Como arrumar as malas para viajar de avião (com imagens)

Muitos viajantes levaram um susto com as novas regras de franquia de bagagem anunciadas pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). A proposta, que já vinha sendo discutida há alguns meses, está prevista para entrar em vigor a partir de 14/03/2017.

Mas a polêmica está grande e  existe a possibilidade de a cobrança da franquia de bagagem ser barrada pelo Ministério Público Federal ou pelo Congresso – o Senado aprovou um de decreto legislativo que segue agora para a Câmara.

 Enquanto não decidem de uma vez por todas a vida do viajante, não custa nada estar prevenido e se preparar para começar a viajar apenas com uma bagagem de mão, que vai passar a ter limite de até 10 kg.

Leia também:
Bagagens em aviões: saiba o que pode levar e o peso permitido
Franquia de bagagem em voos internacionais: conheça as regras de cada companhia

Como viajar apenas com a bagagem de mão

Ainda que a franquia da bagagem seja mantida, há vantagens interessantes em viajar apenas com a bagagem de mão: você pode fazer o check-in online, pelo seu celular ou computador, e seguir direto para o embarque, sem enfrentar as filas para despachar as malas. Quando chegar ao destino, nada de esperar a mala na esteira: siga direto para o portão de saída. Isso sem falar nos riscos de despachar a bagagem, como malas furtadas e extraviadas.

Mas para isso o primeiro passo é fazer uma mala eficiente com apenas 10 kg! Para ajudar nessa missão – que pode ser quase impossível a depender do passageiro, dos dias de viagem e do destino – preparamos um post com dicas valiosas para quem deseja viajar apenas com a bagagem de mão. É hora de deixar de lado tudo o que é supérfluo para conseguir embarcar sem pagar nenhum real a mais por uma mala despachada, já que no exterior é comum que as companhias cobrem pelo serviço!

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

1 – Você não precisa do pote inteiro de todos os seus produtos de higiene pessoal durante a viagem. Acredite! Você não vai usar todo shampoo, condicionador, creme de barbear, leave-in, cremes para a pele ou vários outros produtos de higiene e beleza inteiros enquanto estiver viajando.

Eles ocupam muito espaço, aumentam o peso da sua mala e não precisam ir com você na embalagem original. Para reduzir o espaço e o peso, prefira usar potes menores com tamanhos adequados aos dias fora de casa.

Você poderá adquirir vários potes de diferentes tamanhos, formas e funções em lojas especializadas ou mesmo nos maravilhosos sites chineses que vendem de tudo. Vale também comprar produtos com tamanhos menores, especialmente para levar na mala (isso inclui até pasta de dentes).

Sem esquecer que muitos hotéis oferecem produtos de higiene e que os potinhos são ótimos para serem reutilizados em viagens futuras.

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)
Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens) Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

Vale lembrar que há limites e especificações para líquidos nas bagagens de mão. É importante seguir as regras para não ter que despachar a bagagem na última hora ou jogar fora o seu produto predileto. Lembre-se de identificar todos os potes com etiquetas e colocá-los dentro de sacos vedados para não ter problemas, especialmente em voos internacionais.

2 – Reduza o tamanho dos seus utensílios e acessórios do dia a dia. Para quem deseja reduzir o volume e peso da bagagem de mão é fundamental reduzir também o tamanho dos objetos.

Esqueça aquele secador de cabelo profissional, o aparelho de barbear enorme e super eficiente, a escova de cabelo do tamanho de um braço e até mesmo a sua escova de dentes de uso diário. Vale reduzir o tamanho de tudo! Do espelho para maquiagem ao laptop, passando pela toalha de banho (caso seja necessário levar).

Quanto menor, melhor! Mesmo que não sejam tão eficientes, eles ajudarão na hora de manter os 10 kg da bagagem de mão. Ah! Jóias e bijouterias também devem ser levadas em número e tamanho reduzidos, especialmente as que pesam demais.

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

3 – Leve apenas a quantidade de roupa necessária. Parece um conselho bobo, mas sabemos que muita gente (muuuuuuuuita gente mesmo) leva bem mais que o necessário nas viagens. É hora de botar a mão na consciência e perceber que uma mala despachada poderá pesar bastante no bolso.

Sendo assim, nada de levar roupas para trinta dias de viagem se você vai passar apenas um final de semana fora de casa. Calcule quantas roupas serão necessárias e deixe apenas uma pequena sobra para emergência. Lembre-se que lavanderias estão à disposição em quase todos os lugares.

Para economizar vale até aproveitar o banho para lavar algumas peças de roupa que poderão ser utilizadas novamente.

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

4 – Deixe em casa aquela roupa linda que você não usa nunca.

Sabe aquele vestido maravilhoso que você procura uma oportunidade pra usar e nunca acha? Ou aquela blusa social que dá até dó de tirar do armário de tão sensacional e por isso você nunca veste? Pois é! Se você não usa essa roupa na vida real, melhor também evitar que ela entre na sua mala.

Estamos falando de uma mala de 10 kg que deve conter apenas objetos, produtos e roupas necessários e úteis. Se você não usa a roupa no dia a dia, a chance dela ficar no fundo da mala e voltar amassada pra casa é grande. Troque por uma roupa que você adore e use sempre.

5 – Pense em todas as combinações possíveis e deixe de lado qualquer peça que não combine com nada. A regra é das mais importantes! Não leve para a viagem peças de roupas que não combinem entre si e que valem para apenas uma ocasião.

Prefira visuais básicos e que possam ser combinados e usados em diversos passeios. Assim você poderá repetir roupas sem que ninguém perceba (eu não ligo muito pra isso, mas tem gente que liga). Quanto mais básicas, melhor e mais fácil.

Além disso, é sempre bom poupar tempo na hora de escolher o que vestir durante a viagem.

Roupas que valem para diferentes ocasiões também são muito importantes, como um vestidinho preto que pode ser usado com tênis ou sandália mais arrumadinha; ou uma calça mais aleitada que pode ir bem com camiseta ou blazer. Vale investir em acessórios pequenos, que não ocupam muito espaço, mas que mudam o visual. Que tal algumas echarpes e lenços?

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

6 – Prefira tecidos leves, que não amassam e não fazem volume. Se você é um viajante frequente já deve ter percebido como roupas com tecidos mais finos, que não amassam e não fazem volume são importantes para uma mala de mão pequena.

Escolher roupas que sejam adequadas para viajar leve é tão importante quanto não escolher roupa demais. De nada adianta economizar no número de peças se você escolhe apenas uma que ocupa o lugar de 57 outras roupas. No caso de casacos, que quase sempre são volumosos, opte por levar na mão ou ir vestido com ele.

Assim você já economizará alguns centímetros quadrados de área útil na bagagem.

7 – Leve apenas sapatos que sejam curingas e que já foram testados no dia a dia. Comprou um sapato novo e está louco pra levar na viagem? Melhor não! Se ele não tiver sido amaciado e testado, o sapato novo deve ficar em casa.

Leve para a viagem apenas sapatos, sandálias e até chinelos que você tem certeza absoluta que poderão ser usados à exaustão sem machucar o pé. Assim você não corre o risco de levar um peso morto. Quanto à quantidade de sapatos, varia muito do tipo de viagem. Porém, no geral, um chinelo, um tênis e um sapato ou sandália mais arrumadinho resolvem tudo.

Escolha modelos que combinem com todas as roupas, ou, no mínimo, com a maioria delas. Viaje com o calçado que ocupa mais volume e leve os outros dois na mala.

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

8 – Nada de levar um monte de bolsas, mochilas e sacolas para a viagem! Elas ocupam um espaço precioso e que agora custa dinheiro! Antes de arrumar a mala, pense exatamente qual tipo de bolsa será necessário.

Se você não abre mão de uma mochila, ela poderá ser a sua bolsa pessoal no voo e não ocupar espaço na bagagem de mão. Caso opte por levar uma bolsa pequena, prefira as que são maleáveis e que podem ser amassadas para caber na bagagem de mão. Nada de levar bolsas enormes e rígidas que não cabem em lugar nenhum.

Salvo se ela for a sua bolsa de mão no voo. Nesse caso tudo bem! Mas, ainda assim, as maleáveis são bem mais práticas e fáceis de levar.

Leia também:  Como aliviar cansaço visual (com imagens)

9 – Segure a onda e avise aos parentes que não vai ter presente e nem encomenda.

Se você já não gostava muito de trazer comprinhas para os outros quando viajava, essa mudança vai render uma boa desculpa, afinal, você vai embarcar com uma mala de apenas 10 kg! Já deixe avisado que não será possível trazer nada além do necessário.

Se o presente for emergencial, melhor comprar no freeshop ou nas lojinhas do aeroporto depois de embarcar. Mas se você faz a linha que adora comprar presentes pra todo mundo, trazer camarão do nordeste e compotas de doces de Minas, melhor repensar a sua mala.

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

10 – Leve sacolas a vácuo para manter o volume dentro do permitido. Muitas vezes o problemas não está no peso, mas sim no volume.

Para ajudar a resolver esse caso, o ideal é ter sempre à disposição uma bolsa à vácuo dentro da mala. Ela ajuda a reduzir o volume das roupas e magicamente faz caber algumas peças a mais dentro da bagagem de mão.

Muito útil naquele momento de desespero quando a mala não fecha.

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

11 – Deixe objetos mais pesados para a bolsa pessoal. Se você está viajando com câmera fotográfica, notebook, livros e outros objetos mais pesados, prefira colocar todos eles na sua bolsa pessoal.

Todo passageiro pode embarcar com uma mala de mão e mais uma bolsa pessoal (que pode ser uma bolsa de ombro, um mochila ou uma sacola pequena). Dificilmente essa bolsa será pesada na hora do check-in, por isso, deixa para guardar dentro dela objetos mais sensíveis e também mais pesados.

Casacos podem ir na mão, assim não ocupam lugar nem na bolsa e nem na bagagem de mão.

12 –Prefira uma mala leve e fique atento ao tamanho permitido. Mais do que nunca é importante escolher uma boa mala para levar como bagagem de mão.

Evite malas que sejam feitas de material pesado e que “roubem” o pouco peso que você tem para despachar. Ao comprar uma mala, veja atentamente qual o peso dela vazia. Assim você terá certeza de não perder demais nos quilos que poderá levar dentro dela.

Malas feitas em fibra de carbono, por exemplo, são bem mais leves e resistentes.

Fique atento também ao tamanho da mala, para ter certeza que ela está dentro das especificações de bagagem de mão. Caso ultrapasse os limites da companhia aérea, você poderá ser obrigado a despachar, tendo assim um custo – e chateação – desnecessário logo no começo da viagem.

13 – Leve uma balança de viagem. Se ela já era importante antes, agora a balança de viagem é fundamental para não passar aperto e tomar um prejuízo.

Antes de sair de casa, pese a sua bagagem de mão para ter certeza de que ela está dentro dos padrões da companhia aérea.

Evite que os atendentes queiram que você despache o volume e tenha um gasto extra que não estava previsto no orçamento.

Tem alguma dica para preparar uma mala de mão com 10 kg e não passar aperto nos voos? Conta pra gente! O importante é economizar e viajar sempre mais gastando menos! E se quiser mais dicas sobre o que levar na bagagem, veja o post especial sobre acessórios de viagem que não podem faltar na sua mala. Mas se for uma mala de 10 kg, lembre-se das dicas daqui! Boa viagem!

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião

  1. 1

    Tudo que for indispensável deve estar na bagagem de mão.

    Leve consigo tudo que for essencial: roupas íntimas, calçados, algumas mudas de roupa, objetos de entretenimento, medicações e, para voos mais longos, objetos básicos de higiene.

    Algumas pessoas voam como se nunca fossem ver seus objetos novamente, e isso tem algum mérito. Leve apenas o mínimo necessário para sobreviver caso perca sua bagagem despachada.

    • Leve consigo todos os medicamentos e objetos que o ajudem a permanecer confortável. Medicamentos de todos os tipos são permitidos. É fácil levar mais líquido que o permitido se eles forem necessários para sua saúde.
    • Para diminuir a quantidade de roupas na bagagem de mão, procure peças que sejam intercambiáveis. Leve algumas peças que combinem todas umas com as outras em vez de modelitos específicos. Use acessórios para dar um toque fashion às roupas. Por exemplo, cachecóis são pequenos e fáceis de carregar, podendo ser usados de várias maneiras: servem até como cinto!
    • Leve suas roupas de banho na bagagem de mão, especialmente se você for mulher. A maior parte das coisas em uma bagagem despachada (shorts e camisetas, por exemplo) podem ser comparadas em seu destino. Porém, pode ser um pouco mais difícil encontrar boas roupas de banho. Você não quer perder a chance de ir a uma praia, banheira ou praticar outra atividade na água.
  2. 2

    Coloque todos os itens de valor na bagagem de mão. Tudo o que for valioso deve ir com você para que, na possibilidade de sua bagagem ser pilhada ou perdida, você esteja a salvo. Isso vale para tudo, de joias a eletrônicos e itens de valor sentimental. Se ficaria muito triste em perder algo, leve-o com você na bagagem de mão.

    • Por razões de segurança, quaisquer itens eletrônicos com baterias de lítio, incluindo laptops, smartphones e tablets, devem ser inseridos na sua bagagem de mão, e não na despachada. O mesmo vale para carregadores portáteis e baterias de lítio soltas.
    • Os eletrônicos maiores precisam ser retirados ao passar pela segurança, por isso coloque-os por último. Dessa forma, não vai precisar ficar procurando quando o tempo for essencial nem ser aquela pessoa que segura todo mundo.
  3. 3

    Coloque seus eletrônicos juntos.[1] Isso é bom por duas razões:

    • Você provavelmente ficará entediado no voo, e ter esses itens consigo faz com que saiba onde cada coisa está, para que possa acessar seu iPod, iPad, Kindle ou o que quer que seja rápido e facilmente.
    • Em alguns locais, os eletrônicos precisam passar por triagem; por isso, ao colocar todos no mesmo lugar e facilitar para os agentes, você não será aquele que vai segurar a fila.
  4. 4

    Leve seus documentos com você. Para entrar no avião, precisará de alguma identificação, como um passaporte ou a habilitação. Não se esqueça do cartão de débito e de crédito, porém, pode ser melhor NÃO levar cada cartão que tiver consigo, porque corre o risco de perdê-los (e se desesperar).

    • Guarde suas informações de voo num bolso fácil de acessar da sua bagagem de mão: a companhia, o número do voo, os detalhes sobre ele e seu código de confirmação. Isso será útil nos quiosques de check-in que tantas companhias fornecem nos aeroportos.

    DICA DE ESPECIALISTA

    Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

    Allyson Edwards

    Viajante e Consultora Internacional Allyson Edwards graduou-se em Relações Internacionais na Stanford University. Depois disso, trabalhou como facilitadora de parcerias Internacionais com agências em mais de 20 países, assessorando empresas de educação, fintech e comércio. Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

    Allyson Edwards Viajante e Consultora Internacional

    Compre uma pasta plástica transparente ou envelope, faça cópias de todos os seus documentos e coloque-os lá, aconselha Allyson Edwards, expert em viagens.

    “Essa será sua Pasta Mestra, que incluirá coisas como seu passaporte, sua carteira de motorista, seu itinerário, seus tickets e passagens de avião, uma foto (frente e verso) de um cartão de crédito para emergências, o endereço e o número telefônico de seu hotel ou do lugar em que ficará.

    Leve sempre 10% a mais do que o recomendado para pagar quaisquer taxas de entrada e saída do país de destino. Sempre que um agente ou oficial pedir documentação relacionada à sua entrada no país, você já saberá onde ela está!”

  5. 5

    Decida se levará ou não itens de higiene. Muita gente tem dúvidas sobre isso. O fato é que pasta de dente e desodorante podem ser encontrados em qualquer lugar do mundo hoje em dia. Não levando esses itens, você só corre o risco de não achar a marca exata que quiser.

    • Se levar itens de higiene, os regulamentos ainda se aplicam. Você pode pôr quantas garrafas de 100 ml de itens de higiene quiser em um saco com fecho de um litro (o limite é de um por viajante), mas precisará tirar o saco na triagem de segurança.[2] Verifique o site da ANAC para obter as regras e regulamentos completos.
  6. 6

    Carregue um kit de primeiros socorros com o básico, principalmente analgésicos. Às vezes, os voos podem não ser nada divertidos, por isso deixe algumas coisas preparadas. Pode ser bom carregar:

    • Analgésicos.
    • Curativos.
    • Um sedativo.
    • Remédios contra náusea.
    • Chicletes (para as mudanças de pressão no ar).
    • Gaze.

    DICA DE ESPECIALISTA

    Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

    Allyson Edwards

    Viajante e Consultora Internacional Allyson Edwards graduou-se em Relações Internacionais na Stanford University. Depois disso, trabalhou como facilitadora de parcerias Internacionais com agências em mais de 20 países, assessorando empresas de educação, fintech e comércio. Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

    Allyson Edwards Viajante e Consultora Internacional

    Allyson Edwards volta a recomendar: “Mantenha documentos que comprovem suas vacinas e problemas de saúde na sua Pasta Mestra.”

  7. 7

    Em vez de colocar na mala, coloque no corpo. A companhia aérea não irá cobrar pelas roupas que você estiver usando; portanto, vista-se tendo isso em mente. Use várias camadas de roupa para poder trazê-las consigo.

    Em vez de usar apenas uma camiseta e uma jaqueta, use uma camiseta de manga comprida, coloque uma de manga curta e complemente com uma jaqueta ou suéter, por exemplo.

    Se for levar mais de um calçado, voe usando o maior e guarde o menor na bagagem.

Como arrumar a bagagem de avião – Dicas de viagem – FAQ – eDestinos.com.br

A bagagem despachada é transportada no porão do avião. Você pode entregá-la ao representante da companhia aérea no balcão de check-in ou deixá-la em um ponto de entrega de bagagem.

A companhia aérea assume a responsabilidade pela sua bagagem assim que ela é registrada e marcada. Você recebe uma parte da tag – normalmente presa ao cartão de embarque – que serve como um documento usado para identificar sua bagagem na chegada.

Ao preparar a sua mala para a viagem de avião, é importante que a sua bagagem cumpra determinadas condições definidas individualmente por cada companhia aérea, tais como limite de volume e peso, e não contenha na mala objetos proibidos no transporte aéreo. Antes do voo, leia o regulamento da companhia aérea com a qual está viajando. Cada transportadora possui um regulamento interno relativo ao peso e volume de bagagem de mão e registrada.

Nunca carregue na bagagem de mão (dentro da cabine) itens proibidos para transporte a bordo do avião. Existe uma lista de itens que não podem ser transportados na bagagem de mão, mas que podem ser acondicionados na bagagem despachada. Verifique a lista completa de itens que não são permitidos para transporte aéreo.

O que NÃO é permitido na bagagem despachada?

Por razões de segurança, certos itens não são permitidos em aeronaves.

Independentemente da companhia aérea escolhida, é proibido transportar explosivos, materiais inflamáveis como álcool, fogos de artifício e combustível.

Além disso, produtos químicos ou substâncias tóxicas, incluindo veneno de rato, dispositivos de gás lacrimogêneo, produtos químicos corrosivos e tintas não são permitidos a bordo. 

  • Importante!
  • Leve na bagagem de mão todos os seus pertences valiosos ou frágeis, como laptops, câmeras, dinheiro, joias e documentos, para evitar o risco de serem danificados ou perdidos.
  • Bagagem incomum

Informe a sua companhia aérea sobre quaisquer itens de bagagem incomum (como uma bicicleta, prancha de surfe, snowboard, equipamento de esqui ou um instrumento musical) com antecedência – no máximo em 48 horas antes da partida. Nosso consultor de call center irá ajudá-lo com quaisquer dúvidas.

Companhias aéreas de baixo custo

As companhias aéreas de baixo custo cobram, geralmente, taxas adicionais pela bagagem despachada. Se você decidir comprar uma franquia de bagagem despachada, marque a opção correta ao reservar seu voo. A taxa de bagagem será incluída no preço final do seu bilhete, antes de você completar a reserva.

  • Na maioria das companhias aéreas de baixo custo, o peso máximo de uma peça de bagagem despachada é de 32 kg. Mesmo que você tenha comprado uma bagagem extra, não poderá exceder esse limite.
  • A bagagem despachada que exceder os limites de peso ou tamanho será considerada bagagem excessiva ou incomum e sujeita a encargos adicionais.
  • Você não pode reservar a bagagem despachada para uma criança 0 a 2 anos.
  • Você não pode dividir os limites de peso entre as peças de bagagem. Por exemplo: dois passageiros viajando juntos com um limite de bagagem despachada de 15 kg cada não podem levar uma mala de 20 kg e uma bolsa de 10 kg.
  • Você não pode combinar os limites de peso de vários passageiros em uma só bagagem Por exemplo: dois passageiros viajando juntos com um limite de bagagem despachada de 15 kg cada não podem solicitar uma mala de 30 kg.
  • Certifique-se de revisar os limites de peso de determinadas companhias em Termos e Condições do site.

Companhias aéreas tradicionais

  • Na hora da compra da passagem confira se a bagagem despachada está inclusa no preço de bilhete. Caso não esteja você poderá adicioná-la pagando um preço a mais por isso.
  • Os limites de peso e quantidade dependem da classe (econômica, executiva ou primeira classe) e da rota.
  • Qualquer bagagem que exceda o peso é tratada como excesso de bagagem e cobrada adicionalmente de acordo com a tabela de taxas.

Restrições de bagagem

Antes de começar a arrumar sua mala:

  • Revise as condições detalhadas da companhia aérea com a qual você está viajando.
  • Certifique-se de que sabe o que pode e não pode levar na bagagem de mão e na bagagem despachada.
  • Lembre-se de que o transporte de líquidos, géis e aerossóis é restrito. Todos os cosméticos, bebidas e outros líquidos devem ser transportados somente em recipientes que contenham no máximo 100 ml e embalados em um saco plástico transparente. Cada passageiro pode levar um total de 1 litro de líquidos a bordo. Se você deseja levar cosméticos em recipientes maiores, coloque-os na bagagem despachada.

Dicas de embalagem

Ao preparar sua bagagem para um voo, tenha em mente o seguinte:

  • Sempre embale joias, equipamentos eletrônicos, dinheiro, chaves, remédios, documentos e outros objetos de valor na bagagem de mão,
  • Proteja itens frágeis envolvendo-os em roupas ou sacos apropriados.
  • Proteja sua bagagem despachada contra danos durante o transporte: feche cuidadosamente todas as travas em sua mala, mochila ou bolsa e, no aeroporto, opte por embalar com proteções próprias.
  • Remova todas as etiquetas de viagens anteriores. Se você deixá-las, corre o risco de ter sua bagagem enviada para o destino errado,
  • Para evitar confusões ao pegar suas malas na área de coleta de bagagens, coloque algo exclusivo, como uma fita colorida ou um adesivo.​
  • Proteja bordas pontiagudas ou perigosas da bagagem (por exemplo, a armação interna/externa de uma mochila).
  • Marque todas as bagagens despachadas com etiquetas com o nome, endereço completo e telefone de contato,
  • Pese a sua bagagem antes de levá-la ao aeroporto, para evitar o pagamento de taxas por excesso de bagagem.
  • Para viagens internacionais para os Estados Unidos, substâncias semelhantes a pó com mais de 350 ml devem ser despachados e, dependendo de seu conteúdo, podem ser proibidos. Isso entrou em vigor a partir de 30 de junho de 2018.

ATENÇÃO: o peso máximo permitido para bagagem despachada é, geralmente, de 23 kg. Desde março de 2017, algumas tarifas não permitem bagagem despachada. Recomendamos que consulte as regras antes de sua viagem.

IMPORTANTE: As novas regras de bagagem, de acordo com a publicação da ANAC, ainda não estão em curso, por conta de uma liminar. Se quiser saber mais sobre o que muda, de acordo com as novas regras para viajar, clique aqui!

Gosta das nossas informações? Acesse nosso blog para inspirações, ofertas e dicas sobre viagem. Clique aqui!

Informações importantes:

Veja também:

Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens) Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens) Como Arrumar as Malas para Viajar de Avião (com Imagens)

10 dicas para nunca mais sofrer ao arrumar a mala | Modo Avião

Eu amo viajar. Se alguém chegar para mim agora e falar: “Vamos viajar para…” o meu “Sim” vem antes mesmo da frase ser completada.

Mas meu amor por viagens também é proporcional ao meu horror por fazer malas, acredite se quiser.

Mas esta minha aversão a fazer malas tem seu lado positivo. Para me livrar logo da tarefa e torná-la o mais eficiente e indolor possível eu acabei desenvolvendo um método prático para fazer uma boa mala, que agora vou dividir com vocês.

Continua após a publicidade

1. Escolha a mala certa

Esta pode parecer óbvia, mas é super importante.

Se você vai fazer uma viagem de dois meses pelo sudeste asiático, ficando em pousadas, de ilha em ilha, melhor levar um mochilão do que uma mala de rodinhas, certo? Se vai passar uma semana a trabalho em outro país não há necessidade de levar aquele trambolho GG, né? Enfim, a dica é escolher a mala adequada para a viagem. Confesso que após anos namorando várias, só no ano passado encontrei a mala da minha vida. Ela é do tamanho perfeito para a maioria das minhas viagens, é super leve e gosto do fato de ela abrir no meio, o que deixa duas laterais não muito fundas para guardar as coisas. Isso ajuda porque fica mais fácil de ver tudo o que tem dentro. Comprei a minha fora do Brasil, mas tem um outlet da Rimowa aqui em São Paulo para quem quiser investir. Já aviso que é uma bolada, mas, no meu caso, foi um bom investimento. E você já encontrou a mala da sua vida? Se não, não desanime.

2. Planeje antes de começar a selecionar as peças

De novo pode parecer lógico fazer isso, mas muita gente começa a fazer a mala sem pensar muito.

Que tipo de viagem você vai fazer? A trabalho? A passeio? Qual a previsão do tempo? Você vai em algum evento formal, que pede um tipo de roupa mais elegante? Será que vai chover? Quantos dias você vai ficar longe? Que tipo de sapato levar? Enfim, são vários os fatores que irão influenciar na escolha das suas peças, então é sempre bom perder alguns minutos para pensar nestas coisas. Se você é super organizado e sabe mais ou menos seu itinerário dia a dia esta tarefa vai ser mais fácil. Mas o importante é tentar ao menos fazer uma mini programação para poder saber quantas calças levar, se será preciso levar um casaco mais pesado, etc.

3. Separe tudo antes de colocar na mala

Continua após a publicidade

Fez a programação diária e já sabe mais ou menos o que vai levar? Hora de começar a colocar isso em prática então. Mas nada de ir colocando tudo direto na mala, não.

Separe todas as peças, acessórios e sapatos que irá levar e dê uma boa olhada antes de começar a guardar.

Assim você terá uma noção da quantidade de coisas que pretende levar, vai ver se há coisas repetidas e desnecessárias e perceber se falta alguma coisa.

Para quem precisa de ajuda nesta parte, fiz um checklist básico para ajudar na hora de separar o que levar.

http://veja.abril.com.br/complemento/entretenimento/checklist-de-viagem/

4. Dê preferência a cores neutras e tecidos que não amassem

Isso vai facilitar sua vida longe de casa. Tem um vestido que você ama de paixão mas que vai chegar todo amassado no seu destino? Que tal trocar por aquele outro de um tecido que não amassa? Hoje em dia há uma variedade enorme de peças feitas pensando nisso com tecidos super tecnológicos e que não têm cara de agasalho de colégio.

Outra dica importante é dar preferência a peças de cores neutras, que poderão ser misturadas mais facilmente. Deixe aquela peça super estampada e que não combina com muita coisa para usar em casa. Ah, e importante, esqueça esta história de não repetir roupa em viagem! Desperdício de espaço levar uma muda diferente para cada dia.

Escolha peças que combinem entre si e que você possa fazer variações.

Continua após a publicidade

5. Enrole, enrole e enrole!

Mãos a obra! Depois de muito testar, cheguei à conclusão que a melhor maneira de organizar a mala é fazendo rolinhos com as roupas. As únicas exceções são peças volumosas, como malhas, casacos, paletós, e camisas sociais, que vão ficar muito amassadas. O resto, é enrolar.

Assim você economiza espaço, consegue ver melhor o que está levando e   as roupas não ficam muito marcadas. Outra coisa que eu uso bastante e que ajuda demais são organizadores de mala. Eu geralmente uso um para camisas/blusas, outro para roupas íntimas, acessórios e roupas de banho, outro para calças, saias e vestidos e assim por diante. Quanto mais compartimentos mais fácil de achar o que você precisa e manter a mala organizada durante toda a viagem. Usou, devolveu no mesmo lugar! Os meus organizadores eu compro na Kuri, aqui em São Paulo. Eles são legais porque têm zíperes dos dois lados então dá pra ir colocando as peças sujas separadas para não misturar com as limpas. Quando viajo gosto de comprar essas coisinhas na Sportsac.

6. Otimize os espaços

Sabe qual o melhor lugar para guardar suas meias? Dentro dos sapatos! Assim você usa um espaço que ficaria vazio e ainda fica prático na hora de usar.

Outra dica, mas que só vale para as mulheres, é colocá-las dentro do sutiã, assim evita que eles percam a forma ao serem amassados.

Cintos? Que tal colocá-los abertos nas paredes da mala? Outra coisa que geralmente faço é viajar com o casaco mais pesado e o sapato mais trambolho, assim você já economiza espaço na mala.

7. Atenção na hora de escolher e guardar os sapatos

Continua após a publicidade

Tem item mais chato de escolher e guardar que eles? Confesso que ainda sofro na hora de fazer minhas escolhas… e se eu precisar de uma bota? Mas será que não é o caso de levar o sapato de salto também? Ah, aquela rasteirinha ficaria linda com a saia que estou levando. Sei bem como é… Mas tente ser o mais racional possível na hora de selecionar seus sapatos.

Além de ocupar bastante espaço eles também pesam na mala. Na hora de guardar, coloque sempre dentro de organizadores específicos ou de sacos (eu guardo os de tecido que vêm quando a gente compra um sapato novo ou aqueles que algumas companhias aéreas dão).

Outra opção é colocar toucas de banho, aquelas plásticas e descartáveis, nas solas para não sujar a mala ou as roupas.

8. Leve apenas os produtos de beleza/higiene necessários

Pra que levar aquela embalagem de shampoo de 400 ml se você só vai passar uns dias fora? Vale a pena investir em um daqueles kits que hoje em dia estão à venda em qualquer farmácia e levar apenas o necessário.

Fora que, se você não for super apegado ao seu shampoo/condicionador, a maioria dos hotéis oferece produtos de higiene básica. Outra dica legal é tentar comprar as coisas em miniatura.

Aqui no Brasil já é possível encontrar em algumas farmácias e nos EUA há seções inteiras de mini produtos  que vão desde pasta de dente até laquê para os cabelos. Uma coisa que eu sempre faço, por conta das viagens constantes, é deixar uma necessaire sempre pronta.

Ou seja, tenho tudo duplicado: duas escovas de dente, dois desodorantes, dois hidratantes e por aí vai. Assim minha vida fica mais fácil e não corro o risco de esquecer algo na hora de viajar.

9. Deixe sempre algum espaço sobrando na mala

Se você já sair de casa com a mala explodindo a chance de ter que comprar uma segunda ou pagar excesso de bagagem na volta é enorme. Pouca gente (e não me incluo nesta categoria) consegue ir e voltar de viagem com a mala pesando a mesma coisa.

Sempre tem aquela lembrancinha que a gente quer levar para alguém, aquela oferta imperdível que viu em uma loja ou mesmo algum material de trabalho que você tem que trazer na volta.

Então nunca viaje com a mala no limite e sempre deixe um espaço para uma eventualidade.

Continua após a publicidade

10. Leve uma mala dobrável dentro da mala

Esta dica serve mais para quem vai com a intenção de fazer compras. Eu, em geral, como sempre gosto de estar prevenida, sempre levo uma segunda mala mesmo quando o objetivo da minha viagem não é comprar.

Sabe aquelas malas tipo de levar para a academia, de tecido, que são dobráveis e não ocupam muito espaço? Então, não custa ter uma delas em algum cantinho da sua mala para o caso de uma eventualidade.

Quer coisa mais desagradável que perder tempo durante a viagem indo atrás de uma mala extra pra comprar? No fim a gente sempre tenta economizar, acaba comprando uma mala porcaria, ou uma caríssima, e se arrepende de não ter levado aquela que ficou em casa. Na dúvida, leve.

Fotos Reinaldo Canato/VEJA

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*