Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

Esta dica serve apenas para quem já tem os chamados contadores “inteligentes”, e mesmo assim não é para todos. Eu, por exemplo, tenho um contador “inteligente” e não consigo ver o que vos vou dizer.

Mas sei que funciona, porque tenho recebido muitas mensagens de pessoas que já têm acesso a estes dados no contador deles e com eles conseguem decidir manter ou baixar a potência contratada. Como sabem, é uma das formas de poupar na eletricidade: não pagar mais do que a potência que de facto usa.

Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

De uma forma muito simples, é o valor que está disposto a pagar para ligar vários aparelhos elétricos ao mesmo tempo sem o quadro “ir abaixo”. Com 5 euros por mês, praticamente qualquer família contrata 3.45 kVa, ou seja, pode ligar aparelhos (estou a simplificar) até que gastem simultaneamente 3.450 W.

Feitas as contas, se tiver o forno ligado a gastar 1.000 W, e se ligar o secador de cabelo que gasta 2.000 W, já está a gastar nesses instantes 3.000 W. Se ligar o microondas, mesmo que seja por alguns segundos, e isso representar um pico de mais 1.

000 W já vai atingir o acumulado de 4 mil Watts, ou seja, o quadro dispara.

É por uma questão de conforto (ou ignorância) que muitas famílias optam por ter 4.6 kVa ou 6.9 ou 10.35 kVa. Quanto mais alta for a potência contratada, mais paga por mês, naturalmente. Mesmo que não consuma nenhuma eletricidade.

O que os contadores dizem

A “novidade” é que os novos contadores inteligentes (alguns) dizem minuto a minuto qual foi a potência máxima que a sua casa gastou nos últimos 30 dias. Basta perder um minuto (literalmente) a olhar para o seu contador e fica logo a saber se está a pagar a mais na sua fatura ou não.

Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

Muitos consumidores estão a receber um e-mail ou carta da EDP Distribuição (não é da EDP Comercial, OK?) a avisar que o novo contador já permite saber muitas coisas sobre os seus consumos para poder gerir melhor os seus gastos. Por exemplo, a minha mãe é cliente da Endesa e recebeu o e-mail a dizer que já tem essas informações ativas.

  • Nesse e-mail tem um folheto que aconselho todos a lerem. Está AQUI: AF_EDPD_Campanha Contadores_08_2020_digital
  • Mas basicamente ensina onde pode descobrir esse valor “mágico”.
  • Tem aqui a legenda para os valores que estão sempre em “rodízio” no seu contador.

Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

O valor que lhe interessa é o que tem por baixo a legenda “1.6.10” que representa a Potência Máxima atingida nos últimos 30 dias.

Neste vídeo tem os meus números a correr, mas como repararão quando devia chegar a este valor “salta” para o princípio. Não aparece. No meu caso, como tenho um aparelho ligado ao contador há anos que me dá esses valores, não me faz diferença. Mas para muitos de vocês pode ser uma novidade. E uma informação muito útil. Veja se aparece no seu.

Se o valor máximo atingido for muito inferior à Potência contratada que têm, estará mais do que na hora de ligarem para a vossa empresa fornecedora de eletricidade para pedirem para baixar um ou dois escalões (ou os que estiverem a mais).

Note que estes valores que vai ver serão absolutamente rigorosos. Não se trata de tentar adivinhar qual será a potência mais adequada para si. É mesmo a potência ideal para si.

Só deve ter em conta que deverá ter o patamar imediatamente a seguir ao valor que lhe der o contador.

Estou, claro, a partir do princípio de que vai ver isto num mês em que usou ao máximo todos os aparelhos que costuma usar. Tem de ser um mês representativo.

Portanto, se já é dos que foram contemplados com os contadores inteligentes, aproveite para ver se tem lá esta informação que é preciosa para si. Se tiver uma potência contratada exagerada, vai poder poupar alguns euros por ano. Repito: é o valor do contador que tem por baixo a legenda “1.6.10”.

Se estiver a pagar 3 euros a mais todos os meses, estamos a falar de mais 36 euros por ano que ficam no seu bolso. São 75 litros de leite, de acordo com a moeda oficial do Contas-poupança. Veja lá isso.

Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA” – Dezenas de dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2020. Estes 3 livros vão ajudá-lo a vencer qualquer crise financeira na sua vida. É só clicar AQUI ou nas fotos dos livros.

Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?
Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

Potência contratada: Os preços e como alterar a potência

30 Julho, 2020 Por Nuno Fatela

Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

É um dos principais factores na fatura de luz e os clientes podem escolher entre oito escalões. Saiba agora o que é a potência contratada, qual o preço da potência na EDP e nos outros fornecedores e o que deve fazer para a alterar. Por fim, encontre algumas dicas que podem permitir reduzir a potência e poupar no final do ano

Preço da energia e potência contratada. Estes são os dois principais fatores na sua fatura de eletricidade e, por isso, deve saber como poupar nestes gastos. Veja agora o que pode fazer para poupar no preço da potência contratada e outros informações vitais.

O que é a potência contratada?

A potência contratada define a quantidade de eletricidade que pode ser canalizada em simultâneo para alimentar os equipamentos elétricos de sua casa. Ou seja, diz quantos equipamentos pode ligar ao mesmo tempo.

Por isso, a quantidade de eletrodomésticos é extremamente importante para definir o escalão de potência que deve ter em casa. Além disso, deve escolher equipamentos com etiqueta energética “A”. Isso ajuda a reduzir os gastos dos equipamentos e, por consequência, permite não aumentar (ou mesmo descer) a potência.

Leia também: A proteção aos consumidores nos serviços essenciais durante a pandemia de Covid-19

A importância da potência contratada explica-se de uma forma bastante simples. Basta recordar o que acontece se exceder os limites que contratou. Basicamente, se exceder a potência vai fazer “disparar” o quadro elétrico e ter uma quebra no fornecimento de eletricidade a sua casa.

Saiba agora os oito escalões de potência contratada mais importantes para os clientes particulares no mercado livre de energia em Portugal.

3,45 kVA (3450 VA) 4,6 kVA 5,75 kVA 6,9 kVA
10,35 kVA 13,8 kVA 17,25 kVA 20,7 kVA

Compare os preços de luz e gás Poupe mais de 100€/ano na fatura de energia

Como calcular a potência contratada?

A potência para a sua casa surge em kVA (Quilovoltampere) que, segundo a Wikipedia, significa a potência aparente, pela soma da potência ativa (W) com a potência reativa. Por isso, se usar um simulador de potência contratada (como o disponibilizado pela ERSE) verá que a soma do consumo em W (Watts) dos equipamentos elétricos de casa é quase idêntica à potência contratada em Voltampere.

Uma vez que os dois principais níveis de potência nas casas portuguesas são de 3,45 kVA e de 6,9 KVA, veja agora que eletrodomésticos eles permitem ligar em simultâneo na sua casa.

3,45 kVA Frigorífico CombinadoFogão Elétrico MicroondasMáq. Lavar Roupa TV LED 30”Lâmpada Fluorescente 150W 938W750W 1388W 60W 36W (LED = 6W)
6,9 kVA Frigorífico CombinadoMicroondasFornoMáq. Lavar Roupa Máq. Lavar LoiçaAquecedor a óleoTV LED 30”Lâmpada Fluorescente 150W750W1125W1388W1125W2000W 60W 36W (LED = 6W)

Estes valores não significam que não possa utilizar mais equipamentos elétricos. No entanto, quantos mais eletrodomésticos ligar ao mesmo tempo, mais perto fica de ver o quadro disparar e a eletricidade ir abaixo por exceder a potência.

Como é calculado o preço?

O valor a pagar da potência contratada resulta da soma da tarifa de acesso às redes (definida pela ERSE) com a margem do comercializador (que inclui a sua margem de lucro). Por isso cada empresa garante preços diferentes.

Na fatura de eletricidade a potência surge como um valor diário. Ou seja, todos os dias paga um preço fixo. Mas, como ter mais potência em casa obriga a mais investimentos em redes elétricas (indica a ERSE), o preço varia consoante o seu nível de potência.

Use o simulador de energia e encontre a melhor tarifa

Qual o preço da potência contratada na EDP?

Para que saiba agora quanto paga na sua casa estando ligado ao principal fornecedor de eletricidade em Portugal, aqui ficam os valores diários, mensais e anuais da potência contratada EDP Comercial em 2020.

Preço da potência nas tarifas simples EDP

Potência Preço/Dia Custo mensal( x 30 dias) Custo anual( x 365 dias)
3,45 kVA 0,2292€ 6,88€ 83,66€
4,6 kVA 0,2889€ 8,67€ 105,45€
5,75 kVA 0,3443€ 10,33€ 125,67€
6,9 kVA 0,3964€ 11,89€ 144,67€
10,35 kVA 0,5549€ 16,65€ 202,54€
Leia também:  Como É Que As Plantas Se Reproduzem?

Preço da potência nas tarifas bi-horárias EDP

Potência Preço/Dia Custo mensal( x 30 dias) Custo anual( x 30 dias)
3,45 kVA 0,2409€ 7,23€ 87,93€
4,6 kVA 0,2953€ 8,86€ 107,78€
5,75 kVA 0,3492€ 10,48€ 127,46€
6,9 kVA 0,4031€ 12,09€ 147,13€
10,35 kVA 0,5632€ 16,89€ 205,57

Como se percebe, existem diferenças significativas no preço anual. Por exemplo, se tiver de passar de 6,9 para 10,35 kVA gastará mais 50€ por ano.

No entanto, estes são apenas os valores da EDP, e existem preços mais vantajosos em outros fornecedores. Uma vez que a troca é grátis, basta comparar os preços de luz e gás para saber se tem possibilidade de poupar.

Quem tem o melhor preço da potência nos principais fornecedores?

Para que saiba qual o melhor preço da potência contratada em 2020, aqui fica a comparação entre alguns dos principais fornecedores do mercado, para as tarifas simples.

EDP EndesaQuero+ GalpContinente Goldenergy20+20
3,45 kVA 0,2292€Ano: 83,66€ 0,1675€Ano: 61,14€ 0,2038€Ano: 74,39€ 0,1738€Ano: 63,44€
4,6 kVA 0,2889€Ano: 105,45€ 0,2192€Ano: 80€ 0,2618€Ano: 95,56€ 0,2296€Ano: 83,80€
5,75 kVA 0,3443€Ano: 125,67€ 0,2699€Ano: 98,51€ 0,3224€Ano: 117,68€ 0,2855€Ano: 104,20€
6,9 kVA 0,3964€Ano: 144,67€ 0,3187€Ano: 116,33€ 0,3909€Ano: 142,68€ 0,3306€Ano: 120,67€
10,35 kVA 0,5549€Ano: 202,54€ 0,4685€Ano: 171€ 0,5906€Ano: 215,68€ 0,4957€Ano: 180,93€

Como se pode perceber, há diferenças significativas entre os fornecedores. Por exemplo, nos 6,9 kVA, na potência contratada da Endesa poupa 30€ em comparação com a EDP.

Não se esqueça que, além da potência, também existem diferenças no preço da energia entre fornecedores. Por isso, use sempre um simulador de luz e gás para saber qual a tarifa mais indicada para si.

Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

Endesa – Plano Quero+ Luz e Gás

Receba 60€ na adesão ao luz e gás Endesa

€ 678,23

Você poupa/ano € 30,74

Como posso saber a potência do meu quadro elétrico?

Para saber qual o preço da sua potência contratada apenas precisa de ler a sua fatura de eletricidade, já que o valor surge em dois locais diferentes.

Em primeiro lugar, logo na informação relativa aos seus dados (na EDP é no quadro inferior esquerdo do rosto da fatura).

Em segundo lugar, na descrição dos consumos, onde encontra esta informação junto com o preço que lhe está a ser cobrado pela potência contratada.

Como alterar a potência contratada? Como subir ou descer a potência?

Para alterar a potência apenas precisa de entrar em contacto com o seu fornecedor de eletricidade, indicando que quer subir ou baixar a mesma. Depois será enviada uma equipa técnica a sua casa (habitualmente num prazo até 5 dias) para proceder às alterações necessárias no seu quadro.

A mudança da potência contratada é grátis. Mas, já que vai precisar de uma intervenção técnica em casa, pode ser a altura de começar a poupar. A troca de fornecedor de luz e gás no mercado livre também é grátis, por isso aproveite para escolher uma tarifa melhor. Compare os preços de luz e gás no simulador e poupe mais na sua fatura.

Use o simulador de energia e encontre a melhor tarifa

O plano / tarifa escolhida tem impacto no preço da potência?

Em termos técnicos não existe qualquer diferença, porque tanto nas tarifas simples como nas bi-horárias continua a ter um limite idêntico para a quantidade de eletricidade consumida em simultâneo.

No entanto, nos precários dos fornecedores há uma diferença. Operadores como a EDP, por exemplo, têm preços diferentes para a potência contratada nas tarifas simples e bi-horárias. Por isso, a solução ideal passa por simular os preços e descobrir o fornecedor e o plano da energia em que paga menos pela potência. Bem como pelo preço da eletricidade…

Que alternativas existem ao aumento da potência?

Como os quadros anteriores demonstram, o aumento da potência contratada representa também o aumento dos custos da fatura. Se quiser evitar pedir um aumento (que exige uma intervenção técnica em casa), aqui ficam algumas dicas:

  • Usar lâmpadas LED (6W) em vez das fluorescentes (36W). Por exemplo, se tiver cinco lâmpadas ligadas em simultâneo, a diferença no consumo será de 150W;
  • Opte por equipamentos com etiqueta energética A, já que precisam de menos potência. Uma máquina de secar roupa de 7 kg “tradicional” precisa de 1500W, mas se ela tiver etiqueta A++ (com bomba de calor) apenas necessita de 675W;
  • Evite ligar demasiados equipamentos em simultâneo, já que estará a exigir mais do quadro. Esta situação é extremamente importante na cozinha, já que forno, placas e microondas usam muitos Watts. Além disso, o mesmo acontece durante as limpezas e arrumações de casa, com o ferro de engomar e o aspirador;
  • Não deixe o PC e telemóveis ligados ao carregador quando não precisa, uma vez que evita ter estes consumos a “pesar” na potência contratada;

Recorde-se que alguns destes conselhos são positivos para reduzir a potência contratada, mas também para gastar menos eletricidade. E, dessa forma, poupar mais na fatura de eletricidade. Mas, para reduzir ao máximo os gastos com energia, compare os preços no simulador de luz e gás.

Use o simulador de energia e encontre a melhor tarifa Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

Goldenergy Campanha 20+20 Luz e Gás

Energia Renovável Débito Direto Fatura Eletrónica Até 20% de desconto na fatura da luz e do gás

€ 694,54

Você poupa/ano € 14,42

Como Saber Qual A Potencia De Electricidade A Contratar?

Endesa – Plano Quero+ Luz

Débito Direto Fatura Eletrónica Receba 60€ na adesão à eletricidade Endesa

€ 511,35

Você poupa/ano € 11,09

Potência Elétrica Contratada: calcular de amperes para watts

Saber o que é a potência elétrica e o conceito de kVA é essencial para compreender os preços disponibilizados pelas várias fornecedoras de energia em Portugal. Neste artigo, veja como calcular a potência necessária para a sua casa e entenda como a potência contratada influencia as suas faturas e o preço mensal da luz.

Índice

kVA: O que é a Potência Elétrica?

A potência elétrica é o ritmo ao qual a energia é transferida para o circuito elétrico. Mede-se em kVA – quilovoltampere e funciona como uma espécie de limite da eletricidade fornecida ao imóvel.

Se a potência contratada for 3.45 kVA e ligar vários eletrodomésticos ao mesmo tempo, como a máquina de lavar roupa, o forno e a televisão, é possível que estes superem o valor de potência disponível. Quando isso acontece, a luz vai abaixo.

Além de evitar falhas de luz, garantir que a potência contratada é a adequada para a sua casa tem diversas vantagens, entre as quais:

  • Maior Poupança nas suas faturas da luz;
  • Menos problemas com o disjuntor da luz;
  • Preservação do meio ambiente.

Como posso alterar a potência contratada do meu imóvel?

Na Selectra somos especialistas na comparação de tarifas e fornecedores de energia. Podemos ajudar.

1 ampere vale quantos watts?

Embora seja impossível converter watts em ampéres, são muitos os consumidores com a dúvida: quantos watts vale 1 ampere sabendo a voltagem utilizada? Em Portugal, a tensão elétrica no ponto de fornecimento é de 230 volts, valor referência que utilizaremos para calcular amperes e watts.

1 ampere vale quantos watts?Watts = Amperes x Volts
1 Ampere x 230 volts = 230 Watts

Assim, 1 ampere equivale a 230 watts. Já se forem 10 amperes, irão corresponder a 2300 volts, por exemplo. Por outro lado, se quiser saber qual o número de amperes, pode dividir os watts pelos volts.

Unidades de medida Se não está familiarizado com as unidades de medida utilizadas no setor energético, consulte o nosso artigo dedicado.

De qualquer maneira, para saber qual a potência contratada no seu imóvel, pode fazê-lo consultando a fatura de eletricidade da sua fornecedora. Na zona abaixo, juntamente com os seus dados pessoais ou na sua área de cliente online, pode encontrar informação sobre a potência elétrica contratada.

Preço da potência elétrica contratadaO preço da potência elétrica é fundamental para calcular o valor das suas faturas de energia:
preço potência contratada x período de faturação + preço do kWh x kW consumidos.
Fazemos as contas do que pagaria um cliente da SU Eletricidade que consome 200 kW mensais:
0,166 x 31 dias + 0,1486 x 200 = ‭34,87 €/mês

Calcular a potência elétrica é especialmente importante para que a mesma seja adequada ao seu consumo de luz em casa. Esta avaliação pode ser realizada por um técnico ou por programas que calculam a potência mais adequada a cada consumidor. Então quando é aconselhável calcular a potência elétrica a contratar?

  • Quando muda de casa e liga a luz pela primeira vez no imóvel;
  • Quando decide mudar de potência contratada, seja para aumentar ou diminuir.
Leia também:  Como Sair De Uma Relação Quando Nao Temos Independência Financeira?

É muito raro que uma pessoa utilize todos os aparelhos elétricos ao mesmo tempo. Além de ser difícil utilizar todos os eletrodomésticos ao mesmo tempo, essa é uma situação que faria com que a potência contratada tivesse de ser muito alta.

O que deve perceber é que a potência corresponde à quantidade de kW que pode ser utilizada em simultâneo, por isso, ao ter um consumo de eletricidade controlado e economizado consegue contratar uma potência mais baixa e, consequentemente, poupar mais.

Valor de Potência Elétrica

Se quer contratar luz para sua casa saiba que pode escolher uma entre 13 tipos de potências elétricas. Veja a seguinte tabela de potências contratadas:

Valores para Potência Elétrica

  • 1.15 kVA
  • 2.30 kVA
  • 3.45 kVA
  • 4.60 kVA
  • 5.75 kVA
  • 6.90 kVA
  • 10.35 kVA
  • 13.80 kVA
  • 17.25 kVA
  • 20.70 kVA
  • 27.60 kVA
  • 34.50 kVA
  • 41.40 kVA

Ainda assim, deve ter em conta que, para clientes domésticos, o mais comum é que os clientes contratem potências entre os 3.45 kVA e os 6.90 kVA.

As potências elétricas também podem ser contratadas dependendo do ciclo horário selecionado. As potências de 1.15 e 2.3 kVA são normalmente associadas ao ciclo horário simples, enquanto as que são superiores a 27.6 kVA são exclusivas dos ciclos tri-horários.

  • Energia Tensão: Baixa, Média e Alta
  • Potência Baixa Tensão: entre os 1.15 kVA e os 45 kVA. Recomendada para residências particulares, lojas, escritórios e empresas.
  • Potência Média Tensão: a partir dos 200 kVA. Específica para indústrias;
  • Potência Alta Tensão: a partir dos 10 MVA. Destinada a grandes indústrias, como a dos plásticos ou da celulose, a grandes hospitais ou a serviços energéticos.

Além de cada nível de potência corresponder a diferentes potências contratadas, como seria de esperar, quanto maior a tensão, mais vai pagar. Assim, além de corresponder a indústrias maiores, alta tensão de energia é mais cara do que a média tensão.

Qual a potência contratada ideal para o seu consumo?

Para conhecer a sua potência de luz ideal, deve ter em conta o tempo que passa em casa, bem como o número de eletrodomésticos que tem e que costuma utilizar ao mesmo tempo.

Dependendo das tarifas oferecidas pelas companhias de eletricidade, há várias potências disponíveis. Veja abaixo qual a solução ideal para si e descubra qual a potência a contratar para a sua casa.

A classe energética dos seus aparelhos deve ser tida em conta e pode influenciar o seu consumo de energia. Lembre-se que quanto melhor a classe energética do eletrodoméstico, menor é o consumo e, consequentemente, maior é a poupança.

Também pode calcular quanta eletricidade e gás natural precisa através do nosso simulador de consumo de energia.

Mudar a Potência Contratada

Nem sempre é fácil perceber qual é a melhor potência para a sua casa ou empresa. Inicialmente, pode contratar uma potência mais baixa e testar se a luz vai abaixo. Quando perceber qual a potência ideal, pode então alterá-la imediatamente, de forma gratuita e sem cancelar o contrato.

Para alterar a potência contratada deve apresentar à sua fornecedora a seguinte informação:

  • O que precisa para alterar a potencia contratada?
  • Dados do Titular do Contrato de Luz;
  • Morada do Imóvel;
  • Código do Ponto de Entrega (CPE);

kVA kW: Qual a diferença?

Tanto os kVA, como os kW são termos relacionados com a potência de eletricidade. Mas isso não quer dizer que sejam a mesma coisa. Pelo contrário, pode dizer-se que os kVA representam a potência aparente e que os kW representam a potência real. O que significa isso?

Um sistema completamente eficiente seria aquele em que os dois valores – kVA e kW – fossem exatamente iguais. Tal nunca acontece porque, inevitavelmente, há sempre um desperdício de energia, ainda que mínimo.

A potência contratada pode variar entre 13 tipos diferentes de potência. Normalmente, para um imóvel, a potência contratada indicada varia entre os 3,45 kVA e os 6,9 kVA. Já se falamos de um cliente empresarial, dependendo da dimensão do negócio, deve optar por potências elétricas superiores, entre 10,35 kVA e 41,4kVA.

Para fazer a alteração da potência contratada deve fornecer os seguintes dados à sua comercializadora de energia: Identificação do titular do contrato (Cartão de Cidadão), CPE e a morada do imóvel onde deseja fazer a alteração.

Potência contratada. O que pode ligar ao mesmo tempo em casa?

“A maioria dos portugueses não sabe qual a potência contratada [de eletricidade] que tem em casa.

E a que tem não corresponde a uma escolha informada, mas a uma decisão do comercializador de energia elétrica”, defende João Pedro Matos Fernandes, ministro do Ambiente e da Transição Energética.

O novo titular da pasta da Energia não só sabe qual é a potência contratada de sua casa (3,45 kVA), como partilhou essa informação para tentar colocar um ponto final na polémica que começou há quase duas semanas no Parlamento.

No debate sobre o Orçamento do Estado, o ministro exortou os portugueses a baixarem dos 6,9 kVA para os 3,45 kVA para poderem usufruir da redução da taxa de IVA de 23% para 6% que está prevista para o termo fixo da fatura em 2019.

Uma poupança mensal que a consultora Deloitte já avaliou em menos de dois euros e que abrange apenas os três primeiros níveis de potência dos 13 existentes. Ou seja, cerca de três milhões (quase metade) do universo de clientes de baixa tensão em Portugal.

A Deco também fez as contas e garante que com esta medida as famílias vão pagar apenas menos 10 euros por ano na sua fatura energética (80 cêntimos/mês).

João Pedro Matos Fernandes começou por defender que uma família de quatro pessoas pode viver “confortavelmente” com uma potência contratada de 3,45 kVA, e assim dar um bom exemplo de eficiência energética, mas emendou depois o exemplo “pouco fundamentado”. No entanto, deixou o pedido: “Saibam qual a potência contratada que têm em casa, avaliem se se ajusta ao perfil de consumo dos vossos, e façam a gestão mais inteligente da disponibilidade elétrica que contratarem”.

Fechar

Subscreva as newsletters Diário de Notícias e receba as informações em primeira mão.

Para começar, a potência contratada define o valor máximo de eletricidade que a instalação elétrica de uma casa pode receber e, assim, determina o número de equipamentos elétricos que podem estar ligados ao mesmo tempo. No mercado residencial, as potências mais comuns variam entre os 3,45, 4,6, 5,75 e 6,9 kVA.

Para escolher a mais acertada para cada caso, devem ser tidos em conta vários fatores: o tamanho da casa, o número de pessoas que lá vivem, a potência dos eletrodomésticos e o número de horas de utilização diária. A potência contratada pode até ser sugerida pelo comercializador de eletricidade, mas a palavra final cabe ao consumidor. Em caso de dúvida, pode sempre solicitar uma auditoria energética independente.

Se a potência for demasiado elevada para as necessidades do agregado familiar, o cliente estará a pagar um valor excessivo pelo termo fixo da fatura (definido por cada empresa comercializadora), mas se a opção for por uma potência mais baixa e o quadro estiver sempre a “ir abaixo” é sinal que precisa ser aumentada. No entanto, saiba que esta decisão pode exigir uma revisão da tarifa contratada e trazer custos acrescidos. Em alternativa, pode manter a mesma potência mas terá de fazer uma gestão ultra rigorosa dos aparelhos a funcionar em simultâneo.

“O Governo não está a pedir às famílias portuguesas que sejam mais eficientes do ponto de vista energético. Está a pedir-lhes que abdiquem de qualidade de vida e de conforto”, argumenta a Deco.

Com os 3,45 kVA sugeridos pelo ministro é possível ter a trabalhar o frigorífico, uma máquina de lavar (roupa ou louça), uma televisão e um computador. Com 4,6 kVA pode adicionar mais uma televisão, o microondas ou o aquecimento.

Com 5,75 kVA já é possível ligar o forno em paralelo, ter até três televisões e dois computadores. Nos 6,9 kVA junta-se mais uma arca congeladora, uma placa de indução na cozinha e dois aquecedores.

Deco apresenta quatro ideias para baixar a potência da energia

Ao escolher a potência contratada, deverá ter em consideração a classe energética dos equipamentos (quanto melhor a classe energética, mais eficientes e menor o consumo) e o número de equipamentos que são necessários ligar em simultâneo para a realização das tarefas diárias, recomenda o portal Poupa Energia. Já Deco deixa quatro sugestões para quem esteja a ponderar mudar para os 3,45 kVA.

Lavar a roupa ou a louça?

De acordo com a Deco, com uma potência contratada de 3,45 kVA não é possível ter as duas máquinas de lavar – louça e roupa – a trabalhar ao mesmo tempo, já que para isso são necessários 3 a 4 kW de potência.

Leia também:  Como Saber Quem São Os Meus Guias Espirituais?

Um kW é igual a 1000W, cerca de 1 kVA.

Ou seja, se costuma programar estes aparelhos para trabalharem em simultâneo de noite e assim aproveitar os preços mais baixos da tarifa bi-horária, esqueça este nível de potência mais reduzido.

Quando o quadro “vai abaixo”

O cenário é familiar: o jantar está a assar no forno e alguém liga o jarro elétrico ou o secador de cabelo, o disjuntor dispara e o quadro “vai abaixo”.

Isto acontece, explica a associação de defesa do consumidor porque os aparelhos elétricos mais potentes – forno, secador de cabelo, jarro elétrico, termoventilador, aspirador, torradeira, micro-ondas, termoacumulador ou ar condicionado – gastam cerca de 2,8 kW e por isso não podem ser ligados em paralelo com 3,45 kVA.

Aquecer a casa ou cozinhar?

Quando o assunto é aquecimento da casa, uma caldeira a gás é menos eficiente do que um ar condicionado, mas a segunda opção exige pelo menos 2 kW de potência. “Sobra 1 kW para o frigorífico, a televisão, a iluminação e a box da TV, mas já não pode ligar o forno, nem o micro-ondas”, diz a Deco.

Placa ultrapassa potência

Ter uma placa de indução na cozinha pode ser apelativo, até porque é a forma mais eficiente de cozinhar, mas com duas panelas “ao lume”, no máximo, este equipamento gasta 3,6 kW, mais do que os 3,45 kVA sugeridos pelo governo. Por outro lado, diz a Deco, para carregar um carro elétrico também são necessários 3,5 kW.

Leia mais em Dinheiro Vivo

Potência contratada

Na sua habitação, quantas vezes o quadro elétrico se desligou? Sabia que, na grande maioria dos casos, quando o quadro elétrico se desliga, deve-se ao elevado número equipamentos ligados em simultâneo?

Nestes casos, a potência contratada é inferior ao consumo dos equipamentos que se encontram ligados naquele momento. A potência contratada possibilita saber, assim, o número de equipamentos que podem ser ligados em simultâneo, pelo que, quantos mais equipamentos quiser ligar, maior terá de ser a potência contratada.

A potência contratada pode ser consultada na parte inicial da sua fatura de energia elétrica, numa área específica que varia de comercializador para comercializador.

Os clientes de energia elétrica podem contratar 13 diferentes potências aos comercializadores de energia elétrica:

1,15 kVA|2,30 kVA|3,45 kVA|4,60 kVA|5,75 kVA|6,90 kVA|10,35 kVA|13,80 kVA|17,25 kVA|20,70 kVA|27,60 kVA|34,50 kVA|41,40 kVA

Ao escolher a potência contratada, deverá ter em consideração a classe energética dos seus equipamentos (quanto melhor a classe energética menor o consumo) e o número de equipamentos que são necessários estar ligados em simultâneo para a realização das suas tarefas diárias.

De uma forma simples, pode determinar a potência contratada do seguinte modo:

Potência instalada

Potência instalada

Potência instalada

Potência instalada

Se verificar que a potência contratada é acima ou abaixo das suas necessidades diárias, poderá pedir a alteração da potência contratada, por escrito, à sua empresa comercializadora de energia elétrica, ou através do seu website , preenchendo um formulário online.

Aquando da alteração, o comercializador é obrigado a modificar ou a substituir o material que lhe pertencer para o adaptar o valor da potência contratada, não trazendo qualquer encargo ao cliente. Há apenas lugar à atualização do depósito de garantia.

Ver Mais

Potência Recomendada: como calcular a potência elétrica necessária?

Já sabe até quanto pode poupar na sua fatura de luz e gás?

Ligue-nos ou ligamos-lhe. Estudamos o seu caso, comparamos as melhores tarifas e aconselhamos sobre a melhor opção para si.

 

(Segunda-Sexta 8h-21h, Sábado e Domingo 9h00-19h)

Quer saber qual é a potência recomendada para si ou aprender a calcular a potência elétrica necessária para a sua casa? Vamos mostrar-lhe como pode fazê-lo.

Índice:

Como calcular a potência elétrica para a minha casa?

Cada nível de potência é recomendado para um certo tipo de cliente.

A potência recomendada para um apartamento T0 nunca será muito elevada, uma vez que o consumo não o justifica.

  • 1,15 kVA;
  • 2,30 kVA;
  • 3,45 kVA;
  • 4,60 kVA;
  • 5,75 kVA;
  • 6,90 kVA;
  • 10,35 kVA;
  • 13,80 kVA;
  • 17,25 kVA;
  • 20,70 kVA;
  • 27,60 kVA;
  • 34,50 kVA;
  • 41,40 kVA a 45kVA;
  • Potências de Média ou Alta Tensão;
  • EFntre tanta escolha possível, os utilizadores vêem-se muitas vezes na necessidade de calcular a potência elétrica.
  • Para saber a potência recomendada para si, tem de saber o seu consumo médio.
  • Descubra o seu consumo médio
  • Logo que saiba este valor, em kWh, poderá fazer os cálculos para chegar à potência ideal para si.

Não vamos mentir-lhe!Os cálculos para converter kWh em kVA e chegar à potência recomendada são complexos. Felizmente, hoje em dia, já não há necessidade de os fazer. Utilize as ferramentas de simulação da ERSE ou da EDP para simplificar o processo.

De qualquer maneira, para o ajudar, criamos abaixo listas dos aparelhos elétricos que poderá utilizar em simultâneo com cada nível de potência.

Se o seu consumo for equivalente a alguma delas, saberá qual a potência mais indicada para si.

Qual é a importância do cálculo da potência recomendada?

Efetuar o cálculo da potência e descobrir a potência recomendada para a sua casa é fundamental porque lhe permite:

  • Contratar uma potência alta o suficiente para evitar que a luz vá abaixo;
  • Garantir que não está a pagar demasiado pela potência ao final do mês.

Assim, a potência recomendada para si é aquela que lhe permite tanto usufruir da energia sem cortes como pagar o menos possível na sua fatura.

Qual a potência recomendada para mim?

Lembre-se que estas são listas do aparelhos que pode utilizar em simultâneo sem que a luz vá abaixo.

Pode ter mais eletrodomésticos na sua casa, desde que não estejam ligados ao mesmo tempo que os da lista de cada potência recomendada.

1,15 kVA

  • Micro-ondas;
  • Frigorífico combinado;
  • TV LCD pequena (até 30 polegadas);
  • 3 lâmpadas fluorescentes.

Recomendada para espaços pequenos, como garagens.

2,30 kVA

  • Frigorífico combinado;
  • Máquina Lavar Roupa 5kg;
  • Aparelhagem de Som;
  • TV LCD pequena (até 30 polegadas);
  • 4 lâmpadas fluorescentes.

Recomendada para apartamentos T0.

3,45 kVA

  • Frigorífico combinado;
  • Fogão elétrico (1 zona);
  • Exaustor;
  • Máquina Lavar Roupa 5kg;
  • 6 lâmpadas fluorescentes;
  • TV LCD pequena (até 30 polegadas);
  • Aparelhagem de Som;
  • Computador portátil.

Recomendada para agregados familiares de 2 pessoas.

4,60 kVA

  • Frigorífico combinado;
  • Micro-ondas;
  • Aquecedor a óleo;
  • Máquina Lavar Roupa 5kg;
  • 4 lâmpadas fluorescentes;
  • TV LCD pequena (até 30 polegadas).

Recomendada para agregados familiares de 2 pessoas.

5,75 kVA

  • Frigorífico combinado;
  • Forno Elétrico;
  • Aquecedor a óleo;
  • Máquina Lavar Roupa 5kg;
  • 6 lâmpadas fluorescentes;
  • 2 TV's LCD pequenas (até 30 polegadas);
  • 2 computadores portáteis;
  • Aparelhagem de Som.

Recomendada para agregados familiares de 3 a 4 pessoas.

6,90 kVA

  • Frigorífico combinado;
  • Micro-ondas;
  • Forno Elétrico;
  • Aquecedor a óleo;
  • Máquina Lavar Roupa 5kg;
  • Máquina Lavar Loiça;
  • 4 lâmpadas fluorescentes;
  • 1 TV LCD pequena (até 30 polegadas).

Recomendada para agregados familiares de 4 pessoas.

10,35 kVA

  • Frigorífico combinado;
  • Micro-ondas;
  • Forno Elétrico;
  • Robô de Cozinha;
  • Exaustor;
  • Aquecedor a óleo;
  • Máquina Lavar Roupa 8kg;
  • Máquina Lavar Loiça;
  • 10 Lâmpadas fluorescentes;
  • 2 TV's LCD grandes (mais de 42 polegadas);
  • 2 Computadores portátil;
  • Aparelhagem de Som;

Recomendada para famílias muito numerosas;

Estas são as potências recomendadas mais comuns nas residências portuguesas.

Acima do valor de 10,35 kVA, já começamos a entrar no mundo dos pequenos negócios ou das moradias com necessidades específicas.

Potência Cliente típico
13,80 kVA Moradias que tenham, por exemplo, piscina;
17,25 kVA Pequenas empresas ou negócios do setor não-alimentar;
20,70 kVA Empresas medianas, com recurso maioritário a computadores ou pequenos espaços que precisem de pouca refrigeração como um café ou hostel;
41,4 kVA a 45 kVA Negócios que precisam de alguns aparelhos de refrigeração, como restaurantes, minimercados ou talhos.
  1. Acima destas existem, ainda, as potências de média e alta tensão, utilizadas pelas grandes empresas ou superfícies.
  2. Descubra abaixo se estas são as potências mais recomendadas para si.
  3. Conheça as Potências de Média e Alta Tensão
  • Ficou com alguma dúvida sobre a potência recomendada?
  • Fale com um dos nossos especialistas!
  • (segunda-quinta 8h-21h, sextas 8h-20h, sábado 8h30-19h)

A potência recomendada é aquela que lhe permite, ao mesmo, poupar na fatura e usufruir da energia sem que a luz vá abaixo.

Para calcular a potência elétrica, deve saber o seu consumo médio em kWh e convertê-lo para kVA. A forma mais fácil efeutar o cálculo da potência é através do simulador da ERSE.

3,45 kVA é a potência recomendada, por norma, para casais sem filhos, ou situações similares.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*