Como armazenar relógios em casa: 12 passos (com imagens)

Hoje em dia, relógios inteligentes são mais do que um simples aparelho que ficou na moda. Eles têm tremenda utilidade tanto para crianças quanto para os seus pais. Neste artigo, veremos como configurar e aproveitar ao máximo o smartwatch do seu filho.

Todas as configurações devem ser realizadas através de um celular smartphone pertencente a um dos pais. O processo inclui duas etapas simples:

  • conectar o relógio inteligente ao seu smartphone;
  • configurar o smartwatch usando um aplicativo.

O nosso guia passo a passo, Como configurar e conectar um relógio inteligente para crianças, vai ajudá-lo a passar facilmente pelas duas etapas.

Conteúdos:

  • Como conectar o relógio a um aplicativo
  • Conectar o smartwatch ao smartphone
  • O que fazer se não for possível conectar o relógio
  • Configurações para o smartwatch através do aplicativo
    • Localizações
    • Notificações
  • Resumo

Como conectar o relógio a um aplicativo

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

  • Para conectar o smartwatch ao seu smartphone, você precisa completar os passos a seguir:
  1. Comprar e instalar um chip de celular
  2. Conferir/сarregar a bateria do dispositivo
  3. Ligar o relógio
  4. Configurar data e hora
  5. Achar os códigos de identificação (ID e IMEI)
  6. Conectar o smartwatch ao smartphone
  7. Conectar o relógio ao aplicativo Find My Kids

Vamos começar com o primeiro passo.

Comprar e instalar um chip de celular

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

Insira um chip (cartão SIM) no modelo Q50.

Infelizmente, nem todos os cartões SIM servem nos smartwatches infantis. A maioria dos modelos usa conexão à Internet 2G, de forma que você precisa comprar um cartão SIM de um provedor que forneça 2G. Não confie no que um vendedor na loja lhe disser – na maior parte dos casos, ele não vai ter a competência necessária para essa questão. O melhor é conferir direitinho com antecedência.

O fato de que o provedor de Internet ofereça suporte a 2G em uma região não quer dizer que ele também opere com 2G em outras regiões. Recomendamos que você entre em contato com o provedor, ou visite a sua central, a fim de obter confirmação oficial da disponibilidade de 2G para o seu dispositivo na sua região específica.

Antes de inserir o chip no smartwatch, coloque-o no seu celular, desative a opção de exigir código PIN e certifique-se de que o saldo seja suficiente. Para garantir que o chip esteja ativo, faça uma ligação a partir dele.

Recomendamos comprar um plano pré-pago com pagamento fixo e opção de dados ilimitados. Assim você nunca correrá o risco de perder o contato com o seu filho na localização atual dele por causa de saldo baixo.

Peça também a um funcionário da companhia telefônica para desativar todas as assinaturas pagas. Todas essas companhias tendem a ativar serviços pelos quais cobram taxas que você não aprovou. É melhor se prevenir.

Conferir/carregar a bateria do dispositivo

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

Há vários tipos de carregadores – hoje em dia você tem uma variedade enorme de escolha. O seu pode ser um plug magnético, um carregador estilo pegador de roupas, uma plataforma para carregamento wireless, uma docking station ou um estilo cradle. Antes de conectar à tomada, leia o manual com atenção e conecte corretamente o carregador ao relógio.

Fonte de energia: um indicador “carregando” aparecerá.

Carregue a bateria até 100%. Leia o manual de instruções para conferir como controlar o indicador de carregamento para cada modelo específico.

Às vezes, você pode se deparar com informações obsoletas sobre como fazer a bateria durar mais tempo. Há gente que acredita que descarregar e carregar a bateria várias vezes faz alguma diferença, mas não recomendamos experimentar isso com baterias lítio modernas.

Insira o chip depois de ter completado o carregamento. Para isso, siga as instruções para o modelo específico do relógio.

Ligar o relógio

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

É extremamente recomendável ler atentamente as instruções. Por exemplo, se for o caso de ter de baixar o aplicativo e ativar o Bluetooth antes de ligar o smartwatch, você terá de reinicializar com as configurações de fábrica. Não é nenhum bicho de sete cabeças, mas acaba tomando tempo.

Você só conseguirá acessar todas as telas do relógio depois de tê-lo ligado.

Configurar data e hora

O smartwatch com celular é um dispositivo autônomo. A data e hora podem ser configuradas nas configurações de exibição, podendo também ser sincronizadas através da rede celular.

Achar os códigos de identificação (ID e IMEI)

Número IMEI do relógio

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

O smartwatch também é um tipo de celular. Ele tem um número exclusivo (IMEI) que é usado para identificá-lo como aparelho móvel.

Geralmente, o IMEI é impresso em um adesivo de papel que é colado à caixa do relógio ou à parte de trás dele. Além disso, o IMEI também se encontra na tela de informações do relógio. É importante anotá-lo para uma eventual emergência.

Esperamos que você nunca precise usar o código IMEI para localizar o seu filho, mas, caso o GPS falhe, a localização aproximada do seu filho pode ser estabelecida pela central telefônica da operadora móvel. Para isso você precisa do IMEI.

Número de identificação (ID) do relógio

Outro código de identificação que pode ser usado é o ID. Ele é um número exclusivo do app do aparelho.

Todos os registros são mantidos em um armazenamento de nuvem do app. Se você perder ou substituir o seu smartphone, todas as configurações serão salvas. O smartwatch da criança pode ser conectado a vários smartphones (do pai, da mãe, da avó…).

Se o relógio for novo, tire uma foto de todos os colantes na caixa e faça upload delas para a nuvem. Dessa forma você poderá acessar essas informações a partir de qualquer dispositivo ou localização.

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

Caso os colantes e as fotos sejam perdidas, você tem duas opções:

1. Extrair o código de identificação a partir do código IMEI.

Os usuários notaram que os fabricantes não geram um novo ID, mas sim usam parte do número IMEI para isso, começando com o 5° dígito e terminando com o penúltimo. Por exemplo, se o código IMEI for 0987654321098765, o ID será 65432109876.

2. Enviar comandos SMS a partir do seu celular.

O número e o texto do modelo podem ser encontrados através de consultas por mensagem. O Model Q90 requer os seguintes comandos por SMS, para encontrar o código ID e o código IMEI, respectivamente:

  • pw,123456,ts#
  • pw,123456,tt#

Você precisará destes identificadores para ativar o relógio ou conectar a um aplicativo.

Conectar o smartwatch ao smartphone

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

Use um app nativo para as configurações de hardware. O seu nome e link em forma de código de barras ficam disponíveis no manual. O mesmo código pode ser obtido na tela do relógio.

  1. Baixe e instale o app no celular do pai. Ative o Bluetooth no celular.
  2. Inicialize o aplicativo instalado. Geralmente, esses apps exigem que você se registre. Faça o seu registro no aplicativo e acesse a interface dele.
  3. Encontre a opção de adicionar um dispositivo e selecione relógio GPS. Para conectar, basta um simples toque. Provavelmente, o app exigirá o código de identificação (ID) do relógio. Digite o ID.

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

Após a conexão ter sido feita, o relógio será sincronizado com a data e hora do celular. Alguns modelos de relógios só podem ser desconectados através do app nativo.

Conectar o relógio ao aplicativo Find My Kids

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

Faça uma chamada para o relógio. Se a ligação for realizada, dá para conectar. Se não, espere até que o relógio esteja conectado a uma rede de dados.

Review do Samsung Galaxy Watch: quase um smartphone no pulso

Hoje, teremos algo diferente: o review é de um dispositivo vestível (ou wearable, se preferir): o smartwatch Samsung Galaxy Watch versão 4G.

Ele é o primeiro relógio da companhia que permite estar sempre conectado, mesmo sem estar com o smartphone.

Ele está disponível, por enquanto, na operadora Vivo e traz a possibilidade de ouvir música, enviar e receber mensagens, fazer e receber ligações, ler e responder e-mails, acessar a agenda, entre outras funcionalidades.

Samsung Galaxy Watch: Design e acabamento

Desde o Galaxy Gear S2, quando a Samsung alterou o design para o formato circular, esses relógios da empresa coreana começaram a ficar muito atraentes. Na minha opinião, a Samsung acertou, porque não ficou reinventando a roda (sem trocadilhos): os relógios de pulso mais bonitos têm formato circular.

Leia também:  Como alterar a cor das linhas de grade de uma tabela no word

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

Esse que testei tem 46 milímetros de diâmetro, mas existe outro modelo, de 42 mm, um pouco mais discreto. Eu curti esse modelo maior, porque, como ele recebe mensagens de WhatsApp, e-mail, Telegram, sms, etc, é mais confortável para ler. A coroa gira para alternar entre as funções e aplicativos.

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

O que me agradou mais no dispositivo é ver a qualidade da construção dessa coroa. Ela gira como uma catraca, e não livremente, o que é muito bom, pois isso ajuda a parar na função desejada, além de sentir que ela é muito bem ajustada ao corpo do relógio.

A pulseira é  feita com borracha macia, de 22 mm, tamanho padrão, mas o produto acompanha outra pulseira de 20 mm. No entanto, mesmo sendo cômodo, o material de borracha incomoda um pouco no calor, pois não há como evitar o suor.

Tirando isso, a pulseira é confortável.

Samsung Galaxy Watch: porque esse relógio é esperto

 O Galaxy Watch pode receber mensagens de e-mail, WhatsApp e quaisquer outros mensageiros que você quiser instalar. E é possível responder mensagens também, escrevendo ou por voz.

Pode parecer esquisito digitar em uma tela de relógio, porém, o sistema é esperto mesmo, e além da precisão para digitar, ele oferece sugestões de palavras e até mesmo pequenas frases, como por exemplo, “não posso responder agora”.

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)
O Galaxy Watch é compatível com vários apps, como ler e responder e-mails, por exemplo. Também pode ser utilizado para pagamentos digitais

Mas, claro, meu método preferido foi responder por voz mesmo. Basta clicar no ícone de microfone, dentro da mensagem recebida, e começar a falar. O reconhecimento da voz é rápido e errou muito pouco durante os testes.

Os contatos, sincronizados por meio do smartphone, podem ser acessados diretamente do Galaxy Watch e, se você quiser fazer uma chamada, é só clicar no nome e depois no ícone de telefone. E quando estamos em casa e quisermos usar qualquer aplicação, nem precisamos nos preocupar com dados da operadora, já que o dispositivo também se conecta a redes Wi-Fi.

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)
O Galaxy Watch tem carregamento de bateria por indução. Uma base magnética transfere energia para a bateria

O Galaxy Watch usa a tecnologia e-SIM, um chip de telefonia virtual (4G), que fica marcado com o mesmo número do seu celular e, por isso, consegue ser independente do celular. É bem legal poder caminhar e fazer exercícios físicos sem ter que levar o smartphone e poder atender a uma chamada qualquer diretamente pelo relógio.

Logicamente, aa chamadaa são em viva-voz, mas nada impede de parear um fone Bluetooth e fazê-las  com privacidade. Aliás, o Galaxy Watch tem 4 GB de armazenamento, onde é possível copiar suas músicas  para ouvir durante um exercício físico, por exemplo.

Samsung Galaxy Watch: opções fitness

Um dos recursos mais interessantes desse relógio é o monitoramento de atividades físicas. Ele consegue detectar exercícios como nadar, correr, caminhada, ciclismo e remo. Mas, se quiser, você mesmo pode escolher a atividade.

Ao término, está tudo registrado: número de passos, quilometragem, média de batimentos cardíacos, percurso (o relógio tem GPS). Vale lembrar que ele faz isso totalmente independente do smartphone. Aliás, nós usamos o celular somente para sincronizar os dados da atividade apenas quando quisermos, para ter registrado em um dispositivo com tela maior, para melhor visualização.

Quando estamos muito tempo sem se movimentar, (trabalhando no escritório, por exemplo), o Galaxy Watch vibra e avisa na tela: alongue-se. E não fica só no aviso: ele oferece um pequeno exercício de alongamento, virando o tronco para a esquerda e direita e ainda faz a contagem de 10 repetições. E lembra que citei o exercício “nadar”?

O Galaxy Watch tem certificado IP68, uma norma que garante que pode ser submerso até 50 metros, por 30 minutos, sem danificar o relógio. Aqui vale uma observação: ao questionar a Samsung sobre essa profundidade (que poucos vão conseguir testar), foi explicado que ele suporta a pressão de 50 metros. Portanto, ele serve para nadar, pois vai aguentar o peso das braçadas na água.

Sö para terminar, vale destacar que o Galaxy Watch faz monitoramento de stress e, quando detecta altos níveis, automaticamente oferece exercícios de respiração. Todos esses detalhes fazem desse relógio um dispositivo muito interessante de usar. Além de ver a hora e ter alarme também :)))

Samsung Galaxy Watch: o software Galaxy Wearable

O app em questão é o “gerente' desse smartwatch. Apesar de fazer quase tudo pelo relógio, o smartphone facilita o gerenciamento, tanto de aplicativos instalados, como verifica permissões, escolhe o tipo de toque de chamada,  como as notificações aparecem e mais uma série de configurações.

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)
O app Galaxy Wearable gerencia em tempo real o Galaxy Watch

Uma tela também exibe o quanto há de armazenamento disponível, o status da bateria e outras informações. A função para localizar o Galaxy Wath cé uma função muito bem vinda nesse aplicativo. Caso não lembremos onde deixamos o relógio, esse recurso do app emite o sinal de alerta para encontra-lo.

Samsung Galaxy Watch: duração de bateria

Esse relógio traz uma bateria de 472 mAh. O smartwatch Gear S3, modelo imediatamente anterior ao Galaxy Watch, tem bateria de 380 mAh.

Esse pouco a mais de bateria ajudou o Galaxy Watch a passar de um dia de uso, mesmo quando usei por muito tempo, baixei apps e mostradores, além de medir pulsação.

Mas sempre precisei recarregar logo no primeiro horário do dia seguinte para não ficar sem bateria à tarde.

Apesar da Samsung dizer que, em uso típico, a bateria pode suportar até 80 horas de uso, não foi isso que constatei nos testes.

Em uso típico, que considero uso apenas do relógio com ele monitorando os passos e, eventualmente, medindo automaticamente a pulsação, o Galaxy Watch chegou a ter 46 horas de uso.

Esse relógio também tem modo de economia de bateria, que desliga Wi-FI, GPS e Bluetooth e coloca mostrador sem sofisticação. Nesse caso consegui alcançar 68 horas de uso.

Samsung Galaxy Watch: resumo e conclusão

Esse relógio mostrou um avanço da Samsung em relação ao modelo anterior, o Gear S3. Ele ficou mais rápido e aumentou um pouco o tempo de bateria. A novidade do chip virtual e-SIM é bem vinda (somente a Vivo comercializa ainda nesse modo), já que o relógio fica independente do smartphone.

É possível destacar várias características legais, como atender e fazer chamadas sem precisar do smartphone por perto, responder à mensagens de WhatsApp por voz e  monitor de batimentos cardíacos, que avisa quando está acima do limite, monitoração de exercícios, inclusive natação, os mostradores, que podem ser clássicos, modernos, futuristas, curiosos e outros, inclusive com interação para ver dados fitness.

A capacidade da bateria aumentou (nessa versão do Galaxy Watch de 46 mm), em relação a geração anterior, o que ajudou a dar um fôlego a mais para chegar aos dois dias de uso. A qualidade do acabamento é ótima, bastante resistente, além do visual bonito. Ver as horas e ter alarme é apenas um extra para esse relógio :))

Ficou interessado no produto? O aparelho avaliado nesse texto pode ser comprado na loja virtual do Olhar Digital, desenvolvida em parceria com o Magazine Luiza.

Embora o Olhar Digital possa receber uma comissão nas vendas da loja virtual, a parceria com o Magazine Luiza não tem influência alguma sobre o conteúdo editorial publicado.

Além disso, a disponibilidade do produto e o preço cobrado são de responsabilidade do Magazine Luiza.

Samsung review relógios inteligentes Relógio inteligente Smartwatch galaxy gear Galaxy samsung pay smartphone galaxy s9 galaxy s9 plus galaxy A8s galaxy watch

A 12 passos do altar

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens) ‹ ›

O anel perfeito Há quem diga que um momento tão especial precisa de um anel perfeito, né? Para quem tá pensando em pedir a amada em casamento, vale investir em modelos personalizados – já pensou em mandar fazer? Ou então com um toque de requinte. “A tendência do ouro rosê nas joias e nos relógios chegou também às alianças, além da presença marcante do diamante negro junto com o diamante branco”, contou Andréa Bernardes, sócia da joalheria Manoel Bernardes.

Leia também:  Como alterar a cor do texto no photoshop: 7 passos

Trends

“Os casamentos estão cada vez mais no estilo dos noivos, deixando de pensar no lado glamour para imprimir sua personalidade na festa”, explica Romina Ferreira, do atelier Crème de la Crème, especialista em casórios. Ainda de acordo com ela, as iniciais dos noivos nas mesas de doces e o quadro-negro são must-have do momento. “No quadro você pode colocar alguma informação sobre a festa ou criar uma parede desenhada para os convidados tirarem fotos”, explica. Vale investir também nos letreiros luminosos e na cortina de LED, que vai atrás da mesa de bolo. Já as flores ganham a companhia das plantas suculentas que estão nas mesas, nos arranjos ou até mesmo no buquê da noiva. Ah, e por falar um buquê, aposte na versões desestruturados. “Como se tivesse apenas juntado as flores com uma bela fita e ponto”, descreve.

Quanto mais alto, melhor! Após uma temporada do naked cake, ou bolo sem cobertura – calma, eles continuam mas agora são estão mais refinados, mas para o casamento durante o dia, ok? –, o antigo bolo clássico, protagonista nos casórios e com várias camadas, volta a reinar absoluto. “Quanto maior, mais bonito. O todo branco é ideal para casamentos mais tradicionais”, comenta Bel Ornelas do blog Casando em BH. 

  • Do jeito deles
  • #Noivafitness
  • Noiva bonita 

Tendência que está cada vez mais tomando conta dos casórios são os mini weedings, isto é, recepções menores. “É uma celebração que tem mais a cara deles, para quem quer só comemorar a união com os amigos. Ela pode ser feita em uma praia, no restaurante…”, explica Paloma Horta da Rockstage Produções. O estilo dos noivos também se reflete no convite – que sai do tradicionalismo do alto-relevo e da cor branca – e até no buffet. “Já fiz casório com mesa de tacos, de brigadeiro gourmet sendo feito na hora e carrinho de picolés”, contou Romina Ferreira, da Casa com Créme. Ah, e o livro de visitas dos noivos? Já era! A moda agora é o painel de impressões digitais dos seus convidados e que você pode emoldurar depois. Foco no vestido! Para entrar naquele modelo dos sonhos, a famosa dieta da noiva ganha ainda uma aliada: a academia. Apesar da corrida dos preparativos do casório, é preciso ter foco e se jogar nos exercícios que vão te ajudar a secar os quilinhos extras. “O ideal é que as noivas façam tanto o exercício aeróbio quanto o anaeróbio e esta soma, mais a energia gasta nas atividades vitais e cotidianas, dará o gasto calórico diário. A ajuda do nutricionista neste processo é de fundamental importância” conta Igor Ravaiani, coordenador de musculação da Bodytech.   Em uma época em que os casórios ao ar livre estão em alta, a pele da noiva está cada vez mais natural – um clássico, que, cá entre nós, nunca saiu de moda. “Olhos marcados com cores neutras dão expressividade, enquanto a boca em tons de rosa dá um toque mais delicado”, opina Raquel Rocha, maquiadora e visagista do salão Maison Rocha. Já os cabelos seguem também o estilo clássico e geralmente são presos. “O hit são penteados volumosos com fios desconectados e fora do lugar. Tranças e coques repaginados imprimem um ar moderno ao visual”, diz Rosângela Rocha, hair stylist e visagista do salão Maison Rocha. Para eles  Se as noivas quase se perdem com a imensidão de modelos de vestidos, saibam que os noivos estão cada vez se distanciando do terno tradicional. De acordo com a empresária no ramo Flávia Murta, eles gostam de ternos diferenciados para que não fiquem parecidos com os padrinhos. “Estão sendo muito usados túnicas, meio-fraque e ternos mais elaborados. Para o dia, invista em cores mais claras, como o cinza, grafite ou bege”, sugere. 

Casando lá fora Nunca se viram tantos casórios à tarde, já reparou? “As noivas estão com mais coragem da sair da igreja, não pela crença, mas sim pelo lugar. O ar-livre favorece a fotografia, por causa da luz natural, e ajuda na decoração porque geralmente escolhem-se lugares mais verdes e bonitos”, conta Bel Ornelas.

Se, por um lado, noivos optam por se casarem fora da igreja, do outro muitos casais preferem o destination wedding. “É uma cerimônia bem menor, realizada em lugares do Brasil e do mundo que tem mais a ver com a história e o estilo dos noivos que desejam estar rodeados de seus amigos e pessoas mais próximas nesse momento”, comenta Paloma Horta, fundadora da Rockstage Produções.

De acordo com ela, Trancoso e Ibiza estão em alta para os casórios.

  1. Lua de Mel
  2. E as madrinhas?
  3. Pista cheia

Tão importantes quanto a escolha do vestido de noiva, a lingerie e o kit para a lua de mel também estão entre as prioridades, e é por isso que muitas marcas criam linhas exclusivas para as noivas. De acordo com Juliana Moraes, da Água Fresca, a lingerie branca ainda é campeã e pode ser usada por baixo do vestido do casamento. Quer saber o kit básico? “Tem que ter a camisola, e algumas noivas fazem questão que elas sejam longas. Além dela, o conjunto de corselete completo com a meia. Sem esquecer a cinta-liga, com detalhe em azul, que dá longevidade aos casamentos”, disse.  Personagens importantes nas cerimônias, as madrinhas geralmente seguem o protocolo exigido pelas noivas. Aqui, no Brasil, aos poucos está pegando a tradição dos EUA, em que as noivas exigem que todas adotem a mesma cor de vestido no altar. De acordo com Ana Flávia Castro, diretora da grife mineira Kalandra, casórios à tarde permitem que a madrinha invista em vestidos curtos bordados ou com rendas e tules. “Shapes sereias têm sido muito procurados. Os vestidos longos são escolhas certas quando a ocasião é mais formal, à noite”, comenta. Decidir qual vai ser o tipo de som da sua festa é uma dúvida cruel, afinal, tem que ter a cara dos noivos e agradar também aos convidados que querem dançar durante toda a festa. De acordo com Gustavo Dantas, da empresa Seu Show, hoje não se usam mais as tradicionais “bandas de baile”, e os noivos escolhem uma banda de repertório temático que seja do perfil deles – sertanejo é o mais procurado. Outra opção é unir banda + DJ. “Geralmente os noivos escolhem uma banda mais eclética e montam um cardápio musical com as canções essenciais para que ela toque durante a festa”, conta. No site seushow.com.br tem opções de músicos com estilos variados para escolher e ouvir. Sem pose pro clique

Esqueça aqueles ensaios posados como manda o protocolo. A moda nos cliques nos casamentos é registrar cada vez mais momentos descontraídos e congelar a imagem do grande dia para guardar no álbum.

“Prezo sempre fotos mais espontâneas. Você tem que estar observando o tempo todo e fotografando a emoção, sem forçar nenhuma situação dos noivos”, contou a fotógrafa expert no assunto Luiza Ferraz.

 

Como Armazenar Relógios em Casa: 12 Passos (com Imagens)

12 Passos para uma vida de compaixão

Saiba mais sobre produtos usados

Os livros USADOS vendidos na nossa categoria Outlet são livros com avarias mas que mantém sua integridade de conteúdo original permitindo uma leitura muito próxima dos livros novos. Esses produtos podem apresentar páginas ou capas amassadas, manchas, com riscos ou sinais de uso além de poder estar fora de sua embalagem original.

DISPONIBILIDADE DE ESTOQUE

Para produtos de Outlet o estoque é limitado e por esse motivo as oportunidades de compra são únicas. Se após a compra forem apontados defeitos de funcionamento do produto, o consumidor poderá solicitar a devolução dos valores cobrados de acordo com a política de devoluções da Saraiva.

Leia também:  Como alterar a cor do dock no os x yosemite (mac)

IMAGENS NO SITE

As imagens são meramente ilustrativas de um livro novo com exemplos de unidades que apresentam sinais de uso, os quais podem ou não estar presentes na unidade posta à venda. Os livros usados são exibidos no site com o selo USADO para que se destaquem dos demais produtos.

CARIMBO DE LIVRO USADO

Os livros usados recebem o carimbo de “Vendido no Estado, Troca não Autorizada” na capa e/ou contra-capa para identificar os produtos que não podem ser trocados.

EMBALAGEM E CONTEÚDO

Os produtos são entregues na embalagem original retrabalhada, com possíveis alterações, ou em embalagens neutras lacradas. Pode não conter capas e/ou invólucros especiais, especialmente em kits e boxes.

DEVOLUÇÃO

O prazo para desistir da compra é de até 7 (sete) dias corridos, a contar da data de entrega. O produto deve ser encaminhado com todos os seus componentes e na mesma embalagem em que foi recebido.

Devido ao estoque limitado das mercadorias, não é possível trocar os produtos, apenas devolvê-los e solicitar a restituição do valor pago. O valor pago será restituído pelo mesmo meio de pagamento utilizado na compra.

Para mais informações, verifique nossa Política de Trocas e Devoluções.

APARÊNCIA E FUNCIONAMENTO

O livros usados podem apresentar amassados, marcas, manchas, riscos ou sinais de uso. Esses sinais estéticos não comprometerão o a leitura nem a integridade do conteúdo original. Todos os produtos usados foram inspecionados e estão em condições de leitura.

Relógios Desportivos, SmartWatches e Pulseira Fitness

Para os fãs do mundo do desporto os smartwatches, os relógios desportivos ou as pulseiras fitness são grandes aliados. Para darem a conhecer os dados necessários e para controlar a intensidade do treino, são bastante fiáveis para quem pretende medir a atividade física. Porém, cada um destes equipamentos é mais adequado a certo tipo de atividades devido às suas especificações como o hardware e o conforto proporcionado. Se está à procura de um equipamento deste tipo, mas não sabe por qual optar, a Worten ajuda-o a determinar qual o melhor smartwatch, relógio desportivo, ou pulseira fitness que se adequa às suas necessidades.

Apesar de existir alguma confusão, um smartwatch não é um relógio desportivo ou uma pulseira desportiva (smartband).

Um smartwatch é um relógio inteligente que se conecta a um smartphone e permite ampliar funções, como ler e-mails, mensagens, notificações, aceder à biblioteca de fotos, a playlists, à internet, atualizar redes sociais e, nalguns casos, até atender e fazer chamadas. Funciona como uma continuação do smartphone, mas agora de acesso rápido no pulso.

VER ARTIGOS

  • 1. Funcionalidade Fitness Entre as várias funcionalidades que os smartwatches possuem, uma delas é a funcionalidade fitness, sendo que a maior parte oferece monitorização do batimento cardíaco, contagem de passos, contagem de distância, de calorias gastas, entre outras funcionalidades. E através de aplicações (apps) de desporto específicas podem ainda executar mais funções.
    Assim, se pretende um gadget que é uma continuação do seu smartphone, mas que também pode ter funcionalidades fitness, o smartwatch é o investimento a considerar com o Apple Watch ou o smartwatch da Samsung, o Galaxy Watch, a liderarem as preferências dos consumidores Worten.

Mais completo do que a pulseira fitness ou smartband, e criado unicamente para a prática desportiva (ao contrário do smartwatch) o relógio desportivo ajuda a controlar a performance do utilizador ao mesmo tempo que regista percursos e o ritmo cardíaco.

Além de registar passos, batimentos cardíacos, calorias ou distância, os relógios desportivos desempenham mais funções, dependendo do modelo. São relógios que registam dados para que possa estar a par da sua evolução, ou que permitem estabelecer objetivos, motivando-o diariamente.

Além disso, podem ser ligados ao smartphone através de Bluetooth e a maior parte possui GPS ou Wireless. Os relógios desportivos sobressaem cada vez mais pelo design elegante, passando facilmente por um relógio comum.

Para os atletas que praticam exercício físico regularmente e com bastante intensidade, este equipamento torna-se a melhor opção.

VER ARTIGOS

  • 1. Dados Recolhidos Os relógios desportivos são o equipamento mais completo por darem acesso a um número de dados importantes que medem a intensidade do treino. Desde o monitor de frequência cardíaca, calorias queimadas, número de passos e monitorização do percurso via GPS até ao treino por objetivos ou à monitorização do sono. A maior parte permite ver estatísticas em tempo real no ecrã e obter resumos após o treino.
  • 2. Tipo de Atividade Os relógios desportivos têm a capacidade de se adaptarem a diferentes desportos, no entanto existem relógios direcionados para cada tipo de desporto como corrida, bicicleta, natação, golfe, trail, etc. Se pratica algum destes desportos de forma regular ou profissional o melhor é apostar num relógio específico, pelo contrário se gosta de praticar vários desportos, os relógios multidesporto vão responder às suas necessidades.
    Por exemplo, se pratica natação deve apostar num relógio à prova de água mas se gosta de correr ao ar livre ou fazer trails o GPS é essencial. Sendo que alguns permitem ao utilizador guardar os trajetos preferidos e obter orientações de como voltar ao ponto de partida do exercício.
  • 3. Reprodução de música Alguns equipamentos já permitem armazenar e reproduzir música diretamente no relógio, o que acaba por diminuir a utilização de smartphones para quem gosta de fazer exercício a ouvir música.
  • 4. Conectividade Alguns dos relógios desportivos, através da função Bluetooth, permitem a conexão ao smartphone e receber notificações de chamada, texto ou calendário, para que treine sem o peso ou a preocupação de guardar o smartphone. Outros, através de aplicações integradas, até já permitem efetuar pagamentos, para que deixe a sua carteira e smartphone em casa enquanto faz o seu treino.
  • 5. Experiência Outro ponto imperativo a considerar antes de comprar o seu relógio desportivo é experimentar o equipamento. Veja de que forma o relógio se adapta ao seu pulso e sinta o seu peso. Por ser utilizado durante a atividade física, especialmente no exterior, é importante que se sinta confortável a utilizar este equipamento.

As principais funcionalidades das pulseiras fitness, também denominadas smartbands, estão associadas à monitorização da atividade desportiva e controlo de saúde, por isso indicadas para quem precisa de um incentivo para adotar um estilo de vida mais saudável.

As pulseiras fitness dão a conhecer um grande número de dados semelhante aos relógios desportivos, mas não tão completos.

E o facto da maior parte não possuir GPS torna-as mais indicadas para desportos no interior porque não podem informar com precisão o ritmo ou distância.

VER ARTIGOS

  • 1. Dados Recolhidos Um grande número destes equipamentos permite conhecer o número de passos e a quantidade de calorias ingeridas. Porém, nem todos possuem o monitor de ritmo cardíaco que informa quais os períodos de esforço físico e qual o seu impacto durante a atividade física. Algumas pulseiras fitness possuem ainda um monitor de sono que permite controlar o tempo de descanso e disponibilizam alertas para, por exemplo, lembrar que tem de se levantar e caminhar.
  • 2. Tipo de Atividade Deve considerar o tipo de atividade em que irá utilizar a smartband. Se pretende medir os seus resultados na prática de natação, é importante que verifique se a pulseira fitness está adaptada a este desporto, como é o caso da impermeabilidade. Se pretende verificar os dados do exercício físico de forma mais intensa, opte por uma pulseira fitness que possua uma aplicação intuitiva e fácil de consultar.
  • 3. Com ou sem monitor? Opte por uma smartband com monitor incorporado uma vez que permite-lhe monitorizar o desempenho sem ter de aceder à aplicação no smartphone.
  • 4. Compatibilidade Deve verificar se a app da sua pulseira fitness é compatível com o seu smartphone (Android ou iOS). É uma parte vital do processo porque é através da aplicação que consegue aceder e analisar os seus dados para verificar a performance e definir metas ou objetivos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*