utilização.

Dessa forma você garante que ninguém irá invadir o seu WiFi. Nossa sugestão é o IP Tools: Network Utilities, que pode ser baixado para Android neste link.

Como saber se o seu wi-fi está sendo usado sem sua permissão – Sempre Internet

Postado por Alen Cruz há 2 anos atrás

Se sua internet fica lenta com frequência, é possível que alguém esteja pendurado na sua rede sem você se dar conta.

Confira nossas dicas para descobrir invasores e evitar o uso indevido.

1 – Suspeita

A primeira pista de um possível furto de wi-fi é simples: se
a internet ficar mais lenta em algumas horas do dia ou se ficar lenta de forma
recorrente.

A segunda pista virá do roteador. Você precisa apagar
completamente todos os dispositivos sem fio de sua casa. Se uma das luzes do
roteador, a destinada ao wifi (às vezes indicada como WLAN) continuar piscando,
é possível que esteja ocorrendo o furto.

2 – Descubra o invasor

  • Se a suspeita já existe, é preciso antes descartar outras
    possibilidades, como estar usando uma rede sem fio com pouca velocidade,
    computadores demais ligados à ela ou até mesmo obstáculos físicos ao seu wi-fi.
  • Para descartar estas possibilidades, especialistas
    recomendam instalar no computador, smartphone ou tablet um programa ou aplicativo
    que mostre os dispositivos conectados à sua rede.
  • Existem várias opções gratuitas, como o Fing, para Android e
    iOS; Network, Discovery ou Net Scan, apenas para Android; e IP Network Scanner
    ou iNet, para o iOS.
  • Também há opções para computadores de escritório: Angry IP
    Scanner ou Wireshark para várias plataformas e Wireless Network Watcher e
    Microsoft Network Monitor para os dispositivos da companhia de Bill Gates.
  • Todos eles mostram quantos dispositivos estão conectados à
    rede sem fio, cada um identificado com um endereço IP.
  • Se o aplicativo ou programa escolhido indicar que há mais dispositivos conectados à sua rede do que os que você tem, há um invasor de wi-fi por perto.

3 – Veja se alguém se conectou enquanto você não estava

Os programas e aplicativos citados acima detectam possíveis
intrusos em sua rede wifi, mas apenas se eles estiverem usando sua rede ao
mesmo tempo que você. Mas há formas de saber se alguém se conectou ao seu wifi
enquanto você não estava em casa.

Para isto, você precisa de uma informação do roteador: o
endereço IP, uma série de números separados por pontos, de três em três.

É possível encontrar este número no manual do roteador ou
então no próprio computador. Se você tem um Mac, basta clicar no ícone de wifi
e ir até o “abrir centro de redes e recursos compartilhados” no menu,
depois ir até “conexão de área local” ou “conexão de rede sem
fio”.

Vá até “detalhes”, onde outra janela vai se abrir.
O endereço IP identificado como “porta de link predeterminado IPv4” é
o endereço IP do seu roteador.

Se o seu computador é Windows, vá até a “busca” e digite “ipconfig/all”, depois “conexão LAN sem fio” e, por último, “endereço físico”. Assim, poderá obter o endereço do roteador. Você precisa colocar este número em seu navegador, desta forma poderá acessar a rede do roteador.

Após escrever a senha, você vai descobrir um registro das conexões feitas até este momento na sua rede wifi.

4 – Proteja sua rede

Talvez você tenha deixado sua rede sem fio aberta para que
todos os membros da família possam se conectar. Ou talvez foi um descuido, ou
algum vizinho usou algum aplicativo para descobrir suas senhas de wi-fi.

Leia também:  Como Saber Que Um Ovo Esta Estragado?

Seja como for, ter um intruso em seu wi-fi pode causar mais
problemas do que você pensa. Eles podem ter acesso a informações armazenadas em
computadores conectados à sua rede e, em casos mais extremos, podem cometer um
crime em seu nome, como baixar pornografia infantil, por exemplo.

Para evitar tudo isso, a primeira coisa a fazer é mudar a
senha do wi-fi. Sempre substitua por alguma mais complexa, o melhor é combinar
letras e números. Outro truque para uma senha segura é pensar na letra da sua
música favorita e escolher um trecho.

Uma vez que você mudou a senha, também poderá configurar o roteador para que permita apenas a conexão de dispositivos com endereços concretos.

Com isso, será mais difícil acessar sua rede wifi e você talvez nunca mais precise se preocupar se vai conseguir ou não assistir à sua série favorita.

Fonte: g1.globo.com

Estranhos utilizando seu wi-fi: aprenda a descobrir e se proteger

Quando queremos utilizar a internet e a velocidade de download está muito lenta ou muitas vezes não está funcionando direito, é uma situação completamente chata. E muitas vezes ainda atrapalha o trabalho, o estudo ou até mesmo o lazer, quando queremos, por exemplo, assistir aquela série favorita.

Logo vem à mente vários problemas que podem estar ocasionando essa lentidão. Um desses problemas é em relação a invasores que possam estar utilizando o seu wi-fi.

Essa situação é mais normal do que você pode imaginar, o que mais existe hoje em dia são pessoas que utilizam a internet de outros e isso só é percebido quando a internet costuma ficar mais lenta.

Existe uma forma de descobrir se tem alguém utilizando o seu wi-fi

Sim, para a alegria das pessoas que passam por esse problema existe sim uma forma fácil e rápida de descobrir isso,  com a ajuda de um aplicativo.

Esse aplicativo se chama Fing e está disponível para ser baixado tanto em android como em iOS. Com ele, é possível ver todos os dispositivos que estão conectados na sua rede.

É muito fácil utilizar esse aplicativo. Logicamente o primeiro passo a ser feito é baixá-lo na play store no caso de aparelhos androids ou na App store no caso de aparelhos iOS.

Logo que você abrir e conectar à sua rede ele vai mostrar todos os outros dispositivos que estão também conectados. Se você perceber que existe um dispositivo que não é do seu conhecimento, basta tocar nele e verificar mais informações como o endereço MAC e também o IP.

Porém, para usuários do sistema iOS, não é possível verificar o endereço MAC e nem o IP do dispositivo. Mas é possível ver se tem algum dispositivo desconhecido conectado, o que é o mais importante

O que fazer quando tem pessoas desconhecidas utilizando sua rede

Com o aplicativo não é possível tomar nenhuma providência a respeito da invasão, é possível apenas verificar se existe ou não pessoas utilizando o seu wi-fi sem autorização.

Mas têm algumas providências e cuidados que podem ser tomados para que isso não ocorra novamente.

A primeira atitude que deve ser tomada é a troca da senha do wi-fi. Troque por uma senha mais forte e que não tenha nada a ver com a senha antiga. Quanto mais letras, números e caracteres forem utilizados, mais difícil será para que ela seja descoberta.

Existem também outros cuidados que são essenciais para que seu wi-fi não fique vulnerável. Um desses cuidados é manter o seu roteador sempre atualizado, assim ele ficará menos vulnerável.

A velocidade da internet é fundamental para fazer várias atividades, principalmente para quem consome muito esse bem, ou seja, atualmente praticamente todo brasileiro. Para saber se a sua velocidade está certa, é possível fazer um teste de velocidade.

Esse teste pode ser feito no site da MinhaConexão de uma maneira muito simples, prática e 100% segura, pois ele é feito através de um sistema de speed test e vai te mostrar a realidade a respeito da velocidade da sua internet.

Nos Estados Unidos, as regras que determinam o fim da neutralidade da rede estão praticamente prontas para serem colocadas em prática. O fim da neutralidade…

Apesar de já existir no Brasil, a internet 4G não é uma realidade para todas as pessoas que moram no país. Ainda assim já se…

‎Vivo Smart Wi-Fi

O controle total da sua internet Vivo Fibra em um só lugarO Vivo Smart Wi-Fi é um aplicativo criado para você aproveitar o máximo da sua internet e monitorar tudo que está acontecendo com a sua rede Wi-Fi.Para uma experiência completa no App é necessário ser cliente Vivo Fibra com roteadores do modelo HGU. Confira algumas vantagens disponíveis: 1. Otimize a navegação pelo seu Wi-Fi. Realize um diagnóstico e troque o canal de navegação pelo celular caso seja necessário2. Realize o teste de desempenho da rede Wi-Fi. Verifique a qualidade da rede que chega até seu celular em qualquer lugar da sua casa e meça a velocidade de sua internet3. Decida quem acessa a sua rede de internet. Você pode bloquear e desbloquear os celulares, tablets, computadores e videogames conectados a sua rede sempre que desejar4. Crie uma rede Wi-Fi para seus convidados de forma fácil, rápida e segura. Compartilhe o nome e a senha da sua rede de convidados por WhatsApp, Qr Code ou SMS5. Veja quem está usando seu Wi-Fi, personalize dispositivos e tenha mais controle sobre a segurança da sua rede de forma simples e visual6. Personalize sua rede. Altere o nome e a senha da sua rede Wi-Fi pelo aplicativo.Mesmo que não tenha Vivo Fibra, posso utilizar o app? Mesmo que você não tenha um roteador compatível com o aplicativo Vivo Smart Wi-Fi, você poderá visualizar e personalizar todos os dispositivos conectados à sua rede Wi-Fi através da experiência do Vivo Smart Wi-Fi Light. PERMISSÕES – Fotos, vídeos, conteúdos multimídia e arquivos: Smart Wi-Fi solicita esta permissão para que seja possível personalizar as imagens dos diferentes dispositivos conectados ao seu roteador e, uso de ferramenta de leitura de código QR, para poder conectar o smartphone a roteador Smart Wi-Fi de maneira fácil e rápida.- SMS: Smart Wi-Fi solicita esta permissão para poder compartilhar informação da rede de convidados.- Localização: Smart Wi-Fi solicita esta permissão para poder realizar o scanner das redes Wi-Fi (requerido a partir da versão 13 de iOS)

– Para qualquer dúvida ou consulta adicional acesse www.vivo.com.br/smartwifi ou entre em contato conosco pelo [email protected]

Obrigado por usar o aplicativo Vivo Smart Wi-Fi. Queremos que a sua experiência com o aplicativo melhore a cada dia. Portanto, nesta versão incorporamos os seguintes novos recursos:- Correção de bugs- Melhorias de compatibilidade com o Repetidor Smart Wi-Fi

– Melhorias na funcionalidade de bloqueio

Funciona raramente, não aparece todos aparelhos e também por muitas vezes ocorre erro, não encontra o roteador

Olá, lamento o ocorrido. Vou verificar o problema que você relatou. Envie e-mail para [email protected], com seu nome completo, versão do sistema operacional do seu Android, modelo do roteador e também um print do comentário feito aqui na loja. Aguardo você por lá!

Nao aparece dispositivos conectados , e fica pedindo pra reiniciar o roteador toda hr

Felipe, lamento o ocorrido. Vou verificar o problema que você relatou. Envie e-mail para [email protected], com seu nome completo e detalhe o erro que o app apresentou. Aguardo você por lá!

A um tempo atrás o app era perfeito, agora tá muito ruim, sempre que encontro algum Wi-Fi conectado aí vou bloquear e da o seguinte erro: Não foi possível bloquear, tente novamente.Não está funcionando, pois não consigo bloquear, favor arrumem

Igor, lamento o ocorrido. Vou verificar o problema que você relatou. Envie e-mail para [email protected], com seu nome completo e detalhe o erro que o app apresentou. Aguardo você por lá!

O desenvolvedor, VIVO, indicou que as práticas de privacidade do app podem incluir o gerenciamento de dados conforme descrito abaixo. Para obter mais informações, consulte a política de privacidade do desenvolvedor.

Os seguintes dados podem ser usados para rastrear você em apps e sites de propriedade de outras empresas:

Os seguintes dados podem ser coletados, mas não estão vinculados à sua identidade:

  • Localização
  • Contatos
  • Conteúdo do usuário
  • Histórico de buscas
  • Identificado­res
  • Dados de utilização

As práticas de privacidade podem variar, por exemplo, com base nos recursos que você usa ou na sua idade. Saiba mais

  • Suporte do app
  • Política de privacidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*