Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Se você já está trabalhando em um emprego a tempo inteiro, não há necessidade de pensar que você deve sair rapidamente antes de estar pronto. Na verdade, muitas pessoas se transpõem lentamente para o freelance, criando seus negócios enquanto mantêm o trabalho fixo. Embora possa fazer com que você trabalhe mais horas no curto prazo, também pode ajudá-lo a testar o mercado e aliviar o fardo financeiro até sentir que está pronto. Apenas certifique-se de ir pelo caminho certo

Créditos: Visual Hunt/Divulgação

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Um aspecto que as pessoas muitas vezes subestimam ao se tornar um freelancer é a mudança na dinâmica social.

Se você está vindo de um escritório movimentado cheio de colegas e se mudando para trabalhar em casa, pode ser um ajuste difícil. Considere cuidadosamente se você estará bem trabalhando sozinho e planeje adequadamente.

Terminar o seu dia com uma atividade social, trabalhar de um café local ou espaço de co-work pode ajudar a combater a solidão.

Créditos: Perzonseo via Visual Hunt/Divulgação

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

A mudança de uma estrutura das 9 às 5 pode ser libertadora e aterrorizante. Você pode trabalhar a qualquer hora e não tiver certeza de quais projetos aceitar ou rejeitar. Parte disso é normal. Quando você é o seu próprio chefe, pode haver menos tempo de inatividade, especialmente no início.

Os clientes esperam que você atenda seus horários e se torne disponível de acordo. Mas isso não significa que você precisa dizer sim a tudo ou não cobrar o seu valor. O equilíbrio entre o preços cobrado e o tempo gasto é essencial para garantir que você esteja gastando seu tempo com sabedoria.

Créditos: Visual Hunt/Divulgação

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Em outras palavras, encontre seu nicho e fique com ele. Não basta simplesmente dizer que você é designer ou fotógrafo.

As pessoas vão querer saber o que o torna único ou como você pode resolver um problema que eles precisam resolver. Ser tão específico quanto possível, e ser capaz de se comercializar de acordo, é uma chave para o sucesso.

Então, uma vez que você criou uma reputação no seu campo escolhido, você pode começar a se ramificar para outras áreas. 

Créditos: Bogdan Sonjachnyj/Shutterstock/My Modern Met

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Uma vez que você conhece seu nicho e descobriu seus preços, você começará a trabalhar com clientes.

Claro, alguns podem vir de relações comerciais pré-existentes, que são sempre úteis para alavancar, mas o marketing rapidamente se tornará um dos aspectos mais importantes da sua vida profissional.

Você pode ser a pessoa mais talentosa em seu campo, mas sem marketing adequado, ninguém saberá. Isso começa com a construção de um site fantástico para mostrar seu portfólio ou certificando-se de que você esteja nas plataformas adequadas para vender o seu trabalho.

Créditos: Visual Hunt/Divulgação

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Não subestime a importância do marketing de redes sociais e das novas tecnologias. Ficar no topo das últimas tendências irá garantir que você esteja à frente da curva.

Créditos: Visual Hunt/Divulgação

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Créditos: Visual Hunt/Divulgação

Como lidar com colega de trabalho que quer te derrubar

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Como lidar com colega de mau caráter

  • Trate-o com educação. A princípio mostre que você nem percebeu a merda de alguém tentando colocá-lo no chão. …
  • Evite comentários com outros colegas. …
  • Desviar. …
  • Tente falar. …
  • Fale com seu supervisor.

Como você identifica um homem com mau caráter?

Uma pessoa má tem suas próprias características, tais como: mentir sem considerar nada nem ninguém, não ter compaixão pela dor do outro, ser excessivamente ambicioso e ter arrogância como parceiro. Também é vaidoso e faz de tudo para ser o centro das atenções.

Como as pessoas sabem como lidar com pessoas de mau caráter?

1 – Sempre mantenha o respeito. Por mais que a outra pessoa esteja agindo de forma inadequada, sempre tente tratá-la com respeito e evite falar mal dela ou fofocar. Lembre-se de que a maneira como você o trata diz mais sobre você do que sobre ele. Portanto, mantenha o respeito independentemente das circunstâncias.

A lire aussi :   Como saber a quem pertence um numero

É uma pessoa com mau caráter?

Caráter ruim é o indivíduo que carrega “o mal essencial” no caráter da personalidade. Podemos incluir nesta condição o ladrão, o crime, o enganador, o criminoso, o bandido, o desonesto, o morto, o charlatão e todos os tipos de analfabetos morais.

Como entender o caráter de uma pessoa?

Observe as conversas e tente ouvir se seu objetivo conta mentiras. Avalie os tipos de mentiras e os motivos para contá-las de acordo com o assunto. Também importa se você acha ou não que a verdade é uma qualidade importante. O nível de comprometimento que uma pessoa mostra mostra o tipo de caráter que ela tem.

É uma pessoa sem caráter?

Quem não age de acordo com as normas éticas da sociedade: é apenas um homem sem vergonha e sem caráter. Diz-se dos traidores, desonestos, vigaristas: não se pode confiar em pessoas sem caráter.

Como saber se alguém é falso no trabalho?

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

1 – Ouça e fique atento. Pessoas falsas costumam apresentar linhas que diferem de suas ações. Portanto, para identificar um falso colega, a dica é ser um observador e identificar divergências entre linhas e ações. Preste atenção ao que é dito e feito por esses colegas.

Como as pessoas falsas se comportam?

Aqui estão algumas atitudes de pessoas falsas:

  • Eles tendem a especular e amar quando alguém levanta a questão e começa a criticar.
  • Eles têm a tendência de promover auto-aversão e se gabar de alguma coisa.
  • Eles preferem estar com pessoas poderosas e influentes.
  • Eles são muito amigáveis ​​quando esperam algo em troca.

Como saber se alguém está errado e com ciúme?

Aqui estão as 6 chaves:

  • Baixa autoestima. Pessoas invejosas não têm autoestima e não percebem o quanto valem só porque são pessoas. …
  • Eles sempre se confrontam. …
  • Eles querem machucar os outros. …
  • Eles fazem você ficar mal em público. …
  • Eles ridicularizam outras pessoas. …
  • Eles dão elogios falsos.

Como você sabe se seu amigo é falso ou real?

Descubra se uma amizade é falsa por meio de 10 sinais

  • 1 – Nunca está disponível.
  • 2 – Os assuntos são só nele.
  • 3 – Não compartilhe coisas importantes.
  • 4 – Você é a última alternativa.
  • 5 – Julgue sempre.
  • 6 – Não guarde segredos.
  • 7 – Adoro criticar você em público.
  • 8 – Sentir vergonha de ser seu amigo.

A lire aussi :   Como saber de quanto tempo estou gravida

Como se livrar de pessoas falsas?

Limites quadrados

  • Tenha cuidado com as coisas que você diz sobre sua vida e nunca revele segredos;
  • Não lhes dê espaço para falar sobre a vida de outras pessoas;
  • Não dependa da pessoa para nada e evite pedir favores;
  • Não fale sobre a vida de ninguém com essa pessoa.

Como as pessoas falsas agem?

Uma maneira simples de identificar uma pessoa falsa é ver se ela sempre pensa que é o melhor de todos, não tem senso de humildade. Eles tendem a sair de seu caminho para dizer coisas e muitas vezes crescem apenas para ganhar ou passar uma falsa imagem para os outros.

O que fazer quando as pessoas querem derrubá-lo?

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Dicas para lidar com pessoas que desejam lesões no trabalho

  • 1 â Revisão de Situações Triviais Nem tudo que o incomoda deve ser levado para o lado pessoal, por você. …
  • 2 – Fique a seu critério. …
  • 3 – Defina limites para ajudar. …
  • 4 – Esteja ciente de suas qualidades. …
  • 5 – Fale com seu Supervisor.

Quando você está por cima Todos querem te nocautear?

No período “Quando você está no topo, todos querem derrubá-lo”, existe uma oração subordinada adverbial.

Quando você está no topo Todo mundo quer abandonar você e frases subordinadas adverbiais?

Na frase “Quando você está por cima, todos querem cair”, a passagem destacada é uma oração. subordinar. A) advérbio causal.

Como faço para derrubar as pessoas?

Desequilibre o oponente fazendo-o cair para trás.

  • Não tenha medo e se aproxime do seu oponente.
  • Coloque uma perna ao lado do atacante.
  • Agarre-o pelos ombros e empurre-o para trás.
  • Mova a perna atrás dos quadris enquanto empurra.

Como ajo quando um colega de trabalho me exclui da atividade?

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Se alguém disser algo que o irrite ou uma discussão se tornar indesejada, afaste-se. Desculpe e vá para um lugar privado. Relaxe, respire fundo e volte ao trabalho. Tente não interagir com a pessoa com quem você teve o momento negativo até que ambos tenham a oportunidade de se acalmar e analisar a situação.

A lire aussi :   Em que ano foi lançado o iphone 7

Estou com disposição para meus colegas de trabalho?

Tire sua paixão pode aquecer a ideia de conhecê-lo depois do expediente “, diz Greer. Convide-a para algo casual. Greer sugere pedir um café ou uma bebida depois do trabalho.” Dependendo da resposta dele, isso lhe dá um saber se ele tem interesse em conhecê-lo melhor ou não ”, explica.

O que isso tem a ver com a pessoa que te odeia?

Como você trata o sentimento de desprezo?

  • Agradeça a si mesmo. Faça a si mesmo a seguinte pergunta: É possível ser amado e estimado por outra pessoa, sem aprender a amar e valorizar a si mesmo? …
  • Não tente controlar o que não depende de você …
  • Mude o foco. …
  • Desenvolva sua inteligência emocional.

Como ignorar colegas de trabalho?

Estas seis dicas dadas por Ruth podem ajudar a resolver o problema:

  • Reformulação de sua perspectiva. Um bom exercício é treinar-se para focar nas boas qualidades que a pessoa possui. …
  • dois . Não demonstre seu descontentamento. …
  • 3. …
  • Seja amável. …
  • Seja rude. …
  • Relatório como último recurso.

Como trabalhar com pessoas difíceis?

Como você lida com pessoas difíceis no trabalho?

  • Entenda os motivos que levam a tal comportamento. Ter empatia é se colocar no lugar do outro. …
  • Explique suas dificuldades. …
  • Tenha autocontrole. …
  • Saber respeitar o espaço do outro. …
  • Aja racionalmente. …
  • Evite comentários. …
  • Concentre-se nos aspectos positivos. …
  • Faça uma auto-análise.

Como trabalhar com pessoas que não gostam de você?

5 dicas sobre como se relacionar com pessoas de quem você não gosta

  • Estabeleça uma zona de conforto. Valor Consulta Psicóloga Cláudia. …
  • Desenvolva empatia. Pratique a empatia. …
  • Respeite seu tempo e suas limitações. Não imponha ou pressione. …
  • Compreendo. …
  • Estabelece comunicação segura. …
  • TREINAMENTO.
Leia também:  Como Dizer A Alguem Que Nao Gostamos Dela?

Como lidar com um colega de trabalho mau caráter

por Bruno Rodrigues

Todo mundo já enfrentou ou vai enfrentar um colega de trabalho mau caráter em sua carreira profissional. O que você não pode deixar acontecer é que essa pessoa te prejudique e acabe com a sua imagem dentro da empresa.

Existem algumas ações que podem ser tomadas para tornar essa relação menos nociva e não atrapalhar o ambiente. Afinal, você também trabalha com gente de caráter que está lá para fazer o mesmo que você: trabalhar e crescer.

Trate com respeito

Trate o mau caráter com respeito. Não custa dar “bom dia” na hora que chega nem “boa noite” na hora de ir embora. Ambos são funcionários e vocês não precisam deixar claras as inimizades ou os problemas dentro da empresa, a não ser que ele te prejudique na frente de todos.

Não fique falando mal

O mau caráter já é um lixo por si só, não se rebaixe ao nível dele e evite ficar falando mal para as pessoas da empresa, principalmente para seu chefe. É você quem pode ficar com a fama de podre ou falso se fizer isso.

Tente não dividir tarefas e projetos

Se possível, evite fazer parte da mesma equipe que ele ou tente não dividir projetos. Em algum momento, vai sobrar para você o que o mau caráter deveria ter feito, ou ele simplesmente poderá estragar seu projeto para te ferrar. Cuidado.

Foco total no seu trabalho

Mantenha o foco no seu trabalho e nas suas obrigações. Não deixe que esse tipo de indivíduo tome conta do seu pensamento e desvie sua atenção durante o trampo. Sua motivação está nos seus objetivos e sonhos, não em eliminar essa pessoa.

Ele te ferrou? Fale diretamente

Tenha uma conversa franca e pergunte por que ele fez ou faz determinadas coisas para prejudicar você e sua equipe. Busque resolver a situação diretamente com essa pessoa (e de forma civilizada, sem sair na mão) antes de partir para o seu superior.

Não resolveu? Fale com seu chefe

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Esse quadro desconfortável está te consumindo, você conversou com o mau caráter e ele ainda insiste em atrapalhar o seu trabalho? Converse com o seu chefe sem se exaltar e explique a ele o que acontece entre vocês e como isso afeta o seu desempenho na empresa.

Paulistano, louco por futebol e jornalista. Necessariamente nessa ordem porque esse sou eu.

4 passos para lidar com colegas de trabalho desagradáveis | VAGAS Profissões

Veja o que fazer para sobreviver à influência dos colegas desagradáveis sem prejudicar seu desenvolvimento

Como Lidar Com Colega De Trabalho Que Quer Te Derrubar?

Colegas de trabalho desagradáveis não são raridade. Aprendemos desde cedo a lidar com quem nos desagrada. Isso porque toda família, toda escola, todo condomínio (ou turma da rua) tem aquele coleguinha que extrapola nas piadinhas, é “grudento”, desanimado ou inconveniente.

A primeira estratégia que desenvolvemos é a de fugir da pessoa, evitando compartilhar do mesmo espaço físico. Essa tática parece estar ligada ao nosso instinto de sobrevivência, pois é natural ao ser humano evitar aquilo que causa desconforto – reagimos de maneira automática quando sentimos frio ou calor, medo, nojo.

Essa técnica funciona bem, mas o problema é que em ambientes profissionais nem sempre é possível evitar o contato, principalmente quando há relações de troca, cooperação ou subordinação com pessoas chatas. Como se trata de uma estratégia primitiva, será que podemos desenvolver algo mais eficiente para lidar com essa situação?

Como não se deixar abalar por pessoas chatas no trabalho

1. Saiba o que incomoda

A primeira coisa a fazer é uma análise profunda sobre o que mais o incomoda naquela pessoa. Como disse Freud: “Aquilo que te incomoda nos outros tem muito a dizer sobre você”. Você muito provavelmente vai encontrar pontos de simetria, o que poderá contribuir com seu autoconhecimento, conhecimento do colega e consequente melhoria da relação.

2. Não compartilhe defeitos

Feita a análise, por favor: não compartilhe os defeitos encontrados naquela pessoa nem com ela e nem com outros colegas. Guarde para si todas as imperfeições e compartilhe apenas aquilo que contém potencial de melhoria. A técnica do reforço positivo é muito mais eficiente do que a crítica – acredite!

3. Não forneça muita informação sobre você

Uma versão mais elaborada do “fugir da pessoa” é o que chamo de não dar ousadia.

A principal diferença entre elas é que não dar ousadia significar não fornecer informações que possam aumentar o contato com a pessoa, como pontos em comum, assuntos para conversas, informações pessoais.

A ideia é manter as transações apenas no que tange as relações profissionais. E por falar em relações profissionais, ser profissional em suas relações significa: ser educado, respeitoso, cooperativo e facilitador.

4. Preserve seu (bom) humor

Por fim, não deixar se abalar com a situação. Só existe uma pessoa capaz de alterar seu humor: você! No final das contas é você quem decide como vai lidar internamente com os acontecimentos do seu dia a dia. Como disse Dalai Lama: “não deixe que o comportamento dos outros tire a sua paz”.

Importante: lembre-se de que ninguém é chato porque quer. O chato, normalmente, não sabe que é chato e por isso é digno de compaixão. Posso ser eu,  pode ser você ou seu irmão…

Cadastre seu currículo no VAGAS.com.br e aproveite inúmeras oportunidades de emprego.

João Xavier, autor do post, é diretor-geral da empresa de recrutamento Ricardo Xavier.

ambiente de trabalho Trabalho

Veja o que acontece com quem prejudica um colega de trabalho

Um profissional ambicioso queria crescer na empresa para a qual trabalhava, mas, para tal, haveria de enfrentar um grande problema. Havia um colega de trabalho que era muito talentoso, realmente bom no que fazia. Com ele no caminho, não daria para crescer. E as tentativas de agradar o chefe simplesmente não davam certo.

Quase de forma inconsciente, o profissional começou a aproveitar as raras oportunidades que tinha para criticar o colega talentoso. Apesar de este não vacilar com frequência e executar um bom trabalho, o ambicioso sempre encontrava algum motivo para falar pelas costas.

Até que um dia conseguiu o que queria e o colega foi demitido.

Meses depois, porém, a empresa passou por problemas financeiros, foi vendida e o ambicioso acabou sem emprego. Rapidamente, começou a mandar currículos. Porém, nenhuma empresa dava retorno.

Decidiu então recorrer às pessoas que conhecia, mas estas não o ajudaram, porque sabiam de sua falta de ética. Um dia, uma empresa ligou e o chamou para uma entrevista. Ele foi. Ao chegar no local indicado, ficou surpreso: o entrevistador era o antigo colega que havia prejudicado no passado. Na mesma hora, soube que suas chances de conseguir o emprego eram pequenas.

Por que não prejudicar colegas

A história é fictícia, mas bem que poderia ser verdadeira. Você mesmo já deve ter escutado algo parecido. Muitas pessoas não pensam duas vezes antes de prejudicar colegas de trabalho, e é comum que ajam como se tivesse sido “sem querer”, como se não tivessem imaginado antes as consequências de seus atos.
Pessoas mais espiritualizadas dizem que nunca podemos prejudicar o próximo, porque é certo que isso voltará para nós mesmos de alguma forma, cedo ou tarde. Na carreira, o fato é que as consequências dos passos em falso surgem mais tarde. Segundo a diretora da RM Consultoria de Imagem, Renata Mello, os motivos são simples: o mercado é pequeno e a vida dá voltas.

Confira cinco motivos apontados pela consultora para não prejudicar colegas de trabalho:

  1. O mercado é pequeno e todo mundo se conhece. Se você prejudica alguém, pode ter certeza de que a pessoa prejudicada saberá e contará para seus amigos, que, por sua vez, contarão para seus amigos e assim por diante. O networking de quem deu um passo em falso fica comprometido;
  2. A vida dá voltas. Seu estagiário pode virar seu chefe amanhã. Aquele colega de trabalho do qual você não gosta pode te dar um emprego amanhã. Nunca se sabe o que irá acontecer;
  3. Fazer fofoca e criticar terceiros, no lugar de reconhecer os próprios erros, é uma forma de esconder a incompetência. É muito mais fácil criticar os outros do que a si próprio. Além disso, o foco deve ser no trabalho e nos negócios, nunca nas fofocas;
  4. Quem tenta prejudicar colegas de trabalho, mesmo que finja ser “sem querer”, fica com uma imagem negativa junto aos integrantes da equipe e também ao chefe. No trabalho, ninguém é obrigado a gostar de ninguém, mas todos devem ser respeitados. Agir com ética e compreender como os demais funcionam é essencial;
  5. Fazer críticas às pessoas pelas costas e agir de forma a prejudicá-las toma tempo. Um tempo que poderia ter sido dedicado ao trabalho, à perseguição de metas. Enfim, trata-se de um atraso para a carreira.

Saiba como lidar com pessoas que querem te prejudicar no trabalho

iStock / Getty Images Plus / AndreyPopov Lidar com diferentes pessoas no ambiente de trabalho pode ser uma tarefa complicada, especialmente se algum dos colegas estiver tentando te prejudicar.

Dividir o ambiente de trabalho com outras pessoas não é uma tarefa fácil.

Por mais que o clima seja agradável, a verdade é que em praticamente todo o lugar sempre terá alguma pessoa mau-caráter que fará de tudo para prejudicar os outros.

Isso é muito mais frequente do que se imagina, podendo trazer efeitos devastadores para os profissionais e para a própria empresa, que acaba com os resultados prejudicados.

Confira algumas dicas de como lidar com pessoas que fazem de tudo para prejudicar seu trabalho:

Como lidar com pessoas que querem te prejudicar no trabalho

Resolva o assunto diretamente com a pessoa

Uma das formas mais diretas de resolver o problema de uma vez por todas é ir tratar a situação diretamente com a pessoa que está causando o problema. Para isso, entretanto, é preciso que você tenha certeza do que está acontecendo e vá conversar com o verdadeiro culpado da situação.

Leia também:  Como Esquecer Um Amor Que So Te Faz Sofrer?

É claro que você não vai provocar uma briga ou uma discussão mais calorosa, pois isso pode aumentar ainda mais o conflito. Você deve chamar a pessoa para conversar e perguntar o porquê desse comportamento. Deixar claro quais são os seus objetivos é uma forma de esclarecer o problema e encontrar a solução.

Seja discreto

Uma eficiente forma de se proteger das pessoas que querem te prejudicar no ambiente de trabalho consiste em manter a discrição sempre.

Não exponha sua vida pessoal dentro do ambiente profissional e não fale tanto dos seus planos perto das pessoas que você sabe que estão esperando apenas uma informação para tentar te derrubar.

Mantenha sua vida pessoal em sigilo, compartilhando-a apenas com quem você realmente confia.

Saiba quem você é

O grande erro da maioria das pessoas é se deixar abalar pelos comentários e fofocas que surgem a seu respeito no trabalho. Para que você não se abale e não dê ouvidos a esses comentários, é fundamental que você se conheça e tenha consciência das suas qualidades, de modo a não se deixar abalar com facilidade.

Coloque limites

Uma atitude bastante comum de quem quer te prejudicar é sobrecarregar você de tarefas que não são de sua responsabilidade.

Toda vez que você aceita “ajudar” em algo que não é da sua competência, você estará se sobrecarregando e abrindo espaço para que se aproveitem cada vez mais de você. Portanto, coloque limites.

Se perceber que alguém está se aproveitando de você, comece a rejeitar as tarefas extras.

Como lidar com pessoas manipuladoras no trabalho?

Independentemente de sua indústria, profissão, nível de experiência ou empresa, existem colegas de trabalho manipulativos e, se for dada a oportunidade certa, eles podem revelar-se como um obstáculo à sua possibilidade de ser bem sucedido. Aprender como lidar com pessoas manipuladoras é uma boa forma de evitar problemas.

A maioria das pessoas que lerem este post atualmente estarão trabalhando com pelo menos uma pessoa que, psicologicamente, pode ser descrita como manipuladora. Dessa maioria, apenas alguns efetivamente saberão como localizar e interagir eficientemente com colegas problemáticos.

É uma habilidade crucial para ter, pois a incapacidade de decifrar a manipulação no ambiente de trabalho e efetivamente lidar com ela pode ter efeitos verdadeiramente devastadores. Para começar, é melhor analisar o comportamento manipulativo e formular alguns métodos para lidar com os indivíduos manipuladores na empresa.

Como lidar com pessoas que querem te prejudicar no trabalho: manipulação vs persuasão

Muitas pessoas confundem manipulação com persuasão. Muitas vezes, essa confusão cria ressentimento desnecessário entre colegas de trabalho honestos.

A regra é que apenas porque alguém está tentando convencer você a fazer algo, isso não significa que eles estão tentando manipulá-lo.

É importante ser capaz de decifrar qual é o que e agir em conformidade, para lidar de forma apropriada com uma pessoa que quer te prejudicar e outra que apenas quer uma tarefa executada.

Por definição, a manipulação acontece quando a pessoa está tentando mudar o comportamento dos outros através de táticas encobertas, enganosas ou às vezes abusivas. É diferente da persuasão porque é exploradora, abusiva e maliciosa.

Por outro lado, a persuasão é a arte de tentar conquistar outros pelas ideias, pelo diálogo. Vem de um lugar de interesse sincero e é mutuamente benéfico às partes.

Para determinar se a pessoa está te manipulando ou sendo persuasiva, reflita e analise a situação como um terceiro. Tire quaisquer noções e emoções preconcebidas da equação, pois irá ajudá-lo a determinar se você deve tomar alguma atitude ou se a ação será benéfica a todos os envolvidos.

Cuidado com as pessoas manipulativas, pois elas podem destruir muito do que você construiu na sua carreira e prejudicar seus avanços profissionais. (Foto: Everyday Feminism)

Colega de trabalho insuportável e manipulador: cuidado com essa confusão

Para muitas pessoas, especialmente os profissionais jovens, é muitas vezes difícil decifrar se um colega de trabalho está tentando te manipular ou persuadir.

Infelizmente, os manipuladores mais eficazes e portanto, prejudiciais, são mais difíceis de detectar.

Mesmo um colega de trabalho insuportável pode não ser tão manipulador quanto você pensa, e só ser uma pessoa com quem você não lida bem.

Muitas vezes, as intenções das pessoas não são ruins. Mas quando você está no ambiente de trabalho, confiar cegamente um colega de trabalho que você não conhece bem pode levar a resultados indesejáveis. Contudo, ser muito desconfiado, mesmo do colega de trabalho mais chato irá afastar os bons colegas, tornando seu dia a dia na empresa infeliz, improdutivo e desconfortável.

Quando em dúvida, é melhor pensar logicamente sobre a situação, permanecer um pouco distante e manter o seu profissionalismo.

Você é propenso a ser manipulado?

Algumas personalidades são mais propensas a serem exploradas por manipuladores. Entre outras características, os manipuladores procuram ativamente pessoas que estão sempre tentando agradar aos outros, precisam de aprovação consistente, tem falta de assertividade, são ingênuos, excessivamente dependentes, impressionáveis e impulsivos.

Isso significa que uma das melhores maneiras de evitar colegas de trabalho manipulativos é trabalhando em melhorar a si mesmo como pessoa. Quanto melhor a auto-estima que você tem, mais difícil é que você seja manipulado, e interesse você terá para os manipuladores.

Há também a segurança em números. Comece a buscar os colegas de trabalho que são amigáveis, confiantes e trabalhadores. Enquanto você não pode mudar sua auto-estima do dia para a noite, você pode mudar os grupos com quem você se associa no trabalho, começando agora.

Como lidar com colegas de trabalho manipuladores?

Agora que você já sabe diferenciar as situações, e já compreende seus próprios limites em ser ou não manipulado, é hora de começar a usar estratégias efetivas para evitar a manipulação.

A maneira mais eficaz de lidar com colegas de trabalho manipuladores é determinar por que eles estão tentando te manipular.

É possível que a pessoa esteja acostumada a se comportar desta maneira e já tenha funcionado no passado. Talvez seja a única maneira que eles acham que podem chamar a atenção de alguém.

Em vez de condenar o comportamento da pessoa, tente compreendê-lo. Ver as coisas da perspectiva do colega de trabalho é o primeiro passo para ser capaz de efetivamente ter um relacionamento de trabalho mais saudável.

Profissionalismo com colegas insuportáveis e manipuladores

Seja sempre um profissional, abstenha-se de falar mal da pessoa e tente determinar algumas de suas melhores qualidades. A pior maneira de lidar com isso é criticar a pessoa, pois isso só vai fazê-los irem mais longe para justificarem suas ações.

As coisas são raramente preto e branco. Assim, as possibilidades são que estas pessoas não são inteiramente más. Quando você se esquece de suas qualidades menos atraentes e se concentra em alguns de seus atributos mais agradáveis, mostrando isso em suas interações com eles, fará com que gostem mais de você e queiram tentar menos te manipular.

Não deixe seu comportamento dizer como você deve sentir ou agir

Embora seja mais fácil dizer do que fazer, a pior maneira de lidar com colegas de trabalho manipulativos é deixá-los ditar seus sentimentos. Se alguém está tentando te controlar, ficando com raiva ou visivelmente chateado com seu comportamento só adicionará combustível a fogueira.

É mais efetivo perceber que você não pode controlar suas ações, mas você pode controlar como você responde a elas. Permaneça calmo e aja sobre o trabalho em uma maneira amigável, positiva e diligente.

Nunca rebaixe seu nível ou tente dar o troco. Vá acima da pessoa, agindo com sensatez no ambiente de trabalho.

Não tenha medo de dizer não

Só porque um colega manipulador faz um pedido, isso não significa que o pedido por si só é manipulador. Às vezes, pode ser útil atender à solicitação.

É melhor manter uma mente aberta e, antes de dizer cegamente “sim” ou “não” a uma solicitação. Analisar como tomar certas medidas irá ajudá-lo a decidir se é uma situação mutuamente benéfica ou se pode prejudicá-lo. Nesse segundo caso, não tenha medo de dizer “não”. A assertividade é uma das chaves para manter um colega de trabalho manipulativo sob controle.

O comportamento manipulador no trabalho raramente tem o efeito desejado. As pessoas manipuladoras geralmente ganham menos dinheiro, levam vidas infelizes (tanto dentro quanto fora do trabalho), lidam com altos níveis de estresse e tem menos segurança no emprego.

As pessoas que fazem isso no longo prazo são aquelas que são honestas, trabalhadores e capazes de manter seu profissionalismo. Permaneça profissional, e você fará muito bem em sua carreira.

Você já teve um colega de trabalho manipulativo? Como você lidou com eles?

Assuntos

O que fazer quando tentam te derrubar?

Para que haja um ambiente de trabalho maduro e saudável é preciso que todos os colaboradores exerçam sua função de forma plena e efetiva. Um time precisa de sincronia e é necessário que todos dêem o melhor de si. Mas, infelizmente, é muito comum ouvir uma realidade diferente.

O termo “puxar o tapete” é algo comum em assuntos sobre ambiente de trabalho. O puxador está em todo parte e, na maioria das vezes, é difícil de ser identificado. Seja por inveja, concorrência desleal ou personalidade, os puxadores de tapete estão sempre em ação e demonstram ser uma ameaça para profissionais de sucesso.

Independente se te atrapalha ou não, o importante é não pensar em vingança ou troco, mantenha seu foco, ética e auto-estima, porém, é de vital importância aprender a identificar estes puxadores. Assim você evita se expor a pessoas que querem te prejudicar propositalmente e permite que você entenda melhor seu ambiente de trabalho.

E se alguém já está puxando seu tapete ou você já identificou a problemática, siga estas dicas que irão ajudar você a lidar com a situação.

1- Falaram mal de você

Leia também:  Como Saber Quem Tem Meu Numero No Whatsapp 2018?

O melhor a se fazer é falar diretamente com a pessoa, mas não com o intuito de afrontar, mas sim compreender. Chegar já armado, querendo tirar satisfação pode piorar a situação e gerar conflitos. Além do mais, você pode ter feito algo que prejudicou alguém e não se deu conta, assim, corrigirá erros que comete de forma desapercebida.

2- Roubaram crédito de sua ideia

Sempre ao mandar e-mail com suas idéias, compartilhe com cópias para superiores. Assim terá garantias e todos irão participar do processo.

Lembre-se que o mais importante é que seu superior saiba que o projeto é seu, não pense em vaidades, busque resultados.

No caso de conseguirem tomar sua ideia, questione a sua origem em reuniões, questione o que a mesma apresenta e demonstre estar mais preparado para o assunto. Com certeza o responsável irá corrigir os créditos da ideia.

3- Passaram por cima de você

Quando fazem este tipo de ação, em geral usam da mentira para inventar situações que justificam não ter deixado você a par de alguma situação.

A desculpa é dizer que você não leu e-mail, não deu atenção a algum aviso ou recusou participar de alguma decisão.

Neste caso o indicado é questionar o colega de trabalho na frente dos demais, a fim de demonstrar que na verdade você se interessa e muito pelo assunto e transparecer que na verdade você foi excluído do processo.

4- Tiraram você de um projeto importante

Neste tipo de situação o melhor é chamar a pessoa para um café ou almoço e, de forma franca e amigável, questionar por que não está no projeto. Muitas vezes existe uma boa razão para isso, mas você ainda não percebeu.

Conheça táticas certeiras para neutralizar colegas de trabalho nocivos

Conviver é uma das missões mais difíceis da vida. Então imagine passar horas em um escritório com uma pessoa problemática, chata ou perniciosa: bom humor, desempenho e até futuro profissional podem sair arranhados.

UOL Mulher conversou com alguns especialistas que definiram os cinco tipos mais perigosos de colegas -o manipulador, o invejoso, o fofoqueiro, o falso e o queixoso- e sugeriram algumas estratégias para enfrenta-los sem prejudicar sua carreira.

Antes de mais nada, entretanto, é importante que você conheça o seu estilo comportamental e saiba quais são os perfis opostos ao seu, os que mais lhe causam dificuldades.

“Tente trabalhar e controlar suas emoções, evitando se desgastar com questões menores e que desviem a atenção de seus objetivos”, aconselha a psicóloga e coach Cristiane Moraes Pertusi.

Ela ressalta que lidar com essas pessoas é um desafio que nos ajuda a evoluir.

MANIPULADOR

Sabe (ou pensa que sabe) direitinho como lidar com cada pessoa. Presta atenção à forma de se comunicar, aos interesses e, principalmente, aos sentimentos do outro. A psicóloga organizacional Izabel Failde diz que uma de suas táticas é adotar a “técnica de vítima”, passando-se por uma para conseguir o que quer.

Os manipuladores também investem em um “joguinho” de amizade: ficam por perto, sabem das suas atividades, do seu jeito de trabalhar. “E ludibriam com elogios falsos ou promessas para novos cargos para que os outros façam o que eles querem”, diz a consultora Viviane Mourão, da Meta&Vida Desenvolvimento em Recursos Humanos.

Outro hábito comum é fazer de tudo para sair ileso dos problemas em que teria responsabilidade.

  • Dicas:
  • – Ao iniciar uma conversa e/ou reunião com ele, nunca use argumentos emocionais. Utilize seu lado racional e procure embasar ideias com dados, fatos e números”, diz a psicóloga Cristiane Moraes Pertusi
  • – Observe bem a pessoa. O que ela faz com os outros, certamente fará com você em algum momento
  • – Não se deixe seduzir pelas demonstrações de extrema empatia – ele concorda com tudo, coloca-se no seu lugar com extrema facilidade e valoriza qualquer posicionamento mesmo que não concorde. Pratique sempre a dúvida e se questione se o colega sente, vê ou concorda mesmo com tudo o que você fala
  • – Os manipuladores costumam se desviar dos assertivos e seguros, visto que suas “fontes de trabalho” são, basicamente, a insegurança e a indecisão
  • – Não atenda a todas as solicitações: deixe bem claro os papéis de cada um dentro da empresa ou do departamento. Mostre seu envolvimento nas atividades que competem a você
  • – Denunciar as manipulações ao chefe ou bater de frente com a pessoa, segundo Viviane Mourão, é o pior erro, pois pode despertar a vontade de mostrar força.
  • INVEJOSO

É aquele que quer o que você tem: cargo, atividades, prestígio, atenção do chefe ou da equipe. E, por isso, estará sempre por perto se fingindo de amigo e vendo tudo o que você faz para fazer igual ou melhor.

“São pessoas muito inseguras que costumam até imitar vestimentas, gestos e atitudes de seu foco”, explica a consultora de RH Viviane Mourão. Outras táticas, segundo a psicóloga Izabel Failde, são desdenhar do “alvo” ou calar-se.

São comuns comentários do tipo: “você sempre tem tempo para tudo, como consegue?” ou “minhas apresentação nuca são tão boa quanto as suas”.

Dicas:

– Para neutralizar um invejoso, Renato Grinberg, diretor-geral do site Trabalhando.com, diz que o ideal é mostrar que o que ele tem é melhor do que aquilo que você tem. “Use frases de incentivo, como ‘com esse projeto, logo você vai conseguir uma promoção’. Traga-o para perto de você”, ensina. É um modo sutil de fazer com que ele passe a admirá-lo, em vez de invejá-lo

– Aproxime-se, em vez de evitá-lo. “Ajude-o a desenvolver a habilidade ou o talento que ele inveja em você”, diz a psicóloga e coach Cristiane Moraes Pertusi

– Contudo, Viviane Mourão aconselha que o alvo seja discreto em relação à sua vida pessoal e profissional, para não chamar a atenção, e mantenha sigilo sobre objetivos, projetos e documentos importantes 

– Assim, resista à tentação de enfatizar elogios e prêmios que recebe da equipe ou de seus chefes. Não chame atenção além da conta.

FOFOQUEIRO

De acordo com os especialistas, é o perfil mais comum de profissional nocivo nas empresas. São pessoas que precisam falar com todos o que se passa. Sempre estão atentas aos fatos da empresa e dos colegas para dar notícias “fresquinhas” e dedicam pouca atenção ao trabalho, tornando-se improdutivas.

Quem é conivente com seu estilo acaba se tornando mal visto também. “O fofoqueiro é perigoso porque é falso”, diz Cristiane Moraes Pertusi. A fofoca é ótima para o fofoqueiro porque, em algum momento, alguém vai acreditar nele e o fará sentir-se poderoso, o centro das atenções.

“E essa atenção, mesmo que negativa, pode ser melhor do que ser ignorado por completo”, explica a psicóloga.

  1. Dicas:
  2. – Não incentive a fofoca. Quando a pessoa tentar iniciar conversas com essa conotação, mude o assunto de maneira que ela perceba que você não quer se envolver
  3. – “Se você tem uma relação próxima com o fofoqueiro, ao revelar algo pessoal para ele nunca diga a frase ‘não conte nada a ninguém’. É a senha para a pessoa espalhar seu segredo aos quatro ventos”, afirma o consultor Renato Grinberg
  4. – Em algumas circunstâncias pode ser necessário ouvir a fofoca (de um gestor, por exemplo). Porém, para evitar problemas futuros, não a passe adiante

– A psicóloga Izabel Failde explica que o enfrentamento também ajuda a neutralizá-lo. “Ao final, ou mesmo antes do término da fofoca, assinale que se trata de uma suposição. Questione os fatos a respeito do comentário ou alegue que a informação é um julgamento pessoal do fofoqueiro”, diz

– A fofoca é um dos comportamentos mais fáceis de combater quando se tem equilíbrio, assertividade e segurança. O fofoqueiro precisa de plateia; quando não tem, perde o poder

– Evite ficar em rodinhas, mas também não se isole. Ficar muito quieto chama a atenção e dá motivo para falarem o que não sabem de você. “Ter amizades profissionais, e não pessoais, é a melhor solução”,diz Viviane Mourão, expert em RH.

FALSO

Adota a filosofia segundo a qual “os fins justificam os meios”. Quem pratica a falsidade o faz quando percebe que pode tirar vantagem, quer sejam imediatas ou não. “Há indivíduos com extrema paciência, capazes de aguardar anos pelo seu objetivo. Nesse tempo ‘minam’ relações, praticam a mentira, ignoram a ética e o respeito ao outro”, descreve a psicóloga Izabel Failde.

Dicas:

– Transmita somente as informações básicas a ele, e de maneira sucinta. “Qualquer dado extra pode ser deturpado e usado contra você. Evite”, diz Renato Grinberg

– Procure aproximar-se e compreender seu raciocínio, seus objetivos, sua lógica. Talvez você encontre uma dose de bom senso nele e fique menos impactado com seus atos

– O falso é o indivíduo perfeito. Como perfeição não existe, então desconfie que há algo de errado. Ninguém é 100% centrado, equilibrado, feliz, competente, ouvinte, flexível e compreensivo, por exemplo. “É comum o indivíduo falso ser extremamente equilibrado, pois precisa manter a imagem criada”, explica Izabel Failde

– Em caso de dúvida sobre algo dito pelo falso, vale abster-se de comentários e praticar a observação. Ir atrás dos fatos é fundamental.

QUEIXOSO

Nada para esse tipo está bem; tudo tem um defeito. A pessoa queixosa sempre leva os problemas pessoais e profissionais aos colegas, mas não costuma aceitar ajuda ou solução.

Seu prazer é se lamuriar, o que contamina o ambiente. Existem vários tipos de queixas e, se todas forem esmiuçadas, a essência mostrará apenas uma direção: baixa autoestima.

Em longo prazo, pode “passar recibo” de incompetência.

Dicas: – Valorizá-lo pode ajudá-lo a se reerguer.

“O queixoso precisa de um ombro amigo e verdadeiro, que lhe diga como esse comportamento o afasta das pessoas”, diz a psicóloga organizacional Izabel Failde – “Jamais corte o relacionamento de amizade bruscamente ou diga que ele é chato”, aconselha a consultora de RH Viviane Mourão. “Apenas fale claramente que não tem tempo para ficar escutando lamúrias, pois tem trabalho a fazer”

– Quando a pessoa mencionar desastres ou tragédias, neutralize suas histórias puxando assunto sobre acontecimentos positivos

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*