A força de Nérida Cocamáro na luta contra o racismo

Jun 12, 2017   //   by Jean Mello   //   Blog  //  No Comments
Imagem: Fer Veloso

Imagem: Fer Veloso

Infelizmente, depois de inúmeras provas estatísticas, midiáticas e históricas, no Brasil e no mundo, uma multidão insiste em afirmar que o racismo está apenas na mentalidade dos negros.

Nunca consegui naturalizar estes ocorridos, não que seja minha tentativa, ativar um mecanismo cerebral para não mais refletir e agir quando anônimos ou famosos são acertados em cheio por atos racistas ou preconceituosos, “iluminados pelas luzes da racionalidade” ou da ignorância. Tentam colocar o negro em lugares de inferioridade cultural. O preconceito é curado por doses homeopáticas de educação de qualidade. Mas e o racismo?

No final do mês de maio e nestas primeiras semanas de junho, Nérida Cocamáro foi atingida por comentários racistas nas redes sociais. Uma das personalidades que enviou seu relato ao portal Inspirando Sonhos, denunciando o racismo institucional nas passarelas do mundo da moda e, ao mesmo tempo, compartilhou sua linda trajetória pessoal, profissional e de engajamento com causas sociais.

Piadas ofensivas, com máscaras de engraçadas, mas que machucaram não só a Nérida. Existem os que culpam a iluminação da foto, ou não iluminação. Porém, nada justifica o que foi dito e não pode ser apagado. Confira o post de Nérida e tire suas próprias conclusões.

O racismo não pode ser justificado por nada. Arrumaremos justificativas para amenizar como ele se manifesta contra as crianças negras? Como explicar o fato dos jovens negros serem extirpados por conta do genocídio? Alguém consegue fazer isso com êxito? Podem tentar, com falas “convincentes”, mas não caio nessa. Não só eu… Olhe o perfil de Nérida no Facebook e verá quantas pessoas foram contra todas as perversidades reveladas nos comentários. A discussão não cessa e não terá fim tão cedo.

Enquanto a população negra estava predominantemente em profissões socialmente consideradas subalternas, em nada incomodava. Era como se não existíssemos e sempre tivéssemos aceitado a violência escravocrata que, em pleno século XXI, ainda não foi abolida completamente. Sempre resistimos e ainda continuaremos, enquanto for necessário.

Nérida simboliza as princesas e rainhas de todos os tempos, apagadas pela história dita oficial. Não adianta tentar apagar. Reis e rainhas sempre ressurgem.

We are Queens

Conheci o trabalho dela ao escrever um post sobre o rap de Real Tegê. Depois disso, o portal Inspirando Sonhos resolveu convidá-la a falar de sua história. Diferente de outros artistas, embriagados pelos holofotes midiáticos ilusórios, Nérida respondeu ao convite no dia seguinte, mesmo com a agenda tomada de compromissos.

Ela coleciona participações em campanhas publicitárias de marcas consagradas: Adidas, Fila, Skol. Em sua juventude alcançou o que é esperado para toda uma carreira. Destaque por sua postura. Rouba a cena em todos os lugares por onde passa.

Ainda ouviremos falar muito dela em todas as mídias, sobretudo nas passarelas do mundo. Não só as da moda, mas as do engajamento social e na luta contra o racismo. Ela não está no grupo dos que resolveram se calar. Voe Nérida, mesmo com todo esse ódio contra você, continue brilhando nos desfiles da vida. Tem muita gente que te apoia, inclusive nós do portal Inspirando Sonhos!

Related Post

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • Digg
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Comentários Facebook

Leave a comment

CommentLuv badge


Colabore

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 2.5 Brasil.
Email
Print
Read previous post:
“Liberdade para todas as idades”

às margens plácidas do nosso Brasil colonial hoje escrevo mais que poesia ou prosa construo minha própria história Parque da...

Close