Como ajustar os espelhos retrovisores para eliminar pontos cegos

Muita gente não ajusta os espelhos do modo adequado, o que pode reduzir o campo de visão em até 40%, comprometendo a segurança

Regular os retrovisores do carro é algo bem simples, mas de extrema importância. Afinal, são eles que permitem que o motorista visualize veículos ou pedestres localizados em seus flancos ou na sua retaguarda, nos chamados pontos cegos. Vamos ensinar a ajustar o retrovisor corretamente.

Como regular os retrovisores

A regra básica para ajustar os espelhos é fazê-los cobrir a maior campo visual possível. “O retrovisor interno deve abranger a maior área possível do vidro traseiro. Já os externos devem pegar o mínimo possível a lateral do carro”, explica o coordenador técnico do Cesvi Brasil/Mapfre, Alessandro Rubio.

Ou seja, os motoristas que regulam os retrovisores de modo a mostrar grande parte das laterais do veículo estão aumentando os pontos cegos e, consequentemente, reduzindo a visibilidade e a segurança.

Vale lembrar que o retrovisor do lado esquerdo, mais perto do motorista, costuma ter a lente plana, enquanto o do lado direito, próximo ao carona, é geralmente convexo ou biconvexo.

“Essas diferenças são para melhorar o campo de visão do motorista. Espelhos convexos geralmente são utilizados para que o campo de visão seja ligeiramente ampliado”, explica Rubio. Por isso, os objetos mostrados pelo equipamento do lado direito costumam estar mais próximos que os vistos pelo lado esquerdo.

Como regular o retrovisor: passo a passo

  1. Sente-se no banco do motorista, na posição habitual na qual dirige
  2. Coloque o espelho retrovisor todo para fora
  3. Traga o espelho retrovisor lentamente para dentro até aparecer parte da traseira do carro (veja 1ª foto)
  4. Repita a operação no outro espelho retrovisor

Como Ajustar os Espelhos Retrovisores Para Eliminar Pontos CegosRegulagem correta é a diferença entre ver veículos posicionados nas laterais… Como Ajustar os Espelhos Retrovisores Para Eliminar Pontos CegosOu não enxergá-los, se a lente estiver ajustada de modo a reduzir o campo visual

  • Como Ajustar os Espelhos Retrovisores Para Eliminar Pontos Cegos
  • Como Ajustar os Espelhos Retrovisores Para Eliminar Pontos Cegos

Importância de regular o retrovisor

Antes de mais nada, é preciso destacar que não dar a devida atenção a esse equipamento pode trazer sérios riscos à segurança: “Regulando os retrovisores laterais de forma inadequada, ou seja, com grande parte do veículo sendo visível no espelho, você pode aumentar a área de ponto cego em até 40%, o que pode ser crucial para evitar um acidente”, explica Alessandro Rubio, coordenador técnico do Cesvi Brasil/Mapfre.

“Os espelhos retrovisores auxiliam o motorista a enxergar áreas que não podemos ver diretamente com os olhos, e, com uma regulagem adequada, eles reduzem significativamente os pontos cegos ao redor do veículo. Essa regulagem adequada pode tornar visível, por exemplo, uma motocicleta, que não seria notada pelos retrovisores quando esses estão mal-regulados”, prossegue Rubio.

Recursos que auxiliam retrovisores

Alguns modelos de automóveis, geralmente mais luxuosos, costumam dispor de recursos adicionais aos retrovisores. “Espelhos externos antiembaçante são dotados de aquecimento, que retiram as gotículas de água do vidro e melhoram a visibilidade (essa função é parecida com o antiembaçante do vidro traseiro).

Já os espelhos internos eletrocrômicos são dotados de tecnologia que identifica a intensidade de luz dos faróis do veículo traseiro e ‘escurecem’ a lente automaticamente, diminuindo o reflexo da luz nos olhos do motorista”, pontua o especialista do Cesvi Brasil/Mapfre.

  • Você viu? Saúde no carro: qual a melhor postura para os ocupantes?

Há ainda o alerta de ponto cego, que por meio de sensores e câmeras, identifica a presença de objetos nas laterais do veículo, que podem estar fora do alcance da visão do motorista, em um ponto cego.

Então, o sistema ativa uma luz, que se acende na lente do próprio retrovisor. Em todos esses casos, o condutor deve manter os recursos ativados para melhorar sua visibilidade.

Fotos Alexandre Carneiro | AutoPapo

Como evitar os pontos cegos?

Os pontos cegos são áreas que escapam da visibilidade do motorista, pois os espelhos não conseguem captar determinadas áreas ao redor do veículo. Esta situação pode causar acidentes graves, em especial durante ultrapassagens e conversões, uma vez que o motorista tem dificuldades para perceber se há outro veículo ou pedestre nesse ponto.

Itens obrigatórios no país, os espelhos externos têm variações de forma: podem ser retos, côncavos ou convexos. Os retos têm menos visibilidade e mostram a imagem em tamanho real, permitindo uma melhor avaliação da distância em que se encontram os outros veículos.

Nestes casos, é aconselhável a instalação de um espelho côncavo para diminuir os pontos cegos. Já os carros mais modernos costumam vir equipados com o convexo, que amplia o campo de visão – apesar de, nele, os outros veículos parecerem mais distantes.

Os espelhos internos costumam ser retos, tendo em vista que seu objetivo é cobrir apenas a área do vidro traseiro.

Em alguns casos, espelhos extras, sensores de distância traseira e até câmeras externas podem auxiliar numa melhor visão de todo o contexto externo, especialmente em manobras com a marcha à ré, durante as quais podem ocorrer acidentes.

Créditos: Divulgação

Como Ajustar os Espelhos Retrovisores Para Eliminar Pontos CegosPor melhor que estejam posicionados os retrovisores, os pontos cegos vão sempre existir, o que exige atenção redobrada sempre.

  • Além disto, confira outras dicas importantes:
  • Condutores de carros

O ajuste dos espelhos é fundamental. O motorista deve, ao sentar, inclinar a cabeça até quase encostar no seu vidro esquerdo. Então, deverá posicionar o espelho de tal lado em uma posição que só consiga ver o final da traseira do seu veículo.

Para ajustar o espelho da direita, o motorista deve alinhar a cabeça com o centro do carro, no meio dos bancos da frente, posicionando o retrovisor de maneira que também só consiga ver o final do veículo. Por último, o espelho central interno deverá ser ajustado de modo que o condutor possa ver perfeitamente o centro do vidro traseiro.

É importante não ter objetos no banco de trás ou perto do vidro traseiro impedindo sua visão.

Créditos: Divulgação

Como Ajustar os Espelhos Retrovisores Para Eliminar Pontos CegosEm carros e motos, miniespelhos convexos podem ser uma boa solução para diminuir muito os pontos cegos.

Motociclistas

O ajuste correto dos retrovisores também é decisivo para a segurança dos motociclistas. Em primeiro lugar, é importante ajeitá-los sempre que sentar na moto, já que eles não são muito rígidos, então qualquer batida involuntária pode mudá-los de posição.

Sobre duas rodas, vale a mesma lógica dos carros: abra os espelhos para ampliar o campo de visão. Como a moto praticamente não aparece no retrovisor, o ponto de referência é o seu ombro.

Apesar de os pontos cegos continuarem existindo, utilize o retrovisor, não olhe para trás.

Recomenda-se que sejam mantidos os itens originais, uma vez que foram testados e aprovados para o modelo. Também não mexa nos espelhos para poder passar nos corredores. Se há algum obstáculo, espere o trânsito liberar passagem, lembrando que só se deve trafegar em tais pontos quando o tráfego estiver parado.

Caminhoneiros e motoristas de ônibus

Caminhões e ônibus – por serem maiores – podem atingir veículos menores pela facilidade de estes entrarem em seu ponto cego (especialmente de seu lado direito), para toda mudança de faixa ou manobra o cuidado deve ser redobrado (dos condutores de caminhões e ônibus, sinalizando ao máximo o que está prestes a fazer; e dos motoristas de carros e motos, respeitando os possíveis pontos cegos e o tempo e espaço necessários para a manobra).Créditos: Divulgação

Como Ajustar os Espelhos Retrovisores Para Eliminar Pontos CegosOs caminhoneiros sofrem com grandes pontos cegos, pode ser muito útil a instalação de espelhos extras em variadas posições (ou a compra de modelos que os têm de série).

De acordo com o Centro de Experimentação e Segurança Viária (Cesvi), os fatores que mais influenciam na visão lateral de veículos grandes são o tamanho e a posição das áreas envidraçadas nas portas e dos espelhos retrovisores, assim como a quantidade de espelhos à disposição do condutor. Já na visibilidade frontal são o tamanho e inclinação do para-brisa; formato da carroceria; dimensões e inclinação e largura das colunas dianteiras.

Os pontos cegos de um veículo grande podem ser amenizados se forem instalados espelhos extras, como os convexos colocados na parte superior do retrovisor normal (o popular “olho-de-boi”). No caso dos caminhões, há ainda os colocados sobre a porta lateral direita, diminuindo os pontos cegos próximos à roda dianteira.Crédito: Divulgação

Leia também:  Como apagar todas as suas conversas do snapchat: 6 passos

Esta foto traz uma variação do olho-de-boi. Em vez de redondo, é um trapézio, mas o princípio é o mesmo: um espelho pequeno e convexo instalado no espelho normal para ter um maior campo de visão.

Fontes: Jornal O Povo, G1, Wikihow, Honda e Caminhões e Ônibus Ribeirão.

« Voltar

Ajuste os retrovisores para reduzir os pontos cegos no trânsito

Como Ajustar os Espelhos Retrovisores Para Eliminar Pontos CegosTalvez você já conheça os perigos dos pontos cegos no trânsito. Mas, você sabe como minimizar esse problema? Entenda como ajustar os retrovisores pode ajudar nessa missão.

  • Se você é um motorista cuidadoso e acompanha as nossas dicas já deve ter ouvido falar dos pontos cegos no trânsito.
  • Eles são verdadeiros perigos e afetam praticamente todos os motoristas.
  • Pra quem não lembra ou é novo por aqui, vamos reforçar essa definição antes de adentrarmos no tema de hoje.

Os pontos cegos do carro são os espaços entre o campo visual do retrovisor externo e o campo de visão direta do condutor. Ou seja, as áreas externas ao redor do carro que os espelhos não conseguem captar e, consequentemente o motorista não consegue enxergar.

Como você deve imaginar, essas falhas de visão são uma das principais causas de acidentes no trânsito. E justamente por isso pedem a nossa atenção.

E você, também quer saber mais sobre esse assunto?

Continue sua leitura para entender a origem desse problema e o que você pode fazer para aumentar sua segurança no trânsito. Desde já, saiba que aprender a ajustar os retrovisores é um importante aliado nessa missão.

Os perigos dos pontos cegos no trânsito

No fluxo normal do trânsito e, principalmente quando as ruas ficam cheias, nos movimentarmos nem sempre é uma tarefa das mais fáceis.

Quando temos a intenção de mudar de faixa ou de fazer uma conversão isso pode ser ainda mais problemático.

Em especial, se o motorista não conseguir identificar a presença de um outro veículo em determinado local. E é isso que acontece quando o motorista é afetado pelos pontos cegos no trânsito.

Essa situação pode causar desde simples colisões a graves acidentes. Por isso, todo o cuidado é pouco. Mais ainda, porque não temos como eliminar por completo todos os pontos cegos do trânsito.

Contudo, podemos minimizá-los ao máximo com alguns pequenos ajustes nos retrovisores.

A segurança aumenta quando os retrovisores estão bem regulados

Conforme você leu até aqui, os pontos cegos no trânsito ficam bem ao lado do carro, só que fora do campo de visão do motorista.

Para uns mais, outros menos, mas eles existem em todos os modelos, não tem jeito.

Agora, você pode aumentar a sua segurança e driblar essa situação perigosa. Para isso, basta ajustar os retrovisores regulando-os para que eles melhorem o seu campo de visão.

Primeiro: posicione-se corretamente no banco com as costas retas e, de forma que seus pés alcancem o pedal, mantendo os joelhos semiflexionados.

Depois disso, alinhe os retrovisores externos buscando a traseira do seu veículo e abra-o até que ela saia totalmente do seu campo de visão.

A intenção aqui é enxergar o mínimo do veículo e o máximo da via. Afinal, quando os retrovisores estão apontando para o próprio carro, o espelho não é capaz de mostrar os demais veículos.

Ajuste também o espelho interno. Faça isso de forma que ele te permita enxergar todo o vidro de trás.

Além disso, é bom ficar atento aos pontos cegos estruturais de cada modelo, como: altura, tamanho do veículo, pilares, encostos de cabeça e a altura da traseira.

Lembre-se que a sua segurança aumenta na medida que você conhece o seu veículo e consegue perceber os lugares onde a visibilidade fica comprometida. Dirija, portanto, com o máximo de cuidado.

Dica extra para você evitar acidentes

Todo e qualquer veículo é dotado de espelhos retrovisores. E isso não é um mero acessório, mas sim um item obrigatório, inclusive para as bicicletas.

A questão é que, cada um deles têm uma forma diferente. O espelho interno costuma ser reto. Enquanto isso, os externos têm versões retas, côncavas e convexas.

Os carros mais modernos costumam vir com o convexo, que amplia os campos de visão.

Mas, se você não tem esse acessório de fábrica é aconselhável a instalação de um espelho côncavo para diminuir os pontos cegos.

Espelhos auxiliares, sensores de distância traseira e câmeras externas também são bastante válidos. Todos eles funcionam para reforçar a sua segurança, melhorando o seu campo de visão.

E aí, gostou das dicas sobre como ajustar os retrovisores e reduzir os pontos cegos no trânsito? Se quiser saber mais sobre educação no trânsito, continue acompanhando nosso blog. Toda semana temos novos artigos sendo publicados.

Como regular os espelhos retrovisores e eliminar pontos cegos

Aprenda a melhor maneira de regular os espelhos retrovisores do seu carro e diminuir pontos cegos

A regra é clara: antes de colocar a chave na ignição e dar partida no carro, seguimos alguns hábitos e recomendações, como ajustar o banco, verificar se o volante está a uma boa distância, o alcance dos pedais, regular os espelhos retrovisores, entre outros detalhes. Afinal, nada melhor do que tudo adaptado ao seu modo de dirigir.

Lá atrás, quando você aprendeu a dirigir, provavelmente o instrutor lhe passou todas essas recomendações e outras dicas mais, como por exemplo, sobre os pontos cegos de cada lado do carro, que sempre devem ser verificados principalmente antes de uma mudança de faixa ou curva.

Entretanto, o ajuste do espelho retrovisor torna-se um hábito que muitas vezes não é feito corretamente. Usar corretamente os retrovisores exige algum cuidado pois, para cada tipo de pessoa ele deve se posicionar de uma forma diferente. Então, no artigo de hoje, falaremos exatamente disso, em como ajustar da maneira correta os espelhos retrovisores do seu carro.

Realizar todas as funções adequadamente dentro do seu carro é de extrema importância para uma direção segura.

Os espelhos retrovisores de um veículo são como uma extensão de nossa visão, já que permitem que nós condutores tenhamos uma visibilidade clara sobre o que se passa atrás e também em ambos os lados do carro.

E para isso, é imprescindível que os espelhos estejam sempre limpos para refletir uma imagem nítida.

O espelho retrovisor tem um significado tão importante para nosso carro que seria impensável, para não dizer impossível, dirigi-lo sem os retrovisores, pois faltaria algo essencial para poder nos guiar e conduzir o veículo.

Os espelhos retrovisores, além de serem obrigatórios por lei, evitam muitos acidentes pois diminuem os pontos cegos. Você sabe o que é o ponto cego? 

“Ponto cego” do carro é a área ao redor dos automóveis que não pode ser observada de modo direto pelo condutor. Ou seja, são as áreas que escapam da visibilidade do motorista, pois os espelhos não conseguem captar determinadas áreas ao redor do veículo.

Uma boa regulagem dos espelhos retrovisores são de suma importância para qualquer motorista. É com eles que sabemos se tem outros veículos ou motocicletas nas ruas ou estradas, como também pedestres e objetos no asfalto, assim evitando acidentes.

Agora, vamos conferir algumas dicas para ajustar corretamente seus espelhos retrovisores e dirigir com segurança:

1 – Para considerar que a regulagem dos espelhos retrovisores esteja boa, é necessário ter em mente que o motorista precisa estar em uma postura adequada.

Não adianta mudar a posição dos seus retrovisores se você está com o banco fora do lugar! Por isso, antes de começar toda a tarefa, certifique-se se você está no lugar certo e se você se sente confortável dessa forma para dirigir.

2 – Após acertar sua postura, como também o alcance dos pedais, punhos semi-flexionados ao volante, e costas bem apoiadas no encosto dos bancos, é hora de dar uma conferida nos espelhos.

Iniciamos a regulagem do retrovisor interno de forma que seja possível visualizar a maior parte da via traseira.

Você o regula corretamente quando a maior área do vidro está sendo vista e você tem a sua visão do que está acontecendo na parte traseira do seu veículo.

 Dica importante! A visão do retrovisor interno pode variar de acordo com a altura do veículo e isso pode bloquear a visão do motorista com relação a objetos pequenos ou crianças. Por isso, antes de sair, verifique em volta do veículo se há algum objeto ou crianças, se não tiver, mesmo assim, saia de forma cautelosamente, que isso evita acidentes.

Leia também:  Como carregar uma pessoa ferida durante os primeiros socorros

3 – Agora vamos aos ajustes dos espelhos retrovisores externos. O ajuste correto nos retrovisores externos lhe garantirá alguns metros de visão traseira, e principalmente a diminuição do ponto cego.

Normalmente acontece o seguinte: as pessoas regulam o espelho retrovisor vendo uma parte do veículo, talvez como uma referência de visão. Portanto, a sacada desse ajuste é você regular o espelho retrovisor um pouco mais pra fora, diminuindo a visão do seu veículo e aumentando a visão da via.

Faça o teste! Você vai ganhar mais visão! E consequentemente vai diminuir os pontos cegos, assim contribuímos com a redução de acidentes.

Vale lembrar que o retrovisor do lado esquerdo – aquele mais próximo do motorista – costuma ter a lente plana, enquanto o do lado direito, próximo ao passageiro, é geralmente convexo ou biconvexo.

Especialistas explicam que essas diferenças são para melhorar o campo de visão do motorista. Espelhos convexos geralmente são utilizados para que o campo de visão seja ligeiramente ampliado.

Por isso, outros carros, pessoas e objetos mostrados pelo espelho do lado direito costumam estar mais próximos que os vistos pelo lado esquerdo.

Assista ao vídeo abaixo, do iCarros, e aprenda a melhor maneira de fazer os ajustes.

Tarefa fácil, certo? Seguindo essas dicas não tem como errar na hora de regular seus espelhos retrovisores! Não perca mais tempo, não deixe esse detalhe passar despercebido! Use os espelhos retrovisores antes de fazer qualquer manobra, antes de sinalizar, durante a condução do veículo, e também, antes de abrir a porta do carro. Todas essas ações irão fazer com que você evite acidentes e se mantenha em segurança.

E conte com a nossa equipe de vendas quando estiver precisando de peças automotivas. Entre em contato pelos telefones (11) 2014 8640 e Whatsapp (11) 99604 8850, ou acesse nossa loja online.

#AutoPeçasMolina é informação! ????

Como ajustar o retrovisor para eliminar os pontos cegos

Quando estamos em um veículo contamos basicamente com duas visões naturais, que são as dianteiras e as periféricas, pelas quais conseguimos visualizar os objetos.

Há ainda as visões que não temos naturalmente, que são auxiliadas pelos retrovisores.

Esses itens de segurança além de serem obrigatórios por lei evitam muitos acidentes, pois diminuem os chamados pontos cegos.

Os pontos cegos são um dos principais responsáveis por acidentes, sobretudo com motocicletas. Além de serem os culpados daquela famosa frase “surgiu do nada”. No entanto, essa falha de visão se deve principalmente pelo ajuste dos espelhos, pois com eles sabemos se tem outros veículos ou motocicletas na pista, como também pedestres e objetos no asfalto. 

Passo a Passo

Para eliminar os pontos cegos, o motorista deve, ao sentar, inclinar a cabeça até quase encostar no vidro esquerdo. Então, deverá posicionar o espelho de tal lado em uma posição que só consiga ver o final da traseira do seu veículo.

Para ajustar o espelho da direita, o motorista deve alinhar a cabeça com o centro do carro, no meio dos bancos da frente, posicionando o retrovisor de maneira que também só consiga ver o final do veículo. A ideia é enxergar o mínimo do veículo e o máximo da rua.

Por último, o espelho central interno deverá ser ajustado de modo que o condutor possa ver perfeitamente o centro do vidro traseiro.

Ainda têm dúvidas de como usar os espelhos do carro ao seu favor? Então confira algumas dicas de como eliminar os pontos cegos no vídeo acima!

Se essa dica foi útil para você não esqueça de compartilhar com seus amigos nas redes sociais. Aproveite também para se inscrever em nosso canal no Youtube e acompanhar nossos vídeos.

Veículo ponto cego – Vehicle blind spot

Um ponto cego em um veículo é uma área em torno do veículo que não pode ser directamente observado pelo condutor enquanto nos controlos, em circunstâncias existentes. Existem pontos cegos em uma ampla gama de veículos: aviões, carros, lanchas, veleiros, e caminhões. Outros tipos de transporte não têm pontos cegos em tudo, como bicicletas , cavalos e motocicletas . O ajuste adequado de espelhos e uso de outras soluções técnicas podem eliminar ou atenuar os pontos cegos do veículo.

A zona de exclusão é uma das várias áreas em torno de um grande caminhão, onde o motorista do caminhão não pode ver. As colisões ocorrem com freqüência em nenhuma zona.

No transporte , a visibilidade do condutor é a distância máxima em que o motorista de um veículo pode ver e identificar objetos proeminentes em torno do veículo.

Visibilidade é determinada principalmente pela meteorológicas condições (ver visibilidade ) e por uma concepção do veículo . As partes de um veículo que visibilidade influência incluem o pára-brisas , o painel e os pilares .

Boa visibilidade do condutor é essencial para o tráfego rodoviário seguro .

Sinal utilizado em alguns países para alertar sobre uma frente de ponto cego na estrada

Pontos cegos podem ocorrer na frente do motorista quando o pilar (também chamado o pilar de pára-brisa), retrovisor lateral , ou interior espelho retrovisor bloquear a visão do motorista da estrada. Atrás do motorista, carga, encostos de cabeça e adicionais pilares podem reduzir a visibilidade.

Ajustar espelhos para acabar com pontos cegos lado

Se os espelhos retrovisores laterais de um automóvel são ajustadas de uma maneira particular, não há nenhum ponto cego nos lados. Uma tal disposição pode reduzir significativamente a probabilidade de furtos laterais e outros acidentes, particularmente durante a mudança de faixas.

Este método foi revelado pela primeira vez por George Platzer em um papel 1995 apresentado à Sociedade de Engenheiros Automotivos . O método é frequentemente ignorado na educação do motorista aulas e leva algum tempo para se acostumar.

Eliminação calculada de pontos cegos por motoristas devidamente treinados é barato e evita a necessidade de soluções tecnológicas dispendiosas para esse problema, drivers fornecidos tomar o tempo para configurar e usar seus espelhos de forma eficaz.

O arranjo que aponta para os espelhos de visão lateral substancialmente fora de borda em um mecânico fixo fórmula é relativamente simples de realizar, mas leva algum esforço experiente e habituar-se. Ele tem a fama de ser um salva-vidas.

No entanto, uma fonte considera que o método de um erro de condução e reivindicações é ainda mais perigoso do que não usá-lo, porque cria outros pontos cegos diretamente atrás do veículo e nove razões são listados, por exemplo , ao fazer backup-que são impossíveis de eliminar, até um “cheque ombro”.

Invisibilidade para trás é um assunto completamente diferente. A área diretamente atrás de veículos é a fonte de colisões de back-up , particularmente envolvendo pedestres, crianças e objetos diretamente popa de um veículo. Essa área tem sido chamado de uma “zona de morte”.

Estes problemas são objeto de uma série de soluções tecnológicas, incluindo (em ordem aproximada de complexidade tecnológica, mais simples em primeiro lugar): espelho retrovisor , Retrovisor Lateral , lente Fresnel , sonar , sensores de estacionamento e câmera de backup .

A adidos problema semelhante ao posições esquerda e direita do pára-choque traseiro de um dos veículos, como as tentativas de driver para trás para fora de um espaço de estacionamento.

Sistemas de aviso de alerta de tráfego cruzado especialmente concebidos foram desenvolvidos para lidar com estes.

Veículos motorizados

O motorista do carro azul vê o carro verde através dos espelhos, mas não pode ver o carro vermelho sem se virar para verificar o ponto cego (os espelhos não são ajustados corretamente)

Como se está dirigindo um automóvel , pontos cegos são as áreas da estrada que não podem ser vistos ao olhar para a frente ou através de qualquer retrovisor ou espelhos laterais (esperando que os espelhos laterais adequadamente ajustados em um auto de passageiros – veja acima). Os mais comuns são os pontos cegos trimestre traseiros, áreas em direção à parte traseira do veículo em ambos os lados. Veículos nas pistas adjacentes da estrada que se enquadram nessas pontos cegos podem não ser visíveis utilizando apenas espelhos do carro. Pontos cegos traseiros podem ser:

Leia também:  Como aplicar perfume: 6 passos

  • verificado rodando a cabeça brevemente (arriscando colisões traseiras),
  • reduzida através da instalação de espelhos com maiores campos de visão , ou
  • eliminadas, reduzindo sobreposição entre laterais e espelhos retrovisores ajustando espelhos laterais de modo que o lado do carro é apenas visível quando sua cabeça está entre os assentos dianteiros (para o espelho do lado direito) e quase tocando a janela motoristas (para o lado esquerdo espelho), em seguida, verificar para ter certeza que você pode ver os carros se aproximando por trás de ambos os lados quando na estrada.

Outras áreas que às vezes são chamados pontos cegos são aqueles que são demasiado baixo para ver atrás, na frente, ou para os lados de um veículo, especialmente aqueles com um ponto de condução elevada.

visibilidade dianteira

Este diagrama mostra a vista bloqueado numa posição horizontal plano em frente do condutor. Os pontos cegos front-end causados por isso pode criar problemas no tráfego situações, como em rotundas , cruzamentos e cruzamentos . Pontos cegos front-end são influenciados pelos seguintes critérios de design:

  • Distância entre o motorista e o pilar
  • Espessura do pilar
  • O ângulo do pilar, numa vista lateral plano vertical
  • O ângulo do pilar numa vista frontal plano vertical
  • a forma da reta pilar ou arco-forma
  • Ângulo do pára-brisa
  • Altura do motorista em relação ao painel de instrumentos
  • Velocidade do carro oposto

40 ° de ângulo de um pilar pontos cegos barra

Efeitos do ângulo do pilar sobre visibilidade

Um acidente causado em parte por um ponto cego A-pilar.

A maioria dos carros de passageiros tem um pilar diagonal como mostrado neste vista lateral. O ângulo entre o horizonte e do pilar A é de aproximadamente 40 graus com um pilar linear que não é demasiado espessa. Isto dá ao carro um corpo forte, aerodinâmico com uma porta da frente de tamanho adequado.

Um pilar vertical,-ter pequenos pontos cegos

pára-brisa panorâmico

Os lados de uma panorâmica pára-brisas são curvas, o que faz com que seja possível conceber-pilares verticais que dão o máximo condutor visibilidade para a frente.

No entanto, é impossível projetar um carro pequeno aerodinâmica com um pilar vertical, porque o mais vertical da A-pilar é, o espaço menos a abertura da porta tem, e quanto maior área frontal e coeficiente de arrasto do veículo terá.

Exemplos de carros com um pilar quase vertical:

bares Um pilar reduzir a visibilidade do condutor

pára-brisas planas

Alguns modelos de automóveis modernos têm um ângulo A-pilar extremamente plana com o horizonte. Por exemplo, o Pontiac Firebird e Chevrolet Camaro 1993-2002 teve um ângulo de pára-brisas de 68 ° com a vertical, o que é igual a apenas 22 ° com a horizontal.

Vantagens A mais plana da A-pilar incluir a redução do total coeficiente de arrasto e fazendo o corpo do carro forte em uma colisão frontal, à custa de reduzir a visibilidade do condutor em um campo de visão de 180 ° da esquerda para a direita.

Um planas do pilar A (e, por conseguinte, pára-brisas) é também um factor para o cálculo dos efeitos de uma colisão com um pedestre. Em um general ângulo mais plana resultará em um impacto mais suave, dirigindo o pedestre “para cima e sobre” ao invés de diretamente no pára-brisas.

Isto é particularmente verdadeiro para carros como o Mercedes-Benz Classe A , que também têm uma baixa cobertura do motor em ângulo.

Carro com um “copo trimestre”, Visibilidade dos motoristas curtos e altos

Outras desvantagens de um ângulo plana pára-brisas

  • Outro tráfego não pode ver o motorista por meio da reflexão, se o motorista pode vê-los.
  • O aquecedor precisa de mais tempo para aquecer a superfície janela maior.
  • O ângulo de pára-brisa plana não deixa neve escorregar facilmente.
  • O motorista não pode alcançar a janela do apartamento inteiro para limpá-lo facilmente.

Altura do driver

altura motorista também pode afetar a visibilidade.

Um A-pilar que é dividida e tem uma pequena janela triângulo (Frente de vidro Quarter ) pode dar um curto motorista problemas de visibilidade. Alguns carros do pára-brisa é filé com a linha de telhado com um grande raio. Uma rodada pilar filé pode dar uma altos problemas de visibilidade do condutor. Além disso, por vezes, o pilar pode bloquear o driver de motociclistas vendo.

Além disso, o B-pilar pode bloquear a visão de um motorista altura em pequenas 4 carros portas.

Virando a cabeça reduz ponto cego

Um condutor pode reduzir o tamanho de um ponto cego ou eliminá-lo completamente, rodando a sua cabeça na direcção da obstrução. Isto permite o motorista para ver melhor em torno da obstrução e permite a percepção do piloto melhor profundidade.

Visibilidade em um conversível

Uma vez que não existe nenhuma ligação entre o telhado A- e B-pilares, os pilares A de um conversível automóvel tem que ser mais forte e ainda mais espessa.

No entanto, com a parte superior para baixo não há pilares B ou C, a melhoria da visibilidade para trás do condutor.

reflexões de pára-brisa

Luz Solar painel reflexão

painel reflexão

  • É melhor se o painel tem uma superfície anti-reflexo de cor escura.
  • Um pequeno painel dá alguma reflexão sobre a parte inferior do pára-brisa.
  • Um grande painel pode dar reflexão sobre altura dos olhos.

Um pilar reflexão

É melhor se o interior do pilar tem uma superfície anti-reflexo de cor escura.

Se o lado da janela é curvo há menos reflexo A-pilar.

através da luz reflexão telhado

Alguns novos carros modelo tem um grande teto solar . Às vezes, a luz solar através do telhado acende-se no painel de instrumentos e dá um reflexo no pára-brisa.

Outros fatores de design automóvel

Outros fatores de design pode impedir um fabricante de maximizar a visibilidade.

Estes incluem segurança, como pilares mais estreitos não pode ser feita forte tão facilmente como pilares mais espessas, e restrições de tamanho pertencente a aerodinâmica, como mais alto, pára-brisas mais verticais criar arrasto adicional e reduzir a eficiência do combustível. Eles também incluem moda e custo, em que considerações de design e aparência pode ser considerado preeminente.

Pai anterior da Volvo Ford Motor Company , desde então, adaptou o sistema para as Ford, Lincoln e Mercury marcas.

Este sistema foi introduzido pela primeira vez no Volvo S80 sedan e produziu um alerta visível quando um carro entrou no ponto cego enquanto um motorista foi mudar de faixa, usando duas portas montadas lentes para verificar a área local cego para uma colisão iminente.

Em produtos de Ford, o sistema foi introduzido pela primeira vez na primavera de 2009, sobre o Ford Fusion 2010 e Fusion Hybrid 2010 Mercúrio Milão e Milan Hybrid e 2010 Lincoln MKZ e Mazda 6. Esta tecnologia também foi introduzido no 2010 Mazda CX-9 Grande modelo Touring.

Alguns sistemas mais recentes e mais caros usar radar lado oferecendo um desempenho melhor e também avisar de veículos se aproximando rapidamente entram no ponto cego.

barcos

Um ponto cego em uma (grande) lancha

pontos cegos existem também na frente dos barcos. Quando o barco acelera, o arco sobe, aumentando o tamanho do ponto cego.

vasos grandes podem ter até várias centenas de metros de ponto cego. Este é geralmente conhecido como o alcance visual morto de um navio.

Para resolver isso, as câmeras são, por vezes, colocado na parte da frente do navio para cobrir o campo faltando de vista.

Existem pontos cegos onde áreas atrás da vela são obscurecidos da vista de um piloto sobre um veleiro ou windsurfer . Isto é especialmente verdadeiro quando são colocadas saltos ao longo ; consequentemente, janelas transparentes são por vezes costurado em velas.

Veja também

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*