Como baixar apps comprado com o icloud: 6 passos

A Apple introduziu no iOS 8 a app Saúde, uma estrutura nova de investimento dos dispositivos móveis. A app Saúde recolhe dados semelhantes de diferentes fontes (por exemplo, pode recolher os passos registados pelo iPhone e também por uma pulseira de fitness) e organiza-os com base na sua origem.

A Apple, contudo, não colocou esta app a sincronizar os dados com a Cloud, provavelmente pelo peso que os dados importados poderiam corresponder no espaço do utilizador. Quando trocamos de iPhone, poderemos ter interesse ou necessidade de os importar para o novo iOS. Sabe como fazer?

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

A Apple tem mostrado que o seu foco principal ao desenvolver uma tendência para os iDevices é trazer para o seu ecossistema um tema que toca a todos: saúde e bem estar.

Assim, a empresa tem adaptado o seu sistema operativo e desenvolvido ferramentas para que apps de terceiros possam descarregar na App Saúde os seus dados, criando um histórico sobre os nossos dados de saúde, médicos e muito mais.

Praticamente tudo o que diz respeito à saúde e bem estar.

Podemos criar um verdadeiro relatório médico sobre o nosso estado físico onde os dados podem ser carregados manualmente mas também podemos ter aplicações que nos ajudam a ter esses indicadores automatizados.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos
Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos
Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

anterior próxima

Por exemplo, utilizo a app Strava que recolhe informação da minha actividade física e descarrega na app Saúde. Dispositivos como o Apple Watch dão igualmente informação sobre os batimentos cardíacos e a actividade monitorizada.

O Termómetro, a balança e o Medidor de pressão arterial da Withings recolhem dados como a temperatura corporal, peso, massa corporal e a tensão arterial.

Mas há depois várias outras aplicações e dispositivos que podem ser emparelhados com o iPhone e estes recolhem dados que são depois centralizados.

Além disso, a app Saúde traz um vasto leque de informação que pode ser útil em vários casos, isto porque tem sido adaptada e melhorada constantemente pela empresa de Cupertino.

Como referimos, esta tem uma opção que permite exportar os dados, contudo, não traz nem a sincronização com o iCloud nem tem uma opção de importação.

Então como podemos importar os dados da app Saúde?

Podemos fazer por um de dois métodos. O primeiro método é usar a capacidade de backup do nosso iPhone e depois repor tudo, tal como tínhamos. Para isso podemos usar o backup e o restauro através do iTunes ou através do iCloud.

Método 1

O primeiro método é fazer um backup total do iPhone que vamos deixar ou que vamos formatar e depois ao restaurar a cópia iremos ter os dados totalmente repostos.

Fazer cópia de segurança pelo iTunes

  • Para fazer a cópia de segurança pelo iTunes, ligamos o iPhone ao computador, abrimos o iTunes, escolhemos o dispositivo no ícone que se encontra no canto superior esquerdo a seguir ao menu de opção e transferimos para o iTunes todas as compras em Ficheiros > Dispositivos > Transferir compras de “iPhone…” :
  • Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos
  • Agora, procuramos no grupo Cópias de segurança a opção Este computador e clicamos no botão Efectuar cópia de segurança agora.
  • Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Ele irá demorar uns minutos a fazer uma cópia e esta deverá ser cifrada, tal como mostra a imagem com a opção Cifrar cópia de segurança do iPhone. Coloque a palavra-passe para cifrar os dados que lhe será solicitada (não se esqueça dela).

Repor cópia de segurança

  1. Depois de termos feito a cópia de segurança (prática que deveremos fazer uma vez por mês, pelo menos), vamos colocar o novo iPhone ligado pelo mesmo processo do anterior e no iTunes vamos a:
  2. Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos
  3. Ficheiros > Dispositivos > Restaurar a partir da cópia de segurança… Depois, se existirem várias, escolhemos a mais recente ou aquela que pretendemos ver restaurada.

Fazer cópia de segurança pelo iCloud

Neste caso só tem de ter espaço no iCloud (atenção) e ir a Definições > iCloud > Cópia de segurança > Efectuar cópia de segurança agora.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Repor cópia de segurança do iCloud para o dispositivo novo

Ligue o dispositivo novo. Irá surgir um ecrã de boas-vindas. Se já tiver configurado o dispositivo novo, deverá apagá-lo antes de poder seguir estes passos. Prima o botão principal quando vir o ecrã de boas-vindas.

Siga os passos até ver o ecrã Wi-Fi.
Toque numa rede Wi-Fi para aceder à mesma. Siga os passos até ver o ecrã Aplicações e dados e, em seguida, toque em Restaurar a partir de iCloud > Seguinte.

Inicie sessão no iCloud com o seu ID Apple e a respectiva palavra-passe.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Se solicitado, seleccione uma cópia de segurança. Certifique-se de que é a cópia de segurança correta, confirmando a data e o tamanho de cada uma. Saiba o que deve fazer se lhe for solicitado para actualizar para uma versão mais recente do iOS.

Se tiver comprado conteúdos do iTunes ou da App Store com vários ID Apple, ser-lhe-á solicitado que inicie sessão em todos eles. Se não se lembrar das palavras-passe, pode ignorar este passo tocando em “Não tem um ID Apple ou esqueceu-se do seu”.

Mantenha a ligação e aguarde a conclusão do processo de restauro e, em seguida, conclua os restantes passos de configuração. Se possível, mantenha o dispositivo ligado por Wi-Fi e ligado à corrente após a configuração. Assim, os conteúdos como as suas fotografias, músicas e apps guardadas no iCloud são automaticamente descarregadas para o dispositivo.

Método 2

O método 2 é muito mais simples, pese o facto de ser apenas com carácter individual para aquele fim, que é exportar e importar dados da app Saúde.

Para isso vamos apenas e só recorrer a uma aplicação que existe na App Store e tudo fica super simples.

Health Data Import

Esta aplicação facilita todo o processo. Basta instalar a app, ir à aplicação Saúde e exportar os dados. Esses dados podem ser exportados, por exemplo, para o iCloud Drive, posteriormente será esse o local a apontar dentro da app Health Data Import.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

anterior próxima

Health Data Importer é um utilitário que recolhe o ficheiro de dados em XML e coloca toda a informação nos sítios certos dentro da app Saúde. Tudo será importado e poderá mesmo servir como recolha de dados de outras apps que não sincronizem com a app Saúde da Apple, basta que o ficheiro XML possa ser importado e tenha as regras necessárias para ser suportado nas diversas categorias.

A aplicação não é gratuita, custa 2,99 euros mas vale bem o investimento pois poderá manter o seu histórico sempre que trocar de iPhone ou fizer uma instalação limpa do sistema operativo.

iCloud cheio? Veja como liberar espaço no iCloud » Blog do iPhone

Se você está vendo a todo momento aquele aviso cansativo de falta de espaço na nuvem, veja neste artigo como liberar espaço no iCloud.

O iCloud é o serviço de nuvem da Apple que serve para facilitar a nossa vida. Além de sincronizar contatos, mensagens, livros, notas, calendários e configurações, também serve para guardar o backup do aparelho e fotos tiradas no iPhone e iPad.

Mas o grande problema é que, desde que começou a oferecer o serviço, a Apple apenas disponibiliza 5GB de espaço gratuito. No início isso até era suficiente, mas com o passar dos anos e os novos dispositivos vindo com 32GB, 64GB, 128GB e até 256GB de capacidade, este espaço ficou insuficiente para guardar todos os nossos dados.

E quando este espaço mínimo fica lotado, começam a aparecer no sistema avisos bem chatos, que muitos usuários não sabem como se livrar deles.

Neste artigo, iremos lhe mostrar como liberar espaço no iCloud e fazer com que não apareça mais os avisos de iCloud cheio.

Bem, se os avisos já começaram a aparecer e lhe incomodar, você possui duas alternativas: ou mantém os 5GB gratuitos e libera espaço no iCloud tirando algumas coisas dele, ou então compra mais espaço com a Apple. Aqui lhe mostraremos como fazer as duas coisas.

Se você já paga uma assinatura do iCloud que já está no limite ou não está interessado em gastar dinheiro com nuvem, então o melhor a fazer é uma faxina no seu iCloud e liberar espaço apagando arquivos que não precisam estar ali. Estamos falando de diversas coisas, como fotos, aplicativos que você não tem usado ultimamente e, o mais delicado, backups.

Primeiro de tudo, precisamos saber o que está ocupando o seu espaço na nuvem. Siga os seguintes passos:

Passo 1: Abra os Ajustes do seu dispositivo.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Passo 2: No alto da tela, você em acesso às configurações do iCloud. Toque no nome cadastrado.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Passo 3: Toque no menu referente ao iCloud.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Passo 4: Nos ajustes do iCloud, toque em Gerenciar Armazenamento.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Passo 5: Você então verá uma lista de aplicativos e funções do sistema que usam o iCloud. Você precisa ir em cada uma delas e descobrir o que você pode apagar. Por exemplo, backups duplicados ou de dispositivos que você não usa mais.

Leia também:  Como alongar as costas com um rolo de massagem: 9 passos

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Para apagar um backup, toque nele e depois toque em Apagar backup. Certifique-se que você tem um backup mais atual guardado em outro lugar, pois caso contrário você pode perder fotos e dados importantes se acontecer algum problema com o seu aparelho.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Se você está com a função Fototeca do iCloud ativada, isso pode estar consumindo uma boa parte do seu espaço na nuvem. Desligá-la pode ser uma boa maneira de liberar lugar.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Veja todos os aplicativos da lista e decida o que você pode apagar. Assim já é possível liberar uma boa parte do espaço do iCloud e parar de ficar aparecendo aquela mensagem chata.

 Opção 2  Fazer uma assinatura paga do iCloud

Pagar por mais espaço é uma outra opção caso você não consiga se livrar de tudo o que tem guardado na nuvem. Afinal, o serviço traz grandes benefícios e é inútil você ficar se privando de usá-los só para economizar uns trocados. A Apple oferece opções a partir de R$ 3,50 por mês, mais barato que uma latinha de Coca-Cola em um bar.

Para fazer uma assinatura e liberar espaço no iCloud, siga as instruções expostas anteriormente neste artigo, até o Passo 4. Então toque na opção Mudar plano de armazenamento. Se seu iCloud já estiver lotado, é possível que apareça a opção Fazer o upgrade.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 Passos

Os planos disponíveis são os seguintes:

  • 50 GB — R$ 3,50 por mês
  • 200 GB — R$ 10,90 por mês
  • 2 TB — R$ 34,90 por mês

Os dois últimos podem ser compartilhados entre os familiares que estiverem cadastrados em seu Compartilhamento Familiar. O plano de 2 terabytes é espaço suficiente para muita, muita coisa, ideal para quem tem um iPad Pro de 512 GB que usa intensamente, além de outros dispositivos.

Entenda como funciona o iCloud

O iCloud é o sistema de armazenamento na nuvem da Apple que atua de maneira bastante sofisticada. O serviço funciona no iPhone, iPad e iPod Touch e é bastante simples de ser configurado. Entenda como o iCloud atua, aprenda a configurá-lo em seu iDevice e veja se ele é a ferramenta ideal para salvar seus arquivos.

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 PassosO iCloud é o serviço de compartilhamento na nuvem da Apple (Foto: Reprodução/Marvin Costa)

Armazenamento na nuvem

O conceito-base do iCloud é o armazenamento de arquivos em uma “nuvem”, um servidor online de grande capacidade.

Com isso, você não precisa mais do disco rígido do seu aparelho para guardar seus dados.

O serviço de nuvem possibilita uma economia de espaço no seu computador ou dispositivo móvel, e permite que seus arquivos sejam acessados por meio de qualquer produto Apple conectado à Internet.

O iCloud sincroniza todos os dispositivos Apple com uma espécie de pasta online gratuita, com 5 GB de espaço, que pode receber fotos, arquivos de texto, contatos e até aplicativos. Ou seja, tudo o que você tem pode ser guardado na nuvem, gratuitamente. Além disso, caso o usuário queira, pode comprar mais espaço para armazenar seus arquivos.

Veja também: Aprenda a bloquear um celular roubado

Configuração em poucos passos

Configurar o iCloud é muito simples. Em seu dispositivo móvel, selecione a opção “Ajustes”. Aqui, há uma opção dedicada somente ao serviço.

Ative a nuvem e faça o login com a sua Conta Apple (a mesma usada para comprar aplicativos no iTunes). Com o iCloud habilitado, basta escolher os arquivos que você deseja compartilhar entre todos os seus dispositivos.

Existem diversas opções, como e-mails, contatos, calendário, fotos e documentos de dados. 

Também é possível configurar o serviço nos computadores, inclusive no Windows. Basta fazer o download do Painel de Controle do iCloud e instalá-lo. A configuração é semelhante ao que acontece nos dispositivos móveis.

Basta inserir seu login e senha da Apple, escolher os produtos que você deseja sincronizar, marcar a caixa “download automático” e pronto.

Sempre que você usar o iTunes, todos os arquivos serão enviados para a sua nuvem automaticamente. 

Como Baixar Apps Comprado com o iCloud: 6 PassosBaixando o Painel do iCloud no TechTudo Downloads (Foto: Reprodução)

Backup
Outro ponto importante do iCloud é o backup de arquivos. O serviço tem um sistema de segurança que, quando ativado, faz a sincronização entre todos os seus arquivos, tanto dos dispositivos móveis quanto os da nuvem. O iCloud faz backup dos aparelhos com iOS via Wi-Fi, sempre que você põe o gadget para carregar.

Seus dados pessoais (incluindo as músicas, apps e livros baixados no iTunes) aparecem no seu dispositivo de maneira automática. Para quem é assinante do iTunes Match, é possível até mesmo baixar toda a biblioteca de música do iCloud. 

Maneiras Eficazes para apagar aplicativos do iCloud

O iCloud é, sem dúvida nenhuma, um dos recursos mais importantes dos aparelhos da Apple, usado pelos usuários de dispositivos iOS para armazenar fotos, dados de aplicativos, vídeos, músicas (por meio do iTunes Match) e mais.

Mas você pode querer apagar aplicativos do iCloud às vezes – por exemplo, quando você tem um aplicativo que não usa mais e deseja apagá-lo permanentemente da tela inicial do seu dispositivo iOS.

Você também pode desejar apagar seu histórico de compra de aplicativos que não usa mais e que não quer que outros vejam.

Tenha em mente que também há um registro dos aplicativos no iCloud enquanto você mantiver a sincronização automática ativa.

Note por favor que embora seus aplicativos não ocupem espaço no armazenamento pessoal do seu iCloud(o qual apenas armazena a lista de suas compras, para que você possa baixá-las novamente dos servidores da Apple), a Apple não permite que você os apague por algum motivo, tornando isso um incômodo permanente. Alguns geeks podem saber como esconder o histórico de compras e outras informações sobre aplicativos do iCloud, mas isso é complicado demais para usuários comuns.

Para responder à questão de como apagar aplicativos do iCloud, aqui vão dois métodos simples para remover aplicativos do iCloud por meio de duas abordagens diferentes.

Esconda e apague seus aplicativos do iCloud

Esse método não remove os aplicativos do iCloud em si, mas pode alcançar o mesmo resultado. Aqui vão os passos que você deve seguir para esconder aplicativos indesejados do histórico de compras do seu iCloud:

1

Do seu iPhone ou outro aparelho iOS, vá até “App Store” > “Atualizações” > “Compras”. Você verá então uma lista dos aplicativos que comprou.

2

Do seu computador com Windows ou Mac, execute o iTunes e entre na iTunes Store. Quando estiver lá, clique no link “Compras” do lado direito da janela principal e você verá o histórico de todas as suas compras.

3

Em seguida, clique em “Aplicativos” e você verá uma lista dos aplicativos que comprou e baixou. Passe o cursor sobre o aplicativo que deseja esconder para sempre e um “X” vai aparecer.

4

Clique nesse X e seu aplicativo ficará escondido. Isso vai atualizar sua lista de aplicativos comprados e você vai ver que o aplicativo escondido não será mais exibido.

5

Agora, abra seu dispositivo iOS (iOS 6 ou anterior), navegue para “App Store” > “Atualizações”>”Compras”. Você vai ter que o aplicativo escondido não está mais lá.

Note que um dispositivo com iOS 7 ainda vai mostrar o aplicativo escondido do computador mesmo se você fechá-lo completamente. Para fazer o aplicativo desaparecer do iCloud, você terá que ir a “Configurações”> “iTunes e App Store”, clicar na sua ID Apple e desconectar.

Quando voltar para a App Store, vai ver que está com o histórico de compras vazio. Conecte com sua ID Apple novamente e seus aplicativos escondidos terão desaparecido sem deixar rastros.

Apague permanentemente um aplicativo do iCloud

Se você deseja apagar aplicativos do backup do iCloud permanentemente, você pode usar o iPhone Data Cleaner com segurança. Esse software é uma ferramenta apagadora de dados multiuso ideal para fazer a limpeza geral no iPhone antes de mandar para a assistência técnica ou doar para um amigo ou parente.

Baixar

Veja os recursos premium e experimente agora a demonstração grátis

  • Limpeza expressa: Com um modo duplo de apagamento e mecanismo de apagamento de dados em três níveis, descartar os dados do seu iPhone permanentemente é facinho com esse software. Ele tem todos os procedimentos já pré-configurados e faz a limpeza assim que você determina suas preferências – limpeza complete ou parcial e nível de apagamento baixo, médio ou alto.
  • Apague dados pessoais: Se quiser descartar informações privilegiadas como senhas, registros bancários ou informações financeiras, esse software tem um modo de apagamento de dados em nível alto que realmente torna as informações apagadas irrecuperáveis.
  • Remova arquivos apagados: O modo de limpeza parcial vai apagar todos os vestígios dos dados apagados pelo usuário. Isso é o que você deve usar para remover dados de aplicativos do iCloud.
  • Apague todos os dados: O modo de limpeza completa vai essencialmente apagar os dados do seu dispositivo como um todo. Seu iPhone será restaurado às configurações de fábrica. Note que o iOS do seu iPhone não será afetado.
Leia também:  Como bloquear ligações no telefone de sua casa: 11 passos

Instruções de como se livrar permanentemente dos arquivos de aplicativos deletados do seu iPhone:

1

Conecte seu dispositivo ao computador usando o cabo USB. O software deve ser instalado e executado antes da conexão. Seu iPhone será reconhecido automaticamente pelo software.

2

Escolha o modo “Remover Arquivos Deletados” e selecione os aplicativos que deseja apagar.

  • 3
  • Escolha o nível de apagamento entre “Baixo,” “Médio” e “Alto” de acordo com suas necessidades – o nível baixo é o mais rápido mas menos seguro, enquanto o nível alto é o mais lento, porém mais seguro.
  • 4

Clique em “Apagar Agora” e aguarde que o software desempenhe as ações especificadas. Mantenha seu dispositivo conectado durante o processo.

Conclusão

É evidente que o iPhone Data Cleaner é de longe o método mais eficaz para excluir aplicativos comprados do iCloud. Por outro lado, o método manual que esconde os aplicativos da lista de compras não só leva muito tempo, mas também não é permanente, caso precise lidar com múltiplos aplicativos.

Como configurar o seu novo iPhone?

Nem sempre é fácil aprender e configurar o seu novo iPhone. Especialmente se você é um usuário oriundo do sistema Android, pois o sistema iOS é bem diferente, e pode onfundir você muitas vezes.

Se você acabou de comprar um novo dos novos iPhones de 2018, achou uma boa pechincha na Black Friday ou até mesmo se ganhou o antigo iPhone de um membro da família, aqui estão algumas dicas e conselhos simples de como configurar seu novo iPhone.

Os 7 melhores aplicativos de câmera para o iPhone

Como configurar seu novo iPhone?

Faça backup do seu antigo iPhone

Backup usando o iTunes

Vale a pena verificar se você está executando a última versão do iTunes antes de começar. Selecione iTunes no menu Iniciar e verifique as atualizações.

Para fazer um backup ou atualizar um existente usando o iTunes, conecte seu dispositivo antigo ao computador com o qual você normalmente o sincroniza via USB, abra o iTunes, selecione o dispositivo e pressione o botão Sincronizar.

Backup usando o iCloud

Verifique se o backup do seu iPhone foi feito recentemente: se você estiver executando uma versão razoavelmente atualizada do iOS, o dispositivo fará automaticamente um backup do iCloud uma vez por dia, desde que esteja programado para isso, conectado a um Wi-Fi e  que você tenha espaço suficiente disponível na sua conta do iCloud.

Você pode descobrir quando foi o último backup do seu iPhone indo em Configurações > ID da Apple > iCloud > Backup.

Se o backup do iPhone tiver sido feito recentemente no iCloud, o controle deslizante ao lado do Backup será exibido em verde. Se não deseja fazer backup dessa maneira, toque no controle deslizante e ative-o. Nesse instante o iPhone perguntará se você deseja fazer o Backup agora. Aproveite e faça.

Entendendo suas opções

Existem várias maneiras de iniciar um novo iPad e iPhone

  • Configure como “novo”, o que significa iniciar tudo do zero – todas as configurações. Isto é para pessoas que nunca usaram um iPhone e não tem um iCloud ainda.
  • Restaurar a partir de um backup anterior do iPhone, iPad ou iPod touch. Você pode fazer isso online com o iCloud, ou via USB com o iTunes. Isso é para pessoas que já tiveram um dispositivo iOS antes e estão migrando para um novo aparelho.

Cómo pasar los datos de tu viejo iPhone a tu nuevo iPhone 11

Hoy es 20 de septiembre, lo que significa que Apple ha lanzado en tiendas los nuevos iPhone 11 y Apple Watch Series 5 -que por cierto están agotadísimos hasta octubre, excepto el iPhone 11 normal, que aún tiene stock.

Te ha llegado a casa, lo sacas de la caja con el cuidado extremo, y ahora piensas “uuuufff, ¿tengo que meter la agenda de contactos a mano? ¿Y cómo paso las fotos, y los chats de WhatsApp?”.

Pues puedes hacerlo todo de un tirón y de tres formas diferentes nada menos:

Usando Inicio Rápido

Con Inicio rápido, puedes configurar un nuevo dispositivo iOS rápidamente usando la información de tu dispositivo actual. Después, puedes restaurar el resto de los datos y el contenido al nuevo dispositivo desde tu copia de seguridad de iCloud.

Si estás configurando un iPhone nuevo con tu iPhone actual y los dos dispositivos usan iOS 12.4 o versiones posteriores, Inicio rápido ofrece la opción de usar la migración del iPhone.

Esta función te permite transferir todos los datos de forma inalámbrica desde tu iPhone actual al nuevo. Inicio rápido ocupa ambos dispositivos.

Por lo tanto, busca un momento en el que sepas que no tendrás que usar tu dispositivo actual.

Cómo utilizar Inicio rápido

  1. Enciende el nuevo dispositivo y colócalo cerca del dispositivo actual. En el dispositivo actual se mostrará la pantalla Inicio rápido, donde aparecerá la opción de utilizar tu ID de Apple para configurar el nuevo dispositivo.

    Asegúrate de que sea el ID de Apple que quieres usar y, después, pulsa Continuar. Si no ves la opción para continuar en tu dispositivo actual, asegúrate de que la conectividad Bluetooth está activada.

  2. Espera a que aparezca una animación en el nuevo dispositivo.

    Sostén el dispositivo actual sobre el nuevo dispositivo y, a continuación, centra la animación en el visor. Espera a que aparezca el mensaje “Terminar en el [dispositivo] nuevo”.

    Si no puedes utilizar la cámara del dispositivo actual, pulsa Autenticar manualmente y, a continuación, sigue los pasos que aparecen en pantalla.

  3. Cuando se te pida, introduce el código del dispositivo actual en el nuevo dispositivo.

  4. Sigue las instrucciones para configurar Face ID o Touch ID en el nuevo dispositivo.
  5. Introduce la contraseña de tu ID de Apple en el nuevo dispositivo cuando se te solicite. Si tienes más de un dispositivo, es posible que debas introducir también los códigos respectivos.

  6. El nuevo dispositivo ofrece la opción de restaurar las apps, los datos y los ajustes desde tu copia de seguridad de iCloud más reciente, o actualizar primero la copia del dispositivo actual y, a continuación, restaurar.

    Cuando seleccionas una copia de seguridad, puedes elegir si quieres transferir algunos ajustes con relación a la ubicación, la privacidad, Apple Pay y Siri. Si quieres actualizar la copia de seguridad del dispositivo, asegúrate de que la conexión Wi-Fi esté activada en el dispositivo.

  7. Si tienes un Apple Watch y estás configurando un nuevo iPhone, se te preguntará si quieres transferir también los datos y ajustes del Apple Watch.

 Transferir datos directamente de un iPhone a otro

Si tu iPhone actual y el nuevo tienen iOS 12.4 o una versión posterior, puedes usar la función de migración del iPhone para transferir directamente los datos de tu dispositivo antiguo al nuevo. Puedes hacerlo de forma inalámbrica o conectando ambos dispositivos. Utiliza el método con cable si la red inalámbrica que utilizas es lenta o está congestionada.

Para migrar los datos de forma inalámbrica, coloca el iPhone antiguo cerca del nuevo mientras haces los pasos que se indican a continuación. Asegúrate de que los dos dispositivos estén enchufados a la corriente.

Para migrar los datos mediante una conexión con cable, necesitarás el adaptador de conector Lightning a USB 3 para cámaras y un cable de conector Lightning a USB.

Conecta el adaptador de conector Lightning a USB 3 para cámaras a tu iPhone actual; después, conecta el cable de conector Lightning a USB al iPhone nuevo y el otro extremo al adaptador.

Conecta el adaptador de conector Lightning a USB 3 para cámaras a la alimentación a través de su puerto Lightning y sigue los pasos que se indican a continuación.

Cómo usar la migración del iPhone

  1. Enciende el nuevo iPhone y colócalo cerca del iPhone actual con iOS 12.4 o versiones posteriores. Si quieres migrar los datos a través de una conexión con cable, conecta los dispositivos. En el iPhone actual se mostrará la pantalla Inicio rápido, donde aparecerá la opción de utilizar tu ID de Apple para configurar el nuevo iPhone. Asegúrate de que sea el ID de Apple que quieres usar y, después, pulsa Continuar. Si no ves la opción para continuar en tu dispositivo actual, asegúrate de que la conectividad Bluetooth está activada.
  2. Espera a que aparezca una animación en el nuevo iPhone. Sostén el iPhone actual sobre el nuevo iPhone y, a continuación, centra la animación en el visor. Espera a que aparezca el mensaje “Termina en el iPhone nuevo”. Si no puedes utilizar la cámara del iPhone actual, pulsa Autenticar manualmente y, a continuación, sigue los pasos que aparecen en pantalla.
  3. Cuando se te pida, introduce el código del iPhone actual en el nuevo iPhone.
  4. Sigue las instrucciones para configurar Face ID o Touch ID en el nuevo iPhone.
  5. Toca Transferir desde el iPhone para comenzar a transferir los datos del iPhone anterior al nuevo. Si estás utilizando el método con cable, el icono de transferencia  indica que los dispositivos están conectados. Puedes elegir si quieres transferir algunos ajustes, como Apple Pay y Siri, de tu iPhone anterior al nuevo.
  6. Si tienes un Apple Watch y estás configurando un nuevo iPhone, se te preguntará si quieres transferir los datos y ajustes del Apple Watch.
  7. Mantén los dispositivos cerca uno del otro y conectados a una toma de corriente hasta que se complete el proceso de migración de datos del iPhone. Los tiempos de transferencia pueden variar en función del tipo de conexión, las condiciones de la red y la cantidad de datos que se transfieran.

 Usando iCloud

Transfiere tus datos personales y el contenido adquirido a tu nuevo dispositivo utilizando la copia de seguridad de iCloud de tu dispositivo anterior.

Cómo transferir la copia de seguridad de iCloud al nuevo dispositivo

  1. Enciende el dispositivo nuevo. Aparecerá una pantalla de bienvenida. Si ya has configurado el nuevo dispositivo, debes borrarlo. Para borrar el dispositivo, pulsa Ajustes > General > Restablecer > Borrar contenidos y ajustes. Esta acción borra todos los datos del dispositivo.

    Después de borrarlo, el dispositivo se reinicia y aparece la pantalla de bienvenida

  2. Sigue los pasos hasta que aparezca la pantalla Wi-Fi.
  3. Pulsa en una red Wi-Fi para conectarte a ella. Sigue los pasos hasta que aparezca la pantalla Apps y datos y, a continuación, pulsa Restaurar desde una copia de seguridad de iCloud.

  4. Inicia sesión en iCloud con tu ID de Apple y tu contraseña.
  5. Cuando se te solicite, selecciona una copia de seguridad. Asegúrate de que sea la correcta comprobando la fecha y el tamaño de cada una de ellas. Si se te solicita que actualices iOS a una versión más reciente, esto es lo que puedes hacer.

  6. Si has adquirido contenido del iTunes o el App Store utilizando varios ID de Apple, se te pedirá que inicies sesión en cada uno de ellos. Si no recuerdas las contraseñas, puedes omitir este paso pulsando “No tengo un ID de Apple o lo he olvidado”.
  7. Permanece conectado y espera a que finalice el proceso de restauración.

    A continuación, completa el resto de los pasos de configuración que aparecen en pantalla. Si es posible, mantén el dispositivo conectado a una red Wi-Fi y enchufado a una toma de corriente después de la configuración.

    Esto permite que el contenido como las fotos, la música y las apps almacenadas en iCloud se descarguen automáticamente otra vez en el dispositivo.

Usando iTunes

Transfiere tus datos personales y el contenido comprado a tu nuevo dispositivo desde una copia de seguridad que hayas hecho con iTunes.

  1. Enciende el dispositivo nuevo. Aparecerá una pantalla de bienvenida. Si ya has configurado el nuevo dispositivo, debes borrarlo. Para borrar el dispositivo, pulsa Ajustes > General > Restablecer > Borrar contenidos y ajustes. Esta acción borra todos los datos del dispositivo. Después de borrarlo, el dispositivo se reinicia y aparece la pantalla de bienvenida
  2. Sigue los pasos hasta que aparezca la pantalla Apps y datos y, a continuación, pulsa Restaurar con copia de iTunes > Siguiente.
  3. Conecta el nuevo dispositivo al ordenador que utilizaste para realizar la copia de seguridad del dispositivo anterior.
  4. Abre iTunes en el ordenador y selecciona el dispositivo.
  5. Selecciona Restaurar copia de seguridad. Luego, selecciona una copia de seguridad. Asegúrate de que sea la correcta mirando la fecha y el tamaño de cada una de ellas. Si se te solicita que actualices a una versión más reciente de iOS, esto es lo que puedes hacer.
  6. Si necesitas restaurar a partir de una copia de seguridad cifrada, introduce tu contraseña cuando se te solicite.
  7. Espera a que finalice el proceso de restauración. A continuación, completa el resto de los pasos de configuración en el dispositivo iOS. Si es posible, mantén el dispositivo conectado a una red Wi-Fi y enchufado a una toma de corriente después de la configuración. Esto permite que el contenido como las fotos, la música y las apps almacenadas en iCloud se descarguen automáticamente otra vez en el dispositivo.

⌚ Tutorial para configurar smartwatch no celular [2020]

Entenda, com este artigo, tudo sobre os smartwatch: como funciona, quais são os melhores aplicativos, e como sincronizar o smart watch das principais marcas do mercado no seu celular.

Sumário:

Smartwatch ou relógio celular

Hoje vivemos num mundo em constante evolução, onde cada dia aparece um aparelho novo ou são melhoradas as funcionalidades dos aparelhos que já conhecemos. Existem assim muitos exemplos de objetos inteligentes, como o termostato inteligente desenvolvido pela empresa Nest. Este dispostivo, quando instalado numa residência, vai “aprendendo” todas as mudanças de temperatura que o usuário vai inserindo. Com o tempo, o termostato já sabe exatamente qual a temperatura ideal que o consumidor quer, sem o mesmo ter que fazer nada. Outro exemplo é o capacete inteligente, que possui um visor na parte inferior direita e mostra assim as imagens da câmera traseira com visão 180º e até possui um GPS e bluetooth.

Com toda essa evolução de objetos, algo tão cotidiano como um relógio não poderia ficar para trás. Pensando nisso, as grandes corporações desenvolvedoras de aparelhos eletrônicos (Samsung, Sony, Motorola, Xiaomi, Huawei, entre outras) disponibilizam um novo dispositivo que combina inovação com praticidade: o smartwatch ou relógio celular.

  • O que você pode fazer com um smartwatch?
  • Receber notificações das redes sociais, sem tirar o celular do bolso
  • Monitorar o batimento cardíaco
  • Medir as horas de sono
  • Atender ligações (não em todos os modelos)
  • Enviar mensagens instantâneas
  • Conectar com as notificações do WhatsApp

Ah, e lógico, ele também funciona como relógio!

Depois de entender o que é um relógio inteligente agora é interessante ver as diferenças com outro dispositivo que saiu no mercado recentemente, o smartband.

Diferença entre smartband e smartwatch

Existem vários pontos diferentes entre uma smartband e um smartwatch. O primeiro deles é mesmo na sua aparência. A smartband costuma ser menor e mais comprida. Já o smartwatch é geralmente quadrado, e parece mais com um relógio convencional.

Diferenças entre smartband (esquerda/acima) e smartwatch (direita/abaixo)

Essa diferença estética está alinhada com a parte mais funcional do produto, pois a smartband (também conhecido como smart bracelete, tem menos componentes hardware dentro, isto é, tem menos peças integrando o dispositivo.

Por que? Basicamente porque é um aparelho que está pensado para depender mais da conexão com outro dispositivo, neste caso um celular ou smartphone.

Já o smartwacth vai trabalhar de forma mais independente, com mais hardware e com um valor, geralmente, também mais alto.

Smartwatch: como funciona?

Como já foi dito anteriormente, o relógio inteligente serve para múltiplas ações, muitas delas estão relacionadas com a saúde, visto que um dos primeiros objetivos deste aparelho era justamente para melhorar a qualidade de vida dos usuários. Mas, você sabe realmente como funciona e como poder explorar 100% toda a potência deste dispositivo? Não? Então continue lendo!

Como funciona o smartwatch?Os smartwatches podem funcionar de forma independente, isto é, através de aplicativos para smartwatch o usuário pode realizar toda a configuração e personalização do relógio sem ter que estar sempre conectado a um celular.

No entanto, existem muitos modelos que dependem da conectividade com um smartphone. Isto faz com que seja necessário saber como sincronizar o relógio ou smartwatch no celular.

No primeiro caso, é mais simples, porém alguns apps nãos sejam compatíveis com algumas marcas e isso torna mais complicada a usabilidade do produto. Já no segundo caso, também existem configurações específicas do celular e do próprio relógio.

Sabendo disto, preparamos uma lista com os relógios mais populares e um tutorial para cada um deles sobre como conectar o smartwatch no celular.

Como conectar o smartwatch no celular

O smart watch (ou smart band) poderá ser conectado nos celulares dos dois principais sistemas operacionais do mercado: Android (Samsung, Motorola, Sony, etc.) e iOs (iPhone). O smartwatch iPhone funciona através do sistema operacional WatchOS

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*