Como amarrar o backing em uma linha de pesca com mosca

Como arremessar uma pequena pluma a metros de distância, sem utilizar uma chumbada?

Deve ter sido a dúvida que motivou os primeiros arremessos com Fly, há cerca de 2000 anos, pelos macedônios. Esta é a origem mais conhecida da modalidade de pesca com isca artificial que chamamos de Fly Fishing, ou Pesca com Mosca.

Já sabemos que Fly Fishing é uma modalidade de pesca com isca artificial, mas o que a difere e a torna tão especial é que nela a própria linha é arremessada, enquanto que nas demais modalidades o que impulsiona o lançamento é algum tipo de peso, uma chumbada ou o peso da própria isca.

Para fazer um arremesso o pescador de Fly promove movimentos precisos com a vara, fazendo com que a linha dance no ar carregando a pequena isca, para então apresentá-la na água à distância desejada, com extrema precisão e a suavidade de uma pluma.

EQUIPAMENTOS

Os equipamentos de Fly são classificados com um número simples que indica o Peso da Linha (line weight). Os números vão do zero (#0), mais leve, ao dezesseis (#16), mais pesado. A regra básica é utilizar Linha, Vara e Carretilha com o mesmo Peso de Linha.

Geralmente quanto maior o peixe, mais pesado o equipamento. E a mesma relação ocorre quanto ao tamanho da mosca, quanto mais pesada e volumosa, maior deve ser o equipamento.

Um bom exemplo é a pesca de Black Bass, que no Brasil raramente ultrapassa 1,5 Kg. Para um peixe de 1,5 Kg um conjunto de Fly de #4 seria mais do que suficiente, mas esta é uma espécie frequentemente pescada com moscas volumosas e, portanto, para facilitar o arremesso poderia ser indicado um equipamento mais robusto, de número 5, 6 ou 7, por exemplo.

O equipamento deve ser escolhido de acordo com o peixe a ser pescado, as moscas a serem utilizadas, e a preferência do pescador. Vento forte, vegetação densa, cuidado para não levar o peixe à exaustão, são alguns fatores que podem influenciar na opção pelo equipamento mais adequado.

VARAS

Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca

As varas utilizadas na Pesca com Mosca também são diferentes. Seu tamanho varia de 6 pés (1,80m) a mais de 15 pés (4,50m). Elas são finas e flexíveis, e  a carretilha é geralmente fixada na extremidade do cabo da vara.

Elas podem ser inteiriças ou de até 8 partes para facilitar o transporte, mas atualmente as varas de 9 pés (2,74m) e 4 partes têm sido as mais procuradas pelos mosqueiros, como são chamados os adeptos da modalidade.

Existem também as varas de duas mãos, chamadas Spey ou Switch Rods, que exigem uma técnica distinta para o arremesso.

LINHAS

Para que o lançamento seja possível utiliza-se uma linha especial, mais espessa e pesada do que as linhas de monofilamento ou multifilamento convencionais. A linha mais comum utilizada no Fly Fishing é cônica, sendo uma das extremidades mais grossa e mais pesada do que a outra, facilitando o arremesso.

Estas linhas cônicas são chamadas de Weight Forward (Peso à Frente) e representadas pela sigla WF. Outro tipo de linha utilizada é a Double Taper (Dupla Conicidade) ou DT, que possui diâmetro contínuo e ambas extremidades igualmente mais finas.

As linhas de Fly podem ter densidades diferentes e é este o fator que determinará se uma linha é flutuante (F = Floating), afundante (S = Sinking) ou intermediária (I = Intermediate), quando afunda lentamente.

Portanto uma linha flutuante com o peso à frente é representada pelas síglas WF-F, sendo justamente este o modelo mais popular e mais versátil, ideal também para iniciantes.

FORMATOS DAS LINHAS DE FLY:

Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca

DENSIDADE DAS LINHAS DE FLY:

F Floating Linhas totalmente flutuantes.
S Sinking Linhas que afundam total (full sinking) ou parcialmente (sinking tip). A velocidade de afundamento geralmente é expressa em polegadas por segundo.
I Intermediate São linhas que afundam lentamente em sua totalidade ou apenas a ponta. Em geral entre 0,5 e 1,5 polegadas por segundo.

BACKING

Além da linha principal utiliza-se uma linha reserva, o Backing, para o caso de um grande peixe tomar linha ao ser fisgado. O Backing mais comum é feito de Dacron, um tipo de multifilamento. Outro material muito utilizado é o Gelspun, que é mais fino e resistente, opção ideal para situações que demandam maior quantidade de backing na carretilha.

LEADER E TIPPET

A linha principal do Fly é espessa e pode ser colorida, portanto, para possibilitar amarrá-la nas iscas e para não espantar os peixes com sua cor e diâmetro, utiliza-se um líder (Leader) à frente da linha de fly. Este líder pode ser de nylon ou fluorocarbon, normalmente com tamanho próximo a 9 pés.

O líder pode ser comprado pronto, onde ele virá cônico de fábrica, ou pode ser confeccionado utilizando-se diferentes diâmetros de linhas. Neste último caso adotamos alguma receita e unimos as partes com o nó de sangue ou o nó de cirurgião.

A ponta do líder utilizada para atar as moscas, a qual é cortada e atada repetidamente sempre que trocamos de isca, chama-se Tippet, e pode ser substituída sempre que necessário. O Tippet vem em carreteis com cerca de 30 metros.

Tanto o Leader como o Tippet são apresentados nas medidas de 0X a 8X:

MEDIDA ESPESSURA DA PONTA
0X 0,28 mm
1X 0,25 mm
2X 0,23 mm
3X 0,20 mm
4X 0,18 mm
5X 0,15 mm
6X 0,13 mm
7X 0,10 mm
8X 0,08 mm

Alguns fabricantes classificam de X1 a X4 as medidas mais grossas que 0X, mas a maioria passou a utilizar libras para os Tippets e Leaders mais grossos. Exemplo: 20 libras, 30 libras… Nestes casos o diâmetro vai variar de acordo com o fabricante.

CARRETILHAS

Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca

Na pesca com iscas artificiais comuns, chamada de bait casting ou spinning, a carretilha/molinete é a peça fundamental para longos lançamentos, recolhimento rápido e ergonomia para encaixar confortavelmente a mão do pescador.

Esqueça tudo isto e você terá uma carretilha de Fly. Ela não influencia diretamente no arremesso, não é fundamental para recolher a linha e tampouco precisa ter um design ergonômico para encaixar a mão do pescador. 

No Fly a carretilha é utilizada para armazenar a linha principal e o backing, também serve para frear a linha ao lutar com grandes peixes e para equilibrar o conjunto vara-linha-carretilha, proporcionando conforto ao longo das horas de pesca.

Na escolha do equipamento é importante optar por uma carretilha com bom freio e carretel largo (large arbor) quando o peixe for “tomador de linha”, como um Tambaqui, Surubi, Bonefish ou outro atlético corredor. E se a pesca for na água salgada existem carretilhas de alumínio que possuem o mecanismo de freio selado, estas são as ideais para submeter aos efeitos corrosivos do sal.

Leia também:  Como celebrar saraswati puja em casa: 15 passos

As iscas de Fly são chamadas de Moscas (Flies), mesmo que elas tenham uma aparência completamente distinta de um inseto. Elas geralmente são classificadas como:

Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca DIVERS, POPPERS e HAIR BUGS Aquelas moscas de superfície com ação provocante aos predadores. Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca SECAS Moscas que flutuam e imitam insetos ou frutos.
Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca NINFAS e WET Com ação de meia água ou fundo, imitam insetos em suas diversas fases de vida, como ninfas e larvas. Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca STREAMERS Geralmente imitam peixinhos forrageiros e crustáceos.
Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca SALTWATER Todas as moscas dedicadas à pesca em água salgada. Como Amarrar o Backing em uma Linha de Pesca com Mosca TERRESTRIAIS Contempla todos os alimentos que vêm da terra, como gafanhotos, besouros, minhocas e até ratos.

As moscas podem ser customizadas em uma infinidade de tamanhos, formatos, materiais, cores e anzóis. Dependerá da criatividade e habilidade do atador. Aí está outra vantagem do Fly, a possibilidade de o pescador confeccionar suas próprias iscas, atividade chamada de Fly Tying ou Atado de Mosca.

Já imaginou fisgar o peixe da sua vida com uma isca feita por você mesmo?!?

PEIXES

Apesar de o grande propulsor da Pesca com Mosca ter sido a pesca de trutas com pequenos insetos, a modalidade evoluiu muito e atualmente pode-se capturar praticamente qualquer espécie de peixe.

O potencial de captura do Fly é enorme. Algumas das espécies atraídas pelas moscas, que raramente seriam atraídas com outras iscas artificiais, são as carpas, tainhas e pacus. As fronteiras são ampliadas a cada dia com o surgimento de novas técnicas e novas receitas de atado.

Há quem pense que o Fly é para pescar trutas e peixes pequenos. Ledo engano! Atualmente pesca-se com segurança desde lambarís até os grandes peixes de bico. Tucunarés, Dourados, Traíras, Black Bass, Tarpons, Bonefish, Robalos, Pacus. A lista é longa. Basta ter um equipamento adequado e a linha n’água.

DICAS

Use sempre óculos para proteger os olhos do sol e de eventuais acidentes com o anzol. Amasse as farpas de todos os seus anzóis, evitando acidentes graves com os peixes e com você mesmo.

Proteja-se do calor e dos raios UV com protetor solar, roupas claras e leves, boné, uma bandana no pescoço e hidratando-se regularmente.

Leve pra casa seus trófeus em fotos e na lembrança. Pesque e solte.

Tanto o Atado quanto a Pesca com Mosca são atividades simples que requerem prática e um pouco de dedicação, como em qualquer outro esporte ou hobbie. Não desista se surgirem dificuldades e busque auxílio de pessoas mais experientes, isto o ajudará no contínuo processo de aprendizado.

Aqui vai mais um videozinho pra você curtir e ver como é legal o Fly…

Boa sorte e divirta-se muito, sempre respeitando a natureza!

E aí, se animou? Então bóra dar os primeiros passos, ou melhor, arremessos.

Conte comigo para o que precisar!

MARCUS KONZE

[email protected] (51) 3136-0100

Regras para o Fly Fishing

A International Game Fish Association (IGFA), criada em 1939, é a organização responsável pela homologação de recordes mundiais de pesca esportiva, bem como de também impor limites e regras para que esses recordes possam ser homologados (FLY Online).

Além disso, a IGFA também se preocupa muito com os problemas ambientais que estão prejudicando populações de peixes no mundo todo. Os recordes de fly fishing são divididos em água salgada e água doce, além de também possuírem regras diferentes da pesca convencional.

Essas regras são as seguintes:

REGRAS DE EQUIPAMENTOS

  • Linha e Backing: Qualquer tipo de linha de fly e backing pode ser usado. A resistência de ambas não é restrita.
  • Líder: O líder deve estar de acordo com os costumes aceitáveis no fly fishing. Ele deve possuir um class tippet e, opcionalmente, um shock tippet. A parte de trás do líder (butt) e o taper também devem estar presentes. Não há restrição quanto aos materiais, resistência ou comprimento do butt e do taper do líder.
  • Class tippet: deve ser feito de material não metálico e atado diretamente ao anzol ou ao shock tippet. O class tippet é a parte mais fina do líder e é ele que vai determinar em que resistência de linha o peixe foi capturado. Ele deve ter no mínimo 38,10 cm (15 polegadas) de comprimento (somente o class tippet em si, tirando os nós). No caso de líderes cônicos (sem nós ou seções de linhas diferentes), os últimos 38,10 cm determinam a resistência do tippet. Não há limite máximo de comprimento para o class tippet.
  • Shock tippet: deve ter, no máximo, 30,48 cm (12 polegadas) de comprimento e deve ficar entre o class tippet e o fly (mosca). Ele pode ser feito de qualquer material e não há um limite de resistência. O shock tippet é medido do olho do anzol até a linha que forma o class tippet, incluindo todos os nós na conexão. No caso de se usar um fly com dois anzóis (tandem), a medida do shock tippet deverá começar no olho do anzol da frente.
  • Vara: A vara deve estar de acordo com os costumes aceitáveis no fly fishing. Ela não pode medir menos que 1,82 metros (6 pés), e o fighting butt, também conhecido por extension butt, não pode medir mais que 15,24 cm (6 polegadas). Não há limite quanto ao número de seções ou material. Qualquer vara que ofereça uma vantagem muito grande ao pescador será desqualificada.
  • Carretilha: A carretilha deve ser feita unicamente para o fly fishing. Não há restrições quanto à razão de recolhimento ou tipo de freio, a não ser que eles ofereçam uma vantagem muito grande ao pescador. Carretilhas elétricas são proibidas.
  • Anzóis: Um fly (mosca) pode ser atado em um anzol simples ou duplo, ou ainda dois anzóis simples no modo tandem. O segundo anzol do modelo tandem não deve ultrapassar o comprimento do material usado para formar o fly, ou seja, ele não pode ficar atrás do fly. Ainda no modelo tandem, o olho dos dois anzóis devem ficar a no máximo 15,24 cm (6 polegadas) um do outro. As garatéias são proibidas.
  • Fly (Mosca): O fly deve estar de acordo com os costumes aceitáveis no fly fishing e deve pertencer a uma das seguintes categorias: streamer, bucktail, tube fly, wet, mosca seca, ninfa, popper e bug. O uso de qualquer outro tipo de isca, seja natural, seja artificial, é expressamente proibido. Somente um único fly é permitido, portanto, flies do tipo dropper são proibidos. O fato de uma isca poder ser arremessada com equipamento de fly não significa que ela seja uma isca válida para o fly fishing. Qualquer isca que seja desenhada para fisgar ou enganchar no peixe sem a intenção deste é expressamente proibida. Nenhum tipo de essência, seja natural, seja articial, pode ser usado em um fly.
  • Bicheiros e Puças: Os bicheiros e puças usados para embarcar peixes não devem exceder 2,44 m (8 pés) de comprimento, exceto quando estiver pescando em um local alto, distante da água. Somente nesse caso o uso de um bicheiro ou puça maior é permitido. O uso de um bicheiro destacável (flying gaff) é proibido. Somente um único gancho ou anzol é permitido por bicheiro. Arpões e lanças são proibidos. O bicheiro não pode ser amarrado a uma corda.
Leia também:  Como ajudar alguém a superar o vício em maconha

REGRAS DE PESCA 1 – O pescador deve arremessar, fisgar e lutar com o peixe sem a ajuda de ninguém. Nenhuma outra pessoa pode tocar em qualquer parte do equipamento durante a briga com o peixe, a não ser na hora de embarcá-lo. Nesse momento, alguém pode auxiliar o pescador segurando o líder para embarcar o peixe com um puça, bicheiro ou de outro modo.

2 – O arremesso e o recolhimento/trabalho do fly devem ser feitos de acordo com os costumes aceitáveis no fly fishing. O maior critério para o arremesso de fly é que a linha deve levar a isca, ao invés da isca levar a linha.

Corricar um fly com um barco não é permitido. O barco deve estar parado tanto no momento do arremesso como durante o recolhimento do fly.

O comprimento da linha entre a vara e o fly não deve ultrapassar 36,57 m (120 pés) no momento da fisgada.

  • 3 – A partir do momento em que o peixe foi fisgado, o equipamento não pode ser modificado, a não ser com a adição de um extension butt na vara.
  • 4 – No caso de um peixe atacar o fly e um outro peixe maior atacar e engolir o peixe fisgado, a captura será desqualificada.
  • Os recordes na categoria de fly fishing são divididos nas seguintes classes, de acordo com a resistência do class tippet usado:

5 – Uma ou mais pessoas podem auxiliar na hora de embarcar o peixe. 6 – As regras definidas para a pescaria e para os equipamentos deverão ser obedecidas até o momento da pesagem do peixe. 7 – É proibido colocar a vara em um suporte enquanto estiver lutando com o peixe. 8 – É proibido enganchar intencionalmente o anzol no corpo do peixe ou amarrá-lo de alguma forma. 9 – É proibido fazer ceva com a carne, pele, sangue ou qualquer outra parte de animais mamíferos. 10 – É proibido arrastar o peixe com o barco para locais muito rasos e que não permitam que ele nade naturalmente. 11 – É proibido amarrar a linha ou líder em alguma parte do barco ou qualquer outro objeto para auxiliar na briga com o peixe. 12 – Se o peixe escapar antes de ser embarcado e logo depois ser embarcado sem o anzol na boca, a captura será desqualificada. 13 – Se a vara quebrar durante a briga em um ponto que ofereça uma vantagem grande ao pescador, a captura será desqualificada. 14 – Se o peixe for fisgado em mais de uma linha, a captura será desqualificada. 15 – Mutilações ou ferimentos no peixe causados por outros peixes, mamíferos ou pela hélice do barco podem desqualificar a captura, dependendo da gravidade do ferimento. Ferimentos causados pela linha ou pelo líder e ferimentos em cicatrização não são considerados fatores para desqualificação da captura. Qualquer ferimento no peixe deve ser claramente mostrado e explicado em uma nota separada da aplicação de recorde.

Não pare agora… Tem mais depois da publicidade 😉

Sistema métrico Sistema americano
1 kg 2 lb
2 kg 4 lb
3 kg 6 lb
4 kg 8 lb
6 kg 12 lb
8 kg 16 lb
10 kg 20 lb

Caso você pegue um peixe que suspeite ser recorde e decida enviar uma entrada de aplicação de recorde para a IGFA, você deverá cortar a linha de fly 3 cm acima do nó que a conecta ao líder. Você deverá enviar esse pequeno pedaço de linha de fly e todo o líder e o fly usado na captura do peixe à IGFA.

Estes devem ser mantidos intactos e do modo que estavam na captura do peixe. Para mais informações de como proceder para dar entrada em um pedido de aplicação de recorde consulte o site da IGFA Brasil (http://www.igfa.com.br/) ou o site da IGFA americana (http://www.igfa.org/). Abaixo estão alguns exemplos de recordes de peixes que podem ser capturados no Brasil:

DOURADO (água doce)

Tippet Peso Local Data Pescador
1 kg (2 lb) Vago
2 kg (4 lb) 4,87 kg (10 lb 12 oz) Rio Apa, Paraguai 5, Nov, 1991 Walter W. Fondrem, III
3 kg (6 lb) Vago
4 kg (8 lb) Vago
6 kg (12 lb) 7,03 kg (15 lb 8 oz) Rio Corrientes, Argentina 24, Abr, 1999 Ed Rice
8 kg (16 lb) 7,80 kg (17 lb 3 oz) Rio Apa, Paraguai 3, Nov, 1991 Alex M. Jernigan
10 kg (20 lb) Vago

TUCUNARÉ-AÇU

Tippet Peso Local Data Pescador
1 kg (2 lb) 2,72 kg (6lb 0 oz) Rio Cinaruco, Venezuela 5, Fev, 1986 Bert Bookout
2 kg (4 lb) 5,90 kg (13 lb 0 oz) Rio Cinaruco, Venezuela 19, Mar, 1986 Walter W. Fondrem, III
3 kg (6 lb) 3,85 kg (8 lb 8 oz) Rio Paragua, Venezuela 28, Mar, 1997 Dr. Scott E. Swartz
4 kg (8 lb)  7,50 kg (16 lb 5 oz) Rio La Pica, Apure, Venezuela 24, Fev, 1993 E.E. 'Tex' Chandler
6 kg (12 lb) 7,70 kg (16 lb 15 oz) El Morichal, Rio Bita, Colômbia 16, Abr, 1988 Warren Brewster
8 kg (16 lb) 8,61 kg (19 lb 0 oz) Rio Pasimoni, Venezuela 14, Nov, 1992 Elverton E. Clark, Jr.
10 kg (20 lb) 11,56 kg (25 lb 8 oz) Rio Pasimoni, Venezuela 10, Nov, 1992 Bert Bookout

pescaria com fly para iniciantes | pesca

A pescaria de fly é sempre uma ótima escolha aos pescadores que gostam de alternar a tralha e sempre escolher equipamentos leves e iscas diferentes. No entanto, para o pescador iniciante, o fly geralmente é ensinado por outro pescador mais experiente.

“A pescaria de fly (mosca) é muito reconhecida e atrai cada vez mais pescadores que praticam a pesca esportiva. O fly é uma semelhança dos insetos que chegam mais perto da natureza”, conta o editor especial Pepe Mélega.

Alguns peixes se alimentam de insetos ao cair na água como as moscas e minhocas, e essa isca imita exatamente este momento com perfeito desempenho na fisgada. Todos os peixes, inclusive os predadores, podem ser fisgados com o fly.

Equipamentos

Paulo César Domingues, autor do livro Pescando com Mosca, ensina dicas para a pesca com mosca.

“Primeiramente o pescador deve ter em mente qual peixe ele vai querer pescar, água doce ou salgada, e encontrar uma loja especializada em pesca. A indicação de lojas para o pescador iniciante é essencial”, diz Domingues.

O equipamento deve sempre se adaptar a todos os peixes, linhas flutuantes, pesadas e varas de boa qualidade são indispensáveis. As melhores iscas artificiais podem ser encontradas por importadores em pesquisas de sites de confiança.

Ao citar os locais para o iniciante pescar, Paulo comenta: “o pesqueiro é um ótimo lugar para o pescador aprender e praticar o arremesso de fly”.

Leia também:  Como armazenar cebolinha: 10 passos (com imagens)

Alguns dos peixes que podem ser pescador com o fly são:

Água doce: Dourados, tucunarés,matrinchã, piraputanga, truta, entre outros;
Água salgada: robalo, bonefish eubarana rato, entre outros.

Atenção: Não é recomendada a pesca de fly para peixes de couro que habitam nas profundezas dos rios. O equipamento leve não proporciona um bom desempenho nessa modalidade.

EFFMB PARTE ZERO – INICIANDO  PRÓLOGO:  Quando iniciei esta série de artigos, meu objetivo foi desmistificar um pouco a pesca com mosca, modalidade esta reputada como complicada, misteriosa, “para poucos”.  Para os amigos do baitcasting (BC ou “pesca de arremesso de iscas artificiais com carretilha ou molinete”) que pretendiam iniciar-se no mundo do flyfishing (FF ou pesca com mosca), fiz uma série de artigos traçando paralelos entre o FF e o BC, permitindo, através das metáforas e analogias, uma melhor compreensão dessa modalidade de pesca. Daí nasceu o EFFMB, ou “Explicando o Fly Fishing em Metáforas de Baitcasting”.  Iniciei na parte 1 com a física do arremesso, mas revendo os tópicos e relendo alguns pedidos de ajuda no Caterva, concluí que havia faltado um intróito, algo mais inicial, algo que efetivamente fosse de mais valia para aqueles que desconhecem totalmente a modalidade, mas tem curiosidade genuína em aprender e, quiçá, investir nesta nova “loucura”.  Espero ter um mínimo de sucesso nesta empreitada. Boa sorte para nós!  INICIANDO:  Algum motivo o levou a se interessar pelo FF. O que foi esse estopim? Alguém que você viu pescando com mosca, ao vivo ou pela TV? Alguma reportagem que você leu em uma revista especializada em pesca? Um folder de pesca esportiva na Patagônia? Não importa! Independentemente do motivo, você decidiu que quer conhecer um pouco mais sobre o FF, mas…. onde? Como? Com quem?  Qual a melhor maneira de começar? Oras, vou comprar um equipamento, monto tudo e saio arremessando. Não parece tão difícil assim. Vou na loja, compro aquele kit encartelado que tem todo o equipamento que vou precisar, monto de acordo com o livrinho de instruções que vem junto e vou no pesque-pague pegar uns peixinhos.  Bom, pode até ser que isso funcione, mas não seria o caminho mais indicado. O mais provável é que você compre o kit, tente seguir as orientações do livreto e não consiga montar o equipamento adequadamente. Mesmo montando, você vai tentar imitar os movimentos que viu alguém fazendo e a linha começa a saracotear para todos os lados, forma nós, a mosca voa e o atinge na nuca, as pessoas em volta começam a rir e, no final, você irritado e frustrado, volta para casa, joga o material no fundo do armário e proclama em altos brados: – Esse tal de fly não é pra mim!!  Opa, volta a fita!! O fly é para você sim! Sirva-se de uma dose de Joãozinho Andarilho de Camisa Preta, respire fundo e vamos conversar! Você quer a boa ou a má notícia? A má notícia é que o equipamento que você comprou foi barato por um motivo: é de baixa qualidade! Isso não vai impedir que você pesque com ele, mas irá dificultar muito uma boa iniciação na modalidade. A boa notícia: a culpa é mais do equipamento do que sua, assim, com um equipamento adequado e algumas orientações iniciais, você será capaz SIM de praticar o FF com razoável sucesso. 

Pronto? Vambora! 

fly fishing backing – Compre fly fishing backing com envio grátis no AliExpress version

Procurando fly fishing backing!!!Esse é o lugar certo! Você já sabe que não importa o que esteja procurando, vai encontrar no AliExpress. Temos milhares de ótimos produtos em todas as categorias possíveis.

Quer marcas famosas, roupas baratas ou compras no atacado? Garantimos que você vai encontrar o que procura. Aqui você encontra desde lojas oficiais até vendedores independentes.

Aproveite a conveniência, segurança e diferentes opções de pagamento, tudo com frete rápido e seguro, independente de quanto você gastar.

Todos os dias você encontra novas ofertas exclusivas, descontos e chances de economizar ainda mais com cupons. Não perca tempo! fly fishing backing está prestes a se tornar um dos produtos mais procurados. Imagine a reação dos seus amigos quando você contar que comprou fly fishing backing no AliExpress. Com os menores preços online e taxas de frete baixas, você economiza muito mais.

Se ainda estiver em dúvida sobre fly fishing backing e está pensando em escolher um produto similar, o AliExpress é um ótimo lugar para comparar preços e vendedores.

Ajudaremos você a decidir se vale a pena pagar mais por uma marca famosa ou se o produto mais barato também é bom.

Além disso, se quiser se dar um presente e comprar a opção mais cara, o AliExpress sempre garante que você pague o melhor preço, inclusive quando isso envolve sugerir que você espere um pouco mais por uma promoção.

O AliExpress tem orgulho em garantir que você esteja sempre bem informado para fazer suas escolhas ao comprar de uma das centenas de lojas e vendedores da nossa plataforma. Todos os vendedores são avaliados por seu atendimento, preços e qualidade por consumidores de verdade.

Além das avaliações, você também pode comparar preços, ofertas de frete e descontos entre diferentes vendedores para o mesmo produto através dos comentários de consumidores contando suas experiências e, assim, pode comprar com confiança.

Parece bom demais para ser verdade? Você não precisar acreditar na gente, só precisa escutar nossos milhões de consumidores satisfeitos!

Novo no AliExpress? Temos uma dica especial para você.

Antes de clicar em ‘Comprar agora’, dê uma olhada nos cupons e economize ainda mais! Você encontra cupons de lojas, do AliExpress e ainda pode ganhar cupons todos os dias com jogos no nosso App.

Além de tudo isso, como a maioria dos nossos vendedores oferece frete grátis, você pode ter a certeza de estar comprando fly fishing backing com um dos melhores preços da internet.

Aqui, você sempre encontrará o melhor da tecnologia, moda e marcas. No AliExpress, qualidade, preço e atendimento são prioridade. Comece agora mesmo a melhor experiência de compras da sua vida!!!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*