Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Ver fichas de  Cachorros

Cavar buracos no jardim é um comportamento natural e muito comum nos cachorros, alguns cães sentem uma grande necessidade de escavar enquanto que outros apenas o fazer se foram estimulados a fazê-lo.

Existem inclusive alguns que nunca cavam e, é provável que isto esteja relacionado mais com a educação recebida do que com os comportamentos naturais da espécie.

O risco para os cachorros costuma ser menor que no caso dos cachorros que mastigam coisas, mas não é inexistente.

Já ocorreram casos de cães que se electrocutaram ao estragarem cabos elétricos enquanto cavavam. Também já aconteceram casos de cachorros que estragaram tubos de água ao cavar.

Por isso, cavar não é um comportamento que pode nem deve ser aceite de forma alegre nos cachorros. No entanto, também não é comportamento que pode ser eliminado em muitos casos.

Por isso, a solução para este problema passa mais pela gestão do ambiente do que pelo adestramento canino.

Descubra neste artigo do PeritoAnimal como fazer o cão parar de cavar o jardim.

Se o seu cachorro cava buracos no jardim, é porque está tentando satisfazer as suas necessidades de alguma forma. Uma situação grave de estresse ou de ansiedade pode levá-lo a minimizar o seu mau-estar com atividade física intensa ou, neste caso, escavando no jardim.

São várias as razões pelas quais pode levar a cabo este comportamento, mas para o tentar ajudar é fundamental identificar a causa que o leva a fazer os buracos:

  • Guardam coisas: é um comportamento instintivo. Os cachorros escondem os bens que mais gostam debaixo da terra e, para isso têm que cavar. No entanto, os cachorros que vivem dentro de casa e não no jardim podem guardar as suas coisas debaixo de mantas, tapetes ou dentro das suas malas de viagem ou casas para cachorros. Não têm que cavar sempre para “armazenar” os seus brinquedos e restos de comida favoritos.Isto leva-nos a um tema de discussão, “onde os cachorros devem viver?”. Discutir sobre se os cachorros devem viver dentro de casa ou no jardim é já um tema muito antigo e que não tem resposta. Cada um decide onde o seu cachorro deve viver. No entanto, na minha opinião, os cachorros são seres com quem compartilhamos as nossas vidas, não objetos e, por isso devem viver dentro de casa, junto com toda a família.
  • Procuram locais frescos: especialmente no verão, os cachorros podem cavar buracos para encontrar um local mais fresco onde possam deitar-se a descansar. Neste caso, uma casinha cômoda, fresca e confortável para o seu cachorro pode ser uma solução para ajudar a refrescá-lo. Deixá-lo a descansar dentro de casa e não no jardim é outra alternativa. É fundamental que os cachorros tenham sempre à sua disposição água fresca e abundante para evitar um possível golpe de calor.
  • Procuram um lugar cômodo: é um caso idêntico ao anterior, mas no qual o cachorro não procura uma temperatura mais agradável, mas sim um lugar mais suave para se deitar. Mexem a terra para que o lugar onde se vão deitar fique mais cômodo. Costuma ocorrer com cachorros que vivem no jardim e têm casas de madeira ou outro material dura sem mantas ou esteiras.
  • Querem fugir de um lugar: muitos cachorros cavam com a única e simples intenção de sair. Em alguns casos tratam-se de cachorros que fogem das suas casas para ir passear lá fora. Em outros casos, tratam-se de cachorros que têm medo de algo. Estes cachorros sentem ansiedade quando ficam sozinhos e tentam fugir desse local em busca de proteção. Quando o caso é muito sério, o cachorro pode chegar a desenvolver ansiedade por separação e na sua tentativa de fugir pode tentar cavar superfícies duras até quebrar as unhas e ficar com feridas.
  • Porque é divertido: sim, muitos cachorros cavam simplesmente porque isso é divertido para eles. Especialmente as raças de cachorros que foram desenvolvidas para perseguir animais de toca, como os terrier, cavam porque sim. Se tem um terrier e nota que gosta de cavar no jardim, não perca o seu tempo a tentar evitar esse comportamento, é parte do seu comportamento instintivo. Poderá redirecionar esse comportamento, mas não eliminá-lo (pelo menos sem efeitos colaterais).
  • Perseguem animais de toca: em alguns casos os donos de um cachorro pensam que este tem um problema de comportamento quando na realidade o cachorro está perseguindo animais que as pessoas não detetaram. Se o seu cachorro cava no jardim, certifique-se que não existem animais de toca que possam viver por ali. É lógico que um cachorro de qualquer raça cabe quando persegue um animal que se esconde debaixo da terra.
  • Sofrem de problemas de comportamento: os cachorros são animais muito sensíveis, por esse motivo é fundamental observar o seu bem-estar emocional se observar que escava e faz buracos no jardim. A agressividade, as estereotipias ou o medo podem nos indicar que algo não está bem.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

De seguida, vamos propor-lhe três opções diferentes que podem ajudá-lo a melhorar esta situação. Sugerimos que experimente as três ao mesmo tempo para puder observar como muda um cachorro se lhe oferecer atenção regular, calor e brinquedos:

Se o seu cachorro é um cavador compulsivo e cava apenas de vez em quando ou quando fica sozinho, a solução é relativamente simples. Proporcione-lhe companhia e atividades que possa fazer. Muitos cachorros escavam porque estão aborrecidos ou tristes, comprove por si mesmo como a brincadeira e as atenções modificam o seu comportamento de forma positiva.

Por outro lado, permitir que o seu cachorro comece a viver dentro de casa e passe mais tempo no interior do que no jardim é uma excelente opção.

Irá melhorar bastante a sua qualidade de vida, evitará destroços no jardim e terá um cão feliz.

No momento de sair para o jardim, será importante acompanhá-lo e supervisioná-lo, desta forma poderá distrai-lo quando começarem a aparecer os seus instintos cavadores.

Por fim, sugerimos que utilize brinquedos para cachorros. Da mesma forma que para os cachorros que roem coisas, poderá dar ao seu cachorro atividade suficiente para se esquecer de cavar quando fica sozinho.

Tenha em conta que deverá restringir os lugares no qual fica sozinho, pelo menos até que esteja completamente seguro que não cavará no seu jardim.

De entre todos os brinquedos para cachorros, nós recomendamos sem dúvidas o uso do Kong, um brinquedo de inteligência que lhe ajudará a canalizar o estresse, o motivará intelectualmente e lhe permitirá desenvolver uma atividade que o mantenha afastado do jardim.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Se tem um terrier ou outro cachorro viciado em cavar o jardim, deve redirecionar o seu comportamento. Nestes casos não poderá eliminar esse comportamento sem criar outros problemas colaterais, assim o melhor que pode fazer é conseguir para o seu cachorro um lugar onde possa cavar e ensiná-lo a fazê-lo apenas nesse lugar.

Ensinar um cachorro a fazer buracos num sítio em concreto

O primeiro passo será escolher o lugar no qual o seu cachorro possa escavar e fazer buracos sem problema. A opção mais sensata é ir para o campo ou uma zona com jardim próxima. Nesse lugar, será delimitado por um área de dois por dois (aproximadamente e dependendo do tamanho do seu cachorro).

Aconselhamos que primeiro mexa a terra para ficar solta. Não tem problema se o seu cachorro o ajudar a mexer a terra, uma vez que esse será o seu buraco para escavar.

No entanto, deverá se certificar que a área está livre de plantas e raízes para que o seu cachorro não associe a atividade de cavar com estragar plantar ou pode comer alguma das plantas tóxicas para cachorros.

Quando o buraco para escavar estiver pronto, enterre um ou dois brinquedos do seu cachorro nele, deixando ficar uma pequena parte dos mesmos sobressaída. Depois comece a incentivar o seu cachorro a desenterrá-los.

Se vir que não funciona, pode experimentar espalhar ração pela zona para o familiarizar com o lugar. Quando o seu cachorro desenterrar o seu brinquedo, felicite-o e brinque com ele.

Também pode utilizar o reforço positivo com guloseimas e snacks para cachorros.

Repita o procedimento até ver que o seu cachorro cava com mais frequência nesse lugar.

Nesse momento notará que cavar no buraco de escavação se converteu numa atividade muito apreciada para o seu cachorro porque o faz inclusive quando não há brinquedos enterrados.

No entanto, de vez em quando, deve deixar alguns brinquedos enterrados para que o seu cachorro os possa descobrir quando cava e o seu comportamento de cavar seja reforçado no buraco de escavação.

Esse procedimento pode ser levado a cabo evitando que o seu cachorro tenha acesso ao resto do jardim quando não tiver supervisão. Por isso, por um tempo terá que colocar uma separação física em alguns locais para evitar que o seu cachorro tem acesso a todo o jardim. Deverá ter acesso apenas à área na qual se encontra o buraco de escavação.

Leia também:  Como Saber Qual E O Meu Office?

Pouco a pouco, notará que o seu cachorro deixa de cavar em outras zonas da área escolhida e apenas cava no buraco que construiu para ele. Depois, gradualmente e em vários dias, aumente-lhe o espaço ao qual tem acesso quando fica sozinho.

Durante este tempo, deixe enterrado todos os dias no buraco de escavação algum brinquedo que reforce o comportamento do seu cachorro.

Também pode deixar os brinquedos interativos cheios de comida, fora do buraco de escavação, para que o seu cachorro faça outras coisas para além de cavar.

Com o passar do tempo, o seu cachorro irá adquiri o hábito de cavar apenas no seu buraco de escavação. Terá perdido um pouco de jardim mas terá salvo o resto. Lembre-se que esta alternativa é apenas para cachorros cavadores compulsivos. Não é para o cachorro que cava ocasionalmente e que pode aprender aprender a roer os seus brinquedos ao invés de cavar.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Há uns anos atrás conheci um cachorro Labrador que destruía o jardim. Para além de mastigar as plantas, cavava em qualquer lugar. O cachorro passava o dia todo no jardim e mastigava as plantas a qualquer hora do dia, mas apenas cavava durante a noite.

A dona não sabia o que fazer porque o cachorro estava a destruir todo.

Um dia, o cachorro fez uma ferida na cabeça e para evitar se infetar enquanto sarava, permitiram que dormisse dentro de casa por uma semana.

Durante esse tempo o cachorro não fez nenhum estrago dentro de casa e, por conseguinte, não cavou no jardim. Depois voltaram a deixar o cachorro no cachorro o tempo tempo e o problema reapareceu.

Porque esse cavava no jardim? Bem, não pudemos saber com certeza absoluta a resposta a esta problema.

Mas, sendo um cachorro de caça, de uma raça muito ativa e desenvolvida para passar muito tempo com companhia, era deixado na rua todo o tempo, sem nada para fazer, sem brinquedos e sem companhia.

É provável que sentisse ansiedade de ficar sozinho ou frustração por não poder acessar às coisas que queria e, eliminava essa ansiedade ou frustração cavando.

É uma pena que apesar de se ter encontrado uma solução imediata e que não precisava de nenhum esforço adicionar (e que não causava nenhum problema colateral), a dono decidisse que o cachorro teria que passar o resto da sua vida no jardim e não no interior de casa na companhia da sua família humana.

Muitas vezes ignoramos as opções que nos apresentam para resolver um problema de comportamento dos nossos cães e, ficamos a pensar porque os cachorros se comportam dessa forma.

É importante lembrar novamente que os cachorros não são nem brinquedos nem objetos. Eles têm emoções próprias e agem em consequência. São animais dinâmicos, ativos, que precisam de exercício físico e mental, assim como da companhia de outros seres.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Se deseja ler mais artigos parecidos a Como fazer o cão parar de cavar o jardim, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas de comportamento.

Como conciliar um jardim com cachorros? Parte 2

Continuando a conversa sobre a convivência entre Jardins e Cães que começamos aqui,   a Marcia Nassrallah vai falar sobre como evitar q eles cavem buracos e lidar com urina e fezes no jardim.

1- Eles adoram cavar, e podem acabar destruindo gramados e canteiros. Há alguma forma afastar os pets de determinadas áreas do jardim sem causar mal à sua saúde?

Especialmente os filhotes, são muito curiosos e enquanto não mudam a dentição eles roerão tudo o que vêem pela frente e buscarão locais para cavar. Algumas raças são cavadoras por natureza e com isso podem danificar o jardim ou o gramado.

Exemplos: Pastores Alemães, Rottweillers, Beagles, Huskies Siberianos, Dachshunds, Labradores, Golden Retrievers, Cockers Spaniels e os “especialistas” Terriers, dentre outros. Na fase da infância procure ensiná-los e os distraia com brinquedinhos e dando coisas para roer.

Poderá também usar repelente natural próprio para cães. Eu confesso que nunca precisei.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

2- Eles cavam por diversos motivos. O que se pode fazer para minimizar o problema?

a) Estímulo mental – Ofereça diversões, brinquedos e passe um tempo com eles. Promova exercício físico. Reserve um espaço para o pet cavar e para induzi-lo a isso enterre petiscos e motive-o a cavar ali.

Os cães também gostam de criar tocas e não adianta tapar o buraco, pois ele vai cavar de novo, então deixe um espaço para a toca – não mexa nele, mas se precisar tapar os buracos, enterre as fezes dele no local. Se tiver mais de um pet misture as fezes dos dois com água e enterre no local.

Para o bem do seu pet deixe um buraco exclusivo para ele. Este pode muito bem fazer parte do jardim. Seja criativo e bem humorado.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

b) O cheiro da terra também pode motivá-lo a cavar, então evite usar esterco nos canteiros, ou adubo orgânico, opte por adubos químicos.

c) Quando o jardim estiver em manutenção, evite que seu animalzinho veja, pois ele vai achar divertido ver alguém cavando a terra e vai fazer o mesmo depois. Se possível, deixe-o longe do jardim por uma semana após a implantação ou manutenção, para que os odores se dissipem e não o atraiam.

  • d) Alguns costumam destruir as bromélias porque tentam beber a água fresquinha que fica no copo dela.
  • Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?
  • e )Se tiver filhotes, evite espécies suculentas, pois são macias e apetitosas e eles amam mastigá-las.
  • f) As ervas os atraem por causa do odor característico e são procuradas por eles quando estão com problemas estomacais.
  • Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

3- A urina e as fezes do cão podem estragar a grama e as plantas. O que fazer nesse caso?

A urina pode estragar a grama e outras espécies por conter ureia (grande carga de nitrogênio). Se observá-lo fazer xixi,  jogue água em seguida. Isso evita danos maiores.

As fezes não causam danos mas devem ser retiradas porque atraem moscas e outros insetos. Os cães gostam que seu território permaneça limpo por isso buscam as áreas permeáveis.

Eduque-o a fazer as necessidades sempre no mesmo local. 

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

4- Manutenção – Alguma praga de jardim pode ser nociva também aos cães?

Cuidado com cogumelos e fungos que aparecem no jardim, especialmente em troncos apodrecidos. Use repelente natural próprio para cães (arruda, cânfora). Muito cuidado com pesticidas, fungicidas e herbicidas (nada de usar os chamados Mata Mato), prefira usar produtos que não causem danos aos animais e aos humanos como o Óleo do Neem.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

5- Uma última dica: inspire-se nos jardins de áreas públicas, pois nestes as espécies usadas são mais resistentes a animais.

Enfim, seja criativo, brinque com seu pet e deixe que ele também faça parte do seu jardim. É possível uma convivência pacífica e feliz. Para ter um não é preciso eliminar o outro, não é mesmo?

  1. Se gostar: curta, compartilhe, comente, faça perguntas… vamos amar.
  2. Marcia Nassrallah​
  3. fotos dos sites e blogs :MdeMulher, patas urbanas, ospaparazzi, skyscrapercity, blogdalumagazineluiza e caesonline 

Eduque cães que destroem plantas e salve seus jardins

Cães que destroem plantas podem deixar muitos tutores enlouquecidos. Isso por que o tutor obviamente ama a planta e o cão. Entendemos que plantas também são seres vivos. Mas o cão não faz por mal e jamais deve ser castigado.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Plantas tóxicas para cães

Antes de mais nada é bom lembrar que muitas plantas são tóxicas para os cães. Listamos aqui algumas delas e recomendamos que você não tenha essas plantas em casa se você tiver um peludo. Isso para preservar a saúde e integridade física do seu cão. Muitas são lindas, mas os cães não entendem que não devem comer, mesmo adestrados. E você não deve correr o risco.

  • Azáleia
  • Antúrio
  • Bico de papagaio
  • Copo de leite
  • Lírio
  • Espada de são Jorge
  • Espirradeira
  • Tomate verde
  • Mamona
  • Violeta

Confira também nosso artigo sobre transfusão de sangue em cães

MotivoComo Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Cães que destroem plantas não fazem isso por mal. Muitas pessoas acreditam que o cão fez sabendo que é errado. Mas estão erradas. O peludo faz essas coisas muitas vezes por tédio. E também pelos instintos de cavar.

Eles começam a se divertir e acabam destruindo tudo. Mas não vale a pena ficar com raiva e brigar com ele. Se você der atenção ao seu cão quando ele faz algo errado, ele entende que aquilo é uma recompensa e passa a repetir aquele comportamento para ganhar mais atenção.

O ideal é ignorar o cão quando ele destruir suas plantas. Arrume a planta e o ignore por uns 20 minutos. Depois volte a dar atenção e deixe de dar atenção a ele se ele for mexer na planta de dono. Com muita força de vontade e repetição, você chega lá.

Se o peludo deitou na terra cavada ele pode estar com calor. Nesse caso é legal estar atento a climatização da casa. Se estiver muito quente para o peludo é bom tentar refrescar o ambiente que ele fica como você puder.

Aproveite para conferir também nosso artigo sobre 5 raças de cães independentes para quem passa o dia fora

Leia também:  Como Saber Quanto Saldo Tenho Vodafone?

Tenha espaço para cavarComo Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

Se você tem um quintal ou jardim em casa o legal é deixar um espaço com terra e sem plantas. Nesse espaço você deixa liberado que seu cão cave. Parabenize-o sempre que ele estiver cavando nesse espaço.

Assim você consegue que ele passe a entender que ali você gosta que ele cave. Ele consegue colocar os instintos pra fora e se divertir, sem destruir as plantas da casa. E todo mundo sai ganhando.

Se você não tem esse espaço para cavar, apenas plantas em vasos que ele destrói. Tente levar ele mais ao parque e deixe-o brincar na terra e cavar. Optar por deixar brinquedos inteligentes pela casa e um kong recheado também ajuda ele a combater o tédio.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre o motivo dos cães enterrarem coisas

Adestramento positivo

O adestramento serve para tudo em relação aos cães. Inclusive para cães que destroem plantas. A ideia é ignorar se o cão estiver agindo errado e parabenizar se ele estiver fazendo certo. Cães que destroem plantas precisam receber um carinho assim que ele passar pela planta sem mexer com ela.

Com tempo, persistência e paciência o peludo entende que mexendo na planta você se afasta dele. E não mexendo na planta você fica contente com ele. Os cães adoram nossa companhia e carinho e tendem a fazer o que nos deixa mais felizes. Isso porque contentes com eles, nós damos carinho, petiscos e muita atenção.

Cachorro fazendo buracos no jardim? Adestrador dá solução para o problema | Adestramento Comportamental | iG

Muitos tutores que moram em casa enfrentam o problema do cachorro fazer buracos no jardim. Os animais que ficam soltos no espaço acabam estragando canteiros, matando plantas e atrapalhando o trabalho do jardineiro. Mas, porque isso acontece? Tem alguma for de resolver o problema? 

Leia também: Adestrador mostra como ensinar o cachorro a não pular nas visitas

De acordo com o adestrador André Almeida, do Adestramento Comportamental, a solução para os buracos no jardim
feitos por cães pode ser simples. Isso porque o adestramento do animal não é a única opção, existem odores que podem acabar servindo como repelentes e produtos que podem acabar com a necessidade do cão de cavar. 

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

shutterstock
O cachorro que cava buracos no jardim pode ter diferentes motivos para isso

Mas, antes de qualquer coisa, é preciso entender a origem do comportamento. 

Por que alguns cães cavam buracos no jardim?

“Tem uma série de motivos que podem causar esse comportamento. Entre eles estão os comportamentos naturais dos cães, como o relacionado ao calor.

Se a temperatura estiver muito quente, os cachorros podem cavar buracos para ficar com um local fesco, eles vão deitar na nova terra, colocar a barriga para se refrescar.

Isso acontece quando o cão não tem uma área gelada para ajustar a temperatura corporal nos dias mais quente”, explica André Almeida. 

Outra explicação para os buracos cavados no jardim pode ser a terra que foi utilizada no local. Geralmente, as terras compradas em lojas especializadas são adubadas, para que as plantas cresçam com mais saúde. O problema é que esse adubo costuma conter pó de osso , casca de ovo e outros componentes que chamam a atenção do cão pelo cheiro. 

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

reprodução shutterstock
Antes de tomar uma atitude, é preciso conhecer os motivos que levam um cão a cavar buracos no jardim

  • Gasto de energia, tentativa de chamar atenção e necessidade da prática de caça são outros motivos podem levar o cão a cavar. 
  • Leia também: Adestrador mostra como treinar o cachorro para os comandos “senta” e “vem”

A solução para acabar com os buracos no jardim 

Existem diferentes caminhos para solucionar o problema, eles irão variar de acordo com a causa. No caso do calor excessivo por exemplo, disponibilizar um tapete gelado, que é vendido em lojas especializadas em animais, já resolve o problema da necessidade de se refrescar. 

Quando a causa é o gasto de energia ou a tentativa de chamar atenção, proporcionar mais atividades pode ser a saída. A quantidade e duração do passeio diário do animal podem estar erradas, é preciso ajustá-las. Brincadeiras com bolinhas e outros brinquedos em casa também ajudam. 

Para outros casos, a dica do adestrador do Adestramento Comportamental
é deixar o local não atrativo. Para isso podem ser utilizados repelentes ou até mesmo pedras em cima da terra.

Leia também: Pet com problema de conduta? A terapia comportamental canina pode ser a solução

“Eu preparo um repelente caseiro feito de água com um pouco de vinagre. Por que o vinagre? A maioria dos cães não tem papila gustativa para o amargo, isso vai fazer com que o local fique desagradável para o cachorro, ele não vai se interessar mais por ali. Ele vai chegar, sentir o cheiro e sair”, conta André. 

Confira todas as dicas do adestrador para acabar com os buracos no jardim
no vídeo a seguir. Assista!

Leia tudo sobre:

Como Evitar Que Cães Esburaquem o Jardim

Muitas vezes é fácil encontrar o dono de um cão reclamando que seu bichinho de estimação está cavando buracos e destruindo todas as plantas do quintal.

O hábito dos cães de cavar, esconder objetos ou procurar coisas debaixo da terra está no instinto herdado dos lobos que por necessidade escondiam sua comida e nesses casos, a única maneira de evitar esse tipo de comportamento inconveniente é ensinando ao pet que isso é errado.

Porém, esse problema pode ter origem a algum mal que acometendo a saúde do cãozinho, como o calor excessivo ou até mesmo tédio e solidão e existem algumas medidas para melhorar esse problema.

Como Evitar Que O Cachorro Estrague O Jardim?

“O hábito dos cães de cavar, esconder objetos ou procurar coisas debaixo da terra está no instinto herdado dos lobos que por necessidade escondiam sua comida.”

Muitas vezes, os cães cavam o quintal para encontrar um lugar fresquinho para se deitar na terra, devido ao calor. Portanto, o dono deve reservar no espaço externo da casa uma área livre, sem plantas, sombreada e com água fresca disponível para que o cão não sinta a necessidade de cavar um novo lugar sempre que for coibido.

Uma dica que ajuda a prevenção desse mal é aumentar as brincadeiras e as caminhadas do pet, pois se ele está cavando todo o jardim é porque tem energia de sobra para fazer o que faz.

Por isso, o dono deve dedicar um tempo para se exercitar com seu amigo de quatro patas por meio de passeios e brinquedos, como bichinhos de pelúcia, frisbees, bolinhas, pneus, halteres entre outros, pois assim o bichinho se diverte e consequentemente usa a energia que tinha para esburacar o jardim.

Se isso não for suficiente, algumas atividades diferentes para a distração do cachorrinho podem resolver, como petiscos espalhados pelo quintal para que ele se canse procurando se mostra uma boa opção.

Alguns cães “cavadores” tendem a enterrar seus ossinhos, brinquedos ou outros acessórios na terra e o dono pode evitar isso amarrando o objeto em uma corda de maneira que ele consiga morder, mas não possa enterrar.

Há também os casos em que cadelinhas prenhes fazem um ninho para ter os filhotinhos e acabam esburacando todo o jardim.

Esse caso pode ser resolvido facilmente reconhecendo o local onde ela mais goste de ficar e colocar uma caminha ou cobertor na casinha, para que ela se sinta segura para adotar aquele lugar como o ninho para ter seus lindos filhotinhos.

Esse local deve ser calmo e longe da passagem de pessoas, de preferência não muito iluminado. Seja qual for a razão que motiva o cão a fazer os buracos, conhecer o animal é imprescindível para solucionar o problema.

Meu cão come plantas, o que faço?

Adoramos ter um jardim bonito ou uma casa repleta de flores… Porém, parece que a relação entre cães e plantas não é como esperamos. Se não quer que apareçam mordidas nas flores ou ver terra espalhada por toda parte, recomendamos que leia este artigo. Daremos alguns conselhos para evitar que seu cachorro coma as plantas.

Por que o cão come as plantas?

Os cães em geral e os filhotes em particular parecem ter um grande amor pelas plantas… Tanto que chegam a comê-las! Talvez não cheguem a tanto, mas podem lambê-las, mordê-las e brincar com elas (sobretudo com as folhas).

Eles adoram explorar matas e gramados, mas também destroçar petúnias, begônias ou margaridas. Sentem curiosidade por elas devido a seu aroma, cor e aparência. Caso tenha cães e plantas, é provável que mais de uma vez tenha xingado seu animal por acabar com suas flores favoritas ou por enfiar o focinho no canteiro do parque.

Para entender por que o animal age dessa maneira, te contamos os principais motivos pelos quais mordem as plantas:

1. Falta de vitaminas

Caso o cão sinta que não possui os nutrientes que necessita, pode buscá-los fora da ração ou comida dada por seu dono. A carência de vitaminas é uma das principais razões que levam os cães a comer plantas.

Leia também:  Como Se Chama Um Soldado Que Usava Arco E Flecha?

2. Dores estomacais

Se algo lhe caiu mal (até mesmo as flores que provou no dia anterior), é normal que os peludos busquem a grama como um remédio natural para purificá-los. Essa erva ajuda a acabar com as dores estomacais. Mas, nesse caso, não buscará plantas vistosas, mas matos e arbustos.

3. Tédio

Um cachorro entediado é muito perigoso… Pode destruir um sofá, uma almofada ou um vaso de flores. Para evitar que o cão coma as plantas por esse motivo, dê-lhe mais brinquedos e dedique mais seu tempo a ele.

4. Ansiedade

Caso seu cachorro coma as plantas quando não está em casa, pode ser esteja querendo chamar sua atenção ou esteja passando por um processo de estresse e ansiedade muito forte por causa da separação.

Dicas para evitar que seu cão coma as plantas

Agora que já sabe as razões que levam seu animal a morder suas preciosas plantas e flores, o passo seguinte é evitar que ele mantenha esse comportamento. Preste atenção nestes conselhos:

1. Levante os vasos

Caso tenha várias plantas dentro de casa que estão ao alcance do animal, é melhor que as coloque em cima de um móvel alto ou em um suporte na parede. Também é possível colocar uma espécie de “grade” ao redor da planta, para que nenhum focinho a atravesse.

2. Adestre seu animal de estimação

A ideia é que, desde que o cão chega em casa, o ensinemos as regras de comportamento. Assim evitamos problemas maiores. Deve ensinar que as plantas não são brinquedo, nem comida. Toda vez que comprar uma nova planta, deixe que o cachorro a cheire e entenda que deve manter-se longe dela.

O olfato dos cachorros é o sentido mais importante de todos. Se algo cheira mal ou o aroma é desagradável, provavelmente não se aproximam. Experimente borrifar as plantas com suco de limão diluído em água (uma parte de suco para 3 partes de água), ou com vinagre de maçã (mesma proporção).

4. Limite o espaço do cão

Outra técnica para evitar que o cachorro coma as plantas é não permitir que tenha livre acesso a todas as áreas da casa. Caso tenha vasos na sala, não o deixe ficar ali, sobretudo quando não estiver em casa. Pode usar diferentes barreiras para o manter em só uma parte.

5. Repreenda-o quando necessário

Toda vez que o cachorro morder, quebrar ou derrubar uma planta no chão, deve deixar claro para o animal que aquilo foi um erro. Leve-o aonde estava a “prova do crime” e diga de maneira firme: “Não”. Assim o cão saberá que isso não se faz.

Fonte da imagem principal: Enlazadordecaminos

Como Evitar Que o Cachorro Destrua o Jardim

Cães e jardim: como encontrar “harmonia” entre eles? Deixando a brincadeira de lado, quem tem um cãozinho em casa e um jardim sabe que pode ser difícil manter as flores bonitas.

Se o cachorro for um filhote, a dificuldade de evitar que ele destrua o jardim é ainda maior.

Normalmente, as reclamações contra a bagunça dessas adoráveis fofuras são as mesmas, eles fazem buracos no terreno, eles arrancam as plantas, algumas dão até algumas mastigadas, amassam e aprontam muito mais.

A dificuldade de manter o jardim bonito com um cão em casa pode virar um verdadeiro e grande problema, se você não aprender a lidar com isso o quanto antes. Pode ser que não dê para resolver a situação ao 100%, mas dá para chegar bem perto. A seguir, algumas dicas de como evitar que o cachorro destrua todo o seu jardim.

Cão x Jardim: Plantas Mastigadas

É comum que os cães quando estão nos primeiro meses de vida precisem roer. Assim como os bebês, essa vontade toda tem a ver co os dentes.

Quando chega ao quarto mês de vida, é a fase que o cãozinho começa a trocar de dentes. Aqueles definitivos nascem no lugar dos dentes de leite.

É bem nessa fase que eles sentem uma forte coceira nas gengivas e daí aquela vontade de roer tudo que encontram pela frente para aliviar um pouco a sensação.

A melhor maneira de evitar que o cachorro destrua o jardim, nesta fase da dentição é dar a ele muitos mordedores e ossos, o que vai diminuir a chance de que ele escolha as suas plantas para morder.

Não é um modo para eliminar o problema, mas pelo menos, para diminuir a vontade do cachorro de comer as suas plantas.

Para quem não sabe, os cães também gostam de criar tocas. Eles criam um lugar especial para se sentirem seguros. Nestes buracos, eles costumam guardar os seus brinquedos ou até mesmo alguma coisa que “roubam” dentro de casa para brincar. Não adianta fechar o buraco, por o que cão vai abrir um outro, mesmo que tenha grama, não será um empecilho para o seu bichinho de estimação.

Como dizem os veterinários, neste caso, é melhor “fazer um mau acordo” com o seu cão do que ficar fechando buraco e arrumando brigas com ele. Aceite o buraco se for num lugar meio escondido do seu jardim. Ele vai ficar satisfeito cm um só e não voltará a fazer novos.

Uma outra dica, para aqueles buracos que você quer tapar é fechá-los com uma mistura de água que tenha fezes do seu filhote ou até mesmo, enterrá-las no local. Certamente, ele não voltará abrir um buraco no mesmo lugar.

Cão x Jardim: Destruindo Vasos e Canteiros

Um cão mexe em um jardim por vários motivos diferentes. O cheiro da terra pode ser um deles, que desperta a curiosidade do seu cãozinho. Atraído, ele pode começar a cavar para descobrir de onde vem aquele odor. Outro detalhe, é que quando o seu animal de estimação vê uma pessoa mexendo naquela terra, trabalhando, ele não “vê” problema em fazer o mesmo. Para ele é uma brincadeira.

A dica para quem acabou de preparar um jardim é na primeira semana deixar o cão bem longe dele. É um período que os cheiros começam a sumir e o cão não despertará o endereço por remexer ou cavar buracos.

Pense bem onde vai deixar os vasos, melhor do que ficar brigando com o seu cão é evitara o problema.

Cão x Jardim: Eles Atacam as Bromélias

As bromélias são uma espécie de moringa porque acumulam água no seu interior. Além disso, essa água está sempre fresquinha e o cãozinho acha uma delícia matar a sede na sua planta. Então, se você não quer ficar brigando com o seu bichinho de estimação é melhor não ter bromélias no seu jardim.

Algumas Dicas Importantes Para Evitar Que o Cachorro Destrua o Jardim

  • Quando você tem mais de um cachorro, a mistura para colocar na terra e evitar que eles façam buracos ou remexam na terra do seu jardim deve conter fezes de ambos, misturadas a água. Não precisa muita quantidade, um pouco é o suficiente.
  • Para afastar o seu cãozinho dos vasos e dos canteiros, você pode colocar nas bordas do objeto e na volta do canteiro um pouco de repelente, uma das marcas que podem ser usadas é a Four Paws.
  • Você não pode transformar todo o seu espaço externo em jardim. O seu cão precisa ter um lugar para que ele possa brincar, principalmente, enquanto ele é um filhote. É uma forma dele crescer bem e desenvolver suas habilidades. Se for o caso, sacrifique um pouco o seu jardim nos primeiros meses do filhote para depois colocá-lo em ordem, no momento em que ele não vai querer brincar tanto.
  • Não é uma regra que o cão depois que cresce, deixa de ser filhote, perca o total interesse pela brincadeira no seu jardim. Até porque os cães adultos gostam de um bom espaço para brincarem e o seu jardim pode ser esse espaço, se você acabou com todas as outras possibilidades.
  • Não é normal que o cachorro saia destruindo tudo o que vê pela frente, se nada sobrevive a presença dele, tem alguma cosia errada. Pode ser que esteja faltando oportunidade para ele se divertir e destruir o seu jardim virou a sua brincadeira preferida. Também pode se tratar de um mau comportamento. Fique sempre de olhos abertos para identificar se tudo não passa de brincadeira ou se tem um problema maior.

Lembre-se que os cães precisam ser educados, assim como as crianças, então, comece a impor limites enquanto ele ainda está na fase de crescimento. Deixar ele fazer tudo o que quiser não é o melhor caminho, mas existem técnicas que servem para educar o seu bichinho de estimação.

Caso tenha dificuldades, procure um especialista que irá ajudá-lo a educar o seu cãozinho de estimação.

Categoria(s) do artigo:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*