Como Responder A Pergunta Porque Devemos Contrata-lo?

Você pode estruturar a melhor resposta com antecedência para convencer o entrevistador de que você é a pessoa certa para a vaga

Como Responder A Pergunta Porque Devemos Contrata-lo?

Por que devo te contratar?” Se você está procurando emprego é possível que tenha de responder essa pergunta na reta final do processo seletivo.

Nessa etapa, os concorrentes devem ter qualidades e experiência bem semelhantes às suas e uma boa resposta pode ser o fator de desempate entre vocês.

Quer saber como responder da melhor forma? Vamos lá. 

Por que devo te contratar: entenda o que o recrutador quer saber

Quando o entrevistador pergunta “por que devo te contratar”, ele está querendo saber o que faz de você o melhor candidato para a vaga.

Para estruturar bem a sua resposta, lembre-se de que as empresas contratam pessoas para resolver problemas. Pode ser para aumentar vendas, para fortalecer uma marca, para aumentar a produtividade de uma fábrica ou para melhorar o relacionamento com consumidores.

Portanto, ao fazer essa pergunta, o entrevistador quer saber se você se qualifica para a função, se realmente pode resolver o “problema” e também se tem perfil alinhado à empresa. 

Como estruturar suas respostas? 

Esta é uma das perguntas mais importantes da entrevista de emprego e existem algumas formas de estruturar sua resposta com antecedência. Isso porque você pode convencer o recrutador de que você é a pessoa certa para o cargo que ele precisa preencher.

Tudo começa por uma análise detalhada do anúncio da vaga, das suas competências e também de uma ampla pesquisa sobre a empresa. Vamos lá: 

1. Observe os requisitos da vaga

Para começar, volte ao anúncio da vaga e tente entender o perfil profissional que a empresa está buscando. Faça uma lista dos requisitos, incluindo habilidades, conhecimento, experiência e competências.

2. Compare a lista com as suas qualidades

Em seguida, liste as qualidades que você possui e atendem a esses requisitos. Faça pequenas anotações para não perder os insights que podem surgir nesse momento. 

3. Selecione algumas dessas qualidades para compor sua resposta

A ideia é focar a sua resposta nos itens em que você é mais forte e que de fato demonstram o quanto você é perfeito para aquele emprego.

Foque nos seus pontos fortes: Você já trabalhou naquele segmento? Concluiu o curso mais recente sobre a tecnologia que a empresa diz ser indispensável conhecer? Essas informações são preciosas. 

4. Estude a empresa

Não saber nada sobre a empresa é um dos principais erros da entrevista de emprego. E para estruturar a melhor resposta para essa pergunta especificamente você precisa entender o momento da empresa, o segmento em que ela atua, onde podem estar seus “problemas” e quais seriam as possíveis “soluções” para eles.

Entre no site da empresa, entenda sua linguagem, busque notícias relacionadas a ela e ao seu mercado. 

5. Demonstre entusiasmo

De acordo com Jessica Vann, fundadora e diretora do Maven Recruiting Group, empresa de São Francisco (EUA) especializada em Recursos Humanos, as pessoas são atraídas por profissionais empolgados que realmente amam o que fazem.

É o seu caso? Este é o momento perfeito para demonstrar isso. Explique por que você tem a experiência que a empresa busca contando o que já fez e como você gosta de fazer isso.

Durante a entrevista, fique atento a sua comunicação não-verbal, na forma como olha para o entrevistador e como gesticula. O brilho nos olhos conta muitos pontos. A regra é a mesma para entrevista por videoconferência, ok?

6. Mostre que você tem fit cultural com a empresa

Uma preocupação grande no momento de contratar pessoas é a de encontrar aquelas que têm fit cultural com a empresa, ou seja, que combinam com a cultura e a forma de trabalho da empresa.

Se fizer a lição de casa como indicamos nos itens 1 e 4, você terá bons indícios para avaliar se a empresa combina ou não com seu estilo. Se combinar, mais um ponto importante para defender a sua contratação.

Mostre que você buscou informação, o que constatou nessa busca e de que forma acredita que possa se encaixar à cultura corporativa. 

7. Pense com antecedência

  • Quando você for convocado para uma entrevista, pode começar a pensar como responder essa pergunta da melhor forma possível.
  • Estruturar a resposta com antecedência é uma ótima forma de ir melhorando o discurso até chegar o momento da entrevista.
  • Aproveite as nossas dicas e prepare-se para ser a pessoa escolhida. ????

Cadastre seu currículo no VAGAS.com.br e aproveite inúmeras oportunidades de emprego. Se você já tem um cadastro, atualize-o aqui. 

Pergunta: Por que devemos te contratar?

A questão “Por que devemos te contratar?” é muito comum na parte final de uma entrevista de emprego, no entanto, poucos candidatos entendem que ela também é uma das perguntas mais perigosas da entrevista, pois apesar de ser aparentemente fácil ela também é camuflada, pois além de exigir que o candidato demonstre todo o seu potencial ela também requer que ele comprove com fatos que é o profissional ideal para a empresa.

O que pode ser um problema, afinal de contas a maioria dos candidatos não conseguem ficar calmos para elaborarem uma resposta precisa, eficiente e que o destaque dos demais candidatos durante uma entrevista de emprego, e acabam por não demonstrarem suas reais aptidões para garantir a vaga, pois apesar de ser um excelente profissional, o mesmo não sabe como convencer o recrutador de que é a pessoa certa para a vaga.

Não importa o tipo de oportunidade, a pergunta “Por que devemos te contratar?” sempre estará presente nos processos seletivos, por isso os candidatos certamente terão que lidar com essa pergunta na sua entrevista, então para ajudar os candidatos a conseguirem  convencer os recrutadores de que eles são a melhor opção para o cargo, o Oportunidades Profissionais preparou este artigo com as melhores dicas de como responder a pergunta “Por que devo te contratar?” de maneira assertiva.

O que os recrutadores querem saber com a pergunta “Por que devemos te contratar?” em uma entrevista

A pergunta “Por que devemos te contratar?” é uma das principais questões abordadas em um processo seletivo, isso porque ela visa convencer o recrutador, através de argumentos validos, de que aquele candidato é a melhor opção para preencher o cargo em aberto. Sendo assim é imprescindível que o candidato estruture bem sua resposta para que a mesma tenha qualidade, passe confiança e o destaque dos demais candidatos.

A melhor maneira de conseguir criar uma resposta de sucesso para essa perigosa questão é descobrindo o que os profissionais responsáveis pelo processo de seleção querem saber com ela, afinal de contas, por que eles perguntam aos candidatos por que a empresa deve contratá-los? A resposta na verdade é bem simples, o recrutador precisa saber apenas se o candidato consegue se apresentar como um profissional capaz de exercer a função e se ele tem a intenção de agregar valor a empresa.

Ou seja, o recrutador precisa descobrir durante a entrevista de emprego se aquele candidato sabe se apresentar profissionalmente de maneira condizente com seu currículo, previamente analisado e selecionado, e se ele consegue evidenciar suas qualidades e habilidades que são pré-requisitos para exercer a função de maneira clara, objetiva e que o torne apto ao cargo.

Entretanto, para conseguir responder essa temida questão de maneira correta e que o ajude a seguir no processo seletivo é necessário utilizar uma boa estratégia, que além de agregar valor à resposta para destacar o candidato, ainda seja capaz de demonstrar que aquele candidato é o profissional ideal para a vaga.

Estratégia para responder corretamente

Uma das melhores maneiras para responder a essa questão de maneira que garanta um maior destaque é recorrendo ao anuncio da vaga, pode parecer estranho, mas somente ao saber todos os requisitos exigidos pela vaga que o candidato se torna capaz de se preparar adequadamente para responder a essa e outras questões abordadas em uma entrevista de emprego.

Além disso, o candidato também deve remeter sua resposta aos dados do seu currículo, afinal de contas, o entrevistador também costuma usar os currículos dos candidatos como roteiro para a entrevista de emprego, então nada mais justo que utilizar essa tática para se promover. Destacamos que os candidatos devem sempre estar preparados para falar sobre tudo que foi exposto em seus currículos, pois isso gera mais confiabilidade para a candidatura.

Resumindo, a estratégia que sugerimos aqui exige basicamente que para responder à essa questão, o candidato reafirme que possui os requisitos necessários para exercer a função e em seguida exponha algumas experiências profissionais ou valores pessoais, disponíveis no currículo, que possam confirmar e comprovar sua afirmação. Isso agrega valor à candidatura, visto que demonstra que o candidato sabe se apresentar de maneira condizente com seu currículo e com o que é esperado pela empresa.

Dicas de como responder

Antes de mais nada o candidato deve ter em mente que se ele não souber  por que a empresa deve contrata-lo o recrutador certamente também não encontrará motivos para fazê-lo, ou seja, o candidato deve trabalhar seu marketing pessoal para “se vender” de maneira criativa e assertiva, pois somente assim ele conseguirá conquistar a almejada vaga de emprego.

  1. Antes de ir para sua entrevista de emprego revise a descrição da vaga e reflita quais foram suas principais realizações e quais são seus principais pontos fortes que o diferencia.
  2. Em seguida estruture mentalmente, ou até mesmo em um esboço que o ajude a pensar melhor, um discurso que contenha 03 ou 04 pontos que podem ser usados como argumento para sua resposta.
  3. E por último, pratique sua resposta, não recomendamos que decore um texto pronto previamente, até porque isso normalmente é percebido, mas que esteja preparado para responder adequadamente à questão, afinal de contas a falta de preparo pode gerar dificuldade em elaborar uma resposta convincente.

E lembre-se, ser muito genérico pode atrapalhar sua candidatura, então quando apresentar suas habilidades e qualidades pertinentes a vaga, cite também exemplos que ilustrem sua afirmação.

Leia também:  Como Esquecer Uma Pessoa Que Te Magoam Muito?

O que você precisa evitar de responder

Agora que você já sabe o que os profissionais responsáveis pelo processo de seleção querem saber com a temida pergunta “Por que devemos te contratar?”, está na hora de entender também qual resposta pode prejudica-lo, afinal de contas, saber o que deve ser evitado durante o processo de seleção sempre ajuda muito.

Ao questionar por que o candidato deve ser contratado o entrevistador quer avaliar se o candidato sabe se autopromover e agregar valor a sua candidatura com um fato interessante, ele não quer e nem precisa saber dos seus problemas.

Então o candidato não deve se justificar dizendo que precisa do emprego, por conta de problemas familiares, dívidas atrasadas, exigência dos pais ou qualquer outro problema, expor problemas não agregam valor ao perfil profissional, então não ajuda na sua candidatura.

Ou seja, o candidato deve considerar que uma empresa ou instituição não contrata profissionais simplesmente porque gosta de ajudar as pessoas, a contratação de funcionários serve especificamente para ajudar a empresa ou instituição a resolver problemas institucionais que demandam de um profissional qualificado que agregue valor e traga resultados. Sendo assim expor problemas pessoais não ajuda, na verdade isso irá passar uma imagem muito negativa.

05 exemplos de respostas para “Por que devemos te contratar?”

O candidato deve lembrar que o importante é sempre valorizar os pontos onde ele possui mais experiência e construir um discurso em função daquilo que for mais relevante para a vaga. O objetivo desta resposta é mostrar que o candidato é o profissional ideal para aquela oportunidade.

  • Seguem 05 exemplos de respostas para ajudá-lo a estruturar seu discurso.
  • Exemplo 01:
  • Exemplo 02:
  • Exemplo 03:
  • Exemplo 04:
  • Exemplo 05:
  • Reafirmamos que antes de se apresentar para a entrevista de emprego é fundamental que o candidato estude a fundo os requisitos exigidos pela vaga, pois somente com estas informações que o mesmo poderá se preparar de forma adequada para as perguntas que podem surgir.
  • Se você estiver interessado em trabalhar em casa, através da internet, publicamos recentemente uma lista com 10 empresas que contratam para trabalhar online, não deixe de conferir.

Como Responder A Pergunta Porque Devemos Contrata-lo?

O Oportunidades Profissionais te deseja muita sorte nas suas próximas entrevistas de emprego e sugere que você leia os demais textos do site para absorver mais dicas e garantir uma efetivação no mercado. Estamos abertos a responder todas as suas dúvidas sobre o artigo, nos comentários abaixo!

Porque devemos te contratar: como responder

Existem perguntas comuns que os entrevistadores fazem, “porque devo te contratar” é uma delas. Por isso, você pode se antecipar e ir preparado para sua entrevista de emprego.

Saiba como formular a sua resposta para essa pergunta e se sair melhor frente aos outros candidatos.

Recorrer ao anúncio de emprego

Antes de se apresentar para a entrevista de emprego é extremamente importante que você estude profundamente os requisitos exigidos pela vaga. Somente desta forma você pode se preparar de forma adequada para as perguntas que podem surgir.

Procure sempre valorizar os pontos onde você possui mais experiência. Construa o seu discurso em função daquilo que for mais importante para a vaga. O objetivo é mostrar que você é o candidato ideal para aquela oportunidade.

Recorrer ao currículo

Lembre-se de que o entrevistador estará usando o seu currículo como roteiro para entrevista. Portanto é esperado que você saiba falar a respeito de tudo que estiver neste documento.

Tome o cuidado de enviar uma versão atualizada do seu currículo. Lembre-se de colocar informações que você saiba falar a respeito. Estude bem o seu currículo antes de se apresentar para a entrevista.

Exemplos de respostas usando a comparação com a peça de um “quebra-cabeças”

Como se fossem peças de um quebra-cabeças, você deve estudar os requisitos da vaga que constam no anúncio. Isto a fim de avaliar onde as habilidades e competências do seu currículo se encaixam no perfil. Desta forma, você pode dar respostas, como os exemplos abaixo:

Eu acredito que a minha experiência se encaixa perfeitamente com o que a sua empresa está procurando. Digo isso porque eu possuo ótimas habilidades de comunicação com diferentes tipos de pessoas.

Por exemplo, quando eu trabalhei numa fundação como auxiliar administrativo, nosso departamento organizou um levantamento estatístico nacional e durante seis meses.

Até o fechamento da pesquisa eu trabalhei como ponto focal do projeto.

Estou seguro de que a minha experiência como Vendedor se encaixa adequadamente com o que vocês procuram. Afirmo isso em função dos últimos anos em que estive trabalhando na empresa ABC. Apesar do período de crise que o país atravessou, fui capaz de manter o nível das vendas, sempre com uma pequena margem de crescimento em relação ao ano anterior.

Tenho certeza de que a minha experiência com atendimento Home Care a pacientes críticos se encaixa de forma adequada com as necessidades da vaga. Durante os quatro anos em que trabalhei como Fisioterapeuta para a Clínica ABC, fiquei conhecido por ser capaz de firmar uma boa conexão com pacientes com incapacidade de comunicação.

Exemplos de respostas usando a comparação com uma “pedra preciosa”

Do mesmo jeito que uma pedra preciosa possui valor pela raridade, mostre que possui alguma habilidade ou competência única. Isto pode fazer toda a diferença para a empresa.

Veja abaixo exemplos de resposta onde a pessoa coloca o seu foco no que a torna única e singular.

Eu penso que a minha paixão por pessoas junto com a minha habilidade de prestar suporte técnico, são essenciais para esta posição.

No meu último trabalho eu era responsável pelo suporte técnico do nosso departamento, por causa disso eu acabei por estudar mais sobre o assunto meu tempo livre.

Fiz uma formação online para que eu me tornasse capaz de atender a demanda crescente de forma satisfatória. No final, acabei por receber um feedback muito positivo dos gestores do meu departamento.

Entendo que meu interesse por aprofundar meus conhecimentos em Excel podem fazer uma grande diferença. Durante o último ano fiz dois cursos de Excel Avançado por conta própria. A aplicação direta do conhecimento adquirido trouxe grande impacto no setor de Contas a Pagar e Receber da empresa, diminuindo erros e agilizando os processos.

Lembre-se que é muito importante estudar previamente os requisitos da vaga. Isso fará toda a diferença na hora de formular uma resposta. Quando esta pergunta surgir, lembre-se das nossas duas comparações: quebra-cabeças e pedra preciosa.

Muito sucesso na sua carreira!

Veja também:

Сomo responder à pergunta “Por que devemos te contratar?”

Se um empregador te chamar para uma entrevista, isso significa que há algo de destaque no seu currículo. Aquilo que você enviou de forma escrita interessou-lhe, e foi por isso que ele entrou em contato.

Os entrevistadores querem ver se você consegue demonstrar aquilo que está no seu currículo e convencê-los de que você é a pessoa certa para aquela vaga. Mas você não é a única pessoa que foi chamada para uma entrevista.

Há também outras pessoas que enviaram seus currículos e despertaram o interesse dos recrutadores.

Muitas vezes, é comum que recrutadores perguntem aos candidatos a questão “Por que devemos te contratar?”.

Essa pergunta costuma ser encarada com receio por muitos profissionais, pois eles têm medo de respondê-la sem parecerem presunçosos. Ao mesmo tempo, saber vender sua imagem é algo muito importante.

Neste artigo, abordaremos essa tão temida pergunta e te daremos algumas dicas e exemplos para se sair bem na entrevista.

Uma pergunta muito comum nas entrevistas é: “Por que devemos te contratar?”.

Você precisa antes de mais nada criar sua “proposta única de venda” (USP, na sigla em inglês), um termo que as empresas usam para mostrar o destaque que elas têm em relação aos concorrentes.

Em suma, é um diferencial de uma empresa em relação às outras do mesmo ramo. E você fará a mesma coisa ao vender sua imagem para o recrutador: mostrará que é um diferencial diante dos outros concorrentes.

A pergunta “por que devemos te contratar?” pode ser feita de várias maneiras diferentes:

  • Por que você é uma boa escolha para essa vaga?
  • Por que você é o melhor para essa função?
  • O que te faz único(a)?

Antes da entrevista, certifique-se de que você tem uma resposta pronta para a pergunta. Isso é algo decisivo. Não é raro que, ao participar da entrevista, a maioria dos candidatos não tenha uma resposta preparada.

Às vezes, isso pode ser uma questão de excesso de confiança ou simplesmente falta de experiência.

Se você se preparar e montar uma estratégia antes da entrevista, já terá uma resposta relacionada àquela vaga e que representará um destaque em relação a seus concorrentes.

A pergunta “Por que devemos te contratar?” não é algo negativo. Com ela, você tem a oportunidade de mostrar seu valor para a empresa.

Ou seja, é esse o momento de expor suas habilidades e se destacar em relação aos outros candidatos.

Antes de mais nada, entretanto, é necessário realizar uma pesquisa extensa sobre a empresa, seus valores, o departamento e a vaga. Anote algo que procuram e que, na sua opinião, a maioria dos candidatos não tem.

Você também pode juntar a isso outras habilidades que possui e que podem contribuir para a empresa, mesmo que não estejam intimamente ligadas com a vaga em si.

É sabido que muito raramente há algum candidato que cumpre todos os requisitos. Por isso, é preciso olhar também os pontos que a empresa considera desejáveis e compará-los com os que você possui.

Isso pode representar uma vantagem em relação aos outros candidatos.

Leia também:  Como Me Afastar De Alguém Que Amo?

A seguir, apresentamos algumas dicas importantes para preparar sua resposta à pergunta “Por que devemos te contratar?”.

Faça uma pesquisa extensa sobre a empresa. Descubra quais são as metas, missões e desafios atuais que ela está enfrentando. Leia com atenção a oferta de emprego e reflita: quais são as principais qualificações e contribuições que a empresa está procurando? Em qual dessas áreas o seu perfil se destaca?

Mais importante do que decorar um discurso é entendê-lo. Você deve se sentir confortável para destacar os pontos fortes que demonstram o motivo de você ser uma escolha excelente para a vaga.

É importante trazer exemplos que justifiquem isso. Mantenha os destaques e exemplos curtos e concisos. Evite fugir do tópico central e seja claro ao se expressar.

Se você conseguir se articular bem, o entrevistador terá uma boa impressão.

Não é necessário destacar todas as suas habilidades e experiências em seu currículo. Foque naquilo que representa um destaque em relação aos outros, algo que responda pontualmente e de forma clara à empresa por que você deveria ser contratado. Esse breve resumo deve durar em torno de um minuto, dependendo das experiências e habilidades que você possui.

Assim que estiver contente com os tópicos e exemplos, pratique o máximo possível. Como dito anteriormente, não é necessário decorar sua fala.

Isso pode acabar gerando mais ansiedade e contribuir com ainda mais pressão durante a entrevista. Uma ótima forma de treinar é falando em voz alta e até mesmo gravando aquilo que for falar.

Assim, você ou alguma pessoa de sua confiança pode dar um parecer sobre o impacto e a transparência que você transmite ao se expressar.

Repita o processo até se sentir confortável ao falar sobre sua experiência para outra pessoa. A resposta ideal deve exibir de forma efetiva as suas qualificações individuais.

É essencial passar uma mensagem de confiança e entusiasmo ao responder. Experiência e qualificações são muito importantes, mas é a atitude certa que colocará você acima dos candidatos com qualificações parecidas com a sua.

Os empregadores procuram pessoas confiantes e francas, pois é esse o tipo de pessoa que pode trazer mudanças. É importante expor aquilo que te faz único, mas sem soar arrogante. Às vezes, pode pensar que está apenas sendo confiante, mas na verdade está passando uma impressão diferente. É indispensável saber se comunicar.

Digamos que você não tenha habilidades ou qualificações específicas que te destaquem dos outros candidatos. Isso não significa necessariamente que a vaga não será sua. É aqui que se faz necessário concentrar-se em um fator decisivo para muitas empresas: sua paixão.

Para além das qualificações técnicas, as empresas procuram pessoas que amam o que fazem e estão prontas para aprender coisas novas. Diga aos entrevistadores as habilidades e qualificações que você tem para aquela vaga. Mencione também a sua paixão pelo trabalho e especialmente pela vaga.

A maioria dos candidatos fala apenas que é apaixonado pelo trabalho. Isso não basta. É preciso dar detalhes concretos dessa paixão e até mesmo contar como ela se desenvolveu. Aqui, exemplos são uma ferramenta essencial, e eles podem vir acompanhados de números.

Por exemplo: digamos que, ao trabalhar em uma empresa, você tenha aumentado a o número de seguidores das páginas da empresa nas redes sociais. Na entrevista, ao falar dessa experiência, diga o valor em números. Informe não apenas aumentou a audiência da empresa, mas que aumentou em 100 mil o número de seguidores das páginas., por exemplo. Isso garante credibilidade ao que está falando.

Agora, olharemos para alguns exemplos de como responder à pergunta “Por que devemos te contratar?”.

“O motivo de eu ter me candidatado a esta vaga é que as qualificações necessárias são exatamente meus pontos fortes. Sou bom em gerir diferentes tarefas e muito atento a detalhes, além de organizar meu tempo de maneira muito eficiente.

Sim, é verdade que várias pessoas têm essas qualidades, mas, na sua posição, eu me contrataria por conta da minha paixão por este ramo e por minha personalidade otimista. Minha educação, formação e pontos fortes demonstram que eu sou capaz de realizar esse trabalho.

Gostaria de promover um impacto maior do que apenas fazer meu trabalho. Gostaria muito de contribuir para esta empresa.”

“Quando li a oferta de emprego, notei que estavam procurando explicitamente por alguém com experiência na administração de projetos.

Como consta no meu currículo, tenho mais de 10 anos de experiência como gerente de projetos.

O meu diferencial em relação aos outros candidatos e que me torna uma contribuição valiosa à sua equipe é minha habilidade de combinar o gerenciamento de projetos com as relações pessoais.

Eu valorizo muito relacionamentos duradouros, e procuro sempre construir laços com todos: desenvolvedores, equipe de vendas e administradores sênior. Gosto de interagir com os clientes e sei que um cliente feliz é um cliente que voltará a utilizar nossos serviços. A minha paixão por este ramo e pelo trabalho me motivam a dar 100% de mim todos os dias.”

“O meu perfil e minha experiência estão ligados à tecnologia. Sei que minha habilidade de gerenciar conteúdos, atualizar sites e mídias sociais tornam-me capacitado para a vaga.

Na minha última função, eu era responsável pela manutenção do site do nosso departamento.

Isso demandava atualizações dos nossos produtos, serviços e dos nossos perfis nas redes sociais, além de postar informações sobre novos eventos.

Para mim, é um prazer trabalhar com isso. Também uso meu tempo livre para aprender novas linguagens de programação. Utilizo esses conhecimentos para atualizar nossa página, que é algo que considero muito valioso. Adoraria trazer minhas habilidades e minha paixão pelo aprendizado de novas tecnologias para contribuir a partir dessa vaga.”

Por que devo te contratar? Conheça as 8 melhores respostas! AQUI!

Muitos consideram “por que devo te contratar?” uma das perguntas para uma entrevista de emprego mais temíveis, isso porque não existe uma resposta certa ou errada. A questão aqui é estratégia e existem muitas formas de responder e ganhar muitos pontos em busca da vaga que está sendo disputada. 

Confira agora 8 formas de responder o “por que devo te contratar”:

1 – Use a divulgação

  • Como você chegou ao processo de recrutamento e seleção?
  • Se foi a partir de uma divulgação em uma rede social, por exemplo, estude bem o texto que foi divulgado.
  • Se ele pede “alguém que goste de desafios”, você já tem a sua resposta.
  • Se o texto pede alguém que tenha empatia com os clientes, você já sabe o que precisa para ter sucesso em uma entrevista de emprego!

2 – Use o perfil do entrevistador

  1. A dica aqui é que o candidato use toda a sensibilidade para fazer uma leitura do que o entrevistador está buscando nos candidatos.
  2. Quais são as habilidade e valores que a vaga requer?
  3. Se o candidato perceber o que está sendo buscado tem mais condições de elaborar a resposta perfeita.

3 – Use os seus conhecimentos sobre os produtos da empresa

Se você fez uma boa pesquisa sobre a empresa (e você deve sempre fazer isso antes de uma entrevista), sabe bem quais são os produtos que ela comercializa e sabe responder “por que devo te contratar”.Por isso, a frase “Eu sou fascinado por determinado produto e acho que tenho o conhecimento necessário para ser o melhor neste determinado cargo” pode ser uma resposta que animará o entrevistador.

4 – Use os seus conhecimentos sobre os valores da empresa

Quando você se depara com um “por que devo te contratar?” e se trata de uma empresa que preza, por exemplo, pelo respeito ao meio ambiente, você tem condições de formular uma excelente resposta. “Eu acredito que o respeito à natureza, como é praticado pela empresa, é o caminho mais correto para a sustentabilidade” é uma opção válida de resposta.

5 – Use as habilidades necessárias para o cargo

Já está claro que ter conhecimento é saber o que falar em uma entrevista. Então, se você conhece bem o cargo que está sendo disputado, sabe quais são as habilidades requeridas para esta vaga. Use-as nesta resposta! “O cargo requer alguém muito comunicativo e que saiba se deslocar bem pela cidade e eu tenho grande experiência nestes quesitos”.

6 – Use a vontade de aprender (mas não sozinha)

Você pode estar fazendo uma entrevista para uma área em que não tem uma experiência anterior.

Neste caso, mostre que você tem uma vontade enorme de aprender.

Contudo,  não deixe de mostrar que você estudou a empresa. “Eu vi que a empresa preza pelo consumo consciente e eu tenho enorme desejo de aprender mais sobre esta área”.

7 – Use a sua experiência

Por outro lado, se você já tem experiência no cargo que está em questão, a resposta é simples: “porque eu já realizei um trabalho similar e tive resultados excelentes”.

8 – Use a sua qualificação

Se você for altamente qualificado, use isso a seu favor quando for perguntado sobre “por que devo te contratar?”. “Porque sei que no mercado eu sou um dos mais qualificados”.

Boa sorte na entrevista e até a próxima!

Responda em poucas palavras: Por que deveríamos contratá-lo?

Por que deveríamos contratá-lo? Você já deve ter ouvido essa “pérola” dos selecionadores ao final de uma entrevista profissional. Geralmente é aquela última perguntinha capciosa antes de finalizar. Conversei com alguns amigos que já passaram por isso e todos partilham da mesma opinião, é perturbador.

Não que existam dúvidas sobre a nossa capacidade profissional, mas naquele momento temos a sensação de que precisamos falar algo brilhante, bastante convincente, que supere as respostas dos candidatos concorrentes.

Leia também:  O Que Se Pode Usar Como Lubrificante?

É uma situação delicada! Se você tentar mostrar mais do que realmente é, pode ficar feio. Acaba sendo perceptível quando a pessoa está querendo “aparecer”.

 Fala bonito, utiliza termos e expressões complexas pra deixar mais pomposo, porém não há firmeza no que se diz.

Então o que fazer?

Não sou psicólogo nem analista de recursos humanos.

Contudo, acredito que, quando o entrevistador faz uso dessa pergunta sua intenção não seja coletar informações para compará-lo com outros candidatos, e sim, avaliar se você sabe o que pode oferecer ao contratante e o seu diferencial em relação aos concorrentes. As informações que ele precisava para compará-lo estavam no currículo que leu antes de fazer o convite para o processo seletivo.

Você precisa conhecer seus pontos fortes e fracos, suas virtudes, habilidades, realizações e conquistas profissionais. Não somente conhecer, como valorizar aquilo que o diferencia das outras pessoas.

Pode parecer besteira, mas uma grande quantidade de pessoas não sabem dizer quais são suas principais características que as diferem dos demais. Nessas horas nos apoiamos apenas nas experiências vividas e nos cursos feitos. Eu trabalhei na empresa tal, lá eu fiz isso e aquilo, tenho curso disso e daquilo e é isso!

  • Sim, tudo isso compõe nossa formação profissional e deve ser levado em consideração, mas estou chamando sua atenção para algo mais importante, algo que realmente o torna especial.
  • Se eu te perguntasse quanto você vale no mercado em que atua, saberia me responder imediatamente?
  • Veja bem, não estou falando da média salarial da categoria divulgada anualmente pelos institutos de pesquisa e empresas de recursos humanos, e sim do SEU verdadeiro valor.

Entenda! Um quilograma de ouro bruto tem um valor de mercado fixado que pode variar para mais ou para menos, entretanto, uma peça de ouro trabalhada, raríssima, feita do mesmo ouro bruto que se compra por aí, certamente terá um valor diferenciado.

Compreende o que quero dizer? Que tipo de ouro você é no mercado de trabalho? Bruto? Trabalhado? Um ouro de média qualidade? Um anel comum, igual aos que vemos nas lojas por aí? Ou será uma moeda de ouro valiosíssima do tempo do Brasil Império, colônia de Portugal, que não se acha mais tão facilmente por aí?

Tive a felicidade de ver um vídeo (clique aqui para assistir) onde o consultor de empresas Waldez Ludwig explicava que os profissionais são remunerados por sua raridade, e não por sua importância. Foi um divisor de águas! Naquele dia recebi um choque de 220v e acordei.

Durante muitos anos caminhei e me preparei profissionalmente para fazer simplesmente e apenas o que todo mundo fazia. É verdade! Quero ser bom nisso, nisso e nisso, exatamente como fulano, beltrano e ciclano são. Por favor, novamente entenda.

Não estou dizendo que desejar ser bom como alguém é seja um problema, alias, eu acredito que esse foi um bom começo pra mim, mas quando entendi que ser apenas mais um bom profissional no mercado não iria garantir minha vaga de emprego, tão pouco uma boa remuneração, uma vez que as empresas estão em busca de pessoas que tenham um diferencial, tirei uma conclusão: Preciso descobrir o meu diferencial e aprender como usá-lo para agregar valor ao meu trabalho.

Desde então uma inquietação tomou conta de mim. Sondei minhas habilidades e descobri algumas específicas que poderiam me projetar profissionalmente.

É bem verdade que determinadas coisas ainda precisam ser trabalhadas, amadurecidas. Ainda não cheguei onde desejo.

Me vejo com um luminoso informando o status – “em processo de transformação” – mas já estou caminhando para os objetivos que tracei.

Palavras-chave como criatividade, resiliência, eloqüência, visão, determinação, inteligência emocional, empreendedorismo, estão entre as principais características dos jovens profissionais que se destacam em suas áreas de atuação.

Conheço algumas pessoas nos âmbitos acadêmico e profissional que vivem se queixando da vida. Uns reclamam do salário que ganham, outros de nunca serem chamados para entrevistas das quais se candidatam, mas a verdade é que todos eles têm alguns comportamentos em comum que não os ajudam na valorização de sua contratação. Veja:

  • Não gostam de se atualizar, acham perda de tempo buscar aperfeiçoamento;
  • Não demonstram criativade e interesse para propor melhorias por achar que  ganham pouco;
  • Estão sempre mal-humorados e reclamando de tudo;
  • Sempre que se desligam de uma empresa, saem falando mal;
  • Não zelam por sua aparência, roupas, barba, cabelos, enfim…
  • Não conseguem manter o equilíbrio emocional diante de uma situação adversa;
  • São os “senhores” da verdade, sua forma de ver as coisas está acima de tudo;
  • Não sabem dizer “eu não conheço esse assunto”, “poderia me explicar para eu tentar”, falta humildade;
  • Acham que são sempre mais do que realmente são, e estão ganhando pouco;
  • Não controlam os palavrões e gírias no ambiente profissional;
  • São negativos e pessimistas. Sempre que aparece um novo desafio dizem: “não é querer falar, mas minha experiência diz que isso não vai dar certo!”
  • Não têm prazer em ajudar, compartilhar conhecimentos;

Se você conseguiu enxergar alguma dessas atitudes em você, entenda que minha intenção não foi definir um estereótipo. Apenas relatei algumas características que percebo nas pessoas que não se movem para fazer um futuro diferente, melhor para si mesmas. Nenhum de nós está livre de cometer, em parte ou na totalidade, os mesmos erros em algum momento ou fase ruim de nossas vidas.

O importante é reconhecer onde temos falhado para conseguir evoluir. Por fim, como o grande livro da sabedoria, a bíblia, nos ensina em 1 Tessalonicenses 5:21, “Examinai todas as coisas; retenha o que é bom”.

Descubra o que diferencia você das outras pessoas e invista nisso. Seja seu maior e melhor produto, cartão de visitas e funcionário. Não seja simplesmente mais um no imenso oceano de profissionais em busca de uma oportunidade.

Já se perguntou por quais motivos existem tantas vagas de emprego em aberto e tantos profissionais ainda desempregados? Um paradoxo não?

Foque naquilo que acredita.

Prossiga, seja persistente, faça sua networking com pessoas da área, busque o conselho dos melhores, atualize-se constantemente, ignore os comentários dos fracassados e pessimistas que aparecerem no seu caminho, seja sensível ao mercado e as oportunidades da sua área de atuação, suba degrau por degrau, não queime etapas, seja humilde para reconhecer quando não souber alguma coisa e determinado para aprende-la.

Depois de tudo isso, se te fizerem a danada daquela pergunta novamente (Por que deveríamos contratá-lo?), certamente você saberá como apresentar o seu diferencial mostrando o valor que tem.

Sucesso para todos!

Responda em poucas palavras: Por que deveríamos contratá-lo? was last modified: fevereiro 6th, 2018 by Leonardo Corrêa

Saiba como responder: "Por que devemos te contratar?" – JUMPER!

Não são todos os candidatos que sabem responder à seguinte pergunta em uma entrevista de emprego: “Por que devemos te contratar?”. ???? Afinal, é muito comum que, durante essa situação, o recrutador questione você a respeito do assunto.

Isso acontece devido ao fato de a maioria dos candidatos não conseguir manter-se calmos para elaborar uma resposta clara e objetiva de modo a se destacar dos demais concorrentes.

Se você também se sente aflito diante de uma situação como essa, vamos ensinar o que responder quando ouvir a pergunta “Por que devemos te contratar?”. Confira! ????

Tenha autoconhecimento

Ter autoconhecimento é concentrar esforços para compreender melhor a si mesmo. Uma vez que há compreensão profunda de quem você é, fica possível investir em suas potencialidades e habilidades, assim como em pontos que devem ser aprimorados ao longo do tempo.

Pesquise sobre a vaga

Pesquisar sobre a empresa e ler com muita atenção o anúncio da vaga revela quais são os requisitos pedidos. Logo, é possível citá-los na entrevista. O empregador costuma descrever já nesse anúncio tudo aquilo que você precista ter para preencher a vaga.

Estude seu currículo

É bom lembrar que o recrutador vai usar seu currículo como roteiro para a entrevista. Assim, é esperado que você saiba falar bem claramente o que estiver descrito nesse documento. Não esqueça que “mentira tem pernas curtas” ????, portanto não cite nada que não seja verdade — você pode cair em contradição a qualquer momento!

Mostre interesse pela vaga

Realmente, se há interesse pela vaga, é importante mostrar que deseja conquistá-la. Explique por que cargo é importante para você, discorrendo sobre as motivações que levaram a se inscrever nessa vaga, além de ter a qualificação profissional ideal para trabalhar na empresa.

Valorize suas habilidades

Outra dica preciosa para responder à pergunta “Por que devemos te contratar?” é saber valorizar suas habilidades e competências. Afinal, o empregador deve entender que você é o candidato ideal para ocupar a vaga.

Assim sendo, fale sobre flexibilidade, criatividade, proatividade, pontualidade, lealdade, entusiasmo, entre outras qualidades imprescindíveis no mercado de trabalho. ????

Seja autêntico

Como já dissemos acima, não convém citar inverdades, seja na entrevista ou no currículo, pois o recrutador logo descobrirá sobre sua vida profissional. Então, fale exatamente sobre sua trajetória na área em que atua, e sempre com muita segurança e objetividade. Seja verdadeiro e autêntico!

Evite falar de problemas pessoais

Ao fazer a entrevista, o recrutador pretende avaliar se você sabe se autopromover e vai trazer benefícios para a empresa. Logo, não se justifique dizendo que necessita da vaga por conta de dívidas atrasadas, exigência dos pais etc. ???? Lembre-se de que expor problemas pessoais não vai agregar valor algum ao seu crescimento profissional.

Como vimos ao longo do post, saber responder à pergunta”Por que devemos te contratar” é um passo essencial para conquistar a vaga dos sonhos. Portanto, seja claro, objetivo e autêntico, e mostre que você está habilitado para ocupar o cargo a qualquer momento! ????

Quer saber quais são as profissões do futuro? Então veja o que preparamos para você!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*