Como capturar um giratina no pokémon diamond ou pearl

Para concluir a trilogia de Sinnoh, Pokémon Platinum foi lançado em 2008 no Japão e, assim como os terceiros jogos da trilogia, este sofreu leves alterações em sua história e algumas melhorias visuais. Diferente de Pokémon Diamond e Pokémon Pearl, esta versão conta um pouco sobre o Giratina, o Shinigami* do mundo Pokémon.

Como citado há pouco tempo, a história de Pokémon Platinum não sofreu muitas alterações. Algumas zonas do continente estão com neve, o que explica que o clima não é o mesmo de D/P (e também a roupa dos protagonistas).

Temos a inclusão do Handsome, integrante da polícia internacional que está investigando a Team Galactic.

Apesar da história ainda ser um pouco fraca, foi a partir desta geração que as histórias começaram a se tornar um pouco mais complexa, introduzindo teorias como a da criação dos Pokémon.

Os gráficos, para a época, continuam não sendo os melhores, mas todos sabemos que Pokémon não possui foco em gráficos. Apesar do jogo ser pixelado, os sprites estão muito bem feitos em comparação à geração anterior e à seguinte.

As cores dos Pokémon estão bem definidas e o contorno não parece “estourar” quando eles se mexem ao início das batalhas. Sem dúvida esta foi a geração com melhores sprites dos jogos de Pokémon.

Sem falar nas cutscenes, que são sensacionais!

A trilha sonora também não deixa a desejar. Apesar de haver algumas situações que as faixas deveriam trocar, todas foram muito bem produzidas e a maioria delas casa com a cena em que aparece.

A jogabilidade (em batalhas) é sempre a mesma: por turnos. Neste quesito não há grandes melhorias nas gerações. A partir da quarta geração podemos correr dentro de Pokémon Centers, porém, isto não foi algo introduzido em Pokémon Platinum, mas sim nos jogos anteriores (Diamond & Pearl). O mecanismo dos Contests continua igual ao de D&P, porém, inovador em comparação ao da terceira geração, podendo adicionar acessórios no Pokémon e colocá-lo para dançar.

Uma novidade em relação à jogabilidade é o Distortion World, o local onde capturamos o Giratina.

Apesar de parecer algo simples (sem muitos elementos visuais marcantes), esta área é bastante grande, complexa e com a gravidade alterada, aumentando ainda mais o tempo que você leva para chegar ao Giratina para então capturá-lo.

Juntamente com esta área, foi introduzida as formas alternativas do Giratina, do Shaymin e Rotom, alterando um pouco o metagame.

Também temos a presença da Battle Frontier, introduzida originalmente em Pokémon Emerald. Os Frontier Brains são diferentes dos da geração anterior, e alguns desafios não são difíceis, como o Battle Hall, em que você enfrenta Pokémon de um determinado tipo, e a Argenta (Frontier Brain do Battle Hall) usa um Pokémon aleatório.

Em relação à dificuldade, ele não é um jogo difícil. É certo que há alguma dificuldade no jogo (principalmente na Pokémon League), mas nada que alguns leveis a mais em relação ao oponente não resolva. E, apesar de não achar difícil, os Pokémon da Elite 4 são chatos e a Cinthia possui alguns Pokémon mais chatos ainda de se derrotar.

Apesar de não apresentar mecanismos inovadores (principalmente por não ser um jogo de início de uma nova geração), este jogo consegue cativar os jogadores pelo jeito que a história vai se desenvolvendo e pelas melhorias que trouxe em relação a Pokémon Diamond e Pokémon Pearl. Mesmo sendo um jogo para fechar a trilogia da geração, ele apresentou novos elementos/personagens na história e soube envolve-los na mesma. Para aqueles que não jogara, recomendo fortemente este jogo.

8.5

 Gráficos: 9
 História: 8
 Jogabilidade: 8
 Trilha Sonora: 9
 + Bom pós-game + Uso “decente” das HMs disponíveis
 – Algumas músicas não se encaixam nas cenas – Mecanismos onlines cancelados pela Nintendo

Como Capturar um Giratina no Pokémon Diamond ou Pearl

ENTRE NO GRUPO DO WHATSAPP JUNTE-SE AO SERVER DO DISCORD

Come Catturare Giratina in Pokémon Diamante o Perla

  1. 1

    Sconfiggi i “Superquattro”.

  2. 2

    Riempi il tuo Pokédex, quindi procurati il “Pokédex Nazionale” dal “Professor Rowan”.

  3. 3

    Assicurati di avere accesso al “Percorso 214”.

  4. 4

    Acquista delle “Scuro Ball”, “Timer Ball”, “Velox Ball” e “Ultra Ball” oppure usa quelle che hai già in tuo possesso. Se la possiedi, porta con te una “Master Ball”. Seleziona dei Pokémon che siano almeno al livello 50 o superiore.

    • Dovrai entrare in una grotta, quindi le “Scuro Ball” saranno utilissime per catturare Giratina. Tuttavia anche le “Ultra Ball” andranno benissimo.
  5. 5

    Seleziona un Pokémon che conosca le mosse speciali “Spaccaroccia”, “Surf”, “Scalaroccia” e “Scacciabruma”.

    Un'ottima scelta è rappresentata da un Pokémon di tipo “Normale/Volante”, come Staraptor, dato che le mosse offensive di Giratina (tranne “Lacerazione”) non gli arrecheranno alcun danno.

    Questa scelta si rivelerà molto utile dato che la mossa “Oscurotuffo” di Giratina è molto potente.

  6. 6

    Cerca il percorso che ti porterà al tratto chiamato “Sentiero Fonte”. Ricorda che potrai accedere a questo passaggio segreto solo dopo essere entrato in possesso del “Pokédex Nazionale”.

  7. 7

    Segui il passaggio segreto fino a “Fonte Saluto”.

  8. 8

    Fatti strada fra l'erba alta finché non raggiungerai una parete di roccia che potrai scalare usando la mossa speciale “Scalaroccia”. Muoviti in cerchio nell'erba finché non incontrerai una parete rocciosa che potrai discendere usando la mossa “Scalaroccia”. Ai piedi della parete rocciosa troverai l'ingresso di una caverna.

  9. 9

    Entra nella caverna chiamata “Grotta Ritorno”. È stata chiamata così perché entrando in un vano della grotta da un'altra stanza e ripercorrendo la strada a ritroso non si ritorna nell'area dalla quale si è partiti. In altre parole la “Grotta Ritorno” è un vero e proprio labirinto.

    • Prima di riuscire ad attraversare 30 stanze dovrai trovarne 3 con all'interno un pilastro. Quando incontrerai un pilastro, nella parte superiore sarà riportato il numero complessivo di pilastri che hai già incontrato, mentre nella parte inferiore sarà riportato il numero complessivo di stanze che hai visitato. Trenta stanze è un numero considerevole da raggiungere e molti utenti prima di raggiungerlo hanno incontrato 3 pilastri e ovviamente Giratina.
  10. 10

    Dopo aver incontrato il terzo pilastro potrai scegliere di aprire qualsiasi porta presente. In questo caso troverai automaticamente Giratina che ti attenderà con una postura molto possente. Parla con Giratina e la battaglia avrà inizio.

  11. 11

    Cerca di abbassare il livello di salute di Giratina il più possibile. Dovrà raggiungere la parte gialla della barra della salute, ma sarebbe meglio che raggiungesse la parte rossa. Fai attenzione a non indebolirlo troppo, comunque.

    Le mosse di tipo “Ghiaccio”, “Spettro”, “Drago” e “Buio” sono molto efficaci.

    Per abbassare lentamente il livello di salute di Giratina usa mosse di tipo “Fuoco”, “Acqua”, “Elettro”, “Coleottero”, “Erba” e “Veleno” per essere certo di non indebolirlo eccessivamente.

  12. 12

    Quando Giratina avrò raggiunto il livello di salute richiesto potrai addormentarlo oppure scegliere di iniziare a usare le Poké Ball.

    • Se dovessi finire le Poké Ball, perdere il combattimento o far svenire Giratina, ricomincia. Nel caso in cui non fossi un giocatore esperto, prima di provare a catturare un Pokémon molto raro come Giratina dovresti salvare i progressi di gioco ogni volta che puoi farlo. In questo caso hai la possibilità di salvare la partita prima di parlare con Giratina.
  13. 13

    Finito. Dopo aver catturato Giratina, complimentati con te stesso perché sei riuscito in un'impresa epica.

Giratina

Giratina (em Japonês: ギラティナ Giratina) é um Pokémon lendário tipo Fantasma e Dragão.

Ele tem uma segunda forma, que so pode usar dando a Giratina uma Orb Griseous. Sua forme original Altered Forme (Forma Alterada), se tornará então Origin Forme (Forma Original).

Junto de Dialga e Palkia, Giratina é um dos membros Pokémons do Trio Criação.

Conteúdo

[exibir]

BiologiaEditar

Como revelado pela primeira vez Giratina tem duas formas. O primeiro (Altered Forme) é a forma que apareceu em Pokémon Diamond e Pearl. Nesta forma, Giratina tem o corpo de uma centopéia, com seis pernas curtas e grossas. Seus pés têm garras de ouro e bandas de ouro sobre eles.

Ele tem uma cauda e uma listra preta grossa correndo verticalmente ao longo da frente de seu corpo. Há uma série de listras horizontais vermelhas que atravessam o grande preto.

 Três de ouro meias argolas círculo a metade de trás do pescoço de Giratina nos mesmos pontos que três das listras vermelhas estão em na sua frente, semelhante a uma caixa torácica. Em sua volta são duas asas grandes, negros que são decorados com objetos cônicos vermelhos que também poderiam ser garras.

 As asas parecem estranhamente fora do lugar, devido ao fato de que Giratina parece muito pesado para voar de forma eficaz. As asas também parecem ser espectral, como podem mudar a forma como se fossem feitos de um líquido ou gás.

Cabeça e os olhos de Giratina se assemelham aos de Dialga e Palkia, fazendo com que muitos acreditam que ele foi relacionado para os dois antes mesmo de ser confirmada em Pokémon Platinum.

O segundo é um novo Origin Forme, que fez sua estréia em Giratina e o Cavaleiro do Céu. Ele usa esta forma quando se viaja através de outras dimensões do que a nossa, como o Distortion World, a sua casa. A forma de alteração é desencadeada por uma mudança da gravidade.

 Esta forma é mais sinuosa do que a Altered Forme de Giratina. O Origin Forme do Giratina tem asas, flâmulas fantasmagóricas em suas costas que cada um tem um ponto vermelho brilhante no final. Sua boca não está escondida pelas placas da cabeça, que balançam para os lados abertos quando a boca está abrindo.

 As pernas de Giratina foram reduzidos a saliências. Há mais de quatro pontos dourados perto da borda da cauda. Os três meias argolas de ouro nos este formulário pode ser usado para pegar objetos.

 Esta versão do Giratina também aparece em Pokémon Platinum, e pode ser ativada fora do Mundo Reverso, se ele estiver segurando um Orb Griseous.

As Diferencias do Gênero

Nenhuma

Habilidades EspeciaisEditar

Giratina é capaz de percorrer e controlar dimensões além daquelas do tempo e do espaço. Quando em sua Origin Forme, é capaz de atravessar dimensões, à vontade, no entanto, ele vai voltar para a sua Altered Forme devido à mudança gravidade do Mundo Reverso. Atraves de um turbilhão de sua boca ele cria um portal.

Ele também parece ter uma conexão com objetos reflexivos, como espelhos e poças de água. Reflexões incorporar o conceito do Mundo Reverso.

Em Platinum, Giratina pode transformar a sua Origin Forme, equipando o Orb Griseous. Se a esfera está despreparado na batalha, ele vai voltar para Altered Forme. O Origin Forme tem estatísticas ofensivas superiores enquanto o Altered Forme tem defesas superiores.

 Desde Origin Forme do Giratina é exclusivo para Platinum, Black and White, ou HeartGold e SoulSilver via evento, quando foi negociado com diamante ou pérola que irá reverter para a sua Altered Forme, eo Orb Griseous ele estava segurando volta para Saco do jogador.

Giratina é o unico Pokémon conhecido que aprende Shadow Force.

Comportamento

A julgar pelos acontecimentos em Pokémon Platinum e Giratina e o Caveleiro do Céu, seu retrato em um folclore atigo, e sua entrada na Pokédex Platinum, é assumido que Giratina é um Pokémon muito agressivos e territoriais de proteção de sua casa.

Deve-se notar que, apesar das lendas retratando-o em uma luz mais mal do que os outros em seu trio, Giratina chegou ao Spear Pillar para salvar o mundo da tentativa de apoteose Cyrus, embora ele pode ter chegado para proteger seu próprio mundo da destruição .

EvoluçãoEditar

Este pokémon não possui evolução.

Forma Básica
Giratina Fantasma  Dragão 

No AnimeEditar

Giratina no anime.

Filme 11Editar

Giratina fez sua estréia em Giratina e o Cavaleiro do Céu.

 No filme, Giratina embosca e arrasta Dialga para o Mundo Reverso, a fim de se vingar contra o Pokémon Temporal por causa aos danos à sua casa durante a sua luta com Palkia em Pokémon O Pesadelo de Darkrai.

As tentativas de Zero copiar os poderes de Giratina, a fim de assumir o controle sobre o Mundo Reverso. Durante todo o filme, Giratina assume a sua Origin Forme sempre que no Mundo reversa, e sua Altered Forme sempre que existe no mundo real.

Filme 12Editar

Giratina no Mangá.

O Giratina faz uma segunda aparição no filme Arceus e a Joia da Vida ao lado de Dialga, Palkia e Arceus.

No MangáEditar

Giratina apareceu pela primeira vez no capítulo Diamond & Pearl, onde ele costumava usar seus tentáculos para arrastar Dialga, Palkia, e Cyrus para o Distortion World. Mais tarde, serviu como um antagonista nos capítulos Platinum e HeartGold e SoulSilver.

Pokémon Platinum Version

O que precisas de saber

Estes conteúdos são vendidos pela Nintendo of Europe GmbH. O pagamento será efetuado com os fundos da Nintendo eShop utilizáveis através da Conta Nintendo utilizada para efetuar a compra.

Estes conteúdos são vendidos pela Nintendo of Europe GmbH. O pagamento será efetuado com os fundos da Nintendo eShop utilizáveis através da tua Conta Nintendo. A aquisição destes conteúdos está sujeita ao Contrato da Conta Nintendo.

Estes conteúdos podem ser comprados por utilizadores registados com uma Conta Nintendo e que tenham aceitado os respetivos termos legais.

Para poderes adquirir conteúdos para a Wii U ou uma consola Nintendo 3DS, uma Nintendo Network é também necessária e os fundos utilizáveis através da tua Conta Nintendo devem ser combinados com os da tua Nintendo Network ID. No caso de os fundos ainda não terem sido combinados, terás a opção de o fazer durante o processo de aquisição.

Para iniciar o processo de aquisição, é necessário iniciar sessão com a Conta Nintendo e a Nintendo Network ID. Após iniciar sessão será possível rever os detalhes da compra e concluir o processo.

Para poderes adquirir conteúdos para a Wii U ou uma consola Nintendo 3DS, uma Nintendo Network é também necessária e os fundos utilizáveis através da tua Conta Nintendo devem ser combinados com os da tua Nintendo Network ID. No caso de os fundos ainda não terem sido combinados, terás a opção de o fazer durante o processo de aquisição. Poderás rever os detalhes da compra e concluir o processo no ecrã seguinte.

Os detalhes desta oferta aplicam-se aos utilizadores que iniciaram sessão com uma Conta Nintendo associada ao mesmo país que este site. Se o país associado à Conta Nintendo for diferente, os detalhes desta oferta poderão sofrer alterações (por exemplo: o preço apresentado será correspondente à moeda local).

Concluída a aquisição, os conteúdos serão descarregados para a consola vinculada à respetiva Conta Nintendo ou Nintendo Network ID, no caso de uma Wii U ou Nintendo 3DS.

A consola deve estar atualizada e ligada à Internet com a opção de downloads automáticos ativa e com espaço suficiente para concluir o download.

Dependendo do modelo da consola que tiveres e da sua utilização, poderás precisar de um dispositivo de armazenamento adicional para descarregares conteúdos da Nintendo eShop. Visita a nossa secção “Assistência” para mais informações.

Certifica-te de que a capacidade de armazenamento é suficiente para completar o download.

Concluída a aquisição, os conteúdos serão descarregados para a consola vinculada à tua Conta Nintendo ou Nintendo Network ID, no caso de uma Wii U ou Nintendo 3DS.

A consola Nintendo 3DS deve estar atualizada e ligada à Internet com a opção de downloads automáticos ativa e com espaço suficiente para concluir o download.

Dependendo do modelo da consola que tiveres e da sua utilização, poderás precisar de um dispositivo de armazenamento adicional para descarregares conteúdos da Nintendo eShop. Visita a nossa secção “Assistência” para mais informações.

Certifica-te de que a capacidade de armazenamento é suficiente para completar o download.

Os detalhes da oferta dependerão do país associado à tua Conta Nintendo.

A aquisição destes conteúdos está sujeita ao Contrato da Conta Nintendo.

A utilização de um dispositivo ou programa não autorizado que permita qualquer modificação técnica da consola Nintendo ou das suas aplicações poderá impossibilitar a utilização deste jogo.

Este produto inclui dispositivos tecnológicos de proteção.

Não é possível jogar este título antes do seu lançamento, a {{releaseDate}} . O pagamento é efetuado no momento da compra.

Os melhores jogos de Pokémon de sempre

O Universo Pokémon é enorme, incluindo videojogos, séries televisivas, bandas desenhadas, filmes, e até mesmo lojas inteiramente dedicadas às criaturas de bolso.

Esta franquia marcou uma geração inteira, e se nasceste na década de 90, muito provavelmente cresceste a ver Pokémon na televisão e a jogar Pokémon na tua Game Boy.

Se fores como eu, continuas a jogar estes jogos nos dias de hoje.

O nome Pokémon é uma abreviação de Pocket Monsters (Monstros de Bolso), marca criada por Satoshi Tajiri em 1995. Esta série viria a receber os seus primeiros RPG em 1996, exclusivamente no Japão, nomeadamente Pokémon Red e Green para a Game Boy.

Estes jogos foram extremamente bem recebidos pelo público, e a série internacionalizou-se em 1998 com o Pokémon Red e Blue, marcando a infância de milhões de crianças à volta do mundo.

Prova do sucesso desta franquia, é o facto de que 23 anos depois a Nintendo e a Game Freak continuam a lançar jogos mantendo a mesma mecânica RPG que trouxe sucesso à série, tornando-se sempre num sucesso de vendas entre os jogadores.

No entanto, caso não nunca tenhas jogado um Pokémon e queiras embarcar na tua primeira aventura, pode ser muito complicado escolher por qual jogo começar dado o seu elevado número.

Apesar de a maioria dos jogos Pokémon serem muito bons, vamos ser sinceros, muito provavelmente não tens tempo para apanhá-los todos, por isso decidimos criar este artigo para te dizer quais são os jogos Pokémon essenciais para qualquer jogador.

Tal como dissemos anteriormente, existem imensos jogos Pokémon, por isso esta lista vai-se restringir à série principal, que começa em Pokémon Red, Blue e Yellow e vai até Pokémon Sword e Shield de 2019.

  • Data de Lançamento: 12 de Outubro de 2013
  • Plataforma: Nintendo 3DS

Pokémon X e Y foram os primeiros jogos desenvolvidos de raiz para a Nintendo 3DS e os primeiros jogos da série a adoptar completamente gráficos 3D. Estes jogos não deram continuidade a muitas novidades introduzidas pelos jogos anteriores (Pokémon Black e White 2), mas introduziram um novo tipo de evolução: a mega-evolução.

Contrariamente à evolução normal, a mega evolução é temporária e só acontece a meio dos combates. Depois do combate, o Pokémon volta à sua forma normal. No entanto, enquanto está no estado Mega, o Pokémon fica mais poderoso com um aumento nas estatísticas e pode até ganhar tipos diferentes (como o Charizard, que na sua mega-evolução X ganha o tipo Dragon).

Foi nesta geração que também foram introduzidas coisas como as Sky Battles (combates exclusivos para Pokémon voadores ou com capacidade de levitar), os encontros Horde (em que combatias simultaneamente contra múltiplos Pokémon iguais) e o Super Training, uma forma mais fácil de fazeres EV training aos teus Pokémon.

Um dos poucos aspectos negativos de Pokémon X e Y é o post game. Depois de terminares a história, não há muito para fazer.

To see this content please enable targeting cookies.

  • Data de Lançamento: 13 de Setembro de 2008
  • Plataforma: Nintendo DS

Em 2006 foram lançados os primeiros jogos Pokémon para a Nintendo DS, Pokémon Diamond e Pearl, e isto significa que com o hardware desta nova consola portátil, a Game Freak pôde adicionar elementos gráficos em 3D, assim como o inédito ecrã táctil que adicionou algumas modificações à interface do utilizador.

Apesar da história ser imersiva, e de terem sido adicionados mais 107 Pokémons, a maior novidade deste jogo foi a inclusão da possibilidade de jogar online através da Nintendo Wi-Fi Connection.

Ou seja, com o Diamond e Pearl os treinadores de Pokémon puderam finalmente começar a batalhar com outros jogadores através do wireless, assim como também passou a ser possível trocar pokémons através deste meio, uma funcionalidade que tornou este jogo Pokémon em algo fenomenal.

Cerca de dois anos depois, foi lançado Pokémon Platinum, que incluiu tudo o que Pokémon Diamond e Pearl incluíram, adicionando várias funcionalidades e melhorias, destacando-se a Battle Frontier e a narrativa melhorada.

Ou seja, apesar deste jogo ter sido o primeiro jogo Pokémon a implementar melhorias consideráveis graças ao hardware, o jogo em si não teve mudanças tão drásticas no formato Pokémon como os jogos anteriores: Pokémon Ruby, Sapphire e Emerald.

Contudo, com uma narrativa intrigante que envolve o misterioso Giratina, elementos 3D, as funcionalidades online, 107 Pokémons novos e a possibilidade de jogares com uma personagem do sexo feminino, Pokémon Platinum é um jogo merecedor do quinto lugar desta lista.

To see this content please enable targeting cookies.

  • Data de Lançamento: 23 de Junho de 2012
  • Plataforma: Nintendo DS

Curiosamente, Pokémon Black 2 e White 2 foram as únicas sequelas em toda a história da saga Pokémon. Estas duas versões – os últimos jogos de Pokémon a serem feitos com elementos 2D – fecharam a geração da Nintendo DS com uma chave de ouro, embora na altura do lançamento já tivesse sido lançada a Nintendo 3DS.

Até hoje, estes continuam a ser uma referência para os fãs de Pokémon por várias razões. A primeira é a história.

Com Pokémon Black e White a Gamefreak criou aquela que é considerada ser a melhor história num jogo da série, incluindo personagens com fortes motivos e temas mais profundos.

Com as sequelas deu continuidade a essa narrativa, deixando os fãs ainda mais apaixonados pela região de Unova.

Pokémon Black 2 e White 2 também expandiram largamente a Pokédex, trazendo muitos Pokémon que anteriormente eram impossíveis de capturar, e permitiram que novos sítios da região fossem explorados Foram introduzidos ainda novos líderes de ginásios, e pela primeira e única vez na série Pokémon, um modo de dificuldade desafiante (até hoje a Gamefreak nunca mais incluiu tal modo nos jogos da série).

Há outras razões para gostar destes jogos, como a adição dos Hidden Grottoes (sítios escondidos) para capturar Pokémon com habilidades escondidas, e extensos conteúdos post game que davam razões para continuar a jogar muito depois de terminares a história.

To see this content please enable targeting cookies.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*