Como alterar a visibilidade da sua foto de perfil no linkedin

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

Nos últimos anos, o LinkedIn estabeleceu-se como a mais importante plataforma para profissionais que escolhem ganhar visibilidade no mercado de trabalho. Com mais de 313 milhões de usuários, empresas de todo o mundo promovem os seus produtos nesta plataforma e usam esse espaço para encontrar novos profissionais para incorporar às suas equipes.

É por isso que é importante que o seu se  seja perfeito! Sendo assim, neste post, você vai encontrar dicas básicas para fazê-lo.

15 dicas para destacar seu perfil do LinkedIn profissionalmente

A seguir, vou compartilhar com você 15 dicas que você deve aplicar para tirar o máximo proveito do seu perfil do LinkedIn.

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

1- Compartilhe informações de valor para seu nicho

Uma das maneiras mais eficazes de aumentar a notoriedade do seu perfil e fornecer valor agregado é compartilhar informações relevantes da sua indústria. Publicar notícias importantes para seu campo de atuação faz com que as pessoas associem seu perfil a dados úteis.

Ao mesmo tempo, este tipo de iniciativa  promove a fidelização de seus seguidores e aumenta a sua visibilidade, porque se suas atualizações são interessantes, você obtém mais recomendações (que podem ser vistas por outros usuários, mesmo fora de seus círculos).

Para saber quais são os assuntos mais relevantes do seu setor e escolher as notícias mais populares para compartilhar, você pode contar com uma ajudinha do BuzzSumo.

Esta ferramenta online permite que você pesquise os conteúdos mais compartilhados no LinkedIn e em outras páginas.

Para aumentar a precisão dos resultados da pesquisa, você pode usar os múltiplos filtros que a plataforma oferece.

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

2- Personalize a URL do seu perfil no LinkedIn

Para que seu perfil no LinkedIn pareça (e seja) realmente profissional, o melhor que você pode fazer é personalizar a URL do seu perfil da seguinte forma:: https://linkedin.com/nome-e-sobrenome. Fazer isso não só deixa seu perfil mais limpo e com uma estética mais corporativa como também facilita que as pessoas possam lhe encontrar rapidamente.

Para personalizar a sua URL no LinkedIn faça o seguinte: Entre em seu perfil e se dirija ao avatar do topo da página (sua foto). Aí, clique em “Visualizar Perfil”. Logo, no menu lateral direito, clique em “Informações pessoais e de contato”, nesta parte (um pop-up) você vê deve clicar na URL que aparece com uma seta ao lado.

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

Na nova janela que vai abrir, identifique a parte que diz “Editar URL do seu perfil público”, na parte direita, logo no topo. Clique no ícone do lápis e pronto! É só escolher a terminação do endereço www.linkedin.com/in/nome_que_você_escolher. É igual ao que se vê na figura abaixo:

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

3- Aproveite as menções para ser visto por contatos específicos

Se você quer que uma determinada pessoa possa ver suas atualizações, a melhor coisa a é fazer menções nas publicações que você faça.

Dessa forma, quando você compartilha um post no LinkedIn, as pessoas mencionadas são notificadas.

Para fazer uma menção, basta digitar o sinal de arroba (@) seguido do nome do contato que você quer que veja suas publicações. Simples assim!

4- Entre para os grupos do seu setor

Para aumentar a visibilidade do seu perfil do LinkedIn, uma estratégia muito eficaz é participar de grupos relevantes do seu setor. Isto acontece por várias razões: em primeiro lugar, quando você entra em um grupo, isso aparece no Newsfeed seus contatos, assim como todas as suas interações com os conteúdos publicados no grupo (sempre que seja público).

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

Além disso, os grupos são lugares ideais para conhecer outros profissionais do seu setor. Inclusive as configurações padrão de alguns grupos permitem que os membros possam mandar mensagens privadas entre si, no próprio LinkedIn.

5- Mantenha o seu perfil do LinkedIn sempre atualizado

Pessoas que atualizam seus perfis frequentemente recebem mais ofertas de emprego do que aqueles que não publicam nada.

Por isso, atualize seu perfil sempre que puder! Para ajudar nesta tarefa, você pode programar postagens no LinkedIn  na hora em que você quiser, mesmo que não esteja conectado no momento.

Clique no seguinte artigo para saber como a publicar no LinkedIn automaticamente.

6- Use fotografias de qualidade no seu perfil

Os perfis do LinkedIn com fotos tem  14 vezes mais probabilidade de serem vistos do que aqueles sem fotos. Por isso, é importante usar fotos em seu perfil, e que sejam tão profissionais quanto possível. Assim, no caso da sua imagem pessoal, recomenda-se que você evite usar selfies (mais apropriadas para outras redes sociais) e que use imagens mais sérias e limpas.

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

Além disso, eu sugiro que você visite o seguinte link para conhecer os  tamanhos de imagem recomendados para LinkedIn, e assim usar as resoluções corretas no seu perfil.

7- Inclua palavras-chave no seu perfil

As keywords ou palavras-chave são componentes essenciais encontrar conteúdos específicos na Web, e no LinkedIn, isso não é excepção.

Por isso, se você quiser aumentar a probabilidade de que seu perfil seja encontrar, inclua as palavras-chave relevantes! Por exemplo, se você trabalha em desenvolvimento de software, pode incluir a palavras-chave “Web Developer” ou “Desenvolvedor Web” no título do seu perfil. Para encontrar as palavras-chave mais procuradas pelos usuários, recomendo usar o Keyword Planner

Dicas de perfil do LinkedIn: 18 maneiras de se destacar profissionalmente

SmartSeller SolutionsSep 8, 2019 · 17 min read

Melhorar sua visibilidade no LinkedIn é importante, esteja você procurando ativamente um novo emprego ou considerando passivamente novas oportunidades: 87% dos recrutadores usam o site como parte de seu processo de recrutamento. Mas, mesmo que você não esteja tendo novas funções, o LinkedIn pode ajudá-lo a criar sua marca pessoal e se conectar com outras pessoas do seu setor. E para os empresários, pode até direcionar tráfego e interessar-se nos seus negócios.

O ponto de partida para obter valor do LinkedIn é criar um perfil que não apenas mostre sua experiência e talentos, mas também facilita que as pessoas o descubram na pesquisa. Aqui, apresentaremos dicas de perfis do LinkedIn, com base em pesquisas, que ajudarão você a otimizar sua presença no LinkedIn.

Dica profissional: se você não deseja que suas conexões existentes obtenham várias atualizações anunciando suas alterações de perfil, desative temporariamente as notificações de alteração de perfil.

Clique no menu suspenso Eu , escolha Configurações e privacidade , abra a guia Privacidade , role para baixo até Compartilhar edições do perfil e alterne a configuração para Não .

Você pode ativá-las novamente quando terminar de atualizar seu perfil, se desejar que suas conexões vejam atualizações futuras (por exemplo, novos anúncios de emprego).

Noções básicas do perfil do LinkedIn

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

Se você não deseja investir muito tempo no seu perfil do LinkedIn, precisa adicionar ou atualizar suas informações básicas do perfil. De acordo com o LinkedIn, o preenchimento das seções a seguir torna seu perfil oito vezes mais propenso a ser descoberto por empregadores em potencial.

Foto do perfil

Adicionar uma foto profissional ao seu perfil do LinkedIn é essencial para aumentar sua visibilidade no site. De fato, o LinkedIn diz que você terá 21 vezes mais visualizações de perfil com uma foto do que sem uma.

A foto do seu perfil deve ser quadrada, 400×400 pixels e, idealmente, tirada por um fotógrafo profissional. Mas se você não tiver algumas centenas de dólares para gastar em uma sessão de fotografia, poderá se livrar de algo menos formal se seguir estas práticas recomendadas :

  • Sorriso. Isso faz você parecer mais acessível.
  • Escolha um plano de fundo sólido — ou não distraído -.
  • Evite fotos de corpo inteiro ou apenas da cabeça. Mostre sua cabeça e ombros.
  • Escolha algo recente que mostre como você é agora — não há 10 anos.
Leia também:  Como alternar a visualização de um elemento html usando o javascript

Se você estiver com problemas para decidir se a sua foto de perfil é boa — ou se estiver lutando para decidir entre algumas fotos -, aqui estão duas ferramentas que podem ajudar:

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

  • O Snappr Photo Analyzer (gratuito se você votar nas fotos de perfil de outras pessoas) usa tecnologias de reconhecimento de imagem e aprendizado de máquina para classificar sua foto de perfil e fornecer recomendações sobre como melhorá-la. Se sua foto favorita obtiver uma pontuação ruim, o Snappr fornece as informações necessárias para tirar uma foto melhor.

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

  • O Photofeeler (grátis) permite que você compartilhe fotos de perfil em potencial com outras pessoas que votam sobre se a foto faz ou não parecer competente, agradável e influente. Se você estiver com problemas para escolher entre várias fotos, pode ajudar a coletar a decisão e determinar qual é a melhor.

Localização

A localização é outro detalhe importante a ser incluído no seu perfil.

O LinkedIn diz que ter uma localização faz com que você apareça em 23 vezes mais pesquisas ; de fato, os resultados da pesquisa do LinkedIn estão fortemente vinculados à localização.

Quer prova? Vá para o LinkedIn e pesquise qualquer cargo. Com toda a probabilidade, todos os principais resultados serão pessoas que moram na mesma cidade que você.

Se você estiver procurando emprego na área em que vive atualmente, basta adicionar sua localização atual, salvar as alterações e pronto.

Mas se você atualmente mora em Nova York e procura trabalho em São Francisco, por exemplo, convém listar São Francisco como sua localização para aparecer nas pesquisas de recrutadores nessa área. Se você fizer isso, pode valer a pena mencionar sua localização atual em seu resumo ou em outro local, para que a listagem da localização incorreta no seu perfil não pareça enganosa.

Dica profissional: se você alterar as configurações do LinkedIn para informar aos recrutadores que você está aberto para o trabalho , há uma opção para selecionar em quais áreas você está disposto a trabalhar. Este é um ótimo lugar para indicar sua disposição de se mudar para os recrutadores e obter seu para aparecer nas pesquisas em áreas onde você não mora atualmente.

Indústria

Quando os recrutadores realizam pesquisas avançadas de candidatos no LinkedIn, geralmente filtram os resultados por setor. Ao criar ou atualizar seu perfil, adicione o setor que melhor se aplica à sua carreira atual ou ao campo em que você está tentando se mudar.

Observe que o setor que você seleciona não é exibido no seu perfil do LinkedIn; é usado apenas para pesquisa. Para editá-lo, clique no ícone de lápis diretamente abaixo da imagem da capa, role para baixo até ver o seletor de setor e escolha o setor mais relevante no menu suspenso.

Sumário

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

O LinkedIn afirma que “o resumo é o que os recrutadores consideram ao exibir perfis”. Isso torna a seção de resumo a chave para aumentar sua visibilidade no site. Se é a primeira coisa que os recrutadores olham, pode ser sua única chance de chamar a atenção deles e incentivá-los a permanecer por um tempo e aprender mais sobre você.

William Arruda, CEO da Reach Personal Branding, recomenda se concentrar em seis informações importantes em seu resumo:

  • Realizações significativas na carreira
  • Seus valores e paixões
  • Suas “superpotências” (coisas que você faz melhor do que qualquer outra pessoa)
  • Fatos e estatísticas verificáveis
  • O que o torna diferente e único
  • Prova social através de citações e depoimentos

Concentre-se em uma ou mais dessas informações para contar uma história sobre sua carreira que se destaca.

Aqui estão mais algumas dicas a serem lembradas ao escrever seu resumo do LinkedIn:

  • Você recebe 2.000 caracteres no total para o resumo, mas apenas as três primeiras linhas são exibidas por padrão. Isso significa que você precisa reunir as informações mais essenciais antecipadamente ou criar suspense, incentivando os espectadores a clicar no link “Mostrar mais”.

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

O resumo de Peter Shankman termina no meio da frase, incentivando os espectadores a clicarem para continuar lendo.

  • Escreva seu resumo na primeira pessoa (“eu sou”). A terceira pessoa (“Jessica is”) pode ser desanimadora, pois as pessoas sabem que você escreveu; é como usar a terceira pessoa quando você é solicitado a “me falar sobre você” em uma entrevista. A segunda pessoa (“Somos”) é aceitável se você possui uma empresa e está usando seu perfil do LinkedIn como uma extensão da marca da sua empresa.

A segunda pessoa é aceitável se o seu perfil do LinkedIn for uma extensão da marca da sua empresa.

Pense no seu resumo como uma carta de apresentação. Lembre-se de que ele foi projetado para fornecer mais contexto do que seu currículo / experiência — e é uma ótima oportunidade para mostrar sua personalidade.

Informações para contato

Não há uma ótima maneira de as pessoas entrarem em contato diretamente com você no LinkedIn. Somente as pessoas que pagam por uma assinatura Premium do LinkedIn podem enviar mensagens para pessoas às quais ainda não estão conectadas; portanto, se você não incluir informações de contato alternativas, crie um obstáculo para possíveis empregadores.

A Gerente de Conteúdo Contribuído de Zapier, Deborah Tennen, diz que se depara muito com esse problema ao procurar escritores freelancers: “Muitas vezes, as informações de contato das pessoas são vinculadas ao perfil do LinkedIn, que eu já estou visualizando. Para enviar uma mensagem, eu tenho para se conectar a eles primeiro, mas mesmo assim o LinkedIn permite enviar apenas 300 caracteres de texto “.

Dica de carreira: perfil impecável no LinkedIn

Se o seu perfil do LinkedIn é exatamente como um currículo, você está cometendo um enorme erro. Seu perfil é um lugar para você construir sua marca profissional, mostrar suas realizações e habilidades, compartilhar conteúdo com outros profissionais e se conectar com colegas, parceiros e até mesmo potenciais empregadores.

O que faz um perfil de LinkedIn se destacar? Como receber mais recomendações? Quais são as características que podem ajudá-lo a melhorar seu perfil? E, finalmente, como tornar seu perfil do LinkedIn campeão? Para começar, siga nossa dica de carreira.

Seu perfil é como um retrato profissional, gastar um pouco de tempo para torná-lo perfeito com certeza vale a pena.

Você lidera uma equipe? Aprenda 3 lições básicas

1. Adicione uma foto com aparência profissional

Isso pode soar como uma dica óbvia, mas você ficaria surpreso com quantas pessoas usam fotos casuais demais, borradas, fora de foco ou que não mostram seus rostos claramente. Ou, pior ainda, sem foto.

Repare que sugerimos usar uma foto com “aparência profissional”, o que não significa necessariamente que você precisa de um fotógrafo profissional para tirá-la.

Lembre-se de que o LinkedIn é para relacionamento profissional, portanto, sua foto deve ser seguir esta mesma finalidade.

2. Selecione as informações do campo “Experiência”

Recrutadores e empregadores que observam o seu perfil estão interessados, na maior parte do tempo, em saber mais sobre sua carreira. Por isso, é importante que você atualize essa seção constantemente.

Você não precisa listar cada trabalho único que você já fez, mas deve manter um histórico dos trabalhos relevantes. E adicione informações importantes da sua experiência, além do cargo e data. Descreva em tópicos suas atividades principais e cases de sucesso.

Leia também:  Como alterar as configurações de instalação de dispositivo no windows 8

Por último, inclua posições antigas que não necessariamente contribuam para o que você está procurando.

3. Desative a notificação de atualizações irrelevantes

Quando você faz uma alteração em seu perfil no LinkedIn, como a adição de experiência de um trabalho anterior, ela é informada à sua rede. Receber muitas notificações da inclusão de trabalhos antigos pode bem chato para seus contatos. Se você não quiser que as pessoas vejam tudo o que você atualizar no seu perfil, desligue este recurso temporariamente.

4. Otimize seu perfil

Sim, você pode otimizar seu perfil para buscas. Por padrão, o LinkedIn preenche seu cargo com o cargo do trabalho atual, mas você não tem que deixá-lo assim.

Se você quiser que seu perfil seja encontrado, incluía palavras-chave importantes (aqui estão algumas práticas a serem evitadas ao otimizar seu perfil ). Recrutadores e empregadores costumam usar palavras-chave para localizar potenciais contratados.

É por isso que as palavras-chave são importantes em todo o seu perfil, mas especialmente em “Especializações”. Invista tempo ao escolhê-las e alinhe ao cargo que você está tentando conquistar.

5. Seja autêntico, mostre sua personalidade!

Seu “Resumo do perfil” é onde você pode mostrar um pouco de personalidade (aliás, se você têm dificuldade para descrever sua personalidade, faça o teste e descubra mais sobre suas características profissionais).

É importante adicionar mais dados relevantes, além de um breve resumo do currículo. Você deve fazer com que seus visitantes conheçam suas habilidades e os instigue a querer saber mais sobre você.

Escreva suas realizações, sua experiência, capacidade tecnológica e interesses. Isso inclui experiências com voluntariado, educação etc. Este é o lugar para colocar todas as coisas interessantes que não se encaixam em um currículo estritamente profissional.

Uma nota rápida: adicionar imagens ou documentos também pode ser interessante. É uma ótima maneira de criar um portfólio visual.

6. Conecte-se a colegas e grupos

Conhecer pessoas e interagir, este é o papel fundamental da rede social. Seja seletivo e escolha colegas profissionais, especialistas da sua área, clientes potenciais, as pessoas com quem trabalha e assim por diante.

Envolver-se em um grupo ou dois relevantes para a posição que você gostaria de conquistar é simples e fácil. O LinkedIn recomenda alguns, mas conecte-se apenas a grupos que sejam aderentes e compatíveis com sua trajetória profissional e/ou acadêmica.

E não se esqueça de participar ativamente, adicionar conteúdo a seus grupos e, quando possível, contribuir para os debates que te interessa.

7. Recomende para ser recomendado

As recomendações são uma característica-chave de seu perfil no LinkedIn.

Se possível, tenha ao menos três recomendações de profissionais que trabalharam com você, como ex-chefes e colegas de trabalho que ocuparam cargos relevantes nas empresas pelas quais você passou.

Elas podem funcionar como referência sobre a qualidade do seu trabalho. Mas a forma mais comum de obter uma recomendação é bem simples: recomendando alguém.

8. Adicione suas habilidades

Adicione suas habilidades e competências para que as pessoas comecem a te recomendar por elas. O LinkedIn vai indexando novas habilidades relacionadas para seus contatos darem um ok, e, dessa maneira, essas capacidades são adicionadas ao seu perfil. Inclusive, se você é usuário do Runrun.

it, pode adicionar como competência no Linkedin. É importante incluir apenas habilidades que você realmente possua.

Pois a falta de recomendações pode interferir negativamente e penalizar seu perfil, impedindo que você ultrapasse de nível, por exemplo, de perfil avançado para o almejado perfil campeão.

9. Defina as configurações do seu perfil

O LinkedIn permite que você restrinja o acesso ao seu perfil. Mas se você está em busca de trabalho ou de mudança de trabalho, então deverá liberá-lo integralmente. Você pode configurá-lo de acordo com a sua vontade e estratégia. Fazer isso é fácil: dentro do seu perfil, clique em “configurações” e selecione “editar seu perfil público”. À direita, você verá a opção “alterar”.

Como Alterar a Visibilidade da sua Foto de Perfil no LinkedIn

10. Publique no Linkedin Pulse

O LinkedIn Pulse é uma oportunidade para você publicar aquele artigo longo que você escreveu e não postou em lugar nenhum. E a sua chance de ganhar visibilidade junto à sua rede e até outras audiências.

O Pulse atrai seguidores, o que te ajuda a montar uma networking forte na rede. Mas é bom ter um pouco de cuidado com o que você irá publicar, já que os artigos publicados no Pulse ficam disponíveis no seu perfil. Garanta que seja um conteúdo interessante e um texto de qualidade.

Caso contrário, a publicação poderá prejudicar sua imagem profissional.

Dica de Carreira: siga o Runrun.it

Para ter um perfil profissional no LinkedIn impecável, é importante que sua carreira também o seja.

Por isso, mantenha-se atualizado sobre as melhores práticas corporativas, seguindo nosso perfil no LinkedIn e tenha acesso as melhores dicas profissionais. E se você não conhece o Runrun.

it, ainda dá tempo! Ele é um software de gestão de tarefas, projetos e equipes usado em mais de 130 países. Comece Grátis: http://runrun.it/

11 recursos "escondidos" do LinkedIn que irão te surpreender

1) Você pode fazer um “espelho” do seu perfil em outro idioma

Algumas pessoas escrevem o seu perfil em outra língua, grande parte em inglês, o que eu não aconselho, pois ter um perfil somente em inglês, limita um pouco o seu alcance.

Sim, vivemos em um mundo no qual a língua inglesa é importantíssima e por isso é essencial que tenhamos o domínio dela, isso sem dúvida. Porém, lembre-se que nem todos falam a língua, inclusive alguns recrutadores, pense nisso!

O que muitos não sabem é que há um recurso que permite que você crie um “espelho” do seu perfil em outra língua, com um link idêntico ao original.

Portanto você não precisa ter um perfil somente em inglês ou em outra língua.

Você deve acessar a opção “Editar perfil”, colocar o mouse em cima da seta ao lado do botão azul “Visualizar perfil como” e selecionar a opção “Criar perfil em outro idioma”. Você será então direcionado para uma página que permitirá editar suas informações na língua escolhida.

2) Desative atividades temporariamente

Todas as atividades que você realiza na rede aparecem para seus contatos, quando você troca uma foto, quando você faz uma alteração em seu perfil, se você inclui alguma experiência de trabalho, etc.

Caso você não queira que as pessoas vejam que você está atualizando seu perfil, você precisa desligar temporariamente esse recurso. Para isso, clique em Settings no menu abaixo do seu nome no canto direito superior.

No “Perfil”, clique em “Turn on /off para Activity Broadcasts”. No pop-up que aparece, desmarque a caixa e clique em Salvar.

  • Mas não esqueça de voltar a essa definição e verificar se a atualização foi realizada com sucesso no seu perfil.
  • 3) Inclua palavras-chave e aumente suas chances de ser contratado
  • Muitos sabem que o recrutadores utilizam filtros em vários sites para conseguir candidatos, no LindedIn não é diferente.
  • É por isso que as palavras-chave são tão importantes.
  • Para ficar na mira dos recrutadores e aumentar suas chances de recolocação , alinhe suas palavras-chave com o cargo que você está tentando conquistar.

Como tornar seu perfil no LinkedIn mais atrativo

Saber como se apresentar no LinkedIn e ter um perfil atrativo é um grande diferencial para ganhar mais visibilidade na mídia. Mesmo que seu objetivo seja fazer carreira no setor público, você não pode ficar de fora dessa rede profissional, considerada a maior do mercado mundo, com mais de 560 milhões de usuários conectados em 200 países, incluindo o Brasil.

Leia também:  Como ajudar os animais a lidarem com a volta às aulas

Com esse grande alcance, o LinkedIn é uma poderosa ferramenta para se projetar em sua área de atuação profissional. Por isso, é importante seguir algumas estratégias para criar um perfil atraente, mantê-lo atualizado e impressionar os que acessarem sua página.

Alguns concurseiros podem estar se perguntando por que ter currículo virtual no LinkedIn se seu o objetivo é conquistar uma vaga por concurso público e não contrato em empresas privadas? É importante esclarecer que essa rede não uma plataforma projetada apenas para busca emprego, como alguns sites especializados no recrutamento de talentos.

O LinkedIn até tem uma área para publicação de vagas de emprego e que pode ser acessada pelos profissionais. Eles podem se candidatar aos cargos oferecidos e enviar seu currículo diretamente para os departamentos de Recursos Humanos das organizações. Mas esse não é o objetivo principal da plataforma.

A grande missão do LinkedIn é conectar em todo o mundo profissionais de diferentes áreas que possam compartilhar conhecimento, trocar informações, estabelecer novas parcerias e acompanhar as tendências do mercado de trabalho. Sua meta é tornar os membros mais produtivos e bem-sucedidos, independente de atuarem em organizações públicas ou privadas.

Com essa característica, o LinkedIn é um espaço ideal para ampliar o networking (rede de contatos), receber recomendações de outros profissionais, publicar artigos de impacto, comunicar promoções de cargo e também para acompanhar a movimentação do mercado. Pela rede, os membros ficam sabendo onde as pessoas estão trabalhando e se mudaram de emprego.

O site também é um canal essencial para saber onde estão trabalhando pessoas-chaves, caso seja necessário pedir uma indicação ou apoio para novos projetos. Não é exigido nenhum custo para uso das funções básicas da rede. É claro que o serviço oferece alguns recursos adicionais para os chamados membros premium.

  • Dez dicas para ganhar visibilidade no LinkedIn
  • Para que você possa aumentar sua presença no LinkedIn, veja a seguir dez dicas. Confira:
  • 1-Página inicial

É o seu cartão de visita para acesso de seu perfil na mais famosa rede de profissionais. Então capriche no título, que vem logo abaixo de seu nome, que geralmente é o seu cargo atual. Se você não estiver trabalhando, evite colocar palavras como: “em busca de recolocação”, “disponível no mercado” ou “desempregado”.

A especialista em gestão de pessoas e coach profissional, Adriana Cubas, sugere que nesses casos, você mencione sua profissão, como por exemplo advogado e mencione sua área de especialização. Outra dica, é colocar a última função que você ocupou, se não estiver em nenhum lugar.

Se ainda está na universidade, coloque “estudante”, que é como será localizado pelas empresas, caso esteja em busca de novos talentos.

2- Foto que passe credibilidade

Pesquisas indicam que os perfis com foto têm um índice de visitação 15% maior. Por isso, esse quesito merece muita atenção. Escolha bem a imagem de apresentação no LinkedIn e procure adequá-la ao seu objetivo profissional.

8 dicas para melhorar seu perfil no LinkedIn e aumentar chances de emprego

O LinkedIn, rede social voltada para a área profissional, pode facilitar a vida de quem está em busca de um emprego ou de uma nova oportunidade de trabalho.

Mas não basta informar a escolaridade, as empresas onde trabalhou e se cadastrar para uma vaga. Para ter resultados, o candidato precisa aproveitar melhor os recursos oferecidos pela plataforma e manter suas informações atualizadas.

Confira as dicas da gerente de comunicação do LinkedIn, Fernanda Brunsizian.

1) Use palavras-chave

O perfil no LinkedIn é diferente de um currículo enviado para as empresas. “No currículo, você já sabe quem vai receber. No perfil do LinkedIn, você precisa ser achado. O truque para ser encontrado é trabalhar com palavras-chave e pensar em como o recrutador procuraria você”, diz Brunsizian.

O sistema buscará a palavra-chave ao longo de todo o perfil do candidato. Portanto, na descrição das atividades de cada trabalho, a dica é usar termos diferentes para definir o que faz. “Quanto mais palavras-chave em comum com o que o recrutador está buscando, melhor.”

Um profissional de TI pode usar em seu perfil os termos “desenvolvedor de software”, “desenvolvedor web”, “programador” e “analista de sistemas”, por exemplo.

2) Coloque uma foto

A foto faz a diferença no LinkedIn. Segundo Brunsizian, um perfil com foto é 21 vezes mais visto do que um sem foto. Mas não é para colocar qualquer imagem. “É preciso estar sozinho e vestido como quem vai ao trabalho.”

Fotos recortadas também não são bem-vindas. “Dá a ideia de descuido. Todo detalhe faz a diferença e mostra o quanto o candidato se dedicou em fazer aquele perfil.”

3) Personalize endereço eletrônico de seu perfil

Quando o candidato se cadastra no LinkedIn, um endereço eletrônico é criado, porém, com números e letras. O profissional pode e deve alterar esse endereço eletrônico para facilitar ser encontrado. A dica é usar o nome e o sobrenome. Para fazer essa atualização, é preciso:

  • Clicar no ícone “Eu”, na parte superior da página inicial do LinkedIn
  • Escolher “Visualizar perfil” e, depois, “Editar seu perfil público”, ao lado direito da tela
  • Fazer a mudança em “Editar a URL do seu perfil público”. Exemplo: www.linkedin.com/in/seunome
  • Salvar as alterações

4) Faça um perfil em outro idioma

Se o profissional fala mais de uma língua, o ideal é ter um perfil no outro idioma também, pois pode acontecer de algum recrutador procurar o candidato com palavras-chave em inglês, por exemplo. “Para isso, é só mudar o idioma de navegação que o LinkedIn espelha o perfil do candidato. Depois, é só traduzir o que contém texto.”

Para a mudança do idioma, é preciso:

  • Clicar no ícone “Eu”, na parte superior da página inicial do LinkedIn
  • Selecionar “Idioma” e, depois, escolher a língua em que você deseja ter o perfil

5) Opte por informações mais precisas

Alguns candidatos reclamam que não conseguem vagas com o seu perfil. Se as informações forem genéricas, Brunsizian afirma que pode haver essa dificuldade. “A dica é informar tudo o que faz diferença para sua vida profissional.” Se achar relevante, ele pode incluir trabalhos voluntários e cursos, por exemplo.

6) Selecione quem você vai adicionar

Você pode não conhecer pessoalmente um profissional, mas se ele faz parte da sua área de atuação, pode ser interessante adicioná-lo. A gerente afirma que também não há problema em incluir na lista pessoas conhecidas, mas que trabalham em setores diferentes.

“Agora, se alguém te adiciona, não é da sua área de interesse, você não conhece pessoalmente e ela não mandou mensagem se apresentado, a recomendação é não aceitar por segurança e privacidade.”

7) Aposte em artigos e publicações

Publicar artigos de assuntos que domina e compartilhar conteúdos que foram postados na rede profissional servem para aumentar os contatos e para que as empresas interessadas no profissional o conheçam melhor.

8) Mantenha o perfil vivo

O recrutador pode visualizar o perfil do candidato e perceber que ele está desatualizado. Isso pode passar a impressão de que ele não cuida da vida profissional. A dica é sempre atualizar os dados, tipos de trabalho e competências, além de olhar o que os seus contatos estão postando e compartilhando na rede.

  • Sinais de que está na hora de procurar outro emprego

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*