Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Plastrão- Na parte ventral dos machos tem uma concavidade como se fosse um encaixe na fêmea

 

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

A reprodução dos de todos os quelônios é bem parecida.

Cágado – O tempo de reprodução do cágado é de setembro á janeiro eles fazem

o seu ninho nas margens dos rios e pântanos eles botam de 1 ovo á 12 ovos. A incubação depende das condições de temperatura e de umidade locais e podem levar até alguns meses.

Jabuti – O tempo de reprodução dos jabutis também é de setembro à janeiro, e eles

fazem os seus ninhos  no meio de folhagens. Eles botam de 1 à 14 ovos.

  • Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?
  • Tartaruga – O tempo de reprodução das tartarugas é de dezembro
  • à março, elas podem fazer de 1 à 8 ninhos, em cada ninho elas botam de 120 à 180 ovos.
  • A incubação depende das condições de temperatura e de umidade locais e podem levar até 6 à 7 meses.
  •                                    Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?              Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?
  • Curosidades
  • – O ninho tem 60 cm de profundidade os ovos que recebem mais calor do sol são as fêmeas
  • que são os ovos que estão em cima e os ovos que recebem menos calor são os machos.
  • – De 1000 tartarugas  1 ou 2 chegam na idade adulta.

Fonte:  http://amoratartarugas.pbworks.com

  1. NOVO:
  2. Face o grande número de perguntas vou colocar material técnico que vai ajudar a esclarecer
  3. ASPECTOS DA BIOLOGIA E ECOLOGIA DA TARTARUGA TIGRE D’ÁGUA Trachemys dorbigni – artigo técnico com 110 páginas em .pdf
  4. GUIA DAS TARTARUGAS DOMÉSTICAS – 84 páginas em .pdf
  5. Veja interessantes figuras sobre os órgãos internos das tartarugas:
  6. Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem? Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem? Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem? Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?
  7.  COMPARATIVO ENTRE COSTELAS E MÚSCULOS DO HOMEM E DA TARTARUGA
  8. Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?
  9. ANCESTRAL DA TARTARUGA A 260 MILHÕES DE ANOS ATRÁS NA ÁFRICA DO SUL
  10. Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?
  11. Crédito: Andrey Atuchin
  12. ETAPA INTERMEDIÁRIA DA EVOLUÇÃO DAS TARTARUGAS
  13. FÓSSIL DE TARTARUGA DE 260 MILHÕES DE ANOS ENCONTRADO NA ÁFRICA DO SUL
  14. Crédito: Tyler Lyson R.

Esse post foi publicado em Histórias de Tartarugas. Bookmark o link permanente.

Reprodução dos Répteis

Enio Yoshinori Hayasaka

Silvia Mitiko Nishida

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Os répteis são vertebrados que se tornaram totalmente independentes da água para se reproduzirem. A sua pele é seca e a respiração é feita pela respiração pulmonar.  Os anfíbios anuros conquistaram o ambiente terrestre mas para reproduzir-se necessitam da água.

O desenvolvimento do embrião e do girino dependem da água. Os repteis possuem duas inovações que selaram a conquista do ambiente terrestre pelos vertebrados: a fertilização dos óvulos dentro do corpo feminino e o desenvolvimento do embrião fora do corpo, mas dentro de uma casca protetora contra o ressecamento.

Além do saco vitelínico, esse ovo possui também um reservatório de água (chamado saco amniótico) e um local para eliminar as excretas (o alantóide). A quantidade de vitelo (suprimento de nutrientes como proteínas, carboidratos e lipídios) dos ovos das diferentes espécies de vertebrados é variável.

O vitelo é produzido pela fêmea quando ela produz os óvulos para serem fertilizados.

  • Com base na quantidade de vitelo, os vertebrados podem ser classificados em:
  • Ovos telolécitos: possuem uma quantidade ainda maior de vitelo (peixes, repteis e aves).
  • Ovos heterolécitos: possuem grande quantidade de vitelo (anfíbios).
  • Ovos oligolécitos: possuem pouco vitelo (mamíferos eutérios).
  • As populações de répteis puderam dessa maneira, espalhar pelo planeta e se diversificaram. Podemos reconhecer as quatro grandes Ordens viventes:
  • – Ordem Crocodilia (crocodilos, gaviais e jacarés)
  • – Ordem Rhynchocephalia (tuataras)
  • – Ordem Squamata (lagartos e cobras)
  • – Ordem Testudinata (tartarugas, jabutis e cágados) conhecidos como quelônios.
  • Para representar o grupo dos répteis, contaremos como é o comportamento de reprodução dos quelônios.
  • Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?   Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem? 
  •         Tartaruga marinha (Caretta caretta)                                Jabuti-piranga (Chelonoidis carbonaria)      Cágado – tigre d'água  (Trachemys dorbignyi) 

Fontes: http://pt.wikipedia.org/wiki/Cheloniidae (tartaruga-marinha);  http://pt.wikipedia.org/wiki/Jabuti (jabuti) e

http://pt.wiktionary.org/wiki/c%C3%A1gado  (cágado)

Os quelônios possuem carapaça e habitam tanto o ambiente terrestre como o aquático. Primeiro os quelônios evoluíram como animais terrestres e, depois, algumas espécies voltaram para a explorar o ambiente aquático (tanto o marinho como o de água doce).

Mesmo assim, continuam a respirar por pulmões e precisam voltar para a terra na época da reprodução pois, do contrário, os embriões se “afogariam” e morreriam.

   Entre os quelônios terrestres estão os jabutis, entre os marinhos, as tartarugas e os de água doce, cágados.

Comportamento reprodutivo do jabuti-piranga (Chelonoidis carbonaria).

Quando chega a época da reprodução, na primavera, os machos de jabuti-piranga brigam entre si e competem pelas  fêmeas. O macho transfere o sêmen para dentro do corpo da fêmea, montando sobre ela, pelas costas.

Depois a fêmea procura um local adequado e cava um buraco para depositar de de 10 a 15 ovos. A incubação é bem demorada  (6 a 9 meses) e quando nascem, a carapaça dos jabutizinhos ainda não é dura e ficam muito vulneráveis aos predadores.

  Após a eclosão dos ovos, os filhotes nascem e cada um estará por conta, não havendo o cuidado da prole.

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Comportamento reprodutivo da tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta)

Essa tartaruga marinha é um animal solitário e fica no mar a maior parte do tempo. No Brasil, o Projeto Tamar (programa do governo em prol da conservação das tartarugas marinhas) faz um trabalho muito bacana e graças a isso, sabemos muita coisa sobre o seu comportamento.

O acasalamento da tartaruga marinha ocorre no mar. É a fêmea quem escolhe um parceiro entre vários machos mas a mesma fêmea pode receber os espermatozóides de vários machos. Numa mesma estação de reprodução, a fêmea pode desovar de três a cinco vezes,  a cada 10 dias.

Ela viaja milhares que quilômetros para desovar na praia, à noite.  A incubação ocorre graças ao calor da areia aquecida pelo sol.

Depois de 40 a 60 dias após a postura, as  tartaruguinhas nascem e correm em direção ao mar sem precisar do cuidado da mãe ou do pai! Clique aqui e veja o nascimento de uma tartaruguinha.

Você sabia que o sexo das tartarugas é determinado pela temperatura? Pois é: quando estiver acima de 29ºC nascem mais fêmeas e nas temperaturas mais baixas, como abaixo de 29ºC nascem mais machos!!

Agora é hora de recrear: vamos fazer os origamis de uma tartaruga marinha? Clique aqui.

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem? Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem? Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?
Tartaruga fêmea Ovos Filhotes
  1. LINKS INTERESSANTES PARA VISITAR E SABER MAIS SOBRE ANFÍBIOS
  2. Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?Só Biologia. Répteis
  3. Zoológico do Estado de São Paulo. Repteis
  4. Veja um artigo sobre Repteis

Projeto Tamar. Baixe um documento (.pdf) Visite: é muito bacana.

  • Veja as partes de um ovo e compare os diferentes tipos (galinha x codorna) Tipos de ovos
  • Ibama. Cartilha-Lei dos Crimes Ambientais
  • Tartarugas AVPH
  • Desenvolvimento embrionário
  • Webquest sobre Vertebrados
Leia também:  Como Se Chama Uma Pessoa Que Não Tem Religião?

Como saber se minha tartaruga de terra está grávida

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

  • Se tem como pet uma tartaruga fêmea já sabe que, nas condições adequadas esta pode ficar grávida e é de grande importância que consiga detetar esta situação o quanto antes para adaptar assim o ambiente do seu pet às suas necessidades específicas e poder recorrer ao veterinário perante qualquer sinal que indique problemas durante esta fase.
  • Pode parecer que ao se tratar de uma tartaruga se torne mais difícil perceber determinadas situações especiais, como uma gravidez, mas com o conhecimento adequado e paciência pode saber exatamente o que está acontecendo com o seu pet.
  • Neste artigo do PeritoAnimal vamos esclarecer alguns aspectos da reprodução da tartaruga e explicar como saber se uma tartaruga de terra está grávida.

A tartaruga é um réptil vertebrado de natureza ovípara, ou seja, que se reproduz com ovos. Existe uma grande variedade de raças diferentes e inclusive algumas espécies vivem protegidas uma vez que se encontram em perigo de extinção. Para evitar que a sua tartaruga sofra qualquer dano, deve ter sempre cuidado com os outros pets que tiver em casa.

Para saber mais sobre a reprodução e a gravidez da tartaruga, deve saber que em condições saudáveis, esta alcança a maturidade sexual aproximadamente aos 7-10 anos de idade, e a partir deste momento, se acopular com uma tartaruga macho inicia-se o processo de reprodução da tartaruga, que podemos resumir da seguinte forma:

  • As cópulas ocorrem entre os meses de abril e junho.
  • A tartaruga fêmea tem a capacidade de guardar o esperma no seu interior para fertilizar os ovos que vai pondo, este esperma pode se conservar e ser funcional durante 3 anos.
  • Em cada gravidez a fêmea põe entre 2 e 12 ovos, apesar deste valor variar dependendo da espécie em concreto.
  • A eclosão dos ovos ocorre entre agosto e outubro.

Também deve ter em conta que a incubação é mais curta a uma temperatura mais elevada, o que pode influenciar no momento da eclosão.

Como referimos anteriormente, existem muitos tipos de tartarugas e este ciclo reprodutivo faz referência especificamente à tartaruga de terra.

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Para saber se a sua tartaruga está grávida, vai precisar de recorrer a uma técnica de palpação para verificar assim se no seu interior há ovos.

Para isso tem de apalpar o abdômen seguindo estes passos:

  • Quando o fizer é normal que a tartaruga resista e não queira que você mexa.
  • Deve aproveitar o seu movimento para bloquear uma das suas patas traseiras, apoie um dos seus dedos no interior da pata e impeça o seu movimento assim.
  • Bloquear uma das suas patas dar-lhe-à acesso à lateral do seu abdômen, zona na qual deve prestar especial atenção.
  • Pressione suavemente um ou dois dedos na lateral do abdômen para proceder à palpação, se a zona estiver mole é porque está apalpando vísceras, mas se pelo contrário notar uma forma esférica e dura, é porque a sua tartaruga está grávida.

Apesar da palpação abdominal ser o método mais viável para confirmar a gravidez de uma tartaruga, também podemos observar indícios de gravidez no seu comportamento, uma vez que quando uma tartaruga põe ovos começa a escavar vários buracos no solo e neste momento é muito importante que conte com terra mole para o fazer, caso contrário pode reter os ovos, o que representa um grave risco para o seu animal de estimação.

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Durante a gravidez da tartaruga deve prestar especial atenção a determinados sinais que, apesar de não indicarem um problema durante o período de reprodução, podem indicar uma doença:

  • Olhos vermelhos e inchados
  • Secreção nasal
  • Falta de apetite
  • Problemas na carapaça
  • Manchas na pele
  • Perda de peso
  • Dificuldade respiratória
  • Edemas
  • Cabeça inchada

Na presença de qualquer um destes sinais é importante consultar o veterinário o quanto antes, já que como referimos estes podem indicar alguma doença, que ganhará ainda mais relevância se a nossa tartaruga se encontrar em estado de gestação.

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Se deseja ler mais artigos parecidos a Como saber se minha tartaruga de terra está grávida, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Gestação.

É época de reprodução das tartarugas marinhas: ajude a protegê-las!

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Entre setembro e março, por toda a costa brasileira, acontece o período de desova e nascimento das tartarugas marinhas. Nesta época, a mais quente do ano, milhares de animais voltam às mesmas praias onde nasceram anos atrás para se reproduzir.

Durante a primavera, do norte do Rio de Janeiro ao norte do Rio Grande do Norte, as fêmeas fazem de duas até nove desovas cada, dependendo da espéciea que pertencem.

No Brasil, há 35 anos o Projeto Tamar trabalha pela proteção e conservação das tartarugas marinhas. E é justamente no período da desova em que as equipes têm maior trabalho. Diariamente elas fazem o monitoramento dos ninhos.

“Graças ao trabalho de sensibilização, educação ambiental e de inclusão social junto às comunidades locais e turistas, hoje, 99% dos ninhos permanecem em seu local original”, afirma a oceanógrafa Neca Marcovaldi,  coordenadora de conservação e pesquisa do Tamar.

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Grupo de filhotes rumo ao mar

Ao nascerem, logo após a eclosão do ovo, os filhotes de tartarugas marinhas rumam imediatamente para a água. Em alto-mar, alimentam-se de algas (principalmente sargaços) e matéria orgânica flutuante. Durante os próximos anos de sua vida, estes animais migram pelo oceano.

O tempo para alcançar a maturidade varia de espécie para espécie. A grande maioria delas só se torna adulta entre os 20 e 30 anos. Mas a tartaruga oliva, por exemplo, só precisa de 11 a 16 anos.

O acasalamento ocorre em águas profundas ou costeiras, normalmente próximas às áreas de desova. A fêmea pode ser fecundada por vários machos, menores (em tamanho) que elas.

O anoitecer, quando a areia não está tão quente, é o horário escolhido pelas tartarugas marinhas para a desova. Com as nadadeiras, elas constróem as chamadas “camas” e posteriormente, o buraco para os ovos. Os ninhos têm em média 120 ovos.

O período de incubação é de 45 a 60 dias, dependendo do calor do sol. Frequentemente, os ovos eclodem à noite, o que faz com os filhotes tenham mais chance de chegar seguros à água. Entre seus principais predadores estão siris, aves marinhas, polvos e principalmente, peixes.

Leia também:  Como Saber Qual O Emprego Certo Para Mim?

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

Estima-se que, de cada mil filhotes, apenas um ou dois atingem a idade adulta

Um dos fatos mais interessantes da reprodução das tartarugas marinhas é como o sexo do filhote é definido. É a temperatura da areia que vai estabelecer se nascerá um filhotinho ou uma filhotinha. Temperaturas altas (acima de 30 ºC) produzem mais fêmeas e mais baixas (abaixo de 29 ºC) machos.

Aumenta proteção às tartaguras marinhas no Brasil

Tartarugas marinhas são animais que podem viver mais de 100 anos. No mundo todo, até hoje, são conhecidas sete espécies. Cinco delas são encontradas na costa brasileira: Cabeçuda ou Mestiça, Verde ou Aruanã, de Pente ou Legítima (a mais ameaçada), Couro ou Gigante (a maior de todas as espécies) e Oliva.

No começo de novembro, o governo reforçou algumas medidas para diminuir o número de mortes de tartarugas no país. A mortandade acontece, sobretudo, por causa da captura incidental, ou seja, barcos pesqueiros que pegam tartarugas em suas redes. Na maioria das vezes, elas acabam morrendo.

Segundo portaria do Diário Oficial da União, torna-se obrigatória a utilização de anzóis circulares por embarcações nacionais e estrangeiras arrendadas.

O anzol circular se caractetriza por ter a ponta farpada voltada para dentro e além de diminuir as taxas de captura de tartarugas, devido ao seu formato mais largo, também reduz a incidência da ingestão do anzol, o que possibilita um aumento da capacidade de sobrevivência da tartaruga marinha pós-captura… todas as embarcações de pesca que operam na modalidade de espinhel horizontal de superfície, ficam obrigadas a dispor a bordo, desde o porto de origem até o porto de destino e nas operações de pesca, de equipamentos de segurança para o correto manuseio das tartarugas a bordo”.

Todos podem ajudar!

  • E você, o que pode fazer para proteger as tartarugas marinhas?
  • O Projeto Tamar fez uma lista de recomendações:
  • Incidência de luz artificial na praia: desorienta as tartaruguinhas na sua busca pelo mar e afugenta as fêmeas prestes a desovar;
  • Trânsito de veículos na areia: pode prejudicar ninhos, filhotes e atropelar ou afugentar as fêmeas prestes a desovar;
  • – Interferência nos locais de marcação de ninhos: mobiliários de praia (cadeiras, barracas etc) podem danificar ninhos e desorientar as equipes de campo em relação à localização;
  • Lixo: na areia, torna-se obstáculo tanto para fêmeas que vão fazer seus ninhos, como para filhotes a caminho da água. No mar, confunde as tartarugas e pode ser engolido por engano;
  • Animais domésticos e raposas: podem matar as fêmeas, filhotes e destruir ninhos.
  • E se você encontrar algum ninho ou filhote?

– Tente colocá-los na areia da praia, próximo ao mar. Se encontrar filhotes nascendo no ninho deixe o processo ocorrer naturalmente, ou direcione-os ao mar, longe de qualquer foco de luz, como a de postes e de residências, que pode desorientá-los.

  1. – Ao encontrar alguma tartaruga ou filhote debilitado, se possível entre em contato com o Projeto Tamar para obter informações de como agir, ou ligue para o  Batalhão Militar da Polícia Ambiental mais próximo para que uma equipe vá ao local e efetue o resgate do animal.
  2. *Com informações do Projeto Tamar e ICMBio
  3. Leia também:
    Após resgate e tratamento, tartarugas são devolvidas ao mar no litoral de São Paulo
    Tartarugas marinhas: sua sobrevivência depende de projetos de preservação
    Criação de reserva de proteção pode salvar da extinção cágado-do-paraíba
    Tartaruga mais velha do mundo é homossexual. Descoberta reacende debate sobre casamento gay em ilha moralista
  4. Fotos: divulgação Projeto Tamar

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos.

Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável.

Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Por que a tartaruga sai do mar para botar seus ovos?

Estava conversando um dia desses com a Diná sobre namoro. Mas calma aí, galera! Estávamos falando sobre o namoro das tartarugas… Isso porque achamos muito interessante a pergunta que a nossa leitora Mariele enviou:

Eu queria saber mais sobre o amor das tartarugas-marinhas. Por que a mamãe tartaruga sai do mar para colocar os ovinhos e depois volta para o mar?

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

As tartarugas-marinhas colocam cerca de 120 ovos na areia. Depois de 60 dias, as tartaruguinhas nascem (Foto: muhawi001 / Flickr / CC BY-NC-ND 2.0)

Fui conversar com o biólogo Rodrigo Bramili, que trabalha no Projeto TAMAR do Rio de Janeiro. Ele contou que as tartarugas-marinhas vivem quase todo o tempo de sua vida no mar, mas dependem das praias para se reproduzir.

“Os peixes se reproduzem e respiram dentro da água, mas as tartarugas-marinhas precisam respirar o ar na superfície e seus ovos não se desenvolvem dentro do mar”, explica o pesquisador. “A mamãe tartaruga coloca seus ovos na praia para que o calor da areia ajude as tartarugas a se desenvolverem dentro deles”.

Por outro lado, ela precisa voltar para o mar porque é adaptada à vida marinha, e não terrestre. “Seu corpo é hidrodinâmico, ou seja, achatado e alongado, o que facilita seu deslocamento na água. Todo o seu alimento está no mar e ela só depende das praias para depositar seus ovos”, completa Rodrigo.

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

As tartaruguinhas, assim que saem dos ovos, vão direto para o mar (Foto: Rodrigo Bramili)

“Fala do namoro deles!”, a Diná está gritando aqui. Então lá vai: Rodrigo contou que as tartarugas-marinhas namoram dentro do mar, e depois a fêmea volta à mesma praia em que nasceu para poder colocar os seus ovinhos. Mesmo 30 anos depois, elas ainda sabem localizar a tal praia. Incrível, não é?

Reprodução das tartarugas

Como É Que As Tartarugas Se Reproduzem?

A reprodução das tartarugas é algo que suscita a curiosidade de muita gente. Muitos não conseguem imaginar como é que fazem para se multiplicar sendo animais que se movem muito lentamente, sempre isolados pela sua grande carapaça…

Mas o que é certo é que se tratam de répteis, e como acontece com todos os répteis, as tartarugas surgem de ovos. A criação de tartarugas em cativeiro é uma tarefa bastante difícil, no entanto é importante saber como é que acontece. Isso é o que veremos na continuação.

Leia também:  Como Limpar Aliança De Prata Que Ficou Preta?

Acasalamento

Tudo começa através de uma mistura de movimentos e sons que cada espécie tem preparada naturalmente para atrair as fêmeas. Decorre toda uma dança para que o macho consiga cativar a fêmea o suficiente para se copularem. Esta dança dura poucos minutos.

Caso a fêmea aceite, então o macho monta-se na sua carapaça com a ajuda das suas unhas compridas (característica normal das tartarugas macho exactamente para este efeito). A carapaça côncava na base do macho encaixa na perfeição na carapaça da fêmea e o macho por sua vez dobra a cauda, para colocar o seu pénis na cloaca da fêmea.

Após alguns minutos ele coloca o esperma dentro da cloaca e continua montado na fêmea durante uma serie de minutos, podendo ficar até uma hora. É normal durante todo este tempo o macho ter alguns comportamentos agressivos, pois todo este ritual é relativamente agressivo no que toca às tartarugas.

Colocação dos ovos

Do mesmo sítio onde entra o esperma (cloaca) também irão sair os ovos já férteis. A fêmea irá preparar com antecedência um pequeno buraco ou preparar um pequeno ninho onde os irá coloca. O buraco será grande o suficiente para que o seu corpo caiba e dentro desse buraco fará um ligeiramente mais pequeno para colocar a sua cauda (localização da cloaca).

Após este pequeno ninho estar pronto, a fêmea finalmente colocará os seus ovos. Uma tartaruga em cativeiro por norma não coloca muitos ovos, mas uma selvagem pode colocar até 100 ovos. Tudo depende da espécie, tamanho e ambiente em que esta vive.

Eclosão dos ovos

Mesmo após o nascimento, é normal as crias ficará perto de um mês dentro dos ovos. Estas vão alimentar-se da gema e quando acabarem com esta elas irão partir a casca do ovo através do seu “dente de ovo”, uma espécie de dente que serve exclusivamente para partir a casca do ovo, e que cai depois do seu uso.

Como se reproduzem as tartarugas?

Se tem uma tartaruga macho e uma fêmea em casa, é possível que elas reproduzam. Sabe como isso acontece? Em primeiro lugar, para evitar surpresas, caso não pretenda que elas se reproduzam, é importante saber distinguir a tartaruga macho da tartaruga fêmea.

Caso o seu objetivo seja a reprodução das tartarugas, saibam que há alguns cuidados a ter e que este não é um processo simples, quando as tartarugas vivem em cativeiro. Antes de pensar na reprodução das suas tartarugas, certifique-se que elas já têm idade para tal: os machos não devem ter menos de três anos e as fêmeas de cinco.

É necessário propiciar algumas condições para a reprodução das tartarugas, tais como, um clima favorável.

Como distinguir o sexo das tartarugas?

A distinção do sexo das tartarugas não é difícil. Basta olhar para a parte inferior da carapaça: a tartaruga macho tem essa parte em formato côncavo, ao contrário do que acontece com a tartaruga fêmea, cuja carapaça inferior é plana, ou ligeiramente convexa.

Como se reproduzem?

Agora que sabe como distinguir o sexo das tartarugas, poderá querer saber como elas se reproduzem. Não se esqueça da idade: é importante que as fêmeas tenham mais de cinco anos e os machos mais de três anos de idade.

Inicialmente, os machos atraem as fêmeas através de sons e movimentos, como se de uma dança se tratasse. De notar que o macho poderá rejeitar determinada fêmea.

Se o seu objetivo for mesmo a reprodução, poderá ter mais do que uma tartaruga fêmea e, assim, a tartaruga macho poderá escolher.

Por sua vez, a fêmea poderá ser fecundada por vários machos, assim como um macho poderá acasalar com várias fêmeas.

Uma das características da tartaruga macho são as unhas compridas – é o que usam para montar em cima das fêmeas. A carapaça côncava do macho encaixa na carapaça superior da tartaruga fêmea e é aqui que ocorre a fecundação.

Como cuidar dos ovos?

Após a fecundação, a fêmea irá criar um ninho para colocar os ovos. Para isso, deverá proporcionar-lhe um local indicado. As tartarugas nunca colocam os ovos dentro de água.

Em habitat natural, as tartarugas fêmeas saem da água e é na areia, ou em solo húmido, que fazem o ninho para colocar os ovos, numa profundidade suficiente para os ovos e também para o corpo da própria tartaruga.

Para humedecer o solo, a tartaruga usa a própria urina e caso encontre obstáculos, como um solo que não consiga escavar bem, muda de local.

O número de ovos que a tartaruga irá colocar depende sempre da espécie. No caso das tartarugas domésticas, poderá ser necessário o uso de uma incubadora, cuja temperatura não deve passar dos 30º Celsius. Deve ter especial cuidado ao manusear os ovos, pois são muito frágeis. Dependendo sempre da espécie da tartaruga, as crias podem demorar cerca de 90 dias a nascer.

As crias de tartaruga têm um dente que serve especificamente para partir o ovo. Após o nascimento, as crias podem permanecer durante alguns dias dentro da casca de ovo, alimentando-se dela, e não necessitam de ajuda para sair. Quando saírem do ovo deve tirar a respetiva casca, para que não contamine as restantes crias que poderão ainda não ter saído do ovo.

Sabia que é a temperatura que define o género da tartaruga?

Dos ovos gerados em temperaturas mais baixas nascerão tartarugas do sexo masculino, enquanto dos ovos gerados em temperaturas mais altas nascerão fêmeas. Em habitat natural, os ovos que ficam por baixo têm maior humidade, por isso, serão machos. Os que ficam por cima serão fêmeas – apanham mais sol e estão num clima mais seco.

Tal como acontece quando em habitat natural, por muito cuidado que tenha com as suas tartarugas, elas podem não sobreviver ao primeiro ano de vida, ou podem mesmo morrer ainda antes do nascimento. Habitualmente, assim que nasce uma cria, as outras nascem logo de seguida. Caso tenha ovos cujas crias não nasceram, deve esperar durante mais alguns dias para ter a certeza que não sobreviveu.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*