Como alcançar o primeiro lugar em sua classe

Microsoft Teams para Educação Mais… Menos

Todas as equipas de turma das Equipas Microsoft vêm com um Caderno de Turma embutido para educadores e alunos.

Pode construir um novo caderno de raiz depois de criar a sua nova equipa ou copiar conteúdo de outros cadernos quando estiver pronto para ser configurado.

Esta é uma ótima solução se estiver a planear reutilizar aulas, ou se já lecionou com Cadernos de Turma e está a começar a usar equipas pela primeira vez.

  1. Em primeiro lugar, navegue para o canal geral da sua equipa de classe e selecione o separador Class Notebook.

  2. Selecione Configurar um caderno de classe OneNote > a partir do conteúdo do caderno existente.Este ecrã aparecerá por defeito para qualquer equipa de classe onde ainda não tenha configurado o seu Notebook de Classe.

    Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe  

  3. Pré-visualizar os grupos de secção que serão incluídos no seu Caderno de Classe antes de selecionar Seguinte. Estes grupos de secção incluem um Espaço de Colaboração, Biblioteca de Conteúdos, Secção Só de Professores, e um espaço privado para cada aluno da sua turma.

  4. Selecione + Adicione conteúdo por baixo da Biblioteca de Conteúdos. Isto lançará uma nova janela com os seus Cadernos de Classe.

  5. Escolha um caderno para copiar as secções e, em seguida, selecione Next.

    Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

  6. Escolha as secções de caderno que pretende copiar para a sua Biblioteca de Conteúdos e selecione Done. Repita este processo para copiar secções de vários cadernos.

  7. Repita os passos 4-6 para copiar o conteúdo na secção “Só para professores”. Só você e os seus co-professores poderão ver e editar este conteúdo.

    Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

  8. Quando terminar de escolher conteúdo para copiar, selecione Next.

  9. Pré-visualizar e fazer quaisquer edificações nas secções que aparecerão no espaço privado de cada aluno nos seus Cadernos de Turma. Existem secções predefinidas que pode remover ou editar. Selecione + Adicione a secção para adicionar secções adicionais. Por exemplo: Os laboratórios.

    Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

  10. Quando terminar, selecione Create para começar a criar o seu Notebook de Classe com conteúdo existente. Isto pode levar um momento, por isso sinta-se à vontade para continuar a trabalhar e voltar mais tarde.

Obter ajuda ou reportar um problema

Utilizar um Bloco de Notas Escolar no Teams

Nota:  Esta página foi traduzida automaticamente e pode conter erros gramaticais ou imprecisões. O nosso objetivo é que estes conteúdos lhe sejam úteis. Pode indicar-nos se estas informações foram úteis? Eis o artigo em inglês para sua referência.​

Público-Alvo: O Que É e Como Definir em 6 Passos (2020)

Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

  • Você gostaria de identificar o seu público-alvo para criar estratégias de marketing matadoras?
  • Se você conseguir entender o que é público-alvo e como identificá-lo, você será capaz de criar as melhores estratégias de marketing e conteúdos voltados para os interesses, dores e objetivos do seu público.
  • É o passo inicial e primordial no sucesso de qualquer empresa ou negócio, principalmente se você está começando agora.
  • Se já tem a empresa há algum tempo, mas não tem obtido resultado em suas ações, você também pode considerar refazer a pesquisa para saber se o seu público ainda é o mesmo.

Pode ser que você esteja direcionando seus esforços para um público diferente do seu e, por isso, não tem obtido nenhum retorno, lucro ou engajamento. Pense nisso.

Para reverter isso você pode aplicar alguns métodos para descobrir quem é o seu público desde pesquisas de usuários até otimização dos resultados para um estudo mais completo de definição de público-alvo.

No artigo a seguir você verá:

  • O Que é Público-Alvo? 
  • Diferença Entre Público Alvo e Persona
  • A Importância de Escolher Corretamente Seu Público-Alvo
  • Vantagens de Definir Bem o Seu Público-Alvo
  • Como Definir Seu Público-Alvo: 6 Perguntas Para Te Ajudar
  • Exemplos de Público-Alvo
  • Dicas Para Utilizar na Hora de Definir Seu Público-Alvo

Essas informações irão te guiar da melhor forma na hora de identificar seu público-alvo. Vamos lá? Boa leitura!

Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

O Que é Público-Alvo? Significado

Público-alvo é uma parcela da sociedade consumidora para quem sua empresa ou negócio direciona as ações de marketing dos seus produtos ou serviços.

A ideia é ter uma segmentação de mercado com a qual você estará se comunicando. É um grupo de pessoas que têm um mesmo grau de escolaridade, objetivos, interesses etc.

Parece bastante simples a definição, certo? Basicamente, o público-alvo é uma fatia da população que tem tudo a ver com os interesses da sua empresa. Esse público pode ou não ser diversificado.

  1. É importante destacar que o público-alvo está diretamente relacionado com os serviços ou produto que você oferece.
  2. São pessoas que têm interesse no que você fornece e que, principalmente, residem na região em que a empresa está localizada, mas isso não é regra, pois existem aquelas empresas de abrangência nacional ou até mesmo internacional.
  3. O público-alvo é aquele que vai comprar seus serviços/produtos e gerar lucros para sua empresa, por isso é tão importante.
  4. A definição certa do seu público-alvo engloba muitas informações sobre os hábitos de consumo, preferências, região que residem, poder aquisitivo, dentre outras informações relevantes para definir o perfil do público-alvo.
  5. Quanto mais informações você dispor e puder descobrir sobre seu público, mais chances de você entender melhor os seus desejos e criar um relacionamento mais próximo com ele, pois poderá criar estratégias assertivas e direcionadas, diminuindo chances de perdas.

Você, como empresa, deve pensar nas melhores estratégias para captar seu público-alvo. Pense em como poderá convertê-los em clientes e o que ainda falta para atingir esse objetivo.

Esse tipo de reflexão pode te apontar o melhor caminho para se aproximar ainda mais desse público.

Diferença Entre Público-Alvo e Persona

Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

Em muitas das minhas palestras eu percebo a dificuldade das pessoas em entender o que é, de fato, o público-alvo de uma empresa. Muita gente fica confusa e acaba trocando os conceitos de público-alvo ou persona.

  • Alguns ainda acham que um é sinônimo do outro. E não é bem assim…
  • Saber a diferença entre os dois ajuda muito na hora de criar alguma marca e dar o start na sua empresa.
  • Muitas pessoas entram em desespero quando não conseguem definir e segmentar seu público-alvo e, com isso, abandonam suas ideias de negócio antes mesmo de começar.

Calma! Saber como definir público-alvo e entender o seu conceito é possível, como verá ao longo do artigo.

Mas, primeiro, vamos entender melhor a diferença entre público-alvo e persona?

Público-Alvo

  1. Público-alvo, ou mercado-alvo, é um grupo de pessoas ou organizações que têm um mesmo perfil ou, ao menos, um perfil semelhante como consumidores.

  2. São aqueles para os quais você deve direcionar seus esforços em ações de marketing e vendas da sua empresa, pois elas são as pessoas mais interessadas em adquirir seus produtos ou serviços.

  3. Para traçar o perfil do público-alvo, é feito uma série de pesquisas que envolvem muitos fatores comportamentais e demográficos para indicar quais as características em comum dessas pessoas e direcionar melhor o foco do seu negócio.

  4. As informações mais usadas para definir o público-alvo de uma empresa são:
  • Idade
  • Sexo
  • Formação educacional
  • Poder aquisitivo
  • Classe social
  • Localização
  • Hábitos de consumo

Exemplo de público-alvo: Mulheres, entre 20 e 30 anos, residentes de São Paulo, com formação superior, classe B, renda entre R$ 4000 e R$ 6000, apaixonadas por moda e decoração.

Se você iniciar uma empresa sem definir seu público-alvo antes isso pode trazer muitos prejuízos à longo prazo, pois fará com que você gaste mais recursos e não tenha nenhum lucro em troca.

Para explicar melhor aqui vai um exemplo simples: Você tem uma empresa de brinquedos educativos. O seu público-alvo, portanto, podem ser crianças, mães, pedagogas ou professoras.

Ou você pode ter uma empresa de motocicletas. Certamente seu público não será pessoas com menos de 18 anos, certo? Tudo isso deve ser levado em consideração para definir estrategicamente seu público-alvo.

Não adianta querer abraçar o mundo com o objetivo de aumentar suas chances de vendas e lucros.

Já foi comprovado que, traz muito mais resultado segmentar e direcionar os conteúdos e ações que você produz para um público específico do que para vários.

Criar identificação de uma parcela das pessoas com sua marca é o que você deve buscar sempre e não sair atirando para todos os lados. O pensamento estratégico faz toda a diferença.

Persona

A persona no marketing é o perfil de comprador que seria o seu cliente ideal.

É um personagem fictício com características dos seus clientes reais. São desenvolvidos com base em pesquisas de público-alvo e podem ajudar a direcionar melhor suas ações de marketing.

É uma pessoa que pode se interessar pelo que você tem a oferecer, pois tem tudo a ver com sua marca e você deve realizar esforços para transformá-la em cliente e fidelizar.

A persona leva uma pesquisa muito mais aprofundada e detalhada do que o público-alvo, pois envolve:

  • Características pessoais
  • Poder aquisitivo
  • Estilo de vida
  • Interesses
  • Engajamento nas redes
  • Informações profissionais

Exemplo de persona: Mariana, 22 anos, blogueira. Mora no Morumbi, em São Paulo. Formada em Jornalismo, tem um blog e posta tutoriais de maquiagem, dicas de decoração e moda.

Sempre acompanha eventos de moda da região e participa de encontros com outras pessoas do segmento. É digital influencer e se preocupa muito com o que as pessoas veem nas suas redes sociais.

Nas horas vagas gosta de praticar atividades ao ar livre e frequentar academia.

Se tivesse que definir uma diferença principal entre persona e público-alvo, eu diria que o público-alvo vê o todo, de forma mais generalizada, enquanto que a persona tem uma definição mais específica.

No meu artigo sobre Persona: Tudo sobre como criar a persona perfeita você você encontra mais detalhes sobre o significado e conceito de persona, bem como um passo a passo para criar a persona perfeita para seu negócio.

A Importância de Escolher Corretamente Seu Público-Alvo

Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

Você já pode perceber como é importante escolher corretamente seu público-alvo, certo?

Talvez a subsistência da sua empresa dependa de uma boa definição do seu público. Não é exagero falar isso, pois os lucros do seu negócio basicamente dependem dessa primeira estratégia, em primeiro lugar.

Claro que, após definir bem seu público existem outras ações de marketing que devem ser levadas em consideração e que também são importantes.

Mas, de nada adianta pensar nessas estratégias se você não começar do início fazendo uma boa segmentação do seu público.

O público-alvo é, portanto, fundamental para alavancar seu negócio. Com a escolha certa ficará mais fácil empreender ações mais direcionadas e eficazes, com mais chances de dar certo e trazer resultados.

  • Isso evitará gastos desnecessários, uma vez que você não irá investir capital e marketing publicitário em públicos que não são os seus, o que pode trazer impactos negativos e perdas para sua empresa.
  • Obviamente você quer crescer cada vez mais e ganhar reconhecimento.
  • A definição de público-alvo te ajuda muito nisso, pois você conseguirá criar mais identificação com seu público, gerando engajamento, boa reputação e, consequentemente, convertendo leads.
  • Ao ter o perfil de consumidor do seu público, fica muito mais simples encontrar as palavras-chave para se comunicar melhor com eles, diminuindo chances de ruídos e falhas na comunicação.

Uma boa comunicação só pode trazer bons resultados para todos. Nos negócios isso não é diferente.

  1. No momento que você for criar conteúdos para blogs, sites e redes sociais saberá como se comunicar melhor, qual linguagem utilizar, qual estética do design tem mais a ver com seu público etc.
  2. Com isso conseguirá despertar mais atenção do seu consumidor.
  3. Se você é um profissional que, assim como eu, oferece palestras e se comunica diretamente com seu público-alvo, isso pode ser ainda mais importante, pois aumentará o sucesso e diminuirá chances de fracasso nas suas exposições públicas.
  4. O timing também é super importante ao falar em saber qual seu público-alvo.
  5. Tendo esse conhecimento você saberá exatamente qual a melhor hora de inovar um produto, lançar um novo produto, agregar um novo serviço, oferecer ofertas etc.
  6. Saber o que oferecer, como precificar seus produtos e serviços também tem tudo a ver com seu público-alvo, uma vez que para colocar um preço justo você precisa levar em conta seus gastos e investimento, bem como a condição financeira do seu público.
  7. De nada adianta você colocar um preço muito acima do que seu público tem ou está disposto a pagar, por isso que, mais uma vez, as pesquisas são muito importantes.
  8. Aqui estão alguns dos motivos pelos quais você deve escolher corretamente o seu público-alvo:

Foco Voltado Para Sua Audiência

Traçar seu público-alvo e audiência é essencial para você direcionar melhorar seus conteúdos.

Se você começar a criar conteúdo para um público muito generalizado você pode causar o efeito oposto do que deseja e acabar espantando seus clientes.

O seu público-alvo precisa se sentir compreendido. Para isso você deve criar estratégias e ações que tenham a ver com sua realidade e que criem uma aproximação e identificação.

Ou seja, tudo se trata de foco! Não seja ganancioso querendo abraçar o mundo e todos os públicos, pois isso poderá gerar perdas para sua empresa e, obviamente, você não quer isso, certo?

  • Isso não quer dizer que você precisa ter um único público.
  • Dependendo do tamanho da sua empresa, se ela atender a nível nacional, é muito provável que você tenha que definir mais de um público.
  • Mas, apenas trace mais públicos, se for necessário.
  • No caso de ter mais de um público-alvo você terá mais trabalho e investimento a fazer, pois terá que criar conteúdos e ações de marketing e vendas específicos para cada público.
  • Você pode até priorizar e categorizar um público como principal, como aquele que mais compra seus produtos e serviços, mas nunca deixe de lado os outros.

É importante ter um equilíbrio e sempre criar campanhas e conteúdos para todos eles para que se sintam representados pela sua marca. Afinal, ninguém gosta de ser jogado para escanteio.

Se sua empresa, marca ou negócio for menor e atender localmente fica muito mais fácil definir um único público específico e investir 100% neles. Pense nisso!

Planejamento Mais Preciso

  1. Ao ter a informação do seu público-alvo definido fica muito mais fácil você trabalhar e montar toda uma estrutura para atingir esse público com sucesso.

Classe Econômica, Classe Executiva e Primeira Classe: entenda as diferenças

Qual a diferença de preço entre Classe Econômica e Executiva? Onde fica a Primeira Classe no avião? Esclarecemos essas e outras dúvidas sobre as classes de voo, confira! 

Você sabia que os termos Classe Econômica, Classe Executiva e Primeira Classe dizem respeito a classes de serviço oferecidos pelas Linhas Aéreas? E que aqui no Brasil não é mais ofertado o serviço de Primeira Classe em voos domésticos?

Pois estes são apenas alguns detalhes importantes sobre as diferenças entre a Primeira Classe, a Classe Executiva e a Classe Econômica. Para que você entenda melhor, respondemos abaixo as principais questões sobre o tema, confira!

1. O que é classe de serviço de um voo?

Como comentamos no comecinho do texto, existem três classes de serviços de voos:

  1. Primeira classe;
  2. Executiva;
  3. Econômica.

Além de serem diferentes nos preços, cada classe possui características particulares que determinam não apenas o nível de qualidade dos serviços oferecidos, bem como garantem maior conforto e certas comodidades aos passageiros.

2. Qual é a diferença entre Primeira Classe, Classe Executiva e Classe Econômica?

Resumindo, é possível dizer que a principal diferença entre a Primeira Classe, a Classe Executiva e a Classe Econômica é que:

  • Primeira Classe traz todas as vantagens da Executiva, só que com a exclusividade e sofisticação em primeiro lugar;
  • a Classe Executiva é projetada para o conforto e dá direito a regalias como embarque prioritário, etc;
  • Classe Econômica é a classe básica das linhas aéreas, com serviços necessários para um voo minimamente confortável.

Além de se diferenciarem no preço, portanto, as classes de cabine (como também são chamadas as classes de serviço) trazem particularidades em relação à qualidade dos serviços prestados, localização no avião e em muitos outros detalhes.

Agora, tire suas outras dúvidas sobre o assunto e saiba como voar de Primeira Classe!

3. Onde fica a Primeira Classe do avião?

Quando a aeronave conta com as três classes de serviço a bordo, geralmente, a Primeira Classe fica em um espaço privativo, com acesso exclusivo para os passageiros que pagaram para viajar na 1ª Classe.

Além disso, possivelmente, o embarque será feito por uma porta diferente da usada pelos passageiros da Classe Executiva e da Classe Econômica – na Emirates, por exemplo, a porta da Primeira Classe é a mesma dos pilotos.

4. Como é a Primeira Classe de um avião?

Luxo e sofisticação são duas palavras que descrevem o ambiente de Primeira Classe de um avião. Algumas Linhas Aéreas oferecem exclusividades como:

  • verdadeiras suítes no lugar das poltronas reclináveis;
  • atendimento exclusivo;
  • cardápio exclusivo assinado e preparado por Chefs renomados;
  • refeições servidas em louça de porcelana;
  • talheres de prata;
  • passageiros podem escolher a hora das refeições;
  • uma carta seleta de bebidas à vontade durante o tempo do voo;
  • mimos e kits que variam de acordo com cada Linha Aérea.

5. Quanto custa um voo de Primeira Classe?

O preço de um voo na Primeira Classe depende de fatores como rota, Linha Aérea e o nível de qualidade dos serviços oferecidos. Normalmente, diz-se que os voos de Primeira Classe custa 5 vezes ou mais que um voo da Classe Executiva, por exemplo.

Aqui no Skyscanner, encontramos um voo direto para Miami a partir de R$ 18 mil na Primeira Classe da American Airlines. Pela Emirates, um voo para Dubai pode custar cerca de R$ 50 mil.

6. O que é Classe Executiva no avião?

Também chamada de Business, a Classe Executiva é um intermediário entre a Classe Econômica e a Primeira Classe. Ou seja, conforto e exclusividade passam a fazer parte do serviço, que inclui regalias como:

  • check-in e embarque prioritários;
  • área VIP com buffet de alimentos e bebidas;
  • lounges especiais com serviços de SPA e suítes para descanso;
  • poltronas reclináveis;
  • cardápio com diversas e sofisticadas opções de pratos e bebidas.

7. Qual é o preço da Classe Executiva?

Em termos de comparação, é possível dizer que os voos da Classe Executivas custam 3 vezes o valor de um voo da Classe Econômica.

Aproveitando os mesmos dados da nossa busca para encontrar o preço de um voo de Primeira Classe para Miami, encontramos passagens a partir de R$ 6 mil na Classe Executiva da LATAM Linhas Aéreas.

8. O que é a Classe Econômica?

A Classe Econômica é a mais básica e, por isso mesmo, a mais barata classe de um avião.

As poltronas reclinam poucos centímetros para trás, é servido um cardápio padrão de acordo com a duração do voo, e, dependendo da linha aérea, o passageiro precisa comprar itens do cardápio caso queira fazer alguma refeição durante o voo.

9. Qual a diferença entre a Classe Econômica e a Classe Econômica Premium?

Pagando um pouco a mais pela passagem aérea, é possível viajar pela Classe Econômica Premium, que garante maior espaço entre as poltronas (até 40% a mais de espaço), cardápio mais variado e até mesmo uma maior franquia de bagagem.

10. Como comprar voo de Primeira Classe?

Como já falamos aqui hoje, não existe voo de Primeira Classe nacional, aqui no Brasil só é possível voar nas classes Econômica e Executiva. Para voar na Primeira Classe, portanto, é preciso fazer uma viagem internacional e a escolha do destino depende de você!

  • Saindo do Brasil, para os Estados Unidos, as linhas aéreas que oferecem voos de Primeira Classe são a LATAM, Delta, American Airlines e outras.
  • Para a Europa, a Air France e a Lufthansa oferecem voos de Primeira Classe, assim como a Emirates tem voos de luxo para regiões da África e da Ásia.
  • Dependendo da Linha Aérea e da rota, é possível comprar passagens de Primeira Classe com milhas aéreas, ou ao menos diminuir o valor pago em dinheiro usando seus pontos para reservar um voo.
  • Os programas de fidelidade, aliás, são ótimos também para quem quer conseguir um upgrade e viajar na Primeira Classe sem pagar caro por isso!

Busque suas passagens de Primeira Classe, Classe Executiva ou Econômica com o Skyscanner!

Aqui no Skyscanner, é possível filtrar os resultados da sua busca por Classe. Vale destacar que buscas para qualquer lugar e no mês mais barato automaticamente redirecionam para a Classe Econômica.

Caso queira buscar um voo de Primeira Classe ou na Classe Executiva, você deve:

  1. informar o destino da viagem;
  2. selecionar as datas da sua viagem;
  3. selecionar a opção no campo Classe de cabine e Passageiros, como você pode ver abaixo:

E então mostraremos os voos com os melhores preços para a sua viagem! Caso a busca seja feita com antecedência, você pode criar um alerta de passagens para monitorar as tarifas da rota salva.

As linhas aéreas estão sempre fazendo promoção relâmpago para a Classe Executiva e é possível encontrar passagens com desconto!

Que tal fazer a sua busca agora mesmo? É só usar os campos abaixo:

Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

Related

Conselho de classe: Como organizar um bom encontro? | par

O diálogo e o alinhamento entre professores, coordenadores pedagógicos e diretores são fundamentais para que a escola consiga atingir suas metas e levar adiante o desafio de melhorar o desempenho e engajamento de todos os alunos, elevando os resultados da instituição de ensino como um todo.

O conselho de classe é um dos momentos mais importantes no fomento dessa coesão entre os professores e a equipe pedagógica. No entanto, por falta de informação e organização, muitas escolas acabam não aproveitando tão bem essa oportunidade, limitando-se a discussões pouco produtivas ou mesmo gerando mais conflitos do que soluções.

Preparamos este artigo para auxiliar a escola no planejamento do conselho de classe. Confira!

1. O que é o conselho de classe

O conselho de classe consiste em uma reunião realizada regularmente — a cada bimestre, trimestre ou semestre, por exemplo — entre os professores, os coordenadores pedagógicos e os diretores da escola.

Nele, são analisados diversos aspectos do desempenho dos alunos a fim de se deliberar a respeito de estratégias que poderão trazer melhorias no processo pedagógico.

2. Competências do conselho de classe

  • A lista exata de competências de um conselho dependerá, entre outros fatores, principalmente do momento de realização do encontro.
  • Conselhos reunidos em diferentes etapas do ano letivo deverão se preocupar com deliberações distintas, podendo ir desde uma discussão mais breve, focada em problemas pontuais, a cada bimestre, a debates mais longos, no final de um semestre, que visam a avaliar o desempenho de cada estudante de maneira mais individualizada e tomar decisões mais importantes.
  • De qualquer modo, tanto em um caso quanto no outro, pode-se dizer que compete ao conselho de classe:

3. Objetivos do conselho de classe

Se o diagnóstico constante em diversos níveis é a maior competência do conselho de classe, isso não significa, contudo — e é essencial esclarecê-lo junto à equipe —, que o encontro seja uma espécie de “teste” para docentes e coordenadores pedagógicos, separando aqueles que obtiveram sucesso daqueles que falharam.

O conselho não tem como objetivo penalizar quem tem tido dificuldade em alcançar seus objetivos. Contudo, ele visa a abrir espaço para que as causas de qualquer tipo de desafio sejam levantadas, analisadas da maneira mais imparcial possível e solucionadas com o apoio de todo o time.

Para garantir a sua eficiência, é importante manter a ideia de que o conselho é mais um grupo de apoio mútuo com o objetivo de fazer todos avançarem, dos funcionários aos alunos, passando pelos professores e coordenadores.

Diante disso, podemos dizer que entre os principais objetivos de um conselho de classe, independentemente de seu tamanho ou da época em que é convocado, estão:

  • Procurar entender as possíveis razões do mau desempenho de um aluno ou de uma turma, sem atribuir essa causa a um “culpado”;
  • Promover o trabalho em equipe não competitivo entre os docentes e coordenadores, estimulando a troca de ideias e o bom relacionamento entre todos;
  • Levantar possíveis soluções para problemas (relacionados a estudantes específicos ou a turmas inteiras), sem desconsiderar o contexto familiar e psicológico por trás de resultados negativos;
  • Fomentar a autoavaliação constante entre todos os profissionais;
  • Elaborar novas estratégias (ou aprimorar as já existentes) para atingir resultados melhores e/ou manter o bom desempenho geral no futuro.

4. A importância do conselho de classe

Muito além de representar um momento de discussão sobre alunos específicos, levantando problemas e, em última instância, tomando decisões a respeito da sua aprovação ou reprovação no final do ano, o conselho de classe serve para debater uma ampla variedade de temas que concernem o desempenho de toda a escola.

Confira a seguir alguns dos mais relevantes benefícios dessa reunião e entenda por que é importante realizá-la com cuidado e eficácia, de maneira regular:

Garantir a avaliação e melhoria constante

  1. Em primeiro lugar, o conselho se funda na necessidade de se reunir todo o time para avaliar a situação e o desempenho da escola (como um todo, das turmas e disciplinas e individualmente), no intuito de diagnosticar e tratar problemas que estão impedindo seu progresso em todos os níveis.

  2. Trata-se de uma oportunidade extremamente valiosa para entender os resultados da escola, reforçar a missão e os valores da instituição e alinhar a ação de todos os profissionais para cumprir com esses preceitos.

  3. Sendo assim, o conselho serve para guiar o trabalho de toda a comunidade escolar, redirecionando-a para os objetivos da instituição sempre que ocorrer algum desvio natural.

  4. Dessa maneira, a escola garante uma melhoria constante do relacionamento entre professores, alunos e equipe pedagógica, do desempenho de cada um deles e da aderência da instituição de ensino como um todo aos fins aos que ela mesma se propõe.

Promover a gestão democrática na escola

A gestão democrática é um dos maiores desafios enfrentados pelos diretores de uma escola. Entretanto, além de muito importante para cumprir com as expectativas de toda a comunidade escolar, ela ainda configura uma exigência do Governo Federal a todas as instituições do país.

O conselho de classe é um passo indispensável em direção a esse objetivo, já que permite a participação de professores e coordenadores pedagógicos em processos significativos de tomada de decisão na escola.

Além disso, o conselho pode se tornar ainda mais democrático ao considerar, ainda, a opinião dos alunos por meio da participação de representantes discentes ou do uso de pesquisas a serem preenchidos pelos estudantes.

Permitir a troca de ideias entre diferentes membros da equipe

  • Outra vantagem desse encontro é a possibilidade de lidar com as dificuldades sob diferentes perspectivas.
  • Por meio do diálogo e da troca de ideias, é possível reunir as vivências dos docentes e contrastá-las, esclarecendo quais estratégias e fatores têm levado a cada um desses resultados.
  • Como consequência, todos os presentes ampliam sua compreensão sobre o grupo ou estudante em questão, permitindo-lhes pensar em novas maneiras de lidar com eles e fomentando soluções mais criativas para solucionar problemas específicos.

Trabalhar considerando o contexto extraescolar

  1. Os professores e coordenadores nem sempre se lembram de que as dificuldades de alguns estudantes ou classes, principalmente em nível individual, podem estar mais relacionadas ao que acontece fora da escola do que dentro dela.

  2. O conselho escolar abre espaço, assim, para se abordar e levar em conta causas externas para o mau desempenho ou indisciplina desses alunos.

  3. Dessa maneira, é possível cogitar soluções mais eficazes — já que serão considerados os relatos de diversos professores assim como o conhecimento dos coordenadores — e que beneficiam os estudantes de maneira mais global, no lugar de se estender conflitos locais pela falta de entendimento do contexto do aluno como um todo.

5. Dúvidas frequentes sobre o conselho de classe

Confira abaixo as perguntas mais recorrentes sobre esse conceito e entenda melhor como ele funciona:

O que pode e não pode ser determinado no conselho?

  • Como destacamos nos tópicos anteriores, o conselho de classe não é o lugar de avaliar a competência dos professores e dos coordenadores, apenas a eficácia das metodologias empregadas por eles, sem nenhum julgamento em relação ao trabalho realizado por cada um pessoalmente.
  • Sendo assim, o conselho não deve determinar nenhuma questão relativa à carreira dos profissionais, como promoções ou demissões.
  • Por outro lado, essa reunião entre professores, diretores e coordenadores é o momento ideal para deliberar em conjunto sobre como lidar com dificuldades apresentadas pelas turmas ou estudantes.
  • Isso quer dizer que decisões que envolvam suspensão, expulsão, reprovação ou aprovação condicional dos alunos devem ser tomadas ali, bem como a adoção de novas estratégias de ensino e de avaliação para grupos ou indivíduos especiais.
  • Para ter certeza daquilo que pode ou não ser determinado pelo conselho, o diretor da escola deve se amparar no próprio regimento escolar, que por sua vez respeita as diretrizes nacionais e locais que regem o funcionamento da escola.

Quem deve participar do conselho de classe?

Um conselho de classe eficiente e representativo deve contar, no mínimo, com a presença de todos os coordenadores pedagógicos, diretores e subdiretores, assim como a maioria dos professores — com concessões para ausências justificadas, claro.

Além desses, o conselho também pode se beneficiar da participação de representantes dos alunos, dos pais e responsáveis e, eventualmente, da comunidade escolar.

Com que frequência o conselho de classe deve se reunir?

Idealmente, os encontros do conselho devem seguir o próprio calendário da escola, de acordo com sua divisão do ano letivo em etapas. Assim, nas escolas com avaliações trimestrais, essa pode ser a frequência de reunião do conselho de classe, enquanto naquelas com exames finais bimestrais, pequenos encontros a cada dois meses podem fazer mais sentido.

Também é indicado, ao definir as datas dos conselhos a cada ano, tentar conciliar a disponibilidade dos professores e coordenadores com a necessidade de se discutir o desempenho de alunos e docentes para elaboração de estratégias mais eficazes. Dessa forma, é possível manter a pertinência dos encontros, sem sobrecarregar os profissionais.

Segundo essa lógica, podem-se dividir as reuniões de conselho de classe em dois tipos:

  • As reuniões bimestrais ou trimestrais, de menor duração, cujo objetivo é monitorar os resultados, levantando dificuldades e avaliando o andamento de estratégias já aplicadas;
  • As reuniões semestrais, nas quais são analisados os dados levantados nos outros encontros a fim de se tomar decisões mais efetivas, abordando todos os obstáculos observados.

Nos encontros mais frequentes, portanto, o foco são problemas mais urgentes e soluções de curto prazo (como casos específicos de estudantes com baixo desempenho, de turmas indisciplinadas ou mesmo ocorrências de bullying), enquanto nas reuniões mais pontuais, no lugar de destacar apenas as dificuldades mais insistentes, discutem-se todos os problemas levantados, refletindo acerca de soluções globais para toda a instituição.

Qual a diferença entre conselho de classe e conselho escolar?

O conselho de classe é composto essencialmente por membros da própria escola. Ainda assim, membros da comunidade escolar podem participar como convidados, sem poder decisório, ainda que estejam ali para enriquecer a discussão.

Do conselho escolar, em contrapartida, fazem parte majoritariamente grupos externos ao corpo docente e à gestão, como representantes dos pais e alunos, além de outros membros da comunidade da qual a instituição faz parte.

Nesse caso, o poder decisório dos grupos externos está relacionado principalmente a questões como o uso de recursos pela escola, a comunicação com os pais, o relacionamento entre alunos e professores e outros assuntos extracurriculares. Logo, eles não têm poder sobre a admissão ou demissão de funcionários e docentes nem responsabilidade sobre o programa de ensino.

6. Dicas práticas para organizar um conselho de classe eficiente

Separamos algumas dicas para que o conselho de classe seja um encontro produtivo, na prática. Acompanhe:

Utilize dados para facilitar as avaliações

Sobretudo nas escolas de maior porte, com um grande número de turmas e alunos, nem sempre é fácil visualizar uma tendência global quando se trabalha apenas com dificuldades individuais ou com ocorrências aparentemente pontuais.

Quando o desempenho dos estudantes passa a fazer parte de um sistema de dados, no entanto, é possível analisar seu desenvolvimento de diversas maneiras. Dessa forma, a identificação de problemas que afetam toda a escola, uma turma em particular ou mesmo apenas um único aluno é facilitada.

Afinal, os dados, sobretudo quando aliados a ferramentas tecnológicas que facilitam sua interpretação, revelam diversas informações a respeito do aprendizado dos estudantes, possibilitando inclusive a comparação com outros grupos ou o acompanhamento ao longo do tempo.

Use casos de sucesso para motivar a equipe

Um dos maiores riscos de se reunir professores e coordenadores para debater sobre as dificuldades de aprendizagem dos alunos é deixar que a reunião se torne desmotivante.

Para evitar o desânimo, é importante levar em consideração tanto os pontos negativos quanto positivos dos casos apresentados. Dessa maneira, é importante  entender o que tem trazido bons resultados e ressaltar os exemplos de sucesso.

Revisitar a história de estudantes que conseguiram superar suas dificuldades e compartilhar o progresso dos alunos são excelentes maneiras de aumentar as perspectivas dos professores, dando-lhes mais motivação e esperança, assim como trazer possíveis modelos a serem seguidos no futuro.

7. Passo a passo: como conduzir um conselho de classe

Reúna e simplifique os dados levantados ao longo da etapa

Antes de tudo, será preciso reunir as informações coletadas nos últimos meses, seja na forma de relatórios, dados ou formulários.

Essa tarefa pode ser realizada pelos coordenadores ou pelo diretor, que também deverá destacar as informações mais importantes, transformando-as, sempre que for relevante, em gráficos, sinopses, conclusões e outras formas de se condensar o resultado em questão.

Defina as principais pautas a serem discutidas

  1. A partir da simplificação dos dados, o diretor poderá formular uma lista com as pautas mais importantes e os assuntos que devem ser debatidos durante o conselho de classe.

  2. Alguns exemplos são:
  3. Para cada um desses tópicos, podem-se discutir, por exemplo, os pontos mais importantes, as possíveis soluções e melhorias e o papel de cada profissional nessas novas estratégias.

Prepare os participantes antes do encontro

O próximo passo consiste em compartilhar as pautas e as principais informações que serão consideradas no encontro com os participantes, a fim de que eles já possam começar a refletir sobre as questões que serão tratadas.

Mantenha o foco durante as discussões

No dia do conselho, é interessante contar com um profissional dedicado a manter a conversa centrada nas pautas listadas anteriormente. Dessa forma, evita-se estender a reunião demasiadamente e diminui-se o risco de que algum problema importante acabe não sendo abordado pela falta de tempo.

Dê voz a todos os presentes

Durante o conselho, para manter a gestão democrática, é importante que todos os participantes tenham oportunidades iguais de se manifestar. Sendo assim, pode-se estabelecer um limite de tempo para a fala de cada um e pedir a quem estiver dirigindo a discussão que vá anotando o nome de todos os que quiserem contribuir.

Resuma as deliberações tomadas e repasse-as

Após a realização do conselho de classe, é importante registrar de maneira resumida o que foi discutido e decidido na reunião. Essas informações devem ser repassadas tanto para os participantes, quanto para os membros do corpo docente que não estavam presentes.

Essas informações serão úteis para lembrar os profissionais, ao longo da próxima etapa, das novas estratégias que deverão ser adotadas por eles. Além disso, elas ajudarão a construir uma visão de longo prazo sobre os assuntos abordados, servindo de fonte de consulta sempre que necessário.

Conclusão​

Quando bem planejado e executado, o conselho de classe se torna uma ferramenta extremamente valiosa no aprimoramento constante dos resultados e da própria gestão da escola.

A gestão escolar, em especial o diretor, é responsável por vários setores da instituição. São diversas as responsabilidades e os desafios da rotina escolar que devem ser considerados para que a escola funcione adequadamente e alcance seus objetivos.

Para entender melhor a respeito da função e dos desafios do diretor escolar, preparamos um infográfico:

Como Alcançar o Primeiro Lugar em Sua Classe

Come Diventare il Primo della Tua Classe

  1. 1

    Consegna in tempo i compi assegnati. Questo è ovvio, se vuoi diventare il numero uno della classe devi organizzarti. I compiti a casa sono sempre assegnati per un motivo specifico, e non farli potrebbe causarti problemi durante i compiti in classe o durante l’esame finale.

  2. 2

    Usa il tuo tempo in modo saggio. Diventare il primo della classe è un obbiettivo che richiede del tempo, e se sei occupato con lo sport, la musica, o con altre attività extra-scolastiche, allora dovrai impegnarti ancora di più per mantenere il primato. Quindi, stila un programma in modo da sapere quando devi consegnare i tuoi compiti.

  3. 3

    Fai pratica e approndisci gli argomenti di studio. Se stai studiando un libro di inglese, allora leggilo! Leggi in anticipo i contenuti che verranno spiegati durante la lezione; in questo modo sarai avvantaggiato rispetto al resto della classe, e questo farà la differenza.

  4. 4

    Trova, per ogni materia, gli argomenti specifici che stai studiando. Così potrai acquistare dei libri per ogni particolare argomento. In questo modo sarai certo di studiare gli argomenti corretti, senza sprecare il tuo tempo su quelli che non ti verranno mai chiesti.

  5. 5

    Studia il programma degli obiettivi del corso o del tuo anno scolastico. Questo all’inizio può sembrare complicato, ma dopo un po’ diventerà la tua bibbia. Queste note ti dicono esattamente cosa devi sapere quando svolgerai l’esame o il compito in classe. Puoi utilizzarlo come lista di controllo mentre ripassi.

  6. 6

    Ripassa prima del compito in classe o dell’esame. Assicurati di aver studiato e appreso tutti gli argomenti principali.

  7. 7

    Durante il compito in classe o l’esame: Mantieni la calma. Fai dei respiri profondi , lascia fluire nella tua mente tutte le tue conoscenze e vai avanti domanda per domanda.

  8. 8

    Partecipa sempre attivamente durante le lezioni. In questo modo ti godrai ogni singolo minuto della lezione. Inoltre, partecipando attivamente, otterrai voti alti. Partecipare significa prestare attenzione a quello che dice il tuo insegnante; questo sarà sicuramente un ottimo metodo per ottenere i VOTI ALTI che tutti gli studenti desiderano.

  9. 9

    Evita gli amici che hanno un'influenza negativa. Questi sono come una barriera che ostacola la tua istruzione, e possono rovinare e distruggere il tuo futuro.

  10. 10

  11. 11

    Studia duramente. Studia ogni cosa che vuoi e che devi conoscere. Studia meglio che puoi, in modo da essere sempre preparato a interrogazioni o verifiche a sorpresa.

  12. 12

    Scrivi in modo ordinato e corretto. In questo modo tutti comprenderanno cosa scrivi e non perderai punti solo perché qualcuno non ha capito cosa hai scritto.

  13. 13

    Esegui i compiti o i lavori assegnati in tempo. Completali il prima possibile, in modo da ritagliarti il tempo da dedicare ad altre cose importanti. Tuttavia, se incontri delle difficoltà e hai bisogno di aiuto, non è mai una cattiva idea rivolgersi all' insegnante, ai genitori, oppure fare ricerche su internet.

  14. 14

    Fai ogni cosa in modo creativo. Con un lavoro creativo ti guadagnerai il massimo dei voti, e, oltretutto, il tuo compito potrebbe essere pubblicato nella tua scuola.

  15. 15

    Candidati alle elezioni scolastiche. Questo aumenterà la tua popolarità e, cosa che ti farà piacere, ti aiuterà nei voti.

  16. 16

    Evita di saltare le lezioni. Non vorrai perderti delle spiegazioni importanti? Vero?

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*