Como Saber Quando Estou A Ovular?

Foto: iStock

Período fértil pode ser resumido como o momento em que a mulher está mais propensa a engravidar. Isso porque é quando ocorre a ovulação, ou seja, o ovário libera um ou mais óvulos para serem fecundados.

Vale destacar que, caso a mulher esteja querendo engravidar, conhecer bem o seu corpo e cada fase do ciclo menstrual ajuda muito. Assim, ela saberá melhor quando costuma ovular e, portanto, quais são seus dias mais férteis.

Domingos Mantelli (CRM-SP: 107.997), médico ginecologista e obstetra, autor do livro “Gestação: mitos e verdades sob o olhar do obstetra”, explica que o período fértil normalmente é o período dos 14 dias que antecedem o primeiro dia da menstruação.

“Vamos dar um exemplo: se você menstruou no dia 28 do mês, o seu dia da ovulação foi aproximadamente no dia 14, no 14º dia do ciclo, e o período fértil seriam 2 dias antes e 2 dias depois deste dia da ovulação. Então se você menstruou no dia 28, conta 14 dias antes que é o dia da ovulação e o período fértil é o período que compreende de 2 dias antes a 2 dias depois dessa ovulação”, diz Mantelli.

Principais sinais de que você está ovulando

Como Saber Quando Estou A Ovular?

Foto: Getty Images

Mas será que é possível a mulher saber que está mesmo ovulando? Fernanda Rodrigues, especialista em reprodução assistida do Grupo Huntington, esclarece que, com a observação do próprio corpo, é possível estimar o momento da ovulação devido a alguns sinais sugestivos. “Porém, a ovulação só pode ser confirmada pela avaliação médica, que é realizada através de dosagens hormonais e ultrassom pélvico transvaginal”, diz.

Abaixo você confere quais são alguns dos sinais que indicam que a mulher está ovulando:

1. Desconforto abdominal

“Como a ovulação é o rompimento do folículo (bolsinha com líquido) para a liberação do óvulo (célula microscópica que está no interior do folículo), ocorre o extravazamento do conteúdo intrafolicular, acompanhado muitas vezes de um pequeno sangramento local. Esse líquido com sangue pode gerar desconforto quando chega ao abdômen”, explica Fernanda.

Mantelli reforça que a mulher pode sentir uma pequena dor abdominal. “Chamamos de ‘dor do meio’, porque geralmente coincide de ser no meio do ciclo menstrual que é o período fértil da mulher, o período da ovulação”, acrescenta.

Como Saber Quando Estou A Ovular?
Veja também
Como calcular o período fértil

Contudo, ressalta Fernanda, isso não acontece em todos os casos. “Ou seja, caso a paciente não sinta desconforto, não quer dizer que ela não esteja ovulando”, esclarece a especialista.

2. Alteração na temperatura basal

Temperatura corporal basal nada mais é do que a temperatura do corpo em repouso (ou seja, quando está dormindo). Para acompanhá-la você precisa simplesmente de um termômetro e de papel e lápis/caneta para anotar a temperatura. Deve medi-la todo dia, assim que despertar (antes de fazer qualquer outra atividade), preferencialmente, colocando o termômetro embaixo da língua.

Para interpretar é preciso saber que a temperatura basal deverá ser mais baixa durante as duas primeiras semanas do ciclo. Depois de ter ocorrido a ovulação (cerca de 24 a 72 horas depois), a temperatura do corpo eleva-se, mantendo-se elevada até a menstruação.

Trata-se de um método simples para avaliar a função ovulatória, de acordo com Fernanda.

“Quando a ovulação ocorre, há um aumento da produção de progesterona pelo corpo lúteo, podendo provocar um aumento da temperatura basal em 0,2 a 0,5 graus dois a três dias depois da ovulação.

Portanto, os ciclos ovulatórios estão geralmente associados com curvas de temperatura basal claramente bifásicas.”

Como Saber Quando Estou A Ovular?
Veja também
6 dicas importantes para a mulher que deseja engravidar

“Assim, só é possível estimar que a paciente ovulou depois que a ovulação aconteceu. Porém, por vezes, é identificado um padrão, sendo possível estimar o período fértil nos próximos ciclos”, explica a especialista.

3. Alterações no muco cervical

A observação do muco cervical também pode ajudar a mulher a ter certeza de que está ovulando. Vale destacar que existem vários tipos de secreção vaginal, e o muco cervical é um deles.

“No período próximo à ovulação, o muco cervical se torna mais transparente, viscoso e elástico, com a aparência de uma clara de ovo. Isso acontece pelo estímulo do estradiol, hormônio produzido pelo folículo em crescimento antes da ovulação”, explica Fernanda.

No início do ciclo menstrual, a mulher tem o sangramento normal (menstruação). Depois, o mais provável é que ela fique sem secreção por alguns dias. Posteriormente, poderá observar uma secreção de cor levemente opaca, com consistência mais grudenta. Então, quanto mais se aproximar da ovulação, a secreção se tornará mais transparente, viscosa e elástica.

Como Saber Quando Estou A Ovular?
Veja também
Pílula anticoncepcional: tire suas dúvidas

4. Sensibilidade nas mamas

Este é um sinal indireto, de acordo com Fernanda. “Pois as glândulas mamárias têm receptores hormonais. Portanto, quando ocorre a produção de estrogênio na primeira fase do ciclo, pode ocorrer um aumento do volume mamário e, na segunda fase, após a ovulação, quando há o predomínio da progesterona, as mamas podem ficar mais doloridas”, diz.

5. Posição do cérvix

Cérvix é a porção mais baixa do útero, quando ele se une com a porção final superior da vagina.

“Durante o período pré-ovulação, o colo do útero fica com a consistência mais amolecida, com posição mais alta, aberto e mais úmido, também por estímulo do hormônio estradiol”, diz Fernanda.

“Porém, com a observação de outros sinais, como temperatura basal e muco cervical, já é possível predizer a ovulação. Não é recomendado que as pacientes examinem o próprio colo do útero com esse objetivo”, ressalta a especialista.

6. Outros sinais

Fernanda esclarece que determinados sinais não são sinais diretos de ovulação, como:

  • Aumento de libido;
  • Aumento de energia;
  • Sentidos aguçados;
  • Fome;
  • Retenção de líquido;
  • Labilidade emocional;
  • Aumento da secreção vaginal.

“Contudo, sabe-se que todos esses sinais são influenciados pelas mudanças hormonais cíclicas, que ocorrem durante o ciclo menstrual.

Basicamente os responsáveis são o estradiol na primeira fase, e a progesterona na segunda, após a ovulação.

Então, a presença destes sintomas pode sugerir que está ocorrendo a produção hormonal cíclica e, dessa forma, pode sugerir que a ovulação está acontecendo”, explica a especialista.

Testes e exames para detectar a ovulação

Como Saber Quando Estou A Ovular?

Foto: Getty Images

É fato que a observação do corpo – juntando temperatura e muco cervical –, é o meio mais natural e barato de detectar a ovulação. Mas existem outras opções para quem busca mais certezas.

Testes de farmácias

Mantelli explica que existem testes de ovulação vendidos em farmácia. Eles utilizam uma pequena quantidade de urina ou de saliva para a realização, tendo confiabilidade de aproximadamente 98%.

“Quando você usa a própria saliva para analisar, no kit vem até um pequeno microscópio, uma lentizinha de aumento, em que você vê a mudança do padrão da saliva quando se está no período da ovulação”, diz.

Nos testes que contam com a utilização da urina, como no caso dos testes de gravidez, basta molhar o local indicado em um pouquinho de urina e observar as alterações de cores que ocorrem. No folheto indicativo do teste, estará mostrando a cor que corresponde ao período fértil.

De acordo com o ginecologista, os testes de farmácia são confiáveis. Exemplos de teste de ovulação de farmácia são:

  • Clearblue
  • Confirme
  • Ovatel

Exames laboratoriais

Mantelli explica que o exame ovariano e o exame hormonal conseguem, através das dosagens dos hormônios, saber se a mulher está tendo pico ovulatório.

“Pode ser feito também um ultrassom, observando o ovário e vendo a formação dos folículos, e se esta ocorrendo a ovulação”, acrescenta o ginecologista.

Agora você já sabe: com a observação do próprio corpo (temperatura basal, muco cervical) é possível estimar o momento da ovulação. Mas a ovulação só poderá ser 100% confirmada pela avaliação médica, através de dosagens hormonais e ultrassom.

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Calculadora da ovulação: saiba quando está ovulando

A ovulação é o nome que se dá ao momento do ciclo menstrual em que o óvulo é liberado pelo ovário e está pronto para ser fecundado, acontecendo normalmente no meio do ciclo menstrual em mulheres saudáveis.

Para saber em que dia será sua próxima ovulação, insira os dados na calculadora:

Se o óvulo for penetrado por um espermatozoide durante a ovulação, ocorre a fecundação, marcando o início de uma gravidez. Porém se o óvulo não for fecundado até chegar ao útero, será eliminado pela menstruação e dará início a um novo ciclo menstrual.

Como Saber Quando Estou A Ovular?

A ovulação gera alguns sintomas característicos que incluem:

  • Secreção vaginal transparente, viscosa e semelhante à clara de ovo;
  • Ligeiro aumento da temperatura corporal, normalmente cerca de 0,5ºC;
  • Aumento da libido e do apetite;
  • Pode haver dor pélvica, semelhante a uma cólica leve.

Muitos destes sintomas podem passar despercebidos à maior parte das mulheres e, por isso, acabam sendo difíceis de identificar. Assim, a melhor forma de saber se a mulher está ovulando é fazendo o cálculo de quando será a próxima ovulação.

É importante lembrar que as mulheres que tomam anticoncepcional não têm ovulação e, consequentemente, não apresentam sintomas, nem podem engravidar.

Como é calculado o dia da ovulação?

O dia da ovulação acontece no meio do ciclo menstrual da mulher e, dessa forma, é mais fácil de ser calculado em mulheres que têm um ciclo regular.

Leia também:  Como Dizer Que Estou Procurando Emprego No Linkedin?

Isso significa que, se a mulher tiver um ciclo de 28 dias, por exemplo, a ovulação acontecerá por volta do 14º dia.

Esse 14º dia é calculado a partir da data do primeiro dia da última menstruação (dia + 14 dias), que marca o início do novo ciclo menstrual.

Uma vez que em cada ciclo, o dia da ovulação pode variar entre 1 a 2 dias, geralmente é mais indicado que a mulher tenha em consideração o período fértil ao invés da data da ovulação. Isso porque, o período fértil é o conjunto de 6 dias que estão ao redor da ovulação e que ajudam a compensar os ciclos em que a ovulação chega mais cedo ou mais tarde.

No caso de mulheres com um ciclo irregular, o dia da ovulação não pode ser identificado com tanta precisão e, por isso, é indicado que seja feito o cálculo do período fértil. Veja como calcular o período fértil no ciclo irregular.

Ovulação e período fértil são a mesma coisa?

Embora sejam muitas vezes utilizados como sinônimos, ovulação e período fértil não são a mesma coisa. A ovulação é o dia em que o óvulo maduro é liberado do ovário, estando pronto para ser fecundado.

Já o período fértil é um conjunto de dias que são calculados ao redor do possível dia da ovulação e que marcam o período em que a mulher tem maiores chances de engravidar, uma vez que o óvulo já foi liberado.

Ou seja, sem ovulação não existe período fértil.

Entenda melhor como funciona o período fértil:

Como Saber Quando Estou A Ovular?

Qual o melhor período para engravidar?

O melhor período para engravidar é conhecido como “período fértil” e é considerado o conjunto de 3 dias antes e 3 dias depois da ovulação, ou seja, o período entre o 11º e 16º dia após o primeiro dia da última menstruação.

Mulheres que estejam querendo engravidar devem, então, manter relações sexuais desprotegidas nesse período. Já mulheres que estão tentando evitar uma gravidez devem ter cuidado para evitar ter relações desprotegidas nesse período.

Como saber se estou ovulando? [conheça 4 dicas poderosas]

  • Uma pergunta frequente entre as mulheres, tanto por parte daquelas que querem engravidar, quanto das que querem evitar a gravidez é: “Como saber se estou ovulando?”
  • Preocupação natural, já que o primeiro passo para conceber é garantir que o óvulo e o esperma possam se encontrar ou, no caso de quem não deseja que isso aconteça, que eles não se encontrem.  
  • O corpo geralmente libera um ovo por mês em um processo chamado ovulação e ele precisa ser fertilizado logo depois. 
  • O período com maior probabilidade de gravidez é na própria data da ovulação e nos cinco dias que a antecedem, já que o esperma pode sobreviver por alguns dias dentro do corpo e fica “esperando” pelo óvulo. 
  • Por isso, entender o ciclo menstrual, observando os diferentes sinais do corpo para saber o momento da ovulação, é fundamental para saber quando o sexo pode culminar em uma gestação.

Há algumas maneiras de você saber se está ovulando, como vai descobrir no artigo. Continue acompanhando!

1) Como saber se estou ovulando? Antes de tudo, entenda o seu ciclo!

Algumas pessoas pensam que ciclo menstrual e período menstrual são a mesma coisa, mas não são. Um período é quando você sangra (ou menstrua) e o ciclo é todo o processo até isso acontecer.

  1. Um ciclo menstrual começa no dia em que um período começa (dia 1 da menstruação) e termina no dia anterior ao próximo período. 
  2. A duração de um ciclo é considerada normal se tiver entre 21 e 35 dias, mas ele pode variar entre as mulheres e de um ciclo para o outro. 
  3. Como esse número pode ser diferente de mês para mês, pode ser útil calcular uma duração média, com base em três ciclos menstruais consecutivos, para estimar quando você tem mais probabilidade de ovular.
  4. Você deve realizar esse cálculo da seguinte maneira:
  5. O ciclo 1 foi de 28 dias; O ciclo 2 foi de 32 dias; O ciclo 3 foi de 27 dias
  6. 28 + 32 + 27 = 87
  7. 87 dividido por 3 = 29
  8. Portanto, nesse caso, a duração média do ciclo menstrual é de 29 dias.
  9. A ovulação acontece cerca de 14 dias antes do início do período. Por exemplo:
  • Se o seu ciclo menstrual médio é de 28 dias, você ovula por volta do 14º e seus dias mais férteis são o 12º, 13º e 14º.
  • Se o seu ciclo menstrual médio é de 35 dias, a ovulação ocorre por volta do 21º e os dias mais férteis são o 19º,20º e 21º.
  • Se você tem ciclos mais curtos, digamos 21 dias, a ovulação ocorre por volta do 7º e seus dias mais férteis são o 5º, 6º e 7º.

Veja um esquema de um ciclo menstrual de 28 dias no gráfico abaixo:

Como Saber Quando Estou A Ovular?

Fonte: https://calendarzone.in

  • Os dias no ciclo menstrual de uma mulher em que a gravidez é possível é conhecido como ‘janela fértil’. 
  • A ‘janela fértil’ depende da duração do ciclo, mas ela acontece no dia em que um óvulo é liberado do ovário (ovulação) e os cinco dias anteriores.
  • A ovulação ocorre quando um óvulo maduro é liberado do ovário e se move para baixo da Trompa de Falópio, onde pode ser fertilizado. 
  • Se o esperma estiver na Trompa de Falópio quando o óvulo for liberado, há uma boa chance de que a fertilização aconteça, criando um embrião, que pode se transformar em um bebê.
  • Tecnicamente, a gravidez só é possível se você fizer sexo durante esse período, principalmente nos três dias que antecedem e incluem a ovulação, que são os mais férteis. 
  • Entre 12 e 24 horas após o óvulo ser liberado, as chances da mulher engravidar são bem menores ou nulas, porque o ovo já não está mais na trompa de Falópio.
  • Isso acontece porque os óvulos e espermatozoides vivem apenas por um curto período de tempo:
  • Espermatozoides vivem por cerca de 5 dias.
  • Os óvulos só podem ser fertilizados por cerca 1 dia após serem liberados.
  1. Eles precisam se reunir no momento certo para que a fertilização crie um embrião e, portanto, quase não há chance de uma gravidez acontecer se você tem relações íntimas antes ou depois de uma janela fértil. 
  2. Entretanto, se você não quer ficar grávida de maneira nenhuma, é melhor contar com outros métodos contraceptivos, como a camisinha por exemplo.
  3. Para facilitar o acompanhamento de seus ciclos menstruais, você pode utilizar gráficos, um diário ou algum aplicativo gratuito de monitoramento de período em seu smartphone, como por exemplo:

2) Passe a observar as mudanças em seu corpo!

Se, após entender como funciona o seu ciclo, você ainda se pergunta: “como saber se estou ovulando?” Então mostraremos a você alguns sintomas que podem ajudar a perceber quando está em seu período fértil e o momento da ovulação. Confira!

Monitore sua temperatura basal

  • Seus níveis hormonais mudam ao longo do seu ciclo menstrual.
  • Durante a primeira metade, os ovários produzem estrogênio e, quando os níveis desse hormônio ficam altos o suficiente, o óvulo é liberado. 
  • Depois disso, seu corpo começa a produzir progesterona, fazendo sua temperatura subir levemente.
  • Antes da ovulação, sua temperatura basal, que é a temperatura mais baixa de seu corpo em um período de 24 horas (assim que você acorda) fica entre 36,2 e 36,5 graus Celsius, podendo variar de pessoa para pessoa. 
  • Dois ou três dias depois de ovular, as mudanças hormonais provocam um aumento de 0,2 a 0,5 grau. 
  • Entretanto, se a temperatura subir um dia ou outro, mas não se mantiver mais elevada durante alguns dias, provavelmente você ainda não ovulou.

Normalmente, no dia em que a menstruação desce, a temperatura cai. E, na gravidez, ela se mantém mais alta até o fim da gestação.

Se você mantiver a medição por alguns meses, poderá observar um padrão que é exibido quando você ovula. Isso irá ajudá-la a reconhecer sua janela fértil. 

Para auxiliar a leitura desses dados, você pode preencher um gráfico com as temperaturas do mês todo para usar em uma análise posterior.

Observe sua secreção (muco) vaginal

Seus hormônios também alteram a textura do muco cervical, o líquido pegajoso que sai do colo do útero. 

À medida que seu corpo se prepara para ovular, você libera mais secreção e ela fica mais elástica e escorregadia, como claras de ovos cruas. 

A textura ajuda o esperma a nadar dentro do seu corpo. Quando seu muco estiver assim, você deverá estar na sua janela fértil.

Observe o seu colo uterino

O colo do útero é a ligação entre o interior do útero e a vagina e sua textura muda de acordo com o período do seu ciclo menstrual.

Para sentí-lo, é preciso introduzir um dedo na vagina, até encontrar o “fundo” dela. 

Pouco antes da ovulação, o colo do útero tem a mesma textura de seus lábios e, depois disso, ele parece mais duro, como a ponta do nariz. Outra mudança que acontece é em sua posição. 

Com o tempo, você vai conseguir notar que quando está perto de ovular seu colo uterino fica mole, mais alto, aberto e úmido, sendo mais difícil alcançá-lo com o dedo.

Após a ovulação, ele se torna firme, mais baixo, fechado e seco e, com isso, fica mais fácil atingir o “fundo” da vagina.

Leia também:  Como Saber Quando Melancia Esta Madura?

Outros sintomas

Sabia que é possível sentir-se ovular? Algumas mulheres sentem uma leve pontada no momento da liberação do óvulo, conhecida como “dor do meio”, já que costuma ocorrer no meio do ciclo menstrual. 

As alterações hormonais da ovulação também podem gerar um pequeno sangramento, semelhante à menstruação, mas de volume bem menor, como uma pequena mancha na calcinha.

Seu desejo sexual também pode ficar maior quando está ovulando. Além disso, repare em:

  • mudanças no apetite, 
  • mudanças nos hábitos intestinais, 
  • alterações de humor,
  • aumento da autoconfiança. 

Essas características podem indicar que você está ovulando. Porém, você só vai conseguir estabelecer um padrão se começar a observar (e anotar) essas mudanças por alguns ciclos consecutivos.

Veja mais detalhes sobre período fértil e sintomas da ovulação neste vídeo da Dra Letícia Piccolo:

3) Você também pode usar kits de previsão de ovulação 

  1. Esses testes, que você pode comprar em farmácias, dão uma ideia mais precisa de quando esperar sua janela fértil. 
  2. Eles testam sua urina para medir seus níveis de hormônio luteinizante (LH), que aumentam nas 24 a 36 horas antes da ovulação.

  3. Os kits têm tiras de teste suficientes para permitir que você verifique seus níveis de LH várias vezes durante o ciclo menstrual. 

Comece a testar alguns dias antes de pensar em ovular e repita algumas vezes nos próximos dias para identificar o dia exato.

Quando seus níveis de LH estiverem mais altos, você está na sua janela fértil.

No entanto, existem algumas ressalvas quanto aos testes de ovulação: Embora eles detectem um aumento no hormônio LH, em alguns casos, eles não podem confirmar se a ovulação realmente ocorre um ou dois dias depois. 

Isso acontece porque algumas mulheres podem elevar a taxa desse hormônio, mas não liberar um óvulo, configurando algo conhecido como Síndrome do Folículo Luteinizado Não Roto (LUF).

Em outros casos, a mulher pode experimentam falsos surtos de LH durante os quais o hormônio luteinizante apresenta pequenos picos antes de atingir o pico máximo. Isso é muito comum em mulheres com Síndrome do Ovário Policístico (SOP).

4) Ultrassons também podem lhe dizer quando está ovulando

  • Muitas mulheres com ciclos irregulares ainda podem estar se perguntando: “Afinal, como saber se estou ovulando?”
  • Se desejam aumentar suas chances de engravidar, o ultrassom é uma ótima opção para monitorar sua janela fértil e descobrir a data certa da ovulação.
  • Com o exame, o médico observa as alterações nos ovários, que ficam mais volumosos à medida que os folículos se preparam para liberar o óvulo, e nas paredes do útero, que se tornam mais espessas para receber o embrião.
  • Os ultrassons (transvaginais) devem ser realizados algumas vezes a partir do início do ciclo menstrual, com um intervalo de alguns dias entre um e outro, em datas especificadas pelo médico que a acompanha. 
  • Quando o ovário estiver prestes a liberar o óvulo, o especialista vai orientar o casal a ter relações com mais frequência para aumentar as chances da gravidez acontecer.
  • Conheça outros tipos de exames para detectar a ovulação neste artigo.
  • Agora que você já aprendeu como saber se está ovulando e que o ultrassom e outros testes podem ajudá-la com isso, aproveite e acesse o site Eigier Diagnósticos e pré-agende online seus exames, com conforto e segurança.
  • O grupo está há mais de 37 anos no mercado e é responsável pelo controle de empresas especializadas que atuam em medicina diagnóstica por imagem.
  • Confira alguns dos exames disponíveis em nossas unidades:

Comentários:

COMO SABER QUANDO ESTOU OVULANDO? AQUI ESCLARECEMOS SUAS DÚVIDAS

“Como saber quando eu ovulo?” É uma pergunta que talvez toda mulher já tenha se perguntado em algum momento de sua vida.

Quer busquem ou evitem a gravidez, as mulheres sempre tiveram o interesse de saber exatamente qual momento do seu ciclo menstrual é o mais fértil.

Certamente você sabe que seu corpo envia sinais; mas se você ainda não o reconhece, podemos te ajudar a identificar cada um deles.

A ovulação é o processo no qual um folículo ovariano libera um óvulo para ser fecundado. Durante esse processo, o endométrio se espessa para receber o embrião em caso de fecundação. Regularmente, um único folículo se desenvolve em cada processo de ovulação, embora às vezes possa acontecer que dois ou mais folículos cumpram o processo, o que aumenta a possibilidade de gravidez.

“COMO SABER QUANDO ESTOU OVULANDO?”

Se você quiser responder a essa pergunta, considere vários elementos. Um deles, talvez o mais importante, é a data da sua última menstruação; a partir daí, você contará catorze dias: quatro dias antes e quatro dias depois dessa data, é o seu período mais fértil.

Você também deve ter claro que cada ciclo menstrual é diferente. Uma mulher com um ciclo regular de vinte e oito dias pode ovular no décimo quarto dia do seu ciclo, enquanto uma mulher com um ciclo menstrual irregular pode ovular uma semana depois ou não ovular.

Portanto, é muito importante ter sua tabela de menstruação sempre à mão para que sua data de ovulação seja mais precisa (indicamos a calculadora que temos aqui em nosso site).

No entanto, você deve saber que também existem sintomas para reconhecer seus dias férteis e inférteis; ideais para identificar quando seu período de ovulação ocorre.

Se você ainda se pergunta “como saber quando estou ovulando?”, mencionamos alguns sinais:

SINAIS DE OVULAÇÃO

DOR NA BARRIGA:

Um dos sintomas que a ajudará a saber se você está ovulando é uma dor localizada no local do ovário que está funcionando. Uma espécie de cólica concentrada.

  • AUMENTO DA TEMPERATURA CORPORAL:
  • Durante os dias da ovulação, a temperatura do seu corpo aumentará entre 0,5 e 1 grau acima do normal.
  • ALTERAÇÕES NO CORRIMENTO VAGINAL:

Geralmente doze horas antes da liberação do óvulo, o corrimento vaginal muda. Sua consistência se torna pegajosa, transparente e, às vezes, branca; é perfeito para que o esperma se mova facilmente em direção ao óvulo.

Lembre-se de que os sintomas da ovulação podem variar em cada mulher. Especialistas afirmam que em mulheres jovens esses aparecem com mais intensidade do que naquelas que estão próximas à menopausa.

De qualquer forma, não importam as razões pelas quais você deseja saber seus momentos de ovulação e ter em mãos sua calculadora de ovulação, o importante é que você aprenda a reconhecer, a partir de agora, todos os processos que ocorrem em seu corpo..

BIBLIOGRAFIA

¿Cómo saber si estás ovulando? (2018). América Televisión, disponível em https://www.americatv.com.pe/noticias/salud/como-saber-si-estas-ovulando- n268613

¿Cómo saber si estoy ovulando? (19 de fevereiro de 2017). Clarín, disponível em https://www.clarin.com/entremujeres/hogar-y-familia/embarazo/saber- ovulando_0_rkwVEBDKe.html

Saber cuándo ovulas, más importante de lo que parece. Instituto de reproducción CEFER, disponível em https://www.institutocefer.com/blog/saber-cuando-ovulas- mas-importante-lo-parece/

Como saber se eu estou ovulando?

Caso você esteja planejando ficar grávida, a primeira coisa que deve saber é quais são seus dias mais férteis, quer dizer, os dias durante os quais você ovula. Durante a ovulação, o ovário libera um óvulo maduro que vai para as Trompas de Falópio onde acontece a fecundação.

Em mulheres com ciclos regulares de 28 dias, o dia fértil ou de liberação do óvulo é o dia 14; mas se você tiver um período irregular, a faixa em que poderia ovular pode ir entre os dias 12 e 16. Para saber quando é sua data fértil, você deve ter total clareza a respeito da duração de seu ciclo.

  • Embora soe um pouco complexo identificar uma data que não seja fixa e que também varia de mulher a mulher, a verdade é que nem é tanto assim, porque a natureza, que é sabia, oferece sinais claros de que alguma coisa está acontecendo.
  • Sinais da ovulação:
  • ● Leve dor na zona ovariana:

Um dos sinais físicos mais claros de que você está ovulando é o desconforto estomacal. Vinte por cento das mulheres sentem dores na parte baixa do estômago que podem durar uns minutos ou, inclusive, algumas horas. Estas acontecem dias antes da menstruação e são causadas pela atividade dos ovários.

● Abundância de muco vaginal:

Nos dias prévios à ovulação, a quantidade do fluxo aumentará consideravelmente e também sua textura mudará. Estas mudanças acontecem devido ao aumento nos níveis do estrogênio.

Algumas pessoas comparam o fluxo que é produzido durante a ovulação com a clara de um ovo cru, porque o fluído se torna mais claro, flexível e escorregadio para favorecer a transportação dos espérmios através do colo uterino até chegar às Trompas de Falópio. 

  1. ● Mais sensibilidade nos peitos:
  2. Você pode sentir sensibilidade, tensão e até dores em seus peitos durante a ovulação.
  3. ● A temperatura corporal aumenta:

Durante a ovulação é produzida a progesterona que aumenta a temperatura corporal entre 0,5°C e 1°C. Para poder perceber se isso realmente aconteceu, você deve ser rigorosa e medir sua temperatura pelas manhãs ao acordar, porque qualquer movimento pode aumentá-la.

Os especialistas aconselham que seja utilizado sempre o mesmo termômetro e que a forma de medi-la seja oral ou retal, permanecendo com o termômetro ao redor de três minutos.

Além disso, você deve ter uma folha onde anotar suas medições diariamente e, assim, ver sua ovulação, o qual permitirá visualizar o padrão que seu ciclo segue e a data de ovulação. É normal se no dia anterior à ovulação acontece um descenso na temperatura.

Não fique preocupada, porque o dia da liberação do óvulo voltará a aumentar. Alguns dias depois de que a ovulação aconteceu, a temperatura voltará a ser igual àquela do período pré-ovulatório. Se ela não descer, é provável que você esteja grávida.

● Maior desejo sexual e mais energia em geral:

Muitas mulheres incrementam seu apetite sexual durante a ovulação. Porém, não é um sintoma muito claro, pois outras mulheres experimentam o contrário: a ansiedade que gera o desejo de conceber o quanto antes pode causar a diminuição do desejo no casal.

Como saber meu periodo fertil?

Existem somente alguns dias (normalmente seis) de cada ciclo nos quais você pode engravidar, que são o dia da ovulação e os dias que a antecedem. Assim, ao tentar engravidar, é essencial saber quais são esses dias no seu ciclo.

Existem vários sinais e sintomas de ovulação, e a maioria dos métodos de detecção da ovulação baseia-se neles para ajudar você a identificar seus dias férteis.

Neste artigo, observamos esses sinais e sintomas, bem como mostramos como podem ser usados para ajudá-la:

Sinais e sintomas da ovulação

  • Muitas mulheres não apresentam sintomas de ovulação. As mulheres que apresentam sintomas observam que eles podem variar de ciclo para ciclo.
  • Alguns dos sinais ocorrem apenas após a ovulação, o que os torna pouco úteis para prever os dias férteis da mulher nesse ciclo
  • O aumento de LH (detectado pelos testes de ovulação) acontece de 24 a 36 horas antes da ovulação

Ovulação é o nome do processo que ocorre normalmente uma vez em cada ciclo menstrual, quando as alterações hormonais acionam um ovário para liberar um óvulo. Isso geralmente ocorre de 12 a 16 dias antes do início da próxima menstruação. Estes são os sinais e sintomas comuns da ovulação.

Aumento de LH

Conforme a mulher se aproxima da ovulação, seu corpo aumenta a produção de um hormônio chamado estrogênio, que causa o espessamento do revestimento do útero e ajuda a criar um ambiente apropriado para o espermatozoide.

Os altos níveis de estrogênio acionam um súbito aumento em outro hormônio, chamado de hormônio luteinizante (LH). Esse aumento de LH causa a liberação do óvulo maduro do ovário – isso é a ovulação.

A ovulação normalmente ocorre de 24 a 48 horas após o aumento de LH e, por isso, o aumento de LH é bom para prever o pico de fertilidade.

Aumento na temperatura

A temperatura corporal basal (em repouso) da mulher aumenta de 0,4 a 1,0 °C após a ovulação. Esse aumento normalmente é muito pequeno para notar, mas pode ser detectado por um termômetro preciso.

Dor na ovulação – Dor abdominal

Cerca de uma em cinco mulheres apresenta dor associada à ovulação. A dor deve ocorrer antes, durante ou depois da ovulação. Existem várias explicações para a causa dessa dor na ovulação.

Um pouco antes da ovulação, o crescimento do folículo pode forçar a superfície do ovário, causando dor.

No momento da ovulação, fluido ou sangue são liberados do folículo de óvulo rompido, o que pode causar irritação no revestimento abdominal.

É possível perceber a dor abdominal em um lado em um mês, no lado oposto no próximo mês ou no mesmo lado por vários meses em sucessão. Normalmente, dura apenas alguns minutos, mas pode durar por mais tempo, possivelmente até 24 a 48 horas, e pode ser uma dor aguda e distinta, semelhante a uma cólica. Raramente é descrita como uma dor intensa.

Alterações na saliva

Foi observado que a saliva de uma mulher muda de acordo com a quantidade de hormônio estrogênio no corpo. Durante o ciclo mensal, há um grande aumento no estrogênio alguns dias antes da ovulação e outro aumento menor alguns dias antes do final da menstruação.

Alterações no muco cervical

Durante o ciclo menstrual de uma mulher, o tipo e a quantidade de muco cervical (uma secreção produzida pelas glândulas do colo do útero) se alteram. Ele pode ser pegajoso ou elástico, esbranquiçado ou turvo.

Nos dias que antecedem a ovulação, ele torna-se mais transparente e elástico (e frequentemente é comparado à clara do ovo – levando ao nome de “muco cervical tipo clara de ovo”).

Esse muco é favorável ao espermatozoide e o ajuda a chegar ao óvulo.

Como saber se estou ovulando?

  • Alguns métodos somente podem ser identificados quando a ovulação já ocorreu, portanto, eles são de pouco valor para ajudar uma mulher a engravidar durante esse ciclo.
  • Os testes de ovulação detectam o aumento de LH que ocorre de 24 a 36 horas antes da ovulação.
  • Os Testes de Ovulação Clearblue são pelo menos 99% precisos na detecção do aumento de LH.
  • Foi observado que o método do calendário prevê corretamente os dias férteis somente em um terço dos ciclos.1

Para aumentar suas chances de engravidar, é importante ter relações sexuais nos dias que antecedem o dia da ovulação. Essas são maneiras de usar os sinais e os sintomas da ovulação para ajudá-la a identificar os poucos dias férteis de cada ciclo.

Testes de ovulação

Os Testes de Ovulação Clearblue são fáceis de usar e detectam os principais hormônios de fertilidade em uma amostra de urina. Eles são pelo menos 99% precisos para identificar o aumento de LH e podem identificar até 6 dias férteis durante cada ciclo, nos quais é mais provável que você engravide.

O método do calendário

Se você tiver um ciclo menstrual regular, pode tentar prever a ovulação registrando cuidadosamente a duração de cada ciclo. Você precisará registrar a duração do seu ciclo por, pelo menos, alguns meses para começar a compreender como ele funciona.

Em um ciclo menstrual muito regular, a ovulação geralmente ocorre entre 12 e 16 dias antes do início da próxima menstruação. Entretanto, o dia que você realmente ovula ainda pode variar em vários dias entre os ciclos, mesmo com um ciclo menstrual regular.

Recentes estudos descobriram que o método do calendário prevê corretamente os dias férteis somente em um terço dos ciclos2

Registro da temperatura corporal basal (TCB)

Esse método se baseia no fato de que a temperatura corporal basal aumenta em 0,4 a 1,0 °C após a ovulação, momento em que é muito tarde para aumentar as chances de concepção nesse ciclo menstrual.

2 Para usar esse método com precisão, a primeira coisa que você deverá fazer toda manhã será medir a temperatura corporal basal antes de sair da cama; você precisará medir em vários ciclos menstruais antes de determinar a sua janela de fertilidade. Também existem muitos fatores, como alterações nos ciclos do sono, viagens e consumo de álcool que podem alterar seu TCB.

Estudos mostram que o uso da temperatura corporal basal de uma mulher para prever seus dias férteis (dentro de um dia) tem uma taxa de sucesso inferior a 70%.2

Dor na ovulação – Dor abdominal

Aproximadamente, uma em cinco mulheres apresenta dor associada à ovulação. No entanto, uma vez que a dor pode ocorrer durante ou mesmo depois da ovulação, isso nem sempre é útil para identificar os dias anteriores à ovulação e o dia da ovulação em si, quando você está mais fértil.

Observações da saliva

Observou-se que a saliva se altera de acordo com a quantidade do hormônio estrogênio no corpo e existem kits que podem ajudar a monitorar essas alterações.

Normalmente, eles consistem em um pequeno microscópio com uma superfície de vidro, na qual você coloca um pouco de saliva, aguarda que seque e depois analisa pelo microscópio para procurar por um padrão tipo “samambaia” causado pelos cristais de sal da saliva quando o nível de estrogênio está alto.

No entanto, foi mostrado que as alterações na saliva não são um método confiável de previsão da ovulação e são difíceis de interpretar.2 A saliva também pode ser afetada por fumo, bebidas alcoólicas e alimentação.

Observação do muco cervical

Durante o ciclo menstrual, o tipo e a quantidade do muco cervical (uma secreção produzida pelas glândulas do colo do útero) se alteram. Ele pode ser pegajoso ou elástico, esbranquiçado ou turvo. Nos dias que antecedem a ovulação, ele torna-se claro e elástico e frequentemente é comparado à clara de ovo.

Ao observar essas alterações, você pode prever quando ovulará, assim pode manter relações sexuais nos seus dias mais férteis. A principal vantagem desse método é que melhora a compreensão do seu corpo, tornando-a mais ciente das alterações que seu corpo passa durante um ciclo menstrual.

Entretanto, pode demorar até que você aprenda a “ler” as alterações e o muco cervical pode ser influenciado por outros fatores, incluindo infecções, sexo e alguns medicamentos

O que ler em seguida?

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*