q

Jean Mello

Jornalista, especialista em Planejamento de Mídias Digitais (FGV) e Web Analytics (Google Academy).

Resenha do livro Google – A Biografia

Estamos acostumados a ler biografias de pessoas e não necessariamente de grandes grupos, de empresas que escalaram para o mundo.

Em Google – A Biografia, Steven Levy considerou que empresas de diferentes tamanhos ou dimensões globais são pensadas, planejadas e estudadas de modo esmiuçado.

Como o Google tornou-se um enorme conglomerado, alicerçado em inteligências das mais diversas, faz sentido pensar em biografias. Nesse sentido, o livro aborda a história da corporação intercalada com a de seus fundadores, Larry Page e Sergey Brin.

Estamos falando do Google, uma das maiores empresas do mundo, que oferece serviços em diversas frentes.

Um dos pressupostos que o autor, Steven Levy, considerou foi o fato de o Google ser uma das corporações mais admiradas do mundo e, ao mesmo tempo, uma das que mais geram curiosidade. São muitas as pessoas que gostariam de observá-la de perto. E observar de perto também passa pelo profissionalismo.

Quantas pessoas conseguem ascender socialmente ao se profissionalizar nos serviços oferecidos pelo Google, através de escolas especializadas ou dos próprios cursos oferecidos pelo Google Academy?

Quantas pessoas utilizam o Google no mundo? Desde usuários comuns da internet até gente extremamente interessada em estudar com afinco a plataforma?

Isso vale ao pensar nostalgicamente no Orkut; ouvir músicas, ler livros ou ver filmes utilizando os serviços do Google Play; encontrar os lugares que você precisa chegar através do Google Maps ou matando sua curiosidade utilizando o Google Earth; pensar nas suas questões cotidianas utilizando o mecanismo de busca; nas pesquisas por palavras-chave para quem trabalha com conteúdo na web.

Pensando nisso, quais são os serviços do Google que você utiliza ou almeja descobrir melhor seu funcionamento?

Steven Levy, jornalista de tecnologia, conseguiu acessos para explicar como a organização funciona, observando e revelando aspectos bastante promissores, inclusive de dentro dos escritórios do Google. De acordo com o autor:

“O Google também ficou conhecido por sua cultura irreverente e por sua abordagem direcionada aos dados na hora de tomar decisões de negócios. Especialistas em gerenciamento escreviam entusiasmados sobre os métodos pouco convencionais da empresa. Conforme os anos passavam, o Google começava a interpretar sua missão – coletar e tornar acessíveis e úteis todas as informações do mundo – em um sentido mais amplo. A empresa criou uma série de aplicativos baseados na web; anunciou sua intenção de escanear todos os livros do mundo; envolveu-se com imagens de satélite, telefonia móvel, geração de energia, armazenamento de fotos. Claramente, o Google era um dos mais importantes contribuintes para a revolução computacional e tecnológica a marcar um ponto de virada na civilização. Eu sabia que queria escrever um livro sobre a empresa, mas não sabia exatamente como”.

O Google é calcado em uma espécie de engenharia superinteligente. Não dá para negar que desde sua criação, a forma como as pessoas no mundo encaram as informações e o modo de entrar em contato com ela mudou, transformou-se.

Houve transformação também na forma das pessoas lidarem com a internet. Não é exagero. Tudo isso mudou drasticamente depois do Google. É inegável.

Google – A Biografia, desperta tanto interesse quanto a corporação. Um livro para ser estudado, esmiuçado, lido inúmeras vezes.

Imagem de Destaque: Hemeroteca PL

 

Google Chromecast 2 HDMI Lacrado

1 Comment

Leave a Comment

Your email address will not be published.

*

CommentLuv badge

%d bloggers like this:
Read previous post:
Resenha do livro A Startup Enxuta

Startup, termo bastante utilizado no mundo. Essa é uma daquelas palavras que você precisa gastar um tempo considerável para atribuir...

Close