Como Saber De Quanto Tempo Estou Gravida?

A gravidez é um período que dura cerca de 40 semanas (280 dias) e é o resultado do processo de fecundação de um ovócito por um espermatozoide e posterior fixação do zigoto na cavidade uterina. A gravidez envolve o desenvolvimento do feto no interior do útero da mulher e é um período que se estende até a expulsão do bebê no momento do parto.

A gravidez é um momento bastante delicado na vida de uma mulher e envolve modificações no corpo e alterações psicológicas. Diante desse momento delicado, é importante que a mulher conheça bem as mudanças que irão ocorrer em seu corpo durante esses meses e tenha acompanhamento especializado. Os cuidados deverão ser ainda maiores naquelas gravidezes consideradas de risco.

Não pare agora… Tem mais depois da publicidade 😉

Sintomas da gravidez

Durante toda a gestação, o corpo da mulher irá passar por mudanças para se adaptar à chegada de uma nova vida. Inicialmente, essas modificações podem desencadear alguns sinais que fazem com que a mulher suspeite de uma gravidez. Entre aos principais sinais de uma gravidez, podemos citar:

  • Atraso menstrual
  • Aumento do volume dos seios
  • Hipersensibilidade dos mamilos
  • Aumento do volume abdominal
  • Aumento do sono
  • Aumento da fome
  • Náuseas e vômitos
  • Tonturas
  • Cansaço

Vale destacar que a presença desses sinais não representa necessariamente uma gravidez, entretanto, esses são sinais de alerta e indicam a necessidade de realizar-se uma consulta médica para confirmar ou descartar essa hipótese. Um início precoce do pré-natal é fundamental para prevenir complicações, sendo recomendado que o pré-natal seja iniciado até a 12ª semana.

Como calcular a semana da gravidez?

Como Saber De Quanto Tempo Estou Gravida? Durante os exames realizados no pré-natal, o médico poderá avaliar melhor a idade gestacional do bebê observando suas características.

Para saber a idade gestacional, é necessário saber quando foi a última menstruação da gestante. A partir daí, basta contar as semanas até a data atual. A cada sete dias da data da última menstruação, conta-se uma semana.

Vale destacar que esse cálculo não é preciso, e o médico poderá atualizá-lo quando realizar a ultrassom.

Isso deve-se ao fato de que olhando o exame o médico será capaz de verificar melhor o bebê e, a partir daí, identificar em que fase do desenvolvimento ele está.

Convertendo as semanas de gravidez em meses

  • Muitas pessoas não conseguem fazer a correta relação entre as semanas e os meses de uma gestação. Observe abaixo a conversão de meses para semanas:
  • Primeiro mês → quatro semanas e meia
  • Segundo mês → nove semanas
  • Terceiro mês → 13 semanas e meia
  • Quarto mês → 18 semanas
  • Quinto mês → 22 semanas e meia
  • Sexto mês → 27 semanas
  • Sétimo mês → 31 semanas e meia
  • Oitavo mês → 36 semanas
  • Nono mês → 40 semanas e meia

Gravidez semana a semana

A seguir, descreveremos os principais acontecimentos da gravidez. Iniciaremos com a quarta semana, pois, como sabemos, as semanas são contadas a partir da data do início da última menstruação.

Desse modo, nas primeiras semanas teremos o processo de menstruação, seguido da posterior ovulação, fecundação e fixação do embrião na cavidade uterina. Como o dia exato da fecundação varia de uma mulher para outra, iniciaremos nossa contagem na quarta semana.

Nem todas as semanas serão aqui descritas, sendo destacada apenas uma expectativa do desenvolvimento durante a vida fetal, de acordo com o Ministério da Saúde na Caderneta da Gestante:

Leia também: Primeiras manifestações embrionárias

Como Saber De Quanto Tempo Estou Gravida? Durante os nove meses de gestação, o bebê forma-se e adquire características que o permitem viver fora do corpo da mãe.

  • Quarta semana: Com quatro semanas, o embrião apresenta-se do tamanho de um grãozinho de arroz. O coração começa a bater a partir dessa semana. Já é possível observar os locais onde serão formados os braços e pernas.
  • Oitava semana: No final de oito semanas, o bebê apresenta as principais estruturas que estarão presentes em um adulto, entretanto de uma forma rudimentar. Ele já possui dedos, mãos, orelhas e órgãos internos. O tamanho do embrião observado nessa fase pode ser comparado ao de uma ervilha. O embrião agora já é chamado de feto após esse período.
  • Nona semana à 12ª semana (terceiro mês de gestação): Nessa etapa de desenvolvimento, o rosto já está praticamente formado, sendo possível observar, por exemplo, os olhos com pálpebras. O cérebro inicia seu funcionamento nessa etapa, e o bebê já apresenta movimento dos braços e pernas.
  • 14ª semana: Nessa semana, o feto apresenta movimentos respiratórios,e as mãos também são capazes de moverem-se.
  • 15ª semana à 16ª semana: Inicia-se o engrossamento da pele. Cílios e sobrancelhas podem ser observados. A mãe consegue perceber os movimentos do bebê.
  • 17ª semana à 18ª semana: Nessa fase, o bebê apresenta capacidade de deglutição, de sugar e também é capaz piscar.
  • 20ª semana à 24ª semana: Os movimentos nessa etapa ficam mais intensos, e a mãe já é capaz de percebê-los bem.
  • 27ª semana à 30ª semana: Nessa fase, o bebê é capaz de perceber a luz fora do útero. Vale destacar que formas e cores só serão percebidas após o nascimento. Ele também é capaz de identificar sons. A partir desse momento, o bebê está formado, porém ainda não está maduro o suficiente para nascer.

Leia também: Acompanhamento mês a mês

Observe agora uma tabela que mostra o comprimento médio do bebê sentado e o peso médio esperado nas diferentes semanas de gestação.Essa tabela está de acordo com T. W.

Sadler, no livro Langman/Embriologia Médica, em que o autor considerou a contagem a partir da fertilização e não após o início do último ciclo menstrual.

Assim sendo, observamos a gravidez em um período de 38 semanas.

Idade (Semanas) Comprimento cabeça-nádega (cm) Peso (g)
9-12 5-8 10-45
13-16 9-14 60-200
17-20 15-19 250-450
21-24 20-23 500-820
25-28 24-27 900-1300
29-32 28-30 1400-2900
33-36 31-34 2200-2900
37-38 35-36 3000-3400

Sinais de alerta durante a gravidez

A gravidez pode ser um período bastante complicado na vida da mulher, sendo nela observadas várias alterações corporais.

Entre as situações comuns de uma gravidez, podemos citar enjoos, vômito, azia, queimação, cãibras, intestino preso, maior vontade de urinar e dores na coluna.

Como Saber De Quanto Tempo Estou Gravida? O pré-natal é fundamental para evitar problemas durante a gestação.

Vale salientar, no entanto, que algumas situações merecem atenção e podem indicar que algo não está bem com a mãe e com o bebê. Entre os sinais que merecem atenção da gestante, podemos citar:

  • Pressão alta
  • Sangramentos ou perda de líquido pela vagina
  • Corrimento vaginal escuro
  • Dores de cabeça
  • Ardência ao urinar
  • Contrações fortes e frequentes
  • Inchaços, principalmente ao acordar
  • Visão embaralhada
  • Ausência de movimentação do bebê por mais de 12 horas

Leia também: Diabetes gestacional

Ao observar qualquer um desses sinais, é fundamental procurar ajuda médica para que os problemas sejam contornados.

Lembre-se também de que, para ter uma gestação saudável, é necessário ter uma alimentação saudável, reduzir a quantidade de sal consumida, assim como gorduras e doces, hidratar-se adequadamente e não fazer uso de cigarros e álcool. A prática de atividades físicas também é recomendável, mas só pode ser feita com orientação e autorização do médico responsável.  

Por Ma. Vanessa Sardinha dos Santos

Como posso saber se estou grávida e de quanto tempo estou?

Como Saber De Quanto Tempo Estou Gravida?

A maioria das mulheres sabe que está grávida se é sexualmente ativas e perdeu uma menstruação. Enjoos, dores nos seios e fadiga também são sintomas comuns no início da gravidez.

Ultrassonografia ou testes de gravidez são os únicos meios de teste imediatos que podem ser realizados para se ter a certeza de que uma mulher está grávida ou não.

É possível fazer um teste de gravidez desde o primeiro dia previsto para a vinda da menstruação. Antes dessa data, o nível de hormônios produzidos pela gravidez é muito baixo para ser detectado pelo teste e pode-se obter um resultado negativo falso.

Caso seja feita uma ultrassonografia, o médico pode dizer exatamente a quanto tempo a mulher está grávida. O médico também pode estimar o tempo de gravidez sem fazer uma ultrassonografia. Um teste de gravidez não pode fornecer essa informação.

Uma mulher também pode fazer sozinha um cálculo razoável do tempo que está grávida. Ela deve descobrir quando foi o primeiro dia de sua última menstruação, incluindo o dia em si e começar contando os dias passados desde então até a data atual.

Mais informações:

Estudos mostram que mulheres são capazes de fazer isso sozinhas.

Um estudo foi realizado com a finalidade de descobrir se as mulheres nos Estados Unidos e na Índia podiam calcular há quanto tempo estavam grávidas.

Foram dados calendários e planilhas às mulheres para auxiliá-las a fazer os cálculos.

98 de cada 100 mulheres no grupo de estudo nos EUA e 87 em cada 100 mulheres no grupo de estudos na Índia foram capazes de estimar há quanto tempo estavam grávidas.

Aproximadamente 9 em cada 10 mulheres pode estimar o tempo de gestação com precisão suficiente para usar Mifepristona e Misoprostol sozinhas.

Os pesquisadores concluíram: “A grande maioria das mulheres buscando abortos no primeiro trimestre de gestação nesse estudo podiam com precisão calcular a duração da gestação dentro de uma margem de erro clinicamente irrelevante para uso seguro e sem supervisão de abortos induzidos por medicamentos.

A maioria das estimativas das mulheres estavam dentro de 1 semana da duração real de suas gestações. Isso estava “dentro das expectativas documentadas para abortos induzidos por medicamentos seguros e eficientes. 2, 107

< Gravidez

Leia também:  Como Mostrar Que Uma Função É Injetiva?

© 2021 Women on Web

Calculadora online: saiba agora quando seu bebê vai nascer

  • Para saber exatamente quantas semanas de gravidez você está e quantos meses isso significa, é necessário calcular a idade gestacional e para isso basta saber a Data da Última Menstruação (DUM) e contar em um calendário quantas semanas existem até à data atual.
  • O médico também pode informar sempre a idade gestacional corrigida, que é a data sugerida na ultrassonografia realizada na consulta de pré natal, para indicar com exatidão de quantas semanas a mulher está grávida e qual será a Data Provável do Parto. 
  • Também é possível calcular a idade gestacional indicando apenas qual foi o primeiro dia da última menstruação, para saber com quantos meses você está, quantas semanas de gravidez isso significa e em que dia o bebê provavelmente vai nascer:

E se eu não souber da data da última menstruação?

Quando a mulher não tem certeza qual foi o dia da última menstruação, a forma mais segura de saber com quantas semanas de gestação está e qual é a data provável do parto é através da ultrassonografia ou através da altura uterina, que é a que o médico normalmente calcula as semanas e meses de gravidez. Para isso, são considerados a quantidade de Beta HCG no sangue, altura uterina, após a 12ª semana de gestação e ultrassonografia solicitada pelo ginecologista.

Saiba outros exames que são realizados na gravidez.

Como Saber De Quanto Tempo Estou Gravida?

Como calcular a idade gestacional em semanas

Para calcular a idade gestacional em semanas, deve-se anotar a data da última menstruação num calendário. A cada 7 dias, a partir desta data, o bebê terá mais uma semana de vida.

  1. Por exemplo, se o primeiro dia da última menstruação foi o dia 11 de Março e o resultado do teste de gravidez for positivo, para saber a idade gestacional, deve-se começar a contar a gravidez a partir do 1º dia da última menstruação e não o dia em que houve a relação sexual.
  2. Dessa forma, se dia 11 de março, que foi o DUM, foi uma terça feira, na segunda feira seguinte completa-se 7 dias e somando de 7 em 7, se hoje for dia 16 de Abril, quarta feira, o bebê está com 5 semanas e 2 dias de gestação, que são 2 meses de gravidez.
  3. O cálculo se faz assim porque apesar da mulher ainda não estar grávida, é muito difícil de definir exatamente quando ocorreu fecundação, pois os espermatozoides podem sobreviver até 7 dias no corpo da mulher antes de fecundar o óvulo e iniciar realmente a gravidez.

Como saber a idade gestacional em meses

Segundo o Ministério da Saúde (2014) para saber a idade gestacional, convertendo as semanas em meses, deve-se observar:

1º Trimestre 1 mês até as 4 semanas e meia de gestação
1º Trimestre 2 meses 4 semanas e meia a 9 semanas
1º Trimestre 3 meses 10 a 13 semanas e meia de gestação
2º Trimestre 4 meses 13 semanas e meia de gestação a 18 semanas
2º Trimestre 5 meses 19 a 22 semanas e meia de gestação
2º Trimestre 6 meses 23 a 27 semanas de gestação
3º Trimestre 7 meses 28 a 31 semanas e meia de gestação
3º Trimestre 8 meses 32 a 36 semanas de gestação
3º Trimestre 9 meses 37 a 42 semanas de gestação

Normalmente a gravidez dura 40 semanas, mas o bebê pode nascer entre as 39 e 41 semanas, sem problemas. No entanto, se o trabalho de parto não começar espontaneamente até completar as 41 semanas, o médico poderá optar por induzir o parto com ocitocina na veia.

Veja também como é a gravidez semana a semana.

Como calcular a data provável do nascimento do bebê

Para calcular a data provável do parto, que deverá ser por volta das 40 semanas depois da DUM, é necessário acrescentar 7 dias à DUM, depois contar 3 meses pra trás e depois colocar o ano seguinte.

Por exemplo, se a DUM foi o dia 11 de Março de 2018, ao somar 7 dias, o resultado é 18 de Março de 2018, e a seguir diminui 3 meses o que significa 18 de Dezembro de 2017 e acrescenta mais 1 ano. Por isso neste caso a Data Prevista do Parto é 18 de Dezembro de 2018.

Este cálculo não dá a data exata do nascimento do bebê porque o bebê pode nascer entre as 37 e as 42 semanas de gestação, no entanto, a mãe já fica informada da época provável do nascimento do bebê.

Crescimento do bebê

Durante cada semana da gestação, o bebê cresce cerca de 1 a 2 cm e ganha aproximadamente 200 g, mas no terceiro trimestre é mais fácil notar esse crescimento rápido, pois o feto já está com os órgãos formados e o seu organismo passa a concentrar-se principalmente em acumular gordura e se preparar para o momento do nascimento.

Como calcular a idade gestacional? | Vida Saudável | Conteúdos produzidos pelo Hospital Israelita Albert Einstein

Os cálculos podem parecer confusos, mas nosso especialista explica como se acertar ao calcular sua idade gestacional. Confira!

Por Dr. Romulo Negrini, coordenador médico materno infantil da Maternidade Einstein / CRM SP 113 055

​Descobrir a Idade Gestacional pode ser muito confuso, principalmente para os pais de primeira viagem. Semanas ou meses, qual devemos levar em conta? Para deixar tudo mais simples, conversamos com o especialista, Dr. Romulo Negrini. Confira abaixo a entrevista com o médico da Maternidade Einstein. 

Confira as principais dúvidas

Porque calculamos o tempo de gravidez em semanas e não em meses?

A resposta a esta questão é bem simples. Os meses apresentam quantidades de dias variáveis, meses como fevereiro tem menos dias, julho e agosto têm 31 dias. Mas em semanas não há esta variação. Desta forma, o cálculo fica mais preciso para a gestante, família e para os profissionais de saúde.

Como deve ser feito o cálculo para descobrir a Idade Gestacional?

Em geral o cálculo da idade gestacional é baseado na data da última menstruação, conhecida como DUM. Neste caso, é muito simples. Verifica-se a quantidade de dias que se passaram da DUM até o dia do cálculo e divide-se por 7. O valor inteiro, resultado da divisão, é o número de semanas da gravidez e o resto da divisão é o número de dias passados na última semana.

Exemplo: vamos supor que, no dia 05 de fevereiro, queira-se saber qual a idade gestacional de uma gravidez em que a gestante menstruou pela última vez em 12 de novembro do ano anterior. De 12/11 a 05/02 passaram-se 85 dias. A divisão de 85 por 7 resulta em 14 com resto de 1, então esta gravidez terá 14 semanas e 1 dia em 05 de fevereiro. 

Lembre-se que a gravidez é contada sempre em semanas de atraso menstrual, mas a concepção de fato ocorre duas semanas após a menstruação. Assim, quando dizemos que uma gravidez tem 38 semanas, passaram-se 38 semanas da última menstruação e o embrião foi gerado há 36 semanas! 

Caso a gestante não saiba a DUM, existe alguma outra forma?

Sim, caso a mulher não saiba a data da última menstruação ou tenha ciclos irregulares, calcula-se o tempo de gravidez pela ultrassonografia (USG). A forma de conta é a mesma, soma-se a quantidade de dias que se passaram da data da ultrassonografia até hoje (dia em que se quer a idade gestacional) e divide-se por 7. 

O valor inteiro do resultado da divisão é o número de semanas da gravidez e o resto da divisão, o número de dias passados da data do ultrassom. Depois só somar o tempo de gravidez que foi detectado na ultrassonografia.

Exemplo: Em 12 de novembro uma grávida realizou uma USG que mostrou um embrião de 8 semanas e 2 dias e quer saber qual a idade gestacional em que está no dia 05 de fevereiro. De 12/11 a 05/02 passaram-se 85 dias.

A divisão de 85 por 7 resulta em 14 com resto de 1, então da data da USG passaram-se 14 semana e 1 dias, que devem ser somadas as 8 semanas e 1 dia que já havia no dia do ultrassom. Assim, a gravidez em 05/02 será de 22 semanas e 2 dias.

 

Existem exames para descobrir a Idade Gestacional?

  • O único exame confiável para a descoberta da idade gestacional é a ultrassonografia, e o ideal é realizá-lo entre 8 e 12 semanas para uma maior precisão.
  • Como o tempo de gravidez é dado pelo tamanho do feto, com o seu crescimento ele vai adquirindo características pessoais: uns ficam maiores, outros menores, o que aumenta o erro da idade gestacional.
  • O erro de uma ultrassonografia em dar o tempo de gravidez, se feita entre 8 e 12 semanas, é de apenas 5 dias, e aumenta com o passar da gravidez para até 3 semanas no final. 

É possível saber a Data Provável do Parto? Como é feito esse cálculo?

A data provável do parto (DPP) ocorre com 40 semanas e 1 dia. Para que se possa calculá-la, utiliza-se a regra de Naegele. Essa regra é uma forma padronizada de calcular a DPP de uma gestante.

Nela, soma-se 7 ao dia correspondente ao da data da última menstruação e retira-se 3 do mês correspondente à data da última menstruação. Por exemplo: se a DUM for 12/11, a data provável do parto será no dia 12+7 e mês 11-3, ou seja, dia 19/08.

Leia também:  Como Evitar Que Os Pelos Cresçam?

Se a soma do dia com o 7 ultrapassar 31, parte-se para o mês seguinte, e retira-se então 2 do mês da DUM.

Exemplo: DUM de 30/10 a data provável do parto será 06/08, isso porque 30+7 seria 37, mas esse dia não existe e o ultimo é 31, assim avançamos 6 dias no mês seguinte e retira-se 2 do 10. Sendo o resultado final 06/08.

Parece complicado, mas agora que explicamos tudo pode ser bem simples. Gostou de saber mais sobre esse assunto e quer saber mais sobre a Maternidade Einstein? Então clique aqui agora mesmo e confira!

Como Saber o Dia que Engravidei? Calculadora do Dia da Concepção

Basta colocar a data do primeiro dia da última menstruação para calcular quando pode ter acontecido a ovulação. O sistema utiliza um ciclo menstrual de 28 dias para fazer as estimativas. Se o seu ciclo menstrual é muito diferente o resultado não será confiável.

É possível saber o dia exato da fecundação?

Se sua dúvida é “quando engravidei?” saiba que não é possível dizer exatamente em que dia que ocorreu a fecundação. Isso acontece pois o período fértil é relativamente extenso.

Como o espermatozóide pode sobreviver por até 5 dias, umas relação sexual 5 dias antes de ovular pode produzir uma gestação.

Já o óvulo é viável por cerca de 24 horas, então é possível engravidar até um dia depois da ovulação.

Além disso, as mulheres ovulam APROXIMADAMENTE 14 dias depois da menstruação, quando o ciclo é de 28 dias. Se o ciclo for maior ou menos a ovulação poderá ocorrer antes ou depois. Por isso é difícil dizer o dia exato da fecundação, mas é possível ter uma idéia.

Para ser o mais preciso possível, utilize na nossa calculado o mesmo método que o seu médico utiliza para calcular sua idade gestacional, seja a data da última menstruação, data provável do parto ou a idade gestacional estimada pelo seu primeiro exame de ultrassom.

Quanto tempo após a relação ocorre a concepção?

Entre a relação sexual e a concepção existe um intervalo de cerca de 24 horas. Ou seja, o espermatozóide pode levar cerca de 1 dia até encontrar o óvulo e fecundá-lo.

Como descobrir a data da concepção pelo ultrassom?

Sabendo a idade gestacional, basta subtrair duas semanas e você terá o número de semanas em que ocorreu a concepção. Para não precisar fazer os cálculos de cabeça coloque apenas a data em que o exame foi realizado e a idade gestacional estimada em nossa calculadora. Recomendamos que leia também nosso post sobre como se calcula a idade gestacional.

Como saber quem é o pai do meu filho?

Se você teve relação com duas pessoas diferentes durante o seu período fértil, não é possível determinar clinicamente com precisão quem é o pai da criança. Para os casos de dúvida converse com o seu médico sobre o teste de paternidade que poderá ser realizado após o nascimento da criança.

O teste de paternidade pode ser feito durante a gravidez?

A coleta de material para o teste de paternidade pode colocar em risco o seu bebê. Seguindo o parecer do CREMESP recomendamos que a coleta seja feita apenas após o nascimento.

Semanas X meses: como calcular o tempo de gravidez?

  • WhatsApp
  • Facebook
  • Twitter
  • Pinterest
  • Linkedin
  • Copiar Link

Por que contar a gravidez? (Foto: Getty Images)

Você não é a única a iniciar contas mentais quando uma grávida diz estar com 29 semanas. Muitas mães de primeira viagem também não sabem nem por onde começar esse cálculo! Pensando nisso, CRESCER conversou com Eduardo Zlotnik, ginecologista e obstetra do Hospital Israelita Albert Einstein, para sanar todas as dúvidas sobre como calcular o tempo de gestação. 

saiba mais

Como saber de quantas semanas estou grávida?

A conta das semanas de gestação é feita a partir do primeiro dia da última menstruação. Como a ovulação costuma ocorrer duas semanas depois, essa é uma data mais fácil de usar como parâmetro do que a própria fecundação, já que a relação sexual pode acontecer em um dia e a fecundação nos dias seguintes. Ou seja, a contagem de semanas começa antes mesmo de você estar grávida! 

Quando a mulher não se recorda o primeiro dia da última menstruação, os médicos recorrem ao ultrassom para estimar a semana gestacional.

Contudo, por avaliar o tamanho do feto e seu desenvolvimento, este método possui uma margem de erro. No primeiro trimestre, pode haver um erro de 3 a 4 dias. No segundo, de 6 a 10. Já no terceiro, de 24 a 26 dias.

Por isso, o mais próximo ao real é a estimativa obtida no primeiro ultrassom. 

saiba mais

Por que os médicos preferem usar semanas a meses?

Existem dois jeitos de ver a gravidez: em semanas ou em meses. Para os médicos e grávidas, é mais fácil situar os eventos que acontecem na gestação conforme a semana. “Por exemplo, com 14 semanas, a mulher para de ovular. Entre 18 e 22 semanas, uma mãe de primeira viagem começa a sentir o neném mexer. Por essa contagem, é mais fácil localizar o que deve acontecer”, explica Eduardo. 

A data prevista para o parto é quando a gestante completa 40 semanas, mas isso não significa que o seu bebê vá nascer exatamente neste dia! A partir da 37º semana, o bebê já é considerado maduro e, caso nasça, não é considerado prematuro. A gravidez pode ainda se prolongar até a 42º semana ou até um pouco mais. 

Como transformar semanas de gestação em meses? 

Não existe uma regra oficial, mas o ginecologista Eduardo Zlotnik costuma recomendar uma bem simples.

Bastaria subtrair as duas semanas, contadas antes de a gravidez começar de fato e, aí sim, dividir o resultado por quatro. “Mas a complicação não acaba ai. Uma mulher com 20 semanas, estaria grávida de 4 meses e meio.

Ela poderia também dizer que está no quinto mês, pois já completou 4 meses. Acaba sendo confuso mesmo”, diz. 

Gosta do conteúdo da CRESCER? Então, não perca mais tempo e baixe o app da Globo Mais para ver nossas reportagens exclusivas e ficar por dentro de todas as publicações da Editora Globo. Você também pode ler todas as matérias da revista, por R$ 4,90, através do app da CRESCER.

saiba mais

Calculadora gestacional: descubra em que semana da gravidez você está! – Kinedu Blog

novembro 4, 2020

• por: Kinedu

Ansiosa para descobrir em que semana da gravidez você está? Você só precisa inserir o primeiro dia da sua última menstruação (DUM) na calculadora gestacional!

A calculadora gestacional vai ajudar você a descobrir com quantas semanas de gravidez está e a provável data do parto. Apesar de muitas mamães ficarem confusas com esse cálculo, saiba que a contagem semanal é importante para acompanhar com mais precisão o desenvolvimento do bebê, visto que o feto passa por grandes mudanças em poucos dias.

Se você tiver dúvidas sobre a calculadora gestacional e como calcular usando a DPP ou a DUM, confira os tópicos a seguir!

O que é a calculadora gestacional e como ela funciona?

A calculadora gestacional é uma aplicação digital que usa a mesma fórmula que os médicos obstetras usam para saber em que semana da gravidez você está.

De maneira geral, tudo o que você precisa é saber a data da última menstruação (DUM) ou a data provável do parto (DPP).

Esse modelo foi inventado por Franz Naegele, um médico obstetra alemão e, por isso, recebe o nome de regra de Naegele.

Você pode até pensar: então, o tempo de gestação é contado a partir do dia em que eu ainda não estava grávida? Isso mesmo! O motivo é que se torna muito difícil saber a data da fecundação, uma vez que ela pode não coincidir com o dia da relação sexual.

Baixe GRÁTIS o Kinedu e acompanhe o desenvolvimento do seu bebê!

Isto acontece porque o espermatozoide pode permanecer vivo dentro do canal vaginal por até 5 dias após a ejaculação. Se nesse meio tempo a mulher ovular, há a possibilidade de engravidar. Além disso, o óvulo também tem seu próprio tempo, sobrevivendo por até 24 horas após sua liberação.

Com sorte, entre ambos os períodos, temos uma margem de erro de até 6 dias para a data provável de fecundação. Dessa maneira, fica estabelecido que o primeiro dia da sua última menstruação também é o primeiro dia da sua gravidez.

Como fazer o cálculo com a data da última menstruação?

Para fazer essa conta com a calculadora gestacional, basta inserir a data do primeiro dia da sua última menstruação (DUM). Caso você não saiba com exatidão a DUM, pode utilizar uma data aproximada ou confirmá-la de acordo com a idade gestacional apontada pelos primeiros exames de ultrassom.

Como fazer o cálculo com a data provável do parto?

A data provável do parto (DPP) é o dia em que a grávida completa 40 semanas. Para saber em qual semana da gestação você está usando sua DPP, basta inseri-la na calculadora da gravidez. Assim, ela retornará com algumas informações, como:

  • com quantas semanas de gravidez você está;
  • informações importantes sobre o desenvolvimento do bebê nesta fase.
Leia também:  Como Cada Signo Reage Quando Deixa De Amar?

Por que confiar na data da calculadora gestacional Kinedu?

O cálculo feito é uma estimativa de acordo com as informações passadas, seja a DUM, seja o resultado de um exame. Há uma série de fatores, no entanto, que podem influenciar para que essa data seja diferente. Alguns deles são:

  • saúde da gestante;
  • saúde do bebê;
  • quantidade de bebês na mesma gravidez;
  • ritmo do desenvolvimento fetal;
  • intercorrências externas à gravidez;
  • outros fatores.

Não há uma fórmula mágica que possa dizer com exatidão a data de nascimento do seu bebê. Tudo o que pode ser feito é basear-se em técnicas, como a Regra de Naegele, para fazer esse cálculo aproximado. É importante dizer que os exames pré-natais ainda são necessários.

É por meio deles, inclusive, que, ao longo da gravidez, você descobrirá um dia mais preciso. Além disso, na prática, qualquer bebê nascido entre as 37ª e 42ª semanas é considerado “a termo”. Isso significa que o bebê nasceu dentro do esperado, ou seja, no momento certo.

Por que o cálculo é em semanas, e não em meses?

O desenvolvimento gestacional varia muito de uma semana para outra, e esse é o principal motivo da contagem não ser em meses. Se compararmos duas gestações do 7º mês, sendo que uma está na primeira semana e a outra na última, veremos muitas diferenças. Por exemplo:

  • na 28ª semana de gestação (primeira semana do 7º mês), o bebê tem cerca de 1 kg, medindo cerca de 37,6 cm, e pode ter ainda o lanugo ou ter formado os cabelos;
  • na 31ª semana de gestação (última semana do 7º mês), o bebê tem cerca de 1,5 kg, medindo cerca de 41,1 cm, e já tem unhas formadas, podendo até chupar os dedinhos.

Você pode compreender melhor seu tempo de gravidez assim:

  • a cada 7 dias após sua DUM, você completa mais 1 semana de gestação;
  • a cada 4 semanas após sua DUM, você completa mais 1 mês de gestação.

Gostou de usar a calculadora gestacional do Kinedu para descobrir em que semana da gravidez você está? Aproveite para baixar o nosso aplicativo e ficar por dentro do desenvolvimento do seu bebê!

‎Gravidez +

Baixe o aplicativo de gravidez nº 1 no mundo.Quer ver imagens lindas e interativas de cada semana da gravidez? Junte-se a mais de 40 milhões de pessoas que já usam o app Gravidez+ para acompanhar a gravidez semana a semana.Nosso app Gravidez+ também pode ser personalizado para pais, avós, e outros membros da família.Tudo o que você precisa no app Gravidez+!- Informações de gravidez DIÁRIAS- Imagens coloridas e escaneadas- Diário pessoal- Diário de peso pessoal- Diário de visitas ao médico- Informações sobre dieta, exercícios e trabalho de parto- Contador de chutes- Cronômetro de contrações- Lista de compras para o bebê- Milhares de nomes de bebês- Guia de tamanho do bebê – Informações de gravidez semana a semana- E muito mais…Gravidez+ apóia você em cada um dos estágios da maternidade.————————————————–Política de Privacidade : https://info.health-and-parenting.com/PrivacyNotice?locale=pt&country=BRTermos de Uso : https://info.health-and-parenting.com/TermsOfUse?locale=pt&country=BR————————————————–Gravidez+ sincroniza com o app Saúde da Apple, mas não consegue ler ou escrever no banco de dados a menos que seja permitido o acesso.Este app não se destina ao uso clínico, nem substitui as orientações de um médico profissional. Philips Consumer Lifestyle B.V. exime-se de qualquer responsabilidade pelas decisões tomadas com base nas informações deste app, o qual contém informações de forma generalizada e não como um substituto a orientações médicas personalizadas. Se você tiver alguma preocupação com relação à sua gravidez, consulte o seu médico imediatamente.

A equipe da Gravidez+ deseja a você uma gravidez saudável, completa, e um parto seguro.

Graças ao seu feedback, esta atualização inclui:• Performance otimizada, para que você tenha uma experiência de usuário mais tranquila• Algumas correções de erros

Aprimoramos o Gravidez+ constantemente para nossos mais de 40 milhões de usuários. Por isso, não deixe de baixar a versão mais recente. Você não quer ficar de fora!

Parabéns!! O app é excelente

Obrigada pela avaliação 5 estrelas! Ficamos felizes em saber que o app está no nível que você esperava.

Indico para todas as amigas gestantes! Os layouts interativos 3D são de tirar o fôlego! Parabéns!!!!!

Que bom que gostou do aplicativo! Obrigado pela avaliação 5 estrelas. Segue um link útil que você pode usar para baixar o Baby + gratuitamente: https://baby.app.link/reviews para acompanhar o desenvolvimento do seu bebê depois que ele nascer.

Depois da atualização, as informações semanais não carregam. Esperava toda semana ansiosamente para ler… to frustrada! Resolvam logo!

Por favor, abra Gravidez+, vá para o seu perfil, Visão Geral, Configurações, Limpar Cache do app. Feche o aplicativo e abra-o novamente. Se o problema não for resolvido, favor entrar em contato com o “Fale conosco” do seu app para ajudarmos e esperamos que você possa atualizar sua avaliação de 1 pra 5 estrelas. Felicidades!

O desenvolvedor, Health & Parenting Ltd, indicou que as práticas de privacidade do app podem incluir o gerenciamento de dados conforme descrito abaixo. Para obter mais informações, consulte a política de privacidade do desenvolvedor.

Os seguintes dados podem ser usados para rastrear você em apps e sites de propriedade de outras empresas:

Os seguintes dados podem ser coletados e vinculados à sua identidade:

  • Localização
  • Informações de contato
  • Identificado­res
  • Dados de utilização
  • Informações confidenciais
  • Diagnóstico

Os seguintes dados podem ser coletados, mas não estão vinculados à sua identidade:

  • Identificado­res
  • Diagnóstico

As práticas de privacidade podem variar, por exemplo, com base nos recursos que você usa ou na sua idade. Saiba mais

  • Site do desenvolvedor
  • Suporte do app
  • Política de privacidade

Como descobrir com quantas semanas de gestação você está

Popularmente, acreditamos que a duração de uma gravidez seja de nove meses completos. Mas você sabia que o período médio correto são 40 semanas de gestação?

É difícil falar sobre o período de gestação de maneira precisa, já que nessas semanas são incluídos os setes dias em que a mulher está fértil. Portanto, o cálculo de semanas de uma gravidez começa a partir da data do último período menstrual, chegando, dessa forma, a 40 semanas.

Por que calcular as semanas de gestação e não os meses

Pode ser confuso pensar em semanas de gestação, mas é um hábito muito importante para garantir a saúde da mãe e do bebê que esta em formação. Só a partir da definição do tempo de gravidez, é possível realizar um pré-natal correto, com todos os exames dentro do prazo.

As semanas sempre têm sete dias, porém os meses são variáveis, em relação à quantidade de dias e semanas, desta maneira, calcular precisamente o tempo da gestação facilita o acompanhamento da gravidez e o desenvolvimento do feto.

Descubra com quantas semanas de gestação você está:

Descobrir de quantas semanas você está grávida é importante para entender todas as mudanças que acontecerão no seu corpo. Além disso, é fundamental para agendar os exames de pré-natal (até os mais específicos, para detectar síndromes e complicações) e se preparar para o dia do nascimento.

  • Cálculo de Dias: Você pode descobrir sua semana de gestação tendo como referência o 1º dia da sua última menstruação, contando as semanas até o dia de hoje. Esse cálculo não é muito preciso, uma vez que não pode determinar com a data em que a concepção realmente ocorreu.
  • Calculadora de Gravidez: Esse método é baseado no cálculo de dias. Disponíveis para download na internet, as calculadoras mais precisas pedem o último dia da sua menstruação e o quanto ela costuma durar. Desta maneira, a mãe sabe automaticamente o período em que a gestação está.
  • Faça um exame de sangue: Hemogramas consistem em um estudo sobre a concentração de hormônios relacionados à gravidez no sangue das mulheres. Eles são muito mais precisos e confiáveis ​​do que um teste de gravidez de farmácia, que usa os hormônios presentes na urina para detectar um embrião.
  • Aparecimento de sintomas: Cada mulher é única. Portanto, cada gravidez também será. Porém, alguns sintomas específicos ocorrem em determinadas semanas de maneira geral e, logo, podem ser usados para calcular o período da gestação. Por exemplo, se você está sentindo náuseas, provavelmente já está no segundo mês da gravidez.

Os primeiros sintomas de gravidez

Cansaço, aumento na sensibilidade dos seios, náuseas e até pequenos sangramentos podem ajudar a descobrir uma gravidez. Esses primeiros sintomas são fundamentais para entender em que período da gestação você está e quais serão as próximas mudanças no seu corpo.

Busque a ajuda do seu médico obstetra para detectar com assertividade o período de gestação em que você está. Assim, será possível programar vários exames para verificar a saúde do seu bebê, levando em conta que algumas alterações e anomalias só podem ser detectadas a partir da 10ª semana de gravidez.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*