Como Saber Os Veiculos Que Estao Em Meu Nome?

Não tem jeito! Se você está interessado em comprar um carro usado ou quer saber como transferir o veículo para alguém seguindo adequadamente os trâmites da lei, entenda que é necessário passar por alguns processos.

Como sabemos que a sequência de ações para a transferência pode ser um pouco complicada (por conta de algumas burocracias), resolvemos explicar as principais questões sobre o assunto.

Neste post, você vai saber tudo o que precisa para fazer transferência de um automóvel ou moto com total segurança. Não perca!

Como Saber Os Veiculos Que Estao Em Meu Nome?

Como transferir o veículo?

Em primeiro lugar, é importante entender que a transferência é um processo realizado no órgão de trânsito mostrando que o carro, moto ou caminhão terá um novo proprietário. Dessa forma, todo o passo a passo de como fazer esse procedimento está descrito no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Para fazer a transferência, o vendedor precisa assinar o Certificado de Registro de Veículos (CRV) e registrar esse documento no cartório. O comprador, então, deve juntá-lo a uma cópia do seu RG, CPF, da sua carteira de habilitação e de um comprovante de residência válido (de até 180 dias).

Depois de uma vistoria do veículo, que também pode ser feita em uma empresa credenciada, o Detran emite um laudo que será reunido ao restante da documentação para ser levado pessoalmente pelo comprador ao setor de transferência desse órgão ou do Ciretran. Após alguns dias, o CRV é atualizado, e o novo proprietário pode pegá-lo.

Os custos

O serviço de transferência não é gratuito, e o valor cobrado varia de acordo com o estado. Em São Paulo, por exemplo, o preço da transferência em 2021 é:

  • caso o licenciamento do ano em vigor não tenha sido feito — R$ 322,90;
  • caso o licenciamento do ano em vigor já tenha sido feito — R$ 223,99.

Onde fazer

O Detran é o órgão onde deve ser feito esse procedimento, porém, caso tenha dificuldade para lidar com toda a burocracia envolvida, você pode contratar o serviço de um despachante.

Nessa hipótese, ele vai orientar quanto aos documentos que é preciso reunir. Com isso, você reconhece firma do que for necessário, e o próprio despachante fica encarregado de realizar a transferência para você.

O que analisar antes de fazer a transferência?

Se você for o comprador do veículo, é importante verificar se o carro não tem débito, como IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), multas etc. Para fazer essa checagem, basta conferir no site do Detran do seu estado a situação do auto do seu interesse.

Outra questão é não efetuar o pagamento em contas de terceiros. O crédito deve ser feito somente na conta de quem está vendendo o veículo, ou seja, do nome indicado no documento CRLV (Certificado de Registro de Licenciamento do Veículo).

Atenção se você é o vendedor!

Agora, caso esteja vendendo seu veículo, nunca realize a transferência sem ter concretizado a venda. Somente depois que receber o pagamento da forma combinada é que você pode dar andamento em todos os documentos, preenchendo o CRV com os dados do novo dono, colocar a data, assinar e reconhecer as firmas em cartório.

Quais documentos são necessários?

É de responsabilidade do comprador realizar os trâmites para transferir o veículo para o seu nome. Confira a seguir os documentos exigidos na hora de fazer a transferência:

  • CRV, que é como se fosse um documento de identidade do automóvel ou moto, que traz o modelo, ano e cor do veículo, bem como os dados completos do proprietário. O verso do CRV deve ser preenchido e assinado pelo antigo e pelo novo proprietário, visto que é nesse campo que consta a autorização de transferência do veículo;
  • documento de identificação do antigo e do novo proprietário, que seja recente e tenha foto. Pode ser o RG, carteira de trabalho ou até mesmo a carteira de habilitação;
  • comprovante de endereço dos últimos 3 meses do novo proprietário ou de um parente dele de 1.º grau;
  • Comprovante de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV), original e cópia, junto ao comprovante de quitação;
  • comprovante de quitação do IPVA e de multas;
  • comprovante de que foi feita a vistoria por uma empresa credenciada do Detran;
  • comprovante de pagamento da taxa de emissão do novo CRV;
  • formulário do Registro Nacional de Veículos Automotores (RENAVAM) preenchido em duas vias.

Placa nova

Além de todos esses documentos, é importante destacar que, caso o antigo e o novo proprietário residam em cidades diferentes, é obrigatório fazer um novo emplacamento do veículo.

Quando é necessário fazer a transferência?

Existem muitas situações em que você precisa saber como transferir o veículo, e cada caso exige uma conduta diferente e documentações específicas. Aqui, mostramos as principais.

Falecimento

Caso o proprietário do carro faleça, pode ser necessário passar o veículo para os herdeiros. Nesse caso, o novo dono deve apresentar uma cópia autenticada do Formal de Partilha ou um Alvará Judicial, além dos documentos e de um novo CRV com o nome do novo proprietário.

Venda para um dono de outro estado

Uma dúvida comum de muitos motoristas é saber como transferir o veículo para outro estado. Saiba que não há diferença em relação às exigências de documentos e laudos. O que acontece é que será emitido um novo CRV e, nesse caso, você precisa fazer essa mudança o mais rápido possível. Caso seja feita a transferência para outro município, o prazo é de, no máximo, 30 dias.

Outro ponto importante é que os custos variam, por isso é interessante se informar no Detran da cidade do novo proprietário. Além disso, ressaltamos que a vistoria é exigida em todos os estados do Brasil.

Financiamento ou leasing

Caso o automóvel esteja alienado, é preciso que essa situação seja explicitada no CRV. Se a transferência ocorrer com a dívida, ela deve estar prevista no documento do novo dono. Em caso de leasing, é necessária uma carta de anuência reconhecida no cartório, assinada pelo antigo dono.

Dessa forma, fica comprovado que o primeiro proprietário está desistindo da compra, a qual é repassada para o novo comprador. Lembre-se de que o carro fica no nome da financiadora.

A nossa ideia aqui foi apresentar o passo a passo de como transferir o veículo de acordo com o que exige a legislação para que você não tenha dor de cabeça no futuro. Busque sempre informações, especialmente em relação às taxas para esse procedimento, no Detran de seu estado ou com um despachante de sua confiança.

E aí? Gostou de acompanhar o nosso artigo? Aproveite e compartilhe essas informações com seus amigos em suas redes sociais para que eles também fiquem a par de como funciona o processo de transferência de um veículo!

Como Saber Os Veiculos Que Estao Em Meu Nome?

Transferência de veículos: taxas, documentos e prazo

A transferência de veículos é o processo necessário para registrar a mudança de propriedade de um automóvel. Suas regras estão descritas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que também determina que ela seja realizada em até 30 dias após a compra ou venda de um veículo.

Deixar de atender o prazo estabelecido pela lei custa aos antigos proprietários R$ 195,23 e a perda de cinco pontos na carteira de habilitação.

Como fazer a transferência de veículos?

O processo deve ser realizado por meio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Em primeiro lugar, os envolvidos na transação precisam checar se não há nenhuma pendência relacionada ao carro junto ao Detran, como multas ou impostos atrasados. Para descobrir se existem cobranças em aberto, basta acessar o site do Detran e informar o número da placa ou do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) do veículo.

Verificado que não existem débitos, é necessário atualizar os dados do cadastro do veículo no Detran e no Renavam. Para isso, os envolvidos devem preencher um formulário eletrônico disponível no site do departamento de trânsito do Estado, conhecido comunicado de compra e venda, previsto pelo artigo 134 do CTB para resguardar o vendedor de futuros problemas.

Depois de fazer isso, deve-de pagar um Documento de Arrecadação Estadual (DAE), agendar vistoria (em locais em que ela é obrigatória) e solicitar a emissão de novos Certificado de Registro de Veículo (CRV) e Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV).

Apesar de variar de acordo com o Estado, a transferência de veículos normalmente requer os documentos abaixo:

  • cópia e original da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou de algum documento pessoal com foto;
  • cópia do comprovante de endereço dos últimos três meses em nome do comprador ou de parente de 1º grau;
  • original do CRV do proprietário anterior, preenchido em nome do comprador (com firma reconhecida tanto do vendedor quanto do comprador);
  • comprovante de pagamento da Taxa de Emissão do novo CRV;
  • comprovante de quitação de eventuais débitos, como IPVA, licenciamento e multas;
  • formulário RENAVAM preenchido em duas (2) vias.

Se o antigo e o novo dono não residirem no mesmo município, é preciso realizar um novo emplacamento.

Taxa de transferência de veículos

O valor da transferência de veículos varia de acordo com o Detran de cada unidade federativa.

Como Saber Os Veiculos Que Estao Em Meu Nome?

Além da multa de R$ 195,23, já citada, se o antigo proprietário não comunicar a venda ao Detran, ficará responsável pelas dívidas e infrações que o novo dono cometer. O novo proprietário, por sua vez, não conseguirá contratar um seguro enquanto o veículo não estiver em seu nome.

  • Você viu? IPVA pode não ser responsabilidade de ex-dono

Carros financiados ou com dívidas

Há duas situações distintas quando o assunto é transferência de veículos financiados. Se o novo comprador pagar o valor do veículo à vista, o processo é mais simples. As dívidas relacionadas ao carro são quitadas junto ao banco e o bem deixa de ser alienado. Nesse caso, só é preciso transferir o veículo para o nome do novo dono.

Leia também:  Como Ajudar Um Amigo Que Perdeu A Mãe?

Quando o comprador quer utilizar de um financiamento, é preciso mais cuidado. Isso porque, apesar de usarmos a expressão “transferir carros financiados”, a verdade é que o primeiro empréstimo é encerrado e um novo é formalizado pelo banco credor em nome do comprador.

O primeiro passo ao fazer a transferência de um carro alienado deve ser, então, procurar a instituição responsável pelo financiamiento e checar se o novo dono está apto a continuar a pagar o carro em parcelas. Se o banco aprovar o crédito, um novo contrato é realizado.

O presidente da comissão de defesa do consumidor da OAB, Bruno Burgarelli, explica: “o contrato de financiamiento não é um contrato de compra e venda. O consumidor está fazendo um empréstimo e, apenas ao final do pagamento, o bem é transferido para o nome do comprador. Os carros ficam alienados, pertencem ao banco, apesar de estarem no nome de uma pessoa física”.

Não é possível negociar “transferências de carros financiados” sem que o banco seja um intermediário. Contratos de gaveta não têm validade jurídica nenhuma, alerta o advogado especialista.

Entregar o carro para o novo dono sem passar por esse processo pode causar problemas. Se comprador não pagar as parcelas ou o seguro obrigatório, por exemplo, o antigo dono é que vai sofrer as sanções, já que o financiamento está ligado ao nome dele.

Alienação fiduciária

Já reparou que no documento dos automóveis financiados consta, no campo das observações, um termo estranho? A expressão ‘alienação fiduciária’ está ali para garantir que ninguém faça transferência de veículos que ainda não foram quitados. O problema é que, muitas vezes, o proprietário já pagou pelo carro e o termo não sai dali.

O processo natural seria, segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), a retirada automática do documento quando o carro fosse quitado.

Como isso funciona? Depois que a instituição credora prestasse a informação relativa ao pagamento do devedor, o órgão ou entidade de trânsito de registro do veículo procederia, de forma obrigatória, automática e eletrônica, a baixa do Gravame constante no cadastro do veículo, no prazo máximo de 10 dias.

Como é comum que isso não ocorra, o proprietário pode solicitar a retirada do Gravame constante no documento do veículo. É como se ele fizesse a transferência de seu próprio veículo. Vale ressaltar, no entanto, que não há um prazo máximo para realizar a solicitação.

  • Clique aqui e entenda o processo para solicitar um novo CRV

Como Saber Os Veiculos Que Estao Em Meu Nome?

Transferência de veículos pode exigir registro de quilometragem

O registro da quilometragem pode passar a ser obrigatório na transferência de veículos e na vistoria dos mesmos.

A decisão é do Projeto de Lei (PL) 3881/2015, que foi aprovado pela Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados.

Para começar a valer, a regra anda precisa ser analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania e adicionada ao Código de Trânsito Brasileiro.

O texto explica que o PL tinha como intenção evitar fraudes. “Com as informações arquivadas, o comprador poderá acompanhar a sequência da rodagem do carro” explicou o deputado Leonardo Monteiro.

Transferência de um veículo adquirido por PcD

As pessoas com deficiência (PcD) têm direito à isenção de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Em julho de 2018, as regras de transferência de veículos retirados com esse desconto mudaram.

O automóvel retirado com o benefício pode ser vendido para outra PcD sem a necessidade da devolução tributária. A transferência de veículos para motoristas que não têm direito à isenção do ICMS, por sua vez, só pode ser realizada depois de cumprido o novo prazo estabelecido, que é de quatro anos.

O Convênio ICMS 50/18 aplica-se somente aos fatos geradores ocorridos após sua ratificação nacional, no dia 26/07/18. Leia a matéria do AutoPapo para esclarecer outras dúvidas sobre o tema.

Carros no meu nome, como saber quantos tem

Como saber quantos carros no meu nome

É muito simples averiguar o número de carros no meu nome que tem registrado em seu nome, ainda que o trâmite tenha a particularidade de que unicamente você poderá realizá-lo.

Assim, ninguém poderia obter esta informação a respeito de quantos veículos é proprietário, nem que você o autorize com sua assinatura. É o Departamento de Trânsito o organismo onde você deve realizar esse serviço.

Vamos explicar para você como saber quantos carros no meu nome.

Como Saber Os Veiculos Que Estao Em Meu Nome?

Instruções

1 – O primeiro passo que deve dar para saber quantos carros no meu nome é pedir agendamento prévio no DETRAN – Departamento Estadual de Trânsito mais próximo de seu domicílio. Você pode agendar por telefone ou, se preferir pela internet no site do DETRAN da sua região.

2 – Quando tiver o agendamento concedido, antes de ir ao mesmo, deve confirmar que está levando com você seu RG ou seu passaporte, que deverá apresentar para o servidor público que realiza o serviço.

3 – Lembre-se, ainda que para fazer outros procedimentos do Departamento Estadual de Trânsito você possa autorizar outra pessoa para que os realize representando você, assinando um impresso e com um xerox do RG, neste caso você deverá ir pessoalmente.

4 – Já na Circunscrição Regional de Trânsito que corresponder a você, levando seu RG, o servidor público entregará um papel impresso que se denomina certificado de dados e no qual constarão todos os veículos que tem em seu nome. Deverá pagar uma taxa, verifique no Ciretran.

5 – No Departamento nunca facilitarão informação a respeito de quantos carros outra pessoa tem em meu  nome e é por isso que só você pode fazer o procedimento de que trata este artigo.

6 – O que conseguiria obter, se interessar a você, por exemplo, na hora de comprar um carro de segunda mão, é saber quem é o titular de um carro em concreto, dando o número da placa.

Duvidas ou sugestões nos contate AQUI

Fonte: umcomo

Use as setas para continuar navegando

Como saber se tem veículo em meu nome online ou pessoalmente

Como Saber Os Veiculos Que Estao Em Meu Nome?

Quando estamos trocando de carro ou vendendo um que já é nosso, temos que companhar a troca do nome do responsável pelo veículo, até mesmo para evitar que multas e que o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) sejam cobrados no nome da pessoa errada. O que ocorre é que, durante o processo de alteração de nome do responsável por um veículo, por vezes não sabemos com precisão no nome de quem se encontra o bem ou se a troca de nome foi finalizada.

Se você está passando por um problema similar e não sabe como saber quantos carros tem em seu nome nesse artigo do umCOMO.

Apesar de usualmente chamarmos o DETRAN no singular, a verdade é que a sigla faz referência a “Departamento Estadual de Trânsito”, de forma que, sempre que precisamos lidar com assuntos relacionados ao órgão, é necessário que procuremos o responsável de nosso estado, não existindo um similar que lide com assuntos de forma federal.

O DETRAN é o responsável pela avaliação para a emissão da Carteira Nacional de Habilitação, chamada de CHN, que terá, como o nome indica, validade por todo o território brasileiro.

Além disso, o DETRAN de cada estado também é responsável pela fiscalização de veículos e do trânsito, por isso, é o órgão que devemos procurar quando temos dúvidas do tipo como saber se tem algum veículo no meu nome, além de ser o responsável pela emissão de multas de trânsito.

O primeiro passo que deve dar para saber quantos carros tem em seu nome conferir se é necessário o agendamento prévio de horário no DETRAN – Departamento Estadual de Trânsito mais próximo de seu domicílio. Se não for necessário, bastará ir até o local de atendimento mais próximo e, caso for, agende o horário pelo site do DETRAN.

Quando tiver o agendamento concedido, antes de sair para resolver a situação, você deve confirmar que está levando com você algum documento oficial com foto, podendo ser a própria CNH ou então seu RG ou passaporte.

É imprescindível a apresentação de algum documento dos citados pois o servidor público que realiza o serviço precisará conferir se é você de fato responsável pelos veículos sobre os quais você deseja obter informações, afinal, essas são informações sigilosas.

Já que ninguém mais poderá ter acesso a essas informações, evite enviar alguém em seu lugar para a consulta no DETRAN pois o órgão não poderá aceitar terceiros.

Na Circunscrição Regional de Trânsito que corresponder a você, o servidor público entregará um papel impresso que se denomina certificado de dados e no qual constarão todos os veículos que tem em seu nome.

Deverá pagar uma taxa, verifique no Ciretran No Departamento nunca facilitarão informação a respeito de quantos carros outra pessoa tem em seu nome e é por isso que só você pode fazer o procedimento de que trata este artigo.

É muito simples averiguar o número de automóveis que tem registrado em seu nome, ainda que o trâmite tenha a particularidade de que unicamente você poderá realizá-lo, assim, ninguém poderia obter esta informação a respeito de quantos veículos é proprietário, nem que você o autorize com sua assinatura. É o Departamento de Trânsito o organismo onde você deve realizar esse serviço.

O que conseguiria obter, se interessar a você, por exemplo, na hora de comprar um carro de segunda mão, é saber quem é o titular de um carro em concreto, dando o número da placa.

Leia também:  Como Saber Qual Driver Esta Faltando?

Se ainda tiver dúvidas, veja como agendar consulta no DETRAN.

Com a evolução da tecnologia, muitos serviços que antes tinham que ser feitos pessoalmente agora têm a possibilidade de serem realizados por meio de sites e aplicativos.

Se você não quer se locomover até uma unidade de atendimento do DETRAN e prefere resolver o assunto sem sair de casa, tem como saber se tem veiculo em meu nome pelo CPF utilizando o site do departamento do estado no qual o carro está cadastrado. Para saber informações sobre carros em seu nome, siga os passos abaixo:

  1. Acesse o site do DETRAN do seu estado pesquisando “DETRAN + nome do estado” no site de busca de sua preferência;
  2. Acesse a página de login e, caso ainda não tiver, crie um login utilizando seus dados como nome e CPF;
  3. No menu disponível após o login, vá em “Veículos” e, então, em “Consultar Veículo”.

Se o carro que você deseja descobrir se está em seu nome aparecer no resultado da pesquisa, é sinal de que está sob sua responsabilidade, afinal, o DETRAN apenas exibe essa informação ao dono do veículo. Selecionando o carro em questão, você também poderá saber outras informações como pendências em relação aos documentos do automóvel, seguro, IPVA, antigos donos, acidentes envolvidos etc.

Agora que você já sabe a resposta para como saber se o veículo está em meu nome, veja também como consultar multas no DETRAN.

Já sabe como saber em nome de quem está um veículo e descobriu que o carro que você imaginou estar no seu nome não vou transferido? No caso da compra de um automóvel, é necessário que a transferência de nome seja feita no período de 30 dias após a compra, sendo assim, o recomendável é que se vá o quanto antes atrás de informações para dar início ao processo de transferência.

Para iniciar o processo de transferência de um automóvel, é necessário levar até o Ciretran da sua cidade os seguintes documentos:

  • CRV (Certificado de Registro de Veículo) com assinatura do vendedor e que tenha firma reconhecida em cartório;
  • RG ou CNH do comprador;
  • Comprovante de residência do comprados;
  • Laudo de vistoria do veículo realizado pelo DETRAN;
  • Comprovante de pagamento da transferência.

Os 30 dias citados após a venda serão contados a partir do dia no qual foi feito o Certificado de Registro de Veículo, primeiro documento na lista dos necessários para pedir transferência. Assim que todos os documentos forem avaliados e aprovados, o veículo passará a estar no nome do novo dono.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como saber quantos carros tenho em meu nome, recomendamos que entre na nossa categoria de Carros.

Como Consultar Carros em Meu Nome? | Consultar Carros

Como Consultar Carros em Meu Nome? É do conhecimento da maioria da população Brasileira que um dos comércios que mais cresceram nos últimos anos é o de automóveis.

No entanto, há muitas dúvidas e também problemas que envolvem as negociações principalmente de veículos usados.

Que poderiam ser resolvidos com uma simples consulta de carros em seu nome. Sendo assim, é indispensável fazer uma consulta do carro que está em seu nome.

No entanto, ela pode ser feita de várias maneiras e para várias situações que envolvem qualquer assunto de veículos.

Portanto, é importante lembrar que o procedimento de fazer uma consulta é acima de tudo simples. Leia o artigo até o fim e veja como proceder.

Ao consultar o carro em meu nome, o proprietário fica sabendo como está a documentação do veículo. Dessa forma ele também sabe o que fazer para resolver algum problema que houver com o veículo.

Para tal procedimento, é necessário acessar o site oficial do DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito). E saber se:

  • Os documentos do carro estão em dia.
  • Seguro obrigatório e licenciamento estão legalizados.
  • O IPVA ( Imposto sobre Propriedades e Veículos Automotores).
  • Quantos donos o carro já teve.
  • O veículo já se envolveu em colisões.
  • A porcentagem de danos decorridos em colisões.
  • O carro já teve PT(Perda Total).
  • O veículo pode ser aceito por alguma agência de seguros.
  • Como transferir um veículo e outros pontos importantes.

COMO CONSULTAR CARROS EM MEU NOME

O DETRAN(Departamento estadual de trânsito) fornece aos seu usuários todas as informações que eles precisam a respeito do seu veículo.

Acima de tudo é um serviço totalmente gratuito, pois se trata de um órgão estadual. Dessa forma vamos apresentar neste artigo todos os DETRANS estaduais do Brasil, confira como é feita a consulta:

Passo 1 – Acesse o site oficial do DENATRAN: https://sso.acesso.gov.br/login.

Passo 2 – No menu à esquerda escolha “Login” em baixo de “Usuário”. O sistema vai te identificar dessa forma.

Passo 3 – Depois de fazer o login, no menu à esquerda escolha “Veículo” em baixo de “Consultar Carros em Meu Nome”

Passo 4 – Na página “Consultar Veículo”. Preencha os campos Código Renavam, Placa ou CPF/CNPJ.

  • Passo 5 – Faça “Prosseguir”
  • Recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo DETRAN
  • Vale lembrar que o interessado em obter informações de como está o seu carro, precisa passar detalhadamente os dados do veículo no site oficial do DENATRAN de seu estado.
  • O DENATRAN é um órgão público nacional que atende todo o território nacional.

ACRE / AC

Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo DETRAN Acre – CRLV Digital. Com a instalação do aplicativo será possível consultar carros em seu nome e demais serviços disponíveis.

ALAGOAS- AL

Para o estado de Alagoas, é necessário acessar o DETRAN alagoano. Para um procedimento feito a partir de um celular, recomendamos a leitura do artigo: Como baixar o aplicativo do DETRAN Alagoas.

AMAPÁ-AP

O proprietário do veículo no estado do Amapá que desejar fazer uma consulta do carro em seu nome, deverá acessar o site oficial do DETRAN( Departamento Estadual de Trânsito).

Também é possível consultar carros em meu nome instalando o aplicativo do DETRAN em seu aparelho celular. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo DETRAN Amapá.

AMAZONAS-AM

O procedimento para consultar carros em seu nome no estado do Amazonas é acessando o site oficial do DETRAN e especificando o que você precisa  saber.

Também é possível consultar veículos em seu nome usando o aparelho celular. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Como baixar o aplicativo DETRAN Amazonas

BAHIA-BA

Na Bahia, o condutor pode acessar o site oficial do DETRAN e solicitar uma consulta do veículo que está em seu nome.

No entanto, é necessário digitar com detalhes os dados do veículo que está sendo consultado, e assim ter o conhecimento de como está o carro em seu nome.

Também é possível realizar esse tipo de consulta através do celular. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: DETRAN Mobile Bahia.

CEARÁ-CE

Para consultar carros em seu nome no estado do Ceará, é necessário acessar o site oficial do DETRAN do referido estado.

Dessa forma, o proprietário do veículo pode ter a consciência das condições do veículo que está em seu nome, se está tudo legalizado e em condições de uso normal.

Também é possível realizar uma consulta de veículos usando o aparelho celular. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Como baixar o Aplicativo DETRAN Ceará.

DISTRITO FEDERAL-DF

No distrito federal, o condutor que quiser consultar o carro em seu nome deve acessar o site oficial do DETRAN.

Sendo assim  ele detalhar os serviços do órgão, escolhendo as opções que o próprio site do DETRAN mostra aos motoristas.

Os usuários também podem consultar veículos com o aparelho celular. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN – Distrito Federal.

ESPÍRITO SANTO-ES

  1. Acesse o site oficial do DETRAN no estado do Espírito Santo, e tenha conhecimento do carro registrado em seu nome.

  2. Portanto, ao saber como está seu veículo você deve se informar também sobre o que fazer para resolver os possíveis problemas do carro,  no site estão disponíveis essas informações.

  3. Também é possível realizar consultas de veículos com o aparelho celular. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN – Espírito Santo

GOIÁS-GO

Para consultar carros em seu nome no estado de Goiás, o interessado deve acessar o site oficial do DETRAN( Departamento Estadual de Trânsito).

E assim obter as informações que precisa. Da mesma forma, o condutor pode saber detalhes importantes da documentação do carro registrado em seu nome. E se pode continuar usando-o normalmente.

Você pode consultar veículos em seu nome e também as demais informações usando o celular. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Como Baixar o Aplicativo do DETRAN – Goiás.

MARANHÃO-MA

No Maranhão, o proprietário do veículo pode consultar o carro em seu nome, acessando os site oficial do DETRAN.

Depois disso, ele terá consigo as informações precisas a respeito do seu veículo. No entanto, é preciso especificar de forma objetiva os dados do veículo que está sendo consultado. Pois o sistema de informações trabalha com dados passados pelos usuários.

Com o celular também é possível realizar esse tipo de consulta em seu veículo. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Como Instalar e Usar o Aplicativo DETRAN Maranhão.

MATO GROSSO-MT

Os dados do veículo que você deseja consultar estão no site oficial do DETRAN do estado do Mato Grosso. Para ter acesso a este site.

  • Dessa forma você vai ter conhecimento das condições que seu veículo apresenta, e saber também detalhes sobre os possíveis serviços necessários que a documentação do seu carro precisa.
  • Usando a aparelho celular também é possível consultar as condições de um veículo em seu nome.
  • Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo> Aplicativo do DETRAN Mato grosso – Serviços Disponíveis
Leia também:  Como Saber Quem Me Ligou Restrito?

MATO GROSSO DO SUL-MS

Da mesma forma os sul-mato grossense podem consultar carros em seu nome no DETRAN de seu estado. No site oficial do órgão, ele pode saber as condições que seu veículo se encontra.

No entanto, para tais informações, ele precisa acessar o site oficial do DETRAN, e dessa maneira conseguir o que necessita do seu veículo.

Você também pode consultar veículos através do seu aparelho celular. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Como instalar o Aplicativo do DETRAN – Mato Grosso do Sul.

MINAS GERAIS-MG

Para saber os detalhes do seu carro em Minas Gerais. Em seguida passe os seus dados detalhadamente para que eles possam analisar seu veículo e responder sobre as condições dele.

Depois disso, digite detalhadamente os dados dos veículos que deseja consultar, alguns instantes depois você terá total consciência de como verdadeiramente se encontra seu veículo.

Os usuários podem consultar veículos e todas as suas condições através de um aparelho celular. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN – Minas Gerais.

PARÁ-PA

Neste grande estado brasileiro é possível se informar a respeito do veiculo em seu nome. Para isso, acesse o site oficial do DETRAN do Pará.

Depois disso,  passe detalhadamente os dados do carro em seu nome. Se você agir de acordo com o que o site pede, em alguns instantes terá as informações que necessita do seu carro.

Para consultar veículos usando o aparelho celular que estão registrados no estado do Pará, recomendamos a leitura do artigo: Como Instalar o Aplicativo do DETRAN – Pará.

PARAÍBA-PB

Na Paraíba é possível consultar seu veículo acessando o site oficial do DETRAN(Departamento Estadual de Trânsito).

Depois disso, é preciso digitar os dados do carro em análise no site, e em alguns instantes receber as informações que estão sendo buscadas pelo órgão do DETRAN da Paraíba.

Se você é condutor de veículos, e mora em alguma cidade do estado da Paraíba, saiba que é possível consultar carros em seu nome pelo celular. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN Paraíba – Serviços Disponíveis.

PARANÁ-PR

Para consultar um carro no estado do Paraná, o proprietário deverá acessar o site oficial do DETRAN do estado. Em seguida, ele precisa digitar os dados do veículo em pauta.

Dessa forma, ele vai receber informações precisas que o ajudarão a conhecer as condições do seu carro.

Também é possível consultar veículos em seu nome no estado do Paraná. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN Paraná Inteligente.

PERNAMBUCO-PE

O estado de Pernambuco conta com um excelente serviço de DETRAN. Portanto, nele você pode fazer uma consulta detalhada do veículo registrado em seu nome.

Dessa forma, o usuário deve acessar o site oficial do órgão de DETRAN. E em seguida apresentar os dados do veículo que está sendo buscado. Com isso o condutor passa a saber os detalhes que compõem seu carro.

Com seu aparelho celular também é possível consultar carros em seu nome. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Como Baixar e Usar o Aplicativo do DETRAN Pernambuco.

ESTADO DO PIAUÍ-PI

Para consultar o carro que está em seu nome no estado do Piauí, o usuário deve acessar o site oficial do DETRAN. Através dessa busca ele passa a conhecer os documentos do seu carro.

Vale lembrar que o usuário vai fazer uma consulta bem particular de um bem que está em seu nome. Por isso, é bom seguir as diretrizes que o site pede e assim desfrutar do serviço deste importantes órgão público.

No estado do Piauí os condutores de veículos também podem realizar consultas gerais usando o aparelho celular. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Como Baixar o Aplicativo do DETRAN Piauí.

 RIO DE JANEIRO-RJ

No estado do Rio De Janeiro, o proprietário que precisar consultar um carro em seu nome devem em primeiro lugar acessar o site oficial do DETRAN.

E assim detalhar especificamente o que deseja saber sobre seu veículo. Depois disso, o sistema vai mostrar como está a documentação do carro e se está tudo legalizado conforme a lei pede.

Você também pode consultar veículos em seu nome usando o aparelho celular. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN – Rio de Janeiro.

RIO GRANDE DO NORTE-RN

Para consultar carros no Rio Grande do Norte, o usuário deve acessar o site oficial do DETRAN e assim obter as informações que deseja do seu veículo.

Portanto, as informações concedidas pelo site do DETRAN de RN são de suma importância para quem deseja conhecer as condições do seu carro.

Também é possível consultar veículos no DETRAN do Rio Grande do Norte usando apenas um celular conectado a internet. Para este procedimento, recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN RN.

RIO GRANDE DO SUL-RS

  1. O dono de um veículo que precisar consultar o carro no Rio Grande Do Sul deve acessar o site oficial do DETRAN estadual.
  2. Logo em seguida, o proprietário do veículo vai receber os dados que compõem as condições do veículo em seu nome.

  3. No entanto, vale lembrar que estas informações são de cunho particulares entre órgão e o proprietário do veículo.

Você também pode consultar veículos em seu nome pelo celular.

Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo DETRAN – RS – Veja como baixar e usar.

RONDÔNIA-RO

Em Rondônia você pode fazer uma consultado seu carro através do site oficial do DETRAN estadual. Em seguida você precisa seguir os passos que o site do DETRAN te pedir.

E assim, passar os dados do veiculo que está em seu nome para enfim conseguir obter as informações desejada do seu veículo. Acesse o site oficial e conclua sua consulta.

Com o aparelho celular também é possível consultar veículos em geral no estado de Rondônia. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo DETRAN RO.

RORAIMA-RR

O DETRAN de Roraima oferece seus serviços que ajudam a população de condutores a resolver quaisquer situações que envolvem veículos.

Para fazer uma consulta basta e acessar o site oficial do DETRAN estadual. Dessa forma, os proprietários de veículos poderão saber as condições dos seus carros.

A consulta de veículos também pode ser feita usando o aparelho celular. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Como baixar e usar o Aplicativo DETRAN Roraima.

SANTA CATARINA-SC

Para fazer uma consulta de veículos em Santa Catarina, é preciso acessar o site oficial do DETRAN, e depois disso especificar detalhadamente os dados do seu carro.

Depois disso, o sistema do site do Detran vai te apresentar as condições que seu carro se encontra. Através dessa consulta você vai saber o que precisa ser feito para que seu carro continue sendo usado de forma legal.

Com o aparelho celular também é possível consultar veículos em seu nome no DETRAN de Santa Catarina. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Como Baixar e usar o aplicativo do DETRAN – SC.

SÃO PAULO?

Para consultar carros  em meu nome no estado de São Paulo. O interessado deve acessar o site oficial do DETRAN(Departamento Estadual de Trânsito).

E assim obter informações que ele deseja a respeito do seu carro. É necessário escolher o serviço que você quer realizar, o próprio site do DETRAN vai te orientar como fazer.

A consulta de um veículo e demais informações também podem ser feitas com o aparelho celular. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN SP – Veja como baixar e usar.

SERGIPE-SE

Para consultar carros em seu nome no estado de Sergipe. Em seguida você vai entrar no site oficial do DETRAN de Sergipe e assim saber as condições do veículo em seu nome.

Sendo assim, é uma consulta particular entre você e o site do DETRAN. Por isso, você pode passar os dados do seu carro com segurança pois está usando um órgão público do Estado.

No estado de Sergipe também é possível consultar veículos em seu nome usando o aparelho celular. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN Sergipe.

TOCANTINS-TO

Se você tocantinense quiser fazer uma consulta de veículos em seu nome, você será levado direto ao site oficial do DETRAN de Tocantins.

Depois disso, eles vão pedir para você passar de maneira correta os dados do veículo em seu nome. Alguns instantes depois o próprio site vai passar a vocês os detalhes de com está o seu veículo.

Com seu aparelho celular também é possível consultar veículos em seu nome. Para este procedimento recomendamos a leitura do artigo: Aplicativo do DETRAN  – Tocantins.

Concluímos este artigo desejando que todos os usuários que o acessarem consigam as informações que precisam de seus carros. Um grande abraço da Equipe Consultar Carros!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*