Como alterar as configurações dos aplicativos no firefox

Faça os links web serem abertos no Firefox automaticamente definindo ele como o navegador padrão do seu computador. Este artigo explica como fazer isso.

Saiba como extensões são selecionadas para o programa de extensões recomendadas e onde podem ser encontradas.

Como corrigir o problema de falha em extensões de maio de 2019.

Saiba como a barra de endereços facilita pesquisar na web, encontrar favoritos ou páginas que você já visitou, mecanismos de pesquisa e muito mais.

Abra a sua página preferida com um clique. Veja como definir a página inicial ou restaurar a página padrão.

Este artigo descreve como e porque são feitas recomendações de extensões, incluindo como desativar recomendações.

Aprenda a tornar o Firefox o seu navegador padrão no Windows 10.

O Firefox usa automaticamente configurações que funcionam melhor com seu computador. Você sempre pode alterar essas configurações.

Sua organização ou provedor de serviços de Internet podem oferecer ou exigir que você use um proxy para se conectar com a Internet. Saiba mais.

Este artigo descreve as configurações disponíveis no painel Geral das Opções/Preferências do Firefox versão 55 e anteriores.

Este artigo descreve as configurações no painel Conteúdo nas Opções/Preferências de versões mais antigas do Firefox (Firefox 55 e anteriores).

Saiba mais sobre o painel Avançado da página de Opções/Preferências do Firefox, incluindo acessibilidade, navegação, rede, atualizações, certificados, etc.

Este artigo explica como bloquear sites ou filtrar conteúdo no Firefox que pode ser ofensivo ou inadequado para crianças.

Aprenda como o Firefox lida com diferentes tipos de arquivo. Este artigo descreve as configurações do painel de aplicações no Firefox versão 55 e inferiores.

Firefox permite que você saiba quando há abas ocultas para que você possa acessá-las facilmente.

Escreva sua pesquisa na barra de endereço e o Firefox irá te levar direto para seu buscador padrão. Aprenda como personalizar esse recurso.

O Firefox automaticamente verifica a ortografia do seu texto. Opções disponíveis incluem adicionar dicionários e remover palavras adicionadas sem querer.

Como desativar o modo de alto contraste se estiver causando problemas em algumas páginas.

Como pesquisar mais rápido com atalhos de pesquisa.

O Firefox armazena seus dados pessoais e configurações em uma pasta de perfil. Aprenda como salvar e restaurar estes dados importantes.

Saiba os diferentes controles para a página Nova Aba no Firefox, incluindo a abertura de uma página em branco e a escolha da página que é aberta em novas abas.

Este artigo explica as diferentes opções que você tem para abrir as abas e janelas que deixou abertas na última vez que você usou o Firefox.

Gerencie os atalhos de suas extensões através do menu gerenciar preferências em about:addons.

Aqui estão algumas dicas para avaliar a segurança de uma extensão de terceiros.

Se o plugin Flash estiver instalado, este recurso de segurança da Adobe será ativado por padrão para versões de 32 bits do Firefox no Windows. Saiba mais.

O Painel lateral do Firefox permite acessar seus favoritos, histórico e abas sincronizadas com o clique de um botão.

Veja como mudar o aplicativo padrão usado para e-mail quando você clica em um link de e-mail ou usa “Enviar por e-mail” no Firefox.

Este artigo apresenta as configurações disponíveis no Firefox para gerenciar abas.

Conheça os riscos de instalar extensões a partir de sites de terceiros e como avaliar a confiabilidade da origem.

Esse artigo explica como adicionar ou remover mecanismos de pesquisa que o Firefox usa.

Os painéis Opções/Preferências dão acesso a configurações do Firefox. Este artigo descreve que tipos de configuração estão disponíveis em cada painel.

Se você precisa criar um novo perfil no Firefox, este artigo explica como recuperar seus dados antigos do Firefox, tais como favoritos, histórico e senhas.

Na Mozilla, acreditamos que DNS sobre HTTPS (DoH) é um recurso que todos deveriam usar para melhorar sua privacidade. Saiba mais.

A opção do menu que permite ao Firefox carregar várias abas simultaneamente foi removida na versão 47. Saiba como alterar essa configuração no about:config.

Aprenda o que são janelas de pop-up e quais configurações o Firefox possui para permiti-las ou bloqueá-las.

Extensões removidas em outubro de 2019.

A página “about:performance” do Firefox mostra que abas ou extensões estão fazendo o Firefox ficar lento.

Este artigo descreve como desinstalar uma extensão ou tema que não pode ser removida normalmente. Isso Inclui barras de ferramentas e de busca problemáticas.

Saiba que informações sobre sua localização o Firefox envia para sites e como usar e administrar ferramentas sensíveis a localização do seu navegador.

Leia também:  Como ajudar uma criança constipada: 12 passos

Saiba mais sobre como o Firefox ocasionalmente recomenda extensões que você pode achar interessantes e como desativar este recurso.

A Mozilla encerrou o suporte oficial para a extensão Lightbeam em outubro de 2019 e não tem planos para retomar a manutenção dela no futuro.

Conheça a página about:config do Firefox e saiba usar o editor de configurações para consultar, alterar ou restaurar configurações avançadas de preferências.

O Firefox pode restaurar automaticamente janelas e abas que estavam abertas da última vez. Saiba como definir opções para controlar isso.

Aprenda sobre armazenamento local, como acessar configurações de armazenamento, remover dados de sites e definir exceções para sites armazenarem dados no Firefox.

Multi-Account Containers é uma WebExtension do Firefox que permite separar sua navegação profissional da pessoal.

Mais informações sobre cada solicitação de permissão podem ser encontradas ao instalar uma extensão no Firefox.

Descubra o que constitui um conteúdo ou comportamento inapropriado em uma extensão ou tema e veja como denunciar qualquer abuso que você encontrar.

Saiba como ativar e desativar o acesso completo a disco no macOS versão 10.14 em diante para poder importar dados do navegador Safari para o Firefox.

O suporte integrado do Firefox para feeds e Live Bookmarks terminou em dezembro de 2018, com a versão 64. Saiba mais e encontre alternativas.

Saiba como alterar as opções de pesquisa no Firefox, quais os mecanismos de pesquisa usados e se as sugestões de pesquisa serão exibidas ou não.

Consulte e desative extensões que alterem a página inicial exibida ao abrir Nova Aba ou Nova Janela.

Saiba como mudar a forma como arquivos PDF são vistos no Firefox, com o visor integrado ou com uma ferramenta de terceiros.

Grandes mudanças foram feitas em extensões a partir do Firefox 57 (conhecido como Firefox Quantum). Dê uma olhada nessas perguntas frequentes para mais informações.

Como criar, editar, compartilhar e excluir uma coleção em addons.mozilla.org.

Como o sandbox afeta applets do Adobe Flash.

O recurso de Telemetria nos envia dados de desempenho e uso para ajudar a medir como o Firefox se comporta no mundo real e melhorá-lo. Saiba mais.

Este artigo descreve como o Firefox age ao baixar diferentes tipos de arquivos e como você pode alterar esse comportamento.

Como exibir o Firefox em um idioma diferente.

Como escolher sua linguagem preferida para páginas web multilíngues.

Firefox: como mudar a cor do nagevador

O Firefox agora deixa escolher uma cor para personalizar a interface do navegador. A funcionalidade não faz partes das configurações padrões da aplicação.

Para usá-la, é preciso acessar o site Firefox Test Pilot, o programa de testes da Mozilla aberto para todos os usuários interessados em testar novos recursos. No site, é possível encontrar para download a extensão exclusiva Firefox Color.

Ela permite que usuários alterem cores de ícones, da barra de ferramenta, da barra de pesquisa e outros pontos na interface do navegador.

Para saber como instalar e usar a Firefox Color para mudar a cor da interface do Firefox, siga o passo a passo a seguir.

1 de 9
Firefox Quantum promete até o dobro da velocidade de versões anteriores — Foto: Divulgação/Mozilla

Firefox Quantum promete até o dobro da velocidade de versões anteriores — Foto: Divulgação/Mozilla

Passo 1. Acesse o link a seguir pelo Firefox (testpilot.firefox.com) e selecione a opção “Instalar o Test Pilot & Habilitar Color”;

2 de 9
Ação para instalar a extensão Test Pilot no Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para instalar a extensão Test Pilot no Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 2. Na janela que abre, escolha “Adicionar” para que a extensão seja ativada no navegador;

3 de 9
Ação para efetivar a instalação da extensão Test Pilot no Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para efetivar a instalação da extensão Test Pilot no Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 3. Para continuar, pressione o botão “OK”;

4 de 9
Ação após a instalação da extensão Test Pilot no Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação após a instalação da extensão Test Pilot no Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Leia também:  Como bloquear ligações no telefone de sua casa: 11 passos

Passo 4. Toque em “Adicionar” para instalar a extensão “Firefox Color”;

5 de 9
Ação para adicionar a extensão Firefox Color no Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para adicionar a extensão Firefox Color no Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 4. Você será redirecionado para tela de configuração da Firefox Color. Para continuar, pressione o botão “Next” até que as instruções de uso terminem;

6 de 9
Tela inicial da ferramenta Firefox Color no navegador Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Tela inicial da ferramenta Firefox Color no navegador Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 5. Nesse momento, a tela para configuração de cores será exibida. Os balões indicam pontos da interface do navegador que podem ter suas cores alteradas. Selecione um desses balões para ver as opções;

7 de 9
Ação para iniciar a edição de cores na interface do Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para iniciar a edição de cores na interface do Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 6. Use a ferramenta de cores para determinar o tom de um elemento da interface. Nesse exemplo, mudamos as cores dos ícones e da barra de ferramentas. Você pode continuar editar cores de outros locais, como a barra de busca, por exemplo;

8 de 9
Tela para configuração de cores do Firefox Color — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Tela para configuração de cores do Firefox Color — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Passo 7. Quando terminar, confirme suas alterações em “Save” para salvar as novas cores na interface do Firefox.

9 de 9
Ação para salvar novas cores escolhidas para a interface do Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Ação para salvar novas cores escolhidas para a interface do Firefox — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Pronto. Feito isso, o Firefox será sempre iniciado com as cores escolhidas por você em detalhes da interface.

Configuração do Ambiente

De PJe

Para acessar o sistema PJe é necessário configurar o ambiente de seu computador instalando alguns hardwares e softwares, conforme roteiro disponibilizado abaixo.
Lembramos que todas as configurações são necessárias para que o acesso ao PJe seja possível.

Sistema operacional

Embora o PJe funcione também em sistemas operacionais livres, para melhor suporte quanto ao uso do certificado digital, recomendamos o uso do Windows das versões a partir do Windows XP.

Certificado Digital

O Certificado Digital é um documento eletrônico que identifica com segurança pessoas físicas ou jurídicas, por meio da criptografia, tecnologia que assegura o sigilo e a autenticidade de informações.

A certificação digital é utilizada para a identificação pessoal em sites de acesso restrito e também para a assinatura de documentos eletrônicos.

A Certificação Digital possibilita a execução de procedimentos no meio eletrônico, sem o uso do papel, e com validade jurídica.

Para acesso ao PJe é necessário possuir um Certificado Digital ICP-Brasil A3 e ter alguns programas necessários instalados em seu computador. Para mais informações de como obter um certificado digital, visite:

Driver e gerenciador do certificado digital

Existem duas formas de armazenamento do certificado digital, via:

  • Cartão inteligente (smartcard): é um cartão com chip, onde será necessário uma leitora de cartão compatível;
  • Token criptográfico: é um dispositivo USB (semelhante a um pen-drive).

É necessário instalar o driver da leitora de cartão inteligente ou do token criptográfico para habilitar o funcionamento para a utilização do certificado. Os aplicativos necessários à utilização desses dispositivos devem ser fornecidos pela entidade de quem foi adquirido o certificado digital.

O Gerenciador do certificado digital é o programa responsável pela administração do seu certificado digital, o mais utilizado é o SafeSign. É através dele que o Windows gerencia sua leitora de cartão (ou token), acessando o seu certificado digital quando este for requisitado.
Abaixo, segue a relação de alguns sites com dicas para instalação e configuração da leitora ou token:

Para informações sobre a lista de autoridades responsáveis pela a emissão de certificados:

  • http://www.iti.gov.br/index.php/icp-brasil/estrutura

Observações para Linux e Mac OS X

Para usuários de Linux e Mac OS X, a applet de assinatura, quando do primeiro acesso, tentará identificar automaticamente o driver de controle PKCS11 de seu dispositivo criptográfico. Não encontrando, será exibida uma janela de seleção de arquivo em que será necessário indicar o nome desse driver:

  • no Linux o nome do arquivo é “NOME_DO_DRIVER.so”;
  • no Mac OS X o nome do arquivo é “NOME_DO_DRIVER.dylib”.
Leia também:  Como ajudar alguém a superar o vício da heroína

Esses drivers são fornecidos por quem vendeu o dispositivo criptográfico e são específicos para o dispositivo e sistema operacional.

Caso a detecção automática não funcione ou o arquivo selecionado pelo usuário não dê acesso ao dispositivo, será necessário criar o arquivo ~/.pje/pkcs11.conf, ou seja, um arquivo de texto com nome pkcs11.conf, no diretório .pje do diretório “HOME” do usuário. Esse arquivo deverá ter o seguinte conteúdo:

library=/
name=PersonalProvider

O caminho e o nome do driver deve ser obtido pelo usuário de seu fornecedor de dispositivo criptográfico.

Cadeia de Certificação ICP-Brasil

A assinatura de documentos no PJe somente pode ser feita utilizando certificados digitais que pertençam à cadeia ICP-Brasil.

A cadeia de certificação deve ser instalada no computador do usuário, o que pode ser feito seguindo as instruções da página do repositório das cadeias de certificação mantida pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação: http://www.iti.gov.br/icp-brasil/certificados.

O navegador de internet é a ferramenta que possibilita o acesso ao sistema PJe.

Editando arquivos de configuração

Muitas das dicas e truques mencionadas neste site requerem a edição dos arquivos de configuração do
Firefox. Existe três arquivos que você deve conhecer:

Todos estes arquivos são texto sem formatação
armazenados na sua pasta de perfil, e podem ser
editados usando um editor de texto padrão. Por exemplo, Bloco de
Notas ou Texturizer no
Windows e gedit ou kate no Linux.

A Pasta de Perfil

Antes de ver dos arquivos de configuração, você
deve saber como encontrar sua “pasta de perfil”. A pasta de perfil
é onde o Firefox guarda todas as suas
configurações no disco rígido.

No Windows XP/2000, o caminho normalmente é
%AppData%MozillaFirefoxProfilesdefault.xxx,
onde xxx é uma string randômica de 3
caracteres. Apenas encontre C:Documents and
Settings[User Name]Application
DataMozillaFirefoxProfiles e o resto será
fácil.

No Windows 95/98/Me, o caminho normalmente
é C:WINDOWSApplication
DataMozillaFirefoxProfilesdefault.xxx

No Linux, o caminho normalmente é ~/.mozilla/firefox/default.xxx/.

No MacOS X, o caminho normalmente é ~/Library/Application
Support/Firefox/Profiles/default.xxx/.

: Firefox é capaz de gerenciar mais de um
usuário e assim, mais de um perfil. Os exemplos de caminho se
referem ao perfil default que é criado automaticamente
quando você inicia o Firefox pela primeira vez. Você pode
gerenciar qualquer número de perfis utilizando o Profile Manager.

user.js

Este é o arquivo principal de preferências do Firefox e
fica na sua pasta de perfil. O arquivo não
existe
por padrão, então você precisa criar-lo
antes de poder começar a adicionar suas preferencias.

Usuários Windows: Se você sabe criar um arquivo, pule
esta seção. Antes de você poder criar o arquivo,
você precisa ter certeza que está conseguindo ver as
extensões dos arquivos no Windows. Inicialize o Explorer (clique
no ícone Meu Computador na área de trabalho) e selecione Ferramentar > Opções
de pasta….

Clique na aba Modo de Exibição
e desmarque a opção “Ocultar as extensões dos
tipos de arquivos conhecidos”. Agora, vá para sua pasta de
perfil e selecione Arquivo > Novo
> Documento de Texto. O nome padrão Novo(a)
Documento texto.txt será exibido. Mude o nome para user.

js
(clique Sim no aviso de mudança de
tipo de arquivo quando aparecer).

Usuários Linux: Assumo que você sabe como criar um
arquivo se você está utilizando Linux. Apenas crie o
arquivo user.js na sua pasta de perfil.

userChrome.css

Este arquivo define como serão desenhados vários
elementos da interface de usuário no Firefox e fica localizado
na subpasta chrome na sua pasta de perfil.
Assim como user.

js, este arquivo não
existe
por padrão, então você precisa criar-lo
antes de começar a adicionar suas preferências. Existe
atualmente por padrão um arquivo de exemplo, chamado userChrome-example.css.

Basicamente, você pode renomear este aquivo retirando a parte -example
do nome do arquivo.

userContent.css

Este arquivo define como serão desenhados o conteúdo
web e fica localizado na subpasta chrome na sua pasta
de perfil. Assim como user.

js, este arquivo não
existe
por padrão, então você precisa criar-lo
antes de começar a adicionar suas preferências. Assim como
o userChrome.css, existe atualmente por padrão um arquivo de
exemplo, chamado userContent-example.css.

Basicamente,
você pode renomear este aquivo retirando a parte -example do nome do arquivo.

© 2002-2004 David Tenser.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*