Suv Peugeot 2008 em São Paulo

  • Brasil
  • >
  • SP
  • >
  • DDD 11 – São Paulo e região
  • Capital:Grande São Paulo:Outros:

    DDD 11 – São Paulo e região

    Carros, vans e utilitários

    Pagamento e entrega

    Categoria sem OLX Pay

    Tipos de anúncio

    Todos os anúncios

    Ordenar por

    Mais Relevantes

    • Suv Peugeot 2008 em São PauloProfissionalHoje às 12:33 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo36.458 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila Nova ConceiçãoProfissionalHoje às 12:32 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo25.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalHoje às 12:11 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo70.288 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalHoje às 11:59 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo103.000 km | Câmbio: Manual | FlexEmbu das Artes, Jardim Santa TerezaProfissionalHoje às 11:40 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo34.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalHoje às 10:01 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo82.103 km | Câmbio: Automático | FlexSão Bernardo do Campo, Rudge RamosProfissionalHoje às 08:16 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo48.447 km | Câmbio: Automático | FlexSão Caetano do Sul, Santo AntônioProfissionalHoje às 07:20 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo11.998 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila Regente FeijóProfissionalOntem às 21:39 – Profissional
    • Suv Peugeot 2008 em São Paulo422 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila Regente FeijóProfissionalOntem às 19:01 – Profissional
    • 57.642 km | Câmbio: Automático | FlexSanto André, Tamanduateí 8ProfissionalOntem às 18:30 – Profissional
    • 107.870 km | Câmbio: Manual | FlexSão Bernardo do Campo, DemarchiProfissionalOntem às 18:03 – Profissional
    • 18.000 km | Câmbio: Manual | FlexProfissionalOntem às 13:50 – Profissional
    • 10.901 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Campos ElíseosProfissionalOntem às 13:46 – Profissional
    • 4.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalOntem às 12:55 – Profissional
    • 12.500 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalOntem às 12:18 – Profissional
    • 28.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalOntem às 12:10 – Profissional
    • 10.901 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Campos ElíseosProfissionalOntem às 11:34 – Profissional
    • 37.000 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila GuilhermeProfissionalOntem às 11:07 – Profissional
    • 27.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalOntem às 10:06 – Profissional
    • 49.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalOntem às 08:44 – Profissional
    • 40.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissionalOntem às 08:12 – Profissional
    • 19.907 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Campos ElíseosProfissional14/04 às 23:19 – Profissional
    • 5.971 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila AricanduvaProfissional14/04 às 21:40 – Profissional
    • 2.550 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, São Miguel PaulistaProfissional14/04 às 18:48 – Profissional
    • 64.014 km | Câmbio: Automático | FlexSanto André, Tamanduateí 8Profissional14/04 às 17:44 – Profissional
    • 15.005 km | Câmbio: Automático | FlexProfissional14/04 às 17:03 – Profissional
    • 38.140 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila CalifórniaProfissional14/04 às 16:38 – Profissional
    • 15.000 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila AricanduvaProfissional14/04 às 16:33 – Profissional
    • 19.907 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Campos ElíseosProfissional14/04 às 15:09 – Profissional
    • 21.076 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Campos ElíseosProfissional14/04 às 14:24 – Profissional
    • 50.000 km | Câmbio: Manual | FlexSanto André, Vila Homero Thon
    • 65.000 km | Câmbio: Manual | FlexSão Paulo, Jardim Silva TelesProfissional14/04 às 11:13 – Profissional
    • 36.000 km | Câmbio: Automático | FlexGuarulhos, Jardim Guilhermino
    • 13.000 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila GuilhermeProfissional13/04 às 22:18 – Profissional
    • 30.000 km | Câmbio: Manual | FlexAtibaia, Atibaia BelvedereProfissional13/04 às 21:00 – Profissional
    • 19.900 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Instituto de PrevidênciaProfissional13/04 às 20:57 – Profissional
    • 28.320 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Campos ElíseosProfissional13/04 às 19:28 – Profissional
    • 25.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissional13/04 às 19:10 – Profissional
    • 7.404 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, Vila AricanduvaProfissional13/04 às 17:31 – Profissional
    • 85.149 km | Câmbio: Manual | FlexSão Paulo, Instituto de PrevidênciaProfissional13/04 às 16:14 – Profissional
    • 35.000 km | Câmbio: Automático | Flex
    • 13.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissional13/04 às 13:40 – Profissional
    • 19.696 km | Câmbio: Automático | FlexProfissional13/04 às 13:22 – Profissional
    • 57.000 km | Câmbio: Automático | FlexSão Paulo, São Miguel PaulistaProfissional13/04 às 13:13 – Profissional
    • 10.400 km | Câmbio: Automático | Flex
    • 8.000 km | Câmbio: Automático | FlexSanto André, Vila ValparaísoProfissional13/04 às 03:58 – Profissional
    • 12.000 km | Câmbio: Automático | FlexProfissional12/04 às 22:19 – Profissional
    • 16.870 km | Câmbio: Automático | FlexSão Bernardo do Campo, DemarchiProfissional12/04 às 19:55 – Profissional
    • 97.800 km | Câmbio: AutomáticoProfissional12/04 às 19:32 – Profissional

    Página 1 de 3

    Com bom custo benefício, novo Peugeot 2008 chega com a gama toda automática

    São Paulo (SP) — Andamos em duas versões do novo Peugeot 2008, a Allure Pack e a topo Griffe THP, agora com motor turbo e câmbio automático. Essa é uma das principais novidades do facelift do utilitário compacto francês, que não conta mais com transmissão manual e acaba de chegar às lojas a partir de R$ 69.990. No entanto, a turbinada só estará disponível em outubro.

    CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

    Com preço bastante agressivo e equipamentos de série, desde a versão de entrada, interessantes, o 2008 2020 chega como uma boa opção para quem quer um SUV compacto. A segunda configuração, a Allure Pack, sai por R$ 79.990, já a topo chegará por R$ 99.990.

    Suv Peugeot 2008 em São PauloA grade segue o padrão do 3008 e do 5008.

    Visualmente falando, o utilitário chega renovado, principalmente na dianteira. Agora ela está alinhado com os irmãos maiores, ao adotar o estilo visual da marca. A grade frontal é semelhante com a do 3008 e do 5008, a diferença é que ela não é cromada, mas sim, em preto brilhante.

    O para-choque também conta com novo desenho, assim como os faróis, que ganharam a luz de circulação diurna no estilo outros SUVs. As rodas contam com novo desenho e segue o padrão diamantado. Por ser um facelift, a traseira quase não sofreu alteração. Por dentro, a principal modificação é na tela da central, que agora é flutuante.

    Suv Peugeot 2008 em São PauloTodas as versões contam com câmbio automático.

    A cabine é um grande porém. O acabamento é muito bem feito, não importando a versão, não há rebarbas nem peças mal encaixadas. A questão são os materiais. Para as versões de entrada, ele é bem condizente com o valor pedido. Mas para a topo deixa um pouco a desejar, poderia ter um trabalho melhor.

    CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

    No entanto, a Griffe (mesmo com motor aspirado), conta com uma peça exclusiva do modelo para a categoria, teto solar panorâmico. O 2008 é o único SUV compacto que conta com teto quase todo de vidro, ponto para o francês. O espaço interno é bem parecido com o resto do segmento, leva quatro adultos com tranquilidade, mas um quinto passageiro fica apertado.

    Diferenciais

    Suv Peugeot 2008 em São PauloPor dentro, a posição da central multimídia é uma das novidades.

    O 2008 tem dois diferenciais, o valor do modelo de entrada e a configuração da topo de linha. Quem está pensando em comprar um SUV compacto na casa dos R$ 100 mil, o francês se torna uma excelente opção com a inclusão do câmbio automático junto com o motor turbo.

    CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

    O conjunto mecânico honra o termo Sport do nome da categoria (Veículo Utilitário Esportivo, em tradução livre de SUV). Afinal, são 173 cavalos com etanol e 165 com gasolina. O câmbio automático permite uma condução mais confortável.

    Suv Peugeot 2008 em São PauloO porta-malas é de tamanho razoável, 355 litros.

    O pequeno utilitário acelera bem e as respostas do motor são boas. O contato com a THP foi breve, em uma pista fechada, mas deu para perceber toda a capacidade do SUV. O câmbio também conta com uma opção sport, que otimiza ainda mais a direção. No entanto, a ausência das borboletas no volante é sentida, principalmente para um veículo turbinado.

    Nosso contato maior foi com a Allure Pack. A diferença dela para a versão de entrada é pequena, apenas as rodas de liga leve, os faróis de neblina e a câmera de ré, para um aumento de R$ 10 mil, é pouca coisa. De resto, ela é idêntica a Allure, que conta com um ótimo custo benefício, principalmente para quem quer um SUV automático e não quer gastar mais que R$ 75 mil.

    Leia também:  Utilitario Fiat Manual em São Paulo com Direção hidráulica

    CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
    Suv Peugeot 2008 em São PauloA versão com motor THP responde muito bem.

    Ela é equipada com o mesmo câmbio, automático de seis velocidades, mas o motor é o 1.6 aspirado de 118 cavalos. Com isso, não queira uma tocada esportiva, principalmente com carro cheio. Rodamos com o francês de São Paulo para o interior paulista.

    Na cidade, ele vai bem. O rodar é macio, a suspensão trabalha bem absorvendo as imperfeições do solo, como um bom SUV deve ser. A transmissão também vai bem, sem solavancos nas trocas. Agora, não queira exigir muito do motor, afinal, são apenas 118 cavalos. Mas para rodar na cidade, não há problemas.

    Suv Peugeot 2008 em São PauloComo um bom SUV, tem boa altura de solo

    A questão é na estrada, por não ter muita potência, ele deixa a desejar, principalmente na hora de realizar uma manobra de aceleração como em ultrapassagens e retomadas de velocidades. É preciso ter atenção e cuidado, como em quase todos os SUVs compacto a venda no Brasil.

    CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

    Quase um dez

    Suv Peugeot 2008 em São PauloVelocímetro digital de série.

    A lista de equipamentos do 2008 é interessante, mesmo na versão de entrada. Como já falamos, a Allure Pack aumenta pouca coisa em relação a Allure. O que torna o utilitário francês uma das melhores opções custo/benefício do mercado.

    Com isso, ele conta com airbags laterais, luz de circulação diurna em LED, central multimídia com tela de sete polegadas e conexão com smartphone via Android Auto e Apple CarPlay de série, sem falar nos básicos ar-condicionado, vidros, travas, direção e retrovisores elétricos.

    CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
    Suv Peugeot 2008 em São PauloA traseira não mudou praticamente nada.

    Já a topo, ganha ar-condicionado digital dual zone, teto solar panorâmico, sensores de chuva e luminosidade e câmera de ré e rodas em liga leve da Allure Pack. O preço, em comparação com os concorrentes, é honesto também, afinal é R$ 100 mil por um modelo turbo. Mas ela poderia ser mais recheada.

    Entre os itens que faltam, abertura das portas e partida do motor por chave presencial, as borboletas no volante e freio de estacionamento eletrônico. Saída de ar e portas USB para a traseira também seriam um diferencial a mais para o modelo.

    A opinião do Diário Motor

    Suv Peugeot 2008 em São PauloUm SUV compacto com visual robusto.

    O 2008 é um veículo que entrega bem. Ele é um dos poucos representantes da categoria — que mais cresce no país — com opções de motor aspirado e turbo (mesmo que ainda não esteja disponível). Além da versão topo de linha por R$ 100 mil com câmbio automático e o consagrado propulsor THP, a marca apela pelo custo benefício.

    Poucos concorrentes começam com preço tão baixo e os que atuam nessa faixa não contam com câmbio automático. Com um momento em que cada vez mais os veículos estão mais caros, ver uma marca apresentar um utilitário com transmissão automática por menos de R$ 70 mil, é uma luz no fim do túnel.

    Suv Peugeot 2008 em São PauloDetalhes em preto embelezam a carroceria.

    Claro que o motor 1.6 aspirado não foi feito para ser um corredor, mas no dia a dia ele não faz feio. Para quem quer uma tocada mais arisca, pode esperar a Griffe THP. O câmbio automático casa muito bem com o motor turbinado. Claro que ele conta com alguns poréns, mas nada demais. Quem decidir ter um, terá um belo veículo na garagem. Vale o teste drive com possível compra. Nota 7,5!

    Viagem a convite da Peugeot

    Ficha Técnica

    São duas opções de motor: aspirado e turbo.

    • Motores: 1.6 aspirado e turbo
    • Potência máxima: 118cv e 173cv
    • Torque máximo: 16,1 e 24,5kgfm
    • Direção: elétrica
    • Suspensão: independente na dianteira e barra estabilizadora na traseira
    • Freios: a disco nas quatro rodas
    • Porta-malas: 355 litros

    Dimensões (A x L x C x EE): 1.583 x 1.739 x 4.159 x 2.542mm

    Preço: a partir de R$ 69.990

    Peugeot 2008 já é brasileiro e será vendido no 1º semestre de 2015

    Em declínio há 4 anos no mercado nacional, a Peugeot mostra no Salão do Automóvel de São Paulo 2014 sua maior aposta para tentar reverter essa trajetória em 2015: o crossover 2008. Já em sua versão nacional, que sai de Porto Real (RJ) em pré-série, o compacto terá no próximo ano a missão de recuperar a marca diante de novos e velhos rivais.

    O modelo foi destacado pela montadora nesta terça-feira (28), na abertura do Salão do Automóvel para a imprensa.

    A Peugeot tentou esconder, mas a novidade usará o motor 1.6 THP flex de 173 cavalos, mostrado no Citroën C4 Lounge no Anhembi. A unidade exibida no evento tinha câmbio manual de 6 marchas, mas também terá opção de câmbio automático.

    A marca não divulgou preços, que só sairão no lançamento, no primeiro semestre do ano que vem. Mas a Peugeot adiantou que não fará versão “pelada” para brigar com as de SUVs mais baratos.

    Suv Peugeot 2008 em São PauloPainel do 208 será visto também no SUV (Foto: Divulgação)

    Volante menor O 2008 sairá da mesma linha onde é feito o hatch 208 (ambos compartilham a plataforma). Lançado em 2013 no Salão de Genebra, o modelo tem 4,15 metros de comprimento, 1,74 m de largura, 1,55 m de altura e entre-eixos de 2,53 m.

    Além da mesma arquitetura, o SUV compartilha com o hatch o interior, que ainda não foi apresentado pela marca. O carro estava fechado no salão, mas a Peugeot adiantou ao G1 que o 2008 terá volante menor e painel de instrumentos acima da direção, para que o motorista não tenha que desviar os olhos da estrada, assim como ocorre no 208.

    Suv Peugeot 2008 em São PauloPeugeot 2008 no Salão do Automóvel de São Paulo 2014 (Foto: Alan Morici/G1)

    Segmento em alta O Brasil será o terceiro país a produzir o 2008, depois de França e na China. Há cerca de um ano e meio no mercado europeu, o modelo já acumula mais de 200 mil unidades fabricadas.

    No entanto, o 2008 não terá vida fácil. Além dos já conhecidos Ford EcoSport, Renault Duster e Chevrolet Tracker, outras estreias no mesmo segmento agitam o Anhembi e o mercado brasileiro, como Jeep Renegade, JAC T5 e T6, Lifan X50, e Honda HR-V, que também apareceu nesta terça. Ainda neste dia, a Nissan também mostrou um conceito para brigar na categoria futuramente.

    Desde 2010, quando atingiu 81 mil unidades vendidas e tinha 3% do mercado brasileiro, os números da Peugeot vêm minguando. Há 4 anos, ela era a 7ª maior emplacadora de automóveis (sem utilitários), mas neste ano (até setembro) amarga a 11ª posição, com 28,6 mil unidades vendidas e apenas 1,88% de participação.

    Suv Peugeot 2008 em São PauloPeugeot 208 no Salão do Automóvel de São Paulo (Foto: Alan Morici/G1)Suv Peugeot 2008 em São PauloPeugeot 2008 DKR no Salão do Automóvel de São Paulo (Foto: Alan Morici/G1)

    Peugeot 2008, R$ 67.190, é o SUV pequeno mais acertado; faltou câmbio

    Todos sabiam — jornalistas especializados, consumidores e, claro, marcas rivais –, desde o Salão de São Paulo de 2012,  que a Peugeot faria no Brasil um SUV compacto baseado no 208, hatch que surgiu naquela edição do evento. Jogada ensaiada para ser efetiva e bonita, mas que acabou executada sem velocidade: todos os rivais, incluindo os que sequer haviam sido anunciados, chegaram antes.

    Leia também:  Suv em Rio Grande Do Sul com Rodas de liga leve a Diesel

    Se o “tempo da bola” foi perdido, os franceses seguem acreditando na estratégia: após meses de espera e pelo menos três antecipações, incluindo presença no último Salão do Automóvel, em outubro, e testes com a imprensa em carros de pré-produção (para o acerto da fábrica), o 2008 está prestes a estrear. 

    UOL Carros pôde rodar por quase 140 quilômetros, nesta terça-feira (7), entre Santo André e Santa Cruz Cabrália (localidade baiana que ficou conhecida mundialmente como ponto de concentração da seleção de futebol alemã durante a Copa de 2014), com o 2008 em sua versão final e aponta: em termos dinâmicos, ele é o mais acertado do segmento.

    Estão definidas cinco versões de motorização/acabamento:

    + Peugeot 2008 Allure 1.6 — R$ 67.190Motor Flexstart (o mesmo de Citroën C3, AirCross, Peugeot 208 e 308), aspirado, bicombustível, com 115/122 cv de potência e torque de 15,5/16,4 kgfm a 4.000 rpm (gasolina/etanol) e câmbio manual de cinco marchas.

    Estão na lista de equipamentos de série: direção com assitência elétrica; painel de instrumentos em LCD com computador de bordo; ar-condicionado de duas zonas; regulador de velocidade; vidros elétricos dianteiros e traseiros; retrovisores externos com ajustes elétricos; central multimídia com tela sensível ao toque de sete polegadas; farois de neblina; LEDs para luzes diurnas e lanternas; rodas de liga-leve de 16 polegadas calçadas por pneus 205/60 R16 e  sensor de estacionamento traseiro, além de cintos de segurança de três pontos em todas as cinco posições (apoios de cabeça com ajuste em quatro posições) e os obrigatórios freios com ABS (antitravamento). Há surpresas interessantes (considerando que o mercado brasileiro ainda é pouco afeito a elas): freios a disco nas quatro rodas e quatro airbags como padrão.

    + Peugeot 2008 Allure 1.6 4 A/T — R$ 70.890 

    Troca o câmbio manual pela antiquada caixa automática de quatro marchas da família PSA, com borboletas de troca no volante.

    + Peugeot 2008 Griffe 1.6 — R$ 71.290

    Acrescenta à lista do Allure manual: revestimentos misto dos bancos (couro e tecido); sensor de obstáculo dianteiro; acendimento automático do farol e do limpador do parabrisa; acabamento diamantado nas mesmas rodas de 16 polegadas; arcos cromados nos vidros e teto panorâmico de vidro.

    + Peugeot 2008 Griffe 1.6 4 A/T — R$ 74.990 

    O pacote anterior,  com tudo que foi citado, mais o câmbio automático de quatro marchas e borboletas para trocas manuais. 

    + Peugeot 2008 Griffe 1.6 THP — R$ 79.590 

    Troca o motor aspirado pelo THP (turboflex lançado pelo Citroën C4 Lounge), com 165/173 cv e torque de 24,5 kgfm a 1.750 giros (gasolina/etanol), sempre com câmbio manual de seis marchas.

    • Informações obtidas por UOL Carros apontam que “questões técnicas” impediram o uso do câmbio automático pretendido, o de seis marchas do DS5.
    • De fato, os projetos usam plataformas diferentes — o modelo premium da Citroën é um médio, enquanto a família 208/2008 é compacta — o que pode ter impossibilitado o uso da caixa.

    A Peugeot argumenta que o uso do câmbio L4, de quatro marchas, é também comercial. O objetivo, segundo executivos, é “oferecer a opção automática mais acessível do segmento de SUVs compactos”.

    Em termos de equipamento de série, além de diferenças de acabamento internas e extrernas, o 2008 THP acrescenta programações ao sistema eletrônico dos freios com ABS, que permitem executar controles de estabilidade, de tração, Hill-Assist (auxílio para partidas em rampas) e ainda a seleção de modos de direção.

    Esta configuração, chamada de Grip Control, deixa o controle de estabilidade mais maleável e traz ajustes para Neve, Areia, Lama, bem como o desligamento total do ESP. Há ainda apoios de cabeça para todos os bancos e um total de seis airbags.

    Uma única cor é “item de série”, a vermelho Rubi. Todas as demais são opcionais, pagas à parte: branco Banquise, branco Nacré (perolizado), cinza Aluminium, marrom Dark Carmin e preto Perla Nera.

    2008 tem força e joga bem, mas Peugeot “esqueceu” câmbio automático. Será que vai? Imagem: Divulgação Pelo menos em sua configuração topo de gama, a Griffe, há apenas um escorregão: o motor turboflex 1.6 de 173 cavalos (etanol) trabalha apenas com câmbio manual de seis marchas. As versões básicas e intermediárias, com motor 1.6 aspirado, sofrem, não pela potência e torque menores, mas por terem apenas opções manual de cinco marchas e automática… de quatro velocidades.

    Bola fora para um segmento que exige conforto.

    O restante parece adequado: o acabamento é bem executado, ainda que não haja firulas com plástico suave ao toque ao longo da cabine (há plástico duro com pinturas diferentes); os bancos poderiam ter melhor ajuste, mas acomodam o corpo de modo regular se você tiver até 1,80 m de altura; a direção é bastante precisa; a suspensão foi acertada à perfeição, assim como o fôlego do motor THP, que parece estar sempre sobrando — o segredo está na relação entre peso e potência, já que o 2008 é mais leve entre seus rivais, com a versão mais pesada (Griffe A/T) tendo apenas 1.236 quilos, enquanto o EcoSport mais leve tem 1.243 kg.

    Assim, um modelo altinho, com ótimo espaço para cinco pessoas e 355 litros de bagagem, parece sempre estar fazendo curvas com maestria, mostrando força para esticadas e disposição para terrenos irregulares (“irregular” não é offroad, mas os controles eletrônicos permitirão encarar alguns pisos mais maltratados).  

    A Peugeot pretende vender cerca de 1.000 unidades mensalmente, número bem mais modesto que o dos rivais (pouco mais de 5 mil/mês), sendo que 70% do mix de vendas será para versões automáticas.Já para o pós-venda, a marca oferece garantia e assistência diferenciada por três anos, além de planos de revisão com valores fixos: R$ 372 aos 10 mil quilômetros; R$ 600 aos 20 mil km; R$ 372 aos 30 mil km; R$ 916 aos 40 mil km; R$ 616 aos 50 mil km e R$ 600 para a revisão de 60 mil km, no caso do 2008 1.6 flex. Para o 2008 THP, os valores cobrados são de R$ 426, R$ 704, R$ 426, R$ 992, R$ 426 e R$ 704, respectivamente.

    Peugeot é na Allma Peugeot

    Ver todos os Modelos

    NOVO 208 ACTIVE AT

    ACTIVE 1.6 AT 20/21 – PRETO PERLA NERA

    • CÂMBIO AUTOMÁTICO DE 6 VELOCIDADES
    • RODAS DE LIGA LEVE ARO 16”
    • GRADE DIANTEIRA COM DETALHES CROMADOS
    • TETO PANORÂMICO
    • MULTIMÍDIA
    • COMANDOS NO VOLANTE
    • MOTOR 1.6 BLUE HDI 115 CV
    • NOTA A NO INMETRO
    • PORTA TRASEIRA COM ABERTURA DE 180
    • MELHOR COMPRA REVISTA 4 RODAS
    • 208 1.5 ACTIVE PACK 8V FLEX 4P MANUAL
    • 1.5 ACTIVE PACK 8V FLEX 4P MANUAL
    • Quilometragem: 53500 KM
    • Combustível: FLEX
    1. C3 1.5 TENDANCE 8V FLEX 4P MANUAL
    2. 1.5 TENDANCE 8V FLEX 4P MANUAL
    • Quilometragem: 75000 KM
    • Combustível: FLEX
    • C4 LOUNGE 1.6 THP FLEX FEEL BVA
    • 1.6 THP FLEX FEEL BVA
    • Quilometragem: 15323 KM
    • Combustível: FLEX
    1. 2008 1.6 16V THP FLEX GRIFFE 4P AUTOMÁTICO
    2. 1.6 16V THP FLEX GRIFFE 4P AUTOMÁTICO
    • Quilometragem: 7626 KM
    • Combustível: FLEX
    • 2008 1.6 16V FLEX GRIFFE 4P AUTOMÁTICO
    • 1.6 16V FLEX GRIFFE 4P AUTOMÁTICO
    • Quilometragem: 6657 KM
    • Combustível: FLEX
    1. 3008 1.6 ALLURE THP 16V GASOLINA 4P AUTOMÁTICO
    2. 1.6 ALLURE THP 16V GASOLINA 4P AUTOMÁTICO
    • Quilometragem: 12573 KM
    • Combustível: GASOLINA
    • 3008 1.6 GRIFFE THP 16V GASOLINA 4P AUTOMATICO
    • 1.6 GRIFFE THP 16V GASOLINA 4P AUTOMATICO
    • Quilometragem: 26000 KM
    • Combustível: GASOLINA
    1. FIESTA 1.6 SEL HATCH 16V FLEX 4P MANUAL
    2. 1.6 SEL HATCH 16V FLEX 4P MANUAL
    • Quilometragem: 50000 KM
    • Combustível: FLEX
    Leia também:  Os 10 carros PCD mais baratos

    Carta de crédito a partir de

    R$ 35.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 40.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 45.000,00

    PEUGEOT 2008 ALLURE VERSÃO PCD

    Carta de crédito a partir de

    R$ 50.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 55.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 60.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 70.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 75.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 75.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 85.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 90.000,00

    Carta de crédito a partir de

    R$ 105.000,00

    BOMBA COMB. FLEX 12V – 4.0 BAR – 100L/H

    • Código: 1643045280
    • 17% OFF

    BOMBA COMB. GASOLINA 12V – 3.0 BAR – 100L/H

    BOMBA COMB. GASOLINA 12V – 3.0 BAR – 100L/H

    • Código: 1643045680
    • 17% OFF

    Nossos Serviços

    CHECK UP ALLMA PEUGEOT

    Antes de pegar a estrada, lembre-se de fazer uma revisão na Allma Peugeot!!!

    FESTIVAL DE PNEUS!!!

    FAÇA A TROCA DE PNEUS NA REDE AUTORIZADA!!! ENTRE E CONTATO E AGENDE O SERVIÇO!

    TROQUE O ÓLEO DO SEU PEUGEOT POR 3x R$ 56,00!!!

    PEÇAS GENUÍNAS, MÃO DE OBRA QUALIDADE, ATENDIMENTO PREMIUM!!!

    ATENDIMENTO DE COLISÃO E SEGURADORAS

    A Allma faz atendimento do seu veículo Peugeot envolvido em colisão coberto ou não por companhias de seguro. Flexibidade de pagamento da franquia, suporte com seguradora, peças genuinas instaladas e mão de obra qualificada. Traga seu veículo para a Allma e deixamos ele novo!!!

    A Allma Peugeot

    A Allma Peugeot é uma concessionária que atua no mercado de vendas de veículos novos da marca Peugeot.

    Estamos localizados em Bauru, Ribeirão Preto, São Carlos e Marília, sempre entregando os melhores carros do mercado, peças e acessórios genuínos e serviços com mão de obra especializada, além de seminovos de todas as marcas.

    Nossa maior preocupação é oferecer produtos de qualidade, atendimento personalizado e satisfazer nossos clientes. Somos uma empresa voltada à comercialização de produtos e serviços, onde as pessoas prefiram comprar e tenham orgulho em possuir.

    Nossa estrutura completa, equipe de profissionais especializados, serviços e produtos com a garantia Peugeot e as melhores condições do mercado, nos consolida como a concessionária com o melhor custo/benefício para nossos clientes.

    Peugeot do Brasil – Conheça nossos Carros

    Preço Fixo de 10x de R$ 208 para o seu Novo Peugeot 208 0 km

    Conte com facilidade de contratação sem análise de perfil e coberturas como assistência e guincho 24h, 100% da tabela FIPE para seu veículo e vidros sem franquia.

    Solicite seu seguro aqui Saiba mais

     Preço Fixo de 10x de R$ 230 para o seu SUV Peugeot 2008 0 km

    Conte com facilidade de contratação sem análise de perfil e coberturas como assistência e guincho 24h, 100% da tabela FIPE para seu veículo e vidros sem franquia.

    Solicite seu seguro aqui Saiba mais

    Preço Fixo de 10x de R$ 208 para o seu Novo Peugeot 208 0 km

    Conte com facilidade de contratação sem análise de perfil e coberturas como assistência e guincho 24h, 100% da tabela FIPE para seu veículo e vidros sem franquia.

    Solicite seu seguro aqui Saiba mais

     Preço Fixo de 10x de R$ 230 para o seu SUV Peugeot 2008 0 km

    Conte com facilidade de contratação sem análise de perfil e coberturas como assistência e guincho 24h, 100% da tabela FIPE para seu veículo e vidros sem franquia.

    Solicite seu seguro aqui Saiba mais

    Novo Peugeot 2008 é registrado no Brasil para ser lançado em 2021

    Nova geração usa a plataforma CMP, mesma dos novos 208 e Opel Corsa Divulgação/Peugeot

    Mais um integrante da família Peugeot está para mudar de geração. Após o 208, que terá sua nova versão apresentada nos próximos meses, será a vez do 2008, SUV compacto da marca, se renovar.

    Para se resguardar e já vislumbrando o lançamento que deve ocorrer em 2021, a Peugeot tratou de registrar dois desenhos da carroceria do modelo junto ao Inpi (Instituto Nacional de Propriedade Industrial).

    O primeiro aparenta ser da versão de entrada, já que não conta com as luzes de posição diurna, faróis em LED, carroceria em duas cores e rack de teto, todos itens que equipam o segundo desenho registrado.

    Versão “pelada” foi registrada no Inpi Inpi/Reprodução

    Aliás, o design não chega a ser segredo para muita gente, já que o modelo já é vendido na Europa e foi inclusive testado por QUATRO RODAS em 2019. No entanto, vale destacar que o SUV terá as mesmas luzes de condução diurnas em LED do irmão 208, em formato de garra, e herdará do SUV médio 5008 o conjunto óptico traseiro, que se interliga na horizontal.

    Versão mais completa com rack de teto, carroceria bitom, luzes de condução diurna e faróis full LED também foi registrada Inpi/Divulgação

    Além do visual, o novo SUV também compartilha a mesma plataforma modular CMP com o novo 208.

    Outro aspecto importante é o tamanho da carroceria em relação à atual geração. O novo 2008 cresce 14 cm no comprimento e terá 4,30 m. Já o entre-eixos será de 2,60 m, 6 cm a mais que a geração atual.

    Teto bitom das versões superiores lembra o Nissan Kicks Divulgação/Peugeot

    Na Europa, o modelo é vendido com motor 1.2 turbo, três cilindros, a gasolina, de 100, 130 ou 155 cv. Também há opção de motorização a diesel, com um quatro cilindros de 1,5 l, que rende 100 ou 130 cv.

    Continua após a publicidade Interior herda a tecnologia do 208 europeu, com painel digital com projeção holográfica e central multimídia com tela voltada ao motorista Divulgação/Peugeot

    Ainda há a opção de propulsão elétrica, com um conjunto que rende 136 cv e 26,5 kgfm. A autonomia é de 310 km.

    O câmbio pode ser automático de 8 velocidades para as versões de topo e elétrica ou manual de seis velocidades para as mais básicas.

    Espera-se que a versão brasileira do SUV traga uma versão flex do motor 1.2 turbo com mais de 130 cv, mesma que deve estar nas versões de topo do hatch 208.

    O novo Peugeot 2008 terá produção concentrada na fábrica de El Palomar, Argentina, mesma planta onde se dará a produção do novo 208 e da picape Landtrek, que também será lançadas nos próximos meses na América Latina.

    Continua após a publicidade

    • lançamento
    • SUV
    • suvs compactos

    Seja o primeiro a comentar

    Faça um comentário

    Seu e-mail não será publicado.


    *