Como alterar a letra da partição do sistema no windows xp

O Windows define automaticamente a letra da unidade das partições do computador, HDs externos e pen drives conectados ao PC. Mas por algum motivo, pode acontecer da letra escolhida pelo sistema ficar fora de ordem ou trocada. Saiba que é possível alterar a identificação da unidade de forma simples e rápida pelo próprio Windows, sem precisar instalar apps.

  • Suspender, reiniciar ou hibernar? Entenda formas de desligar o PC
  • Confira a dica e aprenda a mudar a letra das partições do computador, HDs externos ou pen driver conectados ao seu PC.
  • Passo 1. Clique com o botão direito do mouse sobre o Iniciar e, no menu que aparece, clique em “Gerenciamento de Disco”;

Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XPAcesse as configurações de gerenciamento de disco (Foto: Reprodução/Helito Bijora)

Passo 2. Em seguida, clique com o botão direito sobre a unidade que você quer alterar a letra e, no menu de contexto, clique em “Alterar letra de unidade e caminho…”;

Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XPAlterando letra da unidade do PC (Foto: Reprodução/Helito Bijora)

Passo 3. Na janela que se abre, clique sobre a letra atual da unidade e, logo abaixo, clique em “Alterar…”;

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XPClique sobre o botão indicado (Foto: Reprodução/Helito Bijora)

Passo 4. Selecione a letra que você deseja usar e clique em “OK”. Caso queira usar uma letra que já esteja associada à outra unidade, você deverá liberá-la primeiro;

Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XPEscolha a letra que você quer usar (Foto: Reprodução/Helito Bijora)

Passo 5. Por fim, clique em “Sim” para confirmar a mudança.

Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XPConfirme a mudança (Foto: Reprodução/Helito Bijora)

Dessa forma, a unidade, o HD ou pen drive assumirá a letra que você escolheu.

Atualização do Windows 10 funciona em computadores com software pirata? Veja no Fórum do TechTudo. 

Redimensionar partição em Windows 10/8/7 / Vista / XP

por Andy, Atualizado em: 26 de fevereiro de 2020

Este artigo apresenta como redimensionar a partição no Windows 10/8/7 / Vista / XP (32/64 bits) sem perda de dados, redimensione o volume com o Gerenciamento de Disco e o editor de partições gratuito.

Pouco espaço em disco questão é muito comum em todos Windows computadores, especialmente para o computador com uma pequena unidade C do sistema. É dor de cabeça para muitos usuários de computadores pessoais.

é possível redimensionar partições sem reinstalar Windows e programas? A resposta é sim, você pode usar Windows ferramentas nativas ou software de edição de partições de terceiros.

Antes de começar, é melhor fazer um backup, pois há um risco potencial de perda de dados.

Como redimensionar partição sem nenhum software

Windows possui 2 ferramentas nativas – Gerenciamento de disco e diskpart. O Diskpart funciona via prompt de comando, incluído em Windows XP.

O Diskpart reduziu e estendeu o comando para ajudar a redimensionar a partição sem perder dados. No Windows XP e Server 2003, diskpart pode apenas reduzir a partição do sistema a partir da mídia inicializável.

No Windows 7 e versões posteriores, o diskpart pode reduzir a partição do sistema em Windows.

O Gerenciamento de disco possui interface gráfica, tornando mais fácil para os usuários de computadores pessoais. Originalmente, essa ferramenta pode apenas criar, excluir, formatar partições e alterar a letra da unidade. De Windows 7, a Microsoft adicionou Diminuir Volume e Estender Volume funções para ajudar a redimensionar a partição do disco.

No entanto, devido a muitas limitações, o Gerenciamento de disco e o diskpart não são as melhores ferramentas para ajudar alterar o tamanho da partição.

Como redimensionar partição com o Gerenciamento de Disco

imprensa Windows e R juntos no teclado para abrir Executar, digite diskmgmt.msc e pressione Enter; o Gerenciamento de disco será aberto.

Para reduzir um volume de partição com o Gerenciamento de Disco:

  1. Clique com o botão direito do mouse na unidade que você deseja diminuir (como D 🙂 e selecione Diminuir Volume.
  2. Digite a quantidade de espaço a diminuir em MB e clique em Encolher para prosseguir.Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XP

Para estender um volume de partição (como C 🙂 com Gerenciamento de disco, sua estrutura de partição de disco deve atender aos requisitos:

  1. Deve haver outra partição no certo lado da unidade C.
  2. Essa partição contígua à direita (como D 🙂 deve ser Primário.
  3. Você não instalou programas na unidade D, para poder excluir .
  4. Transfira todos os arquivos na unidade D para outro local, caso contrário, você perderá dados após excluir esta partição.

Para estender a partição da unidade C com o Gerenciamento de Disco:

  1. Botão direito do mouse D: dirigir e selecione Excluir volume, ele será alterado para Espaço não alocado.
  2. Botão direito do mouse C: dirigir e selecione Estender Volume.
  3. Clique Próximo para Terminar na janela pop-up do Assistente para estender volume, o espaço não alocado será adicionado à unidade C.

Se você deseja estender uma partição encolhendo outra, o Gerenciamento de Disco é inútil, aprenda porque.

Como redimensionar partição com o comando diskpart

Como reduzir um volume de partição:

  1. imprensa Windows e R no teclado, digite diskpart e imprensa entrar.
  2. Tipo list volume para exibir todas as unidades.
  3. Tipo selecione o volume X (X é a letra da unidade ou o número da partição que você deseja reduzir).Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XP
  4. Tipo encolher desejado = XX (XX é a quantidade de espaço a diminuir em megabytes).Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XP

Como estender um volume de partição:

  1. imprensa Windows e R no teclado, digite diskpart e imprensa entrar.
  2. Tipo list volume e pressione Enter na janela de comando para ver todas as partições em uma lista.
  3. Tipo selecione o volume D para dar foco ao volume que você deseja excluir, se a partição contígua correta for E, substitua D por E no comando.
  4. Tipo Excluir volume e pressione Enter na janela de comando.
  5. Tipo selecione o volume C para dar foco à partição do sistema.
  6. Tipo estender (desejado = XX), XX é a quantidade de espaço não alocado (em MB); se você digitar estender sem (desejado = XX), todo o espaço não alocado será adicionado à unidade C.

Como redimensionar o volume com o editor de partições gratuito

Existem muitos softwares de terceiros no mercado, entre eles todos, NIUBI Partition Editor é o mais seguro e rápido devido às tecnologias avançadas:

  • Modo Virtual – todas as operações serão listadas como pendentes para visualização, as partições reais do disco não serão alteradas até clicar em Aplicar para confirmar.
  • Cancelar no poço – se você aplicou operações incorretas, não importa, você pode cancelar as operações em andamento sem causar danos.
  • Reversão de 1 segundo – se algo der errado durante o redimensionamento da partição, ele reverte automaticamente o status original do computador rapidamente.
  • Isso é também 30% a 300% mais rápido por causa do algoritmo avançado de movimentação de arquivos.

Para Windows 10/8/7 / Vista / XP usuários de computadores domésticos, o NIUBI edição grátis, que é 100% limpo sem nenhum pacote. Ao redimensionar partições de disco com o NIUBI, basta arrastar e soltar no mapa do disco.

Siga as etapas no vídeo para redimensionar a partição no Windows 10/8/7 / Vista / XP (32 e 64 bits):

Além de redimensionar o volume da partição, NIUBI Partition Editor ajuda a realizar muitas outras operações, como mover, mesclar, converter, copiar, desfragmentar, limpar, ocultar, verificar setores defeituosos.

DOWNLOAD

Dicas para Windows XP – Parte 2

Introdução

Esta é a segunda parte das dicas para o Microsoft Windows XP. A primeira parte pode ser vista aqui. Muitas das dicas desta página necessitam da execução do Editor de Registro do Windows (regedit.exe). Para isso, vá em Iniciar / Executar e digite regedit.

Vale dizer que é necessário perícia ao mexer no Registro do Windows, para que não ocorra danos ao sistema. Por precaução, é recomendável fazer uma cópia dos arquivos envolvidos.

Leia também:  Como alterar seu nome de usuário do instagram: 14 passos

Todas as dicas aqui presentes foram testadas exaustivamente, em mais de um computador e somente após a comprovação de eficiência foram liberadas. No entanto, isso não impede que, por alguma razão, os procedimentos não tenham o efeito esperado.

Sendo assim, ao fazer uso destas informações, você concorda que o InfoWester, em hipótese alguma, será responsável por quaisquer danos que por ventura venha a ocorrer.

01 – Desative o suporte do Windows XP a arquivos .zip:

O Windows XP veio com uma novidade interessante a muita gente: o suporte nativo a arquivos com extensão .zip. Não é necessário usar nenhum programa adicional para abrir arquivos neste formato no XP.

No entanto, se você deseja desativar esse recurso, proceda da seguinte maneira: Vá em Iniciar / Executar e digite regsvr32 /u %windir%system32zipfldr.dll. Na próxima inicialização, o suporte a arquivos .zip não existirá mais.

Para habilitar novamente este recurso, vá em Executar e digite regsvr32 %windir%system32zipfldr.dll.

Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XP02 – Atalhos rápidos para itens do desktop:

Clique com o botão direito do mouse sobre a barra de tarefas do Windows (a barra onde fica o botão Iniciar). Em seguida, selecione a opção Barra de Ferramentas e clique no item Área de trabalho.

Ao lado do relógio do Windows, aparecerá um botão chamado Desktop. Na seta desde botão, há atalhos para todos os itens que estão na Área de trabalho do Windows.

Um recurso interessante para quem trabalha com muitas janelas abertas.

03 – Informações do sistema num arquivo txt:

É possível obter informações do sistema através de um arquivo txt. Para isso, vá em Iniciar / Programas / Acessórios / Prompt de comando ou simplesmente vá em Iniciar / Executar e digite cmd. Na tela que aparecer, digite systeminfo > infowester.txt.

Agora vá na pasta onde o arquivo foi salvo (essa informação aparece antes do campo onde você pode digitar no prompt) e abrá-o. O arquivo contém várias informações sobre o sistema e sobre o computador.

Ao executar o comando, o arquivo txt pode ter o nome que você quiser.

04 – Convertendo partições FAT32 em NTFS sem perder dados:

Você pode ter comprado seu computador com o Windows XP já instalado. Se ele estiver usando uma partição em FAT32 e você quiser converter para NTFS, faça o seguinte: vá em Iniciar / Programas / Acessórios / Prompt de comando ou simplesmente vá em Iniciar / Executar e digite cmd. Em seguida, digite convert c: /fs:ntfs.

A letra c pode ser mudada para a partição desejada. A partir deste comando, o sistema começará o processo de conversão. Esteja ciente que após isso, não será mais possível voltar ao sistema de arquivos FAT32. Esta dica não é muito recomendada se o Windows já possui vários arquivos e programas instalados, uma vez que a conversão pode trazer perda de desempenho.

Essa dica também funciona no Windows 2000.

05 – Teclado virtual:

No meio da noite, você está usando seu computador para finalizar um trabalho importante e no nervosismo, derruba café no teclado. Certamente algumas teclas ou até o teclado parará de funcionar. Mas você ainda pode conseguir finalizar seu trabalho.

Com o mouse, vá em Iniciar / Programas / Acessórios / Acessibilidade / Teclado Virtual. Uma imagem de um teclado aparecerá na tela e você poderá clicar com o mouse nas teclas.

O problema é a lentidão que você terá para escrever, além do fato de alguns acentos não estarem disponíveis.

06 – Saudação personalizada no relógio:

Você pode exibir frases personalizadas ao lado do relógio do Windows, como “Bom dia”, “Boa noite”, “Fulano Silva”, etc. Para isso, vá em Iniciar / Configurações / Painel de Controle / Opções regionais e de idioma e clique na aba Opções regionais.

Acione o botão Personalizar e, na guia Hora, coloque a frase que quiser em Símbolo a.m. e em Símbolo p.m.. Depois, vá ao campo Formato de hora e adicione as letras tt no final da expressão já existente. Ficará assim: HH:mm:ss tt.

Note que, se colocar uma frase diferente em cada um desses campos, a frase em Símbolo a.m. será exibida de 0:00 até 11:59. Por sua vez, a frase exibida em Símbolo p.m.

será exibida de 12:00 até 23:59, portanto, se quiser exibir uma única frase, coloque-a de maneira igual nos dois campos. Abaixo um exemplo com o nome InfoWester:

Como Alterar a Letra da Partição do Sistema no Windows XP

07 – Destrave a impressora:

Algo que acontece com freqüência no Windows XP é a impressão parar e você não conseguir cancelá-la. Um jeito para lidar com isso sem reiniciar o computador é ir em Iniciar / Configurações / Painel de Controle / Ferramentas Administrativas / Serviços.

Procure por Spooler de Impressão, clique com o botão direito do mouse sobre ele e escolha Parar. Agora, vá em Iniciar / Configurações / Impressoras e escolha impressora em questão. em Exibir, clique em Atualizar.

Se a linha da impressão ainda estiver presente, simplesmente basta cancelá-la.

08 – Abrir a pasta All Users do menu Iniciar:

No Windows 2000 e XP, é possível a cada usuário ter um menu Iniciar personalizado. No entanto, há alguns itens que existem no menu Iniciar de todos. Para tirar ou acrescentar um item, vá em Iniciar e clique com o botão direito do mouse sobre Programas. Escolha Abrir a pasta All Users e faça as alterações que quiser.

09 – Mude as letras das unidades de disco:

Você pode mudar as letras das unidades de disco do seu computador. Para isso, vá em Iniciar / Configurações / Painel de Controle / Ferramentas Administrativas / Gerenciamento do Computador.

À esquerda, escolha o item Gerenciamento de disco. Na coluna que aparecer à direita, selecione a unidade de disco desejada, clique com o botão direito do mouse sobre ela e escolha a opção Alterar a letra da unidade de disco.

Agora você pode escolher a letra que achar mais conveniente.

10 – Usando o Visualizador da Área de Transferência:

O Visualizador da Área de Transferência não existe mais no menu Iniciar do Windows XP, mas ele ainda está disponível no sistema (com o nome de Visualizador da Área de Armazenamento). Para usá-lo, vá em em C:WindowsSystem32 e crie um atalho para o programa clipbrd.exe na Área de Trabalho do Windows.

Escrito por Emerson Alecrim – Publicado em 15_02_2004 – Atualizado em 01_06_2007

Como mudar o nome ea letra de uma partição no Windows XP, Vista e 7

Última atualização em Abril 25 2011 De Cristian Cismaru

Oi amigos, neste tutorial vamos aprender deumirea uma partição e alterar seu ponto. Como você sabe, as partições são chamados de “Disco Local” ou “Novo Volume” pelo sistema operacional.

Eu definitivamente quero mudar isso por várias razões, pode não gostar do nome dado ao sistema operacional, ou para nos ajudar a encontrar mais facilmente o que você está procurando quando você entrar em meu computador onde várias partições.

Eu poderia citar as partições para poupar tempo na navegação através do PC, a serem solicitados e saber sem ir para a partição que contém. Por exemplo, nós partição D jogos completos e vídeos musicais.

Por que não chamá-lo de música, filmes e jogos em vez de disco local e New Volume?
Outra coisa que podemos fazer é mudar a letra da unidade. Estes são referidos automaticamente em ordem alfabética pelo sistema operacional.

Uma situação em que gostaríamos de mudar a letra de unidade como um onde nós adicionamos outro em nosso disco de computador que por sua vez contém partições 2 ou 3.

Leia também:  Como aplicar uma compressa gelada: 12 passos

Uma vez inserido, o sistema operacional atribui automaticamente novas letras para as partições que ele contém a possibilidade de que as cartas já atribuído a uma partição existente no disco rígido, ser transferido para a nova unidade. O que vai sair no final? caos total, não para compreendê-lo, que é C do do disco rígido antigo, que é o D … novas partições que são difíceis. Mudando seu ponto de organizá-los de modo a que chegamos mais fácil e nós sabemos que que contém a partição antiga é que o novo disco rígido. Dito isto eu convido você para assistir a este tutorial em vídeo e veja como proceder exatamente para alterar o nome ea letra de uma partição.

Lembre-se, se você tiver sugestões, reclamações ou adições não hesite em escrever na caixa de comentários, de-também se reuniu caixa de comentários um usuário tem um problema e você pode ajudá-lo, não hesite em fazê-lo, a única maneira que podemos fazer este lugar melhor, ver a caixa de comentários!
Na caixa de comentários, tentando conseguir um pouco sobre o assunto para que outros visitantes podem oferecer um tutorial + comentários comentários relevantes pode ser um apoio extra para erros do usuário, ou o desejo de aprender.
Antes de fazer uma pergunta tente olhar através dos comentários mais antigos, a maioria das vezes já respondeu a sua pergunta.

  • Use mais categorias no topo do site e o motor de busca do canto direito de obter rapidamente o que você está interessado, temos mais de tutoriais 500 que cobrem quase todos os gêneros de software, temos percebido, eu você apenas tem que procurá-los e vê-los.
  • Instruções de uso videotutorial.ro

Search Engine.
Se, por exemplo, você tem um problema com o Yahoo Messenger, você pode entrar em nossos termos motor de busca como Yahoo, Mess, Messenger, id bagunça, multimess problema messenger, messenger erro, etc., você vai ver que você vai ter uma escolha.

Categorias.
Se você usar categoria drop-down, eles encontram o bar em categorias Início: Escritório, Graphic-Design, Hardware, Internet, Multimédia, Segurança, Sistema, Armazenamento, Backup, sob estas categorias são organizadas sub-categorias e sub-sub -categorii, isso é uma filtragem mais precisa.

Para encontrar algo relacionado ao Yahoo Messenger usando as categorias que podem levar a categoria:InternetNão vai abrir outras subcategorias onde escolher Voz-ChatDe lá você pode ir na subcategoria YahooFinalmente, com esses filtros chegará em uma página onde os únicos itens relacionados para o Yahoo Messenger ou o Yahoo Mail.

Arquivos.
em arquivo Você pode encontrar todos os nossos tutoriais organizados belos dias saptameni, meses e anos.
Tudo é lógico, basta seguir a lógica.

Divirta-se!

Adrian Burlugeanu…… ..linux.videotutorial.ro

Obter o Flash Player para ver o vídeo.

Windows 8.1 finalmente será o sucessor do Windows 7

Artigo

Por Iberê M. Campos e equipe

O Windows 7 foi um dos grandes sucessos da Microsoft, juntamente com o Windows XP, 2000 e 98.

A empresa demorou a se livrar do Windows XP, que chegou a ter mais de 90% de participação nos PCs de todo o mundo, e agora já avisou que acabar o suporte ao Windows 7, o que significa que ele que vai ser condenado à morte.

A empresa deseja que todo mundo migre para o Windows 10 e o futuro sistema de aluguel que está implantando, mas além desta despesa extra existem vários problemas que vão afligir os usuários de Windows 7 antes que isto aconteça, mas que poderão encontrar um substituto à altura no Windows 8.1 Update.

Foi difícil a Microsoft convencer os usuários a abandonarem o Windows XP. Afinal, para que trocar de Windows se o XP era bom, rápido, confiável e compatível com tudo o que existia? Além de tudo, o Windows Vista, que foi lançado para substituir o Windows XP, revelou-se um fracasso de organização e planejamento.

Lançado antes do tempo, com diversos problemas a serem resolvidos, o Windows 8 tinha um enorme problema de velocidade com os computadores da época e de compatibilidade com grande parte dos dispositivos de hardware que estavam em uso.

Razão pela qual muita gente que comprava computadores com Windows 8 preferia fazer o downgrade e voltar para o Windows XP ao invés de utilizar o Windows Vista.

Quando lançou o Windows 7 para substituir o Vista a empresa se reformulou. Trocou a equipe, mudou de estratégia e acabou criando um outro produto campeão.

Não é à toa que, atualmente, no final de 2018, o Windows 7 ainda está presente em nada menor que 37% dos computadores em todo o mundo, ou seja, mais de 1 em cada 3 computadores ainda roda o Windows 7. Existem vários motivos para isto.

O Windows 7 é rápido, estável e seguro, tem uma interface conhecida e compatibilidade com praticamente qualquer aplicativo lançado nos últimos 10 ou 15 anos.

Apesar deste sucesso, a Microsoft vai fazer com o Windows 7 o mesmo que já fez com seus sucessos anteriores, em especial o Windows XP.

Acontece que o suporte principal ao Windows 7 já terminou (em 13 de janeiro de 2015) e o “chorinho”, isto é, o suporte estendido, vai terminar em 14 de janeiro de 2020. Como estamos escrevendo este texto no final de 2018, significa que o Windows 7 vai durar mais 2 anos.

Depois disto será um enorme risco utilizar este sistema, sob pena de ter o PC invadido por todo tipo de praga virtual existente ou ainda a ser criado.

O interesse da empresa, óbvio e ululante, é limpar a área, ou seja, tirar sua obrigação de ficar oferecendo suporte a produtos antigos, vendidos no regime de preço fechado (em caixa) e passar a investir apenas na linha do Windows 10, que por enquanto ainda é vendido em caixa (licença permanente) mas que em breve será oferecido também no regime de assinatura, ou seja, de Software como Serviço (SAA, ou seja, Software As a Service).

Mas será que nós precisaremos realmente nos conformar de incluir a Microsoft nas nossas despesas mensais, juntamente com água, luz e telefone? Felizmente não, porque ainda há alternativas. E, no caso do Windows, pode estar no até aqui rejeitado Windows 8.1 Update.

A trajetória do Windows 8.1 Update

O Windows 8 começou a vida de maneira errada. Lançado prematuramente e sem estar totalmente testado e desenvolvido, acabou causando péssima impressão. Ao perceber a situação, a empresa apressou-se em corrigir o erro.

Escutou atentamente os usuários e lançou sucessivas edições e correções. No final das contas, depois de todo um processo, a versão Update 1 mostrou-se madura, segura, eficiente e confiável. Mas na época não convenceu, o estrago estava feito.

Os consumidores não estavam acreditando e continuaram preferindo o Windows 7.

Percebendo que o rótulo “Windows 8” estava condenado, a empresa então apressou-se em lançar o Windows 10, que nada mais era do que um Windows 8.1 Update 1 repaginado e com a volta (parcial) do famoso botão INICIAR, que sempre foi a crítica mais visível e aparente ao Windows 8.x.

Tecnicamente falando, se olharmos todas estas variações de Windows, do Vista até o Windows 10, vê-se que eles seguiram uma linha direta, com mudanças gradativas e, aparentemente, pré-programadas para levar o Windows do ponto de sucesso anterior (no caso, do Windows XP), até o ponto onde a Microsoft sempre quis chegar, que é tornar o Windows um serviço a ser cobrado em formato de aluguel.

Prova desta evolução e compatibilidade entre as versões é que todo micro que roda o Windows Vista também roda o Windows 7, 8 e 10. A grande maioria dos drivers de dispositivos feitos para Windows 8.1 servem também no Windows 10 e vice-versa.

Poderíamos enumerar vários outros fatores, mas para a análise que fazemos aqui basta lembrar que os micros que rodam bem o Windows 7 rodam também (e muito bem) o Windows 8.1. Porque isto é importante? Porque o Windows 7 está saindo de linha e precisaremos encontrar um substituto para continuar usando nossos PCs.

Ué, mas porque não migrar logo para o Windows 10? Simples: porque o Windows 10 está mostrando que a Microsoft não perdeu um velho costume, de engordar seus produtos a cada lançamento.

Cada atualização do Windows 10 vem mais pesada que a anterior, incluindo coisas novas que muitas vezes ninguém tinha pedido, e depois a Microsoft silenciosamente retira nas próximas atualizações.

O fato é que o Windows 10 vem ficando mais lento e pesado a cada edição. Quem usa o mesmo computador com Windows 10 desde que ele saiu pode sentir facilmente a diferença, em termos de tempo de boot, tempo de resposta geral e tempo para carregar os programas e depois executar as funções.

O bom trabalho de limpeza do código que foi feito nos tempos do Windows 7 e do Windows 8 está se perdendo, e isto é piorado pelo bloatware, isto é, aquele monte de programas que ninguém deseja e que vêm pré-instalados tanto no Windows quanto nos micros de marca, programas esses que só servem para ocupar espaço no HD e para desperdiçar capacidade de processamento do computador.

A situação, portanto, é a seguinte: o Windows 7 começou a virar um risco para a segurança, e o Windows 10 é pesado demais para rodar nos micros mais antigos, que por sua vez rodam bem com o Windows 7. Se o usuário não se dá bem com o Linux, precisará então escolher um outro Windows, que neste caso, por escolha óbvia, será o Windows 8.1 Update.

Será que o Windows 8.1 Update finalmente será reconhecido como um grande produto? Parece que sim

O Windows 8.1 Update foi sendo silenciosamente atualizado pela Microsoft nos últimos anos, e hoje é um produto estável e bem acabado. Longe dos problemas das primeiras versões do Windows 8. A única queixa dos usuários é quanto á falta do botão INICIAR, mas isto pode ser facilmente sanado com programas como o Classic Shell, que deixa o Windows 8.

1 Update igualzinho ao Windows XP ou ao Windows 7, de acordo com o gosto do usuário. De resto, o Windows 8.1 Update funciona de forma bem parecida tanto com o Windows 7 quanto com o Windows 10, e com uma vantagem adicional: toda versão de Windows é otimizada para o hardware mais comum que estiver em uso no momento de seu lançamento.

Por isso, se pegarmos um micro do tempo do Windows 7 (lançado em 2009) ele vai rodar o Windows 10 mais lentamente, por ser otimizado para hardware mais novo, e o contrário também é verdadeiro, isto é, se pegarmos um micro recente ele provavelmente vai rodar o Windows 10 mais rápido do que o Windows 7.

Isto é óbvio e esperado que aconteça, pois cada Windows deve ser feito para dar vida aos equipamentos atuais, e não para os antigos ou para os que ainda estão por vir.

Por isso, os usuários que ainda têm micros antigos, mas que ainda estão em bom estado, poderão tranquilamente, ao nosso ver, substituir o Windows 7 pelo Windows 8.1 Update + Classic Shell. O suporte do Windows 8.1 Update vai até 10 de janeiro de 2023.

Isto significa mais 3 anos, aproximadamente de vida útil em relação ao Windows 7.

Nestes 3 anos a mais, provavelmente estes computadores já terão chegado ao final de sua vida útil, e só daí teremos que substitui-los por outra coisa qualquer que poderá então, provavelmente, rodar satisfatoriamente o Windows 10 (ou seus sucessores).

Com base nesta previsão e sugestão que estamos fazendo é que retiramos o título deste artigo, ou seja, só agora, em 2018, 6 depois de lançado, é que o Windows 8 finalmente será o sucessor do Windows 7. Nem que seja só para manter em funcionamento os micros mais antigos.

O Windows 8.1 Update tem algumas vantagens adicionais, em especial para as empresas e outras organizações. Isto porque é possível comprar, tanto no Brasil quanto no exterior, licenças oficiais do Windows 8.1 por valores bastante baixos. É uma boa chance das empresas ficarem com seus Windows regularizados e a um baixo custo.

Cientes desta situação, nós da Thecnica Sistemas testamos o Windows 8.1 Update (na versão mais recente divulgada pela Microsoft) em diversos computadores com processadores antigos, fabricados na faixa de 10 a 6 anos atrás.

Comparamos a performance tanto com o Windows 7 quanto com o Windows 10, e acabamos nos convencendo de que estas máquinas poderiam tranquilamente ser usadas a partir de agora com o Windows 8.1 Update.

É este mesmo Windows que estamos oferecendo como atualização da nossa tradicional coleção de mídias de instalação, substituindo o DVD do 8.1 anterior.

Publicado em 26/11/2018 às 10:31 hs

Enviar para amigo Assinar newsletter Entre em contato
  • Se você já se cadastrou no site, basta fornecer seu nome e senha.
  • Caso ainda não tenha se cadastrado basta clicar aqui.

Como alterar a letra da unidade de inicialização no Windows XP

Se você tiver feito alterações na configuração de hardware do seu computador , tais como a adição de um novo disco rígido, as atribuições de letra de seus discos rígidos podem ter mudado.

Se a letra da unidade usada para inicializar as alterações do sistema operacional , você vai precisar para mudar a letra da unidade que o Windows XP utiliza para arrancar.

Por padrão , o Windows XP irá procurar a unidade C: durante a inicialização , então a letra da unidade que você deseja iniciar a partir de deve ser alterado para \ ” C: .

\ ” Você não deve alterar a letra da unidade de inicialização , a menos que mudaram a atribuição de letra de seus discos rígidos , pois isso fará com que o sistema operacional falhar durante o processo de inicialização. Instruções 1

Faça backup de todos os seus arquivos importantes e , em seguida, fazer logon no computador como administrador. 2

Vá para o menu “Iniciar \” \ e clique em Tipo de “Run “. ” Regedt32.exe ” e clique em “OK”. 3

  • Desça até localizar a chave do registro ” HKEY_LOCAL_MACHINE \ \ SYSTEM \ \ MountedDevices . ”
  • 4

Clique em ” MountedDevices ” e selecione “Permissões ” no menu Segurança. Verifique se a conta de administrador tem o controle completo do computador a partir da janela de permissões. Se isso não acontecer , mude as configurações de modo que ele faz. Uma vez completo, fechar ” Regedt32.exe “. 5

Voltar para a janela “Executar” e digite ” Regedit.exe “. Clique em ” OK”. 6

Role para baixo e localize a chave de registro Localize o C ” HKEY_LOCAL_MACHINE \ \ SYSTEM \ \ MountedDevices . ” : unidade , que será rotulado como ” DosDevices \ \ C:” . na guia MountedDevices 7

clique com o botão direito do mouse sobre a unidade e renomeá-lo com uma letra não . Por exemplo, você pode mudar ” DosDevices \ \ C: ” para ” DosDevices \ \ Z: ” desde que a letra \ “Z \ ” ainda não estiver atribuído a outra unidade em seu sistema 8.

Localize a unidade que você gostaria de atribuir como a nova unidade de inicialização e renomeie para “C:” usando o mesmo método usado para renomear o original C : . unidade 9

Feche o registro editor e reinicie o computador. Quando o computador é inicializado , ele irá inicializar usando a nova unidade especificada.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*