Como aliviar cansaço visual (com imagens)

“Nós, seres humanos modernos, estamos a dar cabo dos nossos olhos”, alerta Kazuhiro Nakagawa no novo livro Ioga para Corrigir a Visão. Ao contrário do que acontecia antigamente, em que acordávamos ao nascer do sol e íamos dormir ao anoitecer, ficamos acordados pela noite fora em frente a ecrãs luminosos, privando os olhos do repouso necessário.

A tensão, o desgaste e a fadiga ocular provocados pelo computador são a nova gripe do século XXI e, segundo o especialista, os principais sintomas incluem olhos lacrimejantes, visão embaçada, irritação, ardor ou mesmo dor.

E se for a um oftalmologista, este vai receitar-lhe gotas específicas que vão aliviar os sintomas mas não resolver o problema.

Como Aliviar Cansaço Visual (com Imagens)

O livro foi publicado pela Pergaminho e custa 15,50€.

Para aliviar os sintomas de olhos secos e cansados provocados pelas muitas horas ao computador, reunimos seis dicas com a ajuda do também diretor do Vision Fitness Center em Tóquio, no Japão (que alega ter corrigido os problemas de visão de seis milhões de pessoas com exercícios e técnicas baseadas no ioga). Eis como contrariar o envelhecimento ocular:

1. Pestaneje

Quando está ao computador (ou a olhar para um ecrã LCD de muito perto, como o do telemóvel), está num estado de tensão constante, com as pupilas dilatadas durante um período prolongado, e sem dar por isso o número de vezes que pestaneja diminui.

Pestanejar tem um papel muito importante na hidratação dos olhos. Quando a pálpebra superior e inferior entram em contacto, são libertadas lágrimas para lubrificar o olho inteiro.

Se a frequência deste pestanejar diminui, desenvolve-se uma afeção que se chama ‘síndrome do olho seco’, que bloqueia nutrientes e oxigénio à córnea”, escreve Kazuhiro Nakagawa no seu novo livro.

Segundo o especialista, há pessoas que ficam de olhos abertos, sem pestanejar, durante dois ou três minutos seguidos — daí que seja absolutamente crucial ter atenção ao piscar dos olhos.

2. Tenha atenção à respiração

Tal como pestanejar, respirar é também da maior importância.

O cérebro e os olhos são praticamente uns sorvedouros de oxigénio, responsáveis por um quarto do consumo total do organismo.

Se falhar o fornecimento adequado de oxigénio a essas zonas, elas ficarão naturalmente desgastadas e deixarão de funcionar como devem”, explica o especialista na nova obra Ioga para Corrigir a Visão.

3. Corrija a postura

Quanto mais olhar para o ecrã, maior é a probabilidade de assumir uma postura curvada, que faz encolher os pulmões. “Por causa disso, a sua respiração tornar-se-á tão superficial que parecerá que não está a usar nem metade ou nem sequer um terço da capacidade dos pulmões.

Há pessoas que têm, não apneia do sono, mas apneia do computador”, adianta o japonês Kazuhiro Nakagawa. Muitas pessoas ficam com a barriga para dentro, as costas curvadas e o pescoço inclinado para a frente. Se não corrigir esta postura curvada para a frente, vai sentir um maior cansaço ocular.

Daí que um utilizador do computador tenha de ter maior cuidado com a postura, um dos fatores que podem perturbar a respiração normal.

Como Aliviar Cansaço Visual (com Imagens)

Tome nota: estique a barriga para fora com firmeza e, se as suas costas estiverem curvadas, levante os ombros e empurre-os para trás. (foto: iStock)

4. Proteja-se de ambientes secos

Os ambientes secos — vulgo com ar condicionado — são os maiores inimigos das lágrimas dos olhos, lágrimas essas que são essenciais. Os sintomas mais comuns são visão embaçada, irritação, dor ou ardor nos olhos.

As causas principais do olho seco são a evaporação lacrimal, uma produção deficiente de lágrimas e obstrução dos canais. É portanto necessário normalizar a quantidade e o volume das suas lágrimas e remover quaisquer bloqueios”, recomenda o autor de Ioga para Corrigir a Visão.

Para minimizar a evaporação das lágrimas, pode instalar um humidificador ou, de vez em quando, colocar uma toalha húmida e quente sobre os olhos. Outro método que, segundo Kazuhiro Nakagawa, funciona bem é o de fazer um grande bocejo de propósito para restaurar a função de verter lágrimas — quando os músculos faciais pressionam os chamados sacos lacrimais, fica com lágrimas nos olhos.

5. Contrarie os olhos secos

Para estimular as glândulas meibomianas e favorecer a secreção do óleo necessário para as lágrimas, aqueça uma toalha húmida no microondas. Aplique-a sobre os olhos fechados e deixe-a atuar durante três minutos.

Depois, com os olhos ainda fechados, esfregue a zona em volta dos olhos com os indicadores. Já para tonificar a capacidade de pestanejar, pisque incessantemente os olhos enquanto executa um movimento circular com o pescoço.

Depois, gire a cabeça no sentido oposto e faça três rotações para cada lado.

Por último, incline lentamente o pescoço para trás, olhando para o nariz com os dois olhos.

Em seguida, empurre o queixo para dentro e incline o pescoço para a frente, de modo a que o rosto fique virado para baixo enquanto olha para cima com os dois olhos. Repita dez vezes cada um destes movimentos.

“Os músculos das suas pálpebras ficarão mais fortes e pestanejar tornar-se-á mais fácil”, promete o diretor do Vision Fitness Center.

6. Chore

A melhor forma de estimular as glândulas lacrimais, eliminando simultaneamente eventuais bloqueios, é chorando. Sempre que um romance, um filme ou uma peça de teatro o comover, isso é bom para os seus olhos.

Chorar nesses momentos pode revitalizar as glândulas e levar à eliminação dos olhos secos“, justifica Kazuhiro Nakagawa. O que nunca deve ignorar é a qualidade das suas lágrimas. “Como a matéria-prima das lágrimas é o sangue, se o seu sangue for espesso e viscoso, a saída das lágrimas será de baixa qualidade.

Um maior cuidado com as suas opções alimentares pode favorecer uma circulação mais fluida e melhorar a qualidade das suas lágrimas.”

Como Aliviar Cansaço Visual

X

O wikiHow é uma “wiki”; ou seja, muitos de nossos artigos são escritos em parceria com várias pessoas. Para criar este artigo, 33 pessoas, algumas anônimas, editaram e melhoraram o texto desde sua criação.

Há 36 referências neste artigo. Você pode encontrá-las ao final da página.

  1. 1

    Crie uma máscara para os olhos, acalmando a vista cansada. Coloque uma pequena toalha – que cubra ambos os olhos – sob água fria e torça-a, deixando-a fria, mas seca. Dobre ou enrole-a longitudinalmente para cobrir os olhos; deite e coloque-a sobre eles de dois a sete minutos. Repita o processo à vontade.

    • Outra opção é utilizar compressas frias (como gelo) ou saquinhos de chá e coloca-los sobre os olhos. Os saquinhos de chá possuem taninos, substâncias que auxiliam a comprimir os vasos sanguíneos, reduzindo o cansaço visual.
    • Evite colocar fatias de pepino sobre os olhos, pois elas poderão causar contaminações bacterianas.
    • Para relaxar ainda mais, adicione algumas gotas de óleo de lavanda ou água de rosas sobre a máscara ou massageie as substâncias sobre as pálpebras antes de colocar a toalha.[1]
  2. 2

    Altere a iluminação. Desligue luzes fortes, luzes desnecessárias e lâmpadas fluorescentes, pois elas fazem com que os olhos se esforcem mais para ajustar ao ambiente.

    A exposição prolongada às luzes brilhantes estimula excessivamente os olhos e corpo, causando irritação e cansaço geral.

    Crie um ambiente confortável utilizando luzes quentes e mais leves; se possível, instale interruptores que ajustem a intensidade das luzes, permitindo que todos os moradores possam “personalizar” a força da iluminação dos cômodos.[2]

    • Luzes naturais podem causar brilho intenso contra o monitor do computador, aumentando o reflexo e o cansaço da vista. Use sempre uma tela antirreflexo para minimizar a intensidade do brilho.[3]
  3. 3

    Ajuste o brilho e o contraste do monitor. Ao trabalhar ou estudar por grandes períodos de tempo à frente da tela do computador,[4] verifique se o monitor não fica muito próximo de seus olhos.

    Ajuste as opções de brilho e contraste até encontrar uma configuração que deixe os olhos mais confortáveis ao se voltarem para a tela. Existem alguns sites que oferecem ferramenta para fazer tais ajustes.

    [5] As luzes mais brilhantes devem ficar nas laterais da tela, enquanto luzes fortes devem formar um ângulo de 90° com o monitor para reduzir a quantidade que atinge os olhos.

    • Reduza o reflexo na tela fechando cortinas.[6]
  4. 4

    Ajuste a cor do monitor (temperatura). A cor deve ser adequada à iluminação do ambiente. Evite luzes azuladas, pois são as que mais causam cansaço na vista, já que os olhos precisam se adaptar constantemente a elas.[7] Em vez disso, verifique se a iluminação do quarto é parecida com a do monitor. Opte por luzes leves e limite a luz natural.

    • Também é importante ajustar a oscilação causada pela luz traseira de monitores. Os olhos precisam se ajustar constantemente à oscilação, cansando a vista. Se não houver como solucionar esse problema, é necessário substituir o monitor.[8]
  1. 1

    Fortaleça as pálpebras. Na verdade, é possível fortalecer os músculos que cercam os olhos, assim como todos os outros músculos do corpo. Isso deve ser feito após usar o computador ou durante os intervalos entre o uso.

    Feche cerca de metade dos olhos, prestando atenção à tremulação da parte superior das pálpebras; é uma reação totalmente normal dos olhos quando não estão piscando.

    [9] Concentre seus esforços em parar a tremulação por cerca de cinco segundos.

    • Deixar as pálpebras na metade dos olhos e concentrar-se em parar a tremulação fará com que a pessoa fique “estrábica”, o que na verdade ajuda a diminuir o cansaço dos olhos. Deixar os olhos temporariamente vesgos reduz o tamanho da pupila, ajudando a melhorar a visão.
    • No entanto, é necessário evitar fazer isso constantemente, já que o indivíduo poderá sentir dores de cabeça e mais cansaço visual.[10]
  2. 2

    Relaxe e respire. Assim que as pálpebras estiverem na metade dos olhos, feche-as lentamente e relaxe-as. Respire algumas vezes para aumentar o oxigênio no sangue e aumentar a circulação geral.[11] Ao inalar, imagine o ar fresco oxigenado entrando pelas narinas e chegando aos olhos. Expire pela boca e repita esses passos durante um a dois minutos.

    • O propósito desse exercício é relaxar os olhos e fortalecer as pálpebras.[12]
  3. 3

    Treine exercícios para manter o foco (acomodação e convergência). Tente manter o foco da visão em diferentes objetos para que o cansaço nos olhos diminua, fazendo breves intervalos para realizar o foco e “lembrar-se” de piscar, hidratando os olhos.

    Um dos exercícios é segurar uma caneta esticando totalmente o braço e concentrar-se em olhar para a ponta dela. Lentamente, traga-a para perto do nariz em uma velocidade constante.[13] Faça cerca de cinco a dez repetições e foque em objetos que estão longe e perto.

    [14] Isso permite que os olhos se recuperem do cansaço.

    • Focar os olhos melhora a visão e a força menos, além de poder ajudar a melhorar os espasmos que ocorrem quando os olhos estão cansados. Quando conseguem visualizar algo com mais facilidade e acuidade, é necessário força-los menos, fazendo com que tenham menor dificuldade em se adaptar aos problemas normais de foco.[15]
  4. 4

    Descanse os olhos. Faça isso caso a visão esteja cansada de tanto olhar para a tela do computador, de ler ou fazer qualquer outro trabalho que requer concentração.

    Experimente olhar para a ponta do próprio nariz e depois para um objeto que está a um braço de distância ou cerca de 6 m de distância e volte a olhar para a ponta do nariz, repetindo a técnica por 10 vezes.

    Tente mudar o foco a cada 15 a 30 minutos olhando para outra direção.

    • Escolha objetos em diferentes distâncias ao dar um descanso para os olhos. Outra opção é sair de perto do computador e andar sem olhar para telas durante cinco minutos.[16]
  1. 1

    Entenda como as lágrimas umedecem os olhos. Uma das principais causas do cansaço visual são os olhos secos. A lágrimas são feitas de 3 camadas: óleo e lipídios (gordura), água e uma camada de muco; um problema em qualquer uma dessas camadas pode deixar os olhos secos.

    Ao entender o papel de cada camada, é possível descartar problemas em potencial que causam a secura ocular; uma lágrima com proteínas insuficientes para combater bactérias, por exemplo, pode estar seca devido à irritação causada por infecções crônicas.

    As camadas da lágrima têm as seguintes funções:[17]

    • Camada mucosa: a camada mais abaixo é a base da lágrima, dando a ela estabilidade para “grudar” no olho. Mantém as lágrimas nos olhos, evitando que elas “vazem”.
    • Camada d’água: a camada do meio fornece eletrólitos necessários para as lágrimas ganharem mais consistência, além de possui enzimas e proteínas que combatem bactérias. A natureza aguada dessa camada permite que as lágrimas rapidamente cubram os olhos.
    • Camada de óleo e lipídios (gorduras): camada externa que sela as camadas da lágrima e faz uma cobertura fina sobre o olho inteiro, protegendo-o.
  2. 2

    Use um medicamento de venda livre que produza lágrimas artificiais. Ao sentir que os olhos estão secos após ler, tricotar ou ficar olhando para o computador por um longo período de tempo, use esse medicamento. Como várias marcas estão disponíveis, experimente algumas delas e verifique para quais delas os olhos respondem melhor.

    Pode ser necessário combinar mais de uma marca para obter maior alívio. Saiba que esse tipo de produto não substitui as lágrimas naturais; eles apenas diminuem a secura, substituindo a camada exterior que cobre o olho. Pessoas com secura crônica nos olhos poderão ter que continuar a usar esse produto mesmo após o fim dos sintomas.

    [18] Fique de olho nos seguintes aspectos:

    • Os lubrificantes possuem ingredientes como glicerina, hipromelose ou polissorbato. Eles imitam as lágrimas ao possuírem uma tensão de superfície similar, permitindo que as lágrimas “grudem” na superfície do olho.
    • Colírios que reduzem o risco de alergia ou sensibilidade de olhos que já estão secos.[19]
    • Pomadas oculares que são lubrificantes úteis em períodos onde não há como usar lágrimas artificiais. Colírios de venda livre como o Systane podem ser utilizados de quatro a seis vezes por dia ou sempre que necessário.
  3. 3

    Experimente usar colírios que apresentem componentes médicos. O oftalmologista poderá prescrever um colírio medicado após examinar a causa da secura nos olhos.

    [20] Tais medicações são substitutas das lágrimas, consistindo de lágrimas artificiais e outras substâncias para lubrificar os olhos, aliviando os sintomas.

    No entanto, é necessário reaplicá-las frequentemente – de quatro a seis vezes por dia ou sempre que necessário. Quando o médico prescrever géis, eles devem ser aplicados uma ou duas vezes por dia.[21]

    • Sempre siga as instruções do médico em relação à dosagem.
    • Usuários de lentes de contato devem tirá-las antes de aplicar os colírios. Reinsira as lentes 30 minutos após aplicá-las.[22]
  4. 4

    Obtenha uma pomada. Geralmente, as pomadas são usadas para lubrificar os olhos, mas existem diversos tipos.

    As antibióticas são utilizadas para o tratamento de conjuntivite por clamídia,[23] olhos secos devido às doenças das glândulas da camada lipídica das lágrimas ou inchaço das pálpebras inflamadas.

    É comum que as pomadas sejam utilizadas para lubrificar os olhos durante longos períodos de tempo quando as artificiais não possam ser aplicadas – ao dormir, por exemplo.[24]

    • Algumas pomadas que não precisam de apresentação de receita também estão disponíveis.[25] Pode ser necessário experimentar vários tipos antes de encontrar uma que alivie com eficácia os sintomas.
  1. 1

    Cubra os olhos. Tente não os expor diretamente ao ar, como em secadores de cabelo, aquecedores ou ar condicionado. Além disso, use óculos escuros ao sair no sol e óculos de natação na água. Proteger os olhos pode mantê-los úmidos; tente também usar óculos especiais que formem uma “câmera de umidade” em volta dos olhos para deixá-los mais molhados.

    • Mantenha o nível de umidade da casa entre 30 e 50%. Deixe o ar seco interno mais úmido utilizando um umidificador.
  2. 2

    Eleve o consumo de ácidos graxos ômega e água.[26] Como as lágrimas são feitas de água, muco e gordura, aumentar o consumo de óleos e água pode deixar os olhos mais hidratados.

    [27] Os ácidos graxos ômega-3 comprovadamente auxiliam a manter a integridade das lágrimas, aumentando a estabilidade das mesmas, enquanto os ácidos graxos ômega-6 auxiliam a reduzir fatores inflamatórios, diminuindo a secura ocular.[28]

    • Recomenda-se que mulheres bebam nove copos d’água por dia, enquanto homens devem consumir 13 copos diários.[29]
  3. 3

    Pisque com frequência. Piscar ajuda a deixar os olhos mais hidratados ao espalhar a camada lacrimal por todo o olho, aliviando o cansaço visual causado pela secura.

    É bastante importante lembrar-se de piscar após ficar muito tempo olhando para a tela de computador ou monitor durante o dia inteiro; piscar sempre que lembrar ou fazer um intervalo a cada 15 minutos pode ajudar a aliviar os sintomas do cansaço visual.[30][31]

    • Pessoas que ficam com os olhos focados em telas de computador piscam 66% a menos.[32]
  4. 4

    Saiba quando consultar um oftalmologista. Vá ao médico se os tratamentos acima não funcionarem, caso o cansaço ocular seja crônico ou sintomas alarmantes apareçam após o desgaste dos olhos.

    Informar o médico sobre suas preocupações facilitará a tarefa do profissional obter as respostas para suas dúvidas ou como tratar problemas ocultos; às vezes, o paciente pode sofrer de uma doença mais complicada e que causa cansaço ocular como sintoma. Entre elas:

    • Síndrome do Cansaço Crônico: condição que causa fadiga e problemas de visão constantes, sendo confundida com a vista cansada. Lentes corretivas não consertam as mudanças de visão (como a visão turva) e exames oculares são normais. Essa condição requer cuidado médico.[33]
    • Problemas oculares relacionados à tireoide: podem causar problemas nos olhos semelhantes ao cansaço da vista. Alguns transtornos da tireoide, como a Doença de Graves (o corpo ataca o próprio tecido da tireoide e dos olhos) também podem acarretar inchaço nos olhos.[34]
    • Astigmatismo: essa condição ocorre quando a córnea fica curvada de forma anormal, deixando a visão turva.[35]
    • Síndrome do olho seco: ela deixa os olhos secos devido a problemas sistemáticos, como o diabetes ou a Síndrome de Sjogrens.[36]
  • Vá regularmente ao oftalmologista para verificar se é necessário ajustar o grau dos óculos ou lentes de contato.
  • Há um software chamado ” f.lux”, que deixa a tela com um tom mais alaranjado, cansando menos a vista.
  • Ao usar lentes de contato, use colírios específicos para uso junto a elas.
  • Não fume, pois isso desgasta os olhos e causa outros problemas de saúde.
  • Evite esfregar os olhos para não introduzir bactérias nos olhos.
  • Use colírio antes de realizar atividades que sejam desgastantes aos olhos, evitando que eles fiquem secos.
  • Caso o desconforto persista após experimentar esses métodos, vá ao oftalmologista ou optometrista para que os olhos sejam examinados.
Leia também:  Como cancelar os planos com um amigo: 13 passos

O wikiHow é uma “wiki”; ou seja, muitos de nossos artigos são escritos em parceria com várias pessoas. Para criar este artigo, 33 pessoas, algumas anônimas, editaram e melhoraram o texto desde sua criação.

Categorias: Saúde Ocular

  • Imprimir
  • Agradecer aos autores

Esta página foi acessada 34 446 vezes.

10 dicas para aliviar a fadiga ocular causada pelo uso do computador

Página principal
Questões e doenças oculares
Fadiga visual digital

Revisado por Dr. Antônio Nogueira

  • Hoje em dia, parece que todo mundo está sempre olhando para uma tela de computador, telefone ou outro dispositivo digital; e isso está causando um problema sério chamado de fadiga ocular digital.
  • Uma pesquisa recente, patrocinada pela The Vision Council, mostrou que 59% das pessoas que usam computadores e dispositivos digitais rotineiramente apresentam sintomas de fadiga ocular digital (também chamada de fadiga ocular causada pelo uso do computador ou síndrome da visão de computador).
  • Os sintomas da síndrome da visão de computador incluem: fadiga ocular e desconforto, olhos secos, dores de cabeça, visão turva, dor no pescoço e no ombro, espasmos oculares e olhos vermelhos.
  • Aqui estão 10 etapas fáceis que você pode seguir para reduzir o risco de fadiga ocular e outros sintomas comuns da síndrome da visão de computador (SVC):

1. Faça um exame oftalmológico abrangente

Passar por um exame oftalmológico completo de rotina é a coisa mais importante que você pode fazer para prevenir ou tratar problemas de visão por causa do computador. Se você não faz um exame oftalmológico há mais de um ano, agende uma visita com um médico oftalmologista perto de você.

Durante o seu exame, certifique-se de dizer ao seu oftalmologista com que frequência você usa o computador e dispositivos digitais no trabalho e em casa. Meça a distância entre os seus olhos e a tela quando sentar-se em frente ao computador, e leve essa medida no exame para o que o médico oftalmologista possa examinar os seus olhos naquela distância de trabalho específica.

Leia também:  Como calcular os dias em inventário: 4 passos

2. Utilize iluminação adequada

A fadiga ocular geralmente é causada por luz excessivamente brilhante, proveniente da luz solar que entra pela janela ou de uma iluminação interna adversa. Quando você usa um computador, sua iluminação ambiente deve ser cerca de metade do brilho da encontrada na maioria dos escritórios.

Elimine a iluminação externa fechando cortinas ou persianas. Reduza a iluminação interna usando menos lâmpadas ou tubos fluorescentes ou use lâmpadas e tubos de menor intensidade.

Além disso, se possível, posicione a tela do computador para que as janelas fiquem ao lado, em vez de na frente ou atrás dela.

Muitos usuários de computador acham que seus olhos se sentem melhor se puderem evitar trabalhar sob luzes fluorescentes. Se possível, desligue as luzes fluorescentes no seu escritório e use lâmpadas de assoalho que fornecem iluminação indireta em LED “branco suave”.

Às vezes, mudar para a iluminação fluorescente de “espectro total” que se aproxime mais do espectro de luz emitido pela luz solar pode ser mais confortável para o trabalho em computadores do que as lâmpadas fluorescentes comuns. Mas mesmo a iluminação de espectro total pode causar desconforto se estiver muito clara.

Tente reduzir o número de lâmpadas fluorescentes instaladas acima da área de trabalho do computador, se você estiver incomodado pela iluminação do teto.

3. Minimize o brilho

O brilho da luz refletida nas paredes e superfícies acabadas, bem como os reflexos na tela do computador, também podem causar fadiga ocular. Considere instalar uma tela antirreflexo no monitor e, se possível, pintar paredes brancas brilhantes com uma cor mais escura com um acabamento fosco.

Se você usa óculos, compre lentes com antirreflexo (AR). Ele reduz o brilho, minimizando a quantidade de luz refletida nas superfícies frontal e traseira de suas lentes para óculos.

4. Atualize seu monitor

Caso ainda não o tenha feito, substitua o monitor antigo de tubo (chamado tubo de raios catódicos ou CRT) por uma tela plana LED (diodo emissor de luz) com uma superfície antirreflexo.

As telas CRT obsoletas podem causar uma “tremulação” visível nas imagens, que é a principal causa de fadiga ocular do computador. Mesmo que esse tremor seja imperceptível, ele ainda pode contribuir para a fadiga ocular e o cansaço durante o trabalho no computador.

Para aliviar o cansaço visual, use boa iluminação e sente-se a uma distância adequada da tela do computador.

As complicações devido à tremulação são ainda mais prováveis se a taxa de atualização do monitor for menor que 75 hertz (Hz). Se você precisar usar um CRT no trabalho, ajuste as configurações de exibição para a maior taxa de atualização possível.

Ao escolher um novo monitor de tela plana, selecione uma tela com a maior resolução possível. A resolução está relacionada ao “Dot pitch” do monitor. Geralmente, os monitores com menor Dot pitch têm imagens mais nítidas. Escolha uma exibição com Dot pitch de28 mm ou menos.

Além disso, escolha um monitor relativamente grande. Para um computador de mesa, selecione um monitor com um tamanho de tela diagonal de pelo menos 19 polegadas.

5. Ajuste as configurações de exibição do seu computador

Ajustar as configurações de exibição do seu computador pode ajudar a reduzir a fadiga ocular. Geralmente, esses ajustes são benéficos:

  • BrilhoAjuste o brilho do monitor para que seja aproximadamente o mesmo da sua estação de trabalho ao redor. Como teste, observe o plano de fundo branco desta página da Web. Se parecer uma fonte de luz, é muito brilhante. Se parecer opaco e cinza, pode estar muito escuro.
  • Tamanho e contraste do textoAjuste o tamanho e o contraste do texto para maior conforto, especialmente ao ler ou compor documentos longos. Normalmente, a impressão em preto sobre fundo branco é a melhor combinação de conforto.
  • Temperatura da corEste é um termo técnico usado para descrever o espectro da luz visível emitida por uma tela colorida. A luz azul-violeta é a luz visível de comprimento de onda curto que está associada a mais fadiga ocular do que as matizes de comprimento de onda mais longo, como laranja e vermelho. Reduzir a temperatura da cor da tela reduz a quantidade de luz azul nociva emitida por uma tela colorida para melhor conforto de visualização a longo prazo.

6. Pisque com mais frequência

Piscar é muito importante quando se trabalha em um computador; piscar umedece os olhos para evitar ressecamento e irritação.

Ao olhar para uma tela, as pessoas piscam com menos frequência — apenas cerca de um terço com a frequência normal — e muitas piscadas realizadas durante o trabalho no computador são apenas fechamentos parciais, de acordo com estudos.

As lágrimas que cobrem o olho evaporam mais rapidamente durante longas fases sem piscar e isso pode causar olhos secos. Além disso, o ar em muitos ambientes de escritório é seco, o que pode aumentar a rapidez com que as lágrimas evaporam, colocando você em maior risco de problemas de olhos secos.

Se você tiver sintomas de olho seco, pergunte ao seu médico oftalmologista sobre lágrimas artificiais para uso durante o dia.

A propósito, não confunda colírios lubrificantes com os formulados para “remover vermelhidão dos olhos”. Este último pode realmente fazer com que seus olhos pareçam melhores — eles contêm ingredientes que reduzem o tamanho dos vasos sanguíneos na superfície dos olhos para “embranquecê-los”. Mas não são necessariamente formulados para reduzir a secura e a irritação.

Para reduzir o risco de olhos secos durante o uso do computador, tente este exercício: A cada 20 minutos, pisque 10 vezes fechando os olhos como se estivesse caindo no sono (muito lentamente). Isso ajudará a umedecer os olhos novamente.

7. Exercite seus olhos

Outra causa da fadiga ocular do computador é a fadiga de foco.

Para reduzir o risco de cansaço nos olhos ao focar constantemente a tela, desvie o olhar do computador pelo menos a cada 20 minutos e observe um objeto distante (a pelo menos 6 metros de distância) por pelo menos 20 segundos. Alguns médicos oftalmologistas chamam isso de “regra 20-20-20”. Olhar para longe relaxa o músculo focal dentro do olho para reduzir a fadiga.

Outro exercício é olhar para longe de um objeto por 10 a 15 segundos e depois olhar algo de perto por 10 a 15 segundos. Então olhe para o objeto distante. Faça isso 10 vezes. Este exercício reduz o risco de “travar” a capacidade de focar os olhos (uma condição chamada espasmo acomodatício) após um trabalho prolongado no computador.

Ambos os exercícios reduzirão o risco de fadiga ocular do computador. Além disso, lembre-se de piscar com frequência durante os exercícios para reduzir o risco de olho seco relacionado ao computador.

8. Faça pausas frequentes

Para reduzir o risco de síndrome da visão de computador e dores no pescoço, costas e ombros, faça pausas frequentes da tela durante o dia de trabalho (pelo menos uma pausa de 10 minutos a cada hora).

Durante essas pausas, levante-se, mova-se e estique os braços, pernas, costas, pescoço e ombros para reduzir o cansaço e a fadiga muscular.

9. Modifique sua estação de trabalho

Se você precisar olhar para frente e para trás entre uma página impressa e a tela do computador, coloque as páginas escritas em um apoiador de papel adjacente à tela.

Ilumine corretamente o apoiador de papel. Você pode usar uma lâmpada de mesa, mas verifique se ela não brilha nos seus olhos ou na tela do computador.

A má postura também contribui para a síndrome da visão de computador. Ajuste a estação de trabalho e a cadeira para a altura correta, para que seus pés descansem confortavelmente no chão.

Posicione a tela do computador de maneira que fique entre 50 e 60 centímetros dos seus olhos. O centro da tela deve estar entre 10 e 15 graus abaixo dos olhos para um posicionamento confortável da cabeça e do pescoço.

10. Considere o uso de óculos para computador

Para o maior conforto em seu computador, você pode solicitar que o seu médico oftalmologista altere sua prescrição de óculos para fazer óculos para computador personalizados. Especialmente se você normalmente utiliza lentes de contato, que podem ficar secas e desconfortáveis durante o tempo prolongado de tela.

Leia também:  Como aliviar a indigestão crônica (com imagens)

Os óculos para computador também são uma boa opção caso você utilize lentes multifocais, porque essas lentes geralmente não são ideais para a distância da tela do computador.

Além disso, você pode considerar lentes fotossensíveis ou lentes levemente coloridas para os óculos para computador, a fim de reduzir sua exposição a luz azul potencialmente prejudicial emitida por dispositivos digitais. Peça ao seu médico oftalmologista informações e conselhos.

Você está sentindo fadiga ocular causado pelo uso prolongado do computador? Procure um oftalmologista perto de você.

Página atualizada em outubro de 2019

6 remédios caseiros para aliviar a sensação de olhos cansados

  • A sensação de olhos cansados pode ocorrer após passar longas horas em frente ao computador ou outro dispositivo eletrônico.
  • Trata-se de um incômodo muito comum que costuma vir acompanhado de vermelhidão, visão borrada e inclusive dores de cabeça.
  • Na maior parte das vezes esta condição tem sua origem em um esforço extra ao qual submetemos a vista; porém, também pode anunciar algum tipo de doença ocular como a miopia ou o astigmatismo.
  • Se os sintomas forem muito recorrentes apesar de ter as respectivas horas de descanso, é primordial consultar um especialista para receber um tratamento apropriado.

Nos demais casos, podemos recorrer a uma série de remédios caseiros que servem para relaxar a visão e mitigar o cansaço. Tome nota!

1. Remédio de cenoura

As propriedades anti-inflamatórias da cenoura combinadas com as que a salsinha e o salsão oferecem nos servem para preparar um tratamento relaxante para os olhos cansados e o nervo óptico.

Ingredientes

  • 1/2 cenoura
  • 1 ramo de salsão
  • 1 ramo de salsinha

Como preparar?

  • Adicione todos os ingredientes no liquidificador, adicione um fio de água para facilitar o processamento e bata tudo até obter uma pasta espessa.
  • Coloque duas bolas de algodão de molho na mistura e aplique-as nas pálpebras fechadas durante 5 minutos.
  • Enxágue com água fria e descanse.
  • A batata tem substâncias anti-inflamatórias e antioxidantes que favorecem o relaxamento da vista, assim como das olheiras e bolsas.Junto com o purê de maçã, constitui um creme muito bom para cuidar desta área do rosto ao mesmo tempo em que alivia a vermelhidão e o ardor.

    Ingredientes

    • 1 batata crua
    • 2 colheres de sopa de purê de maçã (20 g)
    • 1 compressa morna

    Como preparar?

    • Descasque a batata e coloque-a no liquidificador até conseguir um purê ou pasta espessa.
    • A seguir, adicione o purê de maçã e processe para que ambos os ingredientes se misturem.
    • Separadamente, aqueça um pouco de água e pegue um pano ou toalha para fazer uma compressa.
    • Quando a mistura estiver pronta, aplique-a em pequenas quantidades nas pálpebras e cubra-as com a compressa.
    • Deixe atuar durante 10 minutos e enxágue com água morna.
    • Use-a quantas vezes considerar necessário.

    3. Remédio de camomila

    Ingredientes

    • 1 colher de sopa de flores de camomila (10 g)
    • 1/2 xícara de água (125 ml)

    Como preparar?

    • Coloque meia xícara de água para ferver, adicione as flores de camomila e deixe repousar até que chegue a uma temperatura suportável.
    • Quando estiver pronto, mergulhe alguns pedaços de algodão no liquido e aplique nas pálpebras fazendo uma leve massagem.
    • Use várias vezes ao dia, todos os dias.

    4. Remédio de melissa para os olhos cansados

    A melissa é uma solução simples para aliviar a vermelhidão, a coceira e a sensação de inflamação que ocorre quando temos os olhos cansados.

    Ingredientes

    • 6 folhas frescas de melissa
    • 1 colher de sopa de água (10 ml)

    Como preparar?

    • Lave bem as folhas frescas de melissa e triture-as.
    • Adicione a água e misture bem para conseguir um extrato líquido.
    • Com a ajuda de um conta-gotas, aplique 10 gotas em cada pálpebra e deixe atuar por alguns minutos.
    • Lave com água fria e use cada vez que sentir cansaço ocular.

    5. Remédio de leite gelado

    O leite gelado é um refrescante natural para diminuir as olheiras e bolsas que se formam quando os olhos estão cansados.

    Ingredientes

    • 1/2 xícara de leite gelado (125 ml)

    Como preparar?

    • Mergulhe dois pedaços de algodão no leite frio e aplique-os nas pálpebras durante 5 minutos.
    • Enxágue com água gelada e repita duas vezes por dia.

    6. Remédio de babosa e pepino

    Este remédio natural de babosa e pepino consiste no preparo de um simples creme natural para desinflamar o contorno dos olhos e as pálpebras.

    Ambos os ingredientes se potencializam com as qualidades da água de hamamelis e a maisena para oferecer um produto livre de químicos, ideal para esta área do rosto.

    Ingredientes

    • 1 colher de sopa de gel de babosa (15 g)
    • 1 colher de sopa de suco fresco de pepino (10 ml)
    • 1/4 de colher de chá de maisena (1,2 g)
    • 1 colher de sopa de água de hamamelis (10 ml)

    Como preparar?

    • Coloque todos os ingredientes em uma tigela e coloque-os em fogo baixo até ferverem.
    • Depois, deixe-os repousar até que estejam em uma temperatura adequada para a pele.
    • Aplique no contorno dos olhos e pálpebras, tendo muito cuidado para não deixar o produto cair dentro do olho.
    • Use várias vezes por semana.

melhorcomsaude.com.br

Vista cansada

Quando mencionamos vista cansada, referimo-nos à fadiga ocular, fadiga visual, cansaço ocular, etc. isto é, são tudo formas de referirmos cansaço nos olhos ou olhos cansados.

Como veremos adiante a vista cansada pode ser causada por diversos fatores, ou simplesmente pode resultar apenas de um esforço ocular acrescido que desaparece apenas com repouso.

É, por isso, importante perceber o que é vista cansada e saber identificar os principais fatores de risco para a saúde dos seus olhos.

Note que a expressão vista cansada também é, por vezes, utilizada para designar presbiopia.

Saiba, aqui, o que é presbiopia.

Olhos cansados

Os olhos cansados podem ser originados, como veremos mais à frente, por algumas doenças dos olhos ou, então, por cansaço ou fadiga relacionados com a leitura ou a exposição durante várias horas seguidas a dispositivos digitais, como é o caso do computador, telemóvel, entre outros.

Os olhos cansados são uma condição bastante comum, que diminui substancialmente a qualidade de vida da pessoa.

Para além disso surgem, habitualmente, outros sintomas associados à vista cansada como dor de cabeça, ardor e vermelhidão nos olhos, causando um desconforto acrescido.

Sintomas como tonturas e outros distúrbios são menos frequentes mas também possíveis. Veja mais informação em sintomas.

Os olhos cansados, geralmente, não são um problema sério se não existir doença associada. Precauções do senso comum, devem ser tomadas tanto em casa, como no trabalho e mesmo ao ar livre, podendo assim ajudar a prevenir ou reduzir a fadiga ocular.

Mas, às vezes, a fadiga ocular é um sinal de uma doença ocular subjacente que pode necessitar de tratamento médico. Se a fadiga ocular persistir por mais de alguns dias ainda que tenha tomado precauções simples, consulte o médico oftalmologista.

Isto é especialmente importante se a fadiga ocular está associada a dores de cabeça ou problemas oculares, tais como:

Causas de vista cansada

As causas podem ser inúmeras. Podemos, no entanto, dividir as causas das vistas cansadas, em duas:

  1. Existem doenças dos olhos que provocam um cansaço acrescido pela deficiente acuidade visual ou outros problemas nos olhos;
  2. Esforço excessivo do aparelho ocular, por exemplo, quando exposto a longos períodos de leitura de um livro, jornal ou revista, a conduzir durante longas horas, principalmente de noite, trabalhar muito tempo no computador, etc.

A combinação das duas causas anteriores (existe uma doença nos olhos e um esforço excessivo do aparelho ocular) podem desencadear um esforço acrescido, agravando o cansaço dos olhos.

Veja, de seguida, mais informação sobre cada uma das causas para vista cansada.

Doenças dos olhos

Erros refrativos como miopia, astigmatismo, hipermetropia e presbiopia quando não corrigidos podem desencadear esforço adicional do sistema ocular, originando cansaço ocular.

Ou seja, se por exemplo estiver várias horas seguidas em frente ao computador sentirá determinado cansaço ocular.

Contudo, se padece de um erro refrativo (como por exemplo, miopia, astigmatismo, hipermetropia, presbiopia), então desencadeará um esforço visual bastante superior pela dificuldade de focagem.

Outras doenças dos olhos podem também originar cansaço ocular, pelo que a consulta ao médico oftalmologista é de primordial importância. Entre as doenças mais comuns, poderemos incluir, por exemplo, a catarata.

Se padece de fadiga ocular por um longo período de tempo, consulte o médico especialista em oftalmologia para despistar a existência de possíveis problemas nos olhos.

Fadiga excessiva do sistema ocular

  • Qualquer atividade que requer o uso intensivo dos olhos – como um longo período de condução, principalmente à noite, ou leitura (livro, jornal, revista, etc) pode causar fadiga ocular.
  • A exposição à luz brilhante ou tentando ver com pouca luz também pode causar fadiga ocular.
  • Na atualidade, uma das causas mais comuns de fadiga ocular está relacionada com o trabalho ou diversão com dispositivos digitais por longos períodos de tempo, tais como:
  • Computador;
  • Telemóvel ou smartphone;
  • Jogos de vídeo;
  • Tablet;
  • Etc.

Conheça, de seguida, mais informação sobre a fadiga visual provocada pela exposição prolongada ao computador, conhecida como síndrome da visão do computador.

Vista cansada e o computador

Alguns estudos mostram-nos que cerca de 30% dos adultos usam mais de nove horas por dia um dispositivo digital, como o computador.

E mais de 30% dos pais dizem que estão muito preocupados com o impacto dos dispositivos digitais nos olhos das crianças, permitindo, no entanto, que os seus filhos permaneçam mais de três horas por dia em frente a um ecrã.

Na verdade, mais de 15% dos pais, não limitam o tempo que os seus filhos passam em frente ao computador.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*