Como Obter O Que Se Deseja?

Sonhos, desejos, anseios. Eles representam algo em nossa vida. E você sabe pedir aquilo que deseja? Saiba que as palavras têm um poder incrível neste resultado.

Como já diz uma velha e tradicional frase: “acontece aquilo que você vibra”.

E aí, o que você está vibrando?

É fundamental saber administrar de forma positiva os nossos pensamentos, bem como os sentimentos e ações.

De acordo com a Programação Neurolinguística existem duas formas para conseguir aquilo que deseja. Uma é através da imagem e a outra é através da linguagem que se escuta.

A palavra Não, por exemplo, carrega consigo uma grande carga negativa. Ela lembra coisas não concretizadas ou evitadas. Saber utilizar de forma correta palavras como “Não”, “Nunca”, “Não posso” é o primeiro passo.

Como Obter O Que Se Deseja?

Umit Bulut/Unsplash

Neste sentido, uma frase muito comum é: “eu nunca vou conseguir, já tentei tantas vezes e nunca dá certo”. Evite usar esta frase embora ela lhe pareça ser a melhor para usar neste momento, mas saiba que ela representa negatividade que quando incorporada a nossa consciência pode nos atrapalhar em muitas coisas, inclusive em decisões finais.

Imagine e faça acontecer

Uma frase de Bob Proctor carrega um grande significado: “O que você vê na sua mente é o que vai ter na mão”. Impactante não? Pensou, imaginou, já é pedir.

Acredite no poder que suas palavras e pensamentos têm. E depois esteja preparado para receber de coração aberto aquilo que você pediu. Às vezes criamos situações em nossa mente, na maioria das vezes negativas, que depois se concretizam. Ainda perguntamos por que tais situações ocorreram, mas é só lembrar-se do que você mesmo criou.

Como Obter O Que Se Deseja?

Booke Cagle/unsplash

Em vez de pensamentos negativos, abra a sua mente para as coisas boas. E não só a mente, mas o seu coração. Impossível algo se concretizar quando a mente está fechada, o coração amargurado e a pessoa negativa. Pedidos feitos assim dificilmente se concretizam. Pedir é solicitar com o coração aberto, sem prejudicar os outros.

Lei da atração

São três as palavras mágicas desta Lei: pensar, sentir, agir. Pense com a mente aberta, sinta com toda vontade e, por fim, faça acontecer, ou seja, aja. Somente pensar e sentir não são o suficiente. Agir significa 50% desta lei que dá certo quando você se deixa permitir e as coisas começam a fluir.

Você também pode gostar

Em alguns momentos andamos na contramão, ficamos invisíveis às coisas visíveis, parece que o mundo se fechou, quando na verdade você se fechou para a vida, e para as oportunidades. Batalhar por aquilo que se quer, significa estar disposto a qualquer coisa, independente do resultado.

Muitas vezes queremos apenas o que o eu egoísta quer, nestas situações o que se quer às vezes não se concretiza, não por falta da ação da Lei da Atração, mas por falta de ação que parte do coração, que permite que as coisas vibrarem e queiram o bem.

7 palavras que o vão ajudar a conseguir o que quer

Como Obter O Que Se Deseja? Flávia NevesProfessora de Português

Conseguir o que queremos depende muitas vezes apenas de nós próprios, é verdade. Mas em diversas situações depende também da ação e da ajuda dos outros. Como podemos, então, influenciar um processo que não está inteiramente em nossas mãos? Como poderá o nosso discurso influenciar esse processo?

Temos, primeiramente, que entender que as outras pessoas são mais propensas a ajudar pessoas que lhes tratam com educação e respeito, que são honestas e verdadeiras, que apresentam comportamentos saudáveis.

Através da forma como comunicamos, as pessoas formam suas ideias sobre nós. Quem apresenta um discurso positivo, é visto como uma pessoa positiva. Quem transmite um discurso negativo, é visto como uma pessoa negativa.

Que palavras devemos, então, privilegiar para estabelecer uma comunicação promissora e vantajosa?

1. Bom dia

Bom dia!, Boa tarde!, Boa noite!, Oi!, Olá!, Tudo bem?, Fala!,… são palavras e expressões usadas como cumprimento. Podem atuar como forma introdutória de uma conversa que se prolongará ou ser apenas um cumprimento solto dirigido a uma pessoa com quem nos cruzamos na rua, na portaria, nos corredores da empresa.

O uso dessas formas de cumprimento deixa transparecer que somos uma pessoa comunicativa e educada, atenta a quem está à nossa volta. Regra geral, as pessoas prestam mais atenção a quem também lhes presta atenção e são mais educadas com quem também lhes demonstra educação, estando mais propensas a ajudar essas pessoas.

2. Por favor

Se vamos pedir um favor, solicitar uma ajuda, requisitar algo,… é imperativo que esse pedido seja feito da forma mais educada possível, preferencialmente acompanhado de um sorriso e de uma atitude reverente. As pessoas respondem mais favoravelmente quando são tratadas com educação e respeito.

Em português, por favor é a forma mais usada para expressar cortesia e delicadeza numa solicitação. Apesar disso, há outras:

  • se faz favor;
  • por gentileza;
  • por obséquio;
  • por delicadeza;
  • por cortesia;
  • por amabilidade;

3. Obrigado

O uso da palavra obrigado e de outras, como agradecido e grato, é essencial para transmitirmos que reconhecemos o tempo que a outra pessoa nos dedicou ou o favor que nos prestou. Com esse reconhecimento fica implícito que nos importamos com a ação da outra pessoa e que estamos gratos por isso. Esse comportamento fará com que a outra pessoa seja mais propensa a ajudar novamente.

É importante, também, elogiar quando algo é feito de forma empenhada e com sucesso, bem como incentivar e compreender quando o favor prestado não decorreu conforme o planejado.

4. Porque

Através do uso da palavra porque é possível indicar o motivo, a causa, a finalidade das nossas intenções e solicitações, bem como fornecer uma explicação. Com essa indicação, as outras pessoas reagirão mais favoravelmente ao nosso pedido porque entenderão os nossos motivos e se sentirão envolvidas no processo.

Outras palavras poderão ser usadas para indicar nossos motivos e propósitos:

  • pois;
  • dado que;
  • visto que;
  • uma vez que;
  • para que;
  • a fim de que;
  • por causa de;
  • já que;

5. Nós

Para que outras pessoas se identifiquem com os nossos propósitos e contribuam para a concretização dos nossos objetivos, é importante que o foco seja retirado do eu e passe a incidir no você e no nós, gerando um envolvimento da outra parte.

Se aquilo que pretendemos for positivo também para os outros, será mais facilmente concretizável porque criará uma oportunidade mútua.

6. Realizarei

Realizarei, bem como farei, concretizarei, efetuarei, executarei, empreenderei,… são palavras que transmitem ação e compromisso, deixando transparecer iniciativa, produção, empenho, foco e determinação.

O ato de nos comprometermos em fazer alguma coisa e de cumprirmos com essa promessa, torna-nos uma pessoa empreendedora e de confiança. Transmite que as outras pessoas podem contar conosco nos diversos momentos e que a nossa palavra é valiosa.

7. Aceito

Aceitar, ouvir, acolher, concordar, admitir, entender,… são palavras que transmitem abertura a sugestões, a novidades e à aprendizagem, sendo esses fatores de crescimento e evolução.

Indicam que somos uma pessoa versátil e adaptável, disposta a mudar conforme interações com os outros, que se sentem valorizados ao terem suas opiniões e sugestões validadas.

A contribuição de outros fatores

Além das palavras acima mencionadas, existem diversas atitudes e comportamentos que contribuem de forma decisiva para o nosso sucesso e para a conquista dos nossos sonhos e objetivos:

  • Mantermos uma atitude positiva face aos acontecimentos, esperando sempre que aconteçam coisas favoráveis e que as pessoas sejam maioritariamente boas.
  • Sermos sinceros e verdadeiros relativamente às nossas intenções, às nossas capacidades e aos nossos defeitos, nunca pretendendo enganar os outros.
  • Apresentarmos um discurso positivo e agradável, bem como um comportamento animado e empenhado, sendo uma pessoa bem-humorada.

Como Obter O Que Se Deseja?

Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Todos nós temos objetivos e desejos, mas as nossas atitudes acabam afetando os resultados em nossa vida. Por isso, o seu primeiro passo em direção ao sucesso começa com uma atitude mental positiva.

O trabalho duro é uma maneira de como alcançar objetivos. Não há nenhuma pessoa famosa ou indivíduo único na história que alcançou seus objetivos na vida sem trabalhar em cima deles com afinco e muito suor.

Seja trabalhando mais do que ninguém, estudando mais do que ninguém, ou até mesmo sofrendo mais do que todo mundo, você precisa entender a importância de trabalhar em direção ao seu objetivo final, sem isso, não tem como ter objetivos na vida que sejam alcançáveis de verdade.

Para começar o trabalho duro, você pode fixar a sua programação, anotar as tarefas e funções do dia e encontrar as pessoas e os recursos certos para ajudá-lo. Veja como como alcançar objetivos.

6 atitudes fundamentais para alcançar seus objetivos from Agendor

6 maneiras de como alcançar objetivos e metas

Às vezes você se pega perguntando: – Como alcançar meus objetivos na vida?

Tenha em mente que você tem que ser tão independente quanto possível para atingir suas metas de longo prazo.

Aqui estão as atitudes que irão ajudá-lo a alcançar seus objetivos e a vencer o trabalho duro quando eles baterem à sua porta. Confira nossas dicas de como alcançar o sucesso.

#1. Disciplina e consciência

A disciplina é o que separa os líderes dos seguidores. Se você realmente quer fazer mudanças na sua vida, alcançando os objetivos, você tem que fazer as coisas, muitas vezes até mesmo aquelas que não quer.

  • Além disso, precisa manter uma excelente qualidade e um ótimo desempenho nisso.
  • Você precisa ser disciplinado e coerente, e isso precisa ser entrelaçado com  paciência, para que você continue com seu bom desempenho, independentemente de situações e obstáculos.
  • Somente assim você vai alcançar os resultados que quer e/ou precisa alcançar no final da sua jornada.
  • A disciplina e a consciência também são inter-relacionados no sentido de que a disciplina gera consciência.
  • Se você continuar a praticar bons hábitos e aderir às funções que levam ao seu objetivo principal, você vai encontrá-lo de maneira mais fácil ao longo do tempo.
  • Você vai mudar como pessoa e ainda vai vivenciar as oportunidades que irão aparecer ao se tornar uma pessoa mais dedicada e focada em como alcançar objetivos.
  • Veja também: Como estipular metas de vendas ambiciosas
Leia também:  Como Saber Quem Viu O Meu Instagram?

#2. Resiliência

Os problemas são uma parte da vida das pessoas, mas é a pessoa resiliente que sempre prevalece e alcança seus objetivos.

Você precisa aprender com seus erros passados e convertê-los em ações mais produtivas na próxima vez que tentar. Aprenda a se levantar após cada queda e coloque um esforço duplo para se tornar uma pessoa melhor.

Algumas das pessoas mais bem sucedidas, bem como aquelas que deixaram uma marca na história, são reconhecidas por terem enfrentado grandes dificuldades e ressentimentos antes de se preocuparem com os outros e encontrarem sua própria maneira de fazer as coisas.

Como Obter O Que Se Deseja?

Você é forte o suficiente para continuar seguindo em frente quando tudo mais estiver puxando você pra baixo?

#3. Otimismo

Você precisa se manter otimista sobre a sua vida, independentemente dos problemas que você enfrenta. Acredite que está alcançando os objetivos.

É vital que você se mantenha otimista e sempre acredite que irá alcançar os seus objetivos, independentemente dos percalços no meio do caminho.

Se você diz a si mesmo que vai conseguir atingir seus objetivos, suas chances de atingi-los serão muito maiores.

Ser otimista é uma excelente forma de como alcançar objetivos. Isso pode ajudar a acreditar nos poderes da lei universal da atração que atrai oportunidades para você do jeito que você pensa, e na intensidade em que deseja.

Só assim será possível encontra uma maneira de como atingir seus objetivos.

Saiba mais: 4 dicas para alinhar a força de vendas com os objetivos estratégicos da empresa

#4. Paciência

Alguns objetivos são muito grandes e você vai precisar de um tempo para conseguir realizá-los.

Por isso, não pense que as suas metas são grandes demais, ou que você não dá conta de suas tarefas.

Seja específico e defina metas que são alcançáveis à sua situação atual e comece a trabalhar para alcançá-las. Você pode dividi-las em tarefas menores, que são muito mais eficazes e vão ajudá-lo a fazer tudo dentro do prazo que você determinou.

#5. Identifique um desejo ardente de sucesso

Você tem uma paixão e sonha ser bem sucedido em que? Identifique de onde vem o seu desejo de sucesso e aprenda como alcançar objetivos.

Ele pode ser:

  • Superar todos os medos que prendem você.
  • Desenvolver um novo produto ou serviço em sua empresa.
  • Construir melhores relações pessoais.
  • Aprimorar o desempenho nos esportes ou negócios.
  • Aumentar as vendas.
  • Ter mais desenvoltura.
  • Escrever melhor. Ou escrever um livro.
  • Ser mais confiante.

Você precisa, inicialmente, descobrir qual é o seu desejo de ser bem sucedido, de onde e para que ele vem. Em seguida, você deve operar sobre ele, e fazer valer a sua força de vontade.

Como Obter O Que Se Deseja?

Se você não desejar o sucesso, certamente não vai alcançá-lo.

Confira: Objetivo do endomarketing: alcançar as metas do negócio

#6. Comunique confiança

Para alcançar o sucesso e saber como alcançar seu objetivo, você precisa se comunicar com atitude confiante, da seguinte maneira:

  • Para você mesmo: você é uma pessoa positiva e confiante ou é negativa e insegura em si mesmo?
  • Para os outros: a sua postura, aperto de mão, contato visual e maneira de se vestir e se expressar demonstram confiança? Você está concentrado em ser um bom ouvinte para as pessoas ao seu redor?
  • No telefone: Será que seu tom de voz ou sorriso ao telefone transmitem uma crença em si mesmo e no que você faz?
  • Comunicação: Será que seus cartões de visita, website e todos os materiais transmitem confiança em seu negócio?

Enxergue-se alcançando os objetivos!

Você está pronto para percorrer o caminho e descobrir como alcançar seu objetivo?

O caminho até a realização não é fácil. E se ele parece difícil para você, quando der o primeiro passo, vai ver que ele é muito mais difícil do que parece.

Mas, se você não começar hoje, não vai começar nunca. É importante estar preparado eter uma postura confiável e otimista para conseguir alcançar todos os seus objetivos de sucesso.

Se você juntar essas 6 atitudes, essas 6 dicas de como alcançar o sucesso, certamente vai conseguir alcançar os seus objetivos e ser bem sucedido no que quiser.

Tudo que você precisa é ter certeza de que está fazendo a coisa certa e não desistir, mesmo que tudo pareça estar atrapalhando seus planos. Sim, você vai aprender como conseguir seus objetivos, de uma maneira ou de outra!

Mantenha o foco e o otimismo. Com eles você vai mais longe e estará, a cada passo, mais perto de seu propósito.

Agora que você já sabe como alcançar os objetivos, planeje-se de forma estratégica: Planejamento estratégico metas e objetivos: acerte na mosca!

3 Passos para você conseguir o que deseja

  • Como Obter O Que Se Deseja?Eu tenho certeza que você tem 3 grandes poderes e não está utilizando de maneira correta.
  • Nós seres humanos, por natureza, temos a mania de sempre imaginar primeiro algo dando errado, acreditando que essa é  uma forma de prever tudo o que pode acontecer.
  • Hoje eu vou  te ensinar  como criar no seu mundo mental tudo aquilo que deseja.
  • Muitas pessoas querem muitas coisas na vida, mas normalmente elas sonham em conseguir de uma forma mais fácil e quando não conseguem buscam outra alternativa, mas todas as vezes que buscam alguma coisa muito fácil geralmente com pouco esforço geralmente como resultado nem sempre é o que desejou.

Então, se você  quer que alguma coisa de fato aconteça no seu mundo real, você  precisa trocar o que você não quer pelo o que você quer. Tudo aquilo que você  quer no seu mundo real você  deve criar no seu mundo mental.

Para isso, a  primeira coisa que deve fazer é:  pense sobre aquilo que de fato quer realizar, em todos os detalhes, crie um pensamento sobre aquilo.

Este pensamento não precisa ser somente um pensamento. Ele precisa estar ligado a sentimentos.

Quando você faz esta ligação você  realmente movimenta o universo para que ele se manifeste e  atrai as coisas que deseja na sua vida.

A segunda coisa que precisa fazer é: visualize aquilo que quer realizar. Então,  você fecha os olhos e cria todas as sensações como se já estivesse vivendo aquilo.

Vamos imaginar que você quer o seu corpo magro. Então, feche os olhos e visualize  você  magra com aquela roupa que você sempre sonhou. Imagine exatamente como quer ficar. Assim estará criando na sua mente o mundo real que de fato  quer. Se você  quer estar magra com e colocar aquela roupa especial, primeiro você precisa criar isso na sua mente, para que isso se manifeste no mundo real.

E a terceira coisa a fazer é :Não  apenas pense e visualize, vá mais além. Desenhe o seu desejo, não importa se desenha ou não. O que importa é que você registre o seu desejo. Nada irá surgir na sua vida se você não criar primeiro no seu mundo mental.

Não esqueça de algo importante, tudo o que criar no seu mundo mental de negativo também irá  aparecer no seu mundo real. Quando pensar: eu não quero que aconteça tal coisa, eu não quero que aconteça  aquilo, pois é exatamente assim que vai acontecer.

  1. Na maioria das vezes focamos naquilo que não queremos, então , eu te convido a manter seu foco naquilo que você quer de fato.
  2. Abraço.
  3. Andrea Romão
  4. Coach de Emagrecimento

Como Obter Tudo que Você Quer na Vida

Baixe em PDF
Baixe em PDF

O que você quer da vida? Tem algum objetivo ou ambição ardente? Um bom emprego, aquele carrão, uma bela casa? É claro que não dá para ter tudo na vida, mas nada o impede de sonhar alto e ter muitas conquistas. Porém, é preciso ter um plano claro, agir e ter comprometimento, disciplina e propósito para chegar lá. Os seus sonhos não vão virar realidade só porque você deseja.

  1. 1

    Avalie os seus desejos. O primeiro passo é saber o que deseja conquistar. Aqui não se incluem apenas bens materiais, mas metas, realizações e sensações. Olhe para dentro e pergunte-se o que mais quer.[1]

    • Descubra o que deseja e o que é mais importante para você. Faça uma lista com as respostas que forem surgindo, sem analisá-las nesse momento.
    • Seja bastante específico ao expressar o que quer. “Eu quero ter muito dinheiro” é um começo, mas “Eu quero ter estabilidade financeira para me aposentar aos 50” é mais específico e melhor.
    • Os seus desejos são alcançáveis? Realistas? Têm a ver com você? As respostas devem ser afirmativas. Você pode até conseguir um bom emprego, mas é possível se aposentar tão cedo? Como faria isso?
  2. 2

    Concentre-se no que é mais importante e plausível. Vamos falar a verdade: você não vai ter tudo o que quer na vida. Carros, roupas, riqueza material, luxo – tudo isso consome muita energia e exige muito esforço. Foque no que é mais importante, direcionando a sua energia para uma coisa só.

    • Dê outra olhada na sua lista de desejos e avalie-a. O que aparece primeiro? O seu desejo de ter estabilidade financeira e de aposentar cedo é realmente o que você mais quer acima de tudo?
    • Veja o que é viável. Tem certeza de que consegue cumprir essa meta ou você está só antecipando uma derrota?
    • Seja realista e tenha a mente aberta. Não embarque na onda de um sonho muito ambicioso se você duvida que consiga chegar lá.
  3. 3

    Tenha uma meta de longo prazo. Dessa forma, é possível se concentrar nas suas ambições, ter um motivo maior e se conscientizar dos possíveis obstáculos. Por exemplo, onde e como você imagina a sua vida no futuro? Que estilo de vida quer ter? O que pretende fazer?[2]

    • Identifique um objetivo em longo prazo. Tente, mais uma vez, botar tudo no papel e ser bem específico. “Eu quero me aposentar aos 50 anos” não é tão específico e viável quanto “Eu não quero ter dívidas, quero quitar uma casa e poder me aposentar aos 50 com uma renda anual de pelo menos R$ 100.000”. A última frase estabelece um marco para o sucesso.
    • Faça uma lista dos caminhos para o sucesso com tudo o que imaginar. Como você vai chegar lá? Que tipo de emprego precisa? Quanto precisa economizar por ano?
  4. 4

    Formule um plano. Uma meta de longo prazo precisa de uma visão em longo prazo. É preciso ter uma ideia clara de como você quer ir do ponto A para o ponto B, tendo em mente que talvez seja necessário pegar rotas inesperadas, passando pelo ponto C e D. Você também precisa de um cronograma e de marcos temporais.

    • É uma boa dividir uma meta grande em passos menores. Dessa forma, o plano parece menos assustador e é mais fácil manter-se motivado ao cumprir metas pequenas e graduais.[3]
    • Mais uma vez, é preciso ser específico ao estipular prazos para a conquista dessas metas menores. Por exemplo, em vez de dizer apenas “me aposentar aos 50”, pense assim: “Aos 30, eu quero ter R$ 500.000 em investimentos estáveis. Aos 40, quero estar com 75% da minha meta financeira cumprida”. Ambicioso? Sim, mas concreto.
    • Você pode até dividir os passos em categorias menores, cada uma com o seu próprio plano. Por exemplo, como você pretende investir R$ 500.000 antes dos 30? É preciso economizar muito dinheiro, falar com especialistas e desenvolver um plano de investimentos. [4]
  1. 1

    Coloque o plano em ação. Agora é o momento certo para dar o primeiro passo. Coloque o plano em ação. Consulte pessoas que possam ajudá-lo, encontre recursos e comece a empreitada rumo ao seu objetivo em longo prazo. Tudo depende de você.

    • Busque a ajuda de especialistas. Por exemplo, se quiser entrar em forma, vá ao nutricionista e contrate um personal trainer. Se a meta for financeira, fale com um consultor financeiro.
    • Informe-se e utilize recursos. Você pode aprender sozinho muita coisa a respeito de investimentos, por exemplo, com pesquisas na internet ou fazendo um curso.
    • O mais importante é ser proativo. As metas não vão se realizar sozinhas, não é mesmo?
  2. 2

    Tenha força de vontade. Mantenha-se focado no futuro. Talvez você tenha que fazer alguns sacrifícios no caminho e, para isso, é preciso ter disciplina e força de vontade.

    A determinação é a habilidade de resistir às tentações passageiras do presente para alcançar metas maiores.

    [5]
    Você pode praticá-la indo à academia quando está morrendo de preguiça ou fazendo hora-extra mesmo que seja no mesmo horário do seu programa de TV favorito.

    • Cultive a disciplina. Pesquisas mostram que estudantes com mais determinação têm um desempenho melhor. Evite procrastinar também, pois isso é priorizar a satisfação momentânea.
    • Estabeleça uma rotina que o ajude a progredir rumo aos seus sonhos. Por exemplo, é mais fácil ter mais saúde com uma rotina de exercícios. O mesmo vale para ter um orçamento se a sua meta for financeira.
    • Desenvolva hábitos que o ajudem e evite os que impedem o progresso. Um exemplo é evitar ir ao shopping se você costuma comprar por impulso. Crie o hábito de guardar na hora uma parte do seu salário para cumprir as metas de poupança.
  3. 3

    Fique de olho no progresso. Ao avançar rumo aos sonhos e aspirações, veja como as coisas estão caminhando. Você atingiu algum marco? Está seguindo o cronograma? Quais metas em curto prazo foram cumpridas? Saber onde você chegou é importante para dar seguimento ao plano e manter a motivação.[6]

    • Acompanhar o progresso permite que você faça os ajustes necessários. O que não foi possível atingir? Você deu o seu melhor, mas conseguiu juntar apenas metade do que planejava aos 30? Talvez seja necessário mudar o objetivo final, atrasando a data da aposentadoria ou se empenhando a economizar e poupar mais.
    • Talvez os seus planos precisem mudar. Talvez o objetivo original tenha sido muito ambicioso. Manter a casa, plano de saúde e família foi mais caro do que o imaginado e impossibilitou a aposentadoria adiantada.
    • O progresso também dá muita motivação. Ao perceber onde você chegou em relação a uma meta em curto prazo ou longo prazo, é possível ter uma injeção de ânimo.[7]
  4. 4

    Comemore pequenas vitórias. A estrada para o seu sonho é longa. Ao avaliar o seu progresso, orgulhe-se de ter chegado onde chegou. Comemore ao cumprir metas pequenas ou grandes para se sentir renovado e se encher de energia. [8]

    • Reconheça as conquistas ao dar uma pausa, refletir e se recompensar. Você finalmente correu uma maratona? Esse feito pede um brinde! Conseguiu enfim a tão esperada promoção? Saia para jantar em um lugar especial.
    • São as pequenas vitórias que medem o progresso. Elas mostram que você está caminhando lentamente, mas de modo contínuo, rumo ao seu sonho, o que ajuda a manter o foco em longo prazo.
  1. 1

    Identifique os obstáculos que surgirem. A avaliação do progresso deve conscientizá-lo dos pequenos e grandes obstáculos que aparecem na estrada. É fundamental entender qual é a causa e resolvê-la. A falta de ação só serve para atrapalhar os seus esforços.

    • Chegue ao âmago das questões. Qual é a causa? Seja honesto consigo mesmo. Talvez você não esteja poupando muito. É um problema de renda, como um salário insuficiente, ou são gastos excessivos? Pode ser uma questão de tempo e de dedicar mais horas do dia à meta.
    • Faça o que for preciso para conquistar os objetivos. Se o obstáculo for grande, reavalie o plano e tente adaptá-lo.
    • Algumas coisas fogem do seu controle. Uma doença, o desemprego ou problemas na família podem prejudicar a meta final. Concentre-se apenas no que você é capaz de controlar.
  2. 2

    Seja flexível. Há grandes chances de que você encontre pedras no caminho. É claro que esse cenário é desanimador, mas não deve tirá-lo do rumo certo. É importante ser flexível e se adaptar. Pessoas assim conseguem ter mais controle, encontrar alternativas e superar reveses.[9]

    • Em primeiro lugar, não entre em pânico. O fracasso é duro, mas não é o fim do mundo. Tenha expectativas sensatas e procure as oportunidades que surgirem com contratempos.
    • Adapte-se conforme o necessário. Digamos que o plano original tenha ido por água abaixo: você não tem dinheiro suficiente para se aposentar aos 50 anos. Porém, há um meio-termo? Você pode trabalhar meio período por mais dez ou 15 anos e poupar mais? No fim das contas, dá para se aposentar com uma idade normal, mas ter bastante grana para viver bem.
    • É uma boa ideia ter um plano B. Espera-se que você tenha pensado em vários cenários diferentes e tentado prever os problemas. Um plano B é a coisa mais sábia a fazer. Você pode continuar a trabalhar? Uma mudança na carreira pode ajudá-lo a atingir a meta?
  3. 3

    Aprenda com os erros. Encare um revés como um aprendizado. As pessoas motivadas são capazes de usar os fracassos para aprender, se adaptar, crescer e seguir em frente. Tente fazer o mesmo e tirar o máximo de proveito dos problemas.[10]

    • Pense no que deu errado. Primeiro, dê uma olhada no planejamento.[11]
      Você não foi capaz de prever obstáculos? Não estipulou um prazo realista? Foi um erro seu ou algo fora do seu controle?
    • Avalie os preparativos. Digamos que o plano financeiro deu errado porque você teve que tirar dos investimentos para uma emergência. Esse contratempo foi inevitável? Ou aconteceu porque você não separou dinheiro suficiente para um fundo emergencial?
    • Avalie a execução. Tente julgar os seus esforços com honestidade. Eles foram consistentes? Você deu passos em falso ou os problemas surgiram por causa de fatores externos?[12]
    • Depois disso, tente aplicar o que você aprendeu com a avaliação. No futuro, não repita os mesmos erros e tente prever problemas semelhantes.
  • Saiba que nada acontece da noite para o dia. Pode levar um bom tempo, mas nada está fora do seu alcance se você tiver determinação.
Leia também:  Como Saber O Que Pagar Nas Scuts?

O wikiHow é uma “wiki”; ou seja, muitos de nossos artigos são escritos em parceria com várias pessoas. Para criar este artigo, 47 pessoas, algumas anônimas, editaram e melhoraram o texto desde sua criação. Este artigo foi visualizado 11 770 vezes.

Categorias: Desenvolvimento Pessoal

Esta página foi acessada 11 770 vezes.

Lei da atração: 6 passos para conseguir tudo o que você quer

Você já ouviu falar da lei da atração, certo? É aquela coisa bem “O Segredo” mesmo: coisas boas atraem coisas boas, manter o pensamento positivo atrai coisas positivas, e por aí vai. A premissa da lei da atração é bem simples: para termos bons resultados do lado de fora, precisamos ter coisas boas do lado de dentro.

Em teoria, tudo isso é lindo e até poético, mas a verdade é que a vida não é um mar de rosas que nos possibilita o luxo de manter pensamento positivo com frequência.

Pelos mais diversos motivos, somos frequentemente inundados com pensamentos negativos, provindos de problemas no trabalho, no namoro, em casa, na escola…

Ainda assim, precisamos ter um objetivo em mente e manter o foco, e se você quer colocar a lei da atração em prática na sua vida, siga as dicas abaixo:

1 – Seja honesto com você mesmo

Você deve ter objetivos que satisfaçam às suas necessidades, e não às necessidades alheias.

Não significa que você não deve pensar em mais ninguém, mas sim que é preciso entender que cada pessoa tem sua própria personalidade, que essa personalidade nos faz ter ambições e sonhos diferentes, portanto não se compare com ninguém nem se force a seguir caminhos que não são seus, só para satisfazer os desejos de outras pessoas. Atrair coisas boas funciona quando as queremos genuinamente.

Leia também:  Como É Que Stephen Hawking Fala?

Pode parecer algo meio místico em um primeiro momento, mas é cientificamente comprovado que nossos neurônios nos ajudam a conseguir o que queremos quando esse desejo é genuíno. A chave é descobrir o que você realmente quer e o que precisa ser feito para que isso aconteça.

Honestidade sempre!

2 – Descubra o que você quer realmente

Faça uma análise sincera da sua vida e veja se aquilo que você tem está realmente deixando de funcionar para você. Lembre se você já chegou perto desse objetivo antes – ou tentou – e como foi a experiência. O que você quer? Seja totalmente honesto na resposta.

Bingo!

3 – Seja criativo

O escritor Neil Gaiman apontou, recentemente em uma entrevista, que uma das chaves para a criatividade é o tédio, e que é muito difícil ficar entediado hoje em dia, com tanto entretenimento disponível em nossos celulares e computadores. Quando foi a última vez que você se permitiu ficar olhando para o teto e pensando em coisas aleatórias, sem a interferência das redes sociais ou de qualquer outra coisa?

A questão aqui não é sonhar com coisas absurdas, mas com aquilo que você quer e imaginar como seria realmente alcançar esse objetivo, afinal é fundamental sonhar e ter objetivos, mas é ainda mais interessante ter objetivos que estejam ao seu alcance e sejam realistas. O segredo aqui é ser criativo, imaginativo e realista. Não adianta sonhar em ter um unicórnio cor-de-rosa, ainda que isso seja divertido de se imaginar. Se a ideia é realmente atingir uma meta, foque no possível.

=)

4 – Visualize em detalhes

Cada vez que pensar na casa dos seus sonhos, não pense em um local abstrato. Em vez disso, imagine a coloração das portas, das paredes, a decoração dos ambientes. O mesmo vale para sonhos com relação à sua carreira ou à sua vida social: que tipo de pessoas você teria por perto, que situações você viveria, como se vestiria?

Detalhar e ser específico é importante. Se você tivesse que fazer um desenho qualquer, certamente perderia um bom tempo imaginando o que desenhar; porém, se a tarefa fosse fazer um retângulo azul com um círculo amarelo dentro, você já saberia exatamente o que fazer e que cores usar. Especificar é extremamente importante em termos de objetivos de vida.

Entendido?

5 – Escreva

Uma vez que você tenha escolhido seus objetivos, escreva-os. O simples exercício de colocar as coisas no papel – ou em um documento do Word, no Bloco de Notas, tanto faz – é algo que nos deixa focados e faz com que nosso cérebro pense com clareza, o que, convenhamos, é ótimo em termos de atingir objetivos – por isso post-its e quadros de anotações fazem tanto sucesso!

“Eu quero ficar perto de pessoas que fazem as coisas”

6 – Tome uma atitude significativa

Em termos de anatomia cerebral, as regiões relacionadas com intenções ficam pertinho daquelas relacionada com as ações, e as duas geralmente fazem trabalho em grupo. A diferença é que apenas a intenção não faz diferença alguma em nossas vidas.

Dizer para uma cadeira sair do lugar não vai fazer com que ela saia, mas aplicar a sua força em direção a esse mesmo objeto vai, finalmente, fazer com que a cadeira mude de lugar. Coloque a mesma força e o mesmo movimento na sua vida, e você vai conseguir ver os resultados. Estipule prazos para você mesmo e os cumpra.

Quando uma ideia sai do papel e passa a ser realidade, isso é a prova de que você tem o poder de fazer as coisas – e a sensação é mais do que incrível! Por isso a lei da atração é fundamental: conhecê-la nos faz ter uma melhor noção de como podemos conseguir as coisas que queremos com a força do pensamento.

Falar apenas em força do pensamento, por outro lado, deixa implícita uma ideia de que é “só pensar”, quando, na verdade, esses exercícios de pensamento nos dão a orientação de que precisamos ter as atitudes corretas para alcançar nossos objetivos. Mantenha sempre em foco que toda diferença só acontece quando agimos de alguma forma e que a lei da atração só funciona quando você dá uma ajudinha a ela.

Saia da latência!

***

Você tem alguma experiência pessoal de sucesso? Compartilhe com a gente nos comentários! Conte quais são suas estratégias na hora de alcançar algum novo objetivo – assim a gente cria uma rede bacana de boas ideias.

7 truques para conseguir que as pessoas façam o que você quer

  • WhatsApp
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
  • Copiar Link

 (Foto: Shutterstock)

Cada pessoa usa táticas diferentes para conseguir o que quer. Há quem prefira citar dados que mostram a importância daquilo antes de fazer o pedido de fato. Outros tentam manipular e persuadir os colegas para que façam aquilo que ele quer exclusivamente.

Outras pessoas, ainda, tentam usar todas as técnicas que conhecem ao mesmo tempo. O fato é: não importa qual sua profissão, a habilidade de influenciar as pessoas é importante para todos. Por isso, o Business Insider listou as melhores formas de persuadir os outros.

Algumas podem parecer um pouco complicadas, mas aprendê-las pode ajudar a impulsionar sua carreira.

O ditado já diz: uma imagem vale mais do que mil palavras – e um estudo científico ajuda a provar que isso é, de fato, verdade. Os pesquisadores Brendan Nyhan, da Dartmouth University, e Jason Reifler, da Georgia State's University, buscaram analisar o quanto as pessoas se atêm a suas convicções políticas.

Eles apresentaram informações que contradiziam a visão dos participantes dos estudos, para ver se isso os levaria a mudar de opinião. Porém, as pessoas não responderam bem às informações apresentadas em um texto puramente.

Contudo, o estudo mostrou que gráficos visuais podem ser mais persuasivos do que as outras técnicas.

Tudo bem, nem sempre é possível ter gráficos impressos ou uma apresentação digital. Mas tenha em mente que as imagens são importantes e podem fazer a diferença quando você precisar convencer alguém a fazer aquilo que você quer.

Segundo um dos autores do estudo, nem é preciso fazer gráficos muito elaborados.

“Todas as imagens usadas eram gráficos simples, em cor bege, o que nos leva a crer que seu poder não está relacionado ao design elaborado ou a sua produção”.

2. Faça as pessoas gostarem de você

Robert Cialdini, autor do livro “O poder da persuasão”, cita que fazer as pessoas gostarem de você é uma importante “arma de influência”. De acordo com a Associação Americana de Psicologia, quando se tem uma boa percepção a respeito de uma pessoa, é mais provável achar que essa pessoa é persuasiva.

Não é grande surpresa, mas para as pessoas mais tímidas, parecer sociável não é tarefa fácil. No entanto, alguns hábitos podem te ajudar a ser mais amigável, como desenvolver uma atitude positiva (e mostrar isso às outras pessoas), falar em um tom calmo e demonstrar que você está prestando atenção quando alguém fala com você.

+ Como se tornar uma pessoa de quem todo mundo gosta no trabalho

3. Mantenha contato visual com a outra pessoa

Você compraria algo de um vendedor que parece evitar contato visual, que esteja curvado ou que páreça estar prestando atenção a outra coisa? Provavelmente não.

Se sua linguagem corporal passar a mensagem errada, não importa o quão honesto e confiante você é, as outras pessoas vão entender o contrário.

Para se tornar uma pessoa mais persuasiva, pode ser necessário aprender algumas dicas de linguagem corporal.

saiba mais

Para começar, mantenha suas mãos em um local visível, sem colocar as mãos nos bolsos ou cruzar os braços. Também é importante não ficar mexendo demais o corpo, se balançando, mas com cuidado para não ficar imóvel. Além disso, quando for se sentar, mantenha uma postura correta, sem ficar curvado para frente.

4. Repita suas ideias

Ser muito repetitivo pode ser chato. Na escrita, pode acabar com um texto. No entanto, em discursos, as repetições não são necessariamente uma coisa ruim. Muitos oradores famosos empregam instrumentos de retórica que envolvem repetir ideias. Por isso, se sinta livre para enfatizar uma ideia que acha importante.

5. Faça com que as pessoas queiram te ajudar

A Associação Americana de Psicologia relata que Cialdini descobriu que a reciprocidade é um fator importante na persuasão. Isso faz sentido, não é mesmo? As pessoas tendem a se sentir mais confortáveis e dispostas a ajudar indivíduos que demonstram que também podem fazer alguma coisa em troca. Então, não é má ideia estabelecer relações com pessoas que te devem alguns favores.

6. Não reclame e não faça exigências

Quando estiver apresentando um argumento convincente, pode ser difícil encontrar um equilíbrio. Você certamento não quer parecer muito passivo, mas também não deve mostrar sua opinião com muita força.

John Brandon, da Inc., escreveu que provavelmente é melhor se apoiar no lado da honestidade e ser educado. “Algumas pessoas entendem que a persuasão consiste em ficar bajulando os outros.

Então, você tenta enganar o interlocutor, geralmente com uma atitude severa ou uma voz exigente, demandando algo. Mas isso geralmente não funciona na prática”.

O melhor é ser sincero e tentar manter um tom de voz calmo, porém firme e convincente.

O que faz com que ouro e diamantes sejam tão valiosos? Eles são raros. As pessoas tendem a valorizar aquilo que é escasso ou incomum.

Pode ser difícil, mas é possível usar isso para convencer as pessoas.

Para persuadir os outros, tente demonstrar o quanto aquilo que você pretende alcançar é único e mostre ao seu interlocutor que ele é a única pessoa que pode te ajudar a alcançar seu objetivo.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*