Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc?

Você ligou seu computador, conectou à Internet e foi reproduzir um vídeo no YouTube, mas se deparou com uma surpresa completamente desagradável: não está saindo áudio dele.

Além de prejudicar o entretenimento (uma vez que sites de streaming têm seu funcionamento prejudicado), problemas no áudio do PC podem evitar que o sistema operacional emita sons para alertar o usuário a respeito de possíveis problemas no sistema. Por isso, assim que a falha for detectada, é necessário identificar a causa do problema a fim de resolvê-lo de uma vez por todas.

  • Confira descontos incríveis em áudio no Canaltech Ofertas

Não está saindo áudio do meu PC

Antes de tudo, tente a ferramenta de solução de problemas de áudio. O Windows possui uma ferramenta especial para resolver problemas de áudio. Para usá-la:

Use a solução de problemas do Windows

Passo 1: clique no ícone de início e acesse o “Painel de Controle”.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Acesse o Painel de Controle para resolver problemas de áudio no PC (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 2: na caixa de pesquisas, digite “Solução de problemas” e espere até que o ícone correspondente apareça. Depois, clique nele.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Acessando o menu “Solução de problemas” (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 3: selecione “Solucionar problemas de reprodução de áudio”.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Clique em “Solucionar problemas de reprodução de áudio” (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 4: o Windows irá tentar reproduzir o áudio e detectar possíveis problemas. Aguarde até que ele complete a tarefa e siga as dicas para consertar problemas no áudio do PC.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Detectando problemas no áudio do PC (Captura de tela: Ariane Velasco)

Reinicie seu computador

Embora pareça um truque muito simples e um tanto quanto “batido”, reiniciar o computador pode resolver algumas falhas do sistema que impedem a saída de áudio de seu PC. Reiniciar o computador após desinstalar programas específicos para o áudio também pode ajudar, uma vez que a remoção deles pode deixar o som do PC mais limpo.

Teste caixas de som ou fones em outros computadores

Se não está saindo áudio de seu PC, o problema pode estar no dispositivo que você está utilizando. Por isso, vale a pena tentar conectá-lo em outro dispositivo para realizar um teste completo. Caso ele não funcione, você saberá que o problema está realmente no hardware.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Se não está saindo áudio de seu computador, tente reiniciá-lo (Captura de tela: Ariane Velasco)

  • Observe se o dispositivo de áudio do PC está ativado
  • Problemas com os fones de ouvido, caixas de som e outros dispositivos que estejam conectados ao computador podem ser identificados no Painel de Controle. Você pode acessá-lo seguindo o breve tutorial a seguir:
  • Passo 1: digite “Painel de Controle” na barra de busca do Windows e clique sobre ele.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Acessando o Painel de Controle para verificar o áudio do PC (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 2: selecione “Hardware e sons” no menu.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Hardware e Sons (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 3: em “Som”, clique em “Gerenciar dispositivos de áudio”.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Clique em “Gerenciar os dispositivos de áudio” (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 4: agora, você poderá observar quais dispositivos de áudio do seu PC estão funcionando corretamente através do ícone de “check” verde.

Caso reste alguma dúvida, clique sobre o nome de cada um com o botão direito do mouse e selecione a opção “Testar”. O som será reproduzido pelos alto-falantes tanto da esquerda quanto da direita.

Se isso não acontecer, significa que existem fatores impedindo o funcionamento correto do áudio mesmo quando ele está ativado.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Testando os dispositivos de áudio (Captura de tela: Ariane Velasco)

  • Seu fone de ouvido funciona só de um lado no PC? Aprenda como resolver isso

Tente atualizar o driver de seu dispositivo de áudio

Se, mesmo após tentar os procedimentos acima, não está saindo áudio do seu PC, tente atualizar o driver do dispositivo seguindo os passos abaixo:

Passo 1: clique com o botão direito do mouse sobre o ícone de “iniciar” do Windows. Depois, selecione “Gerenciador de dispositivos”.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc? Acessando o Gerenciador de Dispositivos de seu PC (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 2: acesse a opção “Controladores de som, vídeos e jogos”. Depois, encontre sua placa de áudio na lista de dispositivos e clique novamente com o botão direito do mouse. Em seguida, acesse as “Propriedades”.

Clique em “Propriedades” para acessar as configurações de áudio de seu PC (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 3: clique em “Driver” confira se a placa de áudio está mesmo ativada no sistema. Caso a opção seja a de desabilitar o dispositivo, significa que ela está.

Verifique se o driver de áudio de seu PC está funcionando (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 4: também em “Driver”, veja se existe alguma atualização disponível e clique em “Atualizar driver” caso exista. Após realizá-la, reinicie o PC.

Atualize o driver de áudio de seu PC (Captura de tela: Ariane Velasco)

Caso a atualização não faça sair áudio de seu PC, acesse novamente as propriedades de sua placa de áudio e clique em “Reverter driver” – vale lembrar que é necessário reiniciar o PC novamente depois disso.

Experimente instalar outros drivers de som

Se ainda assim não estiver saindo áudio de seu PC, o problema pode estar nos drivers de áudio do Windows – que são instalados automaticamente e vêm de fábrica. Para verificar se esse é realmente o problema, vá novamente até o Gerenciador de Dispositivos. Depois:

Passo 1: clique sobre “Atualizar driver” e, depois, selecione “Procurar software de driver no computador”.

Procurando um driver de áudio para o PC (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 2: clique em “Permitir que eu escolha em uma lista de drivers disponíveis em meu computador”.

Clique em “Avançar” para começar a busca (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 3: escolha uma das opções disponíveis na lista de drivers e, em seguida, clique em “Avançar”. Depois que a instalação for concluída, reinicie o computador.

Concluindo a busca por um driver de áudio (Captura de tela: Ariane Velasco)

  • Saiba como aumentar o volume do seu computador além do máximo

Reverta as atualizações do Windows

É claro que as atualizações são imprescindíveis para o bom funcionamento de seu computador. No entanto, caso não esteja saindo áudio dele, esse problema pode ter sido causado por bugs em atualizações recentes. Se você já tentou todas os outros recursos e nenhum deles funcionou, vale a pena tentar reverter a atualização para uma versão mais antiga. Para isso:

Passo 1: clique no ícone de iniciar do Windows e selecione “Configurações”.

Acesse as configurações no menu iniciar do Windows (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 2: acesse “Atualizações e segurança” e em “Opções avançadas”.

As atualizações podem ser desinstaladas nas opções avançadas (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 3: depois, clique em “Exibir histórico de atualização”.

Clique em “Exibir histórico de atualizações” (Captura de tela: Ariane Velasco)

Passo 4: clique em “Desinstalar atualizações” e, depois, veja se já está saindo áudio de seu PC.

Desinstale as atualizações para melhorar o áudio de seu PC (Captura de tela: Ariane Velasco)

Conseguiu resolver os problemas de áudio do seu PC através das nossas dicas? Deixe seu comentário compartilhando sua opinião abaixo.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Placa de som: principais características

O nome já diz tudo: as placas de som são dispositivos responsáveis por prover o áudio gerado em seu computador. No início da era dos PCs, esse item nem existia – o único dispositivo sonoro presente em alguns computadores era o “PC Speaker”, utilizado até os dias de hoje para emitir avisos sonoros da placa-mãe.

Mas, não demorou muito para as placas de som se tornarem comuns. Hoje, é até difícil encontrar uma placa-mãe nova que não tenha uma placa de som integrada (onboard).

Neste artigo, você conhecerá as principais características das placas de som e, a partir disso, terá meios de avaliar os vários modelos desse componente disponíveis no mercado.

Características das placas de som

Conversores ADC e DAC

As placas de som são constituídas por dispositivos com um ou mais chips responsáveis pelo processamento e emissão do áudio gerado pelas aplicações. Para que isso seja possível nos computadores, é necessário trabalhar com sinais sonoros digitais.

É neste ponto que entra em cena os conversores denominados ADC (Analog-to-Digital Converter – Conversor Analógico-Digital) e DAC (Digital-to-Analog Converter – Conversor Digital-Analógico).

Ao ADC (também conhecido como Conversor A/D) cabe a tarefa de digitalização dos sinais sonoros. A placa de som recebe esses sinais de um dispositivo externo, por exemplo, um microfone ou um instrumento musical.

O som oriundo desses dispositivos é disponibilizado por sinais analógicos. Todavia, os computadores só trabalham com informações digitais, sendo necessário, portanto, fazer uma conversão de analógico para digital.

É exatamente isso que o ADC faz.

Leia também:  Como Se Chama As Pessoas Que Mudam De Humor Rapidamente?

Para ouvirmos o som emitido pelos computadores, conectamos à placa de som caixas acústicas ou fones de ouvido. Para o áudio chegar até os nossos ouvidos por esses dispositivos, é necessário fazer outra conversão: a de sinais digitais (isto é, os sinais trabalhados pela máquina) para sinais analógicos. Essa tarefa é feita pelo DAC (também conhecido por Conversor D/A).

É claro que há situações em que é necessário trabalhar com ambos os conversores ao mesmo. Isso é possível na maioria das placas de som, em um recurso denominado fullduplex.

Resolução das placas de som

É comum encontrar nas especificações das placas de som indicações que sugerem que o dispositivo trabalha a 32, 64 ou 128 bits. Na verdade, a maioria das placas sonoras trabalha com resoluções de 16 bits (as mais antigas trabalhavam apenas com 8 bits), com exceção para alguns modelos mais sofisticados, que podem trabalhar com mais bits.

Os números superiores a 16 informados nas especificações, geralmente indicam a quantidade de tons simultâneos que a placa pode trabalhar (polifonia).

Os tradicionais 16 bits são suficientes para reproduzir com alta qualidade sonora os sons que somos capazes de ouvir, por isso não há a necessidade de trabalhar com mais bits.

As placas que possuem 20 bits (ou mais) geralmente são usadas para evitar perda de qualidade em certas aplicações. Isso significa que possuem alta fidelidade sonora, embora nem sempre notemos a diferença.

Taxa de amostragem

Muitas das placas de som atuais trabalham com uma taxa de amostragem de até 100 KHz (aproximadamente) e, dependendo do modelo, esse valor pode ser muito superior. Mas, o que isso quer dizer? Para entender, observe o gráfico de onda abaixo:

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc?

A ilustração representa um som na forma analógica. Como o computador trabalha apenas com sinais digitais, é necessário fazer uma conversão, todavia, não é possível “capturar” todos os pontos do sinal.

A freqüência determina o intervalo entre cada ponto capturado. Quanto mais pontos, mais fiel será o áudio. Veja um comparativo entre os gráficos abaixo.

Note que, com 11 KHz, a captura será menor que com 44 KHz, indicando que a qualidade do áudio será inferior:

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc?
Repare que, com 44 KHz, o sinal digital (em vermelho) é muito fiel ao sinal analógico (em azul), indicado boa qualidade de áudio. No entanto, com 11 KHz, o sinal digital acaba não sendo fiel ao sinal analógico, causando perda de qualidade do áudio.

Resposta de freqüência

A resposta de freqüência indica a faixa de freqüências que a placa de som pode oferecer. Nos dispositivos mais comuns, esse intervalo fica entre 20 Hz e 20 KHz, um valor satisfatório aos ouvidos humanos.

Dependendo da freqüência, pode haver desvios, isto é, perdas ou ganhos. Esse parâmetro é medido em decibéis (dB). Placas que possuem esse desvio numa taxa inferior a 1 dB (para mais ou para menos) são indicadas para se obter uma boa qualidade de áudio nos mais diversos tons.

SNR e THD

O SNR (Signal to Noise Ratio ou Relação Sinal/Ruído) indica o nível de ruído (uma espécie de interferência) existente na placa de som. Esse indicativo é medido em decibéis. Placas de boa qualidade geralmente têm SNR acima de 90 dB.

Quanto ao THD (Total Harmonic Distortion ou Distorção Harmônica Total), trata-se de um indicativo do nível de distorção, neste caso, um ruído captado durante a emissão do áudio para as caixas de som ou para os fones. Essa medição é feita em porcentagem e, quanto menor esse valor, melhor.

É curioso notar que nem sempre os fabricantes indicam os valores de SNR e THD. Geralmente, essas taxas só são especificadas quando a placa de som tem qualidade muito boa.

Sintetizadores e MIDI

Quando um som é gerado no computador, o arquivo final costuma ficar muito grande, fazendo com que seja necessário usar formatos de compactação de áudio (como MP3 e Ogg Vorbis) e, principalmente, sintetizadores. Estes são “orientados” por um padrão conhecido como MIDI (Musical Instrument Data Interface).

Os arquivos MIDI são muito pequenos, se comparados aos formatos de áudio tradicionais. Isso se deve ao fato desse formato conter, na verdade, seqüências de notas musicais. Assim, cabe aos sintetizadores a tarefa de seguir essas seqüências para gerar o áudio.

O sintetizador FM (Freqüência Modulada) é um dos mais comuns, já que permite a geração de áudio na placa de som sem a necessidade de usar áudio digitalizado. Os efeitos sonoros existentes em jogos, por exemplo, podem ser gerados dessa forma.

Para garantir um áudio mais real, as placas de som também podem utilizar um tipo de sintetizador conhecido como Wave Table. Por meio dele, é possível constituir áudio através de amostras oriundas de instrumentos sonoros reais. Neste caso, as amostras podem ficar gravadas em uma memória própria da placa de som. Esse sintetizador também pode ser emulado por software.

DSP (Digital Signal Processor)

O DSP é um item importante para a qualidade do áudio, portanto, sua presença é praticamente obrigatória em placas de som mais sofisticadas.

Trata-se de um chip dedicado a processar informações sonoras, liberando o processador do computador de tal tarefa.

O DSP é especialmente importante na edição de áudio, já que torna mais rápida a aplicação de efeitos e de outros recursos de manipulação.

Algumas placas-mãe de qualidade superior possuem DSPs integradas. Isso é importante para evitar que o usuário tenha que comprar uma placa de som offboard (isto é, uma placa de som “separada”, não integrada à placa-mãe) por falta de qualidade do áudio onboard.

Canais de áudio

Os canais de áudio indicam quantas caixas de som você pode conectar na placa. As mais simples suportam dois canais, isto é, os canais direito e esquerdo. Placas que suportam, por exemplo, a tecnologia Surround, costumam ter canais extras para prover um melhor aproveitamento de tal recurso.

O que quer dizer então, sistemas de som 5.1, por exemplo? Esse número indica que a placa de som é capaz de trabalhar com kits acústicos compostos por cinco caixas de som e uma caixa subwoofer (usada para tons graves). O mesmo vale para kits 6.1 e 7.1.

  • Vale frisar, no entanto, que a expressão “canais de áudio” também pode fazer alusão à quantidade de sons que a placa pode executar ao mesmo tempo (a já mencionada polifonia).
  • Conexões
  • As placas de som podem ter vários tipos de conexões, tudo depende do modelo e da finalidade de uso do dispositivo. A lista abaixo mostra os tipos de conexão mais comuns:
  • – MIC: entrada para microfone; – Line-In: entrada para conectar aparelhos sonoros, como um rádio, por exemplo; – Line-Out: entrada para conectar caixas de som ou fone de ouvido; – Speaker: nesta entrada, pode-se ligar caixas de som sem amplificação; – Joystick/MIDI: entrada para ligar joystick (controle para jogos) ou instrumentos MIDI; – SPDIF: entrada para conexão de aparelhos externos.

Como Saber Qual Placa De Som Tem No Meu Pc?

No caso da conexão SPDIF (Sony/Philips Digital Interface), cabe uma observação: esse padrão, na verdade, é composto por vários tipos de conexão, uma delas serve para conectar um drive de CD/DVD à placa de som, fazendo com que esta tenha a tarefa de converter os sinais digitais para analógicos do áudio de CDs de música. Além disso, o SPDIF também pode usar conectores ópticos e coaxiais, onde pode-se ligar, por exemplo, um home theater.

Como mostra a tabela abaixo, convencionou-se aplicar cores para cada conexão.

Essas cores podem ser aplicadas nos dispositivos a serem encaixados, assim fica mais fácil localizar qual a entrada correta para cada um.

Vale frisar, no entanto, que não são todas as placas que utilizam esse esquema. Aqui no InfoWester, por exemplo, já foi testada uma placa Sound Blaster X-FI Platinum cujos encaixes eram dourados.

Rosa MIC
Azul Line-In
Verde Line-Out
Preto Speakers
Laranja SPDIF e Subwoofer

Finalizando

Como dito no início desse artigo, a quase totalidade das placas-mãe atuais vêm com placa de som integrada. Isso é bom, já que representa uma despesa a menos na aquisição de um computador. Por outro lado, deve-se observar as características do áudio oferecido para não comprar um produto de baixa qualidade. As placas-mãe de qualidade superior costumam oferecer um bom sistema de áudio.

Agora, se o que você quer é um som de altíssima fidelidade e compatível com as tecnologias de áudio mais recentes, não tenha dúvida, compre uma placa de som de qualidade.

Leia também:  Como Saber Quem Sou De Verdade?

Assim você terá uma ótima experiência ao ouvir suas músicas, jogar seus games preferidos, assistir a um filme e, se for o seu caso, trabalhar com edição de áudio.

Não se esqueça de utilizar caixas de som ou fones de ouvido de qualidade para usufruir de tudo o que sua placa de som oferece!

Escrito por Emerson Alecrim – Publicado em 08_02_2007 – Atualizado em 08_02_2007

O que é placa de som do computador e como funciona?

Uma placa de som é a peça do hardware do computador que facilita a entrada e saída dos sinais de áudio. A placa de som é responsável por fornecer os componentes de áudio dos aplicativos multimídia, como música, vídeo, apresentação, jogos etc.

Em muitos computadores, a placa de som vem embutida, mas em alguns deles é necessária uma placa de som de extensão para fornecer os recursos de áudio do computador. Quase todos os computadores necessitam de uma placa de som, e é muito comum nos PCs atuais.

  • Leia também: Windows 10 sem som após atualização? Veja 5 possíveis soluções

História da placa de som

As placas de som de hoje se conectam a placas-mãe ou são completamente integradas, também conhecidas como onboard), e podem se conectar aos alto-falantes e microfones, gerenciando os recursos de som do computador.

Mas os primeiros computadores não tinham placas de som – elas não eram consideradas necessárias para as tarefas básicas que os computadores foram projetados para executar. Em vez disso, os primeiros PCs tinham alto-falantes internos básicos, que podiam produzir áudio de onda quadrada – aqueles “bips” e “boops”.

À medida que os computadores se tornaram mais complexos e começaram a entrar no mercado de consumo, na década de 1980, os fabricantes rapidamente perceberam que precisavam de melhores maneiras de reprodução de som, especialmente para aplicativos avançados e fins gerais de entretenimento.

A IBM e outros fabricantes voltaram-se para desenvolver uma nova tecnologia de placa de som, para ir além dos bips, e ser capaz de reproduzir músicas, vozes, etc.

No final dos anos 80, os computadores começaram a contar com placas de som embutidas. Inicialmente, essas placas de som abrangiam apenas alguns aplicativos específicos, mas com o passar do tempo, as placas de som ganharam mais versatilidade, e logo estavam trabalhando com diferentes softwares.

Anatomia de uma placa de som

Uma placa de som típica possui:

  • Processador de sinal digital (DSP) que manipula a maioria dos cálculos
  • Conversor digital para analógico (DAC) para o áudio que sai do computador
  • Conversor analógico-digital (ADC) para o áudio que entra no computador
  • Memória ROM ou memória Flash para armazenar dados
  • Interface digital de instrumento musical (MIDI) para conectar equipamentos de música externos (para muitos cartões, a porta de jogo também é usada para conectar um adaptador MIDI externo)
  • Conectores para alto-falantes e microfones, bem como entrada e saída de linha
  • Porta de jogos para conectar um joystick ou gamepad

As placas de som atuais geralmente são conectadas a um slot PCI (Peripheral Component Interconnect), enquanto algumas placas mais antigas ou baratas podem usar o barramento Industry Standard Architecture (ISA).

Muitos dos computadores disponíveis atualmente incorporam a placa de som como um chipset na placa-mãe, o que deixa outro slot aberto para outros periféricos. O SoundBlaster Pro é considerado o padrão de fato para placas de som. Praticamente todas as placas de som atualmente incluem a compatibilidade do SoundBlaster Pro.

Geralmente, marcas diferentes de placas de som usam o mesmo chipset. Um chipset básico vem de um fornecedor de terceiros, e o fabricante da placa de som adiciona várias outras funções e software incluído, para diferenciar seu produto.

Conexões da placa de som

  • fones de ouvido
  • alto-falantes amplificados
  • uma fonte de entrada analógica
    • microfone
    • rádio
    • deck cassete
    • CD player
  • uma fonte de entrada digital
    • audiotape digital (DAT)
    • Drive de CD
  • um dispositivo de saída analógica – tape deck
  • um dispositivo de saída digital

As placas de som modernas (high-end) oferecem saída de quatro alto-falantes, e interface digital através de um conector. Para os audiófilos, há uma nova geração de placas de som digitais, que é prática para aplicativos que precisam de som digital, como CD-R e DAT. Permanecer digital sem qualquer conversão de ou para analógico ajuda a evitar o que é chamado de “perda geracional”. As placas de som digitais têm provisões para entrada e saída de som digital, assim você pode transferir dados de DAT, DVD ou CD diretamente para o seu disco rígido no seu PC.

Como funciona a placa de som

Arquivos de áudio em um computador são armazenados como código. As informações digitais podem armazenar facilmente muitas formas de onda sonoras, mas não criam sons. A placa de som apenas traduz o áudio do código digital para as ondas sonoras, conforme necessário.

Para fazer isso, a placa usa um DAC ou conversor digital para analógico.

O trabalho do conversor é converter o código do arquivo de áudio em impulsos elétricos, que viajam através das conexões da placa de som para os alto-falantes.

Os drivers do alto-falante transformam o impulso elétrico em ondas sonoras físicas, e então temos som. Todos os alto-falantes, internos ou externos, devem estar conectados à placa de som para funcionar corretamente.

Porém, as placas de som também têm outra função muito importante, que é fazer o contrário. Se o seu computador tiver um microfone, ele também será roteado pela placa de som. Aqui, os cartões usam um ADC, ou conversor analógico para digital, que converte as ondas sonoras criadas pela sua voz em um código, que se transforma em um arquivo de áudio.

As placas de som também podem ter funções adicionais, como servir como uma interface MIDI. As placas de som atuais geralmente são otimizadas e altamente integradas, para reduzir os custos (com os drivers de software gerenciando recursos extras), mas algumas versões ainda têm esses recursos internos.

Atualização da placa de som

Uma placa de som normalmente pode ser substituída por uma placa diferente, o que é bom para reparos e útil se você quiser atualizar sua placa de som para uma versão melhor. O hardware de som integrado a uma placa-mãe não pode ser substituído, mas pode ser desativado, permitindo que você mude para uma placa de som melhor.

Placas de som avançadas podem melhorar o áudio, ajudar a adicionar mais clareza ao som digital ou usar o próprio poder de processamento para aliviar a carga da CPU.

Há também placas de som USB, que permitem conectar fones de ouvido, microfones e outros dispositivos de áudio ao computador por meio de um pequeno adaptador, que pode ser conectado diretamente a uma porta USB.

Embora as placas de som possam ser caras, os modelos básicos são suficientes para a maioria das pessoas.

Computador sem som? Saiba o que fazer

O erro pode estar relacionado à versão do Windows 10 instalada, por exemplo, drivers desatualizados, placa de som inativa, entre outros. Pensando nisso, o TechTudo reuniu sete dicas que podem solucionar o problema e trazer de volta o áudio do computador.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

1 de 23
Computador sem som? Tutorial mostra sete dicas para resolver o problema — Foto: Carolina Oschendorf/TechTudo

Computador sem som? Tutorial mostra sete dicas para resolver o problema — Foto: Carolina Oschendorf/TechTudo

1. Reinicie seu computador

Pode até parecer trivial, mas esse velho truque pode resolver certos bugs do sistema que dificultam a reprodução de som pela placa de áudio integrada.

A opção pode ainda reverter instabilidades que impedem o sistema de inicializar o driver de som. Também é indicado desinstalar ferramentas que prometem melhorar o som do PC, deixando-o o mais limpo possível.

Se mesmo assim o som falhar ou não for reproduzido, tente nossa próxima dica.

2 de 23
Reiniciar o sistema pode ajudar a resolver problemas com a reprodução de som do computador — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Reiniciar o sistema pode ajudar a resolver problemas com a reprodução de som do computador — Foto: Reprodução/Marvin Costa

2. Ferramenta do sistema para solução de problemas de áudio

Passo 1. Clique sobre o ícone do Windows no canto inferior esquerdo da tela acesse as configurações do sistema clicando sobre o ícone de engrenagem;

3 de 23
Ação para acessar as configurações do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para acessar as configurações do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Leia também:  Como Se Chama O Mapa Que Representa Uma Cidade?

Passo 2. Acesse “Atualização e Segurança” na lista de recursos;

4 de 23
Ação para acessar as configurações Atualização e Segurança do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para acessar as configurações Atualização e Segurança do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 3. Nesse momento, clique sobre a opção “Soluções de Problemas”, localizada na lateral esquerda da tela;

5 de 23
Ação para acessar as ferramentas para solução de problemas no Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para acessar as ferramentas para solução de problemas no Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 4. Clique sobre a opção “Reproduzindo Áudio” para visualizar o botão que ativa o recurso;

6 de 23
Ação para visualizar opções para solucionar problemas de áudio no Windows — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para visualizar opções para solucionar problemas de áudio no Windows — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 5. Clique no botão “Executar a solução de problemas” e aguarde até que o sistema informe o diagnóstico sobre o áudio do computador. A ferramenta indicará procedimentos a serem realizados em caso de problemas.

7 de 23
Ação para iniciar a ferramenta que identifica problemas com o áudio no Windows — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para iniciar a ferramenta que identifica problemas com o áudio no Windows — Foto: Reprodução/Marvin Costa

3. Verificar se o dispositivo está ativado

O Painel de Controle do Windows pode indicar eventuais problemas com fones de ouvido e caixas de som conectados ao computador por cabos. Para isso, é necessário acessar o Painel de Controle do sistema, como mostramos a seguir.

Passo 1. Digite “Painel de Controle” na barra de busca do sistema e clique sobre o resultado correspondente, como mostra a imagem abaixo;

8 de 23
Ação para abrir o Painel de Controle do Windows 10 para verificar problemas com a reprodução de áudio — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para abrir o Painel de Controle do Windows 10 para verificar problemas com a reprodução de áudio — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 2. Clique sobre a opção “Hardware e Sons” para visualizar recursos e resolver problemas na reprodução de áudio;

9 de 23
Ação para acessar as configurações para hardware e sons do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para acessar as configurações para hardware e sons do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 3. Em “Som”, clique sobre a opção “Gerenciar os dispositivos de áudio”;

10 de 23
Ação para abrir a tela para gerenciamento de dispositivos de áudio do Windows — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para abrir a tela para gerenciamento de dispositivos de áudio do Windows — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 4. Os dispositivos apresentados acompanhados de um ícone verde estão funcionando sem problemas. Ainda assim, clique sobre eles com o botão direito do mouse e use a opção “Testar” para que um som do sistema seja reproduzido pelos alto falantes da esquerda e da direita. Se esse teste não emitir nenhum som, tente nossa próxima dica.

11 de 23
Ação para testar um dispositivo de áudio pelo Painel de Controle do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para testar um dispositivo de áudio pelo Painel de Controle do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

4. Instalar ou conectar um dispositivo

Passo 1. Clique com o botão direito do mouse sobre o ícone do Windows (menu iniciar). Em seguida, acesse a opção “Gerenciador de Dispositivos”;

12 de 23
Ação para acessar o gerenciador de dispositivos do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para acessar o gerenciador de dispositivos do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 2. Expanda a opção “Controladores de som, vídeos e jogos”. Encontre na lista a sua placa de áudio e clique sobre ela com o botão direito do mouse. Em seguida, clique sobre “Propriedades”;

13 de 23
Ação para visualizar as propriedades da placa de áudio do computador pelo Gerenciador de Dispositivos do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para visualizar as propriedades da placa de áudio do computador pelo Gerenciador de Dispositivos do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 3. Confira se a placa está ativada no sistema no local indicado na imagem abaixo;

14 de 23
Ação para verificar se a placa de som do PC está desabilitada — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para verificar se a placa de som do PC está desabilitada — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 4. Ainda na aba “Driver”, verifique se há alguma atualização de driver para sua placa de áudio. Se houver, clique em “Atualizar Driver”. Reinicie o computador e verifique o som para ver se o problema persiste;

15 de 23
Ação para verficar atualizações de driver para uma placa de áudio — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para verficar atualizações de driver para uma placa de áudio — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 5. Se a atualização não resolver o problema, volte até as configurações de driver e use a opção “Reverter Driver”. Reinicie o computador e verifique a reprodução de áudio.

16 de 23
Ação para reverter uma atualização de driver de áudio no Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para reverter uma atualização de driver de áudio no Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

5. Instalar outros Drivers de som

O problema da falta de som pode estar relacionado aos drives de áudio instalados automaticamente pelo Windows. Para verificar se essa é causa do problema, volte até a tela de driver no Gerenciador de Dispositivos.

Passo 1. Clique sobre a opção “Atualizar Driver” e, na janela seguinte, escolha “Procurar software de driver no computador”;

17 de 23
Ação para buscar um hardware compatível disponível no computador — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para buscar um hardware compatível disponível no computador — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 2. Clique sobre a opção “Permitir que eu escolha em uma lista de drivers disponíveis em meu computador”;

18 de 23
Ação para buscar drivers compatíveis com a placa de áudio do computador — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para buscar drivers compatíveis com a placa de áudio do computador — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 3. Selecione um dos drivers da lista e clique em “Avançar”. Será necessário reiniciar o computador e testar o áudio.

19 de 23
Ação para iniciar a instalação de um driver compatível para a placa de áudio de um computador — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para iniciar a instalação de um driver compatível para a placa de áudio de um computador — Foto: Reprodução/Marvin Costa

6. Revertendo atualizações do Windows

Manter o sistema operacional atualizado é regra básica para manter a segurança de seus dados e garantir que tudo funcione corretamente em seu computador. Porém, o problema no funcionamento do áudio pode estar relacionado às recentes atualizações do Windows. Para saber se essa é a causa do problema, será necessário reverter a atualização.

Passo 1. Clique com o botão direito do mouse sobre o menu iniciar e clique na opção “Configurações”;

20 de 23
Ação para acessar as configurações do Windows para verificar o histórico de atualizações do sistema — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para acessar as configurações do Windows para verificar o histórico de atualizações do sistema — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 2. Acesse a opção “Atualizações e Segurança”;

21 de 23
Ação para verificar informações sobre atualizações de sistema no Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin

Ação para verificar informações sobre atualizações de sistema no Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin

Passo 3. Clique na opção “Exibir histórico de atualização”;

22 de 23
Ação para verificar o histórico de atualizações do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para verificar o histórico de atualizações do Windows 10 — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 4. Nesse momento, use a opção para desinstalar atualizações. Ao final do processo, verifique novamente a reprodução de som do computador.

23 de 23
Ação para reverter atualizações do sistema para resolver problemas de áudio no Windows — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para reverter atualizações do sistema para resolver problemas de áudio no Windows — Foto: Reprodução/Marvin Costa

7. Teste as caixas de som ou fones em outros dispositivos

Conecte a caixa de som ou o fone de ouvido que você usa para ouvir áudio em seu computador em outros dispositivos.

Caso elas não apresentem problemas durante os testes, o problema, de fato, está no hardware do PC.

Computadores antigos podem apresentar problemas com componentes sem suporte, principalmente se usados com acessórios modernos. De qualquer forma, procure um técnico para realizar um diagnóstico completo.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*