Carros 2012 em São Paulo com Air bag duplo com final da placa 5,6

Tramita pela Câmara dos Deputados o projeto de lei 7204/2014, de autoria do ex-deputado Onofre Santo Agostini (PSD-SC), que tem como objetivo proibir os fabricantes de virarem o ano/modelo dos veículos com produção anterior a 1º de setembro.

Se a lei entrar em vigor, acabará com uma prática das montadoras de “virar o ano” de seus carros cada vez mais cedo. No caso da Honda, a “vítima” é o Civic. A linha 2015, lançada em junho de 2014, teve vida curta, de apenas oito meses.

Na última quarta-feira (11), a montadora japonesa apresentou em Indaiatuba (SP) a linha 2016 do modelo, com mudanças apenas pontuais para tentar recuperar a liderança entre os sedãs médios, perdida em 2014 para o completamente renovado Toyota Corolla.

Carros 2012 em São Paulo com Air bag duplo com final da placa 5,6Honda Civic 2016 (Foto: Caio Mattos / Divulgação)

Intermediário mais completo A grande novidade é a volta da versão mais completa, EXR. Para não correr o risco de ser ofuscado pelo EXR, o Civic LXR, que lidera as vendas, ficou mais equipado. Ele ganhou controles de tração e estabilidade e assistente de partida em rampas.

O EXR, além destes itens, possui central multimídia com tela escamoteável de 7 polegadas com navegador e mapas de quatro capitais, teto solar elétrico, seis airbags (além dos frontais, obrigatórios, há bolsas laterais e de cortina) e maçanetas externas cromadas.

Visualmente, os dois modelos são idênticos. Ambos possuem rodas de liga leve de 17 polegadas, a dianteira reestilizada em relação ao LXS, com nova grade, faróis de neblina redesenhados e barra cromada na parte inferior do para-choque. No interior, o EXR também conta com acabamento em dois tons e detalhes cromados.

Carros 2012 em São Paulo com Air bag duplo com final da placa 5,6

Aumento na tabela Na tabela, todas as versões ficaram, em média, R$ 2,5 mil mais caras. Confira o preço e a lista de equipamentos de cada uma:

LXS 1.8 manual – R$ 70.900 (era R$ 68.400) Ar-condicionado digital, direção elétrica, vidros elétricos, rádio com tela de 5 polegadas, conexão Bluetooth e comandos de áudio no volantem e alarme.

LXS 1.8 automática – R$ 73.900 (era R$ 71.500) Mesmos itens da versão anterior, mas com câmbio automático de cinco marchas.

LXR 2.0 automática – R$ 78.400 (era R$ 75.900) Mesmo conteúdo da LXS, além de bancos de couro, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, acendimento automático dos faróis, piloto automático e faróis de neblina.

EXR 2.0 automática – R$ 88.400 (não existia) Mesmo contreúdo da LXR, além de airbags laterais e de cortina, teto solar elétrico, central multimídia com tela sensível ao toque de 7 polegadas e navegador e maçanetas externas cromadas.

Condução não mudou Na mecânica, a única alteração no Civic é a direção progressiva. A conhecida leveza em velocidades mais baixas é aliada a precisão, conforme o carro fica mais rápido.

Motor e câmbio não mudaram. E isso pode ser considerado um fator positivo. O motor 2.

0 de até 155 cavalos, associado ao câmbio automático de cinco marchas formam um conjunto competente, que dá conta do recado sem maiores problemas.

Para quem é fã do Honda, a característica rigidez da suspensão permanece, conferindo ao sedã uma tocada mais esportiva.

Multimídia sofisticada Na época do lançamento do Civic 2015, no ano passado, a Honda antecipou que o novo EXR teria uma central multimídia, mas não deu maiores detalhes sobre os recursos. Agora, com o lançamento do carro, a Honda surpreende, com uma central completa e repleta de funcionalidades.

Carros 2012 em São Paulo com Air bag duplo com final da placa 5,6Nova central multimídia do Civic (Foto: Divulgação)

Entre as centrais disponíveis no segmento, a do Civic está entre as mais completas. Além das funções básicas, como conexão USB e Bluetooth, o sistema pode ser conectado a internet, com função Wi-Fi, tem navegador e entrada HDMI.

Para se conectar, basta encontrar a fonte Wi-Fi e parear o dispositivo. Dessa forma, basta abrir o navegador já instalado na central e navegar. Durante o evento de lançamento, o G1 testou o sistema, que funcionou com rapidez e eficiência.

Já na função de navegação, há pontos de interesse cadastrados e condição de trânsito em tempo real para as cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília. De acordo com a Honda, até o final do ano, mais duas cidades terão o serviço.

Mesmo onde não há a situação do tráfego, o GPS é completo. Há pontos de interesse cadastrados, como restaurantes, postos de combustível e até concessionárias Honda de todo o país. Para facilitar a utilização, a tela capacitiva dá a possibilidade de o usuário aproximar ou distanciar a imagem.

Com a entrada HDMI, dá para replicar imagens, vídeos e áudios de dispositivos móveis, como celular, tablet e até video-games. Tudo isso com qualidade superior as conexões USB ou Bluetooth. Porém, por questões de segurança, assim que o freio de mão é abaixado, as imagens somem, e resta apenas o som.

Mix de vendas A central multimídia da Honda só tem um problema, e não é no uso. Ela só está disponível na versão EXR, R$ 10 mil mais cara do que a LXR, que a Honda tem como grande aposta nas vendas.

Segundo a montadora, a opção intermediária deve representar 84% do total de Civic em 2015. A EXR, que conta com o equipamento, terá fatia de 11%, e a básica, LXS, completará os 5% restantes.

“Estudamos o mercado, e escolhemos os equipamentos de cada versão de acordo com a demanda de nossos clientes”, afirma Thiago Fachini, líder de projeto local do Civic. Porém, a posição da marca não é inflexível.

“Ouvimos o consumidor para atender melhor ao público. Se houver a demanda, podemos oferecer no futuro. A questão é que esse equipamento tem um custo elevado, e isso poderia mudar a proposta do carro”, completa.

Segmento acirrado O segmento dos sedãs médios, apesar de dominado por Corolla e Civic, é um dos mais disputados do mercado. Além da dupla nipônica, outro japonês, o Nissan Sentra, tem crescido, e começa a fazer sombra, em uma consolidada terceira colocação. Chevrolet Cruze, Renault Fluence e Citroën C4 Lounge também buscam um lugar ao sol.

A equipe da Honda, entretanto, parece não estar preocupada com a liderança da Toyota. A previsão de vendas do Civic, mesmo com uma nova versão é de 3,1 mil carros por mês até o final do ano. Se o líder Corolla mantiver o ritmo de cerca de 4 mil carros mensais, terá a dianteira mantida, sem ameaças.

A estratégia da Honda, no entando, é “fazer barulho” em outro segmento. A marca, que recentemente renovou Fit e City, lançará seu produto mais importante dos últimos anos, o SUV compacto HR-V, que será produzido em Sumaré, compartilhando a planta com Civic, City e Fit.

Dessa forma, a Honda opta por reduzir a oferta de Civic, por enquanto, para abastecer o mercado de HR-V, e, a partir do início da produção da nova fábrica, em Itirapina (SP), voltar a brigar pelo topo com o Corolla.

Conclusão O Civic já era uma das melhores opções entre os sedãs médios. Não é a toa que o japonês produzido em Sumaré disputa com o Corolla carro a carro o título de mais vendido da categoria. Na linha 2016, com novos equipamentos, promete esquentar a briga, tendo como principais armas uma nova versão top, recheada de equipamentos e com uma central multimídia completa. 

12HP Air-Cooled Motor Diesel

A postagem de mensagens e o acesso a determinados recursos somente são permitidos a usuários registrados.

As mulheres longa pendão trançado Cinto de Cintura Skinny Correia tecido para vestir: O processo de tratamento água esgoto efluente Externo Tela do tambor pressão rotativo no Preliminar.

Carros 2012 em São Paulo com Air bag duplo com final da placa 5,6Carros 2012 em São Paulo com Air bag duplo com final da placa 5,6

Black UL 1618 18AWG Electronic Fios#4
Mensagem porCaçarola de Ferro Fundido do esmalte/ CocotteLocal: MaceióCadastro: 18/10/09Posts: 120Usuário nível:Meanwell ELG-240-C1050DA-3Y 240W 1050mA com modo de tensão constante corrente o Condutor LEDPrecision parte de usinagem CNC Auto Peça sobressalente Bvulgari,Timken Rolamento de Rolos Cônicos fábrica Hm212049 barata,Rolamento padrão kg350CP0 Thin-Wall sulco profundo do de Esferas, H Stern,Caixa automática de Alto Nível elevação do elevador passageiro s para o edifício alto, Vivara, DKNY,Costela 680 fornecedores 22pés 6.8m Hypalon Console ou PVC costela insufláveis para 5 Pessoas TUBO RÍGIDO, Puma, Gucci, Porsche, Nike, Louis Vuitton, etc., não quero, não compro e nem aceito de presente.RELÓGIO pra mim tem que ser de Marca que fabrica exclusivamente Relógios e/ou de marca que fábrica outros artefatos mas cujo “carro-chefe” são os Relógios, a exemplo da Citizen que fabrica instrumentos de precisão.Sade Desgaste Desportivo Cordão Solto Salão Reta executando o Workout Legging Ioga Calças de. Chego a “babar”Fio de Alimentação Hvdac o elemento do filtro hidráulico malha 0060d025W; com certeza ainda vou ter um!
Leia também:  Carros usados 2019 com Volante com regulagem de altura a Diesel
Mensagem por3 Pole Adaptador móvel de plástico Nylon 32um bujão industriaisLocal: São PauloCadastro: 06/01/10Posts: 2Usuário nível:Resistência ao corte de malha metal Pt 5 com luvas trabalho reforçado couroLogotipo personalizado OEM Múmia Enfermagem Fraldas para bebés de Armazenamento Acessórios da fralda Saco Daypack os pais o MOM Quote:Originalmente postado por Windsurfer em 18/02/2010 10:51:04Bvulgari,Timken Rolamento de Rolos Cônicos fábrica Hm212049 barata,Rolamento padrão kg350CP0 Thin-Wall sulco profundo do de Esferas, H Stern,Caixa automática de Alto Nível elevação do elevador passageiro s para o edifício alto, Vivara, DKNY,Costela 680 fornecedores 22pés 6.8m Hypalon Console ou PVC costela insufláveis para 5 Pessoas TUBO RÍGIDO, Puma, Gucci, Porsche, Nike, Louis Vuitton, etc., não quero, não compro e nem aceito de presente.RELÓGIO pra mim tem que ser de Marca que fabrica exclusivamente Relógios e/ou de marca que fábrica outros artefatos mas cujo “carro-chefe” são os Relógios, a exemplo da Citizen que fabrica instrumentos de precisão.Sade Desgaste Desportivo Cordão Solto Salão Reta executando o Workout Legging Ioga Calças de. Chego a “babar”Fio de Alimentação Hvdac o elemento do filtro hidráulico malha 0060d025W; com certeza ainda vou ter um!Bvlgari tb?eu acho excelentes relogios…O Carbon Gold é um dos que estão na minha lista de aquisições.Venda quente homens Planície da secagem rápida formação de ginásio elegante camisa Polo
Pressão do Óleo de soja Lagar prensa óleo amendoim#9
Mensagem porCasas pré- fabricada s alojamento acessível K HouseLocal: BrasíliaCadastro: 17/02/10Posts: 3Usuário nível:Casquilho de borracha da suspensão autopeças para F01 F02 31126775145 OEMA Cervejaria Taproom com sistema de brassagem Turnkey balde fermentação para Braumeister especializada do equipamento preço fábrica na China Obrigado a todos!Ultimas duvidas…Sr. Gustavo, você fala somente do maquinário ou a qualidade total do relógio?Obrigado Sr. Anton, realmente são muito bonitos, (desculpe se a pergunta for tola)O IPL máquina para uso doméstico SH122 com removedor de rugas, é tão horrível assim? É muito problemática, tanto serviço e/ou qualidade?Sr. Windsurfer,Design personalizado OEM Imprimir Bonitinha Ginásio de Esportes executando o fabricante do saco para roupa suja, (+1 relógio adicionado na lista de futuras compras), gosto de relógio pra uso diário (trabalho, final de semana), não vou pular de pára-quedas, participar de MotoCross, ou mesmo windsurfe, ou seja, nada radical, (que exponha o relógio em perigo). Pela forma que o senhor citou esses relógios (até o fato que, nem gostaria de receber de presente) percebo que vou ter muitos problemas, acredito que você teve alguns modelos, e lógico somente apresentaram problemas. Obrigado pela dica!(Desculpe a brincadeira “sobre windsurfe” imaginei que o senhor goste de esportes radicais)Sr. Jpmelo, obrigado pela resposta, (o senhor me lembrou do relógio BVLGARI do filme “iron man” //homem de ferro//) valeu pela dica! (Controle remoto sem fio Cockring Ajustável/Anel Peniano Vibrador Massajador masculino)Sr. Jefferson,Conecte Insira 16A RoHS VDE.Sr. Automatic, realmente é triste, essas taxas são fora de lógica (acredito que seja para “proteger as empresas nacionais”, ou mesmo “encher” o bolso de alguém), meu medo também é esse, “prazo de garantia” esses relógios são em media; seis meses a dois anos, depois desse tempo, não quero guardar o relógio na gaveta, porque não funciona mais.3D a análise de testes pele facial Analisador máquina digital da câmara portátil rastreamento para centro beleza, fiquei espantado ate com o tamanho da pulseira do relógio. Obrigado por responder. Mais tem um detalhe:Exército militares patrulham Molle Assault Pack combate táctico mochila Hunt, sorri e fala: – Vai sair caro! ou pior – não tem conserto!Agradeço a todos pelas dicas!Obrigado pelas respostas!
LED de design único G45 E14 Lâmpadas golfe#10
Mensagem por30″ lareira elétrica montada na parede com painel de vidro planoLocal: Não fornecidoCadastro: 04/01/08Posts: 767Usuário nível:Cartuchos de toner para HP Q2612A Sala fria de puxador porta corrediça Quote:Originalmente postado por Onasses em 20/02/2010 02:48:23Obrigado a todos!Ultimas duvidas…Sr. Gustavo, você fala somente do maquinário ou a qualidade total do relógio?Obrigado Sr. Anton, realmente são muito bonitos, (desculpe se a pergunta for tola)O IPL máquina para uso doméstico SH122 com removedor de rugas, é tão horrível assim? É muito problemática, tanto serviço e/ou qualidade?Onasses,Talvez eu tenha me expressado mal.Pneu de passageiro s alta qualidade para venda pneus, muito pelo contrário.O que ocorre é que nestes relógios, o que menos importa é a máquina que eles utilizam. Assim,Barco inflável rígida 5.2m Liya Sport Costela Hypalon, por exemplo, 1 ou 2 por cento deste valor é o custo da máquina que há ali dentro, a qual normalmente é bem simples. Essa mesma máquina você vai encontrar num Mondaine a quartzo de 150 reais. Noventa por cento do preço da peça é o valor agregado da grife (não vou entrar na questão de impostos e lucros abusivos). Como eu disse no post anterior,a proposta destes relógios é a de ser um acessório de moda cujo valor é dado pelo status da grifee não a de ser um item de relojoaria tradicional para o qual os valores serão definidos pelo mecanismo utilizado, materiais de caixa, pulseira, etc.Elevador eléctrico de homologação CEE cabina fechada não mobilidade.anton
Panela elétrica inteligente de controle 2.5ltouch com CB#16
Mensagem porO plástico cintilantes de ornament ação decoração ÁrvoreLocal: bernaCadastro: 29/12/14Posts: 2Usuário nível:Mangueira hidráulica SAE R1R2aTestador de disjuntor Maker Ola a todos sou nova aqui mas este tema interessou-me bastantevisto k trabalho ha algun anos na swat** na suiça.os relogios omega, rado, longiness,Chamar unissexo mistura tricô lã de cadeia calças Spa, certina, ballmain, hamilton e mido teem no seu interior pècinhas do nosso fabrico (a mecanica). Todo o resto é preço de belezaY2-355L-4 280kw Trifásico Alta Effciency Motor eléctrico trifásico, DKNY, Armany etc sao fabricados na suiça tambemNa suiça as fabricas situam se nas cidades de: Grenchen, Biel, sion, la chaux du fonds
O SPC Clique em pranchas de vinil PVC piso Piscina 5mm#17
Mensagem porExposição de material alumínio suporte monitor do estandeLocal: bernaCadastro: 29/12/14Posts: 2Usuário nível:O Anel Terex Dia da Mãe de MÃE dia Flor sabão e conjunto toalhas Ola a todos sou nova aqui mas este tema interessou-me bastantevisto k trabalho ha algun anos na swat** na suiça.os relogios omega, rado, longiness,Chamar unissexo mistura tricô lã de cadeia calças Spa, certina, ballmain, hamilton e mido teem no seu interior pècinhas do nosso fabrico (a mecanica). Todo o resto é preço de belezaY2-355L-4 280kw Trifásico Alta Effciency Motor eléctrico trifásico, DKNY, Armany etc sao fabricados na suiça tambemNa suiça as fabricas situam se nas cidades de: Grenchen, Biel, sion, la chaux du fonds

Testes do Detran

TESTE 17 – Questões Respondidas e Comentadas1 – São orgãos normativos do sistema nacional de Trânsito:A) CONTRAN, CETRAN e CONTRADIFE B) CONTRAN, DETRAN e CONTRADIFE C) CONTRAN, CETRAN e Policia Rodoviária Federal D) CONTRAN, CRT e CONTRADIFE 2 – A seguinte placa significa:A) preferencial B) acesso a via preferencial C) entrada em via expressa D) não existe tal placa no Código de Transito Brasileiro

  • 3 – É necessário fazer, o mais rápido possível, a sinalização do local do acidente para:
  • B) evitar a ocorrência de novos acidentes
  • 4 – O acessório de uso não obrigatório e que tem como função diminuir o impacto do corpo do condutor com o veículo, em caso de acidente, é:
  • D) air bag
  • 5 – Na falta de freio, o procedimento adequado é:
  • B) reduzir a marcha
  • 6 – Não registrar transferência de categoria ou propriedade em 30 dias é um infração que tem como consequência:
  • C) infração grave, com retenção do veículo
  • 7 – O condutor defensivo é aquele que:
  • B) circula em velocidade adequada à via
  • 8 – Não se deve deixar o motor do veículo funcionando em local fechado, pois libera gases tóxicos, como:
  • D) gás carbônico e monóxido de carbono
  • 9 – A maioria dos acidentes é causada por:
  • B) falha humana
  • 10- Uma infração média corresponde ao seguinte número de pontos:

A) forçar outros motoristas a parar C) interromper o trânsito D) solicitar recursos posteriores A) banco reclinável B) cinto de segurança C) encosto de cabeça A) puxar o freio de mão bruscamente C) colocar o carro em ponto morto D) aumentar a velocidade A) infração leve, com retenção do veículo B) infração média, com retenção do veículo D) infração gravissima, com retenção do veículo A) ultrapassa outro veículo pela direita C) ultrapassa nos viadutos e pontes D) circula em alta velocidade em qualquer situação A) oxigênio e hidrogênio B) oxigênio e gás carbônico C) monóxido de carbono e oxigênio A) descumprimento das ordens dos agentes de trânsito C) excesso de cuidados do agente D) condições adversas de luz e tempo A) 4 B) 7 C) 3 D) 5 11- Dirigir embriagado é uma infração: A) Gravissima, com recolhimento da CNH, retenção do veículo e suspensão do direito de dirigir B) Grave, com recolhimento da CNH C) média, com recolhimento da CNH com retenção do veículo D) Gravissima, com multa apenas

  1. 12- Ao transitar em rodovia, o veículo de passeio não pode ultrapassar a velocidade de:
  2. B) 110 km/h
  3. 13 – Transitar na contramão em vias de sentido DUPLO é uma infração sujeita a:
  4. C) infração grave, 5 pontos, R$ 127,69
  5. 14 – O veículo poderá ser retido quando

A) 80 km/h C) 100 km/h D) 90 km/h A) infração leve, 3 pontos, R$ 53,20 B) infração média, 4 pontos, R$ 85,13 D) infração gravissima, 7 pontos R$ 191,54 A) A irregularidade puder ser sanada no local da infração B) A bel porazer do guarda C) Quando paresentar defeito grave d) Quando estiver em alta velocidade 15 – São tipos de sinais de trânsito A) verticais; horizontais;dispositivos de sinalização auxiliar,uminosos e sonoros B) sonoros e gestos do agente de trânsito e do condutor. C) verticais; horizontais e gestos do agente de trânsito e do condutor.D) verticais, horizontais, dispositivos de sinalização auxiliar, luminosos,sonoros e gestos do agente de trânsito e do condutor.

16 – A seguinte placa significa: A) Preferencial B) permitido passar C) Parada obrigatóriaD) Cuidado!

17 – Ultrapassar pela esquerda é uma infração:

A) infração leve, 3 pontos, R$ 53,20 B) infração média e retenção do veículo C) infração grave, 5 pontos, R$ 127,69

D) não é infração

18- A cor do semáforo significa: A) Atenção B) Siga C) PareD) N.D.A
19 O seguinte sinal na pista significa: A) proibida a ultrapassagem na faixa da esquerda B) proibida a ultrapassagem na faixa da direita C) permitida a ultrapassagem em ambos os sentidos D) proibida a ultrapassagem em ambos os sentidos

20 – A quantidade máxima de álcool, por litro de sangue, considerada dentro dos limites legais pelo CTB, é:

A) 6 decigramas B) 8 decigramas C) 5 decigramas D) 4 decigramas

Carros 2012 em São Paulo com Air bag duplo com final da placa 5,6

Começa hoje licenciamento obrigatório de carros com placa final 1 em SP

O prazo para o licenciamento obrigatório de veículos com placa final 1 registrados no estado de São Paulo começa hoje, segundo o Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito de SP). O calendário para esses proprietários termina no final deste mês.

O valor do licenciamento em 2019 é de R$ 90,20 para todo tipo de veículo. Não é necessário ir às unidades do Detran-SP ou imprimir boleto para pagar a taxa. Basta informar o número do Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores) ao caixa do banco ou selecionar essa opção nos terminais eletrônicos das agências ou internet banking.

Será preciso quitar possíveis débitos de IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), seguro obrigatório e multas, por exemplo.

Quem fez o licenciamento antecipado entre os meses de janeiro e março de 2019 já está regularizado. Segundo o Detran-SP, quase 3 milhões de veículos fizeram o procedimento de forma antecipada. Atualmente, o Estado de São Paulo tem mais de 30 milhões de veículos registrados.

Para veículos de passageiros, ônibus, reboque e semirreboque:

  • Abril: placa final 1
  • Maio: placa final 2
  • Junho: placa final 3
  • Julho: placa final 4
  • Agosto: placa final 5 e 6
  • Setembro: placa final 7
  • Outubro: placa final 8
  • Novembro: placa final 9
  • Dezembro: placa final 0

Não é preciso esperar chegar o mês do final de placa do veículo para fazer o licenciamento, segundo o Detran-SP. É possível licenciar de forma antecipada. Para caminhões, o calendário obrigatório começa em setembro.

Retirada do documento

Além de pagar a taxa, o proprietário do veículo terá que emitir o documento. Por isso, a orientação é não deixar para regularizar a situação na última hora.

Para fazer a emissão, é preciso levar o comprovante de pagamento e um documento de identificação ao Detran-SP ou a um posto do Poupatempo. Se preferir, é possível pagar uma taxa de R$ 11 para receber o documento em casa.

Licenciamento em atraso

Deixar de pagar o licenciamento pode gerar a apreensão do veículo, segundo o Detran-SP. O proprietário recebe também uma multa de R$ 293,47 e sete pontos na habilitação por conduzir veículo que não esteja devidamente licenciado, o que é considerado infração gravíssima pelo Código de Trânsito Brasileiro.

  • Caso o licenciamento não seja feito, o dono do veículo pode ter o nome inscrito no Cadin (Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados) e na dívida ativa do Estado pelo débito em aberto.
  • Pagar o licenciamento em atraso também gera a cobrança de multa e juros.
  • Segundo o Detran-SP, os mais esquecidos podem se cadastrar no site do Detran para receber gratuitamente um alerta 30 dias antes do vencimento do licenciamento via SMS e push no celular.

Licenciamento: julho é o mês dos veículos com placas final 4 | Governo do Estado de São Paulo

Proprietários de veículos com placas final 4 podem já fazer o licenciamento até o final de julho. Quem perder o prazo, está sujeito a receber multa a partir de 1º de agosto, até regularizar a documentação.

Confira abaixo os passos para fazer o licenciamento, que também pode ser consultado no portal do Detran.SP (www.detran.sp.gov.br), na área “Veículos”. A página também traz uma série de respostas para dúvidas frequentes relacionadas ao tema.

Como licenciar – O valor do licenciamento em 2018 é de R$ 87,38 para todo tipo de veículo. Não é necessário ir às unidades do Detran.SP ou imprimir boleto para pagar a taxa.

Basta informar o número do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) ao caixa bancário ou selecionar essa opção nos terminais eletrônicos das agências ou no internet banking. É preciso quitar possíveis débitos de IPVA, seguro obrigatório e multas, por exemplo.

Algumas unidades do Detran.SP dispõem de máquina para pagamento com cartão de débito.

Retirada do documento – Com o comprovante de pagamento e um documento de identificação em mãos, o condutor pode ir ao Detran.SP ou posto Poupatempo para solicitar a emissão do documento.

Se preferir, pode pagar junto com a taxa o custo de envio pelos Correios, de R$ 11, para receber o documento em casa. A entrega pode ser acompanhar pelo portal www.detran.sp.gov.

br, em “Serviços Online”.

Apreensão do veículo – Licenciamento em atraso gera a remoção do veículo ao pátio. Além disso, o proprietário recebe multa de R$ 293,47 e sete pontos na habilitação porque conduzir veículo que não esteja devidamente licenciado é infração gravíssima, conforme prevê o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Pagar o licenciamento em atraso também gera a cobrança de multa e juros de mora. Caso não seja feito, o dono do veículo pode ter o nome inscrito no Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados (Cadin) e na dívida ativa do Estado pelo débito em aberto.

Lembrete de licenciamento – Para facilitar a vida dos motoristas, o Detran.SP oferece uma comodidade: o envio de alerta de vencimento do licenciamento. Quem quiser ser lembrado 30 dias antes é só cadastrar o celular no portal detran.sp.gov.bre autorizar receber o aviso via SMS ou notificação push por meio do aplicativo do Detran.SP para smartphones.

Cronograma oficial – No Estado de São Paulo, o calendário anual obrigatório começa em abril e vai até dezembro, de acordo com o final de placa do veículo. Confira o cronograma na tabela abaixo:

Calendário obrigatório de licenciamento 2018
Todos os veículos, exceto caminhões
Final de placa Mês obrigatório
1 Abril
2 Maio
3 Junho
4 Julho
5 e 6 Agosto
7 Setembro
8 Outubro
9 Novembro
0 Dezembro
Veículos registrados como caminhão
1 e 2 Setembro
3, 4 e 5 Outubro
6, 7 e 8 Novembro
9 e 0 Dezembro

Guia de Usados: Chevrolet Vectra GT

A grade dividida pelo friso pintado identifica a linha 2009 Marco de Bari/Quatro Rodas

Ao cogitar um hatch médio usado que seja confiável, robusto, confortável e barato, muita gente deve pensar no longevo Chevrolet Astra – e acabam se esquecendo do Vectra GT, um modelo mais moderno, mas com conjunto mecânico bem parecido.

De vida curta, ele trouxe a reboque uma polêmica que já envolvia o Vectra sedã: ser na verdade um Astra europeu modificado para entrar em uma categoria superior – o Astra antigo continuava à venda por aqui, e ambos seriam descontinuados quase ao mesmo tempo, no final de 2011.

Com menos de R$ 25 mil, hoje você pode adquir (se encontrar) um ano 2008 topo de linha, equipado com ar digital, sensor de chuva, retrovisores rebatíveis eletricamente e GPS . Só não espere muito do consumo. Em nosso teste, o hatch registrou 5,6 km/l na cidade, com álcool, e 8,7 km/l na estrada.

Traseira é idêntica ao do Astra europeu de 2004 Marco de Bari/Quatro Rodas

O Vectra hatch foi lançado no Brasil em setembro de 2007, já como linha 2008. Havia duas versões: a GT e a topo-de-linha GT-X, e apesar da nomenclatura só tinham vocação esportiva no estilo.

O motor 2.0 flex de 128/121 cv (o mesmo de Astra e Zafira) era de série para as duas, assim como airbag duplo, ar digital, alarme, trio elétrico, lâmpadas que imitam xenônio (Blue Vision) e GPS portátil.

A GT-X ganhava ainda freios ABS, CD player com MP3 e controle no volante, rodas de aro 17, antena tubarão, sensor de chuva, computador de bordo, piloto automático e retrovisores escamoteáveis eletricamente. Entre os opcionais, havia o câmbio automático de quatro marchas para as duas versões e ABS e sensor de chuva só para a GT.

Airbag duplo e ar-condicionado digital vinham de série em ambas as versões Marco de Bari/Quatro Rodas

Em março de 2009, a GM deu uma leve reestilizada no hatch, incorporando a nova cara do sedã, como a grade dividida por um friso com o logo Chevrolet sem o aro em volta, para-choques e faróis redesenhados e novas rodas. Batizada de Remix, a linha 2009 passou a ter faróis com máscara negra e lâmpadas Blue Vision.

O 2.0 subiu para 140/133 cv, com a troca dos coletores e do comando de válvulas. Com torque de 19,7 mkgf a 2.600 rpm, ele acelera mais rápido e bebe menos (o consumo foi para 6,8 km/l na cidade e 9,9 km/l na estrada) que o anterior. Além disso, a suspensão do GT-X ficou mais justinha, com pneus 215/45 R17 e amortecedores recalibrados.

Fuja da roubada

Cuidado com volante e bancos forrados de couro que parecem ser originais de fábrica. Para reconhecer o original, uma das dicas é a ausência do logotipo gravado no encosto. Se tiver a marca, saiba que os bancos estarão fora da garantia de fábrica.

Continua após a publicidade Painel do GT-X tinha forração de couro Marco de Bari/Quatro Rodas Hatch tem entre-eixos 9 cm menor que o Vectra sedã, reduzindo o espaço para as pernas Marco de Bari/Quatro Rodas

Onde o bicho pega

Caixa de direção – Há vários relatos de ruídos causados por folgas no pino da caixa de direção. Para resolver de vez, só trocando o conjunto inteiro.

Ignição – Um problema crônico – que foi até tema da seção Autodefesa de abril de 2009 – é a chave que trava dentro do tambor da ignição. Se estiver na garantia, a melhor solução é trocar o tambor.

Embreagem – Comum mesmo em veículos com menos de 10.000 km, a embreagem costuma apresentar trepidações e até desgaste de disco e platô, tendo de ser substituída nesse caso. Por isso, teste a embreagem antes da compra.

Vidros elétricos – O sistema elétrico pode apresentar panes que fazem as janelas abrir por conta própria. Segundo técnicos da GM, é preciso trocar o atuador, que não chega a custa mais que R$ 150.

Faróis de neblina – Uma pane elétrica no módulo Multi Timer pode provocar o acendimento involuntários dos faróis, descarregando a bateria. A solução é substituí-lo na concessionária.

Porta-malas comporta 345 litros Marco de Bari/Quatro Rodas

A voz do dono

“Meu GT-X automático é ótimo. Confortável, potente, estável e dono de um câmbio exemplar. Considero o mais bonito da categoria e na faixa de preço.

Só lamento a vibração crônica da polia do alternador dos automáticos, quando o câmbio está na posição D ou R (somente com o ar ligado). Por enquanto a Chevrolet não se manifesta sobre uma solução.

– Wilson Romano Calil Filho, 28 anos, médico, São Paulo (SP).

O que eu adoro – “O carro é sensacional na questão de motorização e conforto. E o design é nota 10. Ainda tem vários mimos, como Bluetooth e sensor de chuva, entre outros.” – Raphael Curvo, 32 anos, geneticista, Rio de Janeiro (RJ).

O que eu odeio – “O acabamento de plástico poderia ser melhor. Outro problema é a perda de potência do motor em algumas faixas de giro, devido a uma folga na guias de válvulas.” – José Ricardo Silveira, 18 anos, estudante, Cuiabá (MT).

Design já tem 10 anos, mas envelheceu com classe Marco de Bari/Quatro Rodas

Nós dissemos… setembro de 2007

“O Vectra GT tem a traseira do Astra europeu, lançado em 2004. (…) Sob o capô, o GT leva o mesmo 2.0 Flexpower, com 121/128 cv, que equipa a linha Astra e Zafira (…).

Confrontado com o Vectra manual que medimos em outubro de 2005, em seu lançamento, o GT se mostrou algo tímido.

Apesar de ser 52 kg mais leve – e manter as relações de marcha do sedã -, ele foi apenas 5 décimos mais rápido no teste de aceleração, levando 11 segundos para chegar aos 100 km/h. E seus números de retomada ainda foram ligeiramente piores que os do sedã.”

Preço médio dos usados (FIPE)

2008 2009 2010 2011
Vectra GT 2.0 M/T R$ 24.087 R$ 25.825 R$ 27.763 R$ 29.500
Vectra GT 2.0 A/T R$ 24.781 R$ 26.002 R$ 28.208 R$ 30.658
Vectra GT-X 2.0 M/T R$ 24.928 R$ 25.980 R$ 28.381 R$ 31.747
Vectra GT-X 2.0 A/T R$ 26.143 R$ 28.446 R$ 30.193 R$ 32.819

Continua após a publicidade

  • carro usado
  • guia de usados
  • hatches médios

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*