Como Consolar Alguem Que Perdeu O Pai?

Como Consolar Alguem Que Perdeu O Pai?

Você já se perguntou o que dizer quando alguém perde um ente querido? Mesmo não sendo fácil encontrar palavras de conforto para amenizar a perda que um amigo sofreu, é preciso dizer algo para oferecer sua empatia e mostrar seu apoio à pessoa. Nesse artigo você vê frases de luto que podem ser ditas nesse momento.

  • Você
    também pode gostar de ler:
  • ➡️ Como é a doação de órgãos no Brasil?
  • ➡️ Significado da missa de sétimo dia
  • ➡️ Tudo sobre o processo de cremação

Uma das coisas mais difíceis para a maioria das pessoas é encontrar as
palavras certas para dizer depois que alguém morre. Já é triste o suficiente
alguém ter morrido, então ninguém quer escorregar e dizer algo para fazer com
que os membros da família se sintam piores.

Algumas pessoas divagam quando estão nervosas. Assim, concentre-se em manter sua conversa breve e focada no que você deseja. O mais importante é mostrar simpatia e compreensão no menor número de palavras possível.

Pode
ser tentador evitar falar com a família enlutada por completo, mas isso não é
bom! Em vez de evitar a conversa, dedique algum tempo para pensar nas palavras
que oferecerão mais conforto.

Faça
isso de acordo com as personalidades e temperamentos deles. Mantenha a
comunicação curta, mas reconfortante.

É natural que suas primeiras palavras de condolências sejam ainda no velório. Assim, ofereça sua simpatia, abrace a pessoa (se for apropriado) e depois se afaste para deixar outra pessoa ter a chance de oferecer condolências. Se a pessoa quiser conversar, ouça. Às vezes, é melhor não dizer nada, mas simplesmente estar lá para mostrar seu apoio.

Como Consolar Alguem Que Perdeu O Pai?

Se você não sabe o que dizer quando alguém perde um ente querido, não está sozinho. A maioria das pessoas se sente desconfortável nessa situação. Pense antes de falar para não dizer algo do qual se arrependerá depois! Abaixo seguem alguns exemplos de frases de luto para confortar um amigo que perdeu alguém:

  1. ✔️Não há palavras para dizer o
    quanto sinto muito, mas apenas saiba que me importo;
  2. ✔️Por favor, saiba que você e
    sua família estão em nossos pensamentos e orações;
  3. ✔️Estou tão triste por saber da
    sua perda;
  4. ✔️Se você quiser conversar, não
    hesite em me ligar;
  5. ✔️ [Nome da pessoa falecida]
    trouxe muita alegria a todos ao seu redor. Muitos sentirão sua falta;
  6. ✔️ Minha lembrança favorita do (a) [nome da pessoa falecida] foi…;
  7. ✔️ Sempre me lembrarei de [nome da pessoa falecida] e do tamanho do amor que ele (a) sentia por você e pelo resto da família;
  8. ✔️ Se houver algo que eu possa fazer para ajudar, entre em contato;
  9. ✔️ [Nome da pessoa] era uma luz
    tão brilhante na vida de tantas pessoas. Todos sentiremos muito sua falta;
  10. ✔️Por favor, saiba que eu
    estarei aqui para você quando precisar conversar;
  11. ✔️Não posso nem começar a
    expressar como meu coração dói por você. Você estará em meus pensamentos e
    orações;

✔️ [Nome do ente falecido] era uma pessoa tão generosa. Todos sentiremos sua falta, mas o legado dele (a) estará em todo o grande trabalho que ele(a) fez.

Como Consolar Alguem Que Perdeu O Pai?

Essas
palavras podem ser ditas antes ou depois do velório. Você ainda pode usá-las em
um cartão de condolências. O importante é você evitar tentar explicar o motivo
da morte da pessoa.

Ou agir como se o falecido ou a família estivessem melhor, mesmo que a pessoa que morreu tenha sofrido por semanas meses ou anos. As pessoas próximas a ele sempre sentirão uma dor que não pode ser lavada pelas explicações!

  • Dessa forma, existem algumas frases de luto que devem ser evitadas:
  • ❌ Pelo menos ela viveu uma vida longa, muitas pessoas morrem jovens;
  • ❌ Ele está em um lugar melhor;
  • ❌ Há uma razão para tudo;
  • ❌ Você ainda pode ter outro filho;
  • ❌ Ela era uma pessoa tão boa que Deus queria que ela estivesse com Ele;
  • ❌ Eu sei como você se sente;
  • ❌ Ela fez o que veio fazer aqui e estava na hora de partir;
  • ❌ Seja forte.

Além disso, também não se deve apressar o processo de luto da pessoa. É muito insensível achar que porque já faz um tempo que o ente querido se foi, a pessoa precisa ter superado. Cada um tem seu tempo e é essencial respeitá-lo, sempre mostrando que está lá para ajudar seu amigo.

Como Consolar Alguem Que Perdeu O Pai?

➡️ As 5 Fases do Luto – Blog da Ultimum Vale

Às
vezes, pode ser um erro apenas perguntar às pessoas profundamente aflitas como
é possível ajuda-las. Muitas vezes, o enlutado está perdido demais em sua
própria tristeza para identificar necessidades. Tudo bem em perguntar. Mas
saiba que você pode só intervir e ajudar.

Por exemplo, depois do funeral, traga alguns alimentos para que a família não precise se preocupar em cozinhar, mas ainda possa comer bem. Se você está preocupado, é porque você conhece a vida deles. Ofereça para pegar as crianças, ajude no quintal, ofereça para levar recados. Tudo o que você achar que será uma boa forma de ajuda para facilitar a vida deles nesse momento difícil.

A
Ultimum Vale é uma Casa de Velório que tem o intuito de amenizar esse momento
delicado na vida de familiares e amigos. Contamos com uma equipe atenta,
discreta e acolhedora, assim como um espaço agradável e diferenciado, para homenagear
da melhor maneira aqueles que se foram.

Saiba
mais sobre Velório Privativo entrando em contato com nossa equipe:

Desejo saber mais

Como consolar um amigo que perdeu alguém querido

Como Consolar Alguem Que Perdeu O Pai?Nesse momento há sempre o medo de que qualquer palavra soe fria, saia do contexto e não transmita o que realmente estamos sentindo| Foto: Anastasia Vityukova/Unsplash

Se tem uma situação embaraçosa, daquelas que a gente nunca sabe exatamente o que dizer, é encarar um amigo que acabou de perder alguém. Digo por experiência própria: o cérebro hesita e o corpo trava. O medo é que qualquer palavra soe fria, saia do contexto e não transmita o que realmente estamos sentindo – um equilíbrio entre empatia e solidariedade difícil de alcançar.

Nós já mostramos aqui que não dá para pensar positivo o tempo todo e muito menos “pôr panos quentes” em uma ocasião em que não sabemos o real tamanho do sofrimento do outro.

Mas, ao mesmo tempo, há o desejo de confortar a pessoa e mostrar que não ficamos alheios ao que ela sente.

Para clarear esse impasse do campo dos relacionamentos, o Sempre Família ouviu dois especialistas, que apresentaram caminhos de como fazer isso.

Acolha

A psicóloga Mariana Bayer, mestre em aconselhamento em luto, perdas e traumas e sócia fundadora do Instituto Trilhar, avalia que “o luto pela morte é uma dor que não se mede”.

Para ela, esse é um dos casos em que o silêncio é a melhor forma de expressar compaixão. “O que eu percebo é que não é nem o falar, mas demonstrar que você está disponível.

Simplesmente acolha a pessoa e, se sentir vontade, diga: 'Tô aqui com você', 'Conte comigo', 'Eu sinto muito'”, orienta.

Mariana também ressalta que funeral não é momento de impor suas crenças religiosas ao enlutado.

“A não ser que você conheça muito bem a pessoa, não é o ideal dizer coisas do tipo: 'Ele foi para um bom lugar', 'está melhor do que nós' ou 'pelo menos descansou'”, indica.

Frases como “Não fique assim, vai passar” e “Logo você se acostuma” igualmente não geram o efeito desejado.

Já Cloves Amorim, professor do curso de Psicologia da PUC-PR, lembra que o luto não é pontual e que há, inclusive, quem leve meses para retomar a vida depois de uma perda. “Existe um protocolo de pós-morte a ser seguido.

Ligue para a pessoa, pergunte se está se alimentando, se tomou banho, se está cozinhando”, diz já levando em conta as restrições da Covid-19.

Segundo ele, esses são sinais de que seu amigo não deixou de lado os cuidados básicos com a autoimagem – um bom indicativo.

Ainda pelo que recomenda o psicólogo, se fazer presente, mandando mensagens ou enviando mimos (como alimentos prontos para o consumo) também fazem parte da etiqueta de acolhida.

O que não dizer

Mas se para você é importante externar seu apoio com palavras, aqui vão algumas sugestões do que evitar, afim de que sua presença na vida desta pessoa seja realmente vista como um apoio. Elas foram extraídas de uma entrevista concedida por Rebecca Soffer, uma das fundadoras do site Modern Loss, especializado em luto, ao portal Real Simple.

  • “Você está bem?”: evite esta pergunta, porque a pessoa em luto poderá entender algo como: “Por favor, diga que está tudo certo, porque não sei lidar com essa situação”. Escolha dizer algo como “Deve ser difícil esse momento”;
  • “Ele está em um lugar melhor”: pode parecer que não, mas para seu amigo essa frase pode soar como se fosse estivesse desmerecendo a dor dele. No lugar disso diga: “Sinto por seu sofrimento”;
  • “Eu sei o que você está sentindo”: ainda que você tenha passado por situação semelhante a de seu amigo, nós nunca conseguiremos compreender com exatidão a dor do outro, a ponto de expressar em palavras. Tente dizer algo como “Eu imagino o que você pode estar sentindo agora e estou aqui por você”;
  • “Você está lidando com isso melhor do que eu imaginaria”: talvez seu amigo esteja apenas usando uma máscara de tranquilidade, quando no fim das contas ele está sentindo um vazio inexplicável. Diga então: “Você não está bem e não tem problema algum nisso”.
Leia também:  Como Recuperar O Que Foi Apagado Do Celular?

O que dizer e o que não dizer para alguém que está sofrendo por uma perda. Maria Alice Fontes

Você já se viu num velório ou numa missa de sétimo dia, sem saber o que dizer?

O processo de luto é mesmo bem complexo, e você querer dar o seu apoio, mas nem sempre sabe qual a melhor mensagem a dizer. Será que a pessoa enlutada irá se beneficiar do que você tem a dizer? 

Confortar alguém que sofre é uma ação de generosidade e amor. Mas muitas pessoas têm dúvidas sobre o que dizer quando alguém perde um ente querido.

A dor do luto é muito forte e realmente é difícil encontrar palavras que ajudem a consolar os que ficaram. Neste momento, é essencial ter empatia e respeito, evitando frases prontas que não ajudam a confortar e podem inclusive piorar a situação.

Independente do que falar, o mais importante é entender os princípios da situação para que suas palavras saiam de forma genuína e ajudem quem está sofrendo.

Regra no.1: Não é sobre você!

Muitos amigos e conhecidos querem falar sobre suas próprias perdas e como isso os afetou.

Entretanto, cada perda tem um significado diferente para cada pessoa e compartilhar suas próprias histórias de luto, nem sempre irá conectar com o que o enlutado está sofrendo.

Às vezes, as pessoas achavam que falar sobre suas perdas mostra que eles entendem como o outro se sente, mas a tristeza de cada um é particular, pois tem significados e histórias diferentes. 

Frases como: “Ai meu Deus, eu nunca poderia aguentar o que você está passando!”, podem ser inapropriadas, porque caso você estivesse na mesma situação poderia mobilizar recursos internos e, enfrentar os desafios como a pessoa que está enlutada. Nós nunca estamos preparados para uma perda e o processo de luto irá abrir as portas para vivenciar este sentimento. 

Outra frase a ser evitada é: “eu não liguei porque imaginei que você queria ficar sozinho”.

Mesmo sem vontade, você deve sempre ligar, escrever, enviar um e-mail ou uma mensagem de texto, porque a presença dos amigos é fundamental nos momentos de dor.

Todos querem se sentir pertencentes e queridos, fazendo parte de uma rede de apoio. Quem quer ficar sozinho, sempre pode e irá ler as mensagens quando estiver num momento oportuno para tal. 

 “Eu não visitei porque eu odeio hospitais.” Lembre-se que ninguém gosta de hospitais, a menos que você esteja visitando um bebê recém nascido. Mesmo que não goste de hospitais, velórios e cemitérios tente ir porque a presença dos amigos, agindo sem palavras pode significar muito. 

 “Sinto muito pela morte do seu… devido ao câncer de pulmão. Ele fumava?” Ou, se fosse um infarto,“Ele estava com sobrepeso?” Com essas frases você está apenas tentando encontrar garantia de que essas coisas assustadoras não irão acontecer com você, mas isso não é nada empático. 

Outra frase típica é: “Por favor, avise se você precisa de alguma coisa”. Sabe-se que o enlutado dificilmente irá ligar para alguém de forma aleatória neste momento, colocando a responsabilidade sobre o enlutado de ser a pessoa a pedir ajuda. Ele apenas irá responder e se conectar com as pessoas que estão mais próximas. 

Regra no. 2: Não há nada de positivo numa perda.

Por favor não tente trazer algo de bom no momento inicial da perda. Observações que visam acalmar ou melhorar seu humor, podem ser um um gesto gentil, mas na prática, nunca são bem vindos.

Quando você perdeu alguém que ama, está inicialmente num lugar escuro e difícil. Nada que alguém possa dizer vai animá-lo, especialmente observações que começam com as frases do tipo: “pelo menos…”.

“Pelo menos ele não está mais sofrendo”, é uma afirmação particularmente inútil no início do luto. Outra frase ruim é “pelo menos agora você pode ter sua própria vida”.

Lembre-se que as pessoas têm as suas próprias vidas e agora terão a mesma situação mas sem a pessoa querida. 

Se você pensa em começar como uma frase tipo: “pelo menos”, por favor, apenas pare e reflita, pois pode não ser útil no primeiro momento do luto.

Desta forma, você poder estar tentando forçá-los a olhar para o positivo, quando estão se sentindo devastados.

Apenas reconheça que a situação é suficientemente ruim exatamente como é, e apenas valide os  sentimentos, começando com: “eu percebo… ” e dando um sentimento genuíno depois.

“Eu percebo que você está devastado com essa perda, e eu estou aqui do seu lado.” talvez seja o mais apropriado para falar. 

Cuidado com as piadas, pois elas podem ser bastante complicadas mesmo nas melhores circunstâncias. Quando alguém está em sofrimento emocional, pode ser extremamente incômodo qualquer tipo de ironia ou piada. 

Regra no. 3: Tenha cuidado com a religião.

Colocar suas crenças sobre Deus e o céu para uma pessoa não religiosa pode não ser bem recebido. Se o enlutado não compartilha suas crenças, é provável que você não consiga tocar ou fazer a pessoa mudar de ideia neste momento difícil. 

Frases como: “Deus nunca lhe dá mais do que você pode carregar” é universalmente conhecido como um dos comentários mais cruéis para pais devastados receberem. Isso sugere que os pais são fracos por se sentirem devastados. É um comentário insensível e que não agrega nada de empático. 

A menos que você esteja certo de que o enlutado compartilha sua crença religiosa, evite comentários como: “Ele está em um lugar melhor agora”; “era o plano de Deus” ou “Deus o queria no céu e você o verá novamente algum dia” não costumam ser frases que ajudem quem está sofrendo. 

Regra no. 4: Deixe-os sentir

Um último conselho. Não diga a uma pessoa enlutada como ela deve se sentir. Eles podem precisar se sentir vulneráveis. Podem precisar chorar por dias seguidos e não são frases como: “Fique forte” ou “Seja forte”, que irão ajudar. 

Reconheça que os sentimentos serão confusos e complexos num primeiro momento e que tudo bem se sentir vulnerável e frágil de início. Depois que os sentimentos puderem ser encarados, o enlutado irá ressignificar a perda e poderá passar, como num túnel, para o outro lado e sair mais forte do que entrou. 

De fato, a coisa mais útil que pode escutar é “Qualquer coisa que você esteja sentindo agora, saiba que eu estou aqui com você e tudo bem ser vulnerável”. Deixe claro que é libertador poder se entristecer, pois muitos pensavam que devemos nos livrar rapidamente da dor, mas ter a permissão para experimentar os sentimentos mais duros e sair do outro lado é muito saudável emocionalmente. 

Então o que você pode fazer e o que deveria dizer?

Se você conheceu a pessoa que morreu, vale contar ao enlutado uma história sobre essa pessoa, de preferência por escrito, porque a família terá tempo para ler e compartilhar. Não há melhor presente maior do que uma história sobre o ente querido no exato momento em que parece que nunca haverá mais novas histórias.

Mas se você não conheceu a pessoa que morreu, pode ainda falar algo sobre quem você tem relacionamento. Como por exemplo: Eu não conhecia o seu [mãe / pai / amigo / irmão / criança], mas conhecendo como você é, ele / ela deve ter sido muito [bom adjetivo aqui].

Se você tiver apenas um momento para interagir com os enlutados, como num enterro ou evento religioso, aqui estão algumas sugestões:

“Eu sei o quanto você a amava. Eu sinto muito.” 

“Eu não posso imaginar o que você está passando, mas estou aqui para ouvir se você precisar de mim.”

“Eu sinto muito, ofereço os meus sentimentos de pesar.” ainda é o mais simples e melhor a ser dito.

Mas se você realmente se importa, faça algo prático para ajudar, quer seja mandar flores ou uma mensagem depois de uns dias, dizendo que está muito triste pelo acontecido. 

Há uma enorme variedade de opções para dar apoio, muitas vezes um abraço ou trazer comida e simplesmente ouvir quando a pessoa quiser conversar já é o bastante. 

Uma dica simples é não ficar oferecendo, mas simplesmente fazer algo. Aparecer com o almoço ou jantar. Levar as crianças para passear por algumas horas. Cuidar de algo simples na casa e especialmente da família é o mais importante. Não hesite em falar sobre a pessoa que morreu, pois isso faz parte do processo de luto e pode ajudar a ressignicar e processar a dor.

Se depois de algumas semanas ou meses, você notar que a pessoa ainda está deprimida, vale convidar para conversar com profissional de saúde mental especialista em perdas e luto. O processo de luto pode durar muitos meses, mas se depois de cerca de um ano a pessoa ainda esteja muito mal, ela pode ter entrado num processo de luto patológico e precise de ajuda profissional.

Nós da Plenamente estamos às ordens para ajudá-lo em qualquer uma das fases do luto.

Leia também:  Como Responder Na Entrevista Porque Devo Te Contratar?

2020-11-01

Como Consolar Alguem Que Perdeu O Pai?

PORQUE A MORTE DO MEU PAI ME FEZ UMA PESSOA MAIS FELIZ

É impossível descrever como nos sentimos diante de uma situação tão dolorosa quanto a perda de um pai ou de uma mãe. A dor é tamanha que ultrapassa a alma e se torna física. Os olhos queimam em lágrimas e o coração parece comprimido dentro do peito. Só quem passou por isso sabe do que eu estou falando.

O budismo diz que a felicidade e o sofrimento caminham lado a lado. Eu concordo. Afinal, nunca saberíamos reconhecer a verdadeira felicidade se não tivéssemos sofrido um dia.

Mas, a pergunta universal ainda sem reposta é: o que é a verdadeira felicidade? 

Por causa da minha pesquisa sobre o tema, dediquei um dia para assistir a alguns filmes e vídeos que abordam direta ou indiretamente o assunto “felicidade”.

Um deles foi o documentário Eu Maior  e um outro chamado Happy Movie. Foi interessante assistir um na sequência do outro, pois apesar de tratarem do mesmo assunto – felicidade – as abordagens são bem diferentes.

Mesmo assim, eu cheguei a uma única conclusão após ter assistido a ambos: feliz é aquele que consegue lidar com as emoções negativas e aprender com as situações adversas da vida, que são inevitáveis.

Não importa o quão linda, inteligente, rica e feliz você seja, vai ser inevitável ter de lidar com alguma emoção negativa na sua vida em algum momento, seja o envelhecimento, uma doença ou a perda de alguém querido.

Muitas pessoas quando sofrem perdas, sejam emocionais ou financeiras, perdem também o rumo. Ficam deprimidas, começam a beber, param de comer, de cuidar da própria saúde ou se isolam do mundo e isso acaba virando uma espiral sem fim que só leva cada vez mais ao fundo do poço.

Eu acredito que isso geralmente aconteça com aqueles que depositam suas motivações e a expectativa de serem felizes no emprego, no marido, nos filhos, na casa própria ou em qualquer outra coisa que não seja eles mesmos.

Quando perdem o emprego, se divorciam ou perdem um filho, eles são tomados por uma amarga sensação de impotência em relação a própria vida e isso os torna completamente infelizes.

O que precisamos entender é que, tão importante quanto ser grato pelo que temos quando estamos felizes, é saber lidar com as coisas ruins que acontecem na vida de qualquer ser humano. Não, você não está sendo penalizado pelo universo e também não é a maior vítima do mundo. O seu sofrimento, por maior que seja, não diz respeito a ninguém, a não ser você.

Em fevereiro de 2008 eu perdi meu pai. Ele tinha 51 anos e faleceu repentinamente vítima de um AVC hemorrágico seguido de um infarto fulminante. Foi um choque. Como aquele homem forte que nunca perdeu um dia de trabalho, que era o primeiro a chegar e o último a sair podia ter morrido assim, do nada?

Passado o baque inicial, a vida começou a voltar ao “normal”. O que percebi assim que voltei ao trabalho é que o meu sofrimento não me tornava especial. Mesmo sendo recebida com muito carinho, ninguém me via como a coitadinha que perdeu o pai tão jovem. Eu era apenas mais uma pessoa, como tantas outras, que não tinha mais pai.

Foi quando eu entendi que a dor da perda só pertencia a mim e que eu deveria usar aquele sofrimento para aprender alguma coisa. Essa seria a forma de agradecer ao meu pai pelo que ele fez para que eu fosse a pessoa que eu sou hoje, aprender com os seus erros e acertos e tentar ser uma pessoa melhor.

  • Foi por causa desse sofrimento que eu aprendi a viver um dia de cada vez.
  • Aprendi que planos de médio e longo prazo são importantes, mas eles podem ser engolidos por uma fatalidade da vida em um piscar de olhos de uma manhã de sábado.
  • Aprendi a aproveitar melhor as coisas simples e maravilhosas da vida como uma lua brilhante ou um pôr do sol em qualquer lugar.
  • Aprendi a amar sem medo de perder, porque a maior perda é a do amor que não demonstramos.
  • Aprendi que aqueles que amamos podem partir sem se despedir, mas em vez de sofrer pensando no dia que eles se forem, devemos aproveitar enquanto eles estão por perto.
  • Aprendi a cuidar da minha saúde e a não me estressar pelo que está fora do meu controle.
  • Aprendi que eu sou a responsável pelo meu destino e por tudo o que acontece comigo, seja bom ou ruim.
  • Aprendi a não guardar rancor e a sempre me despedir com um abraço, pois não sabemos quando será o último.
  • Aprendi que para tudo na vida existe um jeito, mesmo que não seja o jeito que queremos.

“A cada dia que vivo mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do sofrimento, perdemos também a felicidade. A dor é inevitável. O sofrimento é opcional.”
– Carlos Drummond de Andrade

É por ter aprendido tudo isso que eu posso dizer que a morte do meu pai me fez uma pessoa mais feliz.

Os meus pêsames pela perda de seu pai

Imagino como esteja sendo duro para você perdeu seu pai. Ao longo da vida, ele certamente foi sua proteção e seu melhor conselheiro. Saber da sua morte foi sem dúvida uma notícia triste e envio agora meus pêsames, querida amiga, para você e para sua família. Estarei aqui para o que você precisar. Não quero que você desanime, mas sim que tenha forças para continuar.

Os meus pêsames pela perda de sua mãe

Gostava de ter uma poção milagrosa em minhas palavras, para poder ajudar você nesse momento tão duro. Como eu queria conseguir um modo de aliviar essa dor tão imerecida e injusta. Mas as palavras não podem mudar o que já passou.

E seu momento triste acontece porque tiraram de você uma pessoa muito valiosa. Os meus pêsames são pelo falecimento de sua mãe, uma pessoa de quem você se orgulhou e sempre se orgulhará. Uma mulher que você defendeu em inúmeros momentos e que você amava com todas as forças.

Uma mãe que também foi feliz por ter um filho incrível como você.

É difícil superar uma perda assim, mas a vida terá que continuar. Não desista de seu caminho, querido amigo, prossiga com seus sonhos, e nunca se esqueça que cada vitória sua, será uma dedicatória para sua estimada mãe. Estarei do seu lado para o que você precisar.

Os meus pêsames por seu pai

Nesta hora de dor e sofrimento, imagino que seja difícil seguir em frente. Perder um pai é perder um pedaço de nossa vida, um tesouro insubstituível. Mas nós temos de permanecer cá, honrando a vida dos que já não estão. Aqueles que nos amaram sempre, nunca nos vão querer ver sofrendo. Tenha muita força, meu amigo, estarei aqui do seu lado para o que você precisar.

Os pêsames pela perda da sua mãe, amiga

Minha querida amiga, como lamento que esteja vivendo este momento, e todo sofrimento, desespero e impotência que deve estar sentindo. Os meus pêsames pela sua perda! Sei o quanto você e sua mãe eram chegadas, e que para você ela era uma grande amiga.

Infelizmente chegou o momento de você lhe dizer adeus, mas ela jamais partirá totalmente, não enquanto você viver! Você honrará sua memória e a lembrará com saudade todos os dias, e lá onde ela agora está, velará por você e sentirá orgulho e felicidade no seu percurso de vida.

Muita força, minha querida! Sei que é insuportável, e a dor que deve estar sentindo, a mais terrível de todas, pois uma mãe é um ser que é único e insubstituível na vida de todos nós. Mas a vida é mesmo isso, e a todos toca um dia partir ou ver partir.

Saiba que tem todo o meu apoio e disponibilidade para o que precisar, nem que seja apenas um ombro para chorar.

Meus sentimentos pela perda de uma pessoa querida,…

É com muito pesar que venho lhe oferecer estas palavras de consolo após receber a triste notícia da sua perda. Amiga, meus pêsames pelo falecimento de uma pessoa tão próxima a você.

Cabe a Deus agora receber esta pessoa em Sua casa e para nós de lidarmos com a falta que ela fará.

Mas saiba que você não está sozinha e eu sempre estarei ao seu lado para lhe estender a mão sempre que possível.

Estarei orando por você e por esta pessoa que agora se encontra com o Senhor.

Mensagens de condolências | Adobe Spark

Em geral, escreva sua mensagem de condolências de maneira gentil e concisa. Escolha uma mensagem que transmita tanto solidariedade como respeito. Evite oferecer conselhos ou fazer piadas no momento. Uma demonstração sincera de apoio será muito mais bem-vinda.

“Meus sentimentos a você neste momento. Saiba que você tem todo o meu apoio e solidariedade.”

“Desejo-lhe paz, conforto, coragem e muito amor neste momento de tristeza.”

“Lamento muito por sua perda neste momento. Saiba que tem todo o meu apoio sempre que precisar.”

“Estou pensando em você e na sua família com amor para ajudá-los a superar esta perda.”

Leia também:  Como Saber De Que Banco É Uma Conta?

“Muitas vezes, é difícil encontrar as palavras certas em um momento como este. Que você encontre paz, conforto e todo o amor de que precisa nos próximos dias.”

Criar cartão de condolências

Mensagens de condolências pela perda de um parente

Em condolências mais pessoais, mensagens mais descontraídas são apropriadas. Comece com uma mensagem de solidariedade e depois uma mensagem de apoio seguida por uma lembrança afetuosa do ente querido que partiu.

“Meus sentimentos pela perda de [seu/sua parente]. Carregarei as lembranças que construímos juntos sempre em meu coração.”

“Nossas mães estão sempre conosco, primeiro durante a vida, depois para sempre em nossos corações.”

“Poucas palavras fazem jus ao seu pai. Inigualável e inspirador, ele foi um homem incrível, e temos muita sorte por tê-lo tido em nossas vidas. Ele será sempre lembrado com muito respeito e carinho.”

“A alegria que o seu avô trouxe a este mundo jamais será esquecida. Que o amor e o orgulho nutridos por ele façam sempre parte da sua vida.”

“Meus sentimentos à família neste momento de recordação da nossa avó. Somos eternamente gratos por tudo que ela fez por nós. Sua perda será sempre sentida.”

Criar cartão de condolências

Mensagens de pêsames religiosas

A fé pode despertar em alguém de luto a força de que ela precisa para superar um momento difícil. Reflita sobre a relação do destinatário com a religião e ofereça uma mensagem que reflita essa relação. Frases relevantes podem ser adicionadas para melhorar sua demonstração de solidariedade.

“Que Deus tranquilize a sua alma.”

“Minhas sinceras condolências. Rezo para que o amor de Deus envolva e conforte seu coração.”

“Rezo para que Deus traga-lhe a paz que só Ele pode proporcionar com seu amor. Meus pêsames.”

“Rezo para você encontrar paz de espírito e conforto neste momento de perda. Estarei aqui para ajudar a superar sua tristeza.”

“Que o Deus da esperança os encha de toda alegria e paz, por sua confiança nele, para que vocês transbordem de esperança, pelo poder do Espírito Santo.” Romanos 15:13

Criar cartão de condolências

Condolências a um amigo que perdeu alguém especial

Solidariedade, apoio e uma mensagem pessoal são a base perfeita para um cartão de condolências para um amigo. Dê ao cartão mais significado oferecendo algo elaborado especificamente para seu amigo. Por exemplo, uma maneira de animá-lo que talvez só você conheça.

“[Seu ente querido] deixou para trás um rastro de grande beleza ao passar por este mundo. [Ele/Ela] será sempre [lembrado/lembrada] com muito amor e carinho.”

“Meus sentimentos. Sei que este é um momento difícil, mas lembre-se de que você não está sozinho. Estou sempre aqui para ajudar você com muito amor e um ombro amigo.”

“Não consigo imaginar a dor que você deve estar sentindo. Estarei aqui se precisar de um abraço ou de um ombro para chorar. Lembrarei de seu ente querido com você sempre que precisar.”

“Lamento muito pela perda de seu ente querido. Sei que ele era tudo para você e para muitos outros. Sua memória viverá para sempre em nossos corações.”

“Lamento muito pela perda de seu ente querido. Sei que ele era tudo para você e para muitos outros. Sua memória viverá para sempre em nossos corações.”

Criar cartão de condolências

Mensagens de condolências pela perda de um colega de trabalho

Reflita um pouco sobre o impacto da vida do colega de trabalho na sua e qual seria a melhor maneira de homenageá-lo em poucas, mas importantes palavras. Se estiver escrevendo um cartão para alguém que trabalha em outro departamento, pense na melhor maneira de prestar apoio à comunidade e ao ambiente de trabalho dele neste momento difícil.

“Compartilho da sua dor. Minhas sinceras condolências, com amor e respeito.”

“Foi uma alegria imensa poder ter trabalhado com [nome]. Jamais esqueceremos de sua gentileza e a maneira como iluminava nossos dias.”

“A perda de [nome] é sentida por muitos. Carregaremos sua memória sempre conosco.”

“Palavras são difíceis em momentos como este. Porém, aqueles ao seu redor se importam com você e desejam-lhe conforto e paz de espírito.”

“Meus sentimentos a você neste momento de luto. Que [nome] viva sempre em nossos corações.”

Criar cartão de condolências

Mensagens de pêsames pela perda de um animal de estimação

Muitas vezes, a perda de uma companhia animal carrega o mesmo peso que a de um ente querido. Mostre todo o seu apoio ao destinatário junto a uma nota celebrando a vida do animalzinho.

“[Nome do animal de estimação] foi o cachorro mais sortudo do mundo por ter você ao seu lado. Sua memória permanecerá em nossos corações.”

“Compartilho da sua tristeza, pois [nome do animal de estimação] deixará muitas saudades. Não havia um dia em que ela não me alegrasse. Todo o meu amor e apoio a você.”

“Primeiro, eles precisam da gente. Depois, nós precisamos deles. Desejo paz e conforto para superar este momento difícil.”

“[Nome do animal de estimação] era incrível. Que a alegria trazida por ela continue viva para sempre nos inspirar.”

“[Nome do animal de estimação] viveu uma vida repleta de amor, alegria e diversão. Minhas sinceras condolências por sua perda. Saiba que estou aqui para ajudar neste momento difícil.”

Criar cartão de condolências

Como prestar condolências

Mostre empatia e tristeza

Dê espaço àqueles que estão de luto. Quando na companhia deles, faça com que se sintam tranquilos, seguros e confortados. Seja um bom ouvinte, dando tempo para eles se abrirem sobre seus sentimentos sem interrompê-los ou dar sua opinião. Deixe claro que seus sentimentos são válidos e que podem contar com seu apoio.

Faça um cartão de condolências

Uma demonstração de apoio é uma das melhores maneiras de consolar alguém que está de luto. Palavras gentis são muito importantes para refletir sua solidariedade a uma pessoa amada em um momento difícil.

Criar um cartão do Spark Post coloca suas condolências e apoio em palavras das quais o destinatário pode gostar e refletir a respeito. Nossos modelos são a base de uma mensagem gentil e compassiva, com espaço para você personalizar a mensagem com cuidado.

Um cartão de condolências é um ótimo ponto de partida para demonstrar seu apoio na medida em que ele pode ser apreciado pelo destinatário à vontade.

Outras maneiras de ajudar

Se quiser ajudar mais, preste atenção nas necessidades da pessoa de luto. Respeite-a caso ela precise de mais espaço e mostre-se disponível se ela quiser companhia. Quando na companhia dela, faça com que se sinta tranquila, segura e confortada.

Seja um bom ouvinte, dando tempo para ela se abrir sobre seus sentimentos sem interrompê-la ou dar sua opinião. Deixe claro que seus sentimentos são válidos e que ela pode contar com sua ajuda. No começo, após o falecimento do ente querido, a pessoa de luto pode precisar de ajuda em tarefas do dia a dia.

Voluntarie-se para cozinhar, limpar a casa ou realizar outras tarefas necessárias. Se achar adequado, voluntarie-se para ajudar na cerimônia ou outros preparativos. Entre em contato com a pessoa de vez em quando. Lembre-se de falar com ela em aniversários de vida ou de morte do falecido.

Continue honrando a vida daquele que se foi compartilhando boas lembranças ou objetos pessoais.

Dê presentes de condolências como acompanhamento

Um presente não é necessário, mas é sem dúvidas um belo gesto de generosidade. Os melhores presentes são geralmente pequenos, mas bem pensados e são dados relativamente logo após a cerimônia. Tenha em mente para quem deseja dar o presente, como o companheiro ou companheira da pessoa falecida, um parente ou toda a família.

Presentes de lembrança: pode ser o livro favorito da pessoa, um álbum de música, um porta-retratos ou um álbum de fotos de suas fotos favoritas juntos. Crie algo pessoal, elaborado e significativo. Honra ao legado: se achar relevante, considere fazer uma doação à instituição de caridade favorita da pessoa falecida no nome dela.

Você também pode plantar uma árvore ou criar uma arte em homenagem à pessoa. Presentes monetários: a família parece precisar de ajuda financeira para cobrir gastos médicos, custos do funeral ou algo assim? Nesse caso, um presente monetário pode ser muito bem-vindo. Tente ser discreto: entregue o presente junto ao cartão de condolências que você criou ou cubra os custos da cerimônia.

Faça isso de uma maneira que mostre total apoio à família sem se impor aos seus valores e processo de recuperação.

Criar cartão de condolências

Deixe o Spark ajudar você!

Ao prestar solidariedade e condolências a alguém, é essencial mostrar que você está disposto a ajudar. Não importa se é uma mensagem formal, uma bênção religiosa ou uma carta pessoal, o Spark Post tem o modelo e as ferramentas de personalização necessárias para passar o sentimento certo.

Seja educado, gentil, respeitoso e atencioso. Fale com o coração por meio de palavras que inspirem sentimentos de paz e conforto nesse momento difícil.

Ao longo do tempo, continue honrando aqueles que se foram com cartões do Spark Post no aniversário de vida ou de morte da pessoa falecida para manter sempre vivo o seu legado.

Mais modelos de mensagens de condolências

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*